Mais de 15.000 homens estão fazendo nosso curso online de estilo, para cultivar uma relação de mais confiança e liberdade com suas roupas. Inscreva-se também, é gratuito.

Breves lições de educação emocional para pais, em 60 segundos

Uma filha chora desesperada, um pai a acolhe. O que podemos aprender?

Soltamos no instagram do PdH o vídeo abaixo:

 

(se por acaso o vídeo não aparecer em seu navegador, cliquei aqui para assistir)

Em seguida, fora os quase 200 comentários de pessoas tocadas e elogiando o vídeo, recebemos essa fala do @toni_maverick:

"O que esse cara faz é incrível. Contrariando nossos instintos maternos e paternos de sair abraçando a criança.

Ele calmamente a incentiva a respirar e expor, externalizar positivamente os seus sentimentos através do diálogo. Ele primeiramente deixa que ela lide com a sua crise sozinha, para que entenda que ela precisa organizar seus pensamentos.

O tempo todo ele a apoia, incentiva e encoraja. Trazendo o melhor dela!

São tantas lições em apenas alguns segundos. Ao final ele a recompensa quando ela aprende sua lição de inteligência emocional."

E você, o que aprendeu com esse vídeo? O que teria feito diferente?

Nos próprios comentários houve uma conversa sobre ele supostamente ter dito pra ela não chorar mais, levando em conta que talvez a tradução na legenda possa não ter sido precisa, pois a pronúncia dele é rápida e nós também ficamos na dúvida por aqui.

Mas não achamos que o vídeo é uma receita de bolo. O ouro pra nós é a conversa e as reflexões que ele pode gerar. Seguimos nos comentários!


ps.: siga o PdH no instagram. as conversas por lá têm sido preciosas e é um jeito rápido ver muito do que temos feito Brasil afora.


publicado em 12 de Junho de 2019, 12:06
Logo pdh png

Redação PdH

Mantemos nosso radar ligado para trazer a você notícias, conversas e ponderações que valham o seu tempo. Para mergulhar na toca do coelho e conhecer a visão editorial do PdH, venha por aqui.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Sugestões de leitura