Como acumular milhas com cartão de crédito para viajar de graça

Victor Lee

por
em às | Aventuras e celebrações, Listas, Trabalho e negócios


Os programas de milhagem recompensam viajantes que frequentemente utilizam os serviços da mesma companhia aérea ou suas parceiras, premiando com passagens grátis ou outros prêmios.

Quer saber como acumular milhas Smiles suficientes para ir para Europa ou Estados Unidos sem precisar voar sequer uma única vez? Use as premiações de cartão de crédito.

Esclareço que não sou funcionário da Varig/Gol e não ganho nada em promover o programa Smiles ou incentivar compras pelos parceiros. Estou recomendando pois na minha experiência esse é um dos meios mais simples de viajar de graça. Ou seja, esse não é um texto patrocinado, mas aproveito para compartilhar uma das dicas de meu livro, fazendo um jabá pessoal.

Minha experiência voando de graça

Não sou nenhum profissional de milhagem – existem caras que utilizam milhas para ganhar (muito) dinheiro, comprando milhas e vendendo passagens. Para mim, apesar dessa ideia ser interessante, não compensa pela quantidade de horas que deve ser investida em tornar o comércio de milhas em um empreendimento lucrativo. É necessário interagir com muita gente, algo complexo e demorado.

O que compartilho, neste artigo, é um conjunto de pequenas práticas em minha rotina que me permitiram emitir três passagens de ida e volta entre Brasil e Europa totalmente grátis, por meio do programa Smiles. E já tenho milhas suficientes para emitir uma quarta passagem. Como essas passagens custam no mínimo dois mil reais, já ganhei benefícios de oito mil reais apenas mudando alguns pequenos detalhes do meu estilo de vida.

Todas as dicas abaixo fazem parte do livro interativo A Arte de Viajar de Graça, que estou oferecendo como bônus aos compradores do Guia do Viajante Conquistador.

“Sr. Victor, sua massagem está agendada para 30 minutos de voo, tudo bem?”

1º passo: obter cartão de crédito parceiro Smiles

Se o seu cartão de crédito atual não está em nenhum programa de milhagem, cancele e procure um cartão novo que tenha parceria Smiles. Existem dois critérios a serem analisados: a quantidade de milhas que você ganha logo ao se inscrever no programa e a quantidade de pontos acumulados a cada dólar gasto.

2º passo: mude seu estilo de realizar compras

Coloque absolutamente todas as suas despesas no cartão. A padaria da esquina não aceita cartão de crédito para vender pão, queijo e presunto? Então faça suas compras em maior lote no supermercado. Cada nota de dinheiro ou cheque assinado que sai de sua carteira é uma milhagem perdida.

Repare que apesar de alguns cartões permitirem o pagamento de contas de luz, energia e outros, esse tipo de operação não reverte em milhagem. Portanto, não desperdice seu crédito com elas. Antes de pagar esse tipo de conta no cartão, pergunte na central de atendimento se a operação acumula milhas.

Se você quiser radicalizar ainda mais, ofereça para pagar a conta da mesa inteira de um jantar e colete o dinheiro que seus colegas deixarem. Faça isso com tudo. Se seus pais estão comprando uma geladeira, peça que eles depositem o cheque na sua conta para você pagar no seu cartão. Não desperdice nenhuma oportunidade de gastar dinheiro no cartão: vale milhas!

Alguns cuidados

Um aviso importante: essa história de sair pagando conta dos outros e embolsando o dinheiro (que deve ser mantido para que você consiga pagar a fatura do cartão depois sem ficar endividado) pode dar problemas fiscais e contábeis. Imagine que você tem uma renda oficial de dois mil reais mensais, por conta de salário registrado. Como explicar que todo mês você está pagando vinte mil reais no cartão de crédito? Isso vai acionar o radar da Receita Federal e você será chamado para se justificar.

Por isso, use a dica de pagar a conta dos outros com moderação. Entre amigos, ocasionalmente, eu costumo pagar a conta da mesa para facilitar a divisão de despesas. Meus amigos sabem que eu coleto milhas e não se importam, pois só querem jogar as notas de dinheiro na mesa e ir embora. Eles não coletam milhas e nem possuem cartão de crédito. Para eles, o que vale é a praticidade e, como bons amigos, querem me ajudar.


Para viajar de graça, que tal se disfarçar de piloto igual fez Frank Abagnale Jr. (o cara do filme “Catch me if you can”)?

Se você for extremista, o tiro pode sair pela culatra. Eu lembro de um americano seboso que “organizava jantares” sempre que nosso grupo de amigos se encontrava em alguma capital europeia. Para mim, que sou rato de milhagem, era muito claro o que ele estava fazendo: ele insistia que todos pagassem para ele em dinheiro… enquanto ele ia até o caixa e pagava no cartão de crédito.

Enquanto ia para o banheiro, passei por ele diante do caixa e ele quis fazer uma brincadeirinha irônica dizendo “Oh, coitado de mim, olha só, to pagando uma conta de novecentos euros!”. Olhei seriamente para ele e falei: “É, coitado mesmo, deve ser horrível receber milhagem de novecentos euros”.

Nem preciso dizer que ele ficou com uma cara de criança pega no flagra. Certamente eu não era o único que sacava o esquema. Todos silenciosamente concordávamos que era uma situação patética.

3º passo: dê preferência a parceiros Smiles

Visite a página de Parceiros Smiles para memorizar todos os serviços que rendem milhas e mude o estilo de vida atual para apenas comprar com esses parceiros.

Por exemplo, use a Americanas para comprar chocolate, CD, DVD ou livros na hora de presentear alguém. Você ganha na praticidade em fazer a compra sem sair de casa e ainda ganha milhas adicionais (milhas do cartão de crédito + milhas do Parceiro Smiles).

Pode também organizar vaquinhas no seu trabalho para presentear secretárias e outras colegas também com esse esquema. Assim, seus colegas ficam contentes em ter você como o cara que organiza tudo e você coleta a grana de todos, gastando em seu cartão.

Havia uma época em que o sistema do Smiles devia ter algum defeito, pois o restaurante Quattrino em São Paulo dava 100 milhas para cada refeição realizada. Ao comer um simples macarrão de 20 reais, eram 100 milhas depositadas. Uma abundância: como era local próximo de nosso trabalho, íamos todos almoçar praticamente todos os dias. Só o fato de comer nesse restaurante deve me ter rendido umas duas viagens de ida e volta para a Argentina.

Se você assina revista Veja ou jornal, também não perca a oportunidade de ganhar milhas, pois é uma das atividades que mais rende milhagem. E caso seus pais assinem a revista ou o jornal, ofereça a fazer a assinatura em seu nome, ganhando as milhas.

Truques sujos para ganhar mais milhas

Muitas vezes recebo pergunta sobre se seria possível fazer uma assinatura de dois anos de revista Veja ou de jornal para receber as milhagens… e, uma vez com as milhas embolsadas, cancelar a assinatura.

Eu nunca fiz isso e não sei responder, mas não me parece ser um procedimento correto. Talvez por causa de tentativas de alguns poucos caras que jogam sujo, todos os demais consumidores acabam sendo penalizados: como justificar tanta reclamação sobre demora no crédito das milhas? Alguém mais cínico poderia dizer que a demora é proposital da Editora Abril para evitar esse tipo de prejuízo.

“Então você tem muitas milhas, é? Aqui está meu telefone…”

Também tinha uma época em que postos da Petrobrás davam milhas. Para colocar lubrificantes ou aditivos, a quantidade de milhagem era altíssima. Esse sistema era falho, pois quando você sempre colocava gasolina no mesmo posto e fazia amizade com o frentista, ele dava sempre um jeitinho de computar a sua gasolina comum como se fosse lubrificante ou algo que rendia cinco vezes mais milhas. Essa falha foi descoberta e não pode mais ser explorada. E mesmo que ainda existisse, não recomendo esse tipo de operação.

Quando tiver dúvida, sempre entre em contato com o serviço de atendimento que poderá indicar como obter uma cópia do contrato ou regulamento explicando detalhadamente as regras de crédito de milha. Nem sempre uma ideia criativa é proibida por lei ou contrato (como no caso de pagar a conta do jantar com amigos no cartão e embolsar a grana da divisão de despesas).

Ao final, dois cuidados importantes:

Não acumule dívidas!

Eu nunca tive esse problema por ser muito organizado, mas sei que pode acontecer de algumas pessoas errarem a dose de gastos do cartão, gastando mais do que podem pagar ao fim do mês.

Nunca, em hipótese alguma, cometa essa atrocidade. Os juros do cartão de crédito são absurdamente mais altos do que qualquer possibilidade de investimento. Quando você está devendo dinheiro para pagar o cartão no mês seguinte, você apenas empobrece. Pague sempre a totalidade da fatura e se não tiver certeza de quanto já gastou, use a Internet ou telefone para saber qual o valor parcial antes de sair gastando mais.

Conrado Navarro, amigo, educador financeiro, autor do livro Vamos Falar de Dinheiro? (Novatec) e fundador do Dinheirama, lista algumas armadilhas dos cartões de crédito e dá dicas para evitar seu uso indiscriminado:

  • Seu cartão de crédito não é um segundo salário. Assim, use-o como uma ferramenta, não como uma solução para todos os seus problemas.
  • Aprenda a matemática básica das finanças pessoais. Gaste menos do que você ganha. Com o cartão, preste atenção aos dias em que sai com a família e com aquelas ocasiões onde está sem dinheiro (cédulas) na carteira. Corra para casa e esconda-se lá.
  • Lembre-se dos juros ao efetuar pagamentos atrasados. Quanto mais demorar a pagar, maior será sua dívida. Simples assim. Além disso, sempre acabam incidindo taxas adicionais e maiores complicações na obtenção de novo crédito no futuro. Evite transtornos pagando tudo em dia.
  • Não brinque com o limite. Na dúvida, peça por limites de crédito mais baixos. Evite esticar demais as possibilidades de gasto, pois as chances de dívidas e juros maiores se transformarem em pesadelo são igualmente proporcionais aos “abusos” que você pode cometer.
  • Não tenha vergonha. Se por acaso houver algum problema no pagamento da fatura, não hesite em telefonar para fazer um acordo. Quanto mais tempo se passar sem que você tome alguma providência, pior será a situação. Atitude é tudo!
  • Encare com seriedade seu orçamento doméstico. Use o cartão de crédito apenas em ocasiões onde ele é realmente interessante, lembrando de jamais rolar dívidas e pagar apenas a parcela mínima.

Para aprender mais sobre o cartão de crédito, confira suas vantagens, armadilha e características em um ótimo artigo do Dinheirama.

Voar de graça é uma questão de saber encontrar janelas no mundo.

Não fique apegado

O sistema de milhagem pode deixar qualquer um deslumbrado, pois é a melhor maneira de viajar na faixa. Porém a sua milhagem não é garantia. Na época da quebra da PanAm, muitos que tinham milhas acumuladas ficaram sem nada. E na época dos rumores de que a Varig poderia quebrar, muitos queimaram rapidamente as milhas que tinham, com medo da empresa falir e transformar as milhas em nada.

Quando aconteceu a possível quebra da Varig, eu ainda tinha algumas centenas de milhares de milhas acumuladas. E qual foi minha surpresa ao saber que em maio de 2006 não havia voo internacional disponível para minhas milhas! O motivo: quantidade de boatos sobre a falência + alta temporada de turismo na Europa + Copa do Mundo na Alemanha!

Só com muita insistência, desligando e ligando novamente até encontrar um operador que fosse prestativo e inteligente, é que conseguimos achar um voo que havia ficado livre.

Depois desse episódio, ainda continuei acumulando milhas. No período de 2008/2009, quando não havia voos internacionais Smiles, emiti algumas passagens para parentes e amigos voarem internamente pelo Brasil, para evitar que algumas milhas expirassem. Mas mesmo assim era muita milhagem que eu tinha acumulado ao longo da vida. Passou um tempo e a Gol fez parceria com a KLM e AirFrance. E assim eu emiti uma nova passagem usando as milhas que eu achava que tinha perdido. Ufa!

Conto esses episódios para dizer que, durante o jogo todo de acumular milhas, é importante estar emocionalmente desapegado sabendo que de uma hora para outra a empresa pode mudar as regras e deixar o passageiro sem nada.

Outra coisa a ter em mente é que as companhias limitam bastante a quantidade de assentos disponíveis para quem quer usar as milhas. Pode haver dezenas de assentos livres, porém apenas para quem vai pagar em dinheiro… e o atendente Smiles lhe diz que não há espaço para passageiros com milhas. Por isso é fundamental planejar com muita antecedência e ser flexível para desfrutar deste programa.

No livro A Arte de Viajar de Graça entro em mais detalhes sobre como evitar truques sujos da administradora do cartão de crédito, formas otimizadas de gerenciar milhagem acumulada e escolha estratégica das companhias aéreas e alianças para concentrar mais milhas onde há maior retorno.

Mais experiências com programas de milhagem?

Como o post já está longo, me ofereço a trocar ideias aqui nos comentários para as dúvidas sobre esse sistema de viajar através de programas de milhagem. E convido outros viajantes experientes a compartilhar mais dicas.

Victor Lee

É o embaixador europeu da PapodeHomem e está sempre de malas prontas para ir onde tem mulher bonita. É autor do "From Victor With Love - Diário".


Outros artigos escritos por


SEPARAMOS MAIS TEXTOS PARA VOCÊ CONTINUAR LENDO




O texto acima não representa a opinião do PapodeHomem. Conheça a visão e a essência por trás do que fazemos. Queremos uma discussão de alto nível. Antes de comentar, leia nossas boas práticas. Caso deseje enviar um texto e se tornar um autor, venha por aqui.


  • MauTk

    Dia 26 estarei voando para a Argentina utilizando somente milhas da TAM. Parte delas obtidas através do cartão de crédito, parte através de milhagens de vôos em classe executiva para a Alemanha…a trabalho!Sim, esse é mais um truque sujo. Maioria das empresas não exige as milhagens dos vôos dos seus funcionários. Até pouco tempo atrás, sempre que ia pra Alemanha a trabalho, eu pedia pra voar TAM, mesmo achando os aviões da Swiss Air bem melhores. Agora a TAM faz parte da Star Alliance, e nem isso é necessário. Posso endossar os pontos da Swiss Air ou Air France pra Lufthansa (ou voar Lufthansa direto), e resgatar na TAM! Nada melhor do que viajar de graça!

  • http://twitter.com/s2dwarfs Alex Rocha

    Nunca tinha pensado nisso, me atentado a isso…
    Adorei a ideia… vou começar a fazer isso devagar até me acostumar com o ritmo .. valeu!

  • Lucas Henrique (Rocco)

    Cara, sou teu fã!

    tu é o guru das viagens maracutaiadas… ahhahhaa …viaja mais que chá de cogumelo!

    Belo post, e belas dicas….pretendo fazer isso daí!

    alias, vo tb comprar teu guia…

    parabens

    abraços, e continue assim!

    Lucas

  • http://www.google.com/profiles/107341405893427601707 Alessandro

    Victor, sou correntista do BB e vi que posso solicitar um cartão Smiles dessa agência, porém eu nunca usei a operação de Crédito.
    Com um cartão Smiles eu recebo milhas também na operação de débito?
    Sei que é uma pergunta bem ignorante, mas gostaria de obter a resposta.
    Obrigado

  • Pingback: Tweets that mention Como acumular milhas com cartão de crédito para viajar de graça | Papo de Homem – Lifestyle Magazine -- Topsy.com

  • Anônimo

    O Smiles é melhor que o TAM Fidelidade? Por que a opção pelo Smiles? Há mais opções de companhias e viagens?

  • http://twitter.com/thalles19 thalles garrido

    me esclarece uma duvida… eu nunca voei de avião , por isso que to por fora a respeito das milhas de aviao.

    o que quero saber é se eu posso incluir o meu cartão de crédito neste programa de acumular milhas (Credicard mastercard universitario) ou se tenho que fazer um cartao cujo bonus seja o de acumular milhas para linhas aereas…tipo, se eu terei que fazer outro cartao de credito para acumular milhas

  • http://papodehomem.com.br/ Gus Fune

    Curti demais o texto, eu como ávido usuário de cartão de crédito e acumulador de milhas, vou fazer alguns adendos:

    -Tenho um amigo que até pra andar de taxi ele usa cartão. Como? Saca o dinheiro usando o cartão de crédito em um caixa 24h. Isso conta como milha dependendo do cartão.
    -Dependendo da renda, da pra pegar um cartão de crédito que da direito a Sala VIP. Pros VISA e Mastercard a renda mínima disso é de R$ 8.000; pro Amex é de R$ 6.000 e pro Diners é de R$ 3.000 (mas n tenho ctz se esse acumula milha).
    -Eu particularmente utilizo o cartão Amex pra quase tudo. Pra mim a grande vantagem é que cada dólar gasto = 1 ponto no programa membership, que depois posso trocar por 1 milha em umas 10 cias aéreas, incluindo AA, TAM e Gol. Ou seja, com um único cartão de crédito, eu acumulo milhas em diversas companhias e depois apenas troco as milhas pra qual acho melhor viajar.
    -Inclusive, acumular milhas sem se linkar a uma cia aérea é uma boa, já que volta e meia rolam promoções de passagens com metade da milhagem.

    E uma dica extra pra quem quer viajar pro exterior (sem gastar milhas) e pagando menos: a passagem de ida e volta, sendo a ida vindo lá de fora é sempre mais barato do que a ida saindo do Brasil. Tem muita gente que compra 2 passagens: uma só de ida pra fora e uma de ida e volta pro exterior. A primeira vez sai mais caro, mas todas as viagens seguintes pra fora sempre vão ser mais barato.

    • Guest

      Seu amigo deve pagar os juros do rotativo a cada saque.

  • http://fromvictorwithlove.com/diario Victor Lee

    Dicas valiosas, Gus!

    Não conhecia esse cartão que gera milhas ao sacar dinheiro vivo. Parece bem interessante (eu por exemplo detesto ter que sacar dinheiro, pois tenho a sensação descrita no texto de ver as milhas voando).

    Sobre o cartão que você possui, faça uma pesquisa de mercado e você pode achar até cartões que dão 1,35 milhas por dólar gasto (conforme um amigo meu informou). O meu cartão dá 1,25 e estou bastante satisfeito.

    Esse lance da empresa do cartão gerenciar as milhas e você pedir o saque é uma das mudanças de padrão que se aceleraram com a crise da Varig. Antigamente, a milha caia direto no Smiles como regra geral.

    Hoje, é o contrário: o mercado adota como padrão um programa próprio de milhagem e os bancos ficam tentando empurrar porcaria (caneta, jarra de vidro, brinquedo, cosmético…) para fazer o consumidor pegar esses prêmios de menor valor e que dão mais lucro para o banco. Tem sim a vantagem descrita de poder escolher a companhia aérea, mas é fundamental verificar com o banco as condições de saque (quantos dias demora, quantidade mínima de milhas para serem transferidas)

    O gerenciamento das milhas também se torna um pouquinho mais complexo, pois o usuário terá também que ficar de olho no vencimento das milhas dentro do sistema do cartão (prazo esse totalmente independente do prazo Smiles)

    Abraço!! E valeu as dicas – te aguardo aqui na Europa!

  • http://fromvictorwithlove.com/diario Victor Lee

    Legal saber que o post valeu para uma ajuda prática, Alex – escreva aqui depois sobre quaisquer dúvida que você tiver durante o processo e será um prazer dar uma força. Acho que é uma oportunidade imperdível!

  • http://fromvictorwithlove.com/diario Victor Lee

    Oooopa!!! Isso é bem verdade, Mau :D

    Na realidade, não é truque sujo não, e talvez (especulação minha) os programas de recompensa são exatamente para fidelizar os voadores frequentes que viajam a trabalho.

    Houve época em que eu trabalhava em SP e fazia muita ponte aérea para o Rio a trabalho. Essas milhas (que são diferentes das que eu menciono no post acima) me renderam muita viagem e até upgrade no cartão Smiles, quando a quantidade de milhas recebidas é multiplicada.

    Você que viaja a trabalho pode também consultar a lista de parceiros e dar preferência aos hotéis que dão milhagem tb!

    Abraço bro e boas viagens!

    • http://www.facebook.com/pdcgomes Pedro De Carvalho Gomes

      O truque de manter as milhas da empresa não é sujo. É simplesmente política da empresa pedir a milha pra ela ou não. E se eu fosse do RH da empresa deixaria a milha pro funcionário. Não deixa de ser uma forma de compensar o cara pelos deslocamentos e possíveis contratempos (desde distância da família a ida a lugares ruins). Só que a compra da passagem seria determinada pelo preço; ou seja, nem sempre o cara acumularia milhas na mesma companhia.

      Entre 2005 e 2006 acumulei todas as minhas milhas na Varig, inclusive voando parceiras da Start Alliance, tudo a trabalho. Assim como o Victor, me assustei com a possibilidade de falência da empresa, mas no final tudo deu certo, e devido à minha fidelidade ganhei um upgrade automático na minha conta.

  • http://fromvictorwithlove.com/diario Victor Lee

    Faaaala Lucas! Obrigado e depois você me dá a sua opinião sobre o Guia! Ainda estou criando novos materiais bônus para enviar para a galera!

    Se você tiver sugestões de pauta ou qualquer pergunta, é só mandar!

    Abraço bro!

  • http://fromvictorwithlove.com/diario Victor Lee

    Alessandro, não tem isso de pergunta ignorante não cara.

    Até poucos anos atrás eu tinha as mesmas dúvidas que vc.

    De todos os cartões que conheço, apenas os de crédito é que rendem milhagem quando são parceiros Smiles. É que a empresa de cartão de crédito fatura muito nas operaçoes por conta de comissão sobre os vendedores e principalmente aposta que você, consumidor, vai se atrapalhar nas finanças e gastar mais do que poderá pagar no fim do mês.

    Quando você entra nesse vermelho, é a situação ruim que o Navarro descreveu no artigo e você paga um valor absurdo. Sendo um correntista que nunca usou cartão de crédito, te aconselho ser super cauteloso e verificar de tempos em tempos pelo telefone ou ebanking quanto está a sua conta, evitando se endividar.

    Abração!

  • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

    Victor,

    Eu sempre paguei no cartão de débito, sempre à vista. Nunca parcelei nada. Acho legal parcelar só grandes coisas, como carro e apartamento. Fora isso, só compro quando tenho a grana.

    Até que no começo do ano mencionei para minha gerente no Banco do Brasil e ela me disse que ela mesma sempre usava crédito por causa dos pontos. ;-) Então agora de vez em quando passo no cartão de crédito, mas ainda não usei os pontos pra comprovar o milagre. Acho muito louco esses esquemas.

    Só agora que vou viajar bastante é que vou precisar, mas pra mim compensou o programa da própria Delta, que tinha preços melhores e os melhores voos pra mim. Depois pretendo usar o Smiles, com certeza.

    Valeu!

  • http://www.facebook.com/pdcgomes Pedro De Carvalho Gomes

    Gus, eu sou um pouco vacinado sobre milhagem e cartão de crédito, então vou comentar seu post
    - Saque de dinheiro: realmente é possível sacar, mas geralmente você paga por isso. No meu cartão você paga exatamente o proporcional ao juros do cartão. Se for saque internacional, você ainda paga uma taxa de 4 dólares por saque.
    - Sala VIP é uma bobagem na minha opinião. O Smiles só tem em 2 aeroportos, se não me engano (Guarulhos e Galeão). Mesmo participantes Ouro/Diamente não podem acessar a sala VIP dos parceiros. A sala VIP tem no máximo uns 3 velhos, e uns lanchinhos. E você não fica lá por mais que 15 minutos. Pode até ser um conforto extra, mas não vale gastar nada nela.
    - Não se ligar a uma única companhia aérea é o jeito mais fácil de não juntar milhas suficientes em nenhum programa. Eu “preferencialmente” acumulo milhas no Smiles. E quando não dá, acumulo em outros programas.

    E por falar em milhas Smiles… tenho 20.000 paradas. Alguém quer comprar?

    • http://www.facebook.com/profile.php?id=100002872814403 Leandro Dal Farra Topal

      Opa. 20 mil milhas dá pra ir pra onde? Onde acho ma tabela de destinos das milhagens?
      E quanto você quer pelas 20 milhas? hehehehe

  • http://www.facebook.com/pdcgomes Pedro De Carvalho Gomes

    Alessandro: o Banco do Brasil tem um programa próprio de fidelidade chamado “Ponto pra Voce”. Nele você ganha pontos, revertíveis ao Smiles ou Tam Fidelidade (ou troca de produtos), sempre que usa algum serviço, como cadastro de débito automático em conta, compra com débito ou contratação de crédito. Consulte as condições deles

  • http://desfoque.wordpress.com/ Lucas

    Eu acho tudo muito legal, essas paradas, e tudo que é de graça é infinitamente mais gostoso.

    ENTRETANTO

    Eu não tenho a mínima paciência pra me enfiar nesses programas de fidelidades, entender as lógicas esquisitas, navegar em sites porcamente organizados (o do Smiles é um lixo) e perder muito tempo fazendo cadastros, resgates, gerenciando pagamentos e mais uma pá de coisas em troca dos pontinhos. Acho justo que quem se esforça pra gerenciar tudo isso acaba ganhando, mas acho a maioria desses programas chato e cansativo. De qualquer forma, tô acompanhando meus pontos nos dois cartões e quem sabe, um dia, daqui há anos, eu consigo dar um pulinho ali na Argentina totalmente grátis.
    Promoção de cartão boa é aquela tipo do McDonalds que você ganha a casquinha se pagar no Visa hahahahaha

  • http://fromvictorwithlove.com/diario Victor Lee

    Faaala Pedrão!

    Vamos montar uma mesa redonda aqui! :D

    Sobre o tema do saque, cada cartão é diferente.

    No meu caso até pouco tempo (Unibanco Visa Platinum) eu sempre saquei grana nas ATMs da Europa e nunca paguei taxa.

    Até que um belo dia… me aparece umas taxas de cobrança de saque, do nada! Fiquei com aquela cara de WTF.

    Liguei para infinitos operadores do atendimento a clientes, sempre mandando uma bronca NERVOSA. Me passaram de um atendente para outro, leram as letras miúdas do contrato e constataram que de fato não cabia a tal taxa.

    Porém, quando saco dinheiro no Brasil, em reais, acontece sim a cobranca (legítima) da taxa que vc mencionou – e bem salgada!

    Concordo com a bobagem da sala vip smiles.

    Sobre o terceiro ponto, vai depender muito. Pelos dois últimos anos, eu andei acumulando sem me filiar a nenhuma companhia, deixando tudo na mão da operadora. O foda é ter que gerenciar para não deixar expirar e por isso criei meu sistema para não tomar preju.

    Quanto quer nas suas milhas? :D

    Ano passado, eu tinha umas 40.000 que também estavam para expirar e daí resolvi emitir uma passagem de presente para parente, e emiti também uma outra para um brother, por algo tipo 80% do valor.

    • http://www.facebook.com/pdcgomes Pedro De Carvalho Gomes

      Fala Victor,

      Estou querendo 800 nas 20.000 milhas. Na verdade eu já as tinha vendido pra um conhecido por esse valor e emitido a passagem. Só que o cara teve que cancelar o voo e voltaram pra minha conta. Então o cara quer os mesmos 800 que me pagou ano passado, mas que eu torrei devidamente na Letônia, Estônia e demais lugares que fui em julho do ano passado. hehehe

  • http://fromvictorwithlove.com/diario Victor Lee

    Wilian, a minha experiência com o Smiles é de longa data pois na época a Varig era a líder de mercado, na parceria com Star Alliance. Por isso continuo até hoje com a Smiles.

    Naquela época, a TAM tinha um lance de “voa 10, ganha 1″, que era facílimo e excelente. Como vê, as regras do jogo mudam muito (meu último comentário do post).

    Para o brasileiro, acho que essas são as duas melhores opções. Outras (por exemplo British Airways) são um lixo: voei trocentas vezes em intercontinental USA-Brasil-Europa e as milhas que tenho não servem nem para ir pra esquina.

  • http://fromvictorwithlove.com/diario Victor Lee

    Legal – conheço bastante gente como vc, Gitti.

    O que te proponho é o seguinte: use o cartão de crédito como eu, sem NUNCA entrar no crédito em si. Mantenha a grana separada ou na conta corrente ou em uma aplicação de livre movimento, e quando chegar alguns dias para o vencimento, pague o valor integral.

    Desse modo, meu cartão de crédito é praticamente um “cartão fiado” para pagar mais tarde.

    O único lance chato é ter que pagar a anuidade do cartão. Para isso, eu tinha um outro truque que hoje em dia não tem funcionado direito (e também parei de tentar usar simplesmente por falta de tempo):

    - como eu sempre fui excelente cliente (contas altas e sempre pagas na íntegra), tinha um bom histórico no cartão.

    Daí, quando vinha a anuidade, eu telefonava e falava que o valor da anuidade era um absurdo e exigia o cancelamento (blefe). Me repassavam para três diferentes funcionários, sendo que o último era o gerente de conta que deveria me “persuadir” a continuar.

    Geralmente, com esse cara eu conseguia 100% de isenção da anuidade.

    Foi passando o tempo e acho que mais gente fazia o mesmo, de modo que eles não caiam mais no blefe. Mas SEMPRE rolava algum desconto (de 33 a 50%) na anuidade. Fica a dica.

  • http://fromvictorwithlove.com/diario Victor Lee

    Excelente, Lucas: comece devagar, e quando você fizer a trip para a Argentina sentirá o gostinho da coisa e vai querer mais e mais! É realmente um tesão!

    Abraço e avisa aqui nesse tópico quando a trip rolar (recebo notificações sempre que fizer um comentário novo, não importa quando)

  • http://fromvictorwithlove.com/diario Victor Lee

    Thalles, a melhor coisa a fazer é ligar para sua central de atendimento (o numero fica no verso do cartão) e pedir todas essas informações, pois tudo varia muito de cartão para cartão.

    E além do cartão que gera milhas, você precisa também de uma conta Smiles – basta entrar no site e se cadastrar!

    p.s. como os colegas observaram acima, vale a pena também você analisar o programa TAM Fidelidade

  • http://www.facebook.com/pdcgomes Pedro De Carvalho Gomes

    Assim como o Victor eu comecei a usar Smiles porque na época a Varig era líder de mercado e fazia parte da Star Alliance. Hoje eu continuo acumulando lá porque sou categoria Ouro. Ganho 50% de milhas adicionais, tenho direito a excesso de bagagem e atendimento preferencial.

    Mas se fosse começar do zero hoje, provavelmente eu começaria a acumular milhas preferencialmente na TAM. Primeiro porque segundo eles não há limite de bilhetes de milhagem por voo. Segundo porque a oferta de voos próprios é muito maior que da Gol. Terceiro porque agora ela faz parte da Start Alliance, e a ofertas de voos que já era grande aumentou mil vezes. Por fim, eles vivem fazendo promoções pra poucas milhas. Neste ano, por exemplo, gastei as poucas milhas que tinha la (umas 6.000) pra comprar o trecho de ida pro carnaval em Salvador. Isso a uma semana e meia antes do carnaval começar.

  • http://twitter.com/lucasbeccon Lucas Beccon

    Tenho uma dúvida, com um VISA Ourocard International é possivel acumular milhas ? eu vejo que acumulo alguns pontos, mas não sei bem pra que eles servem, faço muitas compras tanto em reais quanto em dolar, em dolar geralmente é a vista, pois compro jogos na steam pra mim e pra vender pros meus amigos.

  • Paulistana

    Adorei o post!
    Aproveito aqui pra falar da minha experiência – No meu último mochilão aproveitei os pontos do cartão de crédito e voltei de Santiago pela TAM de graça.
    Gostei tanto que juntei milhas para essas férias, para emitir tanto a minha passagem ida e volta quanto a do meu namorado (olha que cara sortudo ;) )
    O que me ajuda muito a juntar as milhas é o fato de eu ter um cartão de crédito adicional ao da minha mãe – ou seja, juntamos os pontos tanto nas compras delas quanto nas minhas, com a vantagem que pagamos separadamente – mas aí os pontos saem todos no nome dela, e então eu emito a passagem em meu nome quando preciso, sem estresse.

  • http://profiles.yahoo.com/u/XJC6TSVAMGU75SFZ2X3MCOK7KI Carolina

    Oi Victor,
    Eu já venho aplicando essa teoria a um ano e posso comprovar que funciona! Mas até eu me acostumar demorei um pouco… agora até conta de luz eu pago no cartão! Mas realmente acho que essa tática só serve para pessoas que são organizadas financeiramente!
    Mas estou com uma dúvida…
    Até agora não consegui uma forma de gerenciar meus pontos para que eu não tenha que pagar uma “pequena fortuna” ao banco para que não expirem! O Banco do Brasil (onde sou correntista) cobra R$ 40,00 para prorrogar por 1 ano mil pontos! Então tenho sempre que transferir as milhas para a TAM… mas a mesma só possui validade de 2 anos! E ainda assim perco a oportunidade de transferir para Varig, caso veja uma melhor oferta! Como você gerencia isso?
    Como disse, possuo cartão do BB, mas você acha que possuir cartão da empresa como TAM ou Varig é melhor para acumular os pontos?
    Ah… uma sugestão tb! No BB eu acumulo pontos usando outros produtos do banco como investimentos, acesso a internet, tempo de conta… etc! É uma misérinha de pontos, mas vale a dica!

    bjs

  • MauTk

    Pedro e Victor,
    Realmente, não acho anti-ético utilizar para si as milhas de vôos a trabalho, já que a própria empresa não resgata elas, e você não está lesando ninguém. Só quis dizer que é algo que muitas vezes as pessoas não se atentam.
    Falando nisso, acabei de fazer um cartão smiles também. Antes eu só usava o fidelidade TAM, mas dia 21 estou indo pra Juiz de Fora a trabalho, e vão me fazer voltar via SDU, de Gol. Ponte aérea não deve dar muitas milhas, mas como devo ir bastante pra JdF nos próximos 2 anos, oq puder eu vou aproveitar!

    Por fim, mais uma dica. Quem tem cartão TAM Itaucard ganha um percentual a mais de milhas no Fidelidade do que quem só tem o cartão Itaucard normal.

    Abraços,

    Mau.

  • http://www.facebook.com/people/Andressa-Ravanello/100000599912090 Andressa Ravanello

    Lucas,
    Também tenho um VISA Ourocard Internacional e aqueles pontos que vc acumula podem ser regatados no site do BB e transferidos tanto para o TAM Fidelidade quanto para o Smiles, basta estar cadastrado no programa.

    • Los

      Andressa, usando o VISA Ourocard Internacional eu ganho quantos pontos para cada dólar gasto? Sabe dizer?

  • http://www.facebook.com/people/Andressa-Ravanello/100000599912090 Andressa Ravanello

    Carolina,
    Os pontos do cartão do BB duram 2 anos, assim como os da TAM e/ou Smiles. O que eu faço é transferir-los quando estão pra expirar para o programa onde estou mais próxima de resgatar uma passagem. Eu viajo muito, então 4 anos são o suficiente para minhas milhas.

  • Valdomiro Ribeiro

    Acabo de pedir o cartão Smiles do meu banco! Começarei a caça as milhas assim que ele chegar! Vou começar fazendo todas as compras do mês no cartão, o resto vem com o tempo!
    Excelente post!
    Parabéns

  • Juliano

    Como faço pra assinar revista e ganhar milhas?

  • 1bertorc

    Lucas dá sim, mas vc tem q transferir os pontos, no site bb.com (se voce tiver a senha de internet se n tiver cadastre) vc transfere.

  • Conhecido Qualquer

    O que me dizem sobre o esquema de troca de milhas? Um amigo já me ofereceu diversas vezes algumas milhas que ele tinha e que estavam prestes a vencer. Na época ele chegou a pedir dinheiro em troca das milhas, mas como eu não precisava viajar indiquei para um outro amigo meu que conseguiu trocar as milhas em um conjunto de canecas =D

    Dúvida: Lee, sabes se essas milhas podem ser fidelizadas caso uma pessoa simplesmentre as transfira para um terceiro? (Alguém tem essa idéia?)

  • MauTk

    Bom, primeiro é interessante saber como vc pretende juntar pontos. Se vai ser voando ou convertendo pontos do cartão de crédito.
    No meu caso, que uso o TAM Fidelidade através do Itaucard, eu ganho: 1 ponto por real gasto, 1,33 pontos por dólar gasto. Pelo que vi de comentários aqui, o Smiles é bem parecido.
    No caso da pontuação de vôo, eu gosto bastante do da TAM:
    http://www.tam.com.br/b2c/vgn/v/index.jsp?vgnex
    Como costumo voar mais a trabalho do que a passeio, a empresa sempre compra passagem naquela tarifa “Flex”, e como tenho o cartão azul, credita 1250 pontos.
    Pela tabela de uso dos pontos da TAM, 10000 pontos valem um trecho para qualquer lugar da América do Sul. No meu caso, Isso dá 1 vôo pra AS a cada 8 pontes aéreas, nada mal!

    A pontuação por vôo no Smiles me parece meio complexa: É um percentual sobre a distância, em milhas, de cada vôo realizado, então precisa pensar pra onde vc pretende voar com mais frequencia acumulando pontos.

    Bom, outra coisa é verificar os lugares que você tem interesse de visitar, e qual é a pontuação necessária pra cada um.

    Essa é a tabela de milhas necessárias para resgate de vôo da TAM, em baixa temporada:
    http://www.tam.com.br/b2c/vgn/img/fidelidade/pt

    A do Smiles eu não consegui abrir aqui pq precisa fazer login no sistema deles, e eu esqueci o número do meu cartão (é, burrão! haha)

    Resumindo: Eu sugiro que você decida um destino que vai ser sua meta, e aí verifique em qual programa é mais fácil de atingir a pontuação necessária pra esse destino. Definido teu objetivo, vá comprando no cartão ou voando até conseguir o número necessário de milhas. Depois disso, você escolhe um novo destino, verifica de novo a melhor opção, e assim vai. Alguns cartões (como o Itaucard) permitem converter pontos em qualquer um dos programas, então vc pode ser cadastrado em ambos e ir fazendo os resgates como preferir.

    Abraços,

    Mauricio.

  • Gutoredfield

    O meu é o Visa Platinum do Banco Real / Santander. Ele dá 1,5 milhas por cada dólar gasto.

  • Junior

    Pelo que vi, não são todos os cartões que dão a chance de trocar os pontos em ambos os programas (TAM e Smiles). Queria então, se possível, uma dica dos cartões mais vantajosos para se ter e realizar a troca de pontos por passagens.
    Abraços

  • http://twitter.com/MarcoBarbosa Marco Barbosa

    Perfeito Victor Lee !

    Eu só vôo com a TAM. Pelas milhas e também porque acho o melhor servico de bordo que tem.

    Estou morando na europa e cada vez que vou pro Brasil acumulo um pouco para viajar de graca novamente. Vale a pena!

    Victor, por acaso você mora na Suécia ?

  • http://twitter.com/alankelon Alan Kelon

    Se a compra à vista não der desconto, então pague com o cartão de crédito para acumular pontos. Porém, se houver desconto, prefiro pagar à vista, se possível com o cartão de débito para ganhar pontos com o banco ;-)

    Um exemplo inteligente do uso do dinheiro economizado é utilizá-lo para pagar a anuidade da próxima classe do cartão, que dará mais pontos pelos gastos.

  • http://twitter.com/alankelon Alan Kelon

    Tenho o Credicard Universitário. Ele não permite acumular milhas. Na verdade, os programas de recompensa da Credicard são pífios.

    As únicas vantagens deste cartão específico são não pagar taxas adicionais para compras em dólar e anuidade barata. O Ourocard Smiles, do Banco do Brasil, por exemplo, cobra 2,5% do valor pela transação internacional.

    Mantive o cartao Credicard porque compro muitos livros na Amazon e pago R$ 5,60 de anuidade, uma vez que era meu único cartão de crédito e sempre tive bom histórico de compras, senão teria cancelado-o. Tomara conseguir manter a anuidade baixa, pois atualmente meu cartão é o Ourocard Smiles e o fluxo no cartão da Credicard diminuiu drasticamente.

  • http://twitter.com/alankelon Alan Kelon

    Só vale a pena blefar se estiver disposto a cancelar o cartão caso não dêem desconto, pois você negociará com mais tranqüilidade. Para isto, tenha sempre um cartão de crédito primário e um secundário. O último servirá quando o primeiro for cancelado enquanto não consiga outro bom cartão. E um bom cliente sempre conseguirá.

  • Pedrop8

    Sempre achei confusos esses programas de milhagem, mas viajar de graça deve ser muito bom mesmo.
    Vou correr atrás de aprender.

    Vlw, Victor!

  • Bruno Lopes

    Muito bom o post Victor,
    Eu recebo 1,5x cada dolar gasto no meu, tenho o itaucard da TAM.
    Umas das vantagens que mesmo na anuidade (que é bem salgada em relação aos outros cartões) eu ganho milhas, e além disso nas viagens consigo passar na fila do fidelidade vermelho, mesmo não sendo dessa categoria, só apresentando o cartão de crédito (ótimo para aeroportos lotados que nem de SP).
    Valeu!
    Bruno

  • Thifacco

    Olá Victor, já tinha ouvido alguma coisa sobre milhagem em filmes e agora seu post me ajudou a afinar minhas idéias.

    Minha necessidade de viajar é pela estrada em um raio de 500 km para surfar. Estou elaborando um projeto para conseguir realizar com mais frequência esse sonho e alcançar realizações.

    Agora vem a seguinte perguta: existe algum tipo de milhagem que pode ser trocada por gasolina e pedágio ao invés de vôos em companhia aéreas?

    • Antonio

      a ipiranga tem o Kmdevantagens, q de vantagem, nao tem muita coisa, tu troca por descontos em produtos q na verdade nao são tantos descontos assim, ou troca por milhas na tam, mas isso não é a vantagem, a maior vantagem q estou utilizando agora é o desconto na compra de combustíveis, tu ganha até 10%, conforme a quantidade, o mínimo se nao me engano é 7% (compra R$300 e paga 278), abastece em qq posto ipiranga participante, basta apenas informar o CPF, senha e data de nascimento na hora da compra, o saldo vale por 3 meses… a minha primeira compra foi dessa de R$300, pois uso pouco combustível, a segunda foi de 400, como estou viajando, vou gastar uma boa parte destes 400 agora e minha esposa vai utilizar tb um pouco no outro carro, só tem q lembrar q é só na ipiranga e pode acontecer q no meio da tua viagem nao tenha posto ipiranga ou o q tem nao é participante, então tem q ter grana no bolso pra garantia.

  • J_Luciano

    Mande um email para o Marcelo da CSM :- Acho que ta valendo R$350,00 cada 10.000 milhas …Eles sao de MG mas tudo é feito pela internet … primeiro depositam o dinheiro na sua conta e só depois voce transfere as milha —> marcelo@comprosuasmilhas.com.br.

  • Daniel101

    Ahahahah. Isto que é ser o “Economista”

  • J_Luciano

    Mande um email para o Marcelo da CSM :- Acho que ta valendo R$350,00 cada 10.000 milhas …Eles sao de MG mas tudo é feito pela internet … primeiro depositam o dinheiro na sua conta e só depois voce transfere as milha —> marcelo@comprosuasmilhas.com.br.

  • Daniel101

    Ahahahah. Isto que é ser o “Economista”

  • MauTk

    Só pra compartilhar com a galera: A viagem pra BA foi ANIMAL! Adorei a cidade, entrou na minha lista de lugares onde quero morar um dia! :)

  • MauTk

    Só pra compartilhar com a galera: A viagem pra BA foi ANIMAL! Adorei a cidade, entrou na minha lista de lugares onde quero morar um dia! :)

  • Pedro Palazzo

    Foda de pagar um monte de conta no cartão é que, com as taxas normais do cartão, IOF o escambau (não estou me referindo a juros de parcelamento), já se paga uma quantia a mais. Aí é balancear e ver se esses 30, 50 contos que vai pagar de taxas vale pelas milhas…

  • Pedro Palazzo

    Foda de pagar um monte de conta no cartão é que, com as taxas normais do cartão, IOF o escambau (não estou me referindo a juros de parcelamento), já se paga uma quantia a mais. Aí é balancear e ver se esses 30, 50 contos que vai pagar de taxas vale pelas milhas…

  • Ewerton Ando

    Galera, não sei se já comentaram sobre isso, mas existe um filme interessante sobre milhagem na qual mostra um estilo de vida de quem só viaja com milhas, chamado Amor Sem Escalas ( utilização da companhia AA ). Valeu

  • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

    FILMAÇO, aliás.

  • Ronaldoribeiro

    Para quem é correntista do Banco Itau, vc pode transformar a sua conta em Master Conta Card, assim vc fica livre da anuidade do cartão, pois ela já vem embutida no valor da tarifa mensal, eu por exemplo pago R$ 7,00 por mês por todos os serviços, um valor que considero até baixo, pelo tanto que uso os serviços do banco. Detalhe: Não sou funcionario do banco.

  • Ronaldoribeiro

    to rindo demais, porque nem sabia dessas vantagens, achava que só acumulava pontos, através de viagens, não é eu vou olhar meu cartão de crédito, para pedir o cadastramento e descubro que já sou cadastro há quase um ano???? já tenho 17.000 milhas, agora que vou juntar mais mesmo, concentrando todas as compras só neste cartão, já até guardei os outros no fundo da gaveta.

    Referencio pela dica Mister Lee.

  • Fernanda Machado

    tenho cartões visa nos bancos do brasil e real, os dois estão cadastrados?
    moro em recife e queria saber onde eu posso usar esses cartões para ganhar milhas.

    Fernanda

  • http://twitter.com/vigilenga Victor Souza

    Oi, eu acho R$40,00 pra prorrogar por um ano um bom preço, nem sabia dessa possibilidade.

  • http://twitter.com/vigilenga Victor Souza

    Voce tem de ver se já está cadastrada em programa de pontuação.

    Se já estiver, cada dolar gasto corresponde a um ponto, normalmente após cinco mil pontos você pode transferir para seu programa de milhas

  • Rick Silva

    Fala Vitor!
    Pra fazer uma viagem aos Estados Unidos (ida e volta) preciso aproximadamente de qtas milhas?

  • Max

    Que sorte minha ter encontrado esta matéria por acaso. Valeu, Victor!

  • Marianamaluf

    Pessoal, tenho um cartão Bradesco Prime Infinite que acumula 2.2 milhas por dolar gasto. Fora que o vc troca passagens premio com todas as cias aereas disponiveis diretamente com o programa fidelidade bradesco por uma pontuação abaixo da média,
    http://www.bradescocartoes.com.br/fidelidade

  • http://www.facebook.com/people/Thiago-Augusto/100001726657188 Thiago Augusto

    É possível atrelar o cartão de crédito de um terceiro ao seu cartão de milhas? Ou seja, uma – ou várias – pessoas fazem compras em seu cartão, mas todas as suas milhas vão só para um cartão?

  • Priaborges

    Olá! adorei as dicas e explicações para utilizar milhas…mas ainda tenho muitas dúvidas, acabbei de me cadastrar no Tam Fidelidade, mas não entendo como posso aproveitar minhas compras dos cartões de créditos que tenho, que não são Itaú, para reverter em milhas na TAM. Pelo que vi no site da TAM somente se eu tiver o cartão ITAU TAM que posso fazer isso…por favor pode me esclarecer quanto como conseguir milhas na TAM? Obrigada
    Priscilla

  • http://www.facebook.com/rogeriomegasompedreschi Rogerio MegaSom Pedreschi

    Olá!
    Hoje, em 2012, qual o melhor cartão de credito para trabalhar com milhas?

    • Matheus

      Rogério,

      Geralmente é padrão: Infinity pontua 2,2 milhas para cada dólar gasto. Platinum dá pontuação de 1,5 milhas por 1 dólar gasto. O Gold dá 1,3. E assim vai. Não importa o banco ou a bandeira (mastercard ou visa). Geralmente é a categoria do cartão que importa.

  • Matheus

    Filardy18,

    Basta ligar para a Central de Atendimento do seu cartão para ter mais informações. Geralmente você consegue acompanhar a pontuação pela fatura do seu cartão. Provavelmente você já tem algumas milhas acumuladas e nem sabe.

  • Fabio Genovezi

    oi Victor Lee, muito bom! Conheço um programa de fidelidade que devolve um % em dinheiro, muito melhor que pontos, [LINK APAGADO POR UM EDITOR FANFARRÃO QUE NÃO CURTE MERCHAN].

  • Fabiana

    Ola pessoal, gostaria de saber quantos milhas  preciso para fazer uma viagem de São Paulo para Aracaju , com ida e volta e contendo dus passagens, send 1 adulto e 1 criança de 2 anos?
    Fabiana

  • Renato Pinto

    O que você acha de pagar cartão com cartão? Em alguns bancos as taxas são bem peqquenas. Muitos bancos e administradoras de catão creditam pontos/milhas ao abrir uma conta, e algumas vezes dão isenção de taxas de administração para contas no primeiro ano ou isenção de anuidade dos cartões!

  • http://www.facebook.com/people/Ítalo-Cirne/1580275439 Ítalo Cirne

    Dica:
    Faz a transferência do salário para o Santander!
    Benefícios:
    - CONTA CORRENTE FREE;
    - CARTÃO FREE ( Pagamentos de contas SEM TARIFAS!) Sem anuidade.

    Faz outro cartão de credito em outro Banco: BB, CAIXA, ITAU, etc.
    Compra tudo no outro cartão de outro banco, e paga TUDO com o Cartão Free.

    OBJETIVO: Ganhar milhas DUAS vezes. ( Quando vc compra com o cartão de outro banco, e quando vc paga o cartão de outro banco com o Santander Free.) E ainda vc paga todas as outras contas: Agua, Luz… com o Free, ganha milhas sem tarifa alguma e ainda adia o pagamento da conta para o dia do vencimento da fatura do Cartão Free.

  • http://www.facebook.com/luis.molalves Luis Mol Alves

    Olá, eu estou confuso por causa de outros sites, vou expor:

    BH – GOV. VALADARES = 220 KM

    ida e volta dão 440 kms (275 milhas)

    se eu tiver 1000 milhas, então vao me sobrar as 725????

  • Emerson

    gostaria
    de saber se há alguma novidade na área de cartões de crédito com
    milhagens, pois estava a perquisar a respeito e simplesmente o texto de
    17/06/10 por Victor Lee, foi o melhor texto explicativo a respeito,
    contudo acredito que por já ter passado algum tempo, possa haver uma
    certa defasagem das informações. Seria possivel voces me informarem se houve alguma mudança neste mercado? ou então me passar
    algum contato dele para eu poder ver com ele?

    Aguardo seu retorno, grato desde já!

  • Tamires Lamberti

    Oiie Victor Eu axei tudo o maximo ,mas não sei por onde começo, tenho um cartao de credito do Bradesco, aii tenho que pedir outro e cancelar o meu?? e a anuidade dele vaii aumentar eh isso???

  • giovanna luisa

    Eu só não entendi uma coisa: Com qualquer cartão de crédito eu posso acumular milhas? Eu preciso me inscrever em algum lugar para começar a acumular milhas? E se preciso me inscrever, onde preciso e se preciso fazer isso em todas as companhias aéreas?

  • Bruno

    Agora em 2013, vamos atualizar essas informações preciosas !!
    Qual a melhor maneira de acumular? Fiquei sabendo de gente que paga uma fatura do cartão com outro cartão.. Isso ainda é possível? Qual as dicas que vc daria atualmente para acumular mais milhas?? Muito obrigado e parabéns pelo blog !!!

  • Maria Cristina Baptiste

    Começo a me interessar para transformar em milhas tudo o que gasto no cartão de crédito, tenho o MasterCard Itaucard. Li com atenção as suas dicas, mas uma dúvida : posso me cadrastar diretamente com o cartão ou devo pedir o cartão parceiros Smiles?
    Obrigada,
    Maria Cristina

  • Diniz

    Olá, suas dicas são boas, mas não ficou claro como conseguir milhas apenas fazendo compras em Seu Cartão, possuo o Visa Universitário, tenho que ligar para o cartão toda vez que faço uma compra, não entendi muito bem essa parte, Valeu!

  • Graça

    Cartão de débito da direito a milhas, como fazer.

  • Edna Lamanna (e-mail)

    Tenho cartão de credito e nunca verifiquei esse negocio de milhas, queria saber como se faz para acumular milhas. Eu viajo sem pre pra Curitiba e Manaus e as vezes não posso comprar passagem. Como faço?

  • http://www.facebook.com/leandro.r.souza.5 Leandro Rodrigues De Souza

    Olá,

    Com essa novidade dos cartões Itaú de alterarem a regra do antigo 1 ponto=1 milha para 1,25 ponto=1 milha, perderemos 25% das milhas conquistadas no cartão de crédito.
    Então aqui vai a pergunta: em qual programa de milhas devo lançar meus pontos do cartão??? A data limite é amanhã, 28/02/2013.
    Obrigado

  • Alessandra

    fiz um cruzeiro semana passada e gastei 1700 dólares no cartão gold, ainda posso usar como milhas?

  • Romi

    prezado VICTOR, tenho um cartão visa, da Cx economica Federal – cartão Nacional tenho direito a me cadastrar para ganhar milhas? Caso sim, por favor me informe como posso fazer este cadastramento. grata – Romi

  • liris

    tenho 70.000 milhas e quero ir viajar pros Estados Unidos, estas milhas da pras passagens de ida e volta??????

  • liris

    desculpe esqueci é com com a familia 4 adultos……

  • antonieta reis

    gostaria de saber se é melhor vender as milhas ou usa-las.muito grata vc.é demais!!!

  • cristina

    olá, eu ja tenho um cartão de crédito ( mastercard/ Itau/ extra) tem um limite d 1800,00…ele serve ou tenho q fazer um outro com esses requisito q vc falou? tenho muitas duvidas..

  • Eurides

    As milhagens tem validade?

  • ROSANA

    MEU ESPOSO TEM OS DOIS CARTÕES DE CREDITO CREDCARD,VISA COMO A GENTE FAZ PARA TER DIREITO A MILHAS

  • Raiane

    Meu cartao é o visa gold . Assim que recebo o cartao ele ja é cadastrado no programa de milhagens?
    Se a resposta for nao, como faço pra cadastrar?

  • Aline

    O mais legal de juntar é Vender Milhas.

    Eu vendi as minhas para a Cash Milhas e foi super rápido e seguro.

  • luciano de jesus

    ola boa tarde quero receber os meus pontos do meu cartao de credito,
    no meu E-mail.
    e quero saber quando que vai completar uma passagen de ida e volta de pvh p/ mao.ok

  • clenir coimbra

    pago bastante no meu cartão carrefur visa por mes mais nao ganho nada nem mesmo milhas como faço para receber milhas no meu cartao aguardo resposta

  • Júlia Andrade

    Vitor, tava procurando na internet como trocar milhas por passagens aéreas e como cadastrar o cartão de crédito pra acumular milhas e achei o seu post o que melhor explica a coisa. Mas como já se passaram 4 anos e os links do post nem funcionam mais, queria saber se você pode me tirar umas dúvidas.
    1º Como eu faço pra cadastrar o meu cartão pra acumular milhas? Eu tenho um Itaucard Mastercard, que é cartão de crédito e débito e queria saber como fazer pra acumular milhas nele, já que eu futuquei o internet banking inteiro e não achei nada lá.
    2º Eu entrei nas páginas do Smiles e do Tam Fidelidade e lá eu só vi acúmulo e troca de pontos através de viagens (ou do cartão Itaucard da Tam, no caso do Tam Fidelidade), não vi nada lá a respeito de trocar as milhas acumuladas no cartão de crédito em passagens, como funciona hoje em dia essa troca de milhas dos cartões?

    Aguardo a sua resposta e desde já obrigada!

  • Pingback: Cartão de crédito: o guia completo - Crédito B

Papo de homem recomenda

Assine o Papo de homem

Curta o PdH no Facebook
  • 5462 artigos
  • 657876 comentários
  • leitores online