Fizemos um infográfico caprichado com 189 dicas de viagens de *todos* os estados brasileiros. Vem ver!

Aprenda a assoviar como seu avô

  • Nossos atuais Mecenas:
  • Selo consul
  • 130x50 jpg
  • Chivas pdh 130x50 selo

É dessa forma que se chama um táxi nos filmes. É assim que o Zorro chama o Tornado. É assim que se chama um cachorro com estilo. E, provavelmente, era assim que o seu pai chamava quando queria que você voltasse do futebol na rua.

Acho que existe toda uma linhagem de assoviadores que deve remeter aos primórdios da caça, quando éramos nômades. Eu acredito nisso. 

Há alguns dias tivemos um embate no QG e separamos o mundo entre aqueles que sabiam assoviar poderosamente alto usando os dedos e o resto, que assoviava frouxo e baixinho.

Por acaso, encontramos este guia, feito pelos primos gringos do Art of Manliness, ensinando a fazer o assovio classudo.

Nós queremos que você esteja no topo da cadeia alimentar do assovio, por isso estamos compartilhando o vídeo e as instruções ilustradas.

Agora é só fazer bonito.

Aprenda a assoviar como os antigos

Link Youtube | No vídeo o Brett McKay ensina a fazer também só com uma mão

Abaixo vai um  pequeno resumo ilustrado, para você pegar os detalhes da coisa.

Whistle-1
Faça um "A" usando os dedos indicadores e do meio das duas mãos

Whistle-2
Coloque seus lábios para trás, para cobrir seus dentes

Whistle-3
Coloque a língua atrás da boca

Whistle-4
Sopre pelo buraco entre os dois dedos indicadores

O cara do Art Of Manliness disse que precisou de mais ou menos uns quarenta minutos em dois dias de treino até assoviar dignamente. O Jader conseguiu bem mais rápido.

Eu sou trouxa e nem consegui, mas sigo tentando.


publicado em 21 de Agosto de 2013, 09:04
Avatar01

Luciano Andolini

Cantor, guitarrista, compositor e editor do PapodeHomem nas horas vagas. Volta e meia grava e disponibiliza no Soundcloud. Também escreve no Medium e em seu blog pessoal. Quer ser seu amigo no Facebook e Instagram.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: