Abrimos as inscrições para a edição 2019 do PAI, nosso evento anual de paternidade! Vem encontrar a gente e outros pais da comunidade em um dia cheio de conversas e palestras. Reserve o seu ingresso antes que esgote! Clique aqui!

Peça ajuda | Ignição #14

Não subestime o poder da vulnerabilidade

Olá, amigos!

Quarta-feira é dia de Ignição e nós tardamos mas não falhamos.

A Ignição da semana passada foi só alegria. Os comentários foram bastante receptivos à ideia da prática da semana, de organizar-se por meio de uma lista de tarefas e agir em cima de pelo menos uma delas. Esse comentário aqui embaixo simboliza bem os benefícios.

Agora, como é já tradição, vamos à prática da semana.

Peça ajuda

Parece simples. Parece fácil.

Mas nem sempre é.

O entendimento usual, na nossa cultura, é que pedir ajuda é um traço de fraqueza. Se você for homem, então, isso te coloca em uma posição de ser humilhado, reduzido a um estereótipo pequeno e chorão.

Assim, temos muitas histórias de pessoas que suportam com a cara amarrada e uma lágrima de canto de olho as dores da vida. Seja para as grandes ou pequenas necessidades, o silêncio vai fazendo morada, o distanciamento começa a erguer seus muros, a solidão se instaura e, de repente, é como se a prisão fosse trancada com sete chaves. É difícil sair.

O orgulho de achar que não precisa de ninguém (ou a falta de coragem de admitir o contrário) bate como hemorragia interna. Uma hora você cai e aí já é tarde demais.

Então, para essa semana, decidimos experimentar uma prática simples, mas que pode ser extremamente difícil. Experimente pedir ajuda.

Você não precisa abrir todos os problemas da sua vida pro primeiro estranho que aparecer. Mas tente pedir ajuda com tarefas simples, em princípio. Pode ser uma companhia para ir ao oftalmologista (tem aquele exame que dilata as pupilas e fica difícil enxergar, sabe?). Pode pedir aquela força pra consertar algumas coisas em casa. Ou, talvez, você pode até pedir algo emprestado que não tem.

Caso tenha uma relação mais próxima com uma pessoa, pode ser a oportunidade de pedir a opinião dela sobre algo que você tem receio de expor para outras pessoas e está consumindo você por dentro. Nada impede de abrir questões da mente também, mas pra começar, pode ser interessante partir de algo prático.

A gente subestima o poder da vulnerabilidade. 

Quando mostramos vulnerabilidade, há uma oportunidade imensa de criarmos uma conexão muito crua, poderosa, sem os subterfúgios e armadilhas de tentarmos parecer maiores ou mais fortes do que realmente somos.

Além disso, o que pouco observamos é como criar a oportunidade para que o outro possa exercer a sua generosidade, nos ajudando, também é em si mesmo um gesto de generosidade. Você está dando a essa pessoa a oportunidade de fazer algo legal.

Se tudo der certo, duas pessoas saem felizes da situação. Você, que conseguiu companhia, criou um vínculo e teve ajuda prática com alguma questão sua. E a outra pessoa, que pôde gerar benefício.

* * *

Essa é a prática da semana, especialmente voltada para aqueles que gostam de evitar problemas e alimentar o orgulho bancando os super-homens - ou seja, um bocado de nós. ;) 

Contem pra gente nos comentários se toparem o desafio e nos contem também como estão andando com as práticas até aqui. Esses feedbacks são super importantes pra irmos alinhando a coluna.

Vejo vocês semana que vem.

Abraço!

* * *

O que é a coluna Ignição?

Resumindo: queremos iniciar processos de transformação por meio de ações práticas.

Aqui no Papo de Homem temos trocentos textos filosofentos falando de tudo. Agora, vamos pra outra abordagem.

Menos papo, mais ação.

Você está perdido e não sabe o que fazer da vida? 

Aqui vamos oferecer um ponto de partida, ações simples que você possa usar como um aquecimento, que coloque seus "músculos" no ponto para você gradativamente começar a lidar com seus problemas de frente.

Como funciona?

Toda semana vamos sugerir ações práticas acessíveis, para que você possa sair da inércia.

Depois, pedimos que venham aqui no artigo e relatem, em detalhes, como foi a experiência. Vale qualquer coisa, inclusive e principalmente, se der tudo errado, pois é nessas horas que a gente precisa de apoio e a coisa de termos uma comunidade mais vai fazer sentido. Nos colocando em movimento vamos começar a descobrir irmãos, amigos, enfim, parceiros de transformação.

Com o tempo, vamos cultivar uma rede de parceiros, dispostos a transformar suas vidas e também conversarem sobre o processo todo como uma forma de se incentivarem e se apoiarem. 

A Ignição é incrível, onde encontro os experimentos anteriores?

Muito fácil! Basta entrar na coleção Ignição.

Um convite especial: venha para o PAI, nosso evento anual sobre paternidade

Já estão abertas as vendas de ingressos pro nosso evento anual, o PAI. Estamos super empolgados de ter a chance de fazer o evento mais uma vez e queremos transformá-lo em uma tradição do Papo de Homem. Como foi um pedido da própria comunidade, esse ano vamos focar em aspectos práticos da paternidade. Tudo o que você precisa saber pra não quebrar cabeça com a rotina da paternidade.

O corpo de palestrantes está lindo. Temos desde algumas mulheres importantes, como a Rita Monte, contando sobre o que os pais podem aprender sobre companheirismo entre pais com os grupos de mães, até o Tiago Korch falando sobre como fica o sexo após a chegada dos filhos, passando pelo Ismael dos Anjos contando sobre como a forma como somos criados afeta a forma como criamos nossos filhos. Vai ser bem bonito!

Você pode ver mais detalhes no Sympla e já garantir o seu.


publicado em 22 de Agosto de 2018, 22:04
Avatar01

Luciano Ribeiro

Cantor, guitarrista, compositor e editor do PapodeHomem nas horas vagas. Você pode ouvir no Spotify. Também escreve no Medium e em seu blog pessoal. Quer ser seu amigo no Instagram.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura