A conversa sobre paternidade é uma das mais importantes do nosso tempo. Venha para o PAI: Os desafios da paternidade atual, discutir e colocar em prática o tema.
Compre já o seu ingresso!

Ideias para transformar sua casa em um lugar fantástico de viver

Vamos expandir a beleza interior no mundo!

Alô, moçada, cheguei!

Retomando nossos textos sobre arquitetura e interiores, hoje o bem terá a sua vez. Sim, meu nobre truta. O que ontem foi cilada, hoje será coisa linda de se ver.

Antes de comerçarmos com algumas boas ideias para deixar sua casa fanstástica, é importante ter em mente que, assim como venho falando sobre a vestimenta, a sua casa também está constantemente se comunicando com as pessoas e também pode afetar seu estado de espírito.

Explico.

Alguma vez na vida você já deve ter ouvido falar que cores influenciam emoções, certo? O fato é que o resultado das pesquisas que temos por aí é misto e, às vezes, contestado. Mas existe um ponto de comum acordo: se você tiver repetidamente uma experiência particular com determinada cor, eventualmente começará a associá-la com o modo com que costumava se sentir ou se comportar naquele momento.

Por exemplo: por via de regra, na nossa época escolar, as provas eram corrigidas com certo ou errado. Geralmente, a caneta usada para marcar aquele X da desgraça era a vermelha. Pensando, no mínimo, foram quinze anos que você passou associando o vermelho com uma situação de perigo ou desconforto. Seu cérebro começou a assimilar esta mesma cor com situações que exigem mais atenção, gerando uma certa ansiedade.

Para exemplificar o contrário cito o azul, como a cor do mar ou a cor do céu. Quando vamos à praia, por exemplo, geralmente é para curtir, tomar aquele sol, dar um bizu tranquilão. Pensando assim, nosso cérebro passa a associar esta cor com momentos mais tranquilos e calmos. Mas obviamente que se você passou 5 anos em um cativeiro de parede azul, a emoção será outra. Enfim, você entendeu a lógica.

Além das cores, o tamanho e o espaço também influenciam o humor do habitante. Um estudo publicado pelo InformeDesign constatou que as pessoas são mais mais criativas, focadas e bem humoradas em salas com tetos mais altos.

Ok, encontrar um apê com pé direito duplo pode ser difícil, mas a proximidade com plantas também pode melhorar seu humor, concentração e memória, uma vez que a presença de elementos da natureza tendem a diminuir o estresse.

Cor, altura, natureza. Esses são alguns fatores que influenciam a sua morada e, consequentemente a sua pessoa.

Conceito entendido, movemos para a parte prática deste artigo: ideias de como transformar sua casa em um lugar extraordinário de se viver:

1. Mandando para o inferno quem disse que o seu teto deve ser sempre branco

Tá, antes de mandar o branco pro inferno é bom ter em mente alguns conceitos.

Pintar paredes e tetos de branco (ou cores claras), de fato, dá impressão de um ambiente amplo. Mas nem só de imensidão vive o homem, não é mesmo?

Antes de continuar, encontrei na terra de ninguém uma imagem conceitual interessante:

Fonte: Revista Minha Casa (julho/2011) e Revista Construção do Começo ao fim (2013)

Pronto, agora sim!

A partir deste momento, você já sabe o efeito que cores escuras e claras irão provocar no ambiente e isso significa que você, e mais ninguém, está no controle da sua felicidade. A escolha da cor, como falei lá no começo do texto, é pessoal. E calma, você não está removendo um rim. Se ficar puxado, é só passar branco e tentar novamente.

Antes de começar o show de imagens, contarei algo particular que pode te ajudar a pensar em qual cor e tipo de pintura escolher.

Há uns dois anos, eu e meu marido fizemos uma viagem pra California. Voltamos com uma pegada meio obsessiva. Sim, viramos os loco da casa de praia.

Nossa empolgação foi tamanha que compramos um balde de tinta e pintamos metade da parede do apartamento que morávamos de azul:

Sim, deixou nosso apê - que já era meia porção de quase nada - um pouquinho menor, mas cara... como nos sentíamos felizes ali dentro!

Hoje não moramos mais ali, mas nossa pegada californiana continuou no apê atual, que mostrarei jajá. O que quero dizer aqui é: amigo, se existe uma cor ou algo que te transmita uma sensação boa, confia. Vai na fé e não na opinião dos outros.

Conselho do He-man dado, seguimos para o show de imagens inspiradoras:

 

Leu até aqui, observou as imagens e não está convencido que a pintura é a melhor saída para deixar sua casa com mais personalidade?

Sem problemas.

2. Revestimentos de parede (ou teto)

Uma outra solução para deixar suas paredes e/ou teto cabulosamente maravilhosos é revestir com materiais próprios para áreas internas, como madeira, mármore, tijolos, pastilhas, papel de parede, cimento queimado, pedras, enfim, uma infinidade de opções.

Para te ajudar na escolha do material, abro um parênteses aqui para retomar a história do meu apê de onde parei. Bom, nós vendemos aquele apartamento e mudamos para o novo. Mas sabe  como é, né... o negocio do mar ficou enraizado.

Só que dessa vez eu queria fazer algo novo. Eu queria um barco (ou algo que lembrasse um). E foi depois de muito observar que tive a ideia de revestir uma parede aqui de casa com lambri:

O resultado:

Conselho do He-man 2: as coisas sempre terão a importância que damos a elas. Portanto, faça coisas que se identifiquem com você!

Se você for na onda da moda, existe uma grande chance da sua casa parecer uma loja de decoração, ao invés de um lar. Entenda seus gostos. Um All Star nunca será um Onitsuka Tiger (e vice versa).

Algumas inspirações:

Lambri branco com madeira cor natural. Não tenha medo de contrastes:

Obs.: Se você não quiser comer pó, adicione um armário para os pratos.

Rústico elegante. Os lambris também podem ser pintados:

A cor natural da madeira junto com o azul ou verde do lambri pintado podem deixar um ambiente limpo, calma e acolhedor:

Rústico sim, tosco jamais! Toda assepsia será castigada. Quanto mais história um ambiente nos remete mais aconchegante e divertido ele se torna:

O grande coringa de todo ambiente viril/estilo/bruto/aconchegante, o consagrado tijolo a vista! Infalível meu amigo, infalível:

 

Parede revestida, partimos para o próximo tópico:

3. PLANTAS! (que não precisam necessariamente vir do chão)

Irmão, essa é a sua chance de montar um ambiente selvagem e conquistador.

Tá, beleza, nem todo mundo tem uma casa monstra (tão monstra que a rede de ponta a ponta nem incomoda), mas é possível trazer um pouco da natureza para dentro do seu iglu.

Mas qual planta dá para ter em casa?

A melhor opção são as plantas de sombra, como filodendros, columéias, antúrios, samambaias, begônias, entre outras. Ah, para de ser preguiçoso e tome cinco minutos do seu tempo pesquisando qual raio de planta quer ter em casa.

Dica: se você for do tipo esquecido, a Espada de São Jorge é para você. O trem não morre, sério.

Abaixo algumas inspirações:

Dica He-man 3: Não ser óbvio é sempre mais divertido!

E chegamos ao fim de mais um artigo!

Passou por alguma experiência ao decorar sua casa? Escreva aqui nos comentários. =)

Vamos expandir a beleza interior no mundo!

Ah, como não poderia faltar, no insta da Conto, minha marca de moda masculina, vira e mexe postamos inspirações de arquitetura e interior:

 

A post shared by Conto Figueira (@contofigueira) on

Link Instagram

Até a próxima!


publicado em 04 de Maio de 2018, 00:00
Camilapdh jpg

Camila Simielli

Proprietária da marca masculina Conto Figueira.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura