Assistam na íntegra a live que fizemos no Facebook com o Dr. Tiago Pádua (Oncologista) e o Dr. Lucas Ventura (médico de família) falando sobre o tema: "Por que os homens vivem 7 anos a menos que as mulheres". Vamo lá!

Junho é o mês mundial da conscientização sobre fertilidade

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 15% da população enfrenta a infertilidade.

  • Nossos atuais Mecenas:
  • Asm selo png
  • 130x50 jpg

A fertilidade é um desses assuntos que são um tabu gigantesco. Não é o tipo de tema que pipoca em conversas casuais e, para muitos, quando surge, vem acompanhado da descoberta da infertilidade e todo o abalo emocional que essa notícia gera. 

Apesar das histórias que assustam muitas pessoas a respeito de gravidez não-planejada, sabemos que engravidar pode não ser tão fácil quanto parece. 

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), cerca de 15% da população enfrenta a infertilidade, que se caracteriza por não engravidar naturalmente após um ano de tentativas com relações sexuais frequentes e desprotegidas. 

A idade é um fator relevante nessa conta e pode mudar a probabilidade de gravidez. 

Mulheres de 20 a 30 anos têm, todo mês, de 20% a 30% de chance de engravidar. Caso tenha entre 30 e 34, as chances caem para 15%. E, nos casos onde a mulher já tem mais de 35 anos, as chances são de aproximadamente 20% por mês.

Os homens, claro, influenciam na equação. A fertilidade masculina também é afetada pela idade. Quanto mais velho, maior as chances de haver alguma alteração na qualidade e produção dos espermatozóides.

Assim, se você e seu parceiro ou parceira têm mais de 35 anos e estão tentando engravidar há mais de seis meses, isso já pode ser considerado um sinal de alerta e deve-se procurar ajuda especializada. 

Após a decisão e tomada desse primeiro passo, é importante saber que, nos casos de infertilidade, tanto o homem quanto a mulher têm chances iguais de serem inférteis. 

Segundo pesquisas, a infertilidade é por problemas femininos em 40% dos casos; por problemas masculinos também em 40% dos casos e por problemas em ambos em 20% dos casos.

Nos homens, segundo o Fertility Medical Group, as causas incluem Varicocele (varizes na região escrotal), que é diagnosticada por um simples exame físico e é responsável por até 40% dos casos. Outras são a Falência Testicular Primária, Infecções Seminais, Criptorquidia (testículos fora da bolsa testicular), Obstruções do Epidídimo (ou canal deferente) e Disfunções Hormonais.

Já nas mulheres, de acordo com a clínica Andros Recife, as causas podem ser Menopausa precoce, endometriose, obstruções ou lesões das trompas de Falópio, anomalias uterinas e cervicais ou problemas ovulatórios.

Há ainda outros fatores de risco como miomas; doenças sexualmente transmissíveis; doenças crônicas, como diabetes, câncer, doenças da tireoide, asma ou depressão e até o uso de medicamentos como antidepressivos.

Mesmo quando a infertilidade é diagnosticada, muitas vezes, o tratamento é simples. Nem todo casal infértil precisa passar por tratamentos caros e complexos. Quando o diagnóstico é feito de forma correta, há grandes chances da cura ser rápida.

Baixe o PDF sobre fertilidade integral

Junho é o mês mundial da conscientização sobre fertilidade. É o momento de colocarmos esses fatos em evidência, de quebrarmos tabus e nos aprofundarmos no tema. 

A clínica Andros de Recife, especializada em reprodução masculina e a Clínica Geare de Reprodução Assistida, especializada em fertilidade feminina, uniram-se a outros laboratórios e criaram um PDF bem interessante sobre fertilidade integral.

"No meio médico, costuma-se dizer que a fertilidade é o marcador da saúde geral. Se você está com tudo certo para encarar uma gravidez, então quer dizer que sua saúde está bem. Essa integralidade da fertilidade faz a gente pensar que, além dos tratamentos conhecidos para conseguir o tão esperado positivo, o paciente tem que pensar que todos os aspectos da sua saúde
podem estar envolvidos no diagnóstico."

Aqui você pode baixar o ebook deles.

Descubra se está na hora de investigar a sua fertilidade

Lá no site da fertilidade integral, eles têm uma enquete que ajuda você a descobrir se está na hora de checar se há algo errado com a sua fertilidade.

Vale conferir também. 

Encontro: por que não engravidamos?

Se você tem dificuldade em engravidar ou conhece alguém que está passando por essa situação, no dia dia 06/06, em Recife, vai acontecer um encontro sobre esse tema, aberto a homens e mulheres, organizado pelo @fertilidadeintegral.

Estamos apenas divulgando para ajudar, já que junho é o mês da conscientização sobre infertilidade.

Se você está em Recife, pode ser uma ótima oportunidade de saber mais a respeito.

Mais informações aqui.


publicado em 02 de Junho de 2018, 00:05
Logo pdh png

Redação PdH

Mantemos nosso radar ligado para trazer a você notícias, conversas e ponderações que valham o seu tempo. Para mergulhar na toca do coelho e conhecer a visão editorial do PdH, venha por aqui.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: