Mulher de Cabelo Curto

Everton Maciel

por
em às | Crônicas e contos, Mulheres


Antes de Nero incendiar Roma, ele teria ordenado:

“Preservais nossos monumentos sagrados. Não ateais fogo nos templos de Júpiter, Apolo e Marte. Manteis intactas, para serem veneradas pela eternidade, todas as mulheres de cabelo curto”.


Não existe alguém totalmente louco. Nem Nero. Todo mundo que é louco não passa de “meio louco”. Explico: metade do tempo o indivíduo está louco e a outra metade está se aproveitando da sua condição de louco. Mesmo Nero, no ápice da sua sandice, sabia o que devia respeitar. Mulheres de cabelos curtos exigem sobriedade, inclusive dos loucos.

Uma mulher de cabelo curto é o seguinte: ela tem uma informação para te dar; e ela não pergunta se você quer ser informado. Mulher de cabelo curto, simplesmente, informa. O resto que se dane. Mulher de cabelo curto diz o seguinte: eu tenho minha autoestima no lugar e não preciso de nada que venha de você.

A mulher de cabelo comprido precisa de algum artefato histórico para se manter próxima da sua feminilidade. Algo como um tipo de identidade socialmente especial. Parece um advogado que conheci no século passado. Quando era parado por uma blitz de trânsito o cara apresentava a carteirinha da OAB, no lugar da CNH. Mulher de cabelo curto não precisa de atestado protocolado em cartório para ser mulher. Ela não precisa daquela sensação pré-civilizatória de ser puxada pelos cabelos por um hominídeo com tacape na mão.

Toda velha sensata se torna uma mulher de cabelo curto. Toda velha biruta mantém as crinas compridas, enormes, atrasando o processo darwinista de evolução da espécie.

Quanto mais velho melhor. A comparação entre a idade das pessoas e dos vinhos é parcialmente verídica. Como qualquer coisa parcialmente verdadeira também é parcialmente falsa, sugiro que possamos aprimorar a endoxa. Mulheres são como os vinhos. As boas, quanto mais velhas, melhores. As ruins, com o tempo, viram vinagre. Idênticas aos vinhos. Mulher de cabelo curto é bebida fina. É pinot noir 2008. É a diferença entre uísque e scotch! É preciso ter qualidade de puro malte para o processo de maturação se adiantar ao envelhecimento pelo calendário gregoriano. Já viu mulher de cabelo curto preocupada com o calendário gregoriano? Convenções e engendramentos sociais? Bem capaz! A mulher de cabelo curto é um scotch 12 anos com maturação de 18.

Vinhos, scotchs e mulheres de cabelos curtos. Eis aquilo que separa os homens das codornas. A loira gelada, e geralmente cabeluda, é o melhor que um menino pode querer. Um dia, todo mundo se acostuma com o que pode vir a ter na vida. Meninos acham mulheres cabeludas o máximo. São codornas. Não foram apresentadas aos scoths e a uma mulher de cabelo curto. Mulher de cabelo curto não serve para publicitário fazer roteiro de propaganda de cerveja.

A mulher de cabelo curto entra em qualquer lugar como se ela fosse dona. Mulher de cabelo comprido precisa virar o pescoço para olhar com atenção. Mulher de cabelo curto só precisa mover os olhos. Mulher de cabelo comprido precisa ter atenção. Mulher de cabelo curto chama atenção por onde passa.

Não há nada para atrapalhar uma mulher de cabelo curto. Nem loiras geladas. Nem codornas mimadas.

A personalidade da mulher de cabelo curto é como um tipo especial de olho azul: ou nasce com, ou vive uma vida toda admirando no rosto dos outros. Mulher de cabelo curto não escolhe cortar o cabelo. Seria como colocar lentes de contato e pagar o preço do papel ridículo. A nós, homens, resta o esforço de procurar mulheres com personalidade.

E a sorte para encontrar uma mulher de cabelo curto.

Everton Maciel

Everton Maciel é gaúcho e não suporta bairrismo. Só tolera bares que não permitem camisas polo. Nasceu jornalista, mas fez mestrado em Filosofia e mantém um blog próprio, o Blog do Maciel. Tem Facebook e Twitter


Outros artigos escritos por

Somos entusiastas do embate saudável

O texto acima não representa a opinião do PapodeHomem. Somos um espaço plural, aberto a visões contraditórias. Conheça nossa visão e a essência do que fazemos. Você pode comentar abaixo ou ainda nos enviar um artigo para publicação.


EXPLODA SEU EMAIL

Enviamos um único email por dia, com nossos textos. Cuidado, ele é radioativo.


TEXTOS RELACIONADOS

Queremos uma discussão de alto nível, sem frescuras e bem humorada. Portanto, leia nossa Política de Comentários.


  • Ana Luiza

    Aff…
    Nada a ver!
    Cabelo é uma questão de personalidade e estética, o meu, por exemplo, mudo sempre que acho necessário.
    Não gosto dessas generalizações: mulher de cabelo curto é assim, a loira é desse jeito e a moreno é sempre de outro.
    Cada mulher é uma mulher, ou melhor, cada pessoa é uma pessoa. Aliás, isso é o melhor: poder apreciar a individualidade e a beleza de cada um.
    ABAIXO AS GENERALIZAÇÕES!!!!!!!!!!!!!!!!

    • Noah

      Clichê demais, concordo com você! Se vc substituir “cabelo curto” por “morena” “loira” “peituda” “testemunha de javé” vc vai ter o perfil que se enquadra A QUALQUER MULHER q faz parte do imaginário de QUALQUER HOMEM… logo, é um pastelão !

    • http://profiles.google.com/hugobitola Hugo Costa

      Boa, essa sim é a tal whisky envelhecido (blá blá de bebum que não larga o álcool e ainda dá justificativa chique), usa o cabelo do jeito que quer!
      Quando todas estiverem de cabelo curto, mulher “envelhecida” (igual a whisky que num é scotch que também não é sinal de qualidade de coisa alguma) e “da boa” vai ser aquela que não se deixa levar por modinha de filme de vampiro afetado, nem novelinha global e usa cabelo comprido…

      • everton maciel

        esses bebuns que não largam o álcool. Tsc tsc tsc. Nem na igreja vão, esses bebuns.

      • Roberta Barros

        só pare de objetificar mulheres comparando-as com bebidas.

    • Aaaaaa

      Muito boa Ana Luiza!!!
      ABAIXO AS GENERALIZAÇÕES!!!!!!!!!!!!!!!!

    • http://twitter.com/BuenoHumberto Humberto Bueno

      É sempre a mesma ladainha, agorou virou moda esses caras escreverem
      posts sobre seus gostos pessoais como se fossem verdades absolutas. É
      sempre nesse tom de “Ah, vejam como os homens que nem eu são evoluídos,
      enquanto os outros são ignorantes, nem são homens de verdade, são
      meninos. Homem que é homem gosta de mulher fulana não de cicrana, blá,
      blá, blá”. Esse site e o Casal Sem Vergonha são iguazinhos nisso, só
      muda a temática. Um dia é pra exaltar mulher de cabelo curto, no outro é
      pra falar que mulher de verdade é aquela que não se depila, e por aí vai.

      • lilianq

        Mulher de verdade é aquela que aje como quer e não como a sociedade machista quer que ela aja!

      • Picasso
      • Mika

        isso aí!

      • Bárbara

        “age” é com g.

      • Cyl M G

        Toda vez que uma dúvida de como escrever uma palavra , conjugue o verbo da própria , age do verbo agir .No caso de não ser verbo e continuar a dúvida , procure um sinonimo :)
        Minha filha que me ensinou essas regirnhas :)

      • Cyl M G

        #regrinhas

      • Maria Garcia

        Gente…. vocês não estão poupando nem erro de digitação! Grammar nazi, hauehauehuae

      • erikota1

        Isso é uma crônica Humberto… :) …relaxa

      • Ana Carolina

        Falou tudo!

      • Mylla Mendonça

        Isso mesmo.

    • Netto

      muito bom seu comentari concordo plenamente com sua opinião!
      é como se esconder atras de modismo. com vc comentou, se a mulher não tiver sua própia opinião e ler esta cronica vai correndo pro salão pra cortar o cabelo e se parecer com esta mulher que o texto personifica.

    • luisfelipelino

      Acho que você não entendeu o texto ._.

    • Viviane Cardoso

      Perfeito, Ana Luiza!!!!!
      Cada ser humano é único em sua complexidade.

    • Geovana

      Acho que algumas pessoas não entenderam o texto, gente isso é uma crônica e cada um absorve aquilo que julga necessário, não é uma critica as de cabelo grande é só uma visão do autor(a), parem de levar tudo tão a sério… Afff

    • Mirella

      Finalmente algum comentário sensato! ABAIXO AS GENERALIZAÇÕESSS!!!

    • Carol

      ÓTIMO!!!
      isso mesmo..
      é ridiculo generelizar.. que texto idiota rs

    • Mylla Mendonça

      Cada mulher tem seu charme, não é o tamanho do cabelo que muda.

  • Médico_Mg

    Quando vi seu avatar, lembrei do texto da “calcinha bege” e já suspeitei que viriam alguns aforismos… Confesso que você me surpreendeu com esse da mulher de cabelo curto. Pra bem dizer a verdade odeio aforismos, acho que são, quando inseridos em debates não matemáticos, como preconceitos… Homem narigudo isso, mulher baixinha aquilo, garoto de boné assim, evangélica assado… Não seria diferente, para mim, calcinha bege ou mulher de cabelo curto.
    Pelos textos, parece-me que vc é um cara meio gauche, do contra, com algumas ideias pré-formadas e imutáveis. Quiçá um sádico. Meio que o cara chupando chiclete da Clarice… Dá um pouco de raiva conversar com estes tipos, mas reconheço que se tem papo pra noite toda… Tomara que vc já tenha sacado isso e faça só pela diversão e consequência de todo processo… 249 no último, não é mesmo?
    Este tipo de pensamento, transformado em atitudes, poderia ser caracterizado, em algumas circunstâncias, inclusive como um delito…
    Se prepara para os comentários, tal qual no primeiro texto…

    Mas agora quanto aos cabelos, prefiro os longos, como é bom tracioná-los e ver o rosto da mulher se erguendo, os olhos se fechando e a boca se abrindo… Eles me dão uma breve e falsa, porém mágica sensação de domínio…

    • everton maciel

      Se eu fosse gauche, saberia a diferença entre um aforismo e uma sentença. Não vou conseguir parar tudo e me preocupar com isso nessa vida. Mas obrigado por se preocupar comigo. Pessoalmente, gostaria de me preocupar com com os comentários para poder atender um pedido dos editores do site. Dar mais atenção para o pessoal por aqui e tal. Mas não consigo acompanhar depois que o caldo engrossa. Agradeço os guris pela edição. O texto sem ela ficaria vazio e sem graça. Com o trabalho de vocês, fica só vazio. Valeu, Jader e Guilherme!

      • everton maciel

        eu não tenho habilidade nem para fazer comentários logados.

      • Otto

        Everton Maciel, o autor mais nonsense do pdh, até nos comentários…

      • everton maciel

        Tks, Otto. Um dia conseguirei usar reticências e dar sentido a minha vida. Uma vida sem reticências é, realmente, muito pobre de espírito.

    • Luciana_Marques

      “Meio que o cara chupando chiclete da Clarice… Dá um pouco de raiva conversar com esses tipos, mas reconheço que se tem papo pra noite toda”

      Hahahaha. Perfeita reflexão!!!

      Dá raiva sim, mas suscita paixões (em amplo sentido)!!! Das mais acaloradas!!!

      Quanto a “tracionar” os cabelos… os curtos funcionam igualmente!

      ;)

      • Médico_Mg

        http://www.youtube.com/watch?v=gp6A1KeXDC0

        Você consegue imaginar uma mulher de cabelo curto fazendo o mesmo?

        Desculpa, o ombro é meu limite!

      • Luciana_Marques

        Caríssimo, gosto é isso mesmo… cada um com seus limites. Não há necessidade de desculpas…

        Quanto à sua pergunta, a resposta é SIM! A sensualidade do vídeo ultrapassa e muito os lances de cabelo…

        Mas concordo com você: muitos gostam da sensualidade inerente às madeixas. Assim como outros preferem cabelos curtos… De todo modo, acho que a maioria gosta mesmo é de mulher!!! Confiante e linda!!! Seja como for o pacote…

        ;)

      • http://www.facebook.com/iagosilvadealmeida Iago Silva

        Exatamente, Luciana. Os cabelos são importantes sim, mas a diversidade dentre eles é muito mais importante. Eu amo as mulheres, todas as mulheres, com seus cabelos longos e curtos.

      • Leandro

        Concordo. O ombro é o limite máximo.

      • http://www.facebook.com/vivian.paixao Vivian Paixão

        Consigo imaginar fazendo melhor:
        http://www.youtube.com/watch?v=u6KnUW9N3Zo
        (Se quiser mais curto ainda, tem esse:
        http://www.youtube.com/watch?v=ZWLkLCd3c_Q&feature=fvwrel )

      • Médico_Mg

        Vivian, quado mandei aquele vídeo tinha visto outros dois que só não mandei pq aqui tem muitos leitores menores de idade,rs. Brincadeira. Mas olha, primeiro ponto vc tem um cabelo lindo!
        Segundo, vi os vídeos e ela é muito boa mesmo, só que tem uma coisa. Ela é competidora de auto nível, é bonita a dança, mas não é muito sensual, já está meio masculinizada por causa dos músculos e não tem um sex appeal tão apurado. Prova disso, são os comentários muito mais femininos do que realmene masculinos (compara com os vídeos que vou mandar, só homem enlouquecido, rs) Talvez vc não SINTA mesmo a diferença por ser mulher e ser meio imune ao que atrai os homens em geral.
        Se ainda assim não ficar convencida, faz um teste. Chama 10 amigos seus, héteros é claro, e pergunta com qual dançarina eles prefeririam passar uma noite, sozinhos… Ah, pergunta pra eles tb o que eles achariam se elas quisessem cortar o cabelo.
        http://www.youtube.com/watch?v=nquvc44IiGo

        http://www.youtube.com/watch?v=-RGa4c9jaYI

      • Médico_Mg

        *alto

      • http://www.facebook.com/vivian.paixao Vivian Paixão

        Primeiramente, obrigada pelo elogio.
        Quanto os vídeos: sabe, tem outras pole dancers de alto nível com cabelo grande (todas musculosas, claro), e sinceramente, eu acho a Felix uma das mais sensuais.

        Usei ela como exemplo pra ilustrar que não é o cabelo que determina a sensualidade da mulher. Acho que o problema está na coisa dos moldes pré-definidos. Mulher TEM que ter cabelo longo. E liso. TEM que ter peito grande. TEM que ter bundão. TEM que ser magra, de preferência branca e loira dos olhos azuis. TEM que se vestir assim ou assado, TEM que, TEM QUE…
        Existem mulheres bonitas e sensuais (e barangas também) com cabelo grande, curto, magras ou gordinhas (estamos falando dentro do limite do saudável, ok?), com mais ou menos peito, e assim por diante.
        O corte de cabelo faz parte do estilo da pessoa, assim como a roupa, tem que combinar com a imagem que ela quer transmitir, e a graça do mundo é justamente ter gente de todos os tipos, pra todos os gostos. Acho o máximo quando um homem sabe apreciar a beleza de diversos tipos de mulher (e vice-versa), o que eu não gosto é essa coisa de querer impor um padrão único para todo mundo.

      • Médico_Mg

        Vivian, vc leu o meu primeiro comentário? Odeio definições, como o autor fez, sobre mulheres assim são melhores ou homens que se vestem assado são piores etc. Neste ponto concordamos.
        E é claro que o padrão cultural influencia nos gostos pessoais, isso é inegável. E em relação ao ter, não gosto de parâmetro engessados também não. NO GERAL, acho as que tem cabelo comprido mais bonitas, só isso, mas nada que me impeça de achar uma de cabelo curto linda também.
        E voltando às dançarinas, de cabelos compridos ou curtos, EU não acho tão sexy mulheres muito malhadas. Mandei estes outros dois porque EU vi muita sensualidade nelas e achei que o cabelo comprido aí fez MUITA diferença.
        Isso tudo é gosto, só não acho que dê para definir uma pessoa por atributos físicos.

      • fabiolic

        Sinceramente, acho o pole dance levemente sensual, mas não é aquilo tudo. Tem danças que deixam um homem muito mais enlouquecido.

        Aí vem a questão que as mulheres não entendem: Sensualidade é percebida de forma diferente para homens e mulheres.

        Geralmente o que as mulheres consideram como linda, maravilhosa ou sensual, não surte o mesmo efeito nos homens. Concordo com o Médico. Os vídeos dele com as cabeludas são bem mais sensuais que a profissional de cabelos curtos.
        Não gosto de generalizar, mas a maioria dos caras que conheço preferem cabelos compridos. Não disse “TODOS.”

        A maioria também não gosta de mulher muito magra nem muito musculosa. Depois das panicats bombadas, agora tem essa modinha de secar e ficar musculosa.
        Mulherada adora modismo sem noção e as que são adeptas do “tem que gostar de mim desse jeito pq não mudo pra agradar” não podem desejar reciprocidade masculina quando quiserem que ele “melhore” em alguma coisa…

        O que atrai o homem também depende da classe social, cultura, idade, etc. Não tem como generalizar. O importante é mandar a mensagem certa para a pessoa certa.

      • silvinha

        mesma coisa que nós mulheres gostamos de homens bem “grandes “

      • Paula Junqueira

        Quanta besteira… Como se os cabelos refletissem a personalidade das pessoas…. Acho que não!

      • Alanna Sulker

        Concordo plenamente, pessoas mudam de personalidade todas as vezes que cortam os cabelos, já estive careca, cabelos na cintura, cabelos no ombro e sempre tive apenas uma personalidade.

  • Fran

    Perfeito =)

  • Macho
  • Macho

    Sem mais meritíssimo!!!

    http://www.modismonet.com/truffon/wp-content/uploads/2009/12/julia-roberts-julia-roberts.jpg

    Ah, só de curiosidade o Nero aí era praticante do homossexualismo inclusive tendo casado como “noiva”.

  • CarlosNeppel

    Interessante, até concordo em partes, mas sei lá. Espero que o motivo do texto não tenha sido a novela das 9. AHAHAH

    • everton maciel

      Roque Santeiro passava às 9h? Não lembro. Foi a última novela que eu acompanhei.

      • http://www.facebook.com/marcelo.delphi Marcelo R. R.

        hahaha boa.

    • Leandro

      A Débora Fallabela é bonita quando está com cabelo longo….

  • http://www.facebook.com/rodrigo.lourenco.12 Rodrigo Lourenço

    Concordo um pouco com a ideia, mas no “estado espiritual” que tenho trabalhado tento diluir qualquer determinismo.

    Logo, mulheres de cabelos longos, curtos ou sem eles podem representar tudo que foi dito aí. E ponto.

    • http://www.facebook.com/cleidde Cleide Silva

      O mais sensato de todos vc. Bjo

    • Lara

      Palmas

    • Luiza Toledo

      Isso mermo!

    • Mayara Cordeiro França

      tudo o que disse aí, inclusive nada do que foi dito também. Até porque os motivos para ter o cabelo curto são diversos. Em alguns fatos é até uma maneira de aumentar a autoestima, cada um tem a sua, e sabe como tratá-la.

    • Vicente Mascaro

      Acredito que ele tenha se referido muito mais a personalidade da mulher de cabelo curto, do que propriamente a forma com que ela corta o cabelo. É o “estar feliz consigo mesma” independente dos esforços midiáticos que te farão acreditar que você não é uma diva ou a próxima capa da Sexy. Estar de cabelo curto não significa ser de cabelo curto, são coisas diferentes!

      • Wellen Fernanda Louzada Castel

        Um dos que melhor entendeu o sentido do texto. ;)

      • Paula

        Não da forma como ele colocou no texto, aonde afirma que mulheres de cabelo comprido tem algo a afirmar, ou precisam se provar.
        E não tem nada a ver isso. Pode ser justamente o contrário: mulheres de cabelo curto entram na onda, na moda do cabelo curto, muitas vezes tendo pouco ou nada a ver com auto estima.

      • Lia

        ´É isso aiiiiiiiiiiii…
        Tem gente e´com inveja de cabelos longos e estao tentando influenciar as sem personalidades a corta-los… rs

      • Lena

        E é por esse tipo de comentário que o texto mais uma vez se faz válido. “Inveja”, coisa de criança, menininha mimada alienada pela mídia. A mulher objetiva é o que é, independente de como as outras se portam, se vestem aparecem. Mulher que é mulher, é mulher por si só, não precisa de cabelo longo ou saia para se mostrar feminina.

      • Scheilla

        O texto e os comentários de algumas mulheres de cabelo curto estão a cara da inveja mesmo… concordo 100% com a Lia.
        Quem é você para falar “da mulher objetiva” Lena? Essa “mulher” é um protótipo???? rsrs. Piada.

      • Ruiva

        Pois eu não preciso de cabelo curto pra me sentir moderna, o que importa sou eu, eu sou muitooooo bem resolvida comigo mesma! O que temos aqui é um bando de paga-pau que acha que cortar o cabelo significa alguma coisa. Moderna sou eu, que sei bem o que quero

      • Moira L’Abbate

        Lia, acho que vc não entendeu o texto, ou não leu… as sem personalidade jamais cortariam o cabelo exatamente porque não têm personalidade!

      • Tete Valeria

        por favor néé.. e desde quando cabelo curto significa ter personalidade? Cada pessoa tem sua personalidade, e cada um tem seu proprio gosto. e se todas resolvessem ter “personalidade” e cortar o cabelo curto? e ai? a diversidade fica onde ? gosto é gosto.

      • anthera

        inveja do quê? pra ter cabelo comprido é só não cortar… tá aí uma coisa q eu não vejo mérito algum…
        tbm nao vejo mérito em cabelo curto… não vejo mérito em cabelos!!!! vejo mérito em caráter.

      • anthera

        a cunho de curiosidade: é curto.

      • Mylla Mendonça

        Concordo…texto sem nexo, é a opiniao dele, não dá maioria dos homens. Personalidade não está no cabelo.

      • Moira L’Abbate

        Mylla, e óbvio que não é a opinião da maioria! só um idiota escreveria um texto pra dizer o que a maioria já pensa. a maioria é constituída de babacas.

      • Mayara Moura Muniz

        Excelente resposta Moira!!!

      • everton maciel

        Sem querer você me deu uma boa ideia, Moira. Vou começar a escrever textos com a opinião da maioria, chamarei de novela, venderei para a Globo e ficarei rico.

      • Moira L’Abbate

        não sei do que aquela doida tá falando, nem me dirigi a ela… pensei ter lido lá no início do blog que não seria permitido esse tipo de comentário… segue um link relacionado ao meu comentário anterior, sobre doação de cabelos (pra incentivar o desapego).https://www.facebook.com/doese

      • Scheilla

        Dona da verdade heim, Moira…

      • Moira L’Abbate

        use o rótulo que quiser… tou nem aí pra rótulos… quem quiser, que me siga! e com certeza não será a maioria.

      • Scheilla

        Moira: “Tou (sério, “tou”? kkk) nem aí pra rótulos” e pior: “quem quiser que me siga” Serio? Vc quer ser “seguida”? kkkkkkkk PQP… Quem é cabeça fraca mesmo? As de cabelo comprido? hashuahshu. Alienada detected. Está se influenciando muito por um textinho, gata… #ficaadica

      • lbrandz

        1- “TOU” abreviação de estou! Jura que em 2013 vc naoi aprendeu isso??? É o mesmo que vc, qndo, etc… 2- as moças de cabelos compridos nao entenderam uma cronica que sim, generaliza e ficaram de mimimi

      • Moira L’Abbate

        brigada, Ibrandz… às vz é preciso explicar o óbvio… (se alguém reclamar, a gente explica que “brigada” é abreviação de “obrigada” e “vz” é abreviação de “vezes”)

      • Scheilla

        E Moira, querida, continua essa campanha “forte” para o “corte de cabelo-recalque”, última moda , pra todas ficarem recalcadas, feias, modistas e vazias como você… Vai que consegue, gata? Se joga… rsrsrsr. Boa sorte! ;)

      • Guest

        “os loucos às vezes se curam… os imbecis, nunca!” Oscar Wilde

      • irina

        corte de cabelo-recalque?? qualquer uma pode ter cabelo grande… É só deixar crescer ou até mesmo, hoje em dia, colocar mega hair. Quem tem cabelo curto, tem porque quer, do contrário teria cabelo comprido hahahahha

      • Moira L’Abbate

        agora, falando sério… aprendi essa ontem, muito legal: uma amiga cortou um cabelão enorme, perguntou no facebook como doar e disseram q no hospital do câncer eles fazem perucas pros doentes.

      • Kath

        Ótima indicação. Sempre tive cabelos compridos e semana passada resolvi cortá-los bem curtos pra mudar um pouco o visual e o que eu quis fazer com meus cabelos foi exatamente isso, doá-los, sem contar que estou procurando praticar o desapego. Vou ver alguém feliz com meus cabelos.

      • Scheilla

        Ibrandz, nem respondo você porque é retardada, darling… o que importa, além do “Tou”, é o que escrevo a seguir. Mas você é analfabeta funcional. Está perdoada. Kiss. ;)

      • lbrandz

        Sou retardada!!! hahaha!! adoro quando as pessoas perdem a linha e levam mesmoi tudo muito a sério… De verdade galera, tem que rir!!! Pq se não compreende que é uma crônica, o que dirá do resto…

      • Moira L’Abbate

        os loucos às vezes se curam… os imbecis, nunca! Oscar Wilde

      • Madex

        Scheilla: sério que “não estou nem aí pra rótulos” e “quem quiser que me siga” foram interpretados por você como “quer ser seguida”? Tá serto…

      • Moira L’Abbate

        não sei do que aquela doida tá falando, nem me dirigi a ela… pensei ter lido lá no início do blog que não seria permitido esse tipo de comentário… segue o link do meu comentário anterior. https://www.facebook.com/doeseurabinho?fref=ts

      • lbrandz

        Mulheres de cabelos curtos, na sua maioria, nao seguem modismos. As de cabelos compridos sim: californianas, mechas, o que estiver na onda da juba.
        Mulheres de cabelos curtos nao choram pq cortaram 1 dedinho da crina, a maioria das de cabelos compridos se debulham em lágrimas, pq o cabelo é ela, e não o cabelo é dela.

      • Scheilla

        Ibrandz, NADA A VER o que você falou. Qual a base do seu argumento? Cortes curtos são feitos com cuia à moda indígena? Pela Vó? Ou são cortados em salão? rsrs.
        Salão né, gata? rsrs
        Cortes curtos seguem muito mais a moda e tem que ser retocados a cada 20, 30 dias. E a MODA do momento é o curto, pra se dizer moderna. Curto com tatuagem no braço é o paraíso das hipster poser e modistas. E não o longo, que não segue modas e muitas vezes é cortado em casa….

      • lbrandz

        Só pra não render assunto com quem não entende generalização, vou concordar com você!!!

      • lbrandz

        E só pra constar, não tenho cabelo curto. Pra não cair no mimimi da inveja que vi ali em baixo… What? Tamo na 5 serie???

      • PMs

        Achei tudo a ver o que vc falou, é bem assim que acontece. A maioria dos cabelos compridos fazem um drama lascado quando vão cortar os cabelos como se esses não crescessem denovo!

      • Tete Valeria

        nadaa a ver com nada. qualquer mulher pode seguir modismo, mulheres d cabelos longos, curtos, ou médios. o q determina se ela vai seguir isso ou n eh a personalidade da mulher, a auto estima dela, d querer estar ou n de acordo com a sociedade diz ser o “novo sexy”. então, acho que deveríamos parar d dar rotulos para as pessoas por causa de seus cabelos e suas aparencias.

      • Madex

        “Mulher de cabelo curto não escolhe cortar o cabelo. Seria como colocar lentes de contato e pagar o preço do papel ridículo.” Colocar lente seria a mulher que cortaria o cabelo por moda. Então o texto não trata de cortar o cabelo simplesmente, mas da atitude da mulher, como bem disse o Vicente. Penso eu. rs

      • camila

        Nada contra minhas amigas de belas madeixas, mas eu achei o texto muito fofo e adorei a homenagem!!!
        sim, eu tenho cabelo curtinho. E estranhamente muitas amigas falaram “como vc consegue? porque vc fez isso?” Não consigo entender esse apego com o cabelo… Mas cada uma se sente confortável com o seu, com a sua personalidade… o cabelo diz muito sobre você, é a “moldura do seu quadro”! Amo diversidade, amo as cabeludas, as black powers, as dreadlocks, as californianas, as alisadas, as raspadas! <3

      • Alice Kingdom

        Mas aí a comparação com ter cabelo curto ou não não faz sentido. Porque muitas vezes entra na moda certo corte de cabelo, eu já ouvi gente que acha que mulher de cabelo curto é mais sensual, etc. Então dá, perfeitamente, para ter cabelo curto e “ser de cabelo comprido”. E a colocação bem explícita que ele dá sobre mulheres de cabelos compridos realmente dá a entender que ele realmente está falando do comprimento do cabelo (“A mulher de cabelo comprido precisa de algum artefato histórico para se
        manter próxima da sua feminilidade. Algo como um tipo de identidade
        socialmente especial.”).

      • Anderson

        Se referiu muito mal.

      • Fellipe Melo

        Pode-se muito bem ter cabelo curto e estar de cabelos longos.

      • TacaTaca

        Pessoal, sejam inteligentes e percebam que o Vicente Mascaro está correto. O Rodrigo não estava se referindo ao ESTAR DE CABELO CURTO. Ele estava usando metáfora para falar sobre comportamento MULHER e comportamento CODORNA. Ele falava que as mulheres amadurecem e se tornam melhores ou piores, e isto depende do quanto elas cultivam seus conteúdos, e não suas embalagens.

      • nadja

        concordo… tinha cabelão e cortei recentemente…hj e sinto mil vezes mais confiante e segura de td que quero… amo cabelo comprido, mas nasci pra ter cabelo curto. ;)

    • lia

      Concordo

    • Catarina Gouveia

      Gostei de sua avaliação, tenho cabelo curto , mas é um o texto determina o personalidade como horoscopo, seria um conforto ser e ter tudo isso de personalidade só pelo cabelo.

    • Ita

      Parabéns

    • Cristina

      Muito Bom Rodrigo e muito bem colocado !!! Quando mais nova usava os cabelos curtos, já usei mais longo e agora médio, e dai? Isso não determina minha qualidade como pessoa de personalidade forte ou fraca, será mesmo preciso que para se valorizar algo seja necessário se desfazer do oposto como fez nosso amigo dono da matéria?

  • Matheus Gomes

    Excelente texto! Tá certo que as mulheres de cabelo longo vão ficar um pouco enciumadas, mas…
    A única coisa que faltou foi só uma seleção de mulheres de cabelo curto né? Talvez não teve isso para não desviar o foco do texto.
    Cadê você Jader pra fazer aquele post que nós tanto amamos…

    • everton maciel

      grato, matheus. A edição do Jader é boa por vários motivos. No meu caso, especialmente, porque eu não consigo pensar em imagens e legendas.

      • Matheus Gomes

        Que isso cabrón, fazer um texto não é pra qualquer um não!
        Estou no aguardo de mais posts, com ou sem imagens ;)

  • http://www.facebook.com/people/Robert-Oliveira/100002294217625 Robert Oliveira

    ótimo texto,acho que a questão não é o cabelo em si,mas quantas mulheres tem ousadia de cortar o cabelo curto?aí é que está,as mulheres que se preocupam apenas se o cara tem dinheiro e carro (mulheres fúteis e sem conteúdo diga-se de passagem),não fariam isso,enquanto mulheres de atitude,bem resolvidas como você explicou no texto,essas sim são capazes e mereçem nossa admiração

    • Leandro

      Se for analisar somente por esse contexto, da coragem e auto estima, eu concordo.

  • Luciana_Marques

    Eu ri com a crônica!

    Perfeita em muitos sentidos!!! Assim como a da calcinha bege!!!

    O conteúdo pouco importa, o que defende menos ainda… o gostoso do seu texto é o ritmo dado, a construção da ideia, a desconstrução do posto.

    Quanto à temática: muitas dessas “mulheres de cabelos curtos” estão disfarçadas em longas madeixas… Eu cortei meu disfarce há muito tempo… :D

    ;)

    • everton maciel

      parabéns pelo coragem, luciana ;)

    • Juliana Rosa

      Exatamente! E muita gente generalizando o texto. Galera, é uma crônica e cada leitor tem sua propria interpretação…. Abra a mente :D . MAs fala sério, cabelo curto é divino, todos falam que queriam ter a minha coragem de usar bem curtinho kkkkkk Adorei Luciana Marques

      • Daniela

        De acordo, Juliana! Acontece o mesmo comigo!

    • Magda Silveira

      Sempre gostei curto, mas deixei crescer… vou cortar!!!

      • Maria

        Cadê sua personalidade

    • Mayara Nogueira

      Boooa! =D

      • Tanto faz cabelo curto ou comprido…
        Velha de cabelo curto ou comprido…
        Cada um que use como se sente bem…
        Seja homem, mulher, gay, assexuado…
        O importante é estar bem consigo mesmo…
        Porra galera, Diga NÃO ao preconceito…
        isso que importa…

    • Suellen Santos

      Parabéns! Finalmente alguém entendeu a real natureza dessa crônica ;)

  • Dalton

    Mulheres de cabelo longo também tem essas características, mas o nosso costume cultural não nos permite perceber isso só de olhar =D
    Ainda assim prefiro as de cabelo longo =d

  • http://www.facebook.com/profile.php?id=100000896274463 Ygor Canute

    Eu realmente amo mulheres de cabelo curto, elas exerce um fascínio que é difícil explicar.. talvez seja tudo isso ai que você disse no texto.E é claro que eu não poderia deixar de lembrar famosas divindades de cabelo curto, que devem ser veneradas por toda eternidade, só pra citar algumas: Carey Mulligan, Natalie Portman, Winona Ryder, Maria Dinulescu, Mia Farrow, Morena Baccarin(taquepariu que mulher!) e é claro a maravilhosa Jean Seberg.

    • http://www.facebook.com/iagosilvadealmeida Iago Silva

      Parei no ”elas exerce”.

      • http://twitter.com/luizagcn Luiza

        Acho que foi distração, já que ele escreveu todo resto corretamente. Falo isso porque faço direto. Escrever sem prestar atenção é uma merda

      • http://www.facebook.com/profile.php?id=100000896274463 Ygor Canute

        Se um detalhe te impede de ler qualquer coisa… não a motivo para frescuras, já consertei usando o editor de comentários!

      • http://www.facebook.com/iagosilvadealmeida Iago Silva

        Edite mais esse então. Não a motivo é errado, escreva não há* motivo. Entenda, @facebook-100000896274463:disqus , é uma crítica totalmente construtiva, beleza?

    • Leonardo Brandão P

      Detalhe: só mulheres com rostos perfeitos. Aí fica fácil.

  • Harry Potter
    • good taste!

      E como!!!

    • Gabriela

      Oks…sem discutir os gostos! Mas compare essa foto com a do post…qual parece mais MULHER e qual parece mais MENINA ? ;)

      • Mariana

        Talvez isso seja explicado pelo fato de que ela era mais nova quando a foto com o cabelo comprido foi tirada…

    • Camilla

      Prefiro ela mulher de cabelo curto. Muito mais sexy.

  • Ps.

    Sou mulher e tbm nao curto homens de cabelos longos, mas tenho cabelos curtos, prefiro. É mais facil de cuidar, e em mim “cai” melhor que os cabelos longos.

  • http://www.facebook.com/Tiag0s Tiago Silva

    exaustiva beleza

  • http://www.facebook.com/people/Fernando-Carmo/1342674538 Fernando Carmo

    Adorei o texto, sempre achei mulheres de cabelos curtos atraentes, e estava comentando sobre esse assunto com meus amigos semana. Parabéns

  • Ariana Mendonça

    Hum, acabei de cortar o cabelo logo abaixo da linha do queixo :)

    Obrigada!

  • http://www.facebook.com/fotwenny Uli Anna

    cabelo curto não dá pra ser puxado quando estamos de quatro, complicado.

    • http://www.facebook.com/rodrigo.lourenco.12 Rodrigo Lourenço

      uow! gostei disso!

    • Bruno Cavalcanti

      A solução é simples: compre uma peruca!

      • Médico_Mg

        Cavalcanti, vc já imaginou que se puxada, a peruca vai sair!?!?

      • Bruno Cavalcanti

        No problem: É só botar cola super bond.

        ;)

      • Bruno Cavalcanti

        foi estúpido meu comentário.

        foi mals aê.

    • http://www.facebook.com/iagosilvadealmeida Iago Silva

      Mas que argumento genial!

    • http://www.facebook.com/fabiobracht Fabio Bracht

      É o que eu sempre digo, é o que eu sempre digo.

    • http://www.facebook.com/kysken Jota Kysken

      E é por isso que não consigo me livrar do meu. /buá

      • http://www.facebook.com/fotwenny Uli Anna

        nem deve, se gosto vou procurar facilitar, e não cortar meu cabelo pra mostrar que tenho personalidade. Sejamos francos, dizer que uma mulher tem personalidade pelo cabelo curto seria o mesmo que dizer que o cara é gay só porque ele se veste bem.

      • http://wwwr.rebecagalabarof.com/ Rebeca Galabarof

        exato

      • João Carlos

        Eu gosto de mulher de cabelo curto, mas não arrisco dizer que toda mulher de cabelo curto tem personalidade forte, muito menos o contrario. Deve ser porque me visto bem e no trabalho pensam que sou gay.

      • Muchacho.

        a questão é que, se te julgam apenas pela sua aparencia, tem algo errado. Sua aparencia é mais evidente que suas atitudes. Não?

    • http://www.facebook.com/profile.php?id=100000104077969 Guilherme Casimiro

      Putz, verdade.

      Mas mesmo assim, cabelo curto é sensacional. Hahaha

    • http://www.facebook.com/PedroCamposs Pedro Campos

      isso se resolve se o macho for bem mais alto que a moça =]

    • http://www.papodehomem.com.br/ Guilherme Nascimento Valadares

      Óbvio que dá.

    • http://www.facebook.com/people/Paula-Franco-Rodrigues/100000775883525 Paula Franco Rodrigues

      Dá sim, você, aparentemente, nunca teve cabelo curto pra saber.

      • http://www.facebook.com/fotwenny Uli Anna

        devido a gestação meus cabelos estão um pouco a cima do ombro pra facilitar os cuidados, relativamente curto, e acho que é a unica coisa que sinto falta em ter cabelos longos, deve ser culpa do meu namorado então haha

      • Spy vs Spy

        Com cabelo curto acho o contato maior na hora de puxar. Imagine a mão subindo pelo pescoço, procurando algo em que se agarrar e quando chegar na metade da cabeça, as mãos se fecham e seu lindo pescocinho sente aquele tranco. Por ai dá pra ver que dá né? O cabelo longo ajuda pra quem só quer puxar o cabelo digamos assim. Como quero contato, pele na pele, com cabelos curtos ou longos eu puxo da mesma maneira. Até se fosse careca eu puxava hahaha de outros jeitos é cláro…Fica por conta da imaginação. E culpe seu maldito namorado rs

      • http://www.facebook.com/people/Manuela-Esquivel-Rodriguez-Montero/781643242 Manuela Esquivel Rodriguez Mon

        UUUUUUUUUUUUUUUUUUI. quem sabe, sabe! hahahahha

    • everton maciel

      Muito bom o seu argumento, Uli. Acho que resolve resume bem o que um homídio pensa. Grato pela contribuição.

      • http://www.facebook.com/fotwenny Uli Anna

        posso estar errada, afinal tenho apenas 18 anos, mas ao meu ver sexo é puro instinto e nossos instintos provem desses ditos hominideos, onde o homem era o ser dominador, como voce cita no texto, mas infelizmente a sexualidade não evolui igualmente o restante das coisas, como mulher sexualmente falando acho uma delicia ser dominada assim como a maioria dos homens gostam de dominar, não podemos ignorar totalmente nossos instintos primitivos afinal por causa dele estamos aonde estamos.

      • Médico_Mg

        E como o homo sapiens sapiens pensaria? Entre no salão de beleza cheia de fraquezas, insegurança, subordinação e saia de lá com cabelo curto, cheia de vida, inteligente, independente, feliz etc. Toma mais do que algumas tesouradas para se moldar uma pessoa… Infeliz comentário, texto e quem sabe o que mais… tks, pal.

      • everton maciel

        “fraquezas, insegurança, subordinação”. Fale-me mais disso, médico mineiro sem identidade, mas com uma profissão muito mais importante que a minha para merecer um nike name enigmático e cheio de personalidade.

      • Médico_Mg

        Bom, Everton, primeiramente eu imagino que você esteja se referindo ao meu nick e não à deusa grega da vitória.
        Esclarecido isso, gostaria de deixar claro que pretendo responder a sua pergunta diretamente, sem a efusão que lhe é peculiar. Nós poderíamos conversar por horas sobre “fraquezas, insegurança, subordinação”, mas, pelo menos de minha parte, não seriam temas que eu definiria por atributos físicos ou por peças de vestuário. Infelizmente, acho que o espaço aqui seria insuficiente, quem sabe por outro veículo, o que acha?
        E em relação à escolha do meu nick, não julguei relevante a necessidade de me identificar para dar minha opinião, até pelos juízos de valor pelos quais eu poderia passar. Em relação à naturalidade e a profissão, talvez tenhamos escolhido pelo mesmo motivo não é gaúcho, jornalista, mestrando em filosofia? Não julgo que minha profissão seja mais importante que a sua, estas foram suas palavras, não minhas. No entanto, não nego que ela se mistura com o meu próprio “eu”…
        Só voltando ao ponto, e o homo sapiens sapiens?

    • http://twitter.com/nayyagami Nay Yagami

      Claro que dá pro cara puxar, e o melhor é que pra isso ele tem que ficar ainda mais perto da mulher. Mas usar esse argumento só reforça oq o texto diz: ”
      A mulher de cabelo comprido precisa de algum artefato histórico para se manter próxima da sua feminilidade…”

  • CancerSolar

    Mas a verdade é que sempre partimos da ideia de que a mulher possui cabelo liso,curto ou longo,quase nunca percebemos que há mulheres com cabelos crespos maravilhosas,me faz lembrar uma amiga da minha namorada que por possuir cabelo afro,passava o tempo todo se lamentando,mesmo sendo lindíssima e charmosa,acho que somos acostumados a gostar de cabelos lisos e longos.

    • raquel cavalheiro

      discordo, meu cabelo sempre foi muito liso e eu, particularmente acho super insosso o liso. gosto mesmo é dos cachos, graciosos.

  • http://www.facebook.com/ana.victorazzi Ana Victorazzi

    Um homem escrevendo sobre como mulher se sente… só podia sair isso… e não foi um elogio.

    • Vitor de Souza

      E se o cara escrevesse exaltando as mulheres, como em outros textos você estaria elogiando e puxando o saco dele como outras aqui, que criticaram o texto do cara. Falar de vocês só quando é conivente né? Affff.
      Alias ele não rebaixou nem uma outra mulher, só escreveu sobre o gosto dele, isso não desqualifica as de cabelos longos. Quanto estresse.

    • Gustavo Augusto

      O mesmo vale para as mulheres quando falam dos homens, a maior parte é só asneira.

  • http://www.facebook.com/mariana.benedett Mariana Benedett

    Infelizmente não se dá tanto valor ao cabelo curto, muitas vezes a mulher acaba sendo tachada de lésbica, uma injustiça…

  • Debora

    Sou um exemplar da espécie de cabelo curto – há muitos anos, diga-se de passagem. E considero um elogio, mas mais como defesa de um homem tentando valorizar o que parece ser ‘esquecido’ ou ‘desvalorizado’ pela grande maioria dos homens (que, todos sabemos, vai, gostam mesmo é de cabelão!) do que por sermos exatamente assim mesmo.
    Acho mais uma licença poética do que uma realidade… muitas vezes toda essa auto estima se abala, é real, quando nos deparamos com uma Scarlet Johansson na balada, vendo que nosso futuro próximo fica um pouco difuso com tanta atenção para as loiras fatais e as morenas super super. Tem que subir muito no salto pra ‘desbancar’ uma dessas com o cabelo curtinho. Haja estima!!
    Mas, como sempre, gosto das polêmicas daqui e de saber que os olhos dos homens às vezes não batem com a minha expectativa – ainda bem! (risos)
    [E quanto à tração, basta o homem saber fazer. Dá sim...]

    • Leandro

      Eu concordo contigo. Mulher é mulher, mas é fato que os homens buscam a feminilidade, ou seja, o oposto, nas mulheres. E isso é evidente nos cabelos. Mas é claro que as de cabelo curto tem, óbvio. Só que cabelo muito curto traz uma semelhança muito grande conosco. Eu prefiro as com cabelo mais longo.

      • Leonardo Brandão P

        Concordo com você.

    • http://www.facebook.com/guadalupesampaio Guadalupe Sampaio

      As pessoas refletem e analisam demais. Você colocou muito bem. O autor procurou apenas valorizar uma coisa que a maior parte dos homens não gosta (afinal, é verdade que eles preferem as com cabelões!). Licença Poética, meus amigos, licença poética! Por que tanto problema com isso?

      Não se sintam ofendidas, cabeludas!

      E gosto de ter o cabelo curto também porque acho quie não sou para a maioria! hahaha

  • mczanetti

    Coco Chanel, o exemplo máximo de mulher decidida, charmosa e confiante. Não é à toa que seu nome é sinônimo de elegância.
    http://3.bp.blogspot.com/-cF1HjVBlLuA/TkYPbu_VtvI/AAAAAAAAAsc/mWnOr1TfbaU/s1600/coco-chanel-2.jpg

  • http://www.cafecomblogueiros.com.br/ João Pedro Salles Braconi

    Cabelo curto, comprido, sem cabelo.. não importa realmente. Cada mulher é única e apreciar a beleza de cada belo espécime desse ser é uma dádiva. :)

  • Rafaela

    Tenho cabelo curto e digo a vocês, nunca me senti tão poderosa. A auto estima vai lá em cima. E salve Deus este homem que ama mulheres de cabelos curtos. Não é toda mulher que tem a capacidade de carregar um cabelo curto, e se sentir no céu por isso…

  • Rafaela

    Sem falar que eu era daquelas que mantinha o cabelo longo, intocável. Até que um dia cortei do nada e eis que um amigo chega até mim e disse: Rafa, aconteceu algo. E algo muito sério deve ter mudado aí dentro, pq uma mulher se desprender do cabelo dela assim. Só respondi: a menina cresceu.

  • http://www.facebook.com/Mandyy.lima Amanda Lima

    Tsc tsc.
    Condordo plenamente…

  • Leandro

    Jamais. É fácil falar de cabelo curto quando se trata de uma BELA e gostosa panicat, por exemplo. Agora as mulheres ”normais” não podem fazer isso de jeito nenhum. A feminilidade de uma mulher está nos seus cabelos. Cabelo muito curto comigo é sem chance, pois tira até um pouco da beleza daquelas que são belas sem contestação.

    • http://www.facebook.com/valsortiz Valquíria Sampaio Ortiz

      Lamento por ti, então, porque o que mais tem na tua volta, é mulher comum, e mulheres como panicats que tu citaste, normalmente não olham para homens “normais’. ;)

    • Isabela

      Panicat? 15 anos detected.

  • http://www.facebook.com/katyanecristina Katy Cris

    Eu amo cabelo curto! E estou fazendo praticamente um sacrifício deixando-o crescer para a minha formatura, que graças a deus está perto. (depois vou cortá-lo bem curtinho).
    Fato é que me sinto muito mais eu de cabelo curto… me sinto poderosa. Sempre senti isso de “personalidade de cabelo cabelo curto” e é interessante ver que mais pessoas tbm pensam assim. Que se dane o senso comum de “loiras cabeludas”…rsrs…. gosto mesmo é do meu cabelo curtinho.
    E sobre a famosa ‘puxada’, se eu puxo o do meu namorado que é bem curto, o que anda acontecendo por aí é falta de habilidade dos moços… tenho dito!

    Em tempo, o texto pode ser só sobre cabelos curtos ou sobre calcinha bege… mas importante mesmo é se sentir bem com aquilo que gosta e consigo mesmo.

    • everton maciel

      tks, katy. Mas não entendi porque você quer ir a sua formatura de cabelo comprido. Ainda mais com uma opinião tão empolgante.

    • everton maciel

      posição interessante, katy. Mas não entendi porque você quer ir na formatura de cabelo comprido.

      • http://www.facebook.com/katyanecristina Katy Cris

        Para fazer um penteado bacana…

  • http://www.facebook.com/helenspicoli Helen Picoli

    Desde os 12 anos eu mesclo o
    cabelo curto e o tradicional chanel(amo), deixei crescer e não me
    acostumei, e não consigo mais deixar crescer. Obs: quase todas a
    mulheres da minha familia, materna e paterna, tem cabelo curto ou até o
    ombro!

  • http://www.facebook.com/people/Thaís-Cristina-Liberato/100000599415362 Thaís Cristina Liberato

    bem, posso dizer que sou uma mulher de personalidade, pois meus cabelos tão curtos quanto os de emma, são meus favoritos desde que cortei, não sinto falta deles grandes, e até onde sei não preciso deles para ser ‘mais mulher’

  • Fernanda Bizzotto

    Os dois sao bonitos, definem
    personalidades e de alguma forma mexem com o imaginário. O legal eh
    experimentar cortes diferentes e ver aquele que voce se sente melhor,
    sem se prender a estereótipos :)

  • Ana

    Um cabelo curto é simplesmente um corte que combina com o modelo do rosto e fica harmônico com o corpo da dona do cabelo curto.

  • http://www.facebook.com/carlosdill Carlos ‘Dill’ Veloso

    Para mim varia de mulher para mulher. Há mulheres que ficam mais belas de cabelo curto, já há outras que o cabelo cortado não combina muito.

    • http://www.facebook.com/cleidde Cleide Silva

      VERDADE tem que combinar, um rosto bem alinhado, olhos no tamanho ideal, e boca tambem é complicado não é pra toda mulher não. Imagine a Juliana Paes de cabelo curto ? aff que tragédia né? ela é linda mas não de cabelo curto, poque os olhos dela são diferentes e boca carnuda. Cada um no seu estilo.

  • http://www.facebook.com/umbelinojuliana Juliana Umbelino

    Tenho cabelo curto desde os 16 anos. Hoje, aos 22, eles estão no ombro pela primeira vez desde o primeiro corte Joãozinho. Cabelo curto realmente valoriza o rosto e torna a mulher intrigante. Porque cabeludas se perdem na multidão. Cabelo curto tem sido um diferencial, basta olhar as fotos de turmas de meninas no facebook: cabeludas de ladinho com copos com cerveja e destilados na mão.

    • http://www.facebook.com/guadalupesampaio Guadalupe Sampaio

      Concordo! Não quer dizer que sejamos mais ou menos! Mas é um diferencial e se o corte é estiloso, as pessoas olham, reparam e perguntam! Não é o cabelo que nos faz, mas nós, mulheres de cabelo curto, com estilo e personalidade, fazemos do cabelo um item a mais, que nos torna diferente do resto e demonstra a nossa personalidade! Não seguimos o padrãozinho!

      • Sandra Otoni

        E tudo é questão de prisma, não? Que padrãozinho, se agora a tendência é o tal “padrãozinho” ser cabelo curto, porque as starlets resolveram “bancar as ousadas” e tosar as madeixas? Emma Watson, Jennifer Lawrence, Miley Cyrus, Charlize Theron, Halle Berry, etc, etc… As pessoas querem sempre puxar a sardinha para si mesmas e seus gostos pessoais, esse texto me dá mais essa ideia do que a ideia de uma crônica, embora saiba-se que a intenção foi de ser crônica mesmo… Fiquei mais tendendo para a impressão do Humberto Bueno. É bem redigido mas dá impressão de radicalismo.

    • Maila

      Cabeludas se perdem na multidão? Claro que não, chamam super atenção.

    • Rebeca Silva

      Eu acho que pra precisar de corte de cabelos pra se destacar a pessoa deve ter o carisma de uma garrafa de água mineral.

      Já tive cabelos muito curtos e hoje os uso muito compridos, mas não acho que cada um tenha me tornado parte de grupos em que as pessoas são assim ou assado. Dispenso essa diferenciação. Pessoas interessantes vêm em muitas formas e tamanhos :)

      • Silvia

        Falou tudo, Rebeca!

    • Yasmin

      Sim, cabelo curto é realmente diferente, mas não generalize as cabeludas. Eu tive cabelo curto só quando criança, hoje tenho o cabelo comprido e ninguém nunca vai me ver de ladinho com copo de cerveja e outros destilados na mão em uma foto, até porquê, eu não faço isso. Já conheci uma mulher de cabelo curto que por anos foi minha inimiga n°1, pois me tratava mal sem nenhum motivo. Hoje ela deixou o cabelo crescer e foi me pedir desculpas no Facebook outro dia. Culpa do cabelo? Lógico que não, ele não define nada. Acho que o que faz a pessoa é o que ela consome (livros, filmes, música, revistas, a realidade onde ela escolheu se inserir etc), e não o corte de cabelo.

      • Delvair Diniz

        Concordo com vc, eu tinha o cabelo comprido e agora esta curto e não mudei em nada minha personalidade. Daqui a um tempo ele vai crescer serei a mesma. ;)

      • revoltadas.com

        Adoro cabelo curto. Vira e mexe eu toso o meu joãzinho… mas desde quando o cabelo decifra a mulher em sua força, segurança, caráter ou sei lá o quê? Interpreto como um raciocínio limitado demais… eu diria cérebro de ostra.

    • Dayane Bantin

      concordo e assino embaixo de tudo que escreveu!
      tenho cabelos curtos desde os 19 .. hj estou com 25 e tb está no ombro, mas daqui 2 dias vou voltar pro chanel lindo!

    • http://www.facebook.com/Srta.ThayaneCavalcantiPasseaRespeitarPutao Thayane Cavalcanti

      Verdade, sempre as mesmas formas nas fotos. é por isso que adoro meu cabelo curtinho ;)

    • Riva

      “cabeludas de ladinho com copos com cerveja e destilados na mão.”
      Adorei!!! Não é pra qualquer uma ter o cabelo curto e enfrentar o batalhão de “iguais” com suas mesmas roupas e mesmos copos de bebida na balada… Dá um frio na barriga ser diferente, mas depois de ultrapassada a fronteira do medo de ser diferente, vc se torna A DIFERENTE. A INTERESSANTE, A QUE TEM PRESENÇA… é bom ter cabelo curto. Eu amo… E nunca me faltou admiradores e nem namorados por causa disso.

      • Duda

        Ter cabelo comprido significa pertencer ao batalhão de iguais? Cada qual com sua maneira de se diferenciar. Não são só as de cabelo curto que tem a capacidade de ser diferentes e interessantes. Um conjunto de coisas determina isso, não se a mulher tem cabelo curto ou comprido. Entretanto, creio que o autor usou o “cabelo curto” como um meio de caracterizar as mulheres de personalidade forte, não somente as que de fato tem cabelo curto.

      • Mari

        Se a sua necessidade de se autoafirmar como uma pessoa DIFERENTE, INTERESSANTE e DE PRESENÇA é tão grande e, ao mesmo tempo, tão pequena a ponto de um simples corte de cabelo supri-las… minha amiga, te digo que você é uma pessoa insegura demais. Boa sorte.

    • Priscila Diogo

      Muitas mulheres não abrem mão do cabelão comprido por mero medo de não se aceitar, medo de mudar e não ser mais “tão atraente”, tão sexy, ou pq seus parceiros dizem que “mulher tem que ter cabelão”, eu amo cabelo curto, na verdade sou camaleoa, já fui loira, ruiva e morena, e acredito que o que ele quis dizer no texto foi isso, a ditadura que se tem envolta dos cabelos compridos, que mulher pra ser sexy e feminina tem que ter cabelão. Minha vizinha é baixinha, já não é tão jovem e não corta nem as pontas do cabelo, ela nuuunca cortou o cabelo em outro tamanho, nem sequer um corte de franja, é aquele cabelo comprido e reto até a bunda, e deixa ela tão sem graça, escondida. Eu creio que o cabelo curto é uma questão de atitude e coragem.

      • Juliana Boaventura

        Vai fazer uma mulher de cabelo grande entender esse ponto de vista… haha Concordo com você. Sempre tive meu cabelo grande, eu cortei e ficou bonito, mas TODO mundo pergunta o porquê dessa atitude, e a minha resposta é bem simples: por que ele é meu, ora! Se fosse seu, eu não cortava. :)) kk

      • Priscila Diogo

        Exatamente. Que coisa! rsrs O cabelo é meu e eu corto ou tinjo ele como eu bem entender. Não me sinto nem um pouquinho insegura com isso. Agora estou deixando crescer (estou dizendo isso há 1 ano e sempre corto, é um vício) ou tentando kkkkkk

  • http://www.facebook.com/people/Andre-Deuner/1073807882 Andre Deuner

    Que bosta de texto e de generalizacao escrota. Outra, idosas cortam o cabelo curto por ser mais facil de cuidar e por nao ser um cabelo tão “bom” mais!

  • http://twitter.com/guerreiro13 gabriel guerreiro

    O thumbnail do post tem a bruna linsmeyer e o post não … ahh..

    • everton maciel

      essa mulher é solteira?

  • http://www.facebook.com/fladeoliveira Flavio de Oliveira

    Mulher é mulher! De cabelo curto, médio ou longo!! Mas concordo que o cabelo curto mostra personalidade, e dá um charme todo especial!!

  • Abo

    acredito que varia de mulher pra mulher, tem umas que ficam maravilhosas de cabelo curto… outro dia cruzei com uma conhecida da espanha, cabeça raspada, seus olhos verdes atraiam de longe, o detalhes do rosto mostravam toda sua feminilidade, não da pra sair tachando de macho mulher de cabelo curto, até porque raspar eu considero uma atitude mais radical, quero dizer, admiro a distinção entre as mulheres, é bom que não exista uma modinha, assim como em outro post que citam uma mulher toda tatuada como algo raro, acredito que a beleza está nisso, na diferença,é isso que encanta, por isso tem seu valor…

  • http://www.facebook.com/profile.php?id=1550431242 Livia Caroline

    Obrigada pela homenagem! Que texto lisonjeiro! Cortei minhas longas e cacheadas madeixas há dois anos. Quando digo “cortei” é porque peguei a tesoura, fui pra frente do espelho e fiz misérias. Foi o primeiro passo.
    Não consigo mais me ver de cabelos longos. O estilo joãozinho combina com a minha personalidade e me faz sentir muito livre.

    Mais uma vez, obrigada =)

    • http://www.facebook.com/cleidde Cleide Silva

      os homens aki estão adorando, recebo inumeros elogios, e tou até namorando. Eu era triste e sem animo com cabelo até o quadril

  • ruan pedro

    Oque vai ter de retardada cortando o cabelo pra se encaixar nessa descrição não vai ser brincadeira…

    • Rafaela

      Verdade! Hahahaha. Eu não corto o meu! rsrs Mas foi bacana a comparação.

    • Raquel

      Pô, mas é ser muito raso para pensar que alguém vai cortar cabelo por causa do artigo. Vá!

      • Victor

        Não é ser raso pensar isso, até porque vai acontecer realmente. Ser raso é cortar o cabelo por causa do artigo e, pode ter certeza, conheço muitas que cortariam se lesse o texto, assim como conheço algumas que nesse exato momento estão se vangloriando por usar cabelo curto e se achando superiores às demais mulheres…

  • Leitor

    Todo homem tem medo que sua mulher, ao envelhecer, fique gorda e corte o cabelo.

  • http://www.facebook.com/livia.m.gusmao Lívia Gusmão

    Certa vez, um cara me falou “vc tem cabelo curto porque tem medo de ser feminina, quer competir com os homens e não sabe fazer isso com belas e longas madeixas”. Quase me convenci. Quase. A verdade é que uma nuca à mostra mete muito medo, mas é, acima de tudo, um belo teaser da personalidade de quem se livrou dos cabelos longos. Tenho cabelo curto desde os 10 anos e cada vez eu corto mais. Irreversível.

    • renato

      Um homem que acha que mulher de cabelo curto que ser homem, é um boçal com bolas enrrugadinhas de medo de uma mulher de cabelo curtinho e fatal. D:

    • http://www.facebook.com/cleidde Cleide Silva

      Me senti liberta tambem das madeixas, não preciso de uma JUBA pra confirmar que sou mulher, atualmente cortei meu cabelo bemmmm curtinho parecido com da xuxa. E pra falr a verdade estou com mais pretendentes pra namorar, parece q essa coisa de cabelo curto é verdade. O rapaz q namoro disse q quando me via de cabelo comprido ele tentava saber o q eu tinha pra ter um cabelo comprido , ele não gostava,

      • fabiolic

        Cleide, os pretendentes não aumentaram por causa do seu cabelo curto, foi por causa da sua autoestima.
        O que deixa a mulher mais feminina não é o cabelo, é a segurança. Sem frescura, sem mimimi, sem rodeios, sem DRAMAAAA.
        Se você se sentiu menos insegura, foi isso que te deixou mais atraente. Simples…

  • Tamires Carreiras

    Meu namorado me indicou o texto para ler,felizmente ele respeita e adora meu corte de cabelo,e sabe o quanto eu sofro por fugir do comum,não que por ter cabelo curto eu seja melhor nem pior que nenhuma mulher, mas que requer um minimo de personalidade,isso sim o texto trata perfeitamente,obrigada Everton Maciel.

  • Ana Paula

    Bom… eu acabei de cortar o meu, tinha um cabelão na cintura, intocável a anos, apenas mudando franja e cor e hoje cortei curto. E meu namorado me enviou este texto! Ai está o resultado :) Todas tem seu charme, porém as vezes é necessário mudar, mudanças externas trazem mudanças internas e vice e versa! To me Adorando!

  • http://wwwr.rebecagalabarof.com/ Rebeca Galabarof

    mulher de cabelo curto é um tesao, assim como mulher de cabelo longo.
    o corte do cabelo é feito em cima do que fica bem em um determinado rosto ou não.

    adoraria ter o cabelo curtinho, mas nao posso pq minha cara é uma navalha e, assim sendo, preciso de algo que suavize a minha sobrancelha grossa, a minha boca enorme, e o meu nariz de vilã de filme da disney.

    quem vê corte de cabelo, não vê personalidade.

  • Pedropm

    Rsrs
    Acima de tudo muito bem escrito.
    Parabéns!

    • blaster

      Dilma com cabelo curto é sexy. NOT

    • http://www.facebook.com/people/Rosennyldo-Nobrega/1651029258 Rosennyldo Nóbrega

      kkkkkkkkkkk

    • Dennis Braga

      Galera sabe nem brincar! hahahahaha :D

    • Pietro Castagnaro

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    • Carolina Kadix

      kkkkkk! sensacional a Dilma e seu cabelinho curto. Ficou bem poético esse texto aí, mas na vida real quando é que vão parar de relacionar cabelo com cérebro?

      • Camila

        Hahaha exato! eu adorei a homenagem, super poetico e fofo. Mas nada pode ser generalizado (:

    • Mylla Mendonça

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • larissa rozarioL

    Morrendo de vontade de cortar o cabelo curtinho de novo

  • Nem Secos

    Oi Everton, dá uma ouvida na música “Ela Cortou Curtinho” do Grupo Nem Secos:

    http://www.myspace.com/nemsecos/music/songs/ela-cortou-curtinho-84352577

    Valeu,um abração.

  • Noah

    Clichê! Como diria o sábio ditado facebookeano “porque tudo o que a gente faz é pra comer alguém” e alguém aqui quer comer alguém de cabelo curto. Sem mais.

    • Noeh

      se o ditado é “facebookeano” ele jamais será sábio. Será apenas a cusparada de algum infeliz que desconta na internet a frustração da vida real. :D
      E, sinceramente, se você acha que alguém elogiaria um estilo “só pq quer comer” …cara, você precisa virar homem. Ou superar o possível fora que você deve ter levado de uma mulher de cabelo curto.
      Elas são tão deliciosas quanto a de cabelo comprido! D:

    • everton maciel

      Muito importante ter FB pra absorver meu texto, noah. Muito importante.

  • http://www.facebook.com/ericadonato Erica Donato

    Que texto nada a ver….cabelo curto ou comprido é uma questão de gosto da mulher, de combinar com o rosto e o estilo de vida, só isso…Adoro madeixas longas, infelizmente, o meu nunca cresceu muito, então sempre tive um cabelo tamanho médio, já tive cabelos curtos também, mas, não gostei!!Enfim, acho muita bobagem resumir a personalidade de uma pessoa a um mísero corte de cabelo!!!

  • http://wwwr.rebecagalabarof.com/ Rebeca Galabarof

    dizer que cabelo defini a pessoa é ser verdadeiramente superficial, ou melhor, superficial até o último fio de cabelo.

    é ser vinho chapinha, amigo

  • Flavio B.

    Esse blog deveria se chamar “Papo de Mulher”. Sem mais.

    Argumento ilógico. Uma Ode sem sentido às mulheres de cabelo curto.

    Como disse um amigo ali: “alguem aqui deve estar querendo comer alguem de cabelo curto.”

  • Renato

    só essa foto da Watson abrindo a matéria já me faz lamber com a testa. D:

  • http://www.facebook.com/bnaletto Bruno Naletto

    Eu sou da opinião de que nem toda mulher fica bem de cabelo curto. Mas as que ficam, ficam MUITO bem, exemplo a Emma Watson (que convenhamos, fica bem de qualquer modo), porém, sou fã das madeixas compridas…

  • VIVI

    PARABÉNS P/ O JOÃO CARLOS P/COMENTÁRIO.
    JÁ AQUELA ZEBRA (MAL) DISFARÇADA DE MULHER AINDA QUER DAR UMA DE CULTA. VÊ SE PODE?
    AFFF!!!

  • Dani

    Esse texto é tão ruim quanto o da calcinha bege. O PdH agora simplesmente quer ver o negócio pegar fogo.

  • Vaquíria Azevedo

    Amei……tenho cabelos assumidamente curtos …..

  • http://www.facebook.com/gicrila Gisele Cristina Laranjeira

    apenas uma palavra me expressa após ler seu artigo: OBRIGADA. :)

  • http://twitter.com/edegar EDEGAR NEUMANN

    Acho que já vi um texto destes em algum lugar, porque tenho certeza de que é a segunda vez que vou comentar que me apaixonei pela minha esposa no dia em que ela cortou seus cabelos no melhor estilo joãozinho. Adoro cabelo curtinho, e o da Emma coube muito bem a ela. Mulher de cabelo curto e pescocinho longo, então, pirei!!
    A primeira vez que vi o clip de Everything, da Alanis Morissette (http://www.youtube.com/watch?v=C6kLbDHu0yc), mal consegui disfarçar um suspiro quando ela cortou o cabelo (gerou um certo ciúmes, se me entendem).

    • everton maciel

      Canta muito essa menina. Não conhecia.

  • http://www.facebook.com/divaflores.flores DivaFlores Flores

    Adorei este texto!!!!!!!!!!! Tenho cabelo curto,e é engraçado depois de ler o texto é que percebi que sempre tive cabelo curto, pois ele vai além do corte. Muito bom! E,a comparação com vinhos, hummmm Excelente, bela comparação!

  • Katerine

    Acho que os textos do Papo de Homem possuem uma ótima temática — mas, não raramente, acabam sendo ruins por generalizar demais. Esse Everton quis fazer um elogio à mulherada de cabelo curto e, pra isso, acabou botando as cabeludas lá pra baixo! Desde quando mulheres com menos cabelo têm mais personalidade que as com mais cabelo? E desde quando homem que é homem prefere mulher de cabelo curto a mulher de cabelo comprido? Isso é MUITO relativo!

    • Carol

      Muito relativo e MUITA mentira, porque conto em pouquíssimos dedos os homens que conheço que preferem mulher de cabelo curto (e mesmo esses namoram ou são casados com mulheres de cabelo comprido).
      O cara é a exceção e quer generalizar, complicado.

  • Pânico no Trânsito

    Falou tudo! Até hoje não conheci mulher de cabelo curto que não tenha personalidade. Não é o cabelo que faz a personalidade da mulher, porém diz muito sobre ela. O cabelo curto já diz “não faço questão de me encaixar no padrão “default” de beleza da sociedade, não preciso disso! Sei quem eu sou”. Já se a mulher tem cabelo comprido, loiro, oxigenado, com mechas, para mim quer dizer “Sou completamete sem personalidade ou insegura (mesmo que nao o demonstre) e preciso estar no padrão do momento para que alguem me dê atenção. Por favor olhem para mim!”

  • Pânico no Trânsito

    Reclamar de aforismos ou generalizações de um post da internet é muita falta de “Common Sense”.
    Vi frases do tipo, “odeio quando generalizam assim” ou “nem todas são assim” ou “suas idéias são preformadas e imutáveis ou do contra” e sinceramente essas frases, no contexto, demonstram uma certa falta de noção e inteligencia. Nem vou me explicar mais porque quem postou esse tipo de comentário, obviamente, não irá entender qualquer que seja minha explicação, mas se não generalizarmos um pouco nada pode ser agrupado.

    • everton maciel

      Tens razão. A generalização é o primeiro passo para transformar uma informação do mundo empírico em conhecimento. Prédios são construídos com a física newtoniana, não com a teoria da relatividade. Se eu venho aqui e digo que todos os japoneses têm cabelo preto, não espero que nunca surja um japonês loiro! Não sou tão inocente! Alguém virá nos comentários com fotos de japoneses albinos e eu não vou estar nem um pouco preocupado com isso!

      O objetivo desse texto era apenas fazer um elogio – genérico – a um tipo de atributo estético que eu admiro. O objetivo do meu texto anterior – da calcinha beje – era fazer uma crítica a um elemento estético que eu repudio. Esse foi, é e sempre será meu único esforço. Não me preocupo com mais nada. Depois de definido o objeto da generalização, todo o resto é um esforço para que as pessoas consigam ler de forma agradável até o final o texto. Nada mais me interessa. Não quero ficar rico. Não quero ser o dono da verdade. Não quero fazer uma tese de doutorado.

      Claro que é minha opinião! Claro que é uma generalização!! Lógico, que há contraexemplos aos que eu dei!! Claro que é algo pré-formado! Afinal, sou obrigado a pensar antes de escrever.

      A crítica é sempre bem-vinda. Confesso que adoro ser xingado. Mas acho que as pessoas podem fazer críticas mais elaboradas que muitos xingamentos do tipo: “gaúcho gay. Não sabe como é pegar uma mulher pelas crinas e blá blá”.

      Fiz um texto sobre a polêmica calcinha beje. Fiz outro sobre um assunto nada polêmico: cabelos curtos em mulheres. Fui criticado nos dois. É uma demonstração de que as pessoas criticam por criticar. Polemizam por polemizar.

      Polêmica por polêmica não me basta. Se escrevo, quero ser lido. Ficaria muito feliz se uma crítica ao meu texto se transformasse em… OUTRO TEXTO. O pessoal do site iria adorar receber algo para publicar. Quem sabe um dia chegaremos em um círculo de discussão desse tipo. Por ora, o exercício da escrita sempre será uma experiência interessante para mim.

  • Izabel

    Não é o cabelo que me define. Eu que defino o cabelo. Já tive cabelo curto, médio, longo, extra longo. Loiro, castanho, preto, ruivo. Eu sou muitas!

  • Alessandra Pozzi

    Atualmente tenho meus cabelos curtos por praticidade e por que não dizer, talvez para fugir um pouco do esteriótipo sensual, uma vez que trabalho numa instituição militar. Mas já tive cabelos em diversos comprimentos e cores, assim como tenho tatuagem e piercing, e afirmo que isso não determina totalmente a personalidade de uma mulher. Tem muito a ver com o momento que ela está vivenciando e sua segurança. O que eu não acho correto é ter apego aos padrões para não sair da zona de conforto. Muitas amigas dizem que “não têm coragem de cortar”, “o namorado não quer”, “o marido odeia”. Vou ao salão e faço o que meu momento me pede: corte mais ousado ou simplesmente aparar pontinhas, dane-se quem gosta ou não gosta. Meu ex-marido gostava comprido e sempre tivemos acordo sobre isso. O importante é estar feliz comigo mesma.

  • http://www.facebook.com/people/Ana-Maria-Madeira/100000180482755 Ana Maria Madeira

    O cabelo comprido é o artefato histórico da feminilidade, affe – os homens de cabelo comprido são essas bestas de comercial de cerveja q vc supões serem as mulheres de cabelão?
    o.O Sério, qdo cortei metade do meu cabelo não me tornei mais fina não, cara, é só cabelo! O q mais importa é a postura (de homens e mulheres) perante a vida, não o estilo q adotam.

  • aonimo

    Papo de homem tem muita mulher rs. Belo texto:)

  • http://www.facebook.com/alessandra.magnagomenonayres Alessandra Magnago Menon Ayres

    Delícia de texto: inteligente e não ofensivo. Amei, parabéns!

  • Aaaaaa

    O texto é taxativo, generaliza e pobre! É pras idiotas cabecinhas se acharem.. elas precisam de auto afirmaçao e usam esse lixo aqui.. Oq tem de nega de cabelo curto só pq o namorado pediu (subordinada do mesmo jeito), por modismo (ex-spicegirl Victoria B.) e por aí vai… cabelo nao diz nada sobre personalidade. Já ive cabelo curto quase careca e longo pra baixo da cintura…
    Hj é mais modismo doq personlidade! Já foi a epoca!

    • Mayara Menezes

      Disse tudo!!

  • Roger

    Este argumento poderia se aplicar às escovas progressivas. assumir os cachos ao invés de se render à ditadura dos cabelos lisos é um traço de personalidade…

  • Marcos Paulo

    Mulheres de cabelo curto são fodas… simplesmente fodas…

  • Claudia

    Guri, bem legal teu texto. Tu escreve bem e sabe colocar tua opinião e defendê-las te colocando no texto. =)

  • http://www.facebook.com/nathalie.sterblitch Nathalie Sterblitch

    Delícia de texto mas continuo preferindo minhas madeixas imensas.. até pq não resisto a um belo puxão de cabelo com a mão cheia aqui perto da nuca.

  • http://www.facebook.com/profile.php?id=100003140037987 L.a. Costa

    Tenho lido regularmente, e na grande maioria das vezes gostado dos textos publicados no PdH, entretanto os comentários de outros leitores muitas vezes me deixa dúvidas sobre a capacidade de compreensão de parte dos leitores “comentaristas”.

    Gostei do texto do Everton, achei quase um ode singelo a um tipo de beleza que nem todos apreciam. E mais ainda, parece que nem entendem… mesmo porque esta não é uma questão de estética. Para a mulher cortar um cabelo curto, mesmo a loira de propaganda de cerveja corta eventualmente, agora manter-se em um cabelo curto, isso é outra coisa, pois não é estético. E o discurso evertoniano captou a essência disso. Mandou bem a beça.

  • Débora

    O texto está realmente muito bem escrito, mas a generalização NUNCA é verdadeira. Decepcionante no conteúdo.

    • http://www.facebook.com/felipe.justem Felipe Justem

      Tinha que ser mulher….

      Vc quer que ele fale de todas as exceções no texto? sem contar que não é um artigo cientifico, Esta mais para informal e poético
      VIva a meninas de cabelo Curto……kk

  • Stephany

    Então na sua visão todas as mulheres de personalidade forte e auto estima estão de cabelo curto? e quem tem cabelo comprido tem medo de não ser mulher e esses blábláblás?! Filosofia não é a sua área com toda certeza! Mas o texto foi bem escrito! ;)

  • http://twitter.com/lullylucky Luisa Clasen (Lully)

    Falou tudo o que eu sempre digo aos meus amigos homens!

  • justine

    é sério que Nero disse isso?

    • everton maciel

      claro que não

  • justine

    Acho q a personalidade forte não depende do cabelo curto, é que pra mulher cortar o cabelo, bem curto, ela trabalha um desapego “grande”, mas isso não define personalidade…
    Mas sim, sempre que corto bem curto, meu cabelo, é mais dificil paquerar e quando to com o cabelo longo não tenho tanta dificuldade para a paquera. Isso demonstra, na verdade, uma falta de personalidade dos homens, e não das mulheres, pois só conseguem admirar um padrão estético determinado a miiiiiiiilhones de anos…
    Acho bonito os dois tipo, o tipo indiona e o joana d’arc. Lembrando que Frida Kahlo, sempre teve cabelos longos…
    Depende da mulher, não do cabelo.

  • http://www.facebook.com/adriana.fayadcampos Adriana Fayad Campos

    Achei o texto divertido, mas não é pra ser levado ao pé da letra né…. mas já que a discussão é esta… vá lá, não acho que cabelo curto seja tudo isso, por si só. Nunca precisei cortar curto pra provar que tenho personalidade. Até pque não fica legal pra mim.

    Sempre achei o cabelo curto interessante, mas quase sempre qdo vejo uma mulher bonita de cabelo curto é automático pensar: nossa, como ela ficaria ainda melhor de cabelo comprido, rs… cabelinhos curtos estilosos são bacanas, mas por isso mesmo tem muita garota insegura que corta assim, justamente pra passar uma impressão de “cool” qdo na verdade são bem ansiosas.
    Cabelo curto não é pra qualquer uma, pque para algumas realmente não cai bem. As que de fato são seguras de si e usam curto, são as que ficam mais belas dentre as de cabelo curto.
    O cabelo na verdade é apenas moldura, o que realmente vale é o quadro. Cabelo curto ou comprido, mulher de atitude sabe a que veio e não precisa fazer força pra que notem isso.

  • Roberta

    Olá Everton! Adorei o texto. Vou ler os outros.
    Muito interessante.

  • Pingback: Mulheres que você deveria conhecer dão Bom Dia: julho foi foda | PapodeHomem

  • http://www.facebook.com/giselli.lima.7 Giselli Lima

    AMO o meu cabelo curto,não troco por nenhuma cabeleira,geralmente loira e alisada!!!

  • Marcell Urataki Moraes

    muitas opiniões controversas, porém hemos de concordar que em alguma ponta do texto (muito bem costurado por sinal) concordamos mesmo que não 100%, mas em algum momento.

  • Flávio

    CARA, TENHO FASCINAÇÃO POR MULHERES DE CABELOS CURTOS.
    OBRIGADO CARA, NUNCA TINHA LIDO ALGO TÃO VERDADEIRO SOBRE ESSA MINHA FASCINAÇÃO.
    TU É O CARA!

  • Bárbara Gondar

    achei o texto uma merda, bem generalizado. mas gostei muito da frase “Mulher de cabelo curto não serve para publicitário fazer roteiro de propaganda de cerveja.”.

  • http://www.facebook.com/ManuNussrala Emanuelle Nussrala

    Psicologicamente correto!!

  • Carmélia Cândida

    Nossa! Adorei o texto!

  • Raina

    Um pouco antes do meu aniversário de 20 anos, senti q muita coisa tinha mudado na minha vida, já não conseguia me ver com os cabelos longos, não era eu. Quando cortei me senti livre, feliz, mais solta, enfim não é o corte q diz quem sou, mas ele traduziu meu estado de espírito e me deixou feliz e é com isso q eu me importo! Sou muito mais elogiada por homens agora, do que antes e o meu cabelo quebra o gelo quase sempre.

  • http://www.facebook.com/people/Thaís-Rezende/100002092241312 Thaís Rezende

    Ótimo, ótimo, ótimo!

  • Nayara Torres

    Apesar da sua ofensa lá no blog, gostei desse texto. E olha, é uma pena… porque fez você perder todo seu charme sarcástico. =)

    • everton maciel

      Querida, se eu quero criticar alguém, dou nome, telefone, CPF e comprovante de residência. Assim como apresento tudo isso de mim mesmo. Por quê? Porque o pobre infeliz que vai ler o que eu escrevo tem direito de saber como a confusão começou. Não vivo de charme. E firula não paga minhas contas.

  • http://twitter.com/Digo_Fernando -Tsc tsc tsc

    Não posso concordar com o
    comentário da Ana Luiza abaixo.

    Justamente porque parto do
    pressuposto de que “entendo” o pensamento Everton Maciel em
    relacionar algumas qualidades a mulheres de cabelos curtos. É claro, isso não
    impede que mulheres de cabelos longos possuam as mesmas. Certo? Não percebi
    também, nenhuma intenção de fazê-las superiores as outras.

    Cada mulher é única e nós homens
    sabemos muito bem que aparências enganam.

    Interpreto o texto de Maciel como
    uma admiração a este tipo de mulher. Que eu também possuo. O fato de falarmos
    abertamente sobre mulheres de cabelos curtos e de nossa admiração por elas,
    destacando qualidades que de primeira mão, acreditamos que as mesmas possuam, não
    faz das outras inferiores e mais feias.

    Só demonstra que essa, em
    particular chama nossa atenção e admiração.

  • Amanda

    Gostei muito do texto!
    Pra mim, é pior ainda, pois sou adolescente e vocês sabem que a moda agora é meninas com cabelo gigante que bate na cintura, blusinha da Hollister, camisa xadrez, shortinho rasgadinho, tirando foto no Facebook com biquinho. Parece um esteriótipo, em que qualquer pessoa do sexo feminino que saia desse padrão é considerada um “monstro” esquisito e “over” (menininhas falando assim dá um ódio…).
    Por muito tempo fiquei com medo de cortar meu cabelo, com medo de ser excluída do meu grupo de amigos. Mas escoteira como sou, acabei queimando grande parte do meu cabelo na fogueira do acampamento… Sinceramente, chorei, chorei muito, quando vi que as pontas estavam na altura do meu queixo. Fiquei com um medo desgraçado de voltar pra escola com aquele cabelo pequenininho.
    E foi como imaginei: a reação dos meus “amigos” foi totalmente contrária do que “pessoas civilizadas” agiriam. Me criticaram, zuaram com minha cara, sem ao menos escutar o que havia acontecido. Com o tempo, eu fui me afastando daquelas pessoas, e ao mesmo tempo fui criando uma nova garota. Percebi todas as falsidades, todas as mentiras, todos os “tipinhos corretinhos de ser uma menina fútil brasileira”.
    Mas agora eu agradeço ao “todo-poderoso” por fazer meu cabelo queimar no fogo, porque hoje decidi seguir um sonho: ser uma grande animadora 3D como Carlos Saldanha, e ser a primeira mulher brasileira a conquistar um cargo tão grande como ele conquistou. Agora acredito que sou capaz de erguer minha casa, minha família, minha profissão com minhas próprias mãos. E que, independente de como as coisas ficam ruins, eu sempre vou me respeitar em primeiro lugar, sempre vou ser sincera comigo mesma e com as pessoas. O que um cabelo curto muda em você é impressionante.

    • Bruna Sattim

      Muito obrigada Amanda, por ter escrito esse comentário. Precisava da visão de uma mulher sobre isso. Estou na dúvida há tanto tempo, e agora decidi por ter cortar meus cabelos.

  • http://www.facebook.com/alice.martins.969 Alice Martins

    eu tenho cabelo curto a anos. Amei esse texto!!

  • Alice M.

    Licença poética é importante. Liberdade para expressar. O Blog é do cara, portanto ele escreve o que quer. Quem não gostar, que escreva o seu próprio blog e dê a cara à tapa, assinando com nome completo. Quero ver quem é homem/mulher o suficiente. Que não fica só fazendo picuinha. Deixa o cara louvar as mulheres de cabelo curto, porra! O autor gosta de cabelo curto, e daí? Não entendi o porquê de tanta balbúrdia. Em nenhum momento ele diminuiu as mulheres adeptas das longas madeixas (à exceção de quando se fala que “Toda velha sensata se torna uma mulher de cabelo curto. Toda velha biruta mantém as crinas compridas, enormes, atrasando o processo darwinista de evolução da espécie.” – achei um pouquinho preconceituoso, mas e daí? Dá pra aguentar. Ainda mais em tempos de tanta libertinagem. Eu me ofendo mais com propaganda de cerveja em que as loiras cabeludas esfregam as bundas em todos os caras da praia.) Eu sou mulher de cabelo curto. E já fui de cabelos longos também. Adivinha o que eu prefiro? Aquilo que é incomum, que foge do óbvio, que foge do padrão. Sim, porque devemos admitir: eles preferem as cabeludas. Mas é igual o autor falou aí no texto, em outro dizer: mulher cabeluda é coisa de garotão. É óbvio, é lugar comum, é demodê. Já a mulher de cabelo curto não precisa desse artefato para se sentir sexy, ela explora outros pontos essenciais e muito mais instigantes que uma longa crina. E pronto, fim de papo. E essa é uma verdade também, saibam admitir, assim como admitimos que a preferência nacional e mundial, enfim, são as cabeludas. Só pra fechar meu sucinto comentário: Marilyn Monroe nunca precisou de cabelos longos para ser a maior sexy symbol da história. Só para constar, existem cerca de 700 livros no mundo inteiro escritos sobre ela, e é quase unânime o fato de que ela transcendia sexualidade em tudo o que fazia. Era simplesmente sexy porque existia. E de cabelo curto. Simples assim.

  • Felipe

    Muito bom seu artigo e eu como um “louco” por mulheres de cabelo curto gostei muito!

  • Camila

    O que você me diz sobre uma mulher de 28 anos que tem cabelos curtos, que pede (sim, vai no inbox e PEDE) pro amigo “curtir” sobre uma publicação sobre cabelos curtos. Coisa do tipo: “- vai lá, curte o que coloquei sobre cabelo curtos e me elogia.”

    Será que essa pessoa tem a autoestima no lugar e não precisa de nada que venha dos outros? Há controversas…

  • Valdison

    Mulher de cabelo curto ou comprido, não importa. Se for bonita, será bonita de qualquer jeito. Agora velha, tem que ter o cabelo curto. Pelo amor de Deus. E tingido.

  • eni

    Eu sinto que apareceu um homem ,que naoprecisa provar nada pra ninguem…igualzinho a nos mulheres de cabelo curto…somos mais…obrigado pelo seu texto e lindo.

  • Ana Malta

    Olha eu já tive cabelo comprido, já fui ruiva, morena, até bem loira. hoje não abro mão do meu cabelo curtinho por nada. É preciso muita coragem para cortar o cabelo curto mas depois que tomamos a atitude é muito difícil querer voltar a ter cabelão.
    Cabelo curto dá menos trabalho é tão versátil quanto o comprido e os muito curtos deixam de fora a nuca a pedir cheirinhos e beijinhos…… rsss

  • Keila

    Amei…. cabelo curto deixa a mulher muito sensual…e só o tem, que tem personalidade forte!!!

  • lil

    O texto é bem bom. Obviamente, codornas não compreendem.

  • Livia

    Esse texto eh quase uma poesia, não eh pra ser levado ao pé da letra, não é pra ser julgado, ele não está generalizando, ele está poetizando. Ô gente chata!

  • Abraão moreira

    besteirol puro nunca li tanta idioticie num texto tão longo e sem sentido,perdi 5 minutos da minha vida lendo isto !!!!

  • Carolina

    “Bem capaz!” hahaha

  • Helen

    Mulher de cabelo curto não serve para publicitário fazer roteiro de propaganda de cerveja. KKKKKKKKKKKKKKKK

  • Patricia De Morais

    comprido como identidade de feminilidade.
    Mulher de cabelo curto não tem nada de diferente da careca. Cabelo nada mais é do que um momento de estado de espirito, todo mulher é uma metamorfose.

    E MAIS UMA VEZ MACHISTAS VEM QUEREM COLOCAR PLAQUINHAS NO TIPO DE MULHER SÓ PELA P@$%5 DO CABELO.

    O machismo cria esteriótipos e não a porcaria do tamanho da bosta do cabelo.

    É isso.

  • Horrany Morse

    adorei !!!

  • Ane

    Tive cabelo longo a vida toda até que descobri que “era de raíz” em 2007 e cortei. Cortei 3 vezes até ficar curto como eu queria(nenhum cabeleireiro queria cortar todo) e adooooooorei! Liberdade, sensação de controle, era como se eu aparecesse mais e não precisasse do meu cabelo pra nada. Cabelo é como uma muleta sim. Pelo menos no meu caso. Deixei crescer por curiosidade e chegou a ficar muito longo novamente. Cortei outra vez. Mais curto que antes.Estava cansada de todo aquele peso.Cabelo curto me valoriza, me expõe, me deixa muito livre.Sinto o cabelão como fumantes sentem o cigarro..uma muleta mesmo…Eu sei andar muito bem sem a minha.

  • Alef

    Cabelo curto diminui substancialmente a beleza de qualquer mulher.

  • http://www.facebook.com/bianca.cestaro.bo Bianca Cestaro

    Só se leva esse artigo a sério sabendo que é apenas uma reflexão pessoal do cara que escreveu. É óbvio que toda essa classificação de mulheres pela aparência continua sendo de um machismo pré-histórico.

  • Dayane Bantin

    eu amei o texto, pq sou adepta de cabelos curtos a 8 anos e sou obrigada a escutar cada coisa do tipo “não corto o cabelo pq homem gosta de cabelo comprido”

  • Ramonn

    é puramente seu esse artigo. A MULHER de verdade não se atrapalha com cabelo curto/comprido, saia/calça/vestido comprido, cor de batom ou qq outra aparente forma. Ela é em si mesmo td que precisa ser. Qd a vir saberá que é…

    • everton maciel

      não. Não. Não é puramente meu. Escrevi com a ajuda de um alienígena.

  • Pingback: Os polêmicos cabelos curtos | Firstladies

  • ada alves

    ACHEI MANEIRO.. DETESTO LER E LI TUDINHOOOOOOOOOOO

  • Elvis Henrique

    Você já parou pra pensar que as mulheres escolhem o tamanho do cabelo que se sentem melhor, e que na verdade isso não tem nada a ver com a personalidade delas, sendo apenas uma preferência?

  • gessui lucena ribeiro

    Eu tenho o cabelo curto…adoro meus cabelos eles são lisos, negros e sedosos, mas só gosto dele bem curtinho…com o pezinho feito e tudo…muitas das idéias do nosso filosofo acima, são verdades inquestionáveis…não me esforço para chamar atenção, não mesmo!

  • lane

    Adoreiii

  • lane

    E penso desta forma

  • Pingback: Depilação feminina: pelos só em cima da cabeça? | PapodeHomem

  • http://www.facebook.com/helenabeatrizmontes Helena Montes

    Já raspei a cabeça, deixei totalmente curto próximo as orelhas, tive franja, pintei de preto, azul, teria pintado de cor de rosa se ele sobrevivesse e se meu bolso na época cooperasse e agora com 25 anos eles estão enormes, lisos e totalmente naturais. Isso ocorreu após raspar a cabeça, meio que um desapego a tesoura. Portanto um cabelo ou estilo define o momento da mulher no presente e suas madeixas anteriores somaram a este ser nos dias de hoje.

    Por isso eu digo, vocês precisam de muito mais que um corte de cabelo ou uma roupa para entender uma mulher ou o que ela deseja transmitir pra você!

    Nesse contexto vou aproveitar e usar uma frase de efeito realista para terminar meu texto: só amando-as para conseguir entendê-las, não têm outro jeito! ;P

  • Gorial

    esse foi o texto mais imbecil que li.

  • http://www.facebook.com/giovanna.h.corsetti Giovanna H. Corsetti

    Cabelo curto é mais um estado de espírito da mulher do que realmente só um tipo de corte de cabelo. A mulher tem que estar preparada pra isso. Tive uma fase (dos 14 aos 20) que eu tinha o cabelo curto. Me dava a imagem de quem eu queria ser. Agora ele está crescendo, já passou do ombro, e eu me sinto mais feminina com ele… Tudo depende de como a mulher se sente. :)

  • Dy

    Seria bom lembrar que essa mulheres de cabelos curtos alem da personalidade, apreciam muito a praticidade do corte…
    Lavar o cabelo e secar rapidinho nao tem coisa melhor.. sem dizer na economia que faz com produtos e tratamentos
    …rs
    Auto estima e bom com dinheiro no bolso e melhor….hahaha

  • Aline Salvador

    Não tem jeito, cabelos, roupas, futebol, política… Aí tem polêmica pra dar e vender! E se observarmos beeeem, têm conceitos ótimos de todos os lados.
    PARTICULARMENTE, adorei a crônica. Li com um tiquinho de atraso, mas tá valendo.
    Tenho os cabelos curtinhos há cinco anos e já fiz todos os cortes possíveis, amo. E também já tive um cabelão. Também amei. A diferença é que o curto deixou meu dia-a-dia mais prático, e aquela sensação de liberdade, como se tivesse aflorado uma outra metade da minha personalidade hahaha papo de mulher? vai saber.
    O fato é que a gente é inteira fascinante, com ou sem cabelo cobrindo os ombros ;)

  • Cinthia Anjos

    É só uma crônica, se vocês não perceberam. ;)

  • Talita

    É tanta generalização e preconceito em um texto só que acabo de perder o pouco de vontade que tinha de cortar os cabelos. Obrigada!

  • Camila

    Uauuuu! Que texto maravilhoso! Adorei, perfeito!
    Eu tenho o cabelo bem curto, e ontem estava reparando nos cabelos das meninas na saída da faculdade onde estudo… o curioso foi constatar, que hoje em dia, acredito que por conta da popularização em massa da escova progressiva, posso dizer, sem medo de errar, que 97% das mulheres no Brasil tem os cabelos muito parecidos, ou seja de médio a curto e liso (artificial ou não). Os outros 3% são aquelas que com muito bom senso assumiram o afro, crespo, ondulado, encaracolado, etc, e os raríssimos curtos (como o meu). Agora me senti uma raridade, risos! Mas vc disse tudo: “A mulher de cabelo curto não escolhe cortar o cabelo” ela se encaixa nisso! Só quem tem pra saber a liberdade que é! Toda vez que corto meu cabelo sinto um alívio, parece que estou tirando um peso da minha cabeça! bjos, e parabéns pelo texto!

  • http://www.facebook.com/marina.morena.737 Nancy Nascimento

    Acabei de cortar o cabelo e fiquei com a auto-estima lá em cima…obrigada.

  • avec des amandes

    avecdesamandes.blogspot.com

  • Ba

    Meu cabelo era bem comprido, batia na bunda, agora fiquei assim.

    • Bruna Sattim

      ficou lindo!!!

  • Ju

    Amei o texto, não troco meu cabelo curto por nada. :)

  • http://www.facebook.com/bento.peixoto1 Bento Peixoto

    Seu texto é muito divertido. #GosteiDisso.

  • Rosalina

    aMEI…. acho chique…..

  • marcio

    eu discordo! de cada 10 mulheres que cortam o cabelo curtinho, apenas uma fica bonita!

  • Mari

    Everton, adorei suas escritas. Já tive cabelo comprido e de tempo e tempo deixo crescer e corto o cabelo curtinho (tipo joãozinho) e dependendo do cabelo q estou é o tipo de homem q se chega perto, cabelo comprido sempre um cara precisando provar sua masculinidade sobre a mulher e cabelo curto homens que admirão a personalidade que transparece automaticamente……não significa q minha personalidade muda mas sim a personalidade dos homens que se aproximam.

    att,

    • everton maciel

      excelente inversão da interpretação inicial. Acho que não consegui transmitir esse lado. Mas concordo perfeitamente.

  • Vitória

    Puxa vida, essa coisa de rótulo parece bastante com a mulher de cabelos compridos que você descreveu: nada a ver. Estilo dá dicas sobre personalidade, mas corte de cabelo não define ninguém. Não concordo sobre “velhas” terem de se desfazer das madeixas… Achei preconceituosa a ideia. Por outro lado, tenho cabelos longos e não passo despercebida, por isso (pelo contrário!). Enfim, nada como a prática para testar as teorias. Gosto não se discute, mas daí a rotular…

  • http://www.facebook.com/lilinuvem Liana Weber Pereira

    que besteira. É só uma maneira de cortar o cabelo e não faz ninguém ser melhor do que ninguém (não sou nada diferente estando de cabelo curto ou comprido).

  • http://www.facebook.com/tamires.lima.754 Tamirys Lima

    Concordo com a Luciana , também tive a coragem e cortei meu cabelo de anos , e todo mundo se assustou , realmente esse tipo de mulher nao precisa da aprovação dos outros ! Muito inteligente o texto , adorei!

  • Juliana Rosa

    Ola, meu nome é Juliana Rosa. Caramba, você tem ótimas interpretações, uma ampla visão! Gostei da sua convicção. ^^ Beijos

  • Alicia

    Pessoas, entendam, ele não está dizendo que somente as mulheres de cabelo curto, ou que todas as mulheres de cabelo curto possuem personalidade. A ideia é que as mulheres normalmente são muito apegadas aos seus cabelos, e quase sempre isso se deve aos padrões de beleza impostos pela mídia. Então, se a mulher tem coragem suficiente de fugir desses padrões, isso demonstra mais personalidade e confiança. Tudo bem que o texto generaliza um pouco, mas como todo texto, deve ser interpretado, o que deu para perceber que nem todos foram capazes de fazer tal coisa. O que se trata nele não vale apenas para cabelos, mas tambem no jeito de se vestir, pensar e principalmente agir. O autor usou o cabelo curto apenas como exemplo de muitas outras coisas que podem ter em uma mulher para demonstrar sua personalidade.

  • andressa messi

    Adorei o texto…muito bem escrito…realmente ótimo!

  • mulher de cabelo curto

    amei, amei,amei…..finalmente um homem sensato!

  • ivana

    Nossa, estava procurando sugestões para cortes de cabelos curtos e acabei aqui! Gostei do texto, é bem divertido! Imediatamente, não sei porque, pensei no oposto e na ‘meda’ que tenho de homens com cabeleira, rs, seja como for, antes uma mulher de cabelos curtos do que um homem com cabelos compridos…

  • http://www.facebook.com/juh.chris Juh Chris

    muito interessante, pitoresco e um papo bem de homem…só q Cabeça. Curti muito, haa num posso deixar de dizer q tenho cabelo curto :p !!!

  • Gustavo

    Putz cara, adorei o texto. Perfeito!

  • Iris

    vixe… eu sempre tive cabelo curto a médio e tinha mania de cortar, até q eu me aquietei e deixei ele crescer, tá bem longo ^^ eu perdi a minha personalidade por causa disso é? kkkkkkkkk, aonde eu passo as pessoas falam do meu cabelo longo, que é bonito… e outro dia eu disse q ia cortar, meus amigos homens disseram: não, não corta!, personalidade não se mede por cabelo, cabelo é apenas um “acessório”.

  • Andreza Siqueira

    Eu cortei meu cabelo que era comprido..radicalizei e permiti que passassem a tesoura, mas acredito que minha personalidade não tenha mudado a medida que meus lindos cachos caíam no chão do salão debaixo dos olhares das mulheres que falavam…vc é corajosa! Penso que tenho sim uma personalidade definida, simplesmente porque tenho, com cabelos longos ou não…mas adorei ler seu texto, é um carinho na alma feminina!

  • Gabriela de Paulo

    Que crônica fantástica!!
    Quero cortar meu cabelo, achei um corte lindíssimo e criativo, mas me falta coragem. Sinto que vou acabar com algo que eu cuidei e criei durante anos, que vou ficar “faltando um pedaço”, que vou ficar “cotoquinha”. Acho que ter cabelo grande representa zona de conforto.
    Essa crônica tem um ponto de vista muito interessante, nunca tinha pensado nisso. Cortar o cabelo representaria autoconfiança. Esse assunto tem me atormentado bastante o juízo. É como se eu não tivesse capacidade/competência para fazer isso e tantas outras coisas. É um pouco vergonhoso admitir que com todos os problemas verdadeiramente sérios do mundo, justamente esse ocupa meus pensamentos. Mas é verdade.
    Tive a ideia de cortar o cabelo quando acontecer uma mudança na minha vida, como por exemplo, passar para uma faculdade pública. Vai ser diferente, no mínimo alguma coisa vai mudar. E essa crônica me deu um incentivo bacana.
    Parabéns pelas palavras!

  • Cris Meliska

    Everton, que eu me lembre, é a primeira vez que leio um texto seu. Fiquei apaixonada! E agora?

  • http://www.facebook.com/dannirizzo Daniela Rizzo

    Amei esse texto!!!!!!

  • http://www.facebook.com/esvanecido Cristiano Ramos

    Esse negócio que cabelo faz a personalidade é mito…. e penteado vai de rosto a rosto, alguns se enquadram outros não, faço muito a mudança no photoshop (como se isso fizesse alguma diferença), mas em particular e em observado reparo que se passar uma mulher de cabelos longos e uma de cabelos curtos, a de curto chamará a atenção e a pessoa olha primeiro pra ela e a de longos as vezes nem é percebida, mas ai tb vai pela vestimenta… homem olha a mais bem vestidas tb… esse texto foi interessante como uma idéia própria do autor, ta de parabéns.

  • http://www.facebook.com/MARIPADILHAB Mari Padilha Batista

    incrivel eu me vi aqui neste texto!

  • Audrei

    Adorei!!! Por que desde os meus 18 anos uso cabelo curto.

  • wanda lima

    muito perfeitoooooooo adorei tenho um cabelo undercut e acho lindo cabelo curtinho porém tem muito preconceito da parte dos homens e ate por parte de mulheres , sabe aquela historia de tem cabelo curto e lésbica. e muito chato esse tipo de coisa tem muito homem que adora mais a grande maioria deles nao gosta , pra mim cabelo grande e tudo igual mulher de cabelo curto e sempre notada pelo estilo e personalidade mostra um diferencial incrivel.

  • http://www.facebook.com/sammara.lopes.3 Sammara Lopes

    Sinto-me SIMPLESMENTE lisonjeada! AMEI a crônica!

  • http://www.facebook.com/people/Thaís-Rezende/100002092241312 Thaís Rezende

    Sensacional!

  • Lucas

    Nunca li tanta bosta na vida

  • http://www.facebook.com/nataliaCmartins Natália Martins

    Nada melhor que a independência para fazer o que quiser com o próprio cabelo.
    Parabéns pelo texto!!!

  • Philip

    Sua análise é perfeita Everton! Você é um visagista e nem sabia! Convido-o a conhecer o Visagismo em http://www.visagismo.com.br. Um abraço, Philip Hallawell

  • Fabiolic

    Texto bem escrito, mas sinceramente, quem ta curtindo mais é a mulherada. A maioria curte mais pela praticidade. Em alguns casos, até menos vaidade. Afinal, não é fácil cuidar de um cabelão, do corpo, da alimentação e da cabeça ao mesmo tempo. Acho que falta um pouco de equilíbrio. As que cuidam demais da vaidade esquecem a cabeça e as que se importam demais com a cabeça, deixam a vaidade de lado e não se importam em agradar tanto.
    A questão não é o comprimento do cabelo, é a falta de equilíbrio.

    Cada panela tem sua tampa. Não dá pra agradar todo mundo.

  • Renata

    Pessimo texto. PESSIMO. Criando novos estereotipos. Isso sim eh contra evolucao!
    Isso eh questao de gosto. Eu ja tive cabelo super curto, super comprido, agora esta no meio do caminho. Vai de acordo com gosto e fase.
    Agora, criar um estereotipo novo eh uma vergonha.
    Imagino que o autor seja do tipo que acha que Loiras se divertem mais, morenas sao mais inteligentes, etc. Pra mim isso eh do tipo ignorante e racista.
    E antes que eu seja criticada por minha falta de acentos, nao vivo no Brasil e nao tenho como acentuar no meu teclado.

  • Stefânia

    Adorei! Sorri lendo com meus cabelos bem curtos há 15 anos, me sinto uma mulher livre e esse texto me preencheu.

  • Rafael

    Quero saber se a regra vale pra uma punk loca do cabelo curto e colorido! Aí cê vai ver a segurança e a orientação dela.

  • Gabriela

    Achei meio nadavê. Igual aquela coisa de “mulher de verdade tem curvas”, como se as magrelas não fossem femininas e tal. A mulher ter cabelo curto ou comprido não infere necessariamente aspectos da personalidade ou valores dela. O que muda é a visão de quem observa, se gosta ou não.

  • Audrei

    Nossa!! Obrigada pela homenagem….adoro meus cabelos curtos.

  • http://www.facebook.com/people/Thaís-Rezende/100002092241312 Thaís Rezende

    Esse texto… É espetacular.

  • Sandra

    Achei maravilhoso o texto. Até me animou visto q tenho cabelo curto………………kkkkkkkkkkkkkkkk

  • Georgia Oliveira

    Adorei o texto! Já aguardo os próximos!!!!

  • Pedro Henrique Amaral

    o texto mais macho do papo de homem.

  • Araís Rodrigues

    ameeeeeeeeeeeeeeei!!!!! Uma massagem ao ego das mulheres de cabelos curtos!! Amei ;D

  • Prema Devi

    adorei!captou a essência da atitude!

  • Valéria Nogueira

    Sempre tive cabelo comprido, mas há 1 ano e meio decidi corta-lo. Cortei curto apenas por um motivo: praticidade. Trabalho, faculdade, filhos, casa, marido… e cabelo comprido não dava. Mas a minha personalidade continua a mesma.

  • Alice

    Eu me sentia apagada quando tinha o cabelo longo. Parecia que só eu sabia que tinha personalidade. Tinha o cabelo longo porque achava que só assim os homens me olhariam e que se eu cortasse ficaria masculinizada demais. Então finalmente, apaguei essas ideias ridículas da minha vida e cortei o cabelo, estilo Ginnifer Goodwin e parece que uma nova fase da minha vida começou no momento em que eu saí do salão. Recebo tratamento diferente agora, em todos os lugares que eu vou, inclusive das pessoas que já me conheciam com o cabelo longo. Não se brinca com mulher de cabelo curto. E inclusive passei a receber elogios dos homens, coisa que pouco acontecia antes.

  • IBU

    que foda! adoro cabelo curto e o texto me deu vontade de cortar mais curto ainda!parabéns pela delicia de escrita.

  • Beatriz Caruzo

    Achei muito bom seu texto. Eu tenho o cabelo bem curto, e tudo que você falou está certinho…é assim mesmo, mulheres de cabelo curto tem opinião própria, não precisa de ninguém pra lhe dizer o que fazer. Parabéns por seu texto muito bom mesmo…..

  • michele zimbrao

    Adorei sua crônica…

  • Simone

    Cortei os meus loiros e tenho os olhos azuis…rs

  • Julia Fernandes

    Como é bom ler isso depois de vários “Ah, mulher só é bonita de cabelo grande” “Mulher de cabelo curto é masculina, todas parecem lésbicas”.

  • Suellen

    Galerinha, a questão não é necessariamente o tamanho do cabelo, isso é uma crônica. A questão é que em termos gerais, uma mulher que se atreve a cortar as madeixas, é muito mais aventureira do que uma mulher que se mantém sempre nos padrões gostosa-de-academia-cabelo-longo-loiro-dama-na-sociedade-vadia-na-cama.

    Acho que cabe a cada um brincar com a imaginação e entender que a questão não é o cabelo, e sim a fuga dos padrões. Assumir personalidade forte.

    “A nós, homens, resta o esforço de procurar mulheres com personalidade.”

  • Suzana F. Dutra Porfirio

    Obrigada pela parte que me toca! Adorei!

  • Daniela

    Everton, você tem meu amor eterno depois deste texto! Meu cabelo é curto desde os meus 12 anos (hoje tenho 33) e te digo que todo mundo vira pra olhar na rua, todo mundo comenta, porque mulher de cabelo curto não tem nada a esconder e isso é extremamente sedutor.
    Amei o texto!

  • simone

    Nero nunca incendiou Roma.

  • Patricia Baraldi

    Amo meus curtinhos, tortinhos, tortuosos, vorazes e indomáveis!

  • Daniella Silveira

    MAIS ESTEREÓTIPOS!! ATÉ QUANDOOOO???

  • L.

    Já cortei o cabelo joãozinho, passei toda a minha vida cortando-o acima dos ombros e agora tou deixando crescer, só pra variar. Tirem da cabeça essa ideia imbecil de que tudo que as pessoas fazem é pelos outros e não por si mesmas. Generalização do caralho. –’

  • DeboraH

    OMG! Eu a-do-rei! Cá estou eu, mulher de cabelo curto!! Viva!!

    • DeboraH

      Agora que fui ler o tanto de comentários… Cê besta gente!! Que polêmica boba!!! Apenas de zueira… o recalque das cabeludas batem na minha nuca e voltam :P

  • Dayane

    Morri! Fiquei maravilhada com esse texto, linda forma de falar de nós, mulheres com coragem de cortar os cabelos e serem apreciadas pela personalidade e não pelos acessórios!

    Obrigada!

  • Érica

    adorei as analogias! tô me sentindo uma super mulher agora, sambando na cara de tradicionalistas que, em sua maioria, julgam-nos, mulheres de cabelo curto, como lésbicas, apesar de nem sempre o sermos (como se fosse condenável ser gay…)

  • Érica

    essa galera que não entende o propósito dos posts e se sente agredida por muito pouco… esse texto é uma exaltação às mulheres de cabelos curtos, não necessariamente uma generalização. duvido que o autor não olharia para uma gostosona de cabelos compridos que passasse por perto dele ou, ainda, que ele despacharia uma mulher interessante de cabelos compridos.

    • everton maciel

      Bem pensado. Vou fazer um texto exaltando as gostosonas que, aliás, eu adoro. Mas… espera. Acho que esse texto é feito todos os dias.

    • Renata

      Isso Érica, concordei totalmente. Sem comparar os escritores, lembrei que uma vez o Balzac escreveu “Mulher de 30″, onde ele dizia O que ELE, o Balzac achava da mulher de 30. O sentido do texto aqui é o mesmo…simples. Esse povo é muito chato…e burro!

  • Camille F.

    Li o texto achando que você falava sobre o cabelo curto em si. E então, os comentários com críticas não tão boas fariam sentido. Mas eu tive uma percepção diferente, e, por isso, adorei o escrito. Muito bom! =)

  • Ruama

    Já vi textos muitos bons nesse site, mas este é lamentável. Sabe aqueles feministas sóquenão? É o caso!

    Everton Maciel, nenhuma mulher, seja ela de cabelo curto, longo, médio, ou careca, precisa da sua opinião sobre o que é respeitável no sexo feminino. Respeite as mulheres e só, independente de suas aparências físicas, independente das teorias que você tenha sobre cortes de cabelo!

    As imagens que ilustram o texto dizem bastante do que você valoriza em uma mulher e, com certeza, não é o que está na cabeça.

  • Tamara Silveira

    Engraçado que, pensando bem, meu cabelo fica bem curtinho e lá The Rachel quando me sinto mais confiante e satisfeita comigo. Nossa, interessantíssimo isso hahaha
    Sensacional essa crônica

  • Lucas Oliveira

    Parabéns a nossa sociedade e a alguns hipócritas que só fazem julgar por aparências.

  • Dudy

    Quer dizer que vc envelhecer e manter seus cabelos longos está indo contra a natureza??? Darwin disse isso?? Ou só velhas birutas tem longas madeixas… ou apenas velhas que se amam bancam longos cabelos, contra todas as expectativas de que ao envelhecre, é esperado que os cabelos sejam cortados curtos??? Sei que é uma cronica, mas tb sei que ditar regras sobre escolhas pessoais é muito ruim. Mulheres fortes usam o que elas acham que fica bem. Simples assim…

    Dudy

  • Magda Leila

    ameiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

  • madeira

    na boa, tá me dando preguiça desse site o fato de que quase todos os textos sobre mulher estão descambando pra algo do tipo “é assim/ não é assim por causa de machismo” =P

  • flaviamarques

    Sensacional e .

  • carolina

    Texto bem escrito, banal e sectarista. Opinião é regra? Para onde vai o jornalismo?

  • Julia Porto

    Adorei! Sou uma mulher de cabelo curto. Mesmo quando eles estiveram longos. Acho que essencialmente sou. A estética só acompanha o que tá dentro. :) Amei o texto!

  • Karina

    Hehehehehehe Eu nunca vi tanta balela escrita. Pior, foi tão bem escrita que tem gente que acredita. Eu sou de extremos, ou cabelo muito curto ou muito comprido. Na real quando o cabelo fica compridão mando cortar bem curtinho e os motivos nada tem a ver com os falados no texto. Corto porque acho massa mudar o visual, porque a cabeça fica leve (vocês não tem idéia de como o cabelo pesa) e porque é rápido de arrumar. Deixo crescer pra poder fazer penteados legais e ter mais opção de mudança. Só isso meu caro.
    Só para informar ao homem desconhecedor que escreveu o texto, mulheres mais velhas mantêm o cabelo curto porque eles não ficam compridos, meu caro. Por questões hormonais o cabelo depois de um certo comprimento começa a ficar fino demais e quebrar, então elas tem que manter curto. Com exceções, é claro.

    • everton maciel

      o espaço está aberto para não-balelas, desde que sejam bem escritas. Fique à vontade.

  • Renata

    Everton, eu sou evangélica e tenho cabelos imensos, mas não me ofendi nada não, gosto de textos bem escritos e acho uma chatice ser rotulada como chata só por ser evangélica (pense bem… você mesmo já não disse que evangélico é um saco? E como é que pode alguém acreditar naquele papo de Adão e Eva? etc etc etc); te digo mais: na bíblia há mistérios que até Adão e Eva se surpreenderiam. Há coisas que não se explica senão perde a graça. Seu texto tem essa graça. E… meninas de cabelos médios e compridos: não generalizem algo que não é radical… embora pareça!

  • Marcos Junior

    Excelente texto! Adoro mulher de cabelo curto e quando minha esposa viu estas linhas não pensou duas vezes em compartilhar comigo. Parabéns!

  • Ana Clara Ferrari

    Que texto horroroso. Machista, ditador… o que era pra ser uma enaltação da “quebra de expectativa” com a iniciativa das mulheres de cabelo curto… (motivo pelo qual me fez clicar no link)… não passou de um chauvinismo bobinho e perverso… o gancho é ótimo, mas você fez tudo errado, meu caro.

  • Débora

    bem… essas temáticas sempre levantam discussões, os personagens agraciados se acham o máximo, os que são postos de lado se sentem injustiçados… mas na minha opinião nem cabelo curto ou comprido, nem magra ou gorda. Fugindo obviamente desses estereótipos tipo a loira da propaganda de cerveja, o cabelo curto com personalidade e focando pura e simplesmente na mulher de VERDADE, a mulher real; o que realmente a deixa interessante e notável é seu sorriso. Sério. Este acessório é mais lindo que cabelos, que decotes, que bijuterias/jóias… Pq alegra, pq suas raízes sim estão na auto confiança, na timidez as vezes, na alegria, no bom humor… atributos a meu ver mais importantes que um cabelo, pq um sorriso gera gentileza, atrai outro sorriso. Ninguém que esteja mau, que se sinta insegura e que não gosta de vc sorri.

    Bem, o que dizer de alguém que julga a personalidade de uma mulher pelo seu cabelo????

  • Marcanjo

    É papo de homem né? não papo de macho…rs

  • Soli Oliveira

    Linda cronica….me vi agora de cabelos curtos….usei e amei a experiencia…obrigada Everton Maciel….as recordações que estavam guardadas passearam por todo o meus sentidos lendo esta cronica.

  • Magda Silveira

    Sensacional! Sem mais!

  • Vivian Antunes

    Uau Maciel!
    Me achei!

  • Larissa Felinne Oliveira

    Sendo uma mulher com pouco cabelo na cabeça tenho que dizer o quanto esse texto é maravilhosamente verdadeiro! :D

  • Paula

    Já TE AMO!!! =) você é um cara que vê a essência das pessoas ;)

  • Lucas

    Ótimo glorificar as mulheres de cabelo curto. Muito merecido.

    péssimo criticar as de cabelos compridos ( ”Toda velha biruta mantém as crinas compridas, enormes, atrasando o processo darwinista de evolução da espécie”) além de estar errado do ponto de vista técnico.

    Não precisa denegrir uma pra valorizar a outra. fala sério..

  • Vlad

    Mulheres de cabelo curto estão se cagando para os homens, leia-se machos. Normalmente, elas não se preocupam em agradar seu parceiro e costumam ser admiradas por lésbicas e metrossexuais.

  • Bruna

    Gostei não!kkkkkkkkkkk

  • Mariana

    O que tem de homem dizendo que “mulher de verdade é assim, assim e assado” não é brincadeira. Seja em relação ao cabelo, corpo, modo de se vestir… Fora que parece que para elogiar um, precisa rebaixar o outro. Tenho cabelos curtos e discordo completamente do texto.

  • Hiro

    e se o cabelo for ruim?

  • Marcos Vinícius

    Simplesmente amo!!

  • Fernanda Tosoni

    É um orgasmo ler esse texto.

  • Mariana

    Quão evoluído é um homem que define personalidade por comprimento de cabelo??

  • Cássia Fernandes

    Eu fico tonta vendo tanta polêmica criada em torno de um simples texto que mostra apenas uma forma diferente de ver as coisas que foge ao clichê. Aliás, como uma adepta dos cabelos curtos, acho que o grande diferencial dos cabelos curtos está justamente no fato de que eles fogem ao clichê dos cabelos longos tão em voga. Gostei particularmente dos seguintes trechos: “A mulher de cabelo comprido precisa de algum artefato histórico para se manter próxima da sua feminilidade” e ” Mulher de cabelo curto não serve para publicitário fazer roteiro de propaganda de cerveja.”. Gostei deles porque sempre percebi que ter cabelo curto era uma espécie de ato de coragem, coragem de não se importar com o padrão, de não contar com a aprovação da maioria, de não seguir simplesmente o que ditam a moda e o mercado. Quanto ao fato de generalizar, será que não dá pra perceber que nos textos literários os autores às vezes carregam nas tintas e na mão justamente para destacar sua visão sobre o assunto? Gostei e ri.

  • Lola de la Luz

    O seus comentários originam-se do pensamento de que a mulher depende la atenção dos outros para uma decisão sobre o seu corpo ou parte dele (o cabelo). Bem ou mal escrito, parte de uma base machista, a de que a mulher está doida por atenção ou para demonstrar que ela é independente, inteligente, etc. (Uma outra forma de depender). Comentários perversos que tentam transformar uma vez mais a mulher em objeto de consumo ou desejo. Quem deseja? EU, desejo, e tenho o poder de dizer que desejo. Percebe como é? Você não suporta pensar que uma pessoa pode querer usar o cabelo comprido por um assunto pessoal que nada tem a ver com o que você escreve aqui. E encima fala mal de mulher mais velha com cabelo comprido. Tenho 59 anos e uso o cabelo comprido. Por um assunto pessoal mesmo. E nunca vi tanto propósito descabido sobre o comprimento do cabelo e a mulher na minha vida. Não tem nada de inocente no seu comentário e nem de divertido. Como sempre que um homem expõe o seu machismo.

  • Izadora Costa

    Adorei a parte de que imaturidade masculina exige longas madeixas. Endosso…mulher de cabelo curto é pra poucos.

  • LETICIA

    rsrsrsr… aham… cabelos curtos dão tanta confiança e personalidade à uma mulher que a maioria aqui precisou ler o texto para, ENTÃO, se sentirem maravilhosas….

  • Mirella

    Quer dizer que segundo a sua metáfora as mulheres de “cabelo curto” têm mais valor que as mulheres de “cabelo comprido”, porque as primeiras souberam romper com a opressão masculina (claro, não importando o tamanho do cabelo, está óbvia a metáfora) enquanto a outra não. Mas se você é um homem que escreve, sob um ponto de vista masculino, uma crônica que divide as mulheres em dois grupos as “legais” que não se importam com a opressão e as “carentes” (foi a melhor palavra que encontrei) que não têm força para desprezar a opressão (apesar de tudo o que sofrem, de toda a porrada que levam, do quanto que é difícil ser exigida desde o dia em que se nasce para corresponder a alguma expectativa) e necessitam ainda da aprovação masculina (note que se não houvesse a exigência, ou “opressão”, não haveria a insegurança). Não será que você está, embora não pareça a sua intenção, contribuindo ainda mais para a criação de expectativas em cima das mulheres, logo de exigências, e finalmente uma nova forma de opressão? vocês homens vão ter um dia que aprender a nos deixar em paz, com virtudes e defeitos, gostem vocês do nosso jeito ou não, porque não é da conta de vocês as nossas glórias nem as nossas mazelas. Isso, vocês podem deixar com a gente que a gente se ajeita. Passar bem.

  • Rafaella

    Homens entendam, mulheres de cabelos curtos não é personalidade e sim estado de espirito, já tive cabelo curto, curtíssimo, médio, comprido, imenso, loiro, moreno, ruivo. E não deixei de ser eu, em nenhum destes casos!

  • Ana Lucia

    Para exaltar a preferencia pela mulher de cabelo curto, o autor do texto depreciou a mulher de cabelo longo! Uma lastima, pois, trata-se, simplesmentes de uma escolha e todas elas louvaveis! Curto ou longo, todas tem sua beleza propria!

  • Carina

    Uma das coisas mais interessantes que fiz foi cortar curtinho meu cabelo, e não penso em deixar crescer. :)))

  • marcia pereira

    Amei, sempre usei cabelo longo, logo que casei cortei joãozinho e nunca mais deixei crescer e nunca me arrependi, pelo contrario! Agora então, que já estou na envelhecencia, adoro meus cabelos curtos e louros [porque coloração é indispensavel] e digo amém a esse homem tão esclarecido!

  • everton maciel

    às vezes esse texto dá um giro e volta a circular. Daí minha orelha esquenta, eu venho ver, e tem mais 50 comentários. Metade me xingando, outra metade xingando a minha mãe, e outra adorando. No fundo, segue tudo igual: leiam, e pra mim tá bom.

  • Clarissa Müller

    Adorei o texto! “Mulher de cabelo curto não precisa de atestado protocolado em cartório para ser mulher.” Não mesmo! =D
    Teu “Bem capaz!” desviou um pouco minha atenção, tenho que confessar. Na hora saquei: “só pode ser gaúcho!”
    Arrasou, Everton!

  • Vica Pedroza

    deixa eu te da um abraço? kkkkkkkk obrigada pelo texto.

  • Mari

    Estragando todo o trabalho interessante que alguns dos autores desse blog têm feito. Por que essa necessidade de classificar a mulher de acordo com a aparência física?

  • Mirela

    Mulher decidida é a que usa seu cabelo tal como quer: curto ou comprido, castanho ou roxo, liso ou cacheado, não importa.

  • lilianq

    Quando eu abri o texto pensei que ia ser mais um daqueles textos machistas. Adorei, apesar que não tenho nada contra cabelos compridos ou contra qualquer coisa que as mulheres usem como querem! Todas nós temos que parar de ser bestas e fazer o que nos faz bem seja cabelo curto ou comprido o importante é ter personalidade!

  • lu

    ridículo esse texto, ofende nossa livre escolha e ainda por cima cria rótulos, menosprezando todas nós. (a Emma ficou linda!!)

  • Bárbara Diniz

    Nunca li algo tão estúpido! Acho que pior que isso é ter uma série de comentários de mulheres dizendo que agora vão cortar o cabelo! kkkkkkkkkk Falta de personalidade, logo, não se encaixam com as características exaltadas por ele!

  • Beatriz Berttolo Robinson

    Seu texto é leve, pomposo e muito bem escrito. Sério mesmo, dá gosto de ler. Eu tenho cabelo comprido e amo de paixão, por onde passo deixo um rastro de puro prazer e uma vontade enorme em tocas as minhas longas e louras madeixas, mas respeito as práticas e objetivas de cabelo curtinho… Grande abraço!

  • Rayza Assis

    Maravilhoso o texto. Talvez esse seja o problema por não conseguir ter cabelo comprido. Cabelo Curto tem tudo haver com personalidade.

  • Geórgia Barbalho

    É bom quando perguntam porque eu cortei o cabelo. E com orgulho eu parafraseio o PM. PORQUE EU QUIS! :)

  • Wilson Silvestre
  • Matheus Novaes

    Cesare Lombroso – cabeleireiro.

  • Maria

    Meu amigo, milhares de coisas sérias acontecendo à nossa volta e você não só pensando, mas escrevendo tanta futilidade! Como diz no interior vai arrumar uma enxada, vá trabalhar!

  • Gabi.

    Arrasou no texto!

  • Jeane Macieira

    Uma amiga em mandou o texto ontem (22/11) e me diverti muito. Minha autoestima foi lá no teto e me senti vingada por todas as vezes que escutei que eu parecia um joãozinho! Pior!! Quem falava isso eram minhas próprias amigas ou irmãs!!
    Nós, adoradoras de cabelos curtos adoramos você também!!

  • Andrea

    detalhamento minucioso… Amei a frase “um scotch” de 12 anos q pensa ter 18,
    Adorei seu texto sobre mulhres de cabelo curto . Parabéns

  • katiaflavia

    que bosta

  • Carmen Ojeda

    “Everton Maciel é gaúcho e não suporta bairrismo. Só tolera bares que não permitem camisas polo.” :D

  • Jolie

    Gosto mesmo é de SER mulher, independente do tamanho de meus cabelos. O que me torna feminina ou não, não é o tamanho do meu cabelo ou da minha roupa e sim a forma como eu e a vida vamos nos entendendo. Acredito que a minha personalidade e a de qualquer pessoa é o que nos torna poderosos e dignos de sermos notados/desejados.

  • luciana

    Nunca vi tanta besteira escrita… Ja tive cabelos curtos, longos, curtos de novo sempre fui auto suficiente. Infelizmente esse homens que generalizam merecem nosso desprezo total. E sabe o que importa pra nós? enquanto pra alguns importa cabelos curtos, pra nós importa um PAU BEM GRANDE. Pronto falei !!!!

  • Joice Terencio

    Eu adoro cabelo curto! mas só acho que não precisava rebaixar a mulher de cabelo grande. cada um tem seu estilo…

  • Luiz Metal

    Mulher tem de ser apenas mulher de verdade que repseita seu companheiro que se respeita e valoriza. Que possui caráter é indole bons. Ou seja só ser mulher de verdade mais. Sem te cabelo curto ou longo no mei conceito foda-se só quero mulher de verdade nada mais!

  • Maluh Bastos

    Palmas, palmas e mais palmas por esse texto.
    “Meninos acham mulheres cabeludas o máximo. São codornas. Não foram apresentadas aos scoths e a uma mulher de cabelo curto. Mulher de cabelo curto não serve para publicitário fazer roteiro de propaganda de cerveja.”

    EXATAMENTE isso. Sua opinião foi, de longe, a opinião mais parecida com a minha – vindo de um homem – que já vi. Decidi cortar meu cabelo curto há uns 4 anos. Não pretendo deixá-lo crescer mais nunca! Parabéns pelo texto e pela opinião. =)

  • Schelidan Vargas

  • Natália Esteves

    Texto sem sentido algum.
    Tamanho do cabelo definir a personalidade? Já tive cabelo bem longos e cabelos bem curtos, e o fato de eu ser uma mulher resolvida e com excelente auto-estima não tem nada a ver com isso. Elogiar mulheres de cabelo curto seria lindo, um belo texto, mas menosprezar e ofender mulheres de cabelos longos? Só servem para comercial de cerveja? Amigo, sinto muito mas se há algo que você não tem propriedade nenhuma para escrever é sobre mulheres,

  • Lorena Priscilla Queiroz

    Haha eu já acho q cabelo curto é coisa pra quem não tem cabelo suficiente para deixar comprido. Algumas jovens, e velhas em geral rs.

  • Lais Guedes

    Acho que o texto exemplifica bem a ideia da mulher que nao se prende a determinadas convenções sociais,ainda mais quando se trata daquilo que é uma verdadeira obsessão no imaginário feminino (principalmente no Brasil) quanto aos cabelos,padrões de corpo,de atitudes e comportamento, o texto não defende as mulheres de cabelo curto,mas é uma exaltação aquelas que se arriscam a querer se sentir melhor dentro da própria pele independente do que isso represente, ser feminina vai alem das medidas do corpo ou tamanho das madeixas, é um verdadeiro estado de espirito. E todas nós merecemos ser valorizadas e não comparadas, a beleza vem das diferenças,e nisso, nós mulheres deveríamos ser mais sabias.

  • Paula

    Forte, linda, segura, interessante e madura é a mulher que acha o seu essêncial e o traduz na sua aparência da forma que melhor lhe agrada.

  • Isabela Bandeira

    Uau! Adorei!!!!!
    Já fui mulher de cabelo comprido. Há tempos sou de cabelo curto…Não consigo mudar…Variar é bom. :)

  • Marco Hruschka

    Tem que ser mulher demais para abrir mão dos cabelos longos e cortá-los curtos. Explico: Ela é capaz de deixar a nuca exposta, o pescoço desprotegido e, mesmo assim, demonstrar uma segurança ainda maior do que aquelas que exibem suas imensas e infindáveis cachoeiras capilares. Haja personalidade! Contudo, não são todas que ficam bem com esse look. Porque é mais do que um estilo, é um estado de espírito! Seja um chanel, uma franjinha ou um repicado, o penteado curto deve combinar com o rosto, revelando um ar, ao mesmo tempo, de feminilidade, de confiança e de tranquilidade. Com luzes, reflexos ou mechas, o efeito pouco importa, desde que o olhar seja imponente, como quem tem total domínio sobre o que está fazendo. É preciso, acima de tudo, coragem e ousadia. A mulher de cabelo curto é capaz de morrer por amor. E, com certeza, renascerá muitas vezes. Ela é senhora de si e dona do mundo. Em seu caminho, não existe obstáculo insuperável, pois VENCER faz parte do seu vocabulário cotidiano. Seu coração bate mais acelerado que o normal, pois ela acredita em milagres, em sonhos, em magia. Quanto charme! Quanta sensualidade! Quem me dera ser o vento para beijar-lhe o colo, ouriçando-a por inteiro. Ela é fêmea. Ela é amante. Brinca de ser feliz. Sem esforço, naturalmente. A mulher de cabelos curtos é tão apaixonada pela vida que vai te conquistar num piscar de olhos. Ou melhor, num remexer dos cabelos.

  • jess

    Obrigada.

  • Helena

    Mulheres de cabelo curto se achando “As diferentes” comentando aqui, já repararam na quantidade de mulher da mesma “espécie” comentando também? Como assim vocês não seguem padrão também? xD Ai, ai…
    Esse texto é o bom e velho “loira burra”. Tem muita loira burra morena, ruiva e careca por aí. Assim como tem muita mulher de cabelo curto com cabelos longos, sem cabelo e vice-versa. ;)
    É um belo texto, embora o autor devesse deixar mais claro que é algo pessoal (se é que é algo pessoal mesmo), em vez de ficar ditando verdades generalizadas.

  • erikota1

    A.D.O.R.E.I <3

  • Giselle Morais

    Seu texto é impressionantemente arcaico. Reverte posições como se as resgatasse da obscuridade, como se a mulher de cabelo curto fosse uma injustiçada e as de cabelo comprido, para dar-lhes licença, são nada além de ogras.
    Meu caro, eu mesma tenho cabelo curto e isso não é nem um problema, nem um truque ou informação, ou vantagem. Minhas amigas de cabelos médio, curto, longo são todas femininas e não guerrilheiras medievais.

    Ao que vejo entende muito pouco de feminilidade.

    Que bom que tem a intenção de preferir mulheres com personalidade, acho que está certo, mas sugiro que se desengane quando suspeita que o cabelinho curto da moça passe recibo da capacidade intelectual dela ou do quanto ela se distancia de preconceitos.

    Seu texto pareceu até bem intencionado, mas é ofensivo e tolo, reconsidere.

  • Mauro Lopes

    Penso exatamente dessa forma… Mulheres de cabelo curto é só o poder! Lindas, independes, corajosas… Não aquelas submissas ou piriguetes! Simplesmente MULHERES!

  • Edson Ribeiro

    Tem a Sandra do Jornal Hj…ela é muito charmosa…não é tão sexy assim mais tem seu encanto sim!!!

  • Sara

    Ai… amei! Pela parte que me toca, já usei cabelos curtos em várias fazes da minha vida, como agora. Mas também amo meus cachos volumosos e crespos (tem dias que morro de saudades deles).

    Mas no fundo no fundo… não li o texto como uma questão de curtos ou longos. E de sim de personalidade. De agir pela própria vontade e não pura e simplesmente para seguir convenções.

  • Estela Squaris

    ❤️

  • Emanuelle

    Usei cabelo comprido por muitos anos, mas nos ultimos 3 anos adotei o curtinho e me senti assim, poderosa, como o texto descreve, apesar da sociedade machista preferir meus cortes mais compridos. No começo fui me sentindo lisonjeada com o texto, mas ao longo dele fui vendo o quão machista ele é : primeiro por ser escrito por um homem, aí está, um homem ditando as regras dizendo quais mulheres são melhores ou mais interessantes; segundo pq generaliza, estereotipa e diminui as mulheres por suas escolhas de visual.
    Mulheres de cabelo curto, não caiam nessa, vcs não precisam de homem nenhum pra dizer o quanto vcs são sensacionais.
    Mulheres de cabelões compridos, não se sintam diminuídas, pelo mesmo motivo.
    E sr. Jornalista, se coloque no seu lugar, o sr. não tem direito de vir ditar regra sobre quais mulheres são melhores que as outras, guarde sua opinião machista disfarçada de feminista pra vc, na hora de escolher suas parceiras.

  • disqus_RcGVRdjw9V

    a segunda menina do texto.. é linda!

  • Medusa

    hahahah, ja usei cabelo, curto, crespo, longo, loiro, marrom. Uso com quero, quando quero!! . Não faço concessão a Homem nenhum.O meu posso usar longo, é lisérimo.e saiba meu amigo, o que mais gera INVEJA nas mal resolvidas..:D

  • Tati Soares

    Cada qual com as suas preferências. Afinal, se todos fossemos como uma caixa de palitos Gina, iguais, que graça teria ir ao salão e torrar todo o dinheiro naquela tinta/escova/tesoura maravilhosa? Só sei que, falando por mim, cortar o cabelo curto foi algo muito além da estética… foi uma expressão física de uma libertação ocorrida de dentro para fora. NÃO É REGRA, mas na maioria das vezes, quando uma mulher corta o cabelo curto, a mensagem é clara: Mudei, me libertei, ou simplesmente estou afirmando algum valor. Se gostar, bem… se não, problema seu.

  • Valéria Fernandes

    Olha que legal, eu possuo cabelos longos e não pretendo sair em uma propaganda segurando latinhas ( seja lá do que for ), eu também ” não preciso daquela sensação pré-civilizatória de ser puxada pelos cabelos por um hominídeo com tacape na mão” … por isso, eu deveria cortar meus cabelos, afinal eu tenho muita personalidade !

  • Criatura

    Meu irmão, que caralhada de gente chata, ninguém quer que as mulheres de cabelo comprido de matem não perceberam. A turma faz duma crônica despretensiosa um cavalo de batalha. Tomar no cu !

  • Emanuelle

    Usei cabelo comprido por muitos anos, mas nos ultimos 3 anos adotei o curtinho e me senti assim, poderosa, como o texto descreve, apesar da sociedade machista preferir meus cortes mais compridos. No começo fui me sentindo lisonjeada com o texto, mas ao longo dele fui vendo o quão machista ele é : primeiro por ser escrito por um homem, aí está, um homem ditando as regras dizendo quais mulheres são melhores ou mais interessantes; segundo pq generaliza, estereotipa e diminui as mulheres por suas escolhas de visual.
    Mulheres de cabelo curto, não caiam nessa, vcs não precisam de homem nenhum pra dizer o quanto vcs são sensacionais.
    Mulheres de cabelões compridos, não se sintam diminuídas, pelo mesmo motivo.
    E sr. Jornalista, se coloque no seu lugar, o sr. não tem direito de vir ditar regra sobre quais mulheres são melhores que as outras, guarde sua opinião machista disfarçada de feminista pra vc, na hora de escolher suas parceiras.

  • Tais

    Realmente, faz todo o sentido. O cabelo de uma pessoa define sua personalidade. Como eu nunca pensei nisso antes? vou ali cortar o cabelo e já volto.

    • Eduardo Amuri

      O texto é propositalmente descontraído, Tais. Não a toa é recheado de hipérboles e analogias com um incendiário. Mulheres de cabelo curto são incríveis, assim como são as mulheres de cabelo cumprido. É só um preferência do autor, que, por algum motivo obscuro e capilar, parece ser compartilhada por bastante gente.

  • Daniel

    Mas que bosta, hein! Papo de mangina ridículo.
    Esse site deveria mudar o endereço para “papodemangina.com.br”
    Acham que massagear o ego estratosférico de mulher (qualquer que seja) é coisa de homem? Vocês não honram suas bolas.

    • Eduardo Amuri

      Daniel, é um texto solto, claramente descontraído. Tem que vestir um teco de pano e bater com tacape pra ser coisa de homem e honrar as bolas? Admirar é ser mangina? Acho curioso isso te ofender tanto, a ponto de escrever um comentário desses. Queria entender onde está o big deal disso tudo.

      Abração.

      • Paola

        “Honrar as bolas”, pelo jeito, é colocar a mulher em uma posição inferior à do homem, não similar. Somos diferentes em nossas características, mas iguais em merecimento como seres humanos – inclusive de respeito e reconhecimento. Obrigada, Eduardo, por discordar de comentário tão ofensivo ao meu gênero. Realmente há um big deal aí, mas deve ter a ver com frustrações que devem ser tratadas em terapia, não expostas em comentários de blog :)

    • Paola

      Mulheres é que têm egos estratosféricos? A-ham.

  • Francielly Santiago

    adorooo meus cabelos curtos

  • Greta

    Everton! Por que a necessidade de criticar as mulheres de cabelos compridos em detrimento do elogio às de cabelo curto? As coisas não necessitam ser ou/ou, elas podem ser e/e. Os elogios às mulheres de cabelo curto são todos válidos, sem a necessidade do rebaixamento às de cabelo comprido. ;)

  • Guest

    Belo texto em homenagem a mulheres com cabelo curto.

  • Gabriela Guimarães

    Tenho pra mim, que tanto faz tanto cabelo comprido como curto, como careca ou com peruca,o cabelo realmente dá um charme, mas não é tudo (não que eu esteja mencionando que o autor disse isso,é a minha HUMILDE opinião).

  • Guest

    Tudo bem você gostar de cabelo curto, mas não acho interessante a comparação entre a mulher de cabelo curto e a mulher de cabelo longo. É o mesmo que comparar
    a loira com a morena e dizer que a loira é burra e a morena é inteligente. Ridículo, nunca achei graça das piadas sobre loira. Tive cabelo curto a vida toda e nunca me senti tão confiante e poderosa como agora com o cabelo abaixo da cintura. A mulher de cabelo longo quando prende o cabelo desajeitadamente fica muito sensual e tão linda quanto uma mulher de cabelo curto com o pescoço a mostra. Imagino que a sua intenção não foi ruim, mas você deveria pensar melhor nas palavras. Qualquer mulher pode se encaixar no seu texto, isso já vem com ela e não depende do comprimento dos seus cabelos.

  • Ana Lucinda Correia

    Caô esse papo de “tenho minha auto estima no lugar”.
    Enfim, o texto tá ótimo, adorei (logicamente porque tenho cabelo curto). Mas cada pessoa é única, não dá pra categorizar as pessoas pelo tamanho do cabelo.

  • Quetty Fugel

    Tudo bem você gostar de cabelo curto, mas não acho interessante a comparação entre a mulher de cabelo curto e a mulher de cabelo longo. É o mesmo que comparar a loira com a morena e dizer que a loira é burra e a morena é inteligente. Ridículo, nunca achei graça das piadas sobre loira. Tive cabelo curto a vida toda e nunca me senti tão confiante e poderosa como agora com o cabelo abaixo da cintura. A mulher de cabelo longo quando prende o cabelo desajeitadamente fica muito sensual e tão linda quanto uma mulher de cabelo curto com o pescoço a mostra. Imagino que a sua intenção não foi ruim, mas você deveria pensar melhor nas palavras. Qualquer mulher pode se encaixar no seu texto, isso já vem com ela e não depende do comprimento dos seus cabelos.

  • Graziella Alencar

    Tenho meus cabelos curtos e vermelhos e com toda modéstia que me é possível nesse momento, tenho que admitir…
    Mulher de cabelo curto é demais, salvo a exceções!!!!

  • L.

    Que texto ridículo. Vocês homens não cansam de inventar regra sobre como a mulher deve ser? Foda-se o tamanho do cabelo. O corpo é da mulher e a gente faz o que quiser. É ridículo ficar estereotipando as mulheres dessa maneira.

  • Ninna Amaral

    Um tanto quanto tendencioso. Desde quando cabelo curto, médio ou longo determina a personalidade? Gostei da poesia das palavras mas acho que poderia ter trazido a reflexão sem criar tantos rótulos!

  • Marina

    Mulher com qualquer tipo de cabelo pode ter essas características. Mulher com “cabeça” não precisa de um cabelo para demonstrar sua personalidade/atitudes.

  • Guest

    atitude não depende de cabelo… :) tenho cabelos curtos…issso aumentou me ego obrigada! :D :p

  • Diane

    Eu acho que a cada ano que passa a mulher tem adquirido cada vez mais o estilo masculino e perdido um pouco da sua feminilidade é só comparar com fotos de décadas passadas para confirmar o que estou dizendo. As mulheres estão mais musculosas, com cabelo curto estilo joãozinho, hoje é quase um milagre ver uma mulher de saia ou vestido e quando colocam é com a única intenção de mostrar a calcinha, pois os vestidos e saias são estilo periguete. Enfim é isso o que eu acho, mas quero lembrar que não estou generalizando. Falo apenas da maioria das mulheres.

  • Claudete Barroso Gomes

    Simples e magnifico. Leitura fácil, fluída e ao mesmo tempo com profundidade. Parabéns. Você ajudou a dar um up em minha auto estima. Abçs.

  • Helo

    Ótimo texto!
    Apesar de que nós mulheres escolhamos cortar o cabelo por praticidade/forma do rosto/tipo de cabelo e não porque querem mostrar poder, personalidade, wrawwr!

  • Helo

    Ótimo texto!
    Apesar de que nós mulheres escolhamos cortar o cabelo por praticidade/forma do rosto/tipo de cabelo e não porque queremos mostrar poder, personalidade, wrawwr!

  • Deborah Cattani

    Achei bonito, digno e bem legal um homem que, além de assumir, defende nós, mulheres de cabelos curtos. Somos mal compreendidas, mas já estamos acostumadas e damos de ombros com opiniões machistas do tipo: “você é linda, se deixasse o cabelo crescer, seria ainda mais.” Clap clap, nunca comento aqui, mas dessa vez tive que elogiar!

  • Priscila Bulbarelli Ferreira

    Nossa, valeu por toda essa admiração! :D

  • Huanna

    acho lindo cabelos curtinhos, tipo na altura do ombro!!

  • Priscilla Dórea

    Dps de 8 anos com cabelo curto to deixando crescer, ja tive grande, mas os cabelos curtos são tudo isso mesmo, lembrou um ep de The L Word quando a Jenny pede pra cortar o cabelo dela, é tipo uma transição de vida!

  • Nana Rita

    Homens, escrevam sobre homens.

  • Lívia

    Falando delicadamente e com humor: acho que quem gosta muito de cabelo comprido ficou um pouquinho dodói… mas justiça seja feita, mulher de cabelo comprido é supervalorizado no Brasil, vamos puxar sardinha um pouquinho para outros gostos né…

  • Mariá

    pra mim, cabelo curto é foda, e cabelo longo tbm!! oxe, nada a ver esse boicote ao longo, por que vocês praticamente disseram ‘mulheres de cabelo longo são apagadas, vazias, inseguras, sem personalidade, e nao chamam atenção’

  • Fernanda

    Achei altamente preconceituoso. O comprimento dos cabelos varia muito mais por formato do rosto e praticidade do que gosto. Mulheres idosas tendem a ter seus cabelos mais curtos devido à queda de cabelo, não são só os homens que perdem suas madeixas viu? Acho lindo mulher de cabelo curto. Assim como acho lindo mulher de black power. E acho lindo o meu cabelo loiro e comprido, do jeito que sempre fui. Mas acredito que você deve ter escrito isso por conta de alguma, ou algumas, belas mulheres de cabelo curto.

  • Valdelice Dellis

    Amo cabelos curtos!!! Já tive minhas fases de cabelos longos, mas hoje em dia só quero curto!

  • Fátima

    Texto muito bem escrito, e maduro, sem muros!
    Só pra constar: meus cabelos são curtos.
    Eu curto!

  • Wellen Fernanda Louzada Castel

    Amei o texto, boa explicação para os poucos que ainda me perguntam o porque de eu ter cortado tão drasticamente e a afirmativa para os que tanto gostaram ;)

  • Sávio Reale

    Gostaria de ter a fonte da epígrafe do artigo. Grato.

  • Sávio Reale

    Gostaria de ter a fonte da epígrafe do artigo “Mulher de cabelo curto”, do Everton Maciel. Ou um contato do autor do artigo. Grato.

    • everton maciel

      essa fonte não existe. Eu inventei.

  • Paula

    Que texto completamente machusta e sem bases.
    Seguinte, Rodrigo Lourenço falou tudo que tinha que dizer. Oras essa que mulher de cabelo comprido não tem auto estima… haha Com certeza o cara que escreveu esse texto conhece poucas mulheres. Ou pouco delas.

  • Guest

    Só sei que o meu eu não corto.

  • Ana Papillon

    Há mulheres e mulheres, cabelos curtos ou não…umas tem, outra não, LUZ própria.

  • Lorena Oliveira

    Só sei que o meu eu não corto.

  • catharina

    Eu sou uma mulher de cabelo curto e tb não passo recado. Faço. é uma pena nem todos os homens não enxergarem a mulher de cabelo curto como vc. Parabéns!

  • Ale

    Freud Explica… ;)

  • Rafael Quadros

    O cara escreve um texto cujo propósito é elogiar as mulheres de cabelo curto, mas o faz diminuindo as de cabelo comprido sem nenhum motivo aparente (“Mulher de cabelo comprido precisa ter atenção. Mulher de cabelo curto chama atenção por onde passa.”) e tenta validar a máxima – bastante fraca – de que “mulher de cabelo curto tem mais personalidade e auto-estima” colocando como exemplos visuais a Emma Watson, cuja auto-estima está lá em cima por ela ser a Hermione e um fetiche besta pra muitos homens – ou seja, não por ela ter cabelo curto – e uma outra foto de uma menina “dentro dos padrões de beleza”, de biquíni, e cujo cabelo nem é tão curto assim.
    Prefiro ficar longe de estereótipos e, principalmente, bem longe de excluir as moças de cabelo comprido da minha vida já de cara. Personalidade pode vir com qualquer outro atributo, inclusive com cabelos de todos os comprimentos.

  • Filipe Soares

    acho que avaliar personalidade pelo tamanho do cabelo e erro na certa, a única coisa q pode dizer algo sobre alguém são as atitudes …

  • walter

    texto foda kra,parabéns! e salves as mulheres d kblo curto!!!

  • Victor

    Uma dos piores textos que já li. O seu gosto pessoal não define a personalidade das mulheres. Qual é a sua fonte ao afirmar isso? Você fez uma pesquisa com quantas mulheres de cabelo curto e cabelo longo? Sinceramente, pelo seu bem, pare de escrever, pois você está passando vergonha! Ou então escreva algo que faça sentido. Flw

  • Lucas Sant’Anna

    Realmente, mulheres de cabelo curto inspiram atitude e independência… e eu odeio isso, haha…

  • Tania

    Muito bem dito!!!!!!Adorei, mesmo porque sou uma mulher de cabelos curtos.he he

  • fernanda

    zzzzzzzzzzzzz

    • fernanda

      mulher x se comporta de um jeito .. mulher y se comporta de outro jeito ….. que palahçada ! quando raspei a cabeça eu era totalmente desequilibrada e imatura .. hj tenho cabelos compridos e sou muito mais segura e consciente das coisas que faço … achei esse texto tão destoante do blog, que sempre aborda a natureza humana e feminina de maneira muito mais profunda

  • Guilherme

    bom texto, porém, ainda assim, é apenas cabelo.

  • Fabiana

    Mulheres de cabelo curto atraem homens inteligentes…

  • Bianca Cayres

    Acho que nunca li um texto tão estereotipado e parcial. Nós estamos em pleno século XXI e com tantos formadores de opinião, vamos insistir em vomitar estereótipos na sociedade? A forma de construção desse texto foi completamente extremista e agressiva. Definitivamente, você não estava pensando na mulher brasileira ao segmentá-las de modo tão arrogante. Contudo, tratando-se de uma crônica, é o espaço que se tem para expressar a sua visão através do seu modo particular de escrever. Minha opinião.

  • Paola

    Bem, eu não levei como um artigo científico, mas como a tentativa de soar poético em um texto pessoal. Claro que não faz sentido, mas é o sentimento do autor em relação às mulheres de cabelo curto, oras. Quem realmente concorda com tudo o que foi dito, como se fosse fato, é pq não entendeu a subliminaridade da coisa. Eu tenho cabelos curtos há quase um ano e, sinceramente, discordo absurdamente de todas as generalizações feitas. Mas que é um bonito texto, é sim.

  • Juscelino Jose dos Santos

    Jornalista com metrado em Filosofia e o que nos traz de útil? Nada. Apenas um besterol ´ra ser comentado enquanto se toma cerveja com torresmo num boteco da esquina…

  • Carol

    Pq vc, Everton Maciel, não tem cabelo longo? Se essa sua tese q a mulher de cabelo curto é mais mulher do as de cabelo longo, talvez possamos aplica-la inversamente. Defendo aqui q vc é menos homem pq tem cabelo curto, q é considerado normal para o homens. Homens de verdade que não precisam de um artefato histórico para se manter próximo a sua virilidade tem cabelos longos e bem tratados, com um corte impecável. Pq vc não escreve um artigo sobre o quão baixa é a sua virilidade devido ao fato de vc usar um corte de cabelo que mulheres, supostamente seguras, tbm utilizam e assim feminilizando a sua imagem e como vc deveria deixar seu cabelo crescer e se tornar mais homem? Tenho cabelo longo e não preciso de “artefato histórico para me manter próxima da minha feminilidade. Algo como um tipo de identidade socialmente especial.” Tenho cabelo longo pq amo o meu cabelo, adoro pentea-lo, adoro cuidar dele. Tbm não preciso de atestado protocolado em cartório para ser mulher. Não preciso daquela sensação pré-civilizatória de ser puxada pelos cabelos por um hominídeo com tacape na mão. Na verdade, odeio q puxem o meu cabelo. Quando uma mulher fica velha ela entra na menopausa, ja ouviu falar disso? Então, mulheres na menopausa sentem calor excessivo, principalmente na nuca, oq elas fazem? Cortam o cabelo, não por terem evoluído mas por necessidade e as q não cortam, geralmente os mantêm presos, ja notou? Q tal não generalizar quando vc escrever essas suas histórinhas, hun?

    • Lorena Oliveira

      Falou tudo!

    • Ana Carolina

      Falou tudo e mais um pouco!

  • rafael

    Ja li textos bons nesse site. Nao foi o caso com esse. Sim, sim, bem escrito e tal, mas que conteudo raso. Raso. Curto, comprido, careca, dread, espetado, em chamas: o cabelo de ninguem faz diferença. A aparencia de uma pessoa é a reflexao de um conjunto de fatores que foram grosseiramente generalizados. Essa pessoa descrita é um ideal, e me poupe do ideal. Me poupe da sua superficialidade. Me lembrou do poetinha “as feias que me perdoem” e não, isso não é um elogio. É de um machismo pré-histórico.

    • Ana Carolina

      Queria curtir umas mil vezes o comentário do Rafael, se possível aplaudir de pé!

    • Leonardo Brandão P

      Exatamente o que eu penso!

  • Jacqueline Prado Santana

    Amei… Talvez por ter cabelo curto… Minha nuca agradece

  • Mayara Chaves

    Muito bom!!!!

  • Lia

    Vixiiiiiiii que viagem.. nada a ver!

  • Hilda

    Camisa polo, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • Maurizio Curotto

    A primeira foto (linda!) é de uma mulher com cabelo curto, a segunda, sinto muito, não é. A segunda foto (bem + ou – o cabelo, a mulher é gata, rss) é um cabelo meia boca, um pouco mais curto, mas querendo muito ser cumprido :)

  • Jane Mary Turcatel Alves

    Tenho 67 anos, cabelos curtos, branquinhos, super naturais e ainda tenho olhos azuis…amei esse texto e parabéns para o gaúcho Everton Maciel!

  • Ana Carolina

    Coitada de mim e da minha mãe então…De acordo com o texto nós não temos personalidade pelo visto…tudo por causa da forma do…cabelo?! é isso?

    • Ana carolina

      Deixei meu cabelo crescer, logo, perdi minha personalidade forte…

      • Ana Carolina

        só rindo mesmo… esse ai escolhe mulher pelo cabelo…julga caráter também pelo cabelo? parabéns!

  • Jacelena Dourado

    Meu Deus….nem vou ler tudo. Perda de tempo! Que texto preconceituoso….Nossa!
    A mulher usa o cabelo da forma como se sente melhor!

  • Adriano T. V. Dias

    Monstro

  • Daniel

    Muita generalização no texto. Não dá para taxar com “sempre” e “toda”. Achei bem preconceituosinho o texto… Podia ter construído melhor a brincadeira pra não ficar com esse ar

  • Andressa Tatiara

    Minha pergunta é: quantas mulheres de cabelos longos vão cortar o cabelo afim de sentirem-se seguras e idolatradas depois desse texto?

  • Vorcaos Terra

    “Mulher de cabelo curto diz o seguinte: eu tenho minha autoestima no lugar e não preciso de nada que venha de você.” – homem submisso ou meio-homem, como preferirem, detected!

  • Gleice Santos

    Cabelo longo não é regra para ser feminina, tá certo. xD

  • Beatriz L C Pires

    Perfeito !
    Sempre ouvi homens fazendo tais elogios a mim, como: ” Voce é linda de qualquer jeito, mas de cabelão fica mais linda ainda”
    Então eu sempre respondi curta e grossa: “Quando foi que eu pedi sua opinião em relação ao meu cabelo? Quando estou de frente com o espelho, sinto-me feliz e realizada, acredito que isso é o que importa, e não a sua opinião sobre o que é bonito ou mais bonito”

  • Rita Quesada

    Perfeito, adoro os meus cabelos curtos!

  • Thiago B

    Gostosa assim até careca serve, quero ver brucutu careca kkkk.

  • Wanessa Oliveira

    Depende muito, acho que mulher de personalidade não precisa ter cabelo curto ou comprido, já radicalizei, já deixei a cabeleira igual a da Gal, fui morena, loira e atualmente estou ruiva de cabelo nem curto e nem comprido, e me considero um desses vinhos ou scotchs….Mulher de personalidade é de personalidade e não importa o cabelo curto ou comprido…. Esse cronista deve ter procurado mulheres erradas nos lugares errados…E outra, se cabelo fosse bom por que daria no ânus??

  • marcia bindi

    Adorei o texto.sai desse lugar comum onde a beleza é estática..cabelo longo.peito.bundão e nada para o olhar.o andar ..as outras elegâncias..adoro meu cabelo curto…

  • Luciana Sacramento Kaka

    Ameiiiiiiiiiiiiiii!!! Sou uma mulher de cabelo curto e entre tantas babaquices q já ouvi, ser taxada de lésbica é a mais comum. E sou muito, muito mulher… Seu texto descreve o que realmente penso, não preciso de cabelos como subterfúgio…

  • Morgana Guerra

    Mulheres tem que se sentir bem idependente do que os homens acham bonito nelas ou não. Na minha opinião esse cara só descreveu uma mulher segura de si mesma que sabe que a forma que ela usa o cabelo não importa para que ela se sinta plena com ela mesma. Cabelos curtos ou compridos são totalmente irrelevantes para a auto-estima de uma mulher bem resolvida. Achei bem nada a ver a relação de auto-confiança com cabelos curtos.

  • Consuelo

    Ameeei… Rs.

  • cobalto

    que afetado…frescura demais…

  • Ramon

    Esse texto ganhou o lugar de post “Nada a ver com o Papo de Homem”, pelas entrelinhas dá pra se aproveitar muita coisa, no entanto a forma como foi escrita pode ser entendida de forma arrogante e preconceituosa, sugiro ao autor tomar cuidado com a ambiguidade quando for emitir opinião.

  • Tayna Pionteke

    é… mas a impressão que eu tenho é que os homens não gostam , têm medo ..

    (pensam que não vão poder enganar tão fácil… hahaha sei lá, diz ai…

  • Jussara

    Tenho cabelo comprido e nem por isso eu sou uma mulher que vive para a vaidade ou desinteressante ou desinformada!!! Não concordo com esse artigo, o que faz a mulher ser interessante é a sua personalidade, não o cabelo!! Para mim, isso é papo de homem metido a ser moderno!!!

  • Queisse

    E aí vem um texto bárbaro (mito bem escrito) pra dizer como as mulheres precisam cortar os cabelos para serem vistas como vinhos, não vinagres.
    Na boa, meu cabelo é curto e não consegui sentir nenhum “elogio” nessa generalização toda… nem esse rótulo me serve!
    “Mas o bacana é o texto (deixa o conteúdo pra lá)”, “foi piada”, “foi declaração de amor, com endereço certo”… besteira! Foi sim é mais uma das mil receitinhas de “como ser a mulher especial”.
    Me deu náuseas. :/
    Mulheres precisam ser livres de qualquer modelo imposto!

    • Ana Carolina

      Cara você é uma das poucas mulheres de cabelo curto que não estão caindo na falsa lisonja e conseguem raciocinar além dos elogios superficiais e ver o machismo e o preconceito camuflados nesse texto! Tem mulher que só enxerga o elogio e cai na rede, não vê que é um mero fantoche que não tem escolha se quiser mudar, pois tem que ser como o cara quer para ser especial. Sem contar a comparação com objetos ou bebidas, como scotch…a mulher não passa de um mero objeto nas mãos do macho em questão, mesmo “aparentemente” com a sua “personalidade” forte, ela tem que ficar do jeito que o cara quer pra ter algum valor e continuar sendo a musa perpétua….é superficial. Mesmo se fosse nas minhas boas épocas de cabelo curto e moicano eu JAMAIS cairia numa lisonja tão barata e duvidosa porque se eu quisesse mudar eu perderia meu status de musa para uma coisa sem personalidade… e pasmem já caindo nessas adulações eu já perderia totalmente minha capacidade de raciocinar perdendo pra mim a real personalidade porque pra mim a mulher que cai nesses elogios baratos não ta realmente pensando…esta caindo em uma armadilha achando que esta massageando o ego e no final é só mais um objeto feito da idealização e vontade do homem…me lembra Sansão que perde a força quando cortam os cabelos ai seria ao contrário! Antes de suspirar de cair nessa acho que a mulher deveria refletir perceber que ela tem que ser adorada não por seus cabelos e sim pelas suas ATITUDES!!!! só isso…E realmente cá entre nós um homem pra falar mal de mulher é porque o fora que ele levou de uma talvez “cabeluda” deve ter doido dentro da alma pelo visto… porque no fundinho me cheira a ranço e dor de cotovelo…

    • Leonardo Brandão P

      Show!!

  • Kátia Flávia

    Só eu acho um porre essas generalizações e essa cagação de regra machista dos textos desse disfarçado de bom mocismo e de amor pelas mulheres desse blog?

    Até quando escrevem um texto com bons argumentos [que não é o caso desse] sobre o machismo/feminismo eu acho um saco: são homens credibilizados por outros homens ao falarem a eles o que as mulheres sempre disseram, mas, no entanto, não recebem nenhum crédito ao dizer, ao contrário, são desqualificadas e acusadas dum monte de troço.

    Haja paciência pra ser mulher nesse mundo, viu.

  • Giselle Souto

    Mulheres interessantes, não precisam ter cabelo curto, aliás, elas nem precisam de cabelos, podem ter cabelos enormes e coloridos. Bobo é o homem que se liga em estereótipos e perde a chance de conhecê-las…
    Aposto que o seu gosto é duvidoso! ;)

  • Kátia Flávia

    Mais generalizações e cagação de regra machista sobre comportamento feminino. Que bosta.

  • manuel

    Pro inferno, essa merda.

  • Claudio Chocolate

    Pra quem gosta de merda, o texto acima é um prato cheio.

    “…….é como um tipo especial de olho azul: ou nasce com, ou vive uma vida toda admirando no rosto dos outros.”

  • Walter Trajano

    curto muito o muito curto!

  • Lorena Mendes

    curti ;D

  • Carolina Correia

    E teve um dia que sei lá. Eu simplesmente cortei. e percebi que uma parte do hpescoço aparecendo, com o resto do corpo coberto falava muito de mim. Também fico legal de longo, mas devo confessar que meu cabelo curto me faz um bem tão bom!

  • sandra

    Texto preconceituoso e maniqueísta…meu cabelo não me define, como raspar ou não a careca num calvo não o faz mais ou menos interessante….

  • Susana P.

    Texto muito preconceituoso e generalista. A boa escrita peca pelo
    idealismo do estereotipo. Para se defender uma ideia ou uma preferência
    visual, não é necessário colocar num nível mais baixo a aparência do que
    se gosta menos. Precisamente porque é aparência, somente. Talvez porque
    é homem, pensa assim.
    Ass.: mulher de cabelo curto que diz o que pensa e é anti-pre-conceito.

  • Raquel

    Acredito que algumas mulheres se sintam mais femininas com as madeixas mais longas, por muitos fatores que não vem ao caso. Eu particularmente amo meu cabelo curtinho, a liberdade de sentir o vento na nuca isso não tem preço. Ah 1 ano e pouco fiz undercut, e me sinto muita mais feminina quando sento na barbearia e peço que passe a maquina 1 na minha lateral.

  • Ana Letícia

    Sou uma mulher de cabelo curto, com cabelo cumprido, então.

  • Ivana

    Caras, esse é o texto MAIS “”"disfarçadamente”"” MACHISTA que já li nos últimos tempos. Só fala asneira. Instrumentaliza a mulher a nível de uísque e de vinho. Reduz a mulher a um corte de cabelo. Você que gostou disso, faça um grande favor pra sociedade: vá estudar um pouquinho de História. Um abraço

  • Censurada

    Gente, quanta groselha… a analogia dos olhos azuis foi de doer.
    tenho cabelos curtos e olhos castanhos, não sinto essa soberba toda e fico mais admirada com os aspirantes emergentes do Xico-Sá dessa internet de meu Deus do que com olhos diferentes dos meus. Pena isso ter saído de um gaúcho, mas a rede é pública, né?

  • Haig

    Bullshit. Mulher tem que ter cabelo comprido.

  • Garudha MB

    meus cabelos tem mais de 1 metro de comprimento,e posso afirmar que esse detalhe não interfere em nada a minha personalidade…haha

  • Felipe Huggler

    Diz a lenda que mulher de cabelo curto adora dar a bunda. Estatísticas comprovam realmente o fato.

  • Ana Paula

    Não precisava falar mal das mulheres de cabelo comprido para elogiar as de cabelo curto. rs… Tosco.

  • Priscila Lourenço

    quer dizer que quando eu cortar o cabelo vou ter atitude? Mulher é mulher, cada qual com a sua personalidade, assim como se uma mulher de atitude que tem o cabelo curto deixar crescer nao vai ser menos corajosa. Mais um estereótipo criado

  • Rose de Almeida

    Uau, nunca me vi tão bem descrita! Agradecida! :-) É difícil explicar para as menininhas que adoram um cabelão e chapinha como cabelo curto é poderoso. Será que agora você pode escrever sobre curtos e grisalhos? hahahahahahaha

  • Janaina Nessi

    Quanta porcaria saindo da boca de uma pessoa só. A escolha do comprimento do cabela pode muito bem ser simplesmente pelo formato do rosto, ou simplesmente por gosto. Já tive cabelo curto, cabelo comprido e atualmente tenho intermediário, e o dia que o cabelo quiser dizer algo sobre o que tem dentro da cabeça da pessoa, os carecas serão seres nulos.

  • Natany Gomes

    Por que as pessoas precisam sempre de uma unidade de medida pra apreciar a outra? Quando peitos e bundas já não bastam, vamos qualificá-las pelo cabelo. Cabelo cresce: Ai, num quero mais! Emburreceu, perdeu o charme. ~Virou vinagre~.

  • Aline

    Que bobagem.

  • Beatriz

    Até porque eu simplesmente não posso preferir usar meu cabelo cumprido, se não não vou ter personalidade, né? Me poupe. Essa de corte de cabelo é o pior argumento para se atestar a personalidade de alguém. É o mesmo que dizer que alguém que usa azul é mais bonito e chama mais atenção do que alguém que usa vermelho. Não faz sentido algum.

  • William

    Um cabelo curto é só um cabelo curto…

  • Felipe

    Pra quem não suporta bairrismo, levantar um muro entre mulheres de cabelo comprido e curto chega a ser ignorância.

  • May Luck

    Cabelo longo não é pra quem quer, já cabelo curto… Comprimento de cabelo não define personalidade, convenhamos.

  • Andressa Santana
  • Corina

    Texto genial e sem clichês… existe uma grande diferença entre as mulheres que SÃO e as que ESTÃO de cabelos curtos! ;-)
    beijos

  • dinossauro

    Não se pode fazer comparação alguma sem que alguém diga: “Você está querendo comparar Jesus Cristo com Agnaldo Timóteo? Trotsky com Sharon Stone? Eliot com Cacaso?” Meu Deus, e daí? Sim, estou comparando. Comparações só podem ser feitas entre coisas diferentes. Exatamente para ver a diferença. Você compara uma melancia com a lua e conclui que uma é um bocado maior do que a outra. Mas você não compara uma melancia com precisamente a mesma melancia. É preciso ao menos que seja outra melancia, o que significa uma melancia diferente. É para isso mesmo que comparações servem! “Não que eu queira me comparar com Van Gogh, mas…” Mas o quê? Se compare, idiota!

  • Thays

    Comparar mulher com álcool, ainda existe quem faça isso? Em pleno século que a consciência de que isso mata cada vez mais gente é cada vez maior…o homem é cheio de comparar a mulher com alguma coisa né, independente se é “só” uma cronica ou não existem coisas que já cansaram, e ficar falando de quem tem personalidade ou não, de quem precisa se afirmar ou não conforme o cabelo que tem, o peso que tem, a altura que tem, gente , o mau do mundo é isso…julgar o outro, ditar regras impostas pelos padrões de beleza de um sociedade doente…….respeito a opinião de cada um, mas o que falta é acordar. Por que não fez uma cronica sobre o quanto a mulher poder bela independente por exemplo se pesa 50 ou 100 kilos?! Alias , porque não faz cronicas da sua vida ao invés de fazer de outras pessoas, do que elas tem ou do que são?! Brincar de Deus é fácil né.

  • Larissa Acosta

    Esse cara deve ter tido poucas mulheres na vida. Só isso explicaria uma generalização tão banal dessas.

  • Marlete Dresch

    SIMPLESMENTE DIVINO SABER QUE AINDA EXISTEM HOMENS QUE SABEM REALMENTE ADMIRAR UMA “MULHER DE CABELO CURTO” ,

  • Domi Milani

    Curioso, tenho uma visão totalmente diferente: todas as velhotas aqui do interior tem cabelo curto. Elas bradam aos quatro ventos que é ridículo uma mulher de idade manter o cabelo comprido, com o argumento de que as que usam “pensam que são mocinhas”.
    Tive duas chefes de cabelo curto recalcadíssimas, do tipo que te trata mal por ser mulher. Incrível, né? Mas mulher machista existe. :/
    Nesses casos, dá a impressão que a pessoa corta para suprimir a feminilidade, escondê-la, como se fosse algo indigno da posição profissional ou algo a que a idade avançada lhe tira o direito.

  • Dan Dan

    AMEI, SEM MAIS!

  • Daniella

    Eu gostei do texto, só não gostei da generalização. Ao olhar para minhas amigas, tem uma ou outra que tem coragem de cortar o cabelo. A maioria de fato se apega ao cabelo comprido como sinônimo de feminilidade. Então, entendo que a ideia do cabelo curto deve ser uma ideia de espírito e não necessariamente o corte de cabelo. É possível você ter cabelo longo e atitude de cabelo curto e vice e versa. E tem mulher que corta o cabelo curto apenas por moda, portanto julgar dessa forma apenas pelo corte do cabelo pode ser um erro primário.

  • Mauricio

    Eu nem sou muito de responder nesse tipo de chat, mas acredito ser uma das maiores besteiras que eu já li. Crina, Darwin, Nero e Mulheres de Cabelo Curto em uma associação sem fundamento algum. Cada um que ache a tampa pra sua panela e deixa de modismos pra fundamentar relações humanas. Da um tempo Maciel, nasceu jornalista? onde é seu mestrado em filosofia que eu vou denunciar.

  • Mari

    Poucas vezes li tanta besteira num texto como agora.

    Quanta imbecilidade resumir a personalidade (ou até a autoestima) de uma mulher ao comprimento do cabelo. Quanta generalização imbecil, te eu te apresentasse às mulheres de cabelo curto que conheço, você rasgaria esse texto agora.

  • Tainá

    Objetificação é a palavra.

  • Silada

    Gostei muito da comparação com as bebidas alcóolicas, mas já vou avisando que existem boas cervejas (rs)

  • Luciana

    Nooossa, pára tudo!!! Esquece Simone Beavoir, esquece Hanna Arendt, deixa pra la os filósofos, neurocientistas, antropólogos, psicólogos e poetas, porque esse tal Everton Maciel, desvendou toda a complexidade da humanidade (pasmem, porque mulher também é humana e não uma bebida) apenas pelos centímetros a mais ou a menos de seus cabelos!!!!!! Olha, sou uma garota que não se importa com os centímetros do meu cabelo e também tenho uma informação pra te dar: babaca!!!

  • Camilla

    A minha opinião sobre o texto: Quando eu tinha cabelo longo eu tinha uma necessidade maior de me mostrar mulher, utilizava-me de formas “padrão” porque nas revistas é só o que você vê, mulheres dom seus cabelões esvoaçantes com roupas caras e bonitas. É esse o padrão feminino da coisa. Maioria dos homens só te acha feminina se você tiver o cabelão e o corpão, bundão, pernão, enfim. Era isso que eu pensava, então de qualquer forma, involuntariamente, eu me arrumava para os homens, e não principalmente para mim. Quando eu resolvi radicalizar, e cortar bem mais da metade do meu cabelo, tendo o cabelo praticamente joãozinho, eu passei a me ver com outros olhos. Aquele era o dia em que eu estava abandonando o meu alisado para ter de volta o meu cabelo natural. Foi uma total mudança na minha vida. Eu fui autêntica e corajosa o suficiente para estar de cabelo curto e me sentindo linda. O cabelo curto dá isso. Dá uma personalidade diferente, aquela coisa fodástica de que você não precisa balançar o cabelo p ser sexy. Você realmente só mostra o seu sorriso e seus olhos e atrai os olhares. Você se veste e se sente bem da forma que está, porque você põe um batom e já está o suficiente para te fazer mulher. Incrivelmente os homens passaram me olhar mais, e no começo eu me surpeendi muito com isso. Talvez pela coragem do meu cabelo natural, ou dele ser curto, ou os dois. Talvez por meu olhar ter mudado e de hoje eu não necessitar que me olhem, se estou impecável, se minha saia está bonita ou se meu salto já está suficiente para ser a top model da festa. Eu simplesmente ponho um vestidinho e me sinto linda naturalmente. Acho q o cabelo curto te dá isso, essa coragem de mostrar a cara e não colocar uma franja enorme para esconder a tua beleza. Estou incrivelmente feliz assim.

    • everton maciel

      Parabéns, Camilla. No geral, o entendimento a respeito do assunto é xiita e não compreende a necessidade de comparar coisas diferentes. Por isso, a legião de ofendidinhos e bons samaritanos.

  • Adriana Kruger

    Adoreiiiiiiiiiii

  • Andrea Evora Cals
  • Alana Ellora Moreno

    Depois dessa, minha auto estima foi pro céu! hahaha…
    Eu amei o que li, parabéns por admirar mulheres que tem coragem de fazer o que muitas não tem. Cortar o cabelo não é apenas uma questão de estética, mas sim de personalidade, de identidade. Pois, na sociedade onde vivemos, a cultura sempre foi a mulher ter os cabelos compridos, e quando uma mulher corta essa relação que a sociedade tem de feminilidade, ela se liberdade de uma verdade que não é verdade. A mulher que se sente mulher, fica bem de qualquer maneira, não é seguindo a massa que ela se torna mais bonita, mais poderosa. Mulher não é carne, não é esteriótipo, não é cabelo comprido, não é peito, não é bunda. Mulher é mente, estado de espírito e delicadeza, mulher é mulher.
    :)

  • Carol

    que bossstaaaa!!!

  • Denise

    Não foi uma boa metáfora MESMO haha

  • Janaína Oliveira

    De fato achei que houve um exagero no texto, principalmente a parte que compara mulheres com vinhos, separando mulheres em safras “boas” ou “ruins”. Que tipo de separação é essa? Você que me pareceu azedo como vinagre com essa colocação.

    Mas concordo com a essência do texto. Só mulheres que já cortaram o cabelo radicalmente sabem o poder que isso dá. Tem diversos motivos para se cortar o cabelo, é verdade…mas independentemente do motivo isso mexe com nossa autoestima e nos torna mais confiantes e as outras pessoas percebem isso. Cabelo curto tem sim um poder quase afrodisíaco!

  • Kátia

    Nada a ver… quanta besteira!!! Até parece que o que identifica a personalidade de uma mulher é o fato de ter cabelo curto ou não… O ser humano é muito mais complexo que isso.

  • Juliana Nieri

    É triste quando para elogiar algo você precisa denegrir o oposto, mas o que esperar de um homem que compara cabelo de mulher com crina de cavalo não é? Quanto a sua opinião sobre mulheres de cabelos compridos, querido, não sei que tipo de mulheres você anda conhecendo, mas com certeza a atitude de uma mulher não está no comprimento de seus cabelos, até onde sei o único que teve forças diretamente relacionada aos cabelos foi Sansão e ele, pasme, era um homem!

  • mais do mesmo

    Esse bando de “mulher” (tão mais pra meninas, mas né..) dando rage e se esforçando com mil palavras pra provar o contrário é lamentável. Tudo isso por causa da opinião de UM autor e não percebem que isso só prova que ele está correto.

  • Isabella Madureira

    Olha, por mais de 1 ano eu fui careca, simplesmente raspei a cabeça, estava cansada de estragar meu cabelo fazendo progressiva. Posso dizer que nunca me senti tão bonita, e nunca chamei tanta atenção… Minha autoestima se elevou ao máximo, porque eu vi que não precisava de cabelo pra manter a minha personalidade, e pra ser bonita, iiiiiiiisso não tem progressiva que pague. Hoje eu to deixando ele crescer como realmente é, cacheado, e continuo me amando, MUITO!

  • Mada

    Uso indistintamente cabelos longos ou curtos, depende do meu estado de ânimo predominante em cada época. Tem dias que acordo e digo “é hoje”, e não paro até cortar o cabelo. Tenho uma cabeleira naturalmente farta e comumente selvagem (recuso-me a chapinhas e escovas). Às vezes ela me sobra, me pesa, sinto que me anula, e grito para aparecer. Os cabelos curtos, deixando a nuca a mostra não me deixam negar toda a sensualidade que se esconde no meu pescoço, nos lóbulos das orelhas. A linha do queixo aparece em todo seu esplendor. Com cabelos curtos não dá para se apoiar nos gestos-clichés fáceis como enrolar os cabelos com os dedos ou aquele de jogá-los para trás, fazer um coque nervoso. Não dá, então todas essas necessidades de expressão gestual terão que ser supridas com os cílios, o olhar, as sobrancelhas, um monte de recursos novos terá que ser chamado, descoberto… Adoro ficar de cabelos curtos porque a sensorialidade fica aumentada, fico leve, sinto-me atrativa, gosto-me bem mais!

  • Viviane

    Tenho cabelo comprido e sou uma mulher de personalidade forte. Seria exatamente a mesma se fosse careca. Cabelo é estilo, é moda… Fulana ficou lindaaa com esse cabelo curtinho, ciclana ficou horrorosa!!! Vai influenciar na personalidade dela? Creio que não. Creio que influenciará na auto estima.

  • Bia Troncone

    Acredito que o mote inicial era argumentar que quando uma mulher usa o cabelo curto, contraria o estereótipo de feminilidade imposta pelo cabelo comprido. Como uma mulher que não se depila, por exemplo, contraria o estereótipo da obrigatoriedade da depilação. Desconstruir um estereótipo, porém, não implica na criação de outro: essa Femme Fatale de cabelo curtinho, do texto.

    Ele já começa bem, afirmando categoricamente que “Uma mulher de cabelo curto é o seguinte (…)”. Erro crasso numero um: você é um homem, você não sabe o que é ser uma mulher, então não nos defina, não nos aprisione em seus padrões e exigências.

    A definição da personalidade de um indivíduo com base em suas características físicas primárias, como sua aparência, é a mesma base, a mesma idêntica base, que segrega indivíduos pela cor da pele: a aparência – superficial – determinando a essência -esférica, complexa. Seria Racismo, se o objeto fosse outro, entende a gravidade agora?

    O autor insiste, inclusive, na comparação da mulher com objetos de consumo, até bem tradicionais nessas situações, naquela comparação como o vinho. Ele continua separando as mulheres em “boas” e “ruins”, as que viram um “pinot noir 2008″ e as que viram vinagre, apenas invertendo, aparentemente, a polaridade positiva-negativa dos comportamentos que levariam a cada uma dessas adjetivações. Tudo isso com base no comprimento de fios de queratina (será que assim fica explicito o tamanho desse absurdo?). Se refletimos ou não, se estudamos ou não, se pensamos, sentimos, o que fazemos e queremos ou não, isso tudo não importa muito, porque tudo o que um homem igualmente “cool” precisa saber é se o cabelo é curto ou longo.

    Além de reificar-nos ao nos colocar em pé de igualdade simbólica com uma bebida, numa tentativa meio ridícula de consertar a piada, o processo de objetificação fica completo quando ele nos idealiza; nós donas de um simples cabelo curto, somos, somente por isso, a garantia da perfeição: somos incríveis, decididas, independentes de tudo e de todos, proativas, alegres, sensualíssimas, amantes insanas de sexo, as super-mulheres – que não existem, com cabelo curto, longo ou carecas! Simplesmente porque ninguém é apolíneo o suficiente pra ser perfeito, né? Parece que, pro autor, comer uma mulher “independente” é bem mais “in” que comer uma carente. Vai ver mulher de cabelo curto não chora, não se sente triste e sozinha, não sofre, não é confusa, não é contraditória, não é complexa… Não é humana. Sabe?

    Não, Everton Maciel, meu cabelo é curtinho hoje, mas não o foi sempre. E eu não ia ficando louca, insegura e retrógrada enquanto ele crescia e ia ao cabeleireirX me tratar; cabeleireirX não é psicólogX.

    E não, eu não entro em qualquer lugar e sou mais ou menos desrespeitada pelo tamanho do meu cabelo. Eu não era mais desrespeitada porque meu cabelo era longo e não sou mais bem tratada porque meu cabelo é curto.

    Eu não tenho uma fila de pessoas ansiosas para me ouvir e me levar a sério porque meu cabelo é curto. Eu não sou mais segura de mim porque meu cabelo é curto. Eu não sou mais segura do que uma mulher de cabelo comprido, porque meu cabelo é curto. Eu não quero ser e não sou a sua gostosa “cool” porque meu cabelo é curto, inclusive porque, bem na verdade, você gostaria que as coisas fossem lineares assim pra não ter de pensar sobre mim, sobre nós e a nossa individualidade.

    Eu não tenho menos chance de ser estuprada porque meu cabelo curto mostra independência e força a ponto de afastar meu agressor. Assim, meu cabelo curto, segundo seu texto, não me ajuda em nada, de fato, não contraria o estereótipo, mas cria outro, igualmente falso e opressor, onde qualquer um que olhar pra mim sob esse seu ponto de vista vai achar que eu sou algo e não alguém.

    Aliás, em se falando de opressão, é só olhar as mulheres das imagens selecionadas para a matéria e dizer onde elas contrariam o opressor estereótipo de beleza, além dos cabelos curtos.

    Péssima matéria.

    • ThayMS

      Falou tudo Bia. Tenho o cabelo curto e achei esse texto uma grande babaquice. Ficar bem de cabelo curto é muito relativo. A embalagem importa sim na hora de definir alguém, porém essa embalagem obviamente não se resume ao comprimento do cabelo. Ter cabelos curtos não significa mais quebrar esteriótipos, nós não estamos mais no século XX. Conheço várias garotas q possuem o cabelo longo, são super diferentes e chamam muito a atenção.
      Definir todo um mecanismo, fisicamente e psiquicamente muito complexo, que é um ser humano apenas com o comprimento do cabelo é realmente possuir um nível de intelecto bem baixo. A personalidade forte provem de construir uma imagem que te faça sentir bem consigo mesma e não desmanchar isto por opiniões de pessoas que acham que seus gostos pessoais são paradigmas para se alcançar o sucesso.

  • Mayara

    Acabando com sua lógica com uma imagem:

  • Bia Troncone

    Dessa vez o site deu uma MEGA bola fora.
    A intenção do texto é crítica, mas o desempenho do autor vai abaixo do sofrível em matéria de crítica – que ele, infelizmente, tentou colocar no centro do texto. Ou seja, ele tentou ser atual, mas não tem a menor ideia do que está falando.

    Acredito que o mote inicial era argumentar que quando uma mulher usa o cabelo curto, contraria o estereótipo de feminilidade imposta pelo cabelo comprido. Como uma mulher que não se depila, por exemplo, contraria o estereótipo da obrigatoriedade da depilação. Desconstruir um estereótipo, porém, não implica na criação de outro: essa Femme Fatale de cabelo curtinho, do texto.

    Ele já começa bem, afirmando categoricamente que “Uma mulher de cabelo curto é o seguinte (…)”. Erro crasso numero um: você é um homem, você não sabe o que é ser uma mulher, então não nos defina, não nos aprisione em seus padrões e exigências.

    A definição da personalidade de um indivíduo com base em suas características físicas primárias, como sua aparência, é a mesma base, a mesma idêntica base, que segrega indivíduos pela cor da pele: a aparência – superficial – determinando a essência -esférica, complexa. Seria Racismo, se o objeto fosse outro, entende a gravidade agora?

    O autor insiste, inclusive, na comparação da mulher com objetos de consumo, até bem tradicionais, naquela comparação como o vinho. Ele continua separando as mulheres em “boas” e “ruins”, as que viram um “pinot noir 2008″ e as que viram vinagre, apenas invertendo, aparentemente, a polaridade positiva-negativa dos comportamentos que levariam a cada uma dessas adjetivações. Tudo isso com base no comprimento de fios de queratina (será que assim fica explicito o tamanho desse absurdo?). Se refletimos ou não, se estudamos ou não, se pensamos, sentimos, o que fazemos e queremos ou não, isso tudo não importa muito, porque tudo o que um homem igualmente “cool” precisa saber é se o cabelo é curto ou longo.

    Além de reificar-nos ao nos colocar em pé de igualdade simbólica com uma bebida, numa tentativa meio ridícula de consertar a piada, o processo de objetificação fica completo quando ele nos idealiza; nós donas de um simples cabelo curto, somos, somente por isso, a garantia da perfeição: somos incríveis, decididas, independentes de tudo e de todos, proativas, alegres, sensualíssimas, amantes insanas de sexo, as super-mulheres – que não existem, com cabelo curto, longo ou carecas! Simplesmente porque ninguém é apolíneo o suficiente pra ser perfeito, né? Parece que, pro autor, comer uma mulher “independente” é bem mais “in” que comer uma carente. Vai ver mulher de cabelo curto não chora, não se sente triste e sozinha, não sofre, não é confusa, não é contraditória, não é complexa… Não é humana. Sabe?

    Não, Everton Maciel, meu cabelo é curtinho hoje, mas não o foi sempre. E eu não ia ficando louca, insegura e retrógrada enquanto ele crescia e ia ao cabeleireirX me tratar; cabeleireirX não é psicólogX.

    E eu não entro em qualquer lugar e sou mais ou menos desrespeitada pelo tamanho do meu cabelo. Eu não era mais desrespeitada porque meu cabelo era longo e não sou mais bem tratada porque meu cabelo é curto.

    Eu não tenho uma fila de pessoas ansiosas para me ouvir e me levar a sério porque meu cabelo é curto. Eu não sou mais segura de mim porque meu cabelo é curto. Eu não sou mais segura do que uma mulher de cabelo comprido, porque meu cabelo é curto. Eu não quero ser e não sou a sua gostosa “cool” porque meu cabelo é curto, inclusive porque, bem na verdade, você gostaria que as coisas fossem lineares assim pra não ter de pensar sobre mim, sobre nós e a nossa individualidade.

    Eu não tenho menos chance de ser estuprada porque meu cabelo curto mostra independência e força a ponto de afastar meu agressor. Assim, meu cabelo curto, segundo seu texto, não contraria o estereótipo, mas cria outro, igualmente falso e opressor, onde qualquer um que olhar pra mim sob esse seu ponto de vista vai achar que eu sou algo e não alguém.

    Aliás, em se falando de opressão, é só olhar as mulheres das imagens selecionadas para a matéria e dizer onde elas contrariam o opressor estereótipo de beleza, além dos cabelos curtos.

    Péssima matéria.

  • Thais

    Aaah eu amo meus cabelos até a cintura e não ligo se pensam que isso é falta de personalidade…

  • Lídia Almeida

    Falou tudo!!

  • Mari Nascimento

    Wow! Eu tenho cabelos curtos! (não tá na foto do perfil, pq é antiga, mas tenho) Que texto lindo. Sempre achei o cabelo curto um tapa com luva de pelica na cara da padronização social feminina….

  • Isabela Conselho

    Amei! simplesmente sou uma mulher de cabelos curtos!

  • Yasmi Monteiro

    Amo homens de cabelo comprido, mas não digo que eles tem mais ou menos personalidade dos de cabelo curto. Então não seja patético.
    Tenho os meus cabelos longos e eu gosto assim, e ter personalidade é não corta-los porque alguém disse, indiretamente, que mulheres de cabelos curtos “são melhores”.

    E eu acho lindo mulheres de cabelos curtos, mas, mais que isso, eu acho lindo mulheres de bem com elas mesmas, das negras de cabelo loiro e liso até as branquinhas de black.

  • Camila Oliveira

    A mulher de cabelos curto realmente tem segurança para buscar a beleza fora dos estereótipos, sem se preocupar exclusivamente se está do gosto masculino. Uma das melhores coisas de ter cabelo curto é não atrair homens ‘padrão’, normalmente sobram os interessantes.

  • Cris de Almeida

    Acho que vc está a servico de algum cabeleireiro!!

  • Claudia Pereira

    Achei o post preconceituoso. Acho interessante ser uma mulher bem resolvida, decidida e segura, mas isso nada tem a ver com o corte de cabelo. Conheço muitas delas e elas têm cabelo curto, ou comprido, liso ou enrolado, loiro ou castanho… Outras são magras, algumas fora do peso que a sociedade estabeleceu como padrão ou até deficientes físicas. E, sim, seguras ou com qualquer outra qualidade citada no texto!
    Além disso, a maioria das mulheres quer estar bem visualmente e o bom senso costuma ser bastante utilizado na hora de escolher um corte de cabelo ou uma roupa. Uma mulher super bem resolvida que tem o rosto muito redondo, provavelmente nunca vai se sentir bem com o corte curto. Assim como uma mais roliça não se sentirá na mesma elegância com um micro-short que revela-se elegante em uma modelo esguia.
    Enfim… não curti at all!

    • Adrya Nogueira

      Quer dizer que se eu tenho um rosto muito redondo nunca vou me sentir bem com um corte curto? Quem disse, berenice? Não passa de um mero padrão de beleza idiota.

  • Noêmia

    simplesmente amei o texto e concordo plenamente

  • Guest

    Era algo assim que eu acho que esperava ler por aqui. Porque senti na pele o resultado da transformação. É preciso ter personalidade (e um pouco de loucura) para abandonar a zona de conforto do cabelo comprido e adotar um estilo que não é o seu. Ou não era. Por muito tempo achei que as pessoas me olhavam porque meu cabelo tinha uma cor bacana, ou porque era excessivamente comprido. Mas hoje percebo que estes olhares nem eram tanto para o cabelo. Hoje faço muito mais o estilo “femme fatale”, revelando uma maturidade que meus 30 anos me alertaram que já estava na hora de assumir. Não é preciso que eu conclua aqui que eu, definitivamente, estou amando ter cabelo comprido, né?

  • Thaís Rezende

    Era algo assim que eu acho que esperava ler por aqui. Porque senti na pele o resultado da transformação. É preciso ter personalidade (e um pouco de loucura) para abandonar a zona de conforto do cabelo comprido e adotar um estilo que não é o seu. Ou não era. Por muito tempo achei que as pessoas me olhavam porque meu cabelo tinha uma cor bacana, ou porque era excessivamente comprido. Mas hoje percebo que estes olhares nem eram tanto para o cabelo. Hoje faço muito mais o estilo “femme fatale”, revelando uma maturidade que meus 30 anos me alertaram que já estava na hora de assumir. Não é preciso que eu conclua aqui que eu, definitivamente, estou amando ter cabelo curto, né?

  • Danusa Alvarenga

    Acho que nada deve ser generalizado, desde meus 12 anos eu praticamente mantenho meus cabelos curtos, hora outra deixo-o crescer somente para ter o prazer de cortá-lo novamente. Infelizmente ha épocas com modismos de cabelos assim ou assado, seguir padrões de moda considero uma necessidade de afirmação social, o que não é meu caso e creio que não seja também o de muitas outras mulheres independentemente do tamanho do cabelo. Tal conceito retratado no texto é sem duvida plausível quando enquadrado em outro século, atualmente não devemos nos limitar a padrões estéticos. A liberdade e independência de ideia divulgada no texto como um paradigma de mulheres com cabelos curtos quando enquadrada em minha experiencia pessoal é extremamente coincidente, tanto que me dei o direito de ter o cabelo do tamanho que eu quero no dia que quero de forma simples e rápida: usando aplique dreadslock, sei que há buchichos qd me vêm na rua de cabelo curto em um dia longo no outro, mas isso não faz a menor diferença em minha vida, o que importa é me sentir bem comigo e o resto do mundo que se preocupe com eles. Tal pensamento libertário é o que define as mulheres ousadas de hoje em dia, isso não se limita ao cabelo, roupa, tatuagem ou qualquer visual gritante e sim a ideia intrinsecada que ela exprime…

  • Fernanda

    Tenho amigas de cabelo cruto que só mantem o cabelo curto pq não tem saco e nem tempo pra cuidar dos cabelos, tenho uma outra amiga extremamente tímida a ponto de falar que usa o cabelo curto pq não gosta de chamar a atenção, pois no pensamento dela mulheres com o cabelo comprido chamam muita atenção(acho até meio patológico o ponto de vista dela). Eu já usei meu cabelo de todos os tamanhos e cores, e não mudei de personalidade, conforme mudei meus cabelos… Normalmente gosto muito dos textos, mas achei esse meio nada a ver, apesar de entender a parte do autor, porém acredito que quando escrevemos, não escrevemos para a gente e sim para quem irá ler… Eu como leitora ache que ele generalizou de mais e fugiu da realidade dos fatos, ficou um texto muito do ponto de vista dele. Eu creio que o que uma pessoa é ou deixa de ser vai muito além dos seus cabelos ou do que quer que seja em relação ao visual…

  • susie

    E’ bem verdade Everton/ Tenho cabelos curtissimos, e claro, nasci com essa personalidade: Grandiosa, charmosa, independente, bela, e valente claroooo. Beijo grande desde o Canada.

  • André Lago

    Texto fraco. Então todas as mulheres de cabelos longos não tem personalidade ou está seguindo algum padrão midiático? Não seria justamente o contrário, ou mostrar que toda mulher para mostrar que é diferente precisa cortar o cabelo curto? Discussão boba, estética pura e simples. Eu, particularmente, não gosto. Embora algumas mulheres fiquem bonitas como a “Hermione” (desculpem, esqueci o nome dela), mas prefiro mulheres com cabelos longos, ficam mais charmosas e bonitas. Mas é a minha opinião! Ficar estabelecendo estes critérios estéticos para dizer que alguém é mais ou menos inteligente, não é inteligente. (sic).

  • Rodolfo

    aff nem consegui ler o terceiro parágrafo de tanta babaquice…

  • Nayane Marques

    O mais engraçado é ler os comentários de pessoas, que a meu ver, usam tapa olho e cabresto… é sério mesmo que tem gente comentando que cabelo é questão de gosto e que o texto é ruim pelo fato do autor estar descrevendo uma preferência pessoal como verdade absoluta??
    Abram a mente meu povo, tentem ver e entender além do que está escrito!
    Ótimo texto Everton!

  • Thais Siqueira

    Mulheres de cabelo curto… Eu curto, eu sou!!

  • Francisco Oliveira

    Quem entrou pra ver a foto da Maria Casadevall e não achou bate aqui: o_

  • Herbert

    Mulheres de cabelos curtos ou longos são todas iguais, não há diferença alguma, podem ser gente boa ou completa idiotas, o que faz a pessoas é o carater e não o comprimento do cabelo.

    Mas algumas usam cabelos curtissimos, não pq tem a autoestima nas alturas e sim pq querem se aparecer, cabelo custo é uma coisa, agora usar cabelo igual de soldados e algo que não combina em nada com as mulheres.

    Então não venha com essa que mulher de cabelo curto é um ser superior.

  • Nicholson

    Muito sensato esse texto, comparar mulheres com codornas….

    papo de homem idiota

  • Renata Lopes

    Discordo com as “alfinetadas” às mulheres de cabelo comprido, pra que isso? Precisam alfinetar “as de cabelo comprido” para “mostrar” que as de cabelo curto TAMBÉM são boas? Apelativo, na minha humilde opinão.
    Assinado: uma put* mulher determinada, segura e sensacional – de cabelos LONGOS.

  • Isabel Jordan

    Sobre cabelos curtos ou compridos, prefiro curtos (os meus já estiveram de diversos tamanhos), mas realmente acontece uma recriminação meio velada (ou gritante) por parte de muitas mulheres quando corto. Concordo em relação à questão de parecer que cabelos compridos são uma condição de afirmação de feminilidade para muitas pessoas. Claro que não dá para generalizar nada, mas especialmente para mulheres parece que o cabelo acaba se tornando algo mais relevante, mais central do que deveria ser.

  • Adriana

    Texto ótimo!!! Adoro quando os homens falam das mulheres sem os clichês tão cansativos…

  • Carol Nogueira

    Amei o texto, tá de parabéns!

  • Jacqueline Castro

    = O ! Digno, não importa o que falem nada vai mudar isso.

  • Pamela Rodrigues

    Desde quando se define a personalidade de uma mulher pelo tamanho do cabelo que ela tem? PAREM COM ISSO! Que machismo. Se eu quiser a porra do meu cabelo curto 3u corto, se eu quiser grande eu deixo grande, se eu quiser usar saia curta eu uso, se eu eu quiser usar saia longa eu uso também e ainda sim isso não define minha personlidade que inutil o pensamento de vocês.

  • Tom Lhp

    Em primeiro lugar, esse texto não é papo de homem, pelo menos, não homem de verdade!!!
    Em segundo, tem mtas controvérsias…
    Em terceiro, esse é só mais um texto q prova pra q serve a mulher… Para serem julgadas (#sqn), seja pelo seu peso e/ou medidas, sua cor ou credo, a cor do cabelo (se bem q acho q ja superaram essa fase), e agora, o tamanho do cabelo… Viva o machismo!!!

  • Michela Fernanda Mota michelaf

    Pobre homem que por mero momento acredita veemente que a personalidade de uma grande mulher se resume em mero corte de cabelo…. Meros observadores do que é externo. =)

  • Guest

    posts como esse é que atrasam o processo darwinista de evolução da espécie. a mulher de cabelo curto cortou o cabelo. a de cabelo comprido, não. estereótipo infundado e bobo

  • Guest

    posts como esse é que atrasam o processo darwinista de evolução da espécie. a mulher de cabelo curto cortou o cabelo. a de cabelo comprido, não. estereótipo infundado e bobo.

  • JIlvanete

    Acredito que o que ele quis dizer é que mulheres de cabelo curto são totalmente desapegadas, é a praticidade em pessoa. Passei 37 anos da minha vida com cabelos longos apegada principalmente ao gosto de outros pelos meus cachos até que percebi que nada fazia sentido, gastar horas do dia me preparando para manter os cachos no lugar para a satisfação de todos menos de mim. E digo com poder de causa, como é bom ME SATISFAZER. Fazer parte de uma cultura que preza pelo sex é muito aprisionador. Cabelo curto para a maioria pode não ser sex, mas é libertador.

  • Sandra

    Nossa que lixo de materia! Preconceituosa, arrogante…onde ja viu definir uma mulher pelo cabelo que ela tem! Eu ja tive cabelo curto, longo, medio, enrrolado e liso e ai? Cara,desculpe mas de mulher vc não entende porra nenhuma e pelo lixo de texto pesno que vc não entende nada da humanidade!

  • Moira L’Abbate

    pra incentivar o “desapego”… pode-se doar cabelos para pacientes em tratamento de câncer: https://www.facebook.com/doeseurabinho?fref=ts

  • Joao

    sim. seu cabelo diz quem você é. sem mais

  • Marcelo Rocha

    gosto de cabelos longos, mas abro exceção.

  • Lanna Lacerda

    Tenho cabelo comprido, no meio da costa, mas já tive na nuca.
    Meu cabelo reflete meu estado de espírito apenas.
    Tem vezes que amo ele bem repicado, louco, quase despenteado, no queixo, na nuca… Tem horas que prefiro ter o dito “normal”, compridão.
    Mulheres são de fases e eu aprendi logo que cabelo cresce junto com minha personalidade.
    Mais vale uma personalidade bem moldada a um cabelo curto ou comprido.
    Antes fora de moda, que viciado nela.
    Então, sigo feliz com meu cabelo enorme e a hora que me irritar com ele, ficará curto de novo.

  • Edwin

    Bem, ele tem cabelos curtos… seria alguma alegoria, eufemismo ou fragilidade intelectual mesmo? O que define uma personalidade, segurança, e toda baboseira escrita pelo corte de cabelo só pode ser alguma identificação ou um fora recebido de uma mulher de cabelo curto :)

  • Jennifer

    Lindo texto, poético, sensível (no sentido literal, algo que sente de fato), porém, categoriza e generaliza (não gosto dessa palavra, mas o é).
    Cada mulher é unica, “classificar” um grupo de acordo com o tamanho ou a cor do seu cabelo, a escolha do corte ou roupa que ela usa, é besteira, análise superficial. Não é por que tenho cabelo longo, que tenho crina e curto um grandalhão de porrete me puxando por aí. Sustentar um cabelo longo, pelo jeito, agora, é mais do que beleza, tanto quanto o curto (cabelos curtos são lindos, mulher são linda, simples), mas carregar o peso do rótulo de insegura e dependente e ter que provar que a personalidade não resume-se ao comprimento dos fios. Peeeeraaaaeee ngm fala da da poesia selvagem da juba da Maria Betânia, mas coloca foto da Emma Watson sensualizando num pretinho justo, uma gostosa mostrando os os peitos que o cabelo curto deixou a mostra, nada contra isso, são sim lindas, verdadeiramente e cada uma a seu jeito .Sou tão senhora do meu destino quanto qualquer outra e, de fato, preciso de tanta energia pra tanta coisa, que esqueço de me preocupar com quem não se aproxima de mim quando vê meu cabelo grande, vulnerável, comum e medíocre, Acaba que o cabelo curto vira sinônimo de maturidade e força e o curto de vulnerabilidade e dependência. Mais superficial que esta análise só quem se deixa levar pelo que vê.

  • Rodrigo

    Esperava um texto melhor de um filosofo. Parece que esta querendo se desculpar para esposa ( que deve ter cabelos curtos) de alguma investida que deu contra uma mulher de cabelos longos. Ter que colocar la embaixo mulheres de cabelos longos para justificar a beleza de um cabelo curto. Muito enrustido .

  • Inaiara

    Bah, genial! Imagina, então, as de cabelo curto e que, ainda por cima, assumem os grisalhos!

  • Tales

    Parabéns Everton, o texto é ótimo. Não sei porque tanto mimimi nos comentários. Garotas, engulam o choro e cortem as madeixas. ;)

  • Moira L’Abbate

    Decepcionada com a administração deste blog… ali em cima diz: “Queremos uma discussão de alto nível, sem frescuras e bem humorada. Portanto, leia nossa Política de Comentários.” Eu li a política de comentários, que achei muito boa. Porém, existe uma pessoa mentalmente desequilibrada, tecendo comentários de baixíssimo nível além de ofensivos. Notifiquei o administrador e nada foi feito. Tô fora, não venho mais aqui. Acompanharei as postagens pelo facebook, porque os textos são ótimos. Pelo menos lá posso bloquear esse tipo de verme, que insiste em pensar que é gente.

  • juju

    uhuuul..curtinhos; Amei o texto. é exatamente assim.

  • duba

    Mulher e homem, é tudo igual. E tudo diferente. Cabelo, quem não tem, sabe, quem tem, não. Com sorriso perfeito já é diferente; todos sabem. Que nem a beleza. Agora, com inteligência, charme, confiança, essas coisas todas de menor importancia, é que nem cu. Cada um tem o seu. Seu. Ah! em alemão seria tão mais fácil dizer isso.

  • Gabriela

    Sou mulher, cabelos abaixo do ombro, não em demasia compridos, mas ainda assim eles são.. Mas não tenho um pingo de inveja ou vontade de provar a quem quer que for se tenho feminilidade ou não. Não é porque a mulher tem cabelo curto que ela é assim tão segura de si. Não é porque a mulher tem cabelo longo que ela quer provar algo a alguém ou seguir um padrão modista. A mulher de cabelo curto corta porque quer. A mulher de cabelo longo o mantém porque quer, e muitas das vezes não é pra agradar a mim, a você, ao namorado, ou qualquer transeunte por aí, mas sim a ela mesma. Agradar a imagem que ela tem de si mesma na frente do espelho. Tal como mulheres de cabelo curto, optaram por isso por se sentirem melhores assim. Cada um da sua forma, como se sente bem e não pra agradar ninguém.

  • Lilian

    Uso cabelo curtinho simplesmente pq ele não cresce, não passa das orelhas; não por estar informando algo, “quebrando as regras”.
    As pessoas não podem simplesmente gostar? Gostar de usar cabelo comprido ou curto? Tem que ter um motivo político-social-psicológico-revoltado-fodaseatradição pra tudo?
    Pode-se ser feliz de cabelo curto, comprido, médio ou careca, seguindo ou não modismos. Tanto faz, simplesmente.

  • Marcelo Rocha

    Eu gosto de cabelos compridos porque é ótimo pegar uma mulher pelos cabelos.

  • Valquíria Sampaio Ortiz

    Aparentemente, tem quem não conheça a expressão “liberdade poética”. Literalismos não tem vez nesse texto gente, é poesia, analogia pura.

  • Armando Obermaier

    isso que dá deixar um homem escrever um texto sobre moda. hehe
    mas foi bem escrito, tenho que admitir.

  • Lara Branco

    Decepção. Primeira vez meu blog favorito me desaponta. Mulher de cabelo curto tem mais personalidade que mulher de cabelo comprido? Desde quando? Quais os fatos que comprovam isso? Para homenagear a sensualidade das mulheres com cabelo curto, precisava diminuir as que deixam o seu comprido? Sociedade das aparências e modismo, sentido desfigurado da realidade. Careca, cabeluda, de tipos, cores, formatos e tamanhos diferentes, o que importa é o caráter da mulher. Mas, infelizmente, mais uma vez o machismo embutido no sistema nos ataca e vêm perseguindo, julgando o sexo feminino, conceitualizando de maneira RIDÍCULA e sem fundamento algum.
    “Uma mulher de cabelo curto é o seguinte: ela tem uma informação para te dar; e ela não pergunta se você quer ser informado. Mulher de cabelo curto, simplesmente, informa. O resto que se dane. Mulher de cabelo curto diz o seguinte: eu tenho minha autoestima no lugar e não preciso de nada que venha de você.” A mulher de verdade não precisa informar nada a ninguém, a mulher de personalidade não se importa em provar nada mundo, não precisa se autoafirmar. A mulher de verdade não ganha esse título por sua aparência, pela sua feminilidade e delicadeza, mas sim pelo seu conteúdo.

  • Pedro

    Há já muito tempo que não lia tanta estupidez junta num mesmo texto. Comparar tamanho de cabelos com personalidade ou caracter feminino é o mesmo que fazer a mesma comparação estapafúrdia com o tamanho do pênis no caso masculino… Numa única palavra. Ridículo.

  • Ana

    Discordo completamente. Já tive meu momento cabelo curto, e hoje uso ele comprido. Em ambos os casos, eu usava o cabelo deste jeito por me sentir bonita deste jeito, não estava tentando passar uma mensagem, muito menos tentando “aumentar” minha feminilidade. Um cara que julga a personalidade de uma mulher pela aparência precisa seriamente rever seus conceitos… Ou ficar calado!

  • Midian Eleotério

    hahaha…Se existia algum resquício de voltar a ter cabelo comprido, depois desse artigo esse desejo foi totalmente extirpado. hahauhuuahu

  • Tatiane Carmo

    Adorei!

  • Joab Gomes Fernandes

    Sobre Nero ter incendiado Roma: há controvérsias entre os Historiadores. Tácito ( Historiador Romano) foi acusado de caluniar Nero para se vingar da perseguição ao cristianismo. A nobreza Romana contribuiu para aumentar o boato para tentar jogar a população contra ele para tentar um golpe de Estado ( fato aconteceu um ano mais tarde). Historiadores modernos sugerem que Nero estava em outra cidade no dia do incêndio, que teria começado num armazém de óleo. ( as casas eram todas de madeira, o que contribuía pro fogo se alastrar). Voltando a Roma no dia seguinte ele teria ordenado as primeiras medidas de emergência. Ele teria culpado os cristãos pelo incêndio pra se livrar dos boatos que insuflavam o povo contra ele( e ele era amado pelo seu povo). Não sei dizer qual é o certo, mas o certo que há controvérsias… isso está longe de ser uma unanimidade.

  • Carolina Packer

    Quantas moças de cabelos compridos se explicando, gente… Se realmente não precisa provar nada pra ninguém, pare de argumentar e vá viver com as madeixas do jeito que bem entender. Tão simples.

  • Ana

    Eu entendi o que ele quis dizer, usou o cabelo curto como exemplo apenas, não se ofendam meninas! Eu já usei cabelo curto, cabelo longo, preto, loiro, com luzes, vermelho, com franja e sem franja. O que ele quis dizer é que mulheres com personalidade forte e que não tem medo de ousar são as mais interessantes. Concordo plenamente, não estou nem aí pra moda, nem pra corte de cabelo, ou cor, ou roupas, eu mesma corto meu cabelo e sempre pinto eu mesma tb (atualmente ruiva, a cor da minha alma hehe e curtinhos), não defendo cabelo assim ou assado, temos apenas que ter coragem de ousar com tudo na vida, sem se preocupar com o que os outros vão pensar, ou o que está na moda e muito menos o que os homens preferem, Homens de verdade querem mulheres de verdade, e não alguem que precise da aprovação deles pra tudo. Personalidade gente, isso sim importa!!

  • Nanys

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk engraçado esse povo cheio de personalidade discutindo cabelo….e a louça tá lavada? kkkkkkkkk……cabelo é cabelo….cada um tem o seu…se fosse bom não nascia no rabo…..

  • Pan :)

    É incrível a capacidade humana de escrever bosta sobre qualquer tema inútil e/ ou aleatório. Esse texto é um exemplo disso.

  • Ana Johann

    Só não concordei com o que falou das mulheres de cabelos compridos. Amo meus cabelos compridos e sou bem decidida, determinada.
    Sei lá… não vejo desta forma, mas respeito. :)

  • Ana Luiza Barreto

    Adorei o texto, especialmente porque eu AMO usar cabelo curto… hahaha XP. Mas é aquilo, não dá pra generalizar, sei que é um texto que visa quebrar com estigmas da sociedade e eu acho isso perfeito, mas tenho amigas que usam cabelos compridos e que são, como você mesmo coloca: “como scotch”. E, um recaso para as meninas que se sentiram ofendidas com o texto, o homem só tá dando a opinião dele, se vocês se sentem ofendidas é porque o raio da carapuça serve ¬¬’.

  • ana

    A galera não entende o espírito do texto…claro que pode ter mulher com cabelo comprido e com personalidade. Mas as que usam cabelo curto de cara já demonstram que a possuem, e muito! Isso porque vão de encontro a toda uma sociedade que grita a plenos pulmões que elas tem que deixar o cabelo enorme, mesmo sendo pouco confortável, pouco prático e bastante trabalhoso e custoso de manter, tudo para agradar aos homens. A mulher de cabelo curto diz não à submissão, à objetificação da mulher, se reafirmando como ser humano. Não existe essa história de entrar na onda, mulher nenhuma corta os cabelos assim, é preciso de desvencilhar das amarras mais pesadas sobre a mulher: a da beleza imposta, que força a mentalidade de que mulher bonita é mulher de cabelo comprido!

  • Phenotype

    É por matérias brilhantes como essa que qualquer homem de verdade sabe que o Papo de Homem é um site de manginas, para manginas. Antes de qualquer coisa, já que o autor é “filósofo”, uma fábula de autor grego:

    “Havia uma raposa que costumava andar distraída pela mata. Num belo dia de suas andanças, caiu numa armadilha. Conseguiu escapar a tempo, mas perdeu o rabo. Sentia vergonha e então pensou num jeito de disfarçar o vexame de ser a única raposa sem rabo do mundo. Teve uma ideia: Convocou todas as raposas do mato para uma reunião. – Amigas, estive pensando que trazemos esse longo rabo sem nenhuma serventia. Além disso ele nos atrapalha nas corridas. É um pedaço de carne balançando pra lá e pra cá que só enfeia nosso belo corpinho. Sugiro que todas arranquemos logo esse lobo inútil.
    - Você está certa, companheira – falou a mais velha. – Nosso rabo, além de inútil, é muito feio e só atrapalha. Devemos cortá-lo imediatamente. Já que a ideia foi sua, que seja a primeira a cortá-lo. Vire-se para que possamos realizar a operação.
    Desenxabida, a raposa não teve outra saída a não ser virar-se de costas e mostrar traseiro cotó para as outras, que foram embora às gargalhadas.”

    Algumas mulheres conseguem ficar bonitas mesmo de cabelo curto. Leiam essa frase 1000 vezes. Ok? Mas TODAS as mulheres, inclusive a Emma Watson, ficariam mais bonitas de cabelo longo. TODAS. Se duvida, compare no Google não só a Emma Watson antes e depois do corte, mas também Anne Hathaway, Miley Cyrus, Beyonce (essa chega a ser covardia), Charlize Theron, Natalie Portman…

    As mulheres são livres para dizer “não vamos deixar o cabelo longo só porque você acha mas bonito”. Claro, fique à vontade. Mas depois não se assustem quando continuarmos achando cabelo longo mais bonito. Quando olharmos para sua amiga de cabelo longo. Ou quando você só acabar atraindo Evertons por aí.

    Em tempo: o Politicamente Correto é a guerra contra o Notar o Óbvio.

    Edit: provando meu ponto que esse é um site de manginas: http://papodehomem.com.br/uma-mulher-me-espera-em-casa/

  • Phenotype

    É por matérias brilhantes como essa que qualquer homem de verdade sabe que o Papo de Homem é um site de manginas, para manginas. Antes de qualquer coisa, já que o autor é “filósofo”, uma fábula de autor grego:

    “Havia uma raposa que costumava andar distraída pela mata. Num belo dia de suas andanças, caiu numa armadilha. Conseguiu escapar a tempo, mas perdeu o rabo. Sentia vergonha e então pensou num jeito de disfarçar o vexame de ser a única raposa sem rabo do mundo. Teve uma ideia: Convocou todas as raposas do mato para uma reunião. – Amigas, estive pensando que trazemos esse longo rabo sem nenhuma serventia. Além disso ele nos atrapalha nas corridas. É um pedaço de carne balançando pra lá e pra cá que só enfeia nosso belo corpinho. Sugiro que todas arranquemos logo esse lobo inútil.
    - Você está certa, companheira – falou a mais velha. – Nosso rabo, além de inútil, é muito feio e só atrapalha. Devemos cortá-lo imediatamente. Já que a ideia foi sua, que seja a primeira a cortá-lo. Vire-se para que possamos realizar a operação.
    Desenxabida, a raposa não teve outra saída a não ser virar-se de costas e mostrar traseiro cotó para as outras, que foram embora às gargalhadas.”

    Algumas mulheres conseguem ficar bonitas mesmo de cabelo curto. Leiam essa frase 1000 vezes. Ok? Mas TODAS as mulheres, inclusive a Emma Watson, ficariam mais bonitas de cabelo longo. TODAS. Se duvida, compare no Google não só a Emma Watson antes e depois do corte, mas também Anne Hathaway, Miley Cyrus, Beyonce (essa chega a ser covardia), Charlize Theron, Natalie Portman…

    As mulheres são livres para dizer “não vamos deixar o cabelo longo só porque você acha mas bonito”. Claro, fique à vontade. Mas depois não se assustem quando continuarmos achando cabelo longo mais bonito. Quando olharmos para sua amiga de cabelo longo. Ou quando você só acabar atraindo Evertons por aí.

    Em tempo: o Politicamente Correto é a guerra contra o Notar o Óbvio.

    Edit: provando meu ponto que esse é um site de manginas:http://papodehomem.com.br/uma-

Papo de homem recomenda

Assine o Papo de homem

Curta o PdH no Facebook
  • 5152 artigos
  • 647782 comentários
  • leitores online