“Vou só fazer um xixizinho e já volto…”

Gustavo Gitti

por
em às | PdH Shots


Almoço de ontem. Mesa da minha frente. Um cara de terno com uns 45 anos conversa com uma mulher de 30 e poucos. Com foco no meu prato, não ouço nada do papo até que ele empurra a cadeira e fala claramente:

“Vou só fazer um xixizinho e já volto…”

A mulher muda de expressão na hora, como se perguntasse: “Um homem fala isso? Sério mesmo?”. Ele não se toca do ruído cósmico que acabou de acontecer. Não sorri como se estivesse imitando alguém. Não finge que foi um espirro, que alucinou ser uma criança por alguns segundos ou que está tendo um ataque cardíaco. E vai ao banheiro como se nada tivesse acontecido.

É desnecessário responder à pergunta silenciosa da mulher. Vou apenas citar Fabricio Carpinejar, em Canalha:

“É pelas expressões que se define a segurança masculina. Sempre duvidei de homem que diz que vai fazer xixi. Xixi é coisa de criança. Eu não represo a gargalhada quando um amigo adulto e de vida feita comenta que vai fazer xixi. Imagino o cara sentado. Infantil como Ivo viu a uva.

Já urinar é muito laboratorial. Prefiro mijar, direto, rápido e verdadeiro. As árvores mijam. Os relâmpagos mijam. Os cachorros mijam para demarcar seu território. Aliás, o correto é não anunciar, ir ao banheiro apenas, para evitar constrangimentos vocabulares.”

Carpinejar escreveu isso sobre o xixi porque ele nunca foi apresentado ao “xixizinho”…

Enfim, se você já falou algo assim, saiba que seu “xixizinho” escorre, digo, ecoa até hoje.

Teste: você diria que esse é um lugar para mijar ou para fazer um xixizinho?

Gustavo Gitti

Professor de TaKeTiNa, autor do Não2Não1, colunista da revista Vida Simples e coordenador do lugar. Interessado na transformação causada pelos caminhos ancestrais do ritmo e do silêncio. Seu site: www.gustavogitti.com


Outros artigos escritos por

Somos entusiastas do embate saudável

O texto acima não representa a opinião do PapodeHomem. Somos um espaço plural, aberto a visões contraditórias. Conheça nossa visão e a essência do que fazemos. Você pode comentar abaixo ou ainda nos enviar um artigo para publicação.


EXPLODA SEU EMAIL

Enviamos um único email por dia, com nossos textos. Cuidado, ele é radioativo.


TEXTOS RELACIONADOS

Queremos uma discussão de alto nível, sem frescuras e bem humorada. Portanto, leia nossa Política de Comentários.


  • Anônimo

    Aí ela acha ele fofo porque ele é todo educadinho e dá pra ele.

    E a gente passou a tarde inteira no computador trabalhando.

    • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

      Bom, no mundo dos sonhos, sim, Thiago, mas é porque você não viu a cara dela.

      Mas o ponto não é a mulher, não é manter a imagem pra mulher. É apenas uma questão de dignidade. Isso não se fala. Ponto. hahaha

      Você levanta e fala “Já volto” ou “Vou ao banheiro”. Simples. Qualquer outra coisa a mais é desnecessária.

      • Anônimo

        aahaauhauha eu concordo.

        Ainda mais porque no momento em que você fala “vou mijar”, ou “fazer um xixizinho”, ou um “pipi”, que seja, a mulher vai acabar imaginando a cena. É deselegante.

        E se tem algo ruim, são coisas deselegantes.

      • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

        Boa!

        Aliás, vai rolar um post em breve sobre elegância, uma palavra muito mais masculina do que pensamos.

      • Anônimo

        É só pedir um minuto. Manda um “minuto só, já venho”. Simples.
        Mandou um “xixizinho”, sinceramente, deve. Educação, polimento, chame do que quiser.
        E corre o risco de voltar pra mesa e ela nem lembrar mais do assunto anterior, só da postura do babaca…

      • Anônimo

        É só pedir um minuto. Manda um “minuto só, já venho”. Simples.
        Mandou um “xixizinho”, sinceramente, deve. Educação, polimento, chame do que quiser.
        E corre o risco de voltar pra mesa e ela nem lembrar mais do assunto anterior, só da postura do babaca…

    • Dani

      Epa! Calma lá, Barão, rs.
      Existem mulheres que não acham nada fofo homens com atitudes efeminadas – sim, este ‘fazer um xixizinho’ soou muito menininha. Tanto quanto homem que tira cutícula, lixa as unhas redondinhas e passa base extra brilho; ou aqueles que fazem questão de delinear sobrancelhas ou se depilar todo.
      Aff…
      Homem tem que ser homem. Deixem as frescuras para nós, mocinhas ;)

  • http://www.justwrappedupinbooks.wordpress.com/ João Luis Baldi Jr.

    Eu passei a usar o “já volto”, que é o menos descritivo que dá pra ser. Ninguém está muito interessado nos detalhes da operação, então não vejo pra que mandar um overshare nessa hora.

    (um amigo meu usava o rústico e direto “vou ali tirar uma água do joelho”, para delírio da namorada)

  • Jbernardes

    Cara, macho saco-roxo (como sempre leio por aqui) não deve anotar o que o Carpinejar escreve. Ele é baita escritor, mas pinta as unhas para convercer a mulher a não ter que lavar louça.
    Concordo que ‘xixizinho’ deve ser aquela aguinha que sai do tiquinho de um gurizinho, e tiquinho de gurizinho não é o que as mulheres procuram, mas alerto: não siga demais as instruções do Fabrício.
    Até…

    • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

      hahaha Com certeza.

      Nesse fds minha namorada começou a ter um princípio de orgasmo lendo Carpinejar, aí virei o livro pra mostrar uma foto dele com as unhas pintadas.

      Comprei dois livros dele na semana passada. Quero resenhar aqui. Tem muita coisa boba, mas ele é muito bom às vezes. Só no Twitter que fica chato, mas uma vez ou outra sai algo genial.

  • Jbernardes

    Cara, macho saco-roxo (como sempre leio por aqui) não deve anotar o que o Carpinejar escreve. Ele é baita escritor, mas pinta as unhas para convercer a mulher a não ter que lavar louça.
    Concordo que ‘xixizinho’ deve ser aquela aguinha que sai do tiquinho de um gurizinho, e tiquinho de gurizinho não é o que as mulheres procuram, mas alerto: não siga demais as instruções do Fabrício.
    Até…

  • Sávio Aires

    Pow… eu sempre falo o que vou fazer pra minha namorada… “vou dar uma cagada!!!”, “vou ali peidar!”… Só pra sadanear, irritar… vai ver o cara tava fazendo isso ou então um charminho… sei lá….
    Agora se o caso se trata-se de um primeiro encontro o cara mandou mal!!!!!

  • http://twitter.com/gabrielvinicius Gabriel Alves

    O melhor é falar vou ali no banheiro e já volto, sem a necessidade de detalhes do que vai ser feito.

    Dizer que vai ser um “número 1 ou número 2″ para mulher é mancada também!

  • http://twitter.com/gabrielvinicius Gabriel Alves

    O melhor é falar vou ali no banheiro e já volto, sem a necessidade de detalhes do que vai ser feito.

    Dizer que vai ser um “número 1 ou número 2″ para mulher é mancada também!

  • http://www.hynd.com.br/ Jorge Maluf

    Foda-se o que cara fala. As vezes ele poderia estar completando uma piada com ela e por isso falou “xixizinho” – existem muitas variantes. – Mesmo se o cara falou “xixizinho” porque é a maneira de ele falar realmente, sempre – todas as vezes – então faz parte do ser dele e independente da palavra o importante é a energia.

    Pra mim é besteira isso até porque todos nós sabemos que a linguagem verbal é a menos importante.

    Sempre me zoam porque eu falo que é hora do “recreio”. Idai? ¬¬ É hora do recreio mesmo, porra!

    Abraços! ^^

    • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

      “a linguagem verbal é a menos importante.”

      Entendo que pode ser assim pra você, mas pra mim ela é essencial e inseparável das outras linguagens pelas quais atuamos.

      “Hora do recreio” é bacana, lembra bons períodos.

      E, sim, o cara poderia estar sendo irônico e eu não o conheço, há sempre outras possibilidades. Mas escrevi sob o contexto de ele estar falando sério, até porque só eu vi a cara que a mulher fez. Acho que nem ele viu direito.

      • http://www.hynd.com.br/ Jorge Maluf

        uHAEUAheuAHE. Aí sim. A expressão da mulher deve ter sido tudo. Mas mesmo por cima do contexto de ele estar falando sério – mesmo EU concordando que é ridículo falar “xixizinho” – cada um cada um. As vezes o cara está usando uma calcinha como roupa de baixo, aUUAheuAHEUahe.

        Viva ao recreio! o/

        Abração. ^^

      • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

        Certo que sim: cada um, cada um. Ele fala “xixizinho”, eu tiro sarro no PdH. É isso.

      • Rafael

        Ok, Gitti. E se uma mulher falar para ti “vou dar uma mijada alí, velho!”?

      • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

        Porra, Rafael, aí eu vou com ela, cara!

      • Rafael

        Ok, Gitti. E se uma mulher falar para ti “vou dar uma mijada alí, velho!”?

      • Rafael

        Ok, Gitti. E se uma mulher falar para ti “vou dar uma mijada alí, velho!”?

      • Rafael

        Hahahaha. Ok, vou mudar a pergunta: E se a sua namorada falar para ti “vou dar uma mijada, beleza?”? (acho que a resposta não vai mudar… Mas vou tentar. ;P)

      • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

        Ah, a gente brinca disso o tempo todo, principalmente porque ambos sabemos como é complicado quando um namoro vira amizade, “parceiragem” e só. Então às vezes falamos como “manos” ou “brothers” um pro outro.

        Mas se ela falasse isso serião, seríssimo (o que eu não consigo nem imaginar), eu certamente ia tentar defendê-la e salvar a relação com um “HAHAHAHAH”, deixando claro que entendi aquilo como uma piada e principalmente FAZENDO aquilo ser uma piada.

        Homem tem de ser generoso, né?

      • Rafael

        Exato! Mas mulher tem que ser generosa também, né?

      • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

        Faz parte da nossa generosidade não cobrar ninguém disso. Nem mulher, nem ninguém. A gente simplesmente é, pronto. Se o outro vai ser ou não, isso não nos interessa.

      • Rafael

        Exato! Mas mulher tem que ser generosa também, né?

      • Rafael

        Exato! Mas mulher tem que ser generosa também, né?

      • http://www.hynd.com.br/ Jorge Maluf

        Se a minha namorada fala isso eu falo: “Beleza, eu vou te ajudar a balançar.” XD.

      • Rafael

        Hum… Parece que você está com a mesma idéia que a minha. Você colocou “tem de” para os homens e eu coloquei um equivalente “tem que” para as mulheres justamente para mostrar que não há necessidade de impôr nada para ambos os sexos.
        Se usar “xixizinho” ou não, não faz diferença… Se fez, o problema está na pessoa em que vê tal diferença com algum valor como, por exemplo, desqualificação (“o cara não é elegante”, “é broxante” ou qualquer sentença de mesmo gênero).
        O homem falou xixizinho, e daí? A mulher falou mijar, e daí? Não sei porque tanta caras e bocas!
        Se houve generosidade, não foi no momento que surgiu essa discussão ou a “cara” da mulher. Só vi julgamentos, sinto muito.

  • http://www.hynd.com.br/ Jorge Maluf

    Foda-se o que cara fala. As vezes ele poderia estar completando uma piada com ela e por isso falou “xixizinho” – existem muitas variantes. – Mesmo se o cara falou “xixizinho” porque é a maneira de ele falar realmente, sempre – todas as vezes – então faz parte do ser dele e independente da palavra o importante é a energia.

    Pra mim é besteira isso até porque todos nós sabemos que a linguagem verbal é a menos importante.

    Sempre me zoam porque eu falo que é hora do “recreio”. Idai? ¬¬ É hora do recreio mesmo, porra!

    Abraços! ^^

  • http://twitter.com/thiagokiwi Kiwi

    Assim como é ridículo para um homem falar “vou fazer um xixizinho”, acho bem deselegante para a mulher dizer “vou mijar”. Dá impressão que ela vai botar um pau de 30 cm pra fora quando chegar ao banheiro. Pra mim, homem mija e mulher faz xixi.

    • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

      Pois é, Kiwi, concordo contigo.

      Idealmente, claro, qualquer um fala o que quiser e não tem como julgar quem é melhor. Mas vivemos em mundos de linguagem e cada palavra traz uma energia específica, quase um movimento em si mesma, então faz toda diferença, sim, se uma mulher fala “Vou mijar” ou “Vou ali, graciosamente, fazer um discreto xixizinho e já volto, meu bem”. hahaha

      • Rafael

        Parece mais que há um colocação de chifre em cabeça de cavalo do que uma diferença real. Eu falo “vou no banheiro” porque é neutro e não tem essa agregação de valores inútil (ou útil, para alguns, watever).
        Enfim, mulher que faz “caretinha” quando ouve xixi da boca de homem (Toma! Imaginem isso agora! hahaha!) é no mínimo risório. ;-]

      • Rafael

        Parece mais que há um colocação de chifre em cabeça de cavalo do que uma diferença real. Eu falo “vou no banheiro” porque é neutro e não tem essa agregação de valores inútil (ou útil, para alguns, watever).
        Enfim, mulher que faz “caretinha” quando ouve xixi da boca de homem (Toma! Imaginem isso agora! hahaha!) é no mínimo risório. ;-]

      • Rafael

        Parece mais que há um colocação de chifre em cabeça de cavalo do que uma diferença real. Eu falo “vou no banheiro” porque é neutro e não tem essa agregação de valores inútil (ou útil, para alguns, watever).
        Enfim, mulher que faz “caretinha” quando ouve xixi da boca de homem (Toma! Imaginem isso agora! hahaha!) é no mínimo risório. ;-]

      • Fábio H.

        Pois é Gustavo, disse tudo! Certamente há a liberdade de expressão, no entanto também há a liberdade de interpretação, o que complica tudo nessa vida!

  • http://twitter.com/thiagokiwi Kiwi

    Assim como é ridículo para um homem falar “vou fazer um xixizinho”, acho bem deselegante para a mulher dizer “vou mijar”. Dá impressão que ela vai botar um pau de 30 cm pra fora quando chegar ao banheiro. Pra mim, homem mija e mulher faz xixi.

  • Eduardo

    se vc anuncia de forma descontraida pra uma namorada de longa data ou uma turma de velhos amigos blz, afinal ja sabem q vc é brincalhão e levam pro lado da piada, já pra uma pessoa q esta conhecendo… complicado msm, sempre usei a expressão “um minuto e ja venho” , bom saber q o caminho esta certo rss

    Sobre o tema elegância seria muito interessante hein, aguardemos

  • Eduardo

    se vc anuncia de forma descontraida pra uma namorada de longa data ou uma turma de velhos amigos blz, afinal ja sabem q vc é brincalhão e levam pro lado da piada, já pra uma pessoa q esta conhecendo… complicado msm, sempre usei a expressão “um minuto e ja venho” , bom saber q o caminho esta certo rss

    Sobre o tema elegância seria muito interessante hein, aguardemos

  • http://twitter.com/elmarbonfim elmar bonfim

    ruido cosmico kkkk

  • http://twitter.com/elmarbonfim elmar bonfim

    ruido cosmico kkkk

  • Valquíria

    Boa lembrança Gitti!

    Não tem nada mais irritante quando um cara que tu mal conhece sai contigo e diz algo tão específico como isso. Com certeza já desce um pontinhos na minha escala…

    E aguardo ansiosa pelo post sobre elgância. Tem muito cara por aí que não sabe o que é isso. Aliás, acham que é uma questão de saber se vestir, pra mim é muito mais: atitude.

  • http://twitter.com/elmarbonfim elmar bonfim

    ruido cosmico kkkk

  • Anônimo

    Basta dizer “Vou ao banheiro”. Simples assim. O cara levou a mina pra almoçar (comida, se alimentar), e diz que vai fazer “qualquer coisa” (mijar, cagar, cheirar um pó, fumar um bagulho…) é, simplesmente, um tonto, um sem-noção. Bastaria dizer “Vou ao banheiro”.

    Simples assim.

  • Anônimo

    Basta dizer “Vou ao banheiro”. Simples assim. O cara levou a mina pra almoçar (comida, se alimentar), e diz que vai fazer “qualquer coisa” (mijar, cagar, cheirar um pó, fumar um bagulho…) é, simplesmente, um tonto, um sem-noção. Bastaria dizer “Vou ao banheiro”.

    Simples assim.

  • http://twitter.com/botinapreta Anarchy

    e eu aqui gastando tempo….curioso como a gente se interessa…mas, deixa o cara fazer seu xixizinho gente!..cada um escolhe a fala que acha melhor pro ouvido do momento…e vamos agradecer que ele não tenha ido fazer um cocozinho…kkkk

  • http://twitter.com/botinapreta Anarchy

    e eu aqui gastando tempo….curioso como a gente se interessa…mas, deixa o cara fazer seu xixizinho gente!..cada um escolhe a fala que acha melhor pro ouvido do momento…e vamos agradecer que ele não tenha ido fazer um cocozinho…kkkk

  • http://twitter.com/botinapreta Anarchy

    e eu aqui gastando tempo….curioso como a gente se interessa…mas, deixa o cara fazer seu xixizinho gente!..cada um escolhe a fala que acha melhor pro ouvido do momento…e vamos agradecer que ele não tenha ido fazer um cocozinho…kkkk

  • Corvo

    É uma bichonaaaaa !!!! ahahahahahaha

  • Corvo

    É uma bichonaaaaa !!!! ahahahahahaha

  • http://twitter.com/botinapreta Anarchy

    deixa o cara fazer seu xixizinho gente e vamos agradecer que o motivo não tenha sido “o outro”….ehehe

  • http://twitter.com/botinapreta Anarchy

    deixa o cara fazer seu xixizinho gente e vamos agradecer que o motivo não tenha sido “o outro”….ehehe

  • http://twitter.com/botinapreta Anarchy

    deixa o cara fazer seu xixizinho gente e vamos agradecer que o motivo não tenha sido “o outro”….ehehe

  • http://pulse.yahoo.com/_UMPR2PRZZ2PQURJJNYYUJZ7IFU Gerlandy

    É papo de homem, mas não entre homens então uma menina pode comentar né?
    Como já foi falado não precisa especificar, as meninas agradecem mesmo. Uma vez um carinha quis ser tão educadinho q pediu licença para soltar um pum. Se afastou um pouco e deve ter feito, mas sem barulho. Meldels! q coisa ridícula.

    Meninos e pior do q dizer q vai soltar um pum ou fazer um xixizinho é apelidar o seu pênis de “machuquei meu piu piu”. Falar isso p uma mulher é a morte. Nem meu sobrinho de 3 anos tem piu piu.
    A sentença poderia piorar se ele falasse, vou ali fazer um xixinho, pois meu piu piu não aguenta.
    É a morte

    • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

      “É a morte” hahaha To falando. É algo que o universo não espera. Reverbera até hoje. Deve ter chegado no ouvido de Deus…

      Sobre o papo ser homem, claro, o PapodeHomem tá cheio de mulher lendo e comentando. Nós gostamos.

  • Silvana Dalmaso

    Eu acho o Fabrício Carpinejar maravilhoso! Poético e se esforço pra entender a alma feminina e masculina também. É claro que os “machinhos” não gostam dele dele justamente porque ele questiona as ideias de “homem macho”. Eu recomendo seus livros inclusive as poesias.

    • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

      “ele questiona as ideias de “homem macho”"

      Às vezes, mas muitas vezes ele reforça a posição masculina (como em algumas crônicas desse livro, Canalha), o que eu acho muito importante hoje em dia.

  • Silvana Dalmaso

    Eu acho o Fabrício Carpinejar maravilhoso! Poético e se esforço pra entender a alma feminina e masculina também. É claro que os “machinhos” não gostam dele dele justamente porque ele questiona as ideias de “homem macho”. Eu recomendo seus livros inclusive as poesias.

  • Silvana Dalmaso

    Eu acho o Fabrício Carpinejar maravilhoso! Poético e se esforço pra entender a alma feminina e masculina também. É claro que os “machinhos” não gostam dele dele justamente porque ele questiona as ideias de “homem macho”. Eu recomendo seus livros inclusive as poesias.

  • Fabianne

    O que é feito no banheiro deve ficar por lá…em outras circunstâncias até fica engraçado o cara contar o q vai fazer, mas no restaurante? Princípio básico de educação né? Nada de papo escatológico em restaurante! Quanto ao “xixizinho”, pode até ser que no momento eu ache engraçado, mas depois vou começar a ficar preocupada e pensar q o cara é meio fruta. Melhor ouvir um “vou mijar” iou “vou cagar” e ter a certeza q o cara é macho mesmo…rsrsrs

  • Letícia

    Eu vivo corrigindo meu filhote de 4 anos para que diga “fazer xixi” em detrimento do “vou mijar”. Pq nessa idade eles dizem mesmo e eu acho deselegante (pra manter a palavra de ordem)… rsrs… Até que um dia ele me corrigiu: “_Mamãe eu vou mijar!!! Quem faz xixi é menina!!!” Falar o q??? risos

    • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

      Menino sábio o seu, Letícia.

      • Polly

        Seu garoto está correto, Letícia. Alguém o ensinou bem. Eu só acho que você deve acrescentar uma informação que ele talvez não saiba, já que nessa idade só há um tipo de meninas – a chata!
        A informação necessária para o futuro é: Há meninas genéricas e há meninas finas e elegantes. As meninas genéricas de fato fazem xixi ou simplesmente vão ao banheiro. As meninas elegantes vão ao toilette ou se levantam dizendo “com licença”. Hahaha.

      • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

        E algo que poucos homens sabem: o mais correto é o cara se levantar junto quando a garota vai ao banheiro. O cara levanta e depois senta de novo. ;-)

        É ÓBVIO que não precisamos fazer isso sempre (eu nunca faço), mas uma vez na vida é bom experimentar, jogar com essas etiquetas todas.

      • Polly

        Ah… só esclarecendo que nós, mulheres elegantes, não curtimos homens que falam que vão fazer um xixizinho, não. O mais provável é que ele encontre a mesa vazia na volta…

    • http://www.papodehomem.com.br/ Guilherme Nascimento Valadares

      HUAHUAHUAUHUAUHAUHA

  • Dr Health

    Use o benefício da dúvida: “Vou-me já”

    O que há de mal educado nessa frase? (a culpa não é minha se a fonética dá margem a outra interpretação)

    • Marco Antônio

      Tai Dr Health, o “Vou-me já” é o curinga a ser usado! auhsuahsuahsauhs

      mudando de assunto, seus posts estão escassos! Alguma previsão p retomada?

      • Dr Health

        Novembro, M.A.

        Tô com umas pautas em mente, e assim que eu voltar de férias, é nois na fita

  • Dr Health

    Use o benefício da dúvida: “Vou-me já”

    O que há de mal educado nessa frase? (a culpa não é minha se a fonética dá margem a outra interpretação)

  • http://Site Theodoro

    Certa vez rolou um clima entre eu e uma garota (ja estavamos nos vendo há algumas semanas) e acabou que ela foi lá pra casa e tals… enfim, depois do lance consumado, eu caí na besteira de dizer com certa ingenuidade e até em tom de brincadeira:
    —- Vou dar um mijão!
    E lá fui eu para meu banheiro. Não é que a garota mudou completamente quando eu voltei. Não entendi nada. Sabia que ela tinha gostado da transa, foi bem bacana pra ambos. A gente sempre sabe. Enfim, desapareceu.
    Um certo dia, depois de alguns meses, encontrei uma amiga dela meio desbocada, e ela perguntou da amiga e tals. No final essa amiga me disse que a Fulana ficou “puta” porque eu disse que ia dar um inocente “mijão”, auauauauau.
    Mulheres são mesmo foda. Vai entender. Só sei que depois desse episódio nunca mais digo isso na frente de mulher nenhuma que eu queira conhecer melhor.
    hehe…

  • Anônimo

    Gente eu ri com esse post sério ainda mais porque trabalho com muitos homens e sempre escuto essas coisas…. mas eu não tenho problema com o cara falar que vai fazer um xixizinho, (sei lá aquela história não acho nem bom nem ruim), agora não gostaria de estar nessa situação e o cara levantar dizendo que vai mijar… Acredito que não precisa dizer nada horas, somente um vou ao banheiro funciona muito bem, agora vou te falar Gitti adoro o Capinejar… muitoo, as vezes tenho quase orgasmos como sua namorada , ms claro que as vezes acho bobo…como tudo né…

  • Flavio

    Gitti, é extramente comum que eu discorde de você.

    Dito isso, esse texto foi genial!

    • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

      Porra, Flavio, assim você tira a graça da coisa.

      Aguardo futuros comentários seus, então. Com discordâncias e pés no peito.

  • http://twitter.com/mateusnp Mateus Navarro

    Macho que é macho bate a mão na mesa e fala que vai dar uma urinada no maior estilo Tropa de Elite de ser. Hahahahah!

    Brincadeiras a parte deve ter sido muito engraçada a situação. Agora engraçado mesmo aconteceu um dia desses em uma mesa de bar quando um dos meus amigos me solta que após limpar a casa prefere mijar sentado para não sujar a borda do vaso.

    Como ele mesmo se justificou: “Companheiros… na rua eu mijo em pé no estilo macho, mas em casa… onde vou sentar pra cagar, mijo sentado no estilo Dona Flor porque sou eu que limpo aquela merda.”

    Bom, não que ele esteja errado… mas houveram ÓTIMAS piadas e boas gargalhadas em relação ao comentário.

  • http://www.facebook.com/vitor.e.lourenco Vitor Emanuel Lourenço

    Fiz xixizinho de tanto rir. Que pateta… hahaha! Espero que esse xixizinho seja alguma piada interna do casal.

  • Marcela

    Hahah gente, quanto drama por conta do nosso xixi, pelamor!! Ok, ok, xixizinho é muito girlie mesmo, não falem isso, meninos. Menina faz xixi, menino mija, e ponto. Gitti, ótima idéia um post sobre elegância, quero ler, principalmente se falar também sobre elegância/gafes na cama. Assunto muito interessante para todos. Bjs!

  • Anônimo

    Digo-vos, companheiros:
    Na minha cidade natal, Salvador, há (se é que ainda existe) um bar razoalmente bem freqüentado (bar não-meia-boca) de nome “Casa Amarela”, onde as palavras “Xixi” e “Mijo” são os únicos identificadores nas portas dos banheiros.
    Todo mundo dá risada, mas ninguêm se atrapalha na hora de escolher a porta (ao menos, de acordo com o que os garçons falam…).

    • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

      GENIAL!

      • Anônimo

        Do cacete a idéia!!! :D
        Mas eu te conto o seguinte, ilustre Gitti: Certa vez, em uma das minhas muitas idas à esse bar, ao me dirigir ao banheiro fui questionado por uma menina sobre qual destino ela deveria seguir… Ela “não tinha certeza e não queria constrangimentos”, me disse ela.
        Minha resposta de vagabundo: Siga seu coração, meu bem!
        Resultdo: Ela foi fazer xixi…

      • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

        Boa, Artemides!

        Cara, sabe o que mais você poderia ter feito?

        Se colocar como uma terceira porta com cara de “Escolha eu”, dizendo algo como “Sempre tem uma terceira opção de destino”.

        Ia ser hilário.

      • Anônimo

        Cara,Não duvido nada que alguém já tenha feito uma brincadeira dessas por lá!!! Esse bar era bem conhecido por ser um ótimo ponto de encontro para azaração (isso se não continua sendo…).No caso da dita mocinha, confesso que me faltou pilantragem no sangue. Deixarei sua dica anotada para a próxima! :DGrande Abraço!

      • Anônimo

        Cara,Não duvido nada que alguém já tenha feito uma brincadeira dessas por lá!!! Esse bar era bem conhecido por ser um ótimo ponto de encontro para azaração (isso se não continua sendo…).No caso da dita mocinha, confesso que me faltou pilantragem no sangue. Deixarei sua dica anotada para a próxima! :DGrande Abraço!

  • Marcos Saturno

    Tem uma história boa, parecida.

    Um camarada meu foi pra Inglaterra, morar um tempo lá e foi encher a cara com uns cana-braba locais. No meio da noite o cara levanta e fala: “excuse-me, ‘im going to wee-wee.”

    Os caras caíram na risada o resto da noite. O apelido dele virou esse: wee-wee (algo como “pipí” em inglês).

    Depois desse dia ele nunca mais esqueceu que é assim que se fala: “I’m going to piss!” (deixando voar um cuspe da boca quando se soletra o “p”. Hehehehhe)

    • Rafael

      Hahahaha Wee-wee foi ótimo! Quando falou em Inglaterra pensei logo em “I gota pee” ou coisa assim. Acho que eu seria zoado também. Hahahaha

  • Marcos Saturno

    Tem uma história boa, parecida.

    Um camarada meu foi pra Inglaterra, morar um tempo lá e foi encher a cara com uns cana-braba locais. No meio da noite o cara levanta e fala: “excuse-me, ‘im going to wee-wee.”

    Os caras caíram na risada o resto da noite. O apelido dele virou esse: wee-wee (algo como “pipí” em inglês).

    Depois desse dia ele nunca mais esqueceu que é assim que se fala: “I’m going to piss!” (deixando voar um cuspe da boca quando se soletra o “p”. Hehehehhe)

  • http://www.facebook.com/leonora.ling Leonora Berrini

    Que debate engraçado *rs*. Quanto a questão do xixizinho, acho bem mais polido do homem dizer simplesmente que vai ao banheiro, sem especificar o que irá fazer lá dentro, apesar de que, confesso que ou acharia horrendo ou riria se o cara virasse pra mim e dissesse que vai dar uma mijada ^^’. Acho que pode ir da intimidade também e do perfil do casal. Vejo alguns casais que fazem piada disto constantemente, inclusive sobre o nº 2 (o que na minha opinião soa bem pior) ^^’. Eu também acompanho o Carpinejar no Twitter (nunca li nehum livro dele), e acho engraçado como ele oscila entre esta quebra de padrões do que é feminino e do que é masculino, e ao mesmo tempo as vezes consegue soar extremamente machista. Fico no aguardo pelo post sobre elegância também.

  • http://www.facebook.com/leonora.ling Leonora Berrini

    Que debate engraçado *rs*. Quanto a questão do xixizinho, acho bem mais polido do homem dizer simplesmente que vai ao banheiro, sem especificar o que irá fazer lá dentro, apesar de que, confesso que ou acharia horrendo ou riria se o cara virasse pra mim e dissesse que vai dar uma mijada ^^’. Acho que pode ir da intimidade também e do perfil do casal. Vejo alguns casais que fazem piada disto constantemente, inclusive sobre o nº 2 (o que na minha opinião soa bem pior) ^^’. Eu também acompanho o Carpinejar no Twitter (nunca li nehum livro dele), e acho engraçado como ele oscila entre esta quebra de padrões do que é feminino e do que é masculino, e ao mesmo tempo as vezes consegue soar extremamente machista. Fico no aguardo pelo post sobre elegância também.

  • http://twitter.com/rafzan rafael zanetti

    perai galera q eu vo ali passa um fax

  • Bruno Cavalcanti

    Eu nem comento. Apenas levanto-me, peço licença e vou “dar aquela mijada”.

  • http://www.facebook.com/people/Douglas-Henrique/100000196772990 Douglas Henrique

    Vocês estão esquecendo do “numero 1″. :P

    “Dar uma mijada” também é clássico.

  • Rodrigocarlomagno

    Usem estas folks:

    Nº1: Vou ali fazer uma cascata dourada e já volto
    Nº2: Vou na casa do Pedrinho

    abs e diz aê

  • Débora

    Eu geralmente “mijo” com as minhas amigas e “vou no banheiro” com o meu namorado.
    Pra não perder a classe na frente dele, mas com as amigas não ligo de ser escrachada… na verdade nem ele ligaria, mas fico com vergonha.

  • http://twitter.com/fcsoaress Fernando Soares

    Simples questão de proporcionalidade. A fala remete ao poderio do membro.
    Entre amigos sempre mandamos essa… Mijar/mijada é padrão, xixi é aloprado pelo resto da semana, mijão é o mais usado (nosso ego é meio inflado).

    Posto que, xixizinho, denuncia claramente as intenções do ser: foge guria, esse dai quer pegar seu lápis de olho.

  • Dine

    Xixizinho é broxante vindo de qualquer pessoa, principalmente de homem!
    Mas eu mijo (sou mulher) e niguém pode me julgar beleza?!
    hahaha

  • http://pulse.yahoo.com/_2T3XBJ5ESWWWQCXHS5CC6Y3LVQ Daniel A

    Eu digo que homem mija e caga. Mulher faz xixi e cocô. Velhos urinam e evacuam.

  • http://pulse.yahoo.com/_2T3XBJ5ESWWWQCXHS5CC6Y3LVQ Daniel A

    Eu digo que homem mija e caga. Mulher faz xixi e cocô. Velhos urinam e evacuam.

    • Adunco

      Corrobora o Carpinejar: homens na real, mulheres no eufemismo, e velhos no laboratorial da coisa.

  • http://www.facebook.com/katyanecristina Katy Cris

    As pessoas vão ao banheiro. É unissex e educado. ninguém precisa saber detalhes do que vai fazer lá, até pq todo mundo sabe, né?

  • Luciano

    Eu sempre digo que vou na “casinha de força” e pronto

Papo de homem recomenda

Assine o Papo de homem

Curta o PdH no Facebook
  • 5140 artigos
  • 647394 comentários
  • leitores online