Morte de Osama: "a justiça foi feita" ou voltamos para 11/09/2001?

  • Nossos atuais Mecenas:
  • Advertisement
    130x250 1 jpg

A notícia foi dada pelo presidente Obama na madrugada de hoje para todo o mundo. Como já está sendo divulgado por toda a imprensa, as forças militares dos Estados Unidos cercaram uma mansão no Paquistão e, em uma operação de 40 minutos, mataram Osama e capturaram seu corpo.

Link vídeo | Discurso completo e legendado em português

Nos Estados Unidos a notícia foi recebida com muita comemoração. Durante o pronunciamento do presidente, centenas de pessoas comemoravam em frente à Casa Branca. É realmente algo que os norte-americanos esperavam há muito tempo.

A secretária de estado Hillary Clinton disse que "a justiça foi feita". Com base nessa fala proponho uma reflexão. O país da liberdade e da democracia comemora a morte de um criminoso e diz que isso foi justiça. Pra mim justiça é julgamento. Os EUA deveriam dar o exemplo de como acabar com essa declarada guerra santa, ou vocês acham que a Al Qaeda vai deixar a morte de Osama passar impune? Não, muito pelo contrário. A morte dele alimentou um ciclo de ódio, intensificando ainda mais esse contraste entre religiões e mundos.

Leon Panetta, diretor da CIA, disse que vai redobrar a vigilância temendo as represálias da Al Qaeda. Os talebans do Paquistão já prometeram vingar a morte de Osama. Hillary dá o tom da conversa:

"Nossa mensagem aos talebans continua sendo a mesma. Não esperem que saiamos, não poderão nos vencer, mas podem optar por abandonar a Al Qaeda e participar de um processo político pacífico."

Isso aconteceu há quase 10 anos. Qual a probabilidade de se repetir, com novos personagens, em novos locais?

Deixo um trecho da música "O Da Ho", de André Abujamra, que mostra, em palavras simples e diretas, o que esse tipo de comportamento causa:

“Olho por olho, dente por dente, balela
Porque o homem vai ficar cego e banguela
Tanque, morte, sangue, explosão
A morte ao vivo pela televisão
Morreu 5 mil e tralalá
Isso é normal se eu não conheço
Se conheço começo a chorar e acho que vou me vingar
Matar pra ficar mais feliz
Aí eu enchergo que se eu matar alguém que gosta de alguém que eu matei vai querer me matar
E aí vai vir atrás de mim
E se me matar a pessoa que me matou vai ser morta por quem me amou e assim por diante
E o sangue correndo e a vida acabando e a morte chegando e a luz apagando
E o escuro cobrindo e a poeira subindo e o fogo queimando.”

Quem aqui acha que voltamos ao dia 11 de setembro?


publicado em 02 de Maio de 2011, 09:50
1c43c35a9fcce3811a46392a3e697798?s=130

Danilo Scorzoni Ré

Engenheiro Florestal, amante da natureza e de ecoturismo. Apesar de ambientalista, não gosta de eco-chato e ainda acredita na capacidade do ser humano em promover um futuro melhor. É @dscorzoni no Twitter.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: