A punheta matou minha vida sexual

Autor Anônimo

por
em às | Corpo são, Relatos, Sexo


Já acordo com os olhos na categoria “Amateur” do Pornhub, bato uma punheta e só então levanto para tomar café e escovar os dentes. Me apronto e sigo o rumo do escritório de advocacia onde sou um dos sócios. Depois do almoço, me tranco no banheiro e bato outra punheta, agora pensando nas ex-namoradas. A maioria delas atua melhor nos meus pensamentos do que na cama. Rebolam no meu pau, me chupam e imploram para que eu coma de quatro. Quando o dia está quase no fim, coloco um filme pornô na TV e bato a terceira punheta. Só depois vou pra cama.

Esta é minha vida há três anos. Dá umas 4500 punhetas.

Nunca me incomodou essa rotina. Penso na punheta como um gesto saudável. Chego a pensar que a punheta é o verdadeiro sexo: é você consigo mesmo desbravando prazeres sem depender de mulher nenhuma.

O álcool aumenta o desejo mas diminui a performance. Qual você prefere?

O álcool aumenta o desejo mas diminui a performance. Qual você prefere?

Saio sempre com mulheres. Devido à posição que conquistei nos meus 43 anos de vida, me tornei muito procurado. Sou um homem bem apanhado e rico. Pago jantares e festas. As mulheres me chamam para sair. Com algumas, vou pra cama. Sempre brocho.

Tenho evitado dormir com mulheres porque me sinto mal. Brochar é péssimo e eu não sabia o que era isso até meus quarenta anos. Brochei a primeira vez com uma namorada. Queria fazer ela gozar, queria que meu pau fosse a viga que sempre foi, mas não consegui. Brochei com ela de novo uma semana depois. A partir daí, brochei sempre.

Hoje, consigo manter uma ereção apenas com filmes pornográficos e com a minha imaginação. Não consigo mais fazer sexo com uma mulher. Viagra resolve, mas sou contra usar remédios pra isso.

Até os super-heróis brocham. E olha que a Jade é gostosa pra caralho, apesar de meio psicopata. Ou talvez por isso.

Até os super-heróis brocham. E olha que a Jade é gostosa pra caralho, apesar de meio psicopata. Ou talvez por isso.

Tentei viagra três vezes. Como meu pau não subia com a namorada, ela me pediu para usarmos. Fizemos isso apenas uma vez, pois me senti desconfortável. É muito incômodo ficar com o pau duro quatro horas seguidas. Depois, usei mais duas vezes, com mulheres diferentes, para impressioná-las, mas só porque estávamos em outra cidade e eu sabia que não as veria mais. E nunca mais, porque sei que ficar tomando remédio não faz bem.

Já paguei puta. Ela me chupou meia hora e nada de subir.

Já paguei psicoterapeuta. Acabei saindo com ela, mas brochei.

Já tentei ficar uma semana sem punheta, por sugestão da psiquiatra. No sexto dia, saí com uma mulher e o pau não subiu. Não acho que o excesso de punheta é o que me brocha.

Pode ser coisa da minha cabeça, algum distúrbio psicológico. Não é normal um homem na minha idade não conseguir ficar de pau duro com mulheres e só na punheta. Mas é o que tenho feito.

Hoje, não consigo mais ficar de pau duro diante de uma mulher. Só bater punheta. Eu queria me casar e ter filhos, o sonho de todo homem, mas não vou conseguir. Seria trágico se não fosse cômico: a punheta pode destruir os sonhos de um homem.

Aviso Importante da Equipe PapodeHomem

O texto acima é um depoimento de um leitor que preferiu permanecer anônimo. A inferência de que excesso de punheta faz brochar é do próprio autor – não nossa ou da comunidade científica. Ele mesmo parece ambivalente a respeito, uma hora diz que sim, outra que não. O depoimento do autor é verdadeiro, e ele está sofrendo, e por isso publicamos, mas não quer dizer que nós ou vocês devamos necessariamente concordar com os diagnósticos ou conclusões do texto.

O fato do autor dizer que bateu muita punheta e ficou brocha não quer dizer que você que bate muita punheta também vai ficar brocha, e, caso você bata muita punheta e já esteja brocha, não quer dizer que sua impotência seja causada pelo mesmo motivo que a dele. Na verdade, não quer dizer nada. Pode bem ser que os dois batam muita punheta e os dois ficaram brochas, mas foi por misturar pimenta no pó de café. Que é um exemplo hipotético, aliás.

De qualquer modo, a experiência dele não tem necessariamente nada a ver com a sua, amigo leitor. A internet é muito legal e talz, ganhamos a vida escrevendo na web e é muito melhor do que ter um emprego honesto como queriam nossas avós, mas ela não substitui o contato pessoal com profissionais especializados. Em caso de impotência, procure um urologista e um psicólogo.

Antes de ir embora, recomendamos a todos (e especialmente ao nosso autor anônimo) que leiam nosso outro texto sobre o assunto: Os efeitos do excesso de pornografia.

007, licença para brochar.

007, licença para brochar.

Autor Anônimo

Identificação coletiva e anônima, usada por autores ou leitores PapodeHomem que querem escrever artigos ou contar suas histórias sem abrir mão do sigilo.


Outros artigos escritos por


SEPARAMOS MAIS TEXTOS PARA VOCÊ CONTINUAR LENDO




O texto acima não representa a opinião do PapodeHomem. Conheça a visão e a essência por trás do que fazemos. Queremos uma discussão de alto nível. Antes de comentar, leia nossas boas práticas. Caso deseje enviar um texto e se tornar um autor, venha por aqui.


  • http://www.facebook.com/vgprates Vanessa Prates

    Ué, gente, kd os comentários?

    • http://www.facebook.com/people/Clara-Andrade/1301551499 Clara Andrade

      O texto é recente e muitos comentários vão sumir porque os haters não encontrarão brecha depois do aviso do editor. É uma pena o PdH ter que perder tempo explicando como os textos apenas ilustram uma situação de vida e não o segredo da caixa de pandora, mas é necessário. Eu estava perdendo o tesão em ler comentários, era colocar a polêmica na mesa pra vir o martelo: “o PdH já foi melhor…”. Dá pra polemizar sem ser chato, já vi inúmeras discussões ótimas aqui sem concurso de o-meu-é-maior-que-o-seu.

      • Anonimo

        Está claro que o Editor lançou “sua” explicação advogando em causa própria, com receio de haver um consenso que a punheta traz impotência e ele se sentir culpado, porém fazendo seu comentário ele já se adiantou no seu posicionamento, traduzindo em outras palavras ele disse:

        -Não venham dizer que que a punheta faz mal por que sou punheteiro a favor da promiscuidade e no meu blog a ultima palavra é minha, tenho dito!
        O problema aqui é que a maioria das pessoas pensa que a felicidade só existe por causa do sexo, se não fosse o sexo ninguém seria feliz, mas existe outras formas de ser feliz, vocês não acham que deve existir? senão quem perder a capacidade de copular está lascado, será infeliz por resto da vida, quem ficar impotente ou perder o pinto também.
        Uma frase boa que li em algum lugar dizia que promiscuidade nunca foi felicidade.
        Talvez o anônimo impotente do texto esteja passando por isso, procurando felicidade no lugar e do jeito errado.
        Eu acredito que ele vai resolver seu problema, pois o problema está dentro da cabeça dele.

        Fonte para minhas considerações: Experiencia própria (tenho 43 anos e passei por isso)

  • Freelancer

    verdade! em 3 horas e so alguns comentários… talvez porque não tenha muito o que comentar. O assunto é complexo demais e como o texto é um depoimento “cru” não oferece material para discussão.

  • http://nefer4sex.blogspot.com/ Igor Nefer

    Longe de mim querer minimizar o sofrimento do autor, porém eu creio que esse “autodiagnóstico” dele não seja a forma mais prudente de agir. Infelizmente, nós homens não temos o bom hábito de procurar médicos ou outros especialistas para cuidar de nosso bem estar físico e mental. Especialmente quando se trata de sexo. Vergonha, orgulho, ect… são coisas que acabam nos impedindo. Enfim, creio que apontar um hábito como causador dos seus problemas sem antes procurar alguém que sabe do assunto seja um grande passo rumo ao fundo do poço.

  • http://www.facebook.com/people/Álex-Fernando/100002448501415 Álex Fernando

    Cada um é cada um e cada caso é cada caso!

  • http://www.baixinhoinvocado.blogspot.com Wagner Villa Verde

     O único comentário que posso fazer é que o assunto é tão sério e o contéudo tão pessoal que a própria equipe PdH fez questão de deixar bem claro que não tem nada a ver com isso. Mas uma coisa é certa … que muitas vezes é esse mesma equipe que nos ajuda nas mais loucas fantasias sexuais e ainda com belíssimas imagens femininas para nosso processo de masturbação … isso não resta a menor dúvida para mim !!

    A preocupação agora é … o PdH ajuda nossos estímulos e nos torna mais competentes sexualmente e como homens … é essa mesma equipe está nos distanciando de nossa virilidade ??

    Prefiro acreditar na primeira … tem sido assim para mim !!

    • Olavo junior

      Gostei do seu comentario,concordo em numero genero e grau.

  • http://www.estrategistas.com/ Paulo Roberto

    > “Pode ser coisa da minha cabeça, algum distúrbio psicológico. Não é normal um homem na minha idade não conseguir ficar de pau duro com mulheres e só na punheta. Mas é o que tenho feito.”

    Parece que desistiu, cara.Continue cavando fundo e você acha alguma coisa. 
    Só não vale se entregar à masturbação, “porque é assim que as coisas funcionam comigo”.

  • http://contraargumento.com Felipe Oliveira

    Legal o PdH expor isso. Acredito que seja um problema psicológico mesmo, onde ele deveria procurar um urologista e um psicólogo mais uma vez.

  • http://www.facebook.com/killersandro Sandro Guedes de Souza

    Acho que é psicológico, na real. Parece mais algo do tipo “só me sinto seguro comigo mesmo” do que necessidade de remédios para impotência. Afinal, se fosse impotente, não levantaria com a própria mão, né?

  • http://tenholaminhasduvidas.blogspot.com/ Marcelle Gália

    Eu abraço o palpite da auto-sugestão. O cara mergulhou no mundo da pornografia e perdeu o gosto pela realidade, nada mais é tão bom…possível que vá aos encontros já pensando na próxima brochada. 
    Talvez a resposta esteja nos vídeos. Que tipo de cenas prefere, tipo de mulher…usar o fetiche a favor. Pagar uma prostituta pra fazer um boquete não é lá uma fórmula mágica. Ele precisa saber o que está procurando. ps: eu prefiro a categoria “dancing” ou a “orgy” do pornhub. Se é pra virar rotina, que seja divertido. 

  • Rodrigo

    Tenso, e a mensagem do PdH no fim do texto o deixou com um carater mais sério ainda.

  • Anônimo

    Não vou por a mão no meu pau nem pra mijar, vai que seja verdade isso…

    • IaguinhooO

      é 2 mano ‘-’

  • http://www.facebook.com/people/Marcel-Dantas/100002874949820 Marcel Dantas

    é como o outro texto sobre o assunto diz:

    “a pornografia online não é uma droga, não é um vício, não é um sinal de distúrbio mental, não é sintoma de uma doença: é junk food”se vc alimenta seu cerebro somente com junk food, acaba ficando sem “fome” pra comer coisas normais (mulheres normais).

  • http://www.facebook.com/people/Marcel-Dantas/100002874949820 Marcel Dantas

    mas talvez o fator brochante seja o fato de não conseguir encontrar mulheres q tenham TODOS os atributos necessarios que é encontrado na pornografia

    • Fernanda

      Ai sim,é isso que digo e penso…mas porém tbm não encontramos homens como os dos filmes pornôs…

  • Eduardo Almeida

    Umas das minhas filosofia de vida sexual é: masturbação só quando tiver solteiro. Quem está em um relacionamento, tem que gastar sua potência para parceira.

    • Woman

      Concordo e discordo pelo seguinte motivo: se a frequencia com que você se masturba estiver atrapalhando sua vida sexual com sua parceira é hora de prestar atenção nisso que você falou, mas fora isso é normal o rapaz E a mulher quererem, de repente, ter prazer sozinho um dia que não estão juntos. Acho que deve fazer até bem, afinal, se você não faz sexo consigo mesmo, por que outra pessoa faria? rs

  • http://tenholaminhasduvidas.blogspot.com/ Marcelle Gália

    Paulinha, não é melhor pra vc em nada! Está se submetendo a relações que não proporcionam orgasmo, se frustrando e agravando o seu quadro. Digo que fingir só é válido se você estiver cobrando. O prazer precisa vir de alguma forma =P 

    • Paulinha Mercadante

      Marcelle, eu sei que fingir nao resolve mas o problema nao eh com o meu parceiro… todos que ja tive relacao n consigo gozer de jeito nehum… só gozo me masturbando sozinha :(((

      • http://tenholaminhasduvidas.blogspot.com/ Marcelle Gália

        Resolver o problema sozinha você não vai. Isso se chama masturbação e já sabemos que nesse quesito está tudo bem. Sexo é feito a dois (ou…), então, compartilhe. Esconder dele que não consegue se satisfazer, eliminará a oportunidade de estabelecer um diálogo que possa ajudar a entender a raiz do seu problema. Homens gostam de desafios. Faça-se um, você só tem a ganhar com isso.

  • Mauricio

    O principal orgão sexual do ser humano está entre as orelhas… Quando não existe nenhum problema fisico, é preciso tratar a cabeça….

  • http://www.facebook.com/viictor7 Victor Alexandre

    Tá certo que o fato de se masturbar seja um auto-conhecimento. E sim, algumas vezes é mais prazeroso do que com ‘alguma certa mulher’, afinal, nossa mente emoldura todo o contexto.

    Só penso que isso não deve se tornar algo frequente, a ponto de tomar tempo, de virar rotina. Se punheta desgasta o homem ou não… Talvez… Por via das dúvidas, melhor não né. Nada melhor que uma mulher real.

    Pra mim, o mais importante do sexo, não é só o ato em si, e sim, a química, a presença da mulher em meus braços, aproveitar cada momento de, cada gesto, cada expressão. Isso, nem 4500 punhetas chegam aos pés.

    Abs (:

  • Anônima00

    @font-face {
    font-family: “Cambria”;
    }p.MsoNormal, li.MsoNormal, div.MsoNormal { margin: 0cm 0cm 0.0001pt; font-size: 12pt; font-family: “Times New Roman”; }a:link, span.MsoHyperlink { color: blue; text-decoration: underline; }a:visited, span.MsoHyperlinkFollowed { color: purple; text-decoration: underline; }div.Section1 { page: Section1; }

    Engraçado, ontem mesmo eu estava lendo o texto do Alex
    Castro http://papodehomem.com.br/os-efeitos-do-excesso-de-pornografia/ E lá me identifiquei muito com o comentário da leitora Diana, onde ela fala que só consegue gozar com o companheiro quando pensa em
    imagens de filmes pornôs. Comigo sempre foi assim. Estou casada há 5 anos e
    mais 3 de namoro (ele foi meu primeiro namorado) e sempre gozei assim,
    imaginando cenas de filmes pornôs. Acho que comecei com isso pela pressão (que
    eu mesma me fazia) de ter que gozar. Isso tem me frustrado pra caramba. Já
    houve um tempo que evitava fazer sexo com o meu marido por me sentir muito
    culpada (eu não falo com ele sobre isso). Acho que o fato de uma pessoa só
    ficar de pau duro ou só conseguir gozar com pornografia (ou se pensar nela)
    acompanhado ou não, vem do mesmo problema. Assim como fala o Alex Castro no
    outro texto, não acho que isso seja um problema da pornografia em si ou da
    punheta. E também concordo com ele quando diz que o problema real está no tédio
    pela vida, ou melhor falta de tesão pela vida. Hoje vejo que sempre fui assim,
    com medo da vida, de não me encaixar nela, falta de auto-estima, de me focar
    somente no trabalho e evitar me relacionar com as pessoas por medo de sofrer.
    Meu medo é não conseguir reverter isso…

     

    • Marcos38

      Sou casado e ainda assim batia muita punheta. Com a minha mulher não conseguia mais ter uma ereção satisfatória. As vezes passavamos semanas sem transar. Resolvi (em parte) o problema pedindo para ela bater pra mim. Assim aos poucos minha ereção foi voltando, mais era muito chato gozar na mão dela. Mundamos,… na hora de gozar pedi p ela chupar. A sensação foi maravilhosa, uma punheta com gozada na boca é super gostoso. Hoje ela faz um sexo oral em mim que é melhor que 1.000 punhetas. Mas para chegar a isso, foram 3 meses ela me punhetando e me fazendo gozar todos os dias. Quando eu tinha vontade de bater uma falava com ela e ela resolvia. Ela foi uma grande companheira, posso dizer que me salvou de um problema que eu não via solução.

      • Toni

        Pode me emprestar sua mulher?

      • Fernanda

        e ela?coitada? saía realizada?satisfeita?

      • Lidiane Albuquerque

        Tô com uma peninha da sua mulher…vc deixa ela na mão sempre (literalmente), vai se tratar e dá prazer pra ela tambem.

  • Rafael Dorcel de Souza

    O problema não esta somente no ato da punheta, isso é apenas um consequência, de uma sociedade que esta ficando mais fechada, que só se relaciona pela internet e ainda que rotula tudo, o próprio autor do texto acha que as mulheres só saem com ele, porque ele é advogado rico.
    As pessoas estão perdendo o tesão pela vida, porque eles acham que para poder aproveitar o que o mundo tem para o oferecer, elas precisam do “rótulo X” , da quantidade de dinheiro “Y” e do carro “Z”.

    Eu entendo, é difícil você não fazer parte deste “sistema” que se preocupa mais com o que os outros vão pensar. Mas a vida esta aí, e enquanto você poderia estar descobrindo coisas bacanas que esse mundo tem, você esta preocupado com a sua punheta, seu filme porno e com o que as mulheres vão pensar de suas broxadas. 

    Deve ser vergonhoso e extremamente difícil  para o autor que se acha o advogado bem sucedido e famoso, que paga jantares caros e pega a mulher que quer, admitir que é um BROXA, mas meu filho, você é muito mais do que um cara rico. Pense no que você fazia antes de ter tudo isso, pense em tudo o que aprendeu, porque não pode continuar aprendendo agora também, o dinheiro e o sucesso não podem te impedir de viver a vida como você vivia antes de ter sucesso, e eu aposto que você gostava.

    Procure uma mulher que gosta de você e não do advogado bem sucedido, e eu aposto que você não broxará

    • Gibson00

      broxei na primeira vez e achava q era normal.
      passo tempo um sem bater punheta e nao resisto ,acabo batendo

      • diego

        quero ti conhece

      • Thomaz Aquino

        È exatamente isso que o caro colega Rafael Dorcel disse , isso tem haver com baixa estima , punheta não broxa , pornos também , o que broxa é o emocional , depois de um divórcio fiquei com varias minhas , normal , as vezes dava uma ocilada por causa do emocional que ainda estava abalado por causa do divórcio, mas com prostitutas sem chance , tentei varias vezes uma 10 vezes e foi broxante , mesmo que algumas ficassem como namoradas , beijos coisa e tal , o negocio não subia e se subia , caia em seguida , mas com minas que eu percebia sentimento não meu e sim delas , ai a coisa ia bem demais …conclusão ego ferido , se ele tiver certeza que a mina gosta dele ele não broxará…mas se perceber que esta comprando ..broxará.
        Muitas mulheres precisam de sentimento para ter sexo, ou não rola, todo mundo sabe disso .
        Isso não é normal em homens , mas pode acontecer durante um tempo por levar um pé na bunda dramático.
        Conselho ao amigo procurar alguem disfarçado de um cara mau sucedido , um cara que ganhe 1.000,00 por mes e com pensão a pagar , acretide comi umas munleres feias com com gosto, e broxei com as tops , prostitutas..kkkkkk é me tornei sentimental ,sensível..até que não é tão mau se tornar um ser humano melhor.
        O videos porno é uma forma dele satisfazer suas necessidades ,a hora que ele acertar a mina fica bom denovo, o intereesante é que não broxará mais com prostituas oficiais ou as que saem por causa da posição dele , que não deixa de ser uma forma de prostituição.

    • http://www.facebook.com/bhatecore Bruno Mf

      mto boa sua resposta

    • Guest

      O caso é simples …conheço caras que broxam direto com putas…e essas que ele esta saindo são putas disfarçadas..queem vez de dinhiro vivo, querem estatus.., ou seja ele sabe que não querem ele ..melhor sair com minas que rola um clima mesmo que não taõ bonitas e com corpos admiraveis..sem essa de se exibir com carroes..baladas caras só ramnce mesmo..trocar ideias o sexo esta na mente ..claro que até os 18 que vale é quantidade ,,eu mesmo qd tinha 18 dei umas nove numa noite de carnaval…com varias minas diferentes ..mas depois dos 40 a cabeça muda …a de cima manda mais na de baixo …

    • tati carvalho

      Conheço homens que broxarão depois dos 40 por o emocinal querer namorar e não ficar …precisam ser tipo amados pelo menos um tempo se sentir seguro..el ja disse putas e minas que são como putas,,é isso acha uma menos top começa tipo namorar e tudo fica bem novamente pode até perder a ereção em meio as transas mas não irá broxar..

  • Valdomiro Ribeiro

    Concordo com você! Quando o sexo se tornou banal para ele perdeu-se o verdadeiro tesão. Acredito que antes mesmo de ele passar somente para a punheta ele, mesmo com mulheres, estava fazendo sexo “apenas com si mesmo”, sem a troca que tudo propõe. Vida banalizada torna-se sem sal. CADE O DR. HEALTH???

  • Aldo

    Talvez um psiquiatra do sexo masculino resolva, quem sabe! Um urologista homem, talvez, sim porque aí ele não vai querer sair com o psiquiatra, o urologista, e aí vai tratar, talvez, com mais seriedade e sem medo o vicio da punheta, a impotência sexual e o trato com a s mulheres.

    This guy have problems!

  • Anon

    Hmm. Tem algo muito estranho no texto.

    “Usei Viagra, mas não gosto de ficar 4 horas com o pau duro”.

    Não é assim que o Viagra funciona. Você não fica com o pau duro automaticamente por X oras. Eu sou usuario do remédio, tenho problemas moderados de erecao. O uso do Viagra deixa a erecão vir mais fácilmente, e quando ela vem, vem com mais forca. Mas não é como se passassem gesso no Pau.

    Voce pode ficar ereto com um estímulo muito fraco, tipo usando uma cueca solta de seda ou coisa do tipo, mas sem estímulo nenhum, não sobe. E mesmo com estímulo, o remédio não funciona 100% das vezes. Já até brochei tendo usado viagra (uma única vez).

    Temo que tenha exagero, ou invencões nesse texto.

    (e a tempo, o uso de remédios para deficiência erétil tem sim efeitos colaterais, se você for usar, consulte-se com um médico frequentemente. Mas para quem D.E., vale a pena).

  • Lucased

    Masturbação não é problema aqui.. mas sim a dependência. Como diria um grande pensador: quem não é mestre da própria mente, vira escravo do próprio corpo… o corpo se adapta, se molda e se acostuma a tudo… o jeito agora vai ser uma mulher bem paciente e cuidosa, que se divirta com esse cara, mesmo sem penetração..  não usar nenhuma droga, nem álcool e alguns banhos de sais, massagem e muita paciência, em poucos meses volta ao normal… como é quase impossível achar uma namorada paciente a este ponto, se tiver dinheiro, fica mais fácil… e pode até começar a praticar o quanto antes!

  • Fabio Guastaferro

    Acho que é uma questão de ritmo.  Logico que a mão é muito mais rapida que o movimento do corpo, assim o estimulo é muito maior. Apesar que o caso dele é mais complicado que o meu. Por eu bater muita punheta, eu não gozava e perdia a ereção, apesar de ficar de pau duro por um bom tempo. Ai diminuir a quantidade de punhetas, e já melhorou um pouco, mas ainda assim, dou umas “bombadas” para voltar a inflar o bicho denovo.

  • Rfcarv

    Véio.. ficou seis dias sem tocar uma. Fica seis meses, aí quero ver não subir. 

  • Anônimo

    … não achei legal expor o ponto de vista ou alertas no texto original, além de quebrar a dinâmica no texto do cara me senti como se estivesse lendo um texto de um sitezinho qualquer, ou de uma revistinha masculina com matérias clichê … aqui é o PDH porra, vez ou outra aparece um ou outro idiota mas o público de vocês é melhor do que isso, não menosprezem o censo crítico dessa gente que posta por aqui, Cabrones … (opinião)

    Quanto ao ‘problema’ do cara, acho que não tem nada a vez relacionar as brochas com bronhas, acontece que nas bronhas os pensamentos vem em caminhões sem freios ladeira a baixo, carregados com toda aquele putaria libidinosa que tanto amamos. E ISSO NÃO É A VIDA REAL.

    Se o cara não brocha na bronha o ‘problema’ não é físico, não é fisiológico e sim psicológico … na boa, acho que esse cara deveria começar deixando o visual de lado, se apegar em algo com mais erotismo e que pudesse confrontar seus anseios com um determinado enredo onde a mente dele não pudesse ter total controle, bem como é na vida real … Conto Erótico é uma boa pra começar … lendo, depois escrevendo (escreve bem até).

    Pratique exercícios físicos, deixe o sedentarismo de lado e se achar necessário procure ler sobre orgasmo multiplo do homem … Taoístas podem te transformar num Rei … (( ela agradece, durante a transa … já pensou ?? ..isso coloca um sorriso na tua cara por uma semana direto.. bobos ? Ô ))

    … Sorte !

  • Felipe

    Meu camarada, imagino que vc deve estar passando um problema desagradável…
    é difícil alguém dar conselho pela internet… vc não me conhece, eu não te conheço…fica muito superficial debater a respeito de tal assunto…
    Mas na minha opinião, sexo é sexo… pornografia é pornografia…
    O sexo real, é totalmente diferente dos vídeos que vc assiste… é isso que vc tem que botar na cabeça. Muitas vezes na vida real, vc não vai estar comendo a mulher mais gostosa de todas, muito menos várias gostosas ao mesmo tempo fantasiadas do jeito que vc gosta…. Nem vc vai foder também como o maior ator pornô do momento.
    O sexo real é diferente. No sexo real, as coisas não serão perfeitas como na sua imaginação, ou como no vídeo que vc escolheu assistir.
    Tente dar um tempo na punheta… tente passar a gostar do sexo de verdade, ele é muito mais interessante do que o “virtual”. Muito mais… 
    Mas o único conselho que realmente acho que é válido, é tirar esse peso da sua cabeça. Vc não tem nenhum problema físico, já que vc possui ereção na masturbação…
    Procure um especialista, outro psicólogo, um psiquiatra…. As áreas médicas estão muito avançadas…
    Mas vc tem que fazer sua parte… tente dar um tempo na punheta, e tente voltar a gostar do sexo de verdade… vc se viciou em somente se agradar, e esqueceu que o sexo é reciprocidade. 

  • Jonas

    Meu problema é outro não consigo mais bater, fica meia bomba, quase não gozo, mas se chegar perto de mulher o bixo fica doido, fico até com medo de dar muita secada e o bixo denunciar…
    Acho que é uma defesa do meu psicológico para parar de bater e ir atrás de relações de verdade.

  • Santos

    Legal o cara resolver compartilhar seu aperreio! Espero mesmo que essa fase passe logo na sua vida. E que aproveite alguma coisa desses comentários.

    Eu já brochei algumas vezes, com as mesmas pessoas. Eu tenho plena consciência dos motivos que me fizeram não funcionar.
    Com a primeira pessoa, começamos a namorar mas ela me disse que iria “arriscar”, tipo, só aceitou namorar comigo porque eu estava muito a fim. Durante todo o namoro manifestava sem querer que não gostava de mim de verdade, só me curtia na hora do sexo. Era justamente nessa hora que eu travava, eu queria ser mais que um objeto sexual pra ela. O amigão se negava a funcionar, não queria dar prazer a ela se ela não me dava sentimentos depois.
    Com a segunda pessoa, começamos a namorar e ela estava muito apaixonada por mim, mas eu não estava gostando tanto assim. Ela era virgem, tinha muitas carências e muitas curiosidades sobre sexo, e eu não estava muito a fim de ensinar nem curar suas carências. Sempre que fomos pra cama, eu sentia que não estava sendo legal com ela, não era bom pra mim saber que estava causando tanta expectativa, ela esperava demais de mim, mais do que eu poderia oferecer. O amigão não funcionava pra evitar que as coisas piorassem. Eu queria me sair daquele namoro.

    Atualmente estou com uma menina que me deixa doido. Eu já namorava com ela a algum tempo, demos uma pausa, precisavamos ajustar os ponteiros pra não brigar tanto, e agora estamos numa boa, sempre funciono. O segredo é que com ela eu não tenho nenhum pudor. Conheço ela intimamente, ela me conhece, me aceita e me ama na riqueza e na pobreza. A nossa intimidade é demais. Costumo brincar com ela, dizendo que meu corpo todo fica animado com sua presença, basta ela tocar na minha mão pra eu ter ereção. Nos beijos, então…

    Claro que não são problemas iguais, mas acredito que na hora H nós carregamos intimamente algumas pressões, pelo menos comigo foi assim. Eu me sentia pressionado por não ser amado. Eu me sentia pressionado por ser amado demais, e ser cobrado demais. Eu me sentia pressionado por lidar com sentimentos e comportamentos exagerados, eu achava que a menina era problemática, e eu não queria carregar isso, sem saber como lidar, com medo de magoar. Eu me sentia pressionado porque tinha que parecer uma pessoa que eu não era necessariamente. Eu me sentia pressionado por não estar tão feliz no momento do sexo, não estava tão satisfeito. Alguma coisa eu não queria que acontecesse, ou queria que fosse diferente. Qualquer uma dessas pressões me fazia brochar. Só funciono bem quando crio alguma intimidade com a pessoa, quando vejo que posso ser eu mesmo, quando me sinto correspondido e não sou cobrado por amar demais ou de menos. Isso acontece com as pessoas certas. Não banalizo o sexo.

    Procure ajuda médica se não conseguir encontrar sozinho as razões para estar passando por isso. De preferência um profissional sério, aquele que você sinta que pode se abrir e seguir a receita bem direitinho pra se curar disso. Abraço!

  • Olavo junior

    Concordo com você em algumas coisas,mas dizer que a masturbação nunca vai sastifazer fantasias EU discordo,como vçê disse nossa cabeça é capaz de comparações e viagem e uma boa punheta
    é feita com esses incredientes frutos da imaginação que muitas vezes é melhor do o sexo propriamente dito.

  • Paulinhamercadante

    os dois estão certos minha gente mass nao sei o que é isso! sempre com tesão mas nada. conversei com uma colega mais velha e ela disse que pode ser a ansiedade que estou na intecção de gozar transando que não curto o momento e nao deixo as coisas fluirem naturalmente… =/
    até hoje  não sei o que é gozar acompanhada… =/

    • http://www.baixinhoinvocado.blogspot.com Wagner Villa Verde

      ACho que o que vc precisa é de auto-confiança e entrega. Vc tem que estar a vontade com esse homem … e relaxada o suficiente para não pensar se vai gozar ou não. Vc tem que gostar tanto do que está fazendo, que o ato de gozar será secundário. Sei que vc ainda precisa trabalhar isso internamente … mas acredite … seu momento vai chegar … e quando ocorrer vc irá perceber como é muito melhor gozar acompanhada !!

    • Maduro

      Paulinha, tive 2 experiencias com mulheres que me lembram seu caso. A primeira era tipo vc. que não conseguia gozar, parecia q. tinha algum bloqueio, mas depois de um tempo percebi q. podia ser EU o problema, pois sendo jovem eu gozava sempre antes que ela, não tinha experîência e não conseguia “segurar” pra ela chegar junto comigo ao orgasmo. O tempo passou….e hoje mais velho tive inúmeros relacionamentos, e atualmente com minha namorada o relacionamento é 100%. Nunca transo sem primeiro dar uma enorme atenção às preliminares, pode acreditar que já nesses momentos ela consegue gozar umas 2 vezes, com meus dedos e minha lingua, ela vai ficando super lubrificada para o ato tão esperando logo mais. Vc. sendo mulher vai saber ainda q. não estou mentindo, a mulher consegue ter inúmeros orgamos. Nesse contexto me reporto ao amigo do texto, pois fico super excitado e então chega o momento em que acontece a penetração, tão vagarosamente como foram as preliminares. isso vai deixando a mulher “doida”, ela mesma vai querer acelerar e é aí que entra em cena algo que fui aprendendo com o passar do tempo: a experiência e a minha idade. Como sendo mais velho, infelizmente ou “felizmente” nesse caso, eu gozo bem depois, mas consigo focar na transa a ponto de não perder a ereção, nesse tempo ela goza inúmeras vezes (não vou dizer o nº exato pq. vcs. pensariam q. estou exagerando). Então pense e observe se isso não está acontecendo cm vc., tente sair com um cara um pouco mais velho e que tenhas essas experiências, que se preocupe mais em te dar prazer do que a ele mesmo, tenho certeza que vai ajudá-la a resolver seu problema que é tão gratificante para um homem que gosta de mulher, resolver.

  • Murilo

    Eu vou ser claro e curto no meu comentário, espero que o autor do texto leia:

    1- Procure um urologista: ele provavelmente mandará você fazer exames para comprovar se o seu problema é físico, caso não, o que eu acredito que não seja, vá para o segundo paço!
    2- VÁ A UM SEXOLOGISTA, EU FALEI SE XO LO GIS TA!! E NÃO PSICOLOGISTA!! Vá em quem realmente entende do assunto, procure um com renome, ELE RESOLVERÁ O SEU PROBLEMA!! 

    Espero ter ajudado!

  • Rex Cruz

    Olá, tive o mesmo problema que vc teve amigo. Infelizmente se quiser voltar a ter prazer sexual com com uma parceira, vai ter que deixar a pornografia de lado. No meu caso, estava fixado de mais no estimulo visual, isso quer dizer, quanto mais pornografia assistia, menos queria transar com minha namorada. Afinal de contas, pra nós homens, gozar é a coisa mais rápida do mundo, basta apenas um pequeno estimulo para chegarmos ao orgasmo. Uma semana sem pornografia não vai ajudar, seu corpo vai precisar de sexo, é natural, ai vc vai buscar. Mas ai vem a parte de todas as frustrações das broxadas que teve. Nesse caso o psicologo ajuda, comigo ajudou a me recuperar desses pensamentos que sabotam o tempo inteiro. Eu consegui voltar a ter uma vida sexual normal, foi um ano bem gasto na terapia. Esqueça a pornografia, nesse momento ela só vai te deixar mais frustrado. Por mais incrível que pareça, o ser humano compara o tempo inteiro, “o cara mete 2 horas sem parar”, “o cara de uma piroca de 24cm”, “olha cara de prazer da mina”, mas ninguém pensa que na realidade o cara tomou 2 viagras pra poder ficar duro 2 horas, a mulher não tá gostando, eles estão gostando do dinheiro que estão ganhando pra fazer aquilo, ela é atriz e ele ator. Na vida real, no sexo real, ninguém precisa ser o fodão. Eu usei as preliminares pra me ajudar na hora do sexo, aumenta a intimidade, dá segurança, vc e ela ficam muito mais excitados, e na hora da penetração, vc não vai precisar ficar preocupado em ficar uma hora dentro porque vc já estão no ponto por causa das preliminares. Terapia ajuda, remédio ajuda e eu optei por não tomar pelos mesmos motivos que vc também não quer tomar. Mas ter paciência e resistir a vontade de dar uma olhadinha no xtube vão ser a pior parte da coisa. Eu fiquei um mes sem transar e sem nem pensar em me masturbar. Quando esse tempo passou, eu e minha namorada começamos a nos pegar com força de novo. E fomos desses jeito. Bom pra mim deu certo. Espero que te ajude. Boa sorte.

  • Alexandre

    Cara, é engraçado como muitos homens se preocupam com essa tendenciosa impotência e não se preocupam com sua mulher. De boa, sem querer ser moralista, eu bato punheta, nunca parei pra pensar mas agora posso dizer que bato quase todo dia. As vezes bato uma pra acordar de vez, de manha cedo, no chuveiro. Quanto a não conseguir com a mulher, cara, é uma coisa totalmente diferente. Pelo menos eu vejo assim: Punheta é uma coisa, Sexo com minha mulher é outra. E olha que minha mulher com certeza não é mais jovem, nem gostosa como as atrizes dos filmes, mas o meu objetivo com ela é prazer, meu e dela. Todas as namoradas que tive sempre me fizeram tudo o que eu gosto. Sempre. É por isso que eu posso dizer que sou fiel, pois depois de ter toda a intimidade do mundo com minha esposa (ou namorada da época), eu não terei saco pra ser cheio de dedos com carne nova… bem pra isso, finalmente, serve a punheta. Uma mulher tem de ser acendida, meus amigos. Ela tem que saber de tudo que queremos, só assim seremos livres para o prazer.

    p.s.: minha mulher sabe que eu bato muita punheta.

  • Alice

    Podia guardar o comentariozinho machista pra você. Tem nada a ver com o texto.

  • Alice

    E aí, já foi procurar ajuda de verdade? Ou continua na mesma, achando que a punheta é o melhor sexo do mundo… e infeliz?

  • Dan

    caraca triste relato!!!!

  • http://www.cafecomamigos.com.br Cristiano Vieira

    Eu acredito que todo homem se masturba, por mais mulheres que ele possa ter. É um momento de auto conhecimento, de saber as sacanagens que o enlouquecem. Quando isso é constante, pode atrapalhar sim. Eu geralmente fico com dificuldades pra gozar. Mas é aquela questão, isso só é rotina se não tem uma mulher, pois se tiver…

  • Júlio

    Quem bate mais punheta, os adolescentes ou os casados ?

  • Evandro da silva

     talvez seja o seus parceiros que só pensam neles, transe uma vez comigo e gozará gostoso…junior maceio alagoas

  • http://www.facebook.com/rrizette Rogéria Rizette Linares

    Cinco vezes… Sei… kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Anônimo

    cara… hoje tenho 32 anos… aos 28 tive um fibroma testicular… (isso um tumor nas bolas… mais precisamente na bola direita) e isto gerou uma condição de estresse filha da puta pra mim… me vi impotente, e casado a 2 anos com uma mulher gostosa… 6 meses após a cirurgia entrei numa depressão fudida… tentava de toda forma ter meu pau duro… com pornografia… punheta… puta de rua… e o caralho a 4… e NADA… 
    .
    as vezes rolava uma punhetinha “meia bomba”… minha psiquiatra falou que podia ser da medicação (antidepressivos 3 vezes ao dia…) … tava na merda… o que mudou minha vida e está mudando… ???.análise 3 vezes por semana… faço isto a 2 anos… 6 meses depois de iniciar o tratamento a sério parei com os remédios… hoje vivo normalmente… meu pau funciona até olhando pras ancas da síndica q tem uns 60 anos….
    entendo que o tumor foi a fagulha p/ iniciar o incêndio que eu vivia por dentro… nosso inconciente é foda….conselho é uma merda… e falar sobre a vida dos outros é uma bosta… mas p/ o autor do texto duas opções:.1 mede taxa hormonal e estas paradas fisiológicas… tem a tal da andropausa e sim homens sofrem com essa porra uns antes, outros depois….2 vai p/ um/a analista…  levando a sério brother… teu pau não funcionar é o de menos nesta história….abraço

  • clauslash

    A possibilidade do sexo solitário desse rapaz estar sendo assitido por obssessores é muito grande.
    Ao rapaz que esta com problemas e não quis identificar-se sugiro ajuda espirtual de um pisiquiatra espirita.
    Por favor não me vai correr pra igreja crente que é só pra ficar ainda mais confuso, infelizmente os evangelicos tem uma ótica de que tudo é pecado , aí sim vc vai ficar se sentirndo pior.Já o pesisquiatra espiritualista podera explicar que seu ritual não esta sendo assim tão solitario como vc acha e que podem sim existir outros expectdores ávidos pela sua punheta. Pense nisso, pode ser bobagem pra vc, pra mim também já foi, mais não custa nada tentar ver por si próprio.

  • Rafael

    Me lembrou um filme: Shame.

  • Dilson Jose Ramos

    Cada um com a sua preferência. Mas como diz o ditado:¨Mais vale uma punheta bem tocada do que uma foda mau dada ¨.

  • Jeferson Moraes

    A Masturbação gera uma zona de conforto. Nesta zona, o homem que se masturba ativa o poder da imaginação e se torna o super herói do sexo, por assim dizer. Significa que ele sempre satisfará suas parceiras e que elas também o satisfarão. É estabelecido uma reciprocidade brilhante. Elas o satisfazem sexualmente e ele satisfaz todas elas, uma vez que nenhum fator, externo ou interno, sabotará sua libido. Por exemplo, ele pode se queixar de ter pênis pequeno, logo, na masturbação, o seu instrumento é suficiente para lidar com as mulheres que desejar. Na vida real, o fato de ter o pênis pequeno é um fator que sabota as suas inclinações sexuais. Logo, ele acomoda-se em sua zona de conforto, isto é, na masturbação. Claro que o pênis pequeno não é o único fator a ser considerado, isso é uma variável; de homem para homem é diferente, é subjetivo. A questão é que nos reinos da imaginação, tudo é tranquilo, tudo dá certo e não há com o que se preocupar. Não há temores, repressões, etc. O que faz com que o prazer seja algo gostoso de ser experimentado e na vida real, há pressão, há a cogitação de falhar, se frustrar, não responder às expectativas das parceiras, o temor de ser reprovado, etc. O problema, portanto, não é com o ato físico, o ato de se masturbar, mas sim como a psique daquele que se masturba reage aos estímulos próprios e aos de terceiros, como a mente da pessoa processa tais informações. Uma dica é privar-se do ato masturbatório e experimentá-lo apenas em ocasiões específicas, com a presença de uma parceria sexual. Aos poucos isso fará com que a zona de conforto seja destruída e o interesse físico se tornará maior.

  • Jeronimo Sampaio

    Interessante como ele se seduziu a pornografia como alternativa e a colocou como principal iniciativa sexual em sua vida. Mais quando você é uma alternativa anual ou mesmo única lhe faz sentir um nada e então a punheta se torna uma amiga fiel e eterna (até que as mãos se separe), pois a punheta não olha para sua cara com ar de perguntar: “De novo, fizemos mês passado.” Ou melhor “Ai,ai,ai,ai…o cara responde: ta bem filha, pois estou so com o dedo…ainda..”..enfim falsidade a flor da pele.

    Já transei com putas por R$20,00 que me fez sentir prazer de verdade, algo que nunca senti com minha esposa. Minha esposa é fria comigo, raramente me procura na cama, a última vez faz 2 anos. Um dia destes me procurou, super ardente, 2 semanas depois descobri as razões de tanta ardência sexual e então desconsiderei a transa. Pois ela tinha se correspondido com um ex-dos seus vários namorados e ambos trocaram, digamos, ideias e ela querendo manter a consciência tranquila preferiu partir pro sacrifício e transou comigo.

    Eu conheço duzias de amigos nesta situação, mais somente 1 tem coragem de falar. Muitos não veem a própria esposa ou namorada nua, ela mesmo se afasta. Porém a mulher, como o homem, ambos seres humanos, não disfarça os desejos carnais e acaba pecando em olhares a vista de todos e linguajar inapropriados e muitos coloca o homem em situação vergonhosa entre os parentes mais próximos.

    Então em muitos casos a punheta além de ser gratuita, higiênica e sem riscos de contaminação do HIV se torna uma alternativa excelente.

  • Cleber

    Preciso parar de tocar punheta ela esta acabando comigo quem puder fazer uma oração pra min eu agradeço que deus tende piedade de min a punheta esta me deichando cada vez mais fraco e sem vontade de fazer o que eu gosto ,sem forças para viver estou muito triste peço a ajuda para que deus me livre desse mal que se chama punheta.

  • lu

    quero deixar uma informaçao para o Daniel q quando a mulher com qem ele esta saindo disser q gozou 5x em 1 so transa desconfie,ou ela esta mentindo ou e uma doida.Meu marido e dmais fazemos loucuras na cama mas nunca gozei 2x,mas ja disse.Se liga Daniel.

  • anonimo

    por favor me ajude.Estou casada a 11anos eu e meu marido sempre inovamos na cama,ele e demais e faço d tudo para o nosso sexo ser o melhor.Mas a 2meses ele esta sem tesao,quando procuro e um maximo mas senao nada acontece,tenho me cuidado mais ate ele tem percebido mas nada acontece.Alguns fatores q podem estar prejudicando:ele bebi,masturba,e esta obeso.O q devo fazer?

  • vasseur

    o mano pior que vc nao o unico que tem esse problema eu tb tenho
    mas a experiencia me ensinou dependendo do lugar da comida o metabolismo muda e vc pode ter ereçao

  • Bruno

    O problema do autor do texto sobre punheta é abordado no filme “Shame”. Recomendo.

  • Filipe Rosendo

    depois dos 20 anos, mais de uma punheta por dia é preocupante, hoje em dia não bato mais do q duas vezes por semana.

  • trixti mas é real

    bem na real nada a v punheta com a impossibilidade sexual ele dexo a mente controla o corpo totalmente tente nao pensar muito no sexo como algo para impressionar mas como algo normal na real nem pensa nada sai beijando e mandando vara ai mulecadinha cabeça fraca naum vao cai na pira dq se masturbo nao vai come ninguem se vc acredita ralmente vai acontece a mente é a mae do corpo e Deus é o pai da alma fikem com ele

  • Janaina

    Parabéns, Binho !! Apesar de tão novo, você soube analisar a situação com muita realidade e sensatez. Eu concordo com voce.
    E digo por experiencia própria, acontece comigo também… é sim, com as mulheres pessoal !! acontece a mesma coisa podem acreditar. Quantas vezes transo, é gostoso demais porem não chego ao orgasmo. Tento me concentrar e percebo que naõ vai dar mesmo, desisto e curto o momento dele – é o que me resta agora (sem reclamações) muitas e muitas vezes é gostoso mas o meu orgasmo que é bom pra ficar perfeito não veio. Eu sei que com o homem nem dá pra disfarçar. Mas nós, mulheres também brochamos, e o orgamo não adianta não vem. É necessario algo mais, além do pau do cara. Tem que rolar um tesão pré-transa, uma vontade sem satisfaze-la, encontros sem transa, atissar, molhar a calcinha e não transar e mesmo assim se chegar a hora o cara estiver com pressa pra se satisfazer, já era!! brochamos na hora!! Nessas fases de repetições o melhor e espaçar entre uma transa e outra, deixar a vontade chegar e saber curti-la sem atropelamentos e pressa de acabar.

    Obs: Adoro o PDH!

    • Thomaz Aquino

      Realmente minha cara Janaina , muitas mulheres mau amadas se tivessem ereção iriam broxar direto , porque precisam de clima , eu falo de mulheres sentimentais , apesar que existem muitas que estão pior que homem , viu um corpo bonito , foda-se os sentimentos, quero meter gostoso.
      O máu ou bem do autor , é que se tornou sentimental…a mulher que conseguir ficar com ele , não levará chifre .rsrs

  • Marco Antonio jr

    Gata, a minha antiga parceria tinha dificuldade de gozar em certas posições, eu não tinha nenhum problema em pedir que ela se masturbasse enquanto eu a penetrava.

  • Simone

    Bom acredito que ele deva ter algum problemas com as mulheres , porque realmente não é normal brochar assim com tanta frequência ,e só se realizar no 5 contra 1, acho que esse cara é gay e não quer assumir ou aceitar .
    Namorei um cara na adolescência e ele tinha ejaculação precoce era frustrante, depois de alguns anos ele assumiu sua homossexualidade , então tudo fez sentido, pois achava que o problema era comigo , mas depois de saber que ele era gay entendi que ele estava se esforçando para fazer algo que na verdade ele não queria, e por isso gozava rápido.
    Caso ele não seja gay mesmo, acho que ele deveria deixar uma mulher bater uma pra ele e antes de gozar terminar da maneira certa se é que me entendem rs !

  • Tricolor

    “Eu queria me casar e ter filhos, o sonho de todo homem”. Talvez seja isso. Hora de parar e refletir. Procurar um relacionamento sério onde o sexo não seja tão importante num primeiro momento. Com o fortalecimento da relação, tudo virá naturalmente. Quando a necessidade de mudança é maior que nossos costumes antigos, o melhor é ceder, aceitando a possibilidade de tornar-se um novo homem, amadurecido, com responsabilidade a dois.

  • Eldevan Lobo

    ISSO AI É O VERDADEIRO PUNHETEIRO KKKKKKKKKKK

  • Angel

    Sei que pode parecer coisa de maluco, mas eu te aconselharia a uma “autoterapia de choque”: experimente sair com uma boneca (travesti), bem gostosa, e veja o que acontece.
    Sou capaz de apostar que, se você tiver a sorte de pegar uma boneca experiente e legal (elas existem, viu?), ela vai fazer seu pau levantar de novo, e sua autoconfiança vai voltar, inclusive quando transar com mulheres!
    Experimente, e me diga o resultado.
    Boa sorte!

  • fuck yeah

    “olha posso falar com total FRAQUEZA”kkkkkkkkk falando assim da pra confiar na sua palavra néh

  • VC É GAY

    VocÊ pode ser gay e nao sabe . gosta de ver homens pelados nos filmes pornos e nem nota.

  • Anonimo

    Eu tenho uma sugestão pro autor. Como a moça abaixo sugeriu, a realidade se torna sem graça quando aquelas mulheres espetaculares aparecem na tela. O que o autor precisa é de intimidade, alguma mulher próxima com quem possa se abrir, conversar sobre o assunto, uma amiga, e só depois tentar algo. A questão me parece psicológica, e não fisiológica. Quando você começa pensando que vai brochar, nem adianta tentar. O ideal é ficar junto e deixar acontecer, sem pressão. Por isso a necessidade da intimidade.

  • pedro

    bem eu gosto de me masturbar enfiando o dedo no meu cu será que sou gay

  • pedro

    mulher lambem se masturba com a mesma frequência que o homem gostaria de saber tenho um caso que eu peguei ela fazendo isso e perguntei para ela se ela fazia com frequência ela negou e depois peguei de novo e negou de novo eu vejo no histórico do computador e só tem pornografia será que ela se masturba com a mesma freqüência que eu?????

  • pedro

    me ajuuuuuuuuuuuuuuuddddddddddeeeeeeeeeeeeemmmmmmmmmmm

  • pedro

    caraca esse site é uma bosta ninguem me responde nada

  • anaofreak@terra.com.br

    Acabei de ler o texto aqui e já que o cara tem muito dineiro ele poderia ir atras de uma destas aqui LOVE DOLLs, bonecas perfeitas e apaixonantes, fabricadas na China e no Japão, que é melhor que muitas punhetas, o problema é o preço R$ 20.000,00, que brocha qualquer um ! Mas no caso dele que é rico, pode ajudar e muito.

  • Maduro

    teste

  • Amigo

    Cara, eu já brochei várias vezes com putas e mulheres que eu não conhecia. Eu aposto que é uma coisa da sua cabeça, tipo uma falta de confiança. Não tem nada a ver com punheta. A punheta só mostra que seu pau sobe normalmente. Arruma uma namorada, sai com ela algumas vezes e vai explicando pra ela o problema. Isso vai te dar confiança na hora certa. É legal também você “pegar” umas por aí só por pegar. Só pra encher seu ego e aumentar sua auto-estima.

    Vai lá que dá certo!

  • anônimo

    Amigo, para não se sentir o único, eu estou com 47 anos e de três anos para cá estou com dificuldade de ereção junto de uma mulher e não bato tanta punheta assim, mas também acho mais fácil conseguir batendo punheta. Me sinto mal quando saio com um mulher e tem acontecido de eu brochar até com puta. O problema é que me sinto mal depois, estou iniciando uma terapia, não só por este fato, mas acho que também estou um pouco depressivo e quando isto acontece comigo e uma mulher, me sinto pior no dia seguinte e no demais dias. Aí sempre que vou sair com uma mulher fico com medo de acontecer de novo, acabado bebendo uísque e vodka antes para descontrair, mas mesmo assim acabo brochando. Espero ao menos melhorar no futuro, ocorrendo menos estes fatos constrangedores para um homem.

  • eu

    não acredito que seja punheta eu me masturbo todo dia pelo menos 2 vezez e não tenho problemas na hora de foder com minha namora, pelo contrario meu pau fica duro a noite toda heeheh

  • Eu

    “masturbo todos os dias ANTES de acordar e antes de dormir”
    Você se masturba dormindo? Sonâmbulo sexual?

  • jorge

    estou arrazado! duas vezes seguidas brochei! meu pênis não ficou completamente duro, mas gozei…no outro dia a pressão foi maior …e não conseguir segurar a ereção…o que faço?
    , se tenho muito tesão na mulher e isso aconteceu?

  • Mano

    Cara é certo que voce deva procurar um medico especiaçista na medicina do homem,, e fazer alguns exames tetosterone total, exame do dezejo sexual, tem mais alguns que o seu medico devera pedir, pelo seu sintomas vc não esta produzindo a testosterona, faça reposição hormonal, e vc sera um novo homem.

  • Anonimo

    Concordo !! E o pior é quando ficamos dependente somente de uma mulher específica que fantasiamos ser a mulher perfeita !! Dai não há chance par uma segunda, terceira,etc..

  • Dexter

    Mano, para de se masturbar que duvido que vc broche… Se ficar duas semanas sem, vc jah vai ficar animado

  • anonimo

    galera.posso afirma q masturbção ou bater ponheta como queram chamar,se for em excesso prejudicação pq estou passando por esse problema tenho 17 anos de idade e me masturbo a 4 anos com frequencia bato umas 3 por dia ñ consigo mais parar até ai tava tudo tranquilo eu sentindo prazer meu pesadelo começou quando eu foi transar com minha namorada ñ sinte prazer com ela ( minha namorada é muito bonita,charmosa,uma mulher q todo um queria ter) coisa q antes eu cintia quer dizer hj eu só sinto prazer se for com filmes,videos pornos minah mente já esta acustumada com as cenas e tais ñ consigo ter relações sexuais com mulheres…..é procurei pela internet e os especialista todos dizem q faz bem se mastruba q eviat cancer e tal e bla bla bla agora cade q eles dizem os efeitos negativos pq? pq se eles disserem os homem vão parar de se masturba e ñ vai ter mais lucro pq? pq ñ vai ter gente nos consultorio pra tratar DISFUNÇÃO ERÉTIL problema q afeta a maioria dos homens ñ só os VELHOS COM 40 ANOS MAIS TBM JOVENS COMO EU COM 17 ANOS POR CAUSA DE PONHETA Ñ CONSIGO FAZER SEXO COM UMA MULHER GENET NSO ESTADOS UNIDOS A CADA 1 MINUTOS ~SOA LANÇADOS MILHARES DE VIDEOS,FILMES PORNOGRAFICOS pq isso? por tem muitos ponheteiros par comprar…v6 acredita q homens casados deixa de fazer sexo com a MULHER para se MASTURBA? ESSE TEM SIDO UM DOS PROBLEMAS APAR O TERMINO DOS CASADOS …….GALERA SE V6 QUEREM TER UMA VIDA SEXUALMENTE BOA SEM PROBLEMAS DEIXEM DE SE MASTRUBAR GASTE SUAS ENERGIAS COM MULHERES Ñ COM PORNOGRAFIA… ESSE É MEU CONSELHO PQ? Ñ QUERO Q V6 FIQUEM, COMO EU IMPOTENTE POR CAUSA DE MASTRUBAÇÃO

  • anonimus

    Bem, passei por um caso bem semelhante. Mas hoje estou 100%.

    Sempre fui apaixonado por pornografia e vídeos amadores, porém nunca tive problemas com ereção até que uma mulher que comecei a namorar deu a chance dos meus sonhos. Eu não estava nervoso, mas como o sexo era algo que naquele dia eu já tinha na mente que rolaria, eu fiquei com meus animos em baixa. A parada não subiu de forma alguma. E ela fez de tudo, coisas até que eu nunca tive experiência na vida. Mas nada deu certo. Em 6 meses de namoro, consegui gozar 2 vezes. Porque às vezes eu até conseguia a ereção, conseguia o ato, mas não tinha prazer suficiente para chegar ao final. E cada vez eu ficava mais nervoso, tentava comer kg amedoin, tomar gemada, catuaba e todas as ajudas folcloricias possíveis, mas nada dava sinal. Tentei fazer jejum e também não deu muito sucesso. Isso se repetiu com várias outras mulheres. Até que comecei uma nova relação. Ela era virgem e eu fiquei sem coragem de fazer pressão por conta dos meus fracassos anteriores. E foi justamente esse ponto que me curou totalmente, NÃO TER PRESSA ! Foi como também se fosse a primeira vez, às trocas de carícias foram intensivas e progressivas e nesse desenvolver minha confiança foi voltando e voltando, mas foram meses de desenvolvimento.

    Resultado: Não enfrento esse problema mais de maneira alguma e continuo com a minha média de 3 punhetas ao dia. O que mais me prejudicava era a falta de confiança e achar que fazer tudo de uma vez seria a solução.

  • http://www.facebook.com/gabrielmirandaa Gabriel Miranda

    4500 punhetas? UEUHEHE NOOB

  • rosilene

    bom aprendi muito aki e peço uma chance para mostrar á vcs o verdadeiro sexo,não aquele banal,mais aquele que te faz tremer como se vc ainda fosse virgem venha comigo nessa explosão de prazer http://www.sexoeprazer.neosites.com.br eu posso te mostrar a porta de escape bjs

  • Thomaz Aquino

    È bem isso felipe . ele não faz sexo faz comercio , acaba ficando broxante mesmo..ter que viver pagando pra ter uma mina , melhor se passar de pobre e comer mulher feia que vá pra cima dele com tudo do que bancar minas , jantar e os escambal…

  • Alan

    Será q é verdade? Cruzes!!!

  • morango com chocolate

    Amo um homem que faz isso tbm, na verdade não ligo transamos e tudo (e como gosto de transar com ele, afinal de contas gozo direto) mas sinto que ele prefere bater uma do que ficar comigo, tipo nos vemos umas duas vezes por semanas, mas vive batendo uma.Queria muito que quisesse uma vida normal comigo, pois sou mulher para casar e ter filhos já tenho um mas queria de verdade aumentar a família com ele. Mas infelizmente não converso com ele sobre isso, tenho medo que ache q não o quero mais…Então ele fica nessa PUNHETA X MORENA!!

  • Neto

    Também to passando por isso.
    Estou solteiro há 3 anos e meio e fiquei esse tempo todo sem fazer sexo. Foi quando entrei de cabeça no mundo da masturbação c/ pornografia excessiva. Chego a ficar com o pênis doendo de tanta punheta.
    Outro dia uma menina bonita da academia chegou em mim, pediu pra adicionar no face. Conversa vai, conversa vem marcamos pra ela vir aqui em casa. Como minha mente se acostumou a se estimular com pornografia, o sexo que tive com ela foi um fiasco. Broxei mesmo, não conseguia ficar excitado. Quando ela foi embora entrei num site porno e o pau ficou duro que nem pedra.
    O problema não é a punheta em si, e sim a pornografia, Nossa mente passa a nos condicionar a ter tesão só naquilo e a realidade fica sem graça.
    Estou tentando parar de entrar em sites mas tá difícil;

  • Klaudinha Rocha

    Isso

Papo de homem recomenda

Assine o Papo de homem

Curta o PdH no Facebook
  • 5533 artigos
  • 661568 comentários
  • leitores online