Quer ser anfitrião de uma sessão independente de nosso novo doc "O silêncio dos homens" em sua comunidade? Se cadastre aqui! Já são mais de 478 pessoas voluntárias em todo o país.

A masculinidade em 13 livros para se tornar um homem melhor

Para além dos estereótipos e "homem que é homem", leituras que vão te ajudar a ver as nuances das masculinidades

  • Nossos atuais Mecenas:
  • Logo havaianas 130x50 png
  • 47 nh 1 png

É fácil se deter em explicações simples do mundo.

Eu fui um rapaz que cresceu com pai ausente e, portanto, tive uma relação meio conturbada com a ideia de ser homem. Às vezes, eu renegava o que eu entendia como imposições feitas pela sociedade. Às vezes queria ser o tal homem-homem que tanto é valorizado.

Fiquei um bom tempo nesse eixo, tentando me adaptar ou renegando o que eu era.

Não era raro eu pensar que devia ser algum tipo de alienígena e que os outros tinham a vida resolvida, sabiam o que estavam fazendo, que os homens ao meu redor estavam prontos e só eu estava ali, tentando fingir ser algo que, no fundo, não era.

Tomou um certo tempo até eu perceber que muito mais gente além de mim também passava por isso. E também pra eu querer, de fato, estudar o tema das masculinidades e o que significava estar nesse papel.

Em algum momento, isso veio também com um certo alívio. Entender um pouco mais o tópico tornou as coisas mais leves. Pude começar a compreender as nuances por trás da ideia do homem, como há questões muito maiores do que o indivíduo nessa construção e como há problemas a ser combatidos mas também qualidades que podem ser incorporadas.

Como tudo nessa vida, olhar de perto o que já se falou sobre masculinidades me fez ver nuances. E saber que não há só preto no branco (ser ou não ser homem) ajuda a manifestar uma masculinidade mais saudável, menos tensa, menos nociva para mim e para quem vive ao meu redor.

Sei que é um longo caminho, mas venho aqui recomendar alguns livros que já li e alguns outros que me foram indicados ao longo do caminho como autor/editor/caseiro no Papo de Homem. Tem quase dez anos da minha experiência nessa lista e mais algumas dezenas mais se contar das pessoas de quem pedi ajuda para montá-la. 

Busquei escolher livros que possuem edição brasileira, mas alguns já estavam esgotados, de forma que só podem ser encontrados em sebos e nem sempre a preços muito acessíveis. Nesses casos, decidi colocar também os links para compra da edição em inglês. Tudo pra facilitar a sua vida. ;)

Espero que curtam o mergulho e que seja tão útil pra vocês quanto foi pra mim.

Fire in The Belly (Sam Keen)

Este só tem edição em inglês, mas é um excelente livro. Sam Keen é um autor, escritor e filósofo formado em Harvard, com um extenso trabalho sobre relacionamentos, a vida em geral e, claro, masculinidade. Fire In The Belly trata dos desafios de ser homem e como podemos adaptar a sabedoria de gerações anteriores aos tempos de hoje.

João de Ferro (Robert Bly)

João de Ferro é um livro que pega histórias sobre homens e lança um olhar atualizado, mas ao mesmo tempo poético. Combina a riqueza dos mitos com o pé no chão da análise crítica.

Os deuses e o homem (Jean Shinoda Bolen)

Jean Shinoda Bolen é uma psiquiatra e analista junguiana com inúmeros livros lançados. Aqui, ela continua o livro "As deuses e a mulher", desta vez analisando os arquétipos do homem e oferecendo insights preciosos que podem conduzir a reflexões muito profundas sobre as relações.

12 regras para a vida (Jordan Peterson)

Se Jordan Peterson não é um dos mais famosos pensadores do nosso tempo, com certeza é um dos mais polêmicos. Apesar da controvérsia quanto ao machismo de parte do seu pensamento, este livro é um belo guia que vem ajudando muitos homens a recolocar a vida nos eixos.  

Na minha pele (Lázaro Ramos)

Lázaro Ramos é ator (sim, eu sei que você sabe) e aqui oferece o seu relato sobre a vida como homem negro e fala sobre ações afirmativas, gênero, família, empoderamento, afetividade e discriminação.

Rei, Guerreiro, Mago, Amante (Robert Moore e Douglas Gillette)

Robert Moore e Douglas Gillette lançam seu olhar de analistas junguianos sobre estes 4 arquétipos do masculino, de forma que você possa se entender e aplicá-los na sua vida.

Além do Herói – Histórias clássicas de homens em busca da alma (Allan B. Chinen)

Eu sei, a capa é horrível. Mas dê uma chance. 

Aqui, o autor se debruça sobre o mito do herói e como ele afeta e pauta a vida de muitos homens, além de trazer uma visão contemporânea sobre masculinidade e os arquétipos masculinos.

A história da virilidade, box com 3 volumes (vários autores)

Você também pode encontrar os livros um a um:

Se puder, compre o box completo, com os 3 volumes. Aqui você tem toneladas de informação e história. É de revirar a cabeça e mudar a sua visão de mundo enquanto homem.

Sob a Sombra de Saturno (James Hollis)

Saturno era o deus romano que devorava seus filhos a fim de evitar que estes usurpassem o seu poder. Aqui, James Hollis fala sobre a relação do homem com o pai, com as mulheres e com outros homens, pela perspectiva do medo.

História dos homens no Brasil (Mary Del Priore & Marcia Amantino)

Bem autoexplicativo e precioso. Vale para conhecer de que forma a noção de masculinidade se sedimentou no Brasil, desde os tempos da colônia até os dias de hoje.

A passagem do meio (James Hollis)

Pouco vemos comentarem no oba-oba da publicidade na internet sobre o fato de que todos vamos envelhecer. Este livro aborda a questão da meia-idade e da velhice no homem.

As cores da masculinidade (Mara Viveros Vigoya)

Um pouco difícil de encontrar por aí, mas eu separei o link direto da editora. Trata de masculinidades negras e todas as suas muitas particularidades históricas, sociais e políticas. Vale cada linha.

Masculinidades e Feminilidades como Estratégias de Poder (Joanice Conceição)

Este livro aborda as masculinidades e feminilidades, debruçando-se sobre as estratégias utilizadas por homens e mulheres para evitar a subalternidade e adquirir poder em diferentes espaços, mas também cruzando-as com as questões relativas a raça, religião e gênero. 


publicado em 06 de Fevereiro de 2019, 16:35
Avatar01

Luciano Ribeiro

Cantor, guitarrista, compositor e editor do PapodeHomem nas horas vagas. Você pode ouvir no Spotify. Também escreve no Medium e em seu blog pessoal. Quer ser seu amigo no Instagram.


Puxe uma cadeira e comente, a casa é sua. Cultivamos diálogos não-violentos, significativos e bem humorados há mais de dez anos. Para saber como fazemos, leianossa política de comentários.

Nossos atuais Mecenas: