Incesto e Consangüinidade

Mauricio Garcia

por
em às | Artigos e ensaios, Colunas, Corpo são, Dr. Health


Pergunta: ”Fui casado, fiquei viúvo, tenho uma irmã com a qual faço sexo desde pequeno, ela tem 4 anos de diferença, sou mais velho. Depois de um tempo ela casou e separou, quando fiquei viúvo ela me procurou.

Fazia 17 anos que não transávamos, fizemos e ela ficou depois de um tempo grávida,
temos uma filha linda e é a unica filha dela, nasceu linda e perfeita. Somos casados agora vivemos juntos andamos como marido e mulher, foi dificil a nossa família aceitar. Agora ela quer ter outra criança.

Tenho medo que a criança saia defeituosa, pela minha idade 43 anos e ela
39 anos. Somos irmãos de sangue e també iniciei ela em sexo com outros parceiros
sexuais. Ela às vezes diz que tem muito tesão em pensar em mim como marido, tentei de tudo para distraí-la, mas não adianta, o que eu faço?”

- Anônimo

Confesso que jamais pensei que receberia uma dúvida como esta. Mas ela dá ensejos a diversos assuntos, ao contrário de 80% das que recebo, cujas respostas estão aí pelos meus artigos, e em duas linhas.

Não vou entrar em aspectos morais e religiosos da sua relação com sua mana, pois são extremamente relativos e cada cabeça é uma sentença.

Aos que ficaram chocados…

Existe um histórico de relações incestuosas e consangüíneas entre os monarcas da Europa Medieval (isso mesmo, na época da Inquisição e tudo), visando manter determinada linhagem. Contraditoriamente, quando convinha obter o divórcio, era justamente feito alegando-se consangüinidade para obter tal anulação. Coisas de uma época de trevas.

anais-nin

Ainda chocado? Procure por alguns livros da autora Anaïs Nin

Também é estimado que 55% dos casamentos entre imigrantes paquistaneses na Grã-Bretanha sejam entre primos. Outro povo que apresenta consangüinidade elevada são os judeus asquenazi. Guardem esse nome, pois voltarei a eles mais abaixo.

Perdão, esqueci de explicar o que significa consangüinidade:

Na verdade o termo se refere ao fato de ter a mesma “linhagem” sanguínea de outra pessoa. O sentido de consangüinidade foi um tanto ampliado devido a aspectos legais e genéticos, dos quais falo a seguir, quanto às conseqüências de parentes terem relacionamentos entre si.

Aspectos legais

Em geral, casamentos entre parentes são proibidos legalmente. O grau de parentesco envolvido varia. No Brasil, apesar do repúdio da população, a relação sexual incestuosa, desde que entre maiores de idade, capazes de exercer todos os seus direitos, e que consentida sem nenhum tipo de coação ou fraude, não é passível de punição criminal.

Já o casamento civil é totalmente proibido. Apesar disso, se entre tio/tia com sobrinha/sobrinho, mediante apresentação de exame médico atestando saúde de ambos e de possível prole, é permitido. Apesar da proibição, filhos de uma relação incestuosa possuem todos os direitos de qualquer cidadão.

Aspectos genéticos

Ao contrário do que muitos poderiam crer, não é tiro certo que um filho de relação entre irmãos será doente. Mas em relação à população geral, a chance dessa criança ter tal doença é MUITO maior.

A chave para elucidar o problema são os chamados genes autossômicos recessivos. Que bicho é esse?

Todo mundo aqui deve lembrar da genética dos olhos azuis/verdes. Para uma pessoa ter olhos azuis ou verdes, é preciso que os genes que controlam esta característica sejam duplicados, ou seja, o gene que vem do pai seja da mesma espécie que vem da mãe. Se vierem “diferentes” (a grosso modo), a presença de um outro gene fará com que a pessoa se manifeste com os olhos castanhos, mesmo tendo um gene de olhos azuis/verdes.

Por isso, este gene dos olhos castanhos é chamado de DOMINANTE, e o dos azuis/verdes de RECESSIVO. Em resumo: A característica manifestada pelo gene recessivo só acontece na ausência de um gene dominante.

O que tem a consangüinidade com isso?

A relação consangüínea reduz a variabilidade genética. Havendo a presença de um gene autossômico recessivo no pool genético da família, a chance que o fruto da relação receba este gene tanto do pai quanto da mãe (leia-se, manifeste a doença) é MUITO maior que na população geral, ou que se fosse fruto de uma relação com pessoa de “outra genética”. Estima-se que a chance do descendente ter problemas de saúde é de 25%, número altíssimo, uma chance em quatro. E isto para o caso de primos em 1º grau, que dirá, então, no caso de irmãos.

incesto

Reconstituição de uma cena virtual de incesto entre duas irmãs feita nos laboratórios de ponta da PdH

Um bom exemplo disto é o caso de uma doença neurológica chamada doença de Tay-Sachs. Crianças com Tay-Sachs aparentam desenvolver-se normalmente nos primeiros meses de vida. Depois, com a distensão de células nervosas com material adiposo, há uma severa deterioração das habilidades mentais e físicas. A criança torna-se cega, surda e incapaz de engolir. Os músculos começam a atrofiar e ocorre a paralisia. Outros sintomas neurológicos incluem demência, convulsões e crescentes “reflexos de susto” a barulhos.

A doença torna-se fatal normalmente na faixa de 3 a 5 anos. Uma forma da doença muito mais rara ocorre em pacientes entre 20 e 30 anos e é caracterizada por andar inconstante e deterioração neurológica progressiva.

A doença de Tay-Sachs advém de uma herança autossômica recessiva. Na população geral, a presença de tal gene se dá em 1 a cada 250 pessoas, porém nos já citados judeus asquenazim, o gene recessivo é encontrado em 1 a cada 25 pessoas. Se ocorrer heterozigotia (há um gene dominante), a doença não se manifesta e assim podemos deduzir que a incidência da doença de Tay-Sachs entre a população de judeus asquenazim (que sabidamente têm o costume de gerar descendência entre eles mesmos, ou seja, há a consanguinidade em algum grau) é muito maior que na população geral.

Voltando ao caso do leitor

Além de tudo isto, ainda existe um fator ainda mais complicante, a idade reprodutora avançada de ambos. Nem tanto no caso do leitor, pois a renovação de espermatozóides é constante, o que reduz o risco de mutações deletérias, mas principalmente da irmã dele. A mulher já nasce com todos os óvulos que produzirá durante a vida, portanto, a célula, quanto mais tempo permanece no organismo, mas sujeita estará a mutações que podem gerar descendentes defeituosos.

Acima dos 35 anos, é sabido que uma gravidez tem maiores índices de morbidade e mortalidade tanto para a mãe, quanto para a criança, e um dos motivos é justamente o aumento do risco de mutações dos óvulos.

Concluindo

Caro leitor, se você e sua irmã vão viver maritalmente, não cabe a mim nem a ninguém julgar tal fato, vocês são maiores de idade e responsáveis. Porém, a decisão de ter filhos no seu caso é complexa e diria pouco recomendável.

Poderia te orientar a pedir aconselhamento de um geneticista, mas pelos motivos que aqui expus, creio que a resposta dele será muito semelhante à minha. A primeira filha de vocês nasceu linda e perfeita mas desta vez pode não ser o caso.

Dr Health, em momento nostálgico de quando arrancava risos dos colegas de turma no 2º período da faculdade, durante a aula de genética, ao imitar o professor falando da doença de Tay-Sachs. Good times!

Mauricio Garcia

Flamenguista ortodoxo, toca bateria e ama cerveja e mulher (nessa ordem). Nas horas vagas, é médico e o nosso grande Dr. Health.


Outros artigos escritos por


SEPARAMOS MAIS TEXTOS PARA VOCÊ CONTINUAR LENDO




O texto acima não representa a opinião do PapodeHomem. Conheça a visão e a essência por trás do que fazemos. Queremos uma discussão de alto nível. Antes de comentar, leia nossas boas práticas. Caso deseje enviar um texto e se tornar um autor, venha por aqui.


  • http://thycurse.spaces.live.com/blog Maldito

    Já que ninguém comentou ainda… vamos lá…

    Legal a iniciativa do cara em assumir que curte a irmã (curtir em outro sentido huahuauha) e procurar saber mais quanto a ter filhos…

    Como eu sempre digo: moral é só uma coisa que um cara achava bonito e imoral é o que ele achava feio… Tudo o que ele fez foi fazer todo mundo acreditar que o que era moral para ele era certo…

    Se ninguém entende vocês, foda-se todo mundo! Meta a cara e seja feliz…

  • http://thycurse.spaces.live.com/blog Maldito

    Já que ninguém comentou ainda… vamos lá…

    Legal a iniciativa do cara em assumir que curte a irmã (curtir em outro sentido huahuauha) e procurar saber mais quanto a ter filhos…

    Como eu sempre digo: moral é só uma coisa que um cara achava bonito e imoral é o que ele achava feio… Tudo o que ele fez foi fazer todo mundo acreditar que o que era moral para ele era certo…

    Se ninguém entende vocês, foda-se todo mundo! Meta a cara e seja feliz…

  • http://thycurse.spaces.live.com/blog Maldito

    Já que ninguém comentou ainda… vamos lá…

    Legal a iniciativa do cara em assumir que curte a irmã (curtir em outro sentido huahuauha) e procurar saber mais quanto a ter filhos…

    Como eu sempre digo: moral é só uma coisa que um cara achava bonito e imoral é o que ele achava feio… Tudo o que ele fez foi fazer todo mundo acreditar que o que era moral para ele era certo…

    Se ninguém entende vocês, foda-se todo mundo! Meta a cara e seja feliz…

  • http://thycurse.spaces.live.com/blog Maldito

    Já que ninguém comentou ainda… vamos lá…

    Legal a iniciativa do cara em assumir que curte a irmã (curtir em outro sentido huahuauha) e procurar saber mais quanto a ter filhos…

    Como eu sempre digo: moral é só uma coisa que um cara achava bonito e imoral é o que ele achava feio… Tudo o que ele fez foi fazer todo mundo acreditar que o que era moral para ele era certo…

    Se ninguém entende vocês, foda-se todo mundo! Meta a cara e seja feliz…

  • http://thycurse.spaces.live.com/blog Maldito

    Já que ninguém comentou ainda… vamos lá…

    Legal a iniciativa do cara em assumir que curte a irmã (curtir em outro sentido huahuauha) e procurar saber mais quanto a ter filhos…

    Como eu sempre digo: moral é só uma coisa que um cara achava bonito e imoral é o que ele achava feio… Tudo o que ele fez foi fazer todo mundo acreditar que o que era moral para ele era certo…

    Se ninguém entende vocês, foda-se todo mundo! Meta a cara e seja feliz…

  • http://thycurse.spaces.live.com/blog Maldito

    Já que ninguém comentou ainda… vamos lá…

    Legal a iniciativa do cara em assumir que curte a irmã (curtir em outro sentido huahuauha) e procurar saber mais quanto a ter filhos…

    Como eu sempre digo: moral é só uma coisa que um cara achava bonito e imoral é o que ele achava feio… Tudo o que ele fez foi fazer todo mundo acreditar que o que era moral para ele era certo…

    Se ninguém entende vocês, foda-se todo mundo! Meta a cara e seja feliz…

  • http://thycurse.spaces.live.com/blog Maldito

    Já que ninguém comentou ainda… vamos lá…

    Legal a iniciativa do cara em assumir que curte a irmã (curtir em outro sentido huahuauha) e procurar saber mais quanto a ter filhos…

    Como eu sempre digo: moral é só uma coisa que um cara achava bonito e imoral é o que ele achava feio… Tudo o que ele fez foi fazer todo mundo acreditar que o que era moral para ele era certo…

    Se ninguém entende vocês, foda-se todo mundo! Meta a cara e seja feliz…

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Conheço meia dúzia de casais parentes em primeiro grau (maioria primos).
    Destes, pude ver 2 casos de prole com doenças genéticas, infelizmente, incapacitantes e/ou incompatíveis com a vida.
    Na minha humilde opinião é uma roleta russa. Ainda bem que o tiro não saiu (pela culatra) dessa vez.
    Adotar traria tanta felicidade quanto um novo bebê e beneficiaria um terceiro ser humano… MHO!

    =*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Conheço meia dúzia de casais parentes em primeiro grau (maioria primos).
    Destes, pude ver 2 casos de prole com doenças genéticas, infelizmente, incapacitantes e/ou incompatíveis com a vida.
    Na minha humilde opinião é uma roleta russa. Ainda bem que o tiro não saiu (pela culatra) dessa vez.
    Adotar traria tanta felicidade quanto um novo bebê e beneficiaria um terceiro ser humano… MHO!

    =*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Conheço meia dúzia de casais parentes em primeiro grau (maioria primos).
    Destes, pude ver 2 casos de prole com doenças genéticas, infelizmente, incapacitantes e/ou incompatíveis com a vida.
    Na minha humilde opinião é uma roleta russa. Ainda bem que o tiro não saiu (pela culatra) dessa vez.
    Adotar traria tanta felicidade quanto um novo bebê e beneficiaria um terceiro ser humano… MHO!

    =*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Conheço meia dúzia de casais parentes em primeiro grau (maioria primos).
    Destes, pude ver 2 casos de prole com doenças genéticas, infelizmente, incapacitantes e/ou incompatíveis com a vida.
    Na minha humilde opinião é uma roleta russa. Ainda bem que o tiro não saiu (pela culatra) dessa vez.
    Adotar traria tanta felicidade quanto um novo bebê e beneficiaria um terceiro ser humano… MHO!

    =*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Conheço meia dúzia de casais parentes em primeiro grau (maioria primos).
    Destes, pude ver 2 casos de prole com doenças genéticas, infelizmente, incapacitantes e/ou incompatíveis com a vida.
    Na minha humilde opinião é uma roleta russa. Ainda bem que o tiro não saiu (pela culatra) dessa vez.
    Adotar traria tanta felicidade quanto um novo bebê e beneficiaria um terceiro ser humano… MHO!

    =*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Conheço meia dúzia de casais parentes em primeiro grau (maioria primos).
    Destes, pude ver 2 casos de prole com doenças genéticas, infelizmente, incapacitantes e/ou incompatíveis com a vida.
    Na minha humilde opinião é uma roleta russa. Ainda bem que o tiro não saiu (pela culatra) dessa vez.
    Adotar traria tanta felicidade quanto um novo bebê e beneficiaria um terceiro ser humano… MHO!

    =*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com Carla

    Conheço meia dúzia de casais parentes em primeiro grau (maioria primos).
    Destes, pude ver 2 casos de prole com doenças genéticas, infelizmente, incapacitantes e/ou incompatíveis com a vida.
    Na minha humilde opinião é uma roleta russa. Ainda bem que o tiro não saiu (pela culatra) dessa vez.
    Adotar traria tanta felicidade quanto um novo bebê e beneficiaria um terceiro ser humano… MHO!

    =*

  • http://dmarcell.blogspot.com/ Diego Marcell²

    Só digo uma coisa, foram sortudos em terem uma filha linda e perfeita, mesmo sabendo que isso possa mudar daqui pra frente.

  • http://dmarcell.blogspot.com/ Diego Marcell²

    Só digo uma coisa, foram sortudos em terem uma filha linda e perfeita, mesmo sabendo que isso possa mudar daqui pra frente.

  • http://dmarcell.blogspot.com/ Diego Marcell²

    Só digo uma coisa, foram sortudos em terem uma filha linda e perfeita, mesmo sabendo que isso possa mudar daqui pra frente.

  • http://dmarcell.blogspot.com/ Diego Marcell²

    Só digo uma coisa, foram sortudos em terem uma filha linda e perfeita, mesmo sabendo que isso possa mudar daqui pra frente.

  • http://dmarcell.blogspot.com/ Diego Marcell²

    Só digo uma coisa, foram sortudos em terem uma filha linda e perfeita, mesmo sabendo que isso possa mudar daqui pra frente.

  • http://dmarcell.blogspot.com/ Diego Marcell²

    Só digo uma coisa, foram sortudos em terem uma filha linda e perfeita, mesmo sabendo que isso possa mudar daqui pra frente.

  • http://dmarcell.blogspot.com/ Diego Marcell²

    Só digo uma coisa, foram sortudos em terem uma filha linda e perfeita, mesmo sabendo que isso possa mudar daqui pra frente.

  • http://dmarcell.blogspot.com Diego Marcell²

    Só digo uma coisa, foram sortudos em terem uma filha linda e perfeita, mesmo sabendo que isso possa mudar daqui pra frente.

  • Pedro Hecht

    Dando um show de sabedoria…
    Já que vc não saca nada de futebol americano e nem futebol “normal”!
    uhsahusahusahusauhshusahusahusauhsa
    Bom eu infelismente tive duas tias incopetentes…
    Uma não teve filhos e a outra teve dois…!

  • Pedro Hecht

    Dando um show de sabedoria…
    Já que vc não saca nada de futebol americano e nem futebol “normal”!
    uhsahusahusahusauhshusahusahusauhsa
    Bom eu infelismente tive duas tias incopetentes…
    Uma não teve filhos e a outra teve dois…!

  • Pedro Hecht

    Dando um show de sabedoria…
    Já que vc não saca nada de futebol americano e nem futebol “normal”!
    uhsahusahusahusauhshusahusahusauhsa
    Bom eu infelismente tive duas tias incopetentes…
    Uma não teve filhos e a outra teve dois…!

  • Pedro Hecht

    Dando um show de sabedoria…
    Já que vc não saca nada de futebol americano e nem futebol “normal”!
    uhsahusahusahusauhshusahusahusauhsa
    Bom eu infelismente tive duas tias incopetentes…
    Uma não teve filhos e a outra teve dois…!

  • Pedro Hecht

    Dando um show de sabedoria…
    Já que vc não saca nada de futebol americano e nem futebol “normal”!
    uhsahusahusahusauhshusahusahusauhsa
    Bom eu infelismente tive duas tias incopetentes…
    Uma não teve filhos e a outra teve dois…!

  • Pedro Hecht

    Dando um show de sabedoria…
    Já que vc não saca nada de futebol americano e nem futebol “normal”!
    uhsahusahusahusauhshusahusahusauhsa
    Bom eu infelismente tive duas tias incopetentes…
    Uma não teve filhos e a outra teve dois…!

  • Pedro Hecht

    Dando um show de sabedoria…
    Já que vc não saca nada de futebol americano e nem futebol “normal”!
    uhsahusahusahusauhshusahusahusauhsa
    Bom eu infelismente tive duas tias incopetentes…
    Uma não teve filhos e a outra teve dois…!

  • Pedro Hecht

    Dando um show de sabedoria…
    Já que vc não saca nada de futebol americano e nem futebol “normal”!
    uhsahusahusahusauhshusahusahusauhsa
    Bom eu infelismente tive duas tias incopetentes…
    Uma não teve filhos e a outra teve dois…!

  • http://repxiguela.blogspot.com/ Erik

    nunca peguei irmã (pelo menos não a minha), mas prima é outra história…

  • http://repxiguela.blogspot.com/ Erik

    nunca peguei irmã (pelo menos não a minha), mas prima é outra história…

  • http://repxiguela.blogspot.com/ Erik

    nunca peguei irmã (pelo menos não a minha), mas prima é outra história…

  • http://repxiguela.blogspot.com/ Erik

    nunca peguei irmã (pelo menos não a minha), mas prima é outra história…

  • http://repxiguela.blogspot.com/ Erik

    nunca peguei irmã (pelo menos não a minha), mas prima é outra história…

  • http://repxiguela.blogspot.com/ Erik

    nunca peguei irmã (pelo menos não a minha), mas prima é outra história…

  • http://repxiguela.blogspot.com Erik

    nunca peguei irmã (pelo menos não a minha), mas prima é outra história…

  • Ava.

    oque tu faz???francamente…sò deus nas suas vidas…sò ele è capaz de medir o tamanho do desastre q isso pode acarretar em suas vidas.
    Fiquei chocada..não pelo ato em sim+sim..pelo fato de vc ainda pensar na probabilidade de engravidar a sua mana. Meu amigo…não dê trelas a sua irmã,não faça oq ela quer…vcs nem deveriam pensar em tar fazendo filhos com essa idades que ambos têm!!!continuem..transando ,se è isso q os satisfazem,se es isso q vcs querem,se es isso q os completam…+não sejam responsaveis por+um ato insano como trazer a vida, uma criança que certamente vira com problemas.NÃO VOU AQUI CENSURA-LOS…QUEM NESTA VIDA ESTA CERTO DE SUAS CONVICCOES??????PODIA INUMERAR VARIOS FATORES Q PODEM TER DESENCADIADO ESSE INCESTOS COM A SUA MANAZINHA+Ñ VOU O FAZÊ-LO,SÒ ACHO Q AS SUAS ATITULDES VÃO MASCARAR GRANDES CONSEQUENCIAS.
    COMO DISSE NO INICIO…SÒ DEUS SABE..E NOS NADA SABEMOS.(NÃO ES PAPO DE EVANGELICO)POIS NEM EVANGELICA ,EU SOU.

    ENTÃO TA BOM…E PENSEM,SE È QUE VCS TEM ESSE DOM.

    BJOSSS…DE AVA.

  • Ava.

    oque tu faz???francamente…sò deus nas suas vidas…sò ele è capaz de medir o tamanho do desastre q isso pode acarretar em suas vidas.
    Fiquei chocada..não pelo ato em sim+sim..pelo fato de vc ainda pensar na probabilidade de engravidar a sua mana. Meu amigo…não dê trelas a sua irmã,não faça oq ela quer…vcs nem deveriam pensar em tar fazendo filhos com essa idades que ambos têm!!!continuem..transando ,se è isso q os satisfazem,se es isso q vcs querem,se es isso q os completam…+não sejam responsaveis por+um ato insano como trazer a vida, uma criança que certamente vira com problemas.NÃO VOU AQUI CENSURA-LOS…QUEM NESTA VIDA ESTA CERTO DE SUAS CONVICCOES??????PODIA INUMERAR VARIOS FATORES Q PODEM TER DESENCADIADO ESSE INCESTOS COM A SUA MANAZINHA+Ñ VOU O FAZÊ-LO,SÒ ACHO Q AS SUAS ATITULDES VÃO MASCARAR GRANDES CONSEQUENCIAS.
    COMO DISSE NO INICIO…SÒ DEUS SABE..E NOS NADA SABEMOS.(NÃO ES PAPO DE EVANGELICO)POIS NEM EVANGELICA ,EU SOU.

    ENTÃO TA BOM…E PENSEM,SE È QUE VCS TEM ESSE DOM.

    BJOSSS…DE AVA.

  • Ava.

    oque tu faz???francamente…sò deus nas suas vidas…sò ele è capaz de medir o tamanho do desastre q isso pode acarretar em suas vidas.
    Fiquei chocada..não pelo ato em sim+sim..pelo fato de vc ainda pensar na probabilidade de engravidar a sua mana. Meu amigo…não dê trelas a sua irmã,não faça oq ela quer…vcs nem deveriam pensar em tar fazendo filhos com essa idades que ambos têm!!!continuem..transando ,se è isso q os satisfazem,se es isso q vcs querem,se es isso q os completam…+não sejam responsaveis por+um ato insano como trazer a vida, uma criança que certamente vira com problemas.NÃO VOU AQUI CENSURA-LOS…QUEM NESTA VIDA ESTA CERTO DE SUAS CONVICCOES??????PODIA INUMERAR VARIOS FATORES Q PODEM TER DESENCADIADO ESSE INCESTOS COM A SUA MANAZINHA+Ñ VOU O FAZÊ-LO,SÒ ACHO Q AS SUAS ATITULDES VÃO MASCARAR GRANDES CONSEQUENCIAS.
    COMO DISSE NO INICIO…SÒ DEUS SABE..E NOS NADA SABEMOS.(NÃO ES PAPO DE EVANGELICO)POIS NEM EVANGELICA ,EU SOU.

    ENTÃO TA BOM…E PENSEM,SE È QUE VCS TEM ESSE DOM.

    BJOSSS…DE AVA.

  • Ava.

    oque tu faz???francamente…sò deus nas suas vidas…sò ele è capaz de medir o tamanho do desastre q isso pode acarretar em suas vidas.
    Fiquei chocada..não pelo ato em sim+sim..pelo fato de vc ainda pensar na probabilidade de engravidar a sua mana. Meu amigo…não dê trelas a sua irmã,não faça oq ela quer…vcs nem deveriam pensar em tar fazendo filhos com essa idades que ambos têm!!!continuem..transando ,se è isso q os satisfazem,se es isso q vcs querem,se es isso q os completam…+não sejam responsaveis por+um ato insano como trazer a vida, uma criança que certamente vira com problemas.NÃO VOU AQUI CENSURA-LOS…QUEM NESTA VIDA ESTA CERTO DE SUAS CONVICCOES??????PODIA INUMERAR VARIOS FATORES Q PODEM TER DESENCADIADO ESSE INCESTOS COM A SUA MANAZINHA+Ñ VOU O FAZÊ-LO,SÒ ACHO Q AS SUAS ATITULDES VÃO MASCARAR GRANDES CONSEQUENCIAS.
    COMO DISSE NO INICIO…SÒ DEUS SABE..E NOS NADA SABEMOS.(NÃO ES PAPO DE EVANGELICO)POIS NEM EVANGELICA ,EU SOU.

    ENTÃO TA BOM…E PENSEM,SE È QUE VCS TEM ESSE DOM.

    BJOSSS…DE AVA.

  • Ava.

    oque tu faz???francamente…sò deus nas suas vidas…sò ele è capaz de medir o tamanho do desastre q isso pode acarretar em suas vidas.
    Fiquei chocada..não pelo ato em sim+sim..pelo fato de vc ainda pensar na probabilidade de engravidar a sua mana. Meu amigo…não dê trelas a sua irmã,não faça oq ela quer…vcs nem deveriam pensar em tar fazendo filhos com essa idades que ambos têm!!!continuem..transando ,se è isso q os satisfazem,se es isso q vcs querem,se es isso q os completam…+não sejam responsaveis por+um ato insano como trazer a vida, uma criança que certamente vira com problemas.NÃO VOU AQUI CENSURA-LOS…QUEM NESTA VIDA ESTA CERTO DE SUAS CONVICCOES??????PODIA INUMERAR VARIOS FATORES Q PODEM TER DESENCADIADO ESSE INCESTOS COM A SUA MANAZINHA+Ñ VOU O FAZÊ-LO,SÒ ACHO Q AS SUAS ATITULDES VÃO MASCARAR GRANDES CONSEQUENCIAS.
    COMO DISSE NO INICIO…SÒ DEUS SABE..E NOS NADA SABEMOS.(NÃO ES PAPO DE EVANGELICO)POIS NEM EVANGELICA ,EU SOU.

    ENTÃO TA BOM…E PENSEM,SE È QUE VCS TEM ESSE DOM.

    BJOSSS…DE AVA.

  • Ava.

    oque tu faz???francamente…sò deus nas suas vidas…sò ele è capaz de medir o tamanho do desastre q isso pode acarretar em suas vidas.
    Fiquei chocada..não pelo ato em sim+sim..pelo fato de vc ainda pensar na probabilidade de engravidar a sua mana. Meu amigo…não dê trelas a sua irmã,não faça oq ela quer…vcs nem deveriam pensar em tar fazendo filhos com essa idades que ambos têm!!!continuem..transando ,se è isso q os satisfazem,se es isso q vcs querem,se es isso q os completam…+não sejam responsaveis por+um ato insano como trazer a vida, uma criança que certamente vira com problemas.NÃO VOU AQUI CENSURA-LOS…QUEM NESTA VIDA ESTA CERTO DE SUAS CONVICCOES??????PODIA INUMERAR VARIOS FATORES Q PODEM TER DESENCADIADO ESSE INCESTOS COM A SUA MANAZINHA+Ñ VOU O FAZÊ-LO,SÒ ACHO Q AS SUAS ATITULDES VÃO MASCARAR GRANDES CONSEQUENCIAS.
    COMO DISSE NO INICIO…SÒ DEUS SABE..E NOS NADA SABEMOS.(NÃO ES PAPO DE EVANGELICO)POIS NEM EVANGELICA ,EU SOU.

    ENTÃO TA BOM…E PENSEM,SE È QUE VCS TEM ESSE DOM.

    BJOSSS…DE AVA.

  • Ava.

    oque tu faz???francamente…sò deus nas suas vidas…sò ele è capaz de medir o tamanho do desastre q isso pode acarretar em suas vidas.
    Fiquei chocada..não pelo ato em sim+sim..pelo fato de vc ainda pensar na probabilidade de engravidar a sua mana. Meu amigo…não dê trelas a sua irmã,não faça oq ela quer…vcs nem deveriam pensar em tar fazendo filhos com essa idades que ambos têm!!!continuem..transando ,se è isso q os satisfazem,se es isso q vcs querem,se es isso q os completam…+não sejam responsaveis por+um ato insano como trazer a vida, uma criança que certamente vira com problemas.NÃO VOU AQUI CENSURA-LOS…QUEM NESTA VIDA ESTA CERTO DE SUAS CONVICCOES??????PODIA INUMERAR VARIOS FATORES Q PODEM TER DESENCADIADO ESSE INCESTOS COM A SUA MANAZINHA+Ñ VOU O FAZÊ-LO,SÒ ACHO Q AS SUAS ATITULDES VÃO MASCARAR GRANDES CONSEQUENCIAS.
    COMO DISSE NO INICIO…SÒ DEUS SABE..E NOS NADA SABEMOS.(NÃO ES PAPO DE EVANGELICO)POIS NEM EVANGELICA ,EU SOU.

    ENTÃO TA BOM…E PENSEM,SE È QUE VCS TEM ESSE DOM.

    BJOSSS…DE AVA.

  • Ava.

    oque tu faz???francamente…sò deus nas suas vidas…sò ele è capaz de medir o tamanho do desastre q isso pode acarretar em suas vidas.
    Fiquei chocada..não pelo ato em sim+sim..pelo fato de vc ainda pensar na probabilidade de engravidar a sua mana. Meu amigo…não dê trelas a sua irmã,não faça oq ela quer…vcs nem deveriam pensar em tar fazendo filhos com essa idades que ambos têm!!!continuem..transando ,se è isso q os satisfazem,se es isso q vcs querem,se es isso q os completam…+não sejam responsaveis por+um ato insano como trazer a vida, uma criança que certamente vira com problemas.NÃO VOU AQUI CENSURA-LOS…QUEM NESTA VIDA ESTA CERTO DE SUAS CONVICCOES??????PODIA INUMERAR VARIOS FATORES Q PODEM TER DESENCADIADO ESSE INCESTOS COM A SUA MANAZINHA+Ñ VOU O FAZÊ-LO,SÒ ACHO Q AS SUAS ATITULDES VÃO MASCARAR GRANDES CONSEQUENCIAS.
    COMO DISSE NO INICIO…SÒ DEUS SABE..E NOS NADA SABEMOS.(NÃO ES PAPO DE EVANGELICO)POIS NEM EVANGELICA ,EU SOU.

    ENTÃO TA BOM…E PENSEM,SE È QUE VCS TEM ESSE DOM.

    BJOSSS…DE AVA.

  • Ava.

    oque tu faz???francamente…sò deus nas suas vidas…sò ele è capaz de medir o tamanho do desastre q isso pode acarretar em suas vidas.
    Fiquei chocada..não pelo ato em sim+sim..pelo fato de vc ainda pensar na probabilidade de engravidar a sua mana. Meu amigo…não dê trelas a sua irmã,não faça oq ela quer…vcs nem deveriam pensar em tar fazendo filhos com essa idades que ambos têm!!!continuem..transando ,se è isso q os satisfazem,se es isso q vcs querem,se es isso q os completam…+não sejam responsaveis por+um ato insano como trazer a vida, uma criança que certamente vira com problemas.NÃO VOU AQUI CENSURA-LOS…QUEM NESTA VIDA ESTA CERTO DE SUAS CONVICCOES??????PODIA INUMERAR VARIOS FATORES Q PODEM TER DESENCADIADO ESSE INCESTOS COM A SUA MANAZINHA+Ñ VOU O FAZÊ-LO,SÒ ACHO Q AS SUAS ATITULDES VÃO MASCARAR GRANDES CONSEQUENCIAS.
    COMO DISSE NO INICIO…SÒ DEUS SABE..E NOS NADA SABEMOS.(NÃO ES PAPO DE EVANGELICO)POIS NEM EVANGELICA ,EU SOU.

    ENTÃO TA BOM…E PENSEM,SE È QUE VCS TEM ESSE DOM.

    BJOSSS…DE AVA.

  • Ava.

    oque tu faz???francamente…sò deus nas suas vidas…sò ele è capaz de medir o tamanho do desastre q isso pode acarretar em suas vidas.
    Fiquei chocada..não pelo ato em sim+sim..pelo fato de vc ainda pensar na probabilidade de engravidar a sua mana. Meu amigo…não dê trelas a sua irmã,não faça oq ela quer…vcs nem deveriam pensar em tar fazendo filhos com essa idades que ambos têm!!!continuem..transando ,se è isso q os satisfazem,se es isso q vcs querem,se es isso q os completam…+não sejam responsaveis por+um ato insano como trazer a vida, uma criança que certamente vira com problemas.NÃO VOU AQUI CENSURA-LOS…QUEM NESTA VIDA ESTA CERTO DE SUAS CONVICCOES??????PODIA INUMERAR VARIOS FATORES Q PODEM TER DESENCADIADO ESSE INCESTOS COM A SUA MANAZINHA+Ñ VOU O FAZÊ-LO,SÒ ACHO Q AS SUAS ATITULDES VÃO MASCARAR GRANDES CONSEQUENCIAS.
    COMO DISSE NO INICIO…SÒ DEUS SABE..E NOS NADA SABEMOS.(NÃO ES PAPO DE EVANGELICO)POIS NEM EVANGELICA ,EU SOU.

    ENTÃO TA BOM…E PENSEM,SE È QUE VCS TEM ESSE DOM.

    BJOSSS…DE AVA.

  • Ava.

    oque tu faz???francamente…sò deus nas suas vidas…sò ele è capaz de medir o tamanho do desastre q isso pode acarretar em suas vidas.
    Fiquei chocada..não pelo ato em sim+sim..pelo fato de vc ainda pensar na probabilidade de engravidar a sua mana. Meu amigo…não dê trelas a sua irmã,não faça oq ela quer…vcs nem deveriam pensar em tar fazendo filhos com essa idades que ambos têm!!!continuem..transando ,se è isso q os satisfazem,se es isso q vcs querem,se es isso q os completam…+não sejam responsaveis por+um ato insano como trazer a vida, uma criança que certamente vira com problemas.NÃO VOU AQUI CENSURA-LOS…QUEM NESTA VIDA ESTA CERTO DE SUAS CONVICCOES??????PODIA INUMERAR VARIOS FATORES Q PODEM TER DESENCADIADO ESSE INCESTOS COM A SUA MANAZINHA+Ñ VOU O FAZÊ-LO,SÒ ACHO Q AS SUAS ATITULDES VÃO MASCARAR GRANDES CONSEQUENCIAS.
    COMO DISSE NO INICIO…SÒ DEUS SABE..E NOS NADA SABEMOS.(NÃO ES PAPO DE EVANGELICO)POIS NEM EVANGELICA ,EU SOU.

    ENTÃO TA BOM…E PENSEM,SE È QUE VCS TEM ESSE DOM.

    BJOSSS…DE AVA.

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    / desligar o capslock faz bem, obrigado.

    A primeira coisa que me veio na cabeça foi: “MA-LU-CO”

    Não digo por pegar a irmã. Isso para mim é problema dele. Digo dos filhos mesmo. Estudei por alto sobre a herança genética, e descobri que relações consangüineas tem maiores chances de desenvolver doenças genéticas e blablabla

    Vou porém a dois itens:
    1)A mãe da filha dele é ao mesmo tempo a tia? Caralho, batima!

    2)doutor, isso da herança genética vale também para características físicas e psicológicas?

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    / desligar o capslock faz bem, obrigado.

    A primeira coisa que me veio na cabeça foi: “MA-LU-CO”

    Não digo por pegar a irmã. Isso para mim é problema dele. Digo dos filhos mesmo. Estudei por alto sobre a herança genética, e descobri que relações consangüineas tem maiores chances de desenvolver doenças genéticas e blablabla

    Vou porém a dois itens:
    1)A mãe da filha dele é ao mesmo tempo a tia? Caralho, batima!

    2)doutor, isso da herança genética vale também para características físicas e psicológicas?

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    / desligar o capslock faz bem, obrigado.

    A primeira coisa que me veio na cabeça foi: “MA-LU-CO”

    Não digo por pegar a irmã. Isso para mim é problema dele. Digo dos filhos mesmo. Estudei por alto sobre a herança genética, e descobri que relações consangüineas tem maiores chances de desenvolver doenças genéticas e blablabla

    Vou porém a dois itens:
    1)A mãe da filha dele é ao mesmo tempo a tia? Caralho, batima!

    2)doutor, isso da herança genética vale também para características físicas e psicológicas?

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    / desligar o capslock faz bem, obrigado.

    A primeira coisa que me veio na cabeça foi: “MA-LU-CO”

    Não digo por pegar a irmã. Isso para mim é problema dele. Digo dos filhos mesmo. Estudei por alto sobre a herança genética, e descobri que relações consangüineas tem maiores chances de desenvolver doenças genéticas e blablabla

    Vou porém a dois itens:
    1)A mãe da filha dele é ao mesmo tempo a tia? Caralho, batima!

    2)doutor, isso da herança genética vale também para características físicas e psicológicas?

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    / desligar o capslock faz bem, obrigado.

    A primeira coisa que me veio na cabeça foi: “MA-LU-CO”

    Não digo por pegar a irmã. Isso para mim é problema dele. Digo dos filhos mesmo. Estudei por alto sobre a herança genética, e descobri que relações consangüineas tem maiores chances de desenvolver doenças genéticas e blablabla

    Vou porém a dois itens:
    1)A mãe da filha dele é ao mesmo tempo a tia? Caralho, batima!

    2)doutor, isso da herança genética vale também para características físicas e psicológicas?

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    / desligar o capslock faz bem, obrigado.

    A primeira coisa que me veio na cabeça foi: “MA-LU-CO”

    Não digo por pegar a irmã. Isso para mim é problema dele. Digo dos filhos mesmo. Estudei por alto sobre a herança genética, e descobri que relações consangüineas tem maiores chances de desenvolver doenças genéticas e blablabla

    Vou porém a dois itens:
    1)A mãe da filha dele é ao mesmo tempo a tia? Caralho, batima!

    2)doutor, isso da herança genética vale também para características físicas e psicológicas?

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    / desligar o capslock faz bem, obrigado.

    A primeira coisa que me veio na cabeça foi: “MA-LU-CO”

    Não digo por pegar a irmã. Isso para mim é problema dele. Digo dos filhos mesmo. Estudei por alto sobre a herança genética, e descobri que relações consangüineas tem maiores chances de desenvolver doenças genéticas e blablabla

    Vou porém a dois itens:
    1)A mãe da filha dele é ao mesmo tempo a tia? Caralho, batima!

    2)doutor, isso da herança genética vale também para características físicas e psicológicas?

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    / desligar o capslock faz bem, obrigado.

    A primeira coisa que me veio na cabeça foi: “MA-LU-CO”

    Não digo por pegar a irmã. Isso para mim é problema dele. Digo dos filhos mesmo. Estudei por alto sobre a herança genética, e descobri que relações consangüineas tem maiores chances de desenvolver doenças genéticas e blablabla

    Vou porém a dois itens:
    1)A mãe da filha dele é ao mesmo tempo a tia? Caralho, batima!

    2)doutor, isso da herança genética vale também para características físicas e psicológicas?

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    / desligar o capslock faz bem, obrigado.

    A primeira coisa que me veio na cabeça foi: “MA-LU-CO”

    Não digo por pegar a irmã. Isso para mim é problema dele. Digo dos filhos mesmo. Estudei por alto sobre a herança genética, e descobri que relações consangüineas tem maiores chances de desenvolver doenças genéticas e blablabla

    Vou porém a dois itens:
    1)A mãe da filha dele é ao mesmo tempo a tia? Caralho, batima!

    2)doutor, isso da herança genética vale também para características físicas e psicológicas?

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    / desligar o capslock faz bem, obrigado.

    A primeira coisa que me veio na cabeça foi: “MA-LU-CO”

    Não digo por pegar a irmã. Isso para mim é problema dele. Digo dos filhos mesmo. Estudei por alto sobre a herança genética, e descobri que relações consangüineas tem maiores chances de desenvolver doenças genéticas e blablabla

    Vou porém a dois itens:
    1)A mãe da filha dele é ao mesmo tempo a tia? Caralho, batima!

    2)doutor, isso da herança genética vale também para características físicas e psicológicas?

  • http://underlineg.blogspot.com _g

    /\ desligar o capslock faz bem, obrigado.

    A primeira coisa que me veio na cabeça foi: “MA-LU-CO”

    Não digo por pegar a irmã. Isso para mim é problema dele. Digo dos filhos mesmo. Estudei por alto sobre a herança genética, e descobri que relações consangüineas tem maiores chances de desenvolver doenças genéticas e blablabla

    Vou porém a dois itens:
    1)A mãe da filha dele é ao mesmo tempo a tia? Caralho, batima!

    2)doutor, isso da herança genética vale também para características físicas e psicológicas?

  • Fernando

    Cada um faz sua escolha, conhecendo os riscos de seus atos…
    se o cara quer pegar a irmã dele e dah uns pega, ele vai lah con fé…quem sou eu pra criticar ele ou ela.
    A vida eh assim, cada maluco com sua arte; pode ate ser que a criança nasça com problemas fisicos ou mentais e cresça om problemas por ter uma tia/mãe…mais se eles “se gostam” intaum que seja.

  • Fernando

    Cada um faz sua escolha, conhecendo os riscos de seus atos…
    se o cara quer pegar a irmã dele e dah uns pega, ele vai lah con fé…quem sou eu pra criticar ele ou ela.
    A vida eh assim, cada maluco com sua arte; pode ate ser que a criança nasça com problemas fisicos ou mentais e cresça om problemas por ter uma tia/mãe…mais se eles “se gostam” intaum que seja.

  • Fernando

    Cada um faz sua escolha, conhecendo os riscos de seus atos…
    se o cara quer pegar a irmã dele e dah uns pega, ele vai lah con fé…quem sou eu pra criticar ele ou ela.
    A vida eh assim, cada maluco com sua arte; pode ate ser que a criança nasça com problemas fisicos ou mentais e cresça om problemas por ter uma tia/mãe…mais se eles “se gostam” intaum que seja.

  • Fernando

    Cada um faz sua escolha, conhecendo os riscos de seus atos…
    se o cara quer pegar a irmã dele e dah uns pega, ele vai lah con fé…quem sou eu pra criticar ele ou ela.
    A vida eh assim, cada maluco com sua arte; pode ate ser que a criança nasça com problemas fisicos ou mentais e cresça om problemas por ter uma tia/mãe…mais se eles “se gostam” intaum que seja.

  • Fernando

    Cada um faz sua escolha, conhecendo os riscos de seus atos…
    se o cara quer pegar a irmã dele e dah uns pega, ele vai lah con fé…quem sou eu pra criticar ele ou ela.
    A vida eh assim, cada maluco com sua arte; pode ate ser que a criança nasça com problemas fisicos ou mentais e cresça om problemas por ter uma tia/mãe…mais se eles “se gostam” intaum que seja.

  • Fernando

    Cada um faz sua escolha, conhecendo os riscos de seus atos…
    se o cara quer pegar a irmã dele e dah uns pega, ele vai lah con fé…quem sou eu pra criticar ele ou ela.
    A vida eh assim, cada maluco com sua arte; pode ate ser que a criança nasça com problemas fisicos ou mentais e cresça om problemas por ter uma tia/mãe…mais se eles “se gostam” intaum que seja.

  • Fernando

    Cada um faz sua escolha, conhecendo os riscos de seus atos…
    se o cara quer pegar a irmã dele e dah uns pega, ele vai lah con fé…quem sou eu pra criticar ele ou ela.
    A vida eh assim, cada maluco com sua arte; pode ate ser que a criança nasça com problemas fisicos ou mentais e cresça om problemas por ter uma tia/mãe…mais se eles “se gostam” intaum que seja.

  • Fernando

    Cada um faz sua escolha, conhecendo os riscos de seus atos…
    se o cara quer pegar a irmã dele e dah uns pega, ele vai lah con fé…quem sou eu pra criticar ele ou ela.
    A vida eh assim, cada maluco com sua arte; pode ate ser que a criança nasça com problemas fisicos ou mentais e cresça om problemas por ter uma tia/mãe…mais se eles “se gostam” intaum que seja.

  • Fernando

    Cada um faz sua escolha, conhecendo os riscos de seus atos…
    se o cara quer pegar a irmã dele e dah uns pega, ele vai lah con fé…quem sou eu pra criticar ele ou ela.
    A vida eh assim, cada maluco com sua arte; pode ate ser que a criança nasça com problemas fisicos ou mentais e cresça om problemas por ter uma tia/mãe…mais se eles “se gostam” intaum que seja.

  • http://www.espelhando.com.br/ Thiago

    Imagino a educação que tiveram..

    Não estou dizendo isso pejorativamente, mas..

    Com essas idades aí, acho difícil ein!

  • http://www.espelhando.com.br/ Thiago

    Imagino a educação que tiveram..

    Não estou dizendo isso pejorativamente, mas..

    Com essas idades aí, acho difícil ein!

  • http://www.espelhando.com.br/ Thiago

    Imagino a educação que tiveram..

    Não estou dizendo isso pejorativamente, mas..

    Com essas idades aí, acho difícil ein!

  • http://www.espelhando.com.br/ Thiago

    Imagino a educação que tiveram..

    Não estou dizendo isso pejorativamente, mas..

    Com essas idades aí, acho difícil ein!

  • http://www.espelhando.com.br/ Thiago

    Imagino a educação que tiveram..

    Não estou dizendo isso pejorativamente, mas..

    Com essas idades aí, acho difícil ein!

  • http://www.espelhando.com.br/ Thiago

    Imagino a educação que tiveram..

    Não estou dizendo isso pejorativamente, mas..

    Com essas idades aí, acho difícil ein!

  • http://www.espelhando.com.br/ Thiago

    Imagino a educação que tiveram..

    Não estou dizendo isso pejorativamente, mas..

    Com essas idades aí, acho difícil ein!

  • http://www.espelhando.com.br/ Thiago

    Imagino a educação que tiveram..

    Não estou dizendo isso pejorativamente, mas..

    Com essas idades aí, acho difícil ein!

  • http://www.espelhando.com.br/ Thiago

    Imagino a educação que tiveram..

    Não estou dizendo isso pejorativamente, mas..

    Com essas idades aí, acho difícil ein!

  • http://www.espelhando.com.br/ Thiago

    Imagino a educação que tiveram..

    Não estou dizendo isso pejorativamente, mas..

    Com essas idades aí, acho difícil ein!

  • http://www.espelhando.com.br Thiago

    Imagino a educação que tiveram..

    Não estou dizendo isso pejorativamente, mas..

    Com essas idades aí, acho difícil ein!

  • Eagle

    Ta aí uma coisa que nunca pensei em ver por aqui. uhhauuhaua

  • Eagle

    Ta aí uma coisa que nunca pensei em ver por aqui. uhhauuhaua

  • Eagle

    Ta aí uma coisa que nunca pensei em ver por aqui. uhhauuhaua

  • Eagle

    Ta aí uma coisa que nunca pensei em ver por aqui. uhhauuhaua

  • Eagle

    Ta aí uma coisa que nunca pensei em ver por aqui. uhhauuhaua

  • Eagle

    Ta aí uma coisa que nunca pensei em ver por aqui. uhhauuhaua

  • Eagle

    Ta aí uma coisa que nunca pensei em ver por aqui. uhhauuhaua

  • Eagle

    Ta aí uma coisa que nunca pensei em ver por aqui. uhhauuhaua

  • Eagle

    Ta aí uma coisa que nunca pensei em ver por aqui. uhhauuhaua

  • Eagle

    Ta aí uma coisa que nunca pensei em ver por aqui. uhhauuhaua

  • Eagle

    Ta aí uma coisa que nunca pensei em ver por aqui. uhhauuhaua

  • Eagle

    Ta aí uma coisa que nunca pensei em ver por aqui. uhhauuhaua

  • Eagle

    Ta aí uma coisa que nunca pensei em ver por aqui. uhhauuhaua

  • mrv

    Graças a Deus o primeiro nasceu perfeito, mas creio que deve-se evitar. Os pais sabem que o risco é maior e a possível futura criança não tem culpa, não seria justo que o pequeno sofra no caso de de nascer com algum problema.

  • mrv

    Graças a Deus o primeiro nasceu perfeito, mas creio que deve-se evitar. Os pais sabem que o risco é maior e a possível futura criança não tem culpa, não seria justo que o pequeno sofra no caso de de nascer com algum problema.

  • mrv

    Graças a Deus o primeiro nasceu perfeito, mas creio que deve-se evitar. Os pais sabem que o risco é maior e a possível futura criança não tem culpa, não seria justo que o pequeno sofra no caso de de nascer com algum problema.

  • mrv

    Graças a Deus o primeiro nasceu perfeito, mas creio que deve-se evitar. Os pais sabem que o risco é maior e a possível futura criança não tem culpa, não seria justo que o pequeno sofra no caso de de nascer com algum problema.

  • mrv

    Graças a Deus o primeiro nasceu perfeito, mas creio que deve-se evitar. Os pais sabem que o risco é maior e a possível futura criança não tem culpa, não seria justo que o pequeno sofra no caso de de nascer com algum problema.

  • mrv

    Graças a Deus o primeiro nasceu perfeito, mas creio que deve-se evitar. Os pais sabem que o risco é maior e a possível futura criança não tem culpa, não seria justo que o pequeno sofra no caso de de nascer com algum problema.

  • mrv

    Graças a Deus o primeiro nasceu perfeito, mas creio que deve-se evitar. Os pais sabem que o risco é maior e a possível futura criança não tem culpa, não seria justo que o pequeno sofra no caso de de nascer com algum problema.

  • Gustavo Wylde

    Arg!

    Esse papinho de “Deus na sua vida” me dá nos nervos.

    Hipocrisia do caralho…

  • Gustavo Wylde

    Arg!

    Esse papinho de “Deus na sua vida” me dá nos nervos.

    Hipocrisia do caralho…

  • Gustavo Wylde

    Arg!

    Esse papinho de “Deus na sua vida” me dá nos nervos.

    Hipocrisia do caralho…

  • Gustavo Wylde

    Arg!

    Esse papinho de “Deus na sua vida” me dá nos nervos.

    Hipocrisia do caralho…

  • Gustavo Wylde

    Arg!

    Esse papinho de “Deus na sua vida” me dá nos nervos.

    Hipocrisia do caralho…

  • Gustavo Wylde

    Arg!

    Esse papinho de “Deus na sua vida” me dá nos nervos.

    Hipocrisia do caralho…

  • Gustavo Wylde

    Arg!

    Esse papinho de “Deus na sua vida” me dá nos nervos.

    Hipocrisia do caralho…

  • Gustavo Wylde

    Arg!

    Esse papinho de “Deus na sua vida” me dá nos nervos.

    Hipocrisia do caralho…

  • Gustavo Wylde

    Arg!

    Esse papinho de “Deus na sua vida” me dá nos nervos.

    Hipocrisia do caralho…

  • Gustavo Wylde

    Arg!

    Esse papinho de “Deus na sua vida” me dá nos nervos.

    Hipocrisia do caralho…

  • Gustavo Wylde

    Arg!

    Esse papinho de “Deus na sua vida” me dá nos nervos.

    Hipocrisia do caralho…

  • Gustavo Wylde

    Arg!

    Esse papinho de “Deus na sua vida” me dá nos nervos.

    Hipocrisia do caralho…

  • Gustavo Wylde

    Arg!

    Esse papinho de “Deus na sua vida” me dá nos nervos.

    Hipocrisia do caralho…

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Falando em parentescos…

    A filha deste casal só tem um casal de avós…

    Só pensando alto! :)

    :*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Falando em parentescos…

    A filha deste casal só tem um casal de avós…

    Só pensando alto! :)

    :*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Falando em parentescos…

    A filha deste casal só tem um casal de avós…

    Só pensando alto! :)

    :*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Falando em parentescos…

    A filha deste casal só tem um casal de avós…

    Só pensando alto! :)

    :*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Falando em parentescos…

    A filha deste casal só tem um casal de avós…

    Só pensando alto! :)

    :*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Falando em parentescos…

    A filha deste casal só tem um casal de avós…

    Só pensando alto! :)

    :*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Falando em parentescos…

    A filha deste casal só tem um casal de avós…

    Só pensando alto! :)

    :*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Falando em parentescos…

    A filha deste casal só tem um casal de avós…

    Só pensando alto! :)

    :*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Falando em parentescos…

    A filha deste casal só tem um casal de avós…

    Só pensando alto! :)

    :*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Falando em parentescos…

    A filha deste casal só tem um casal de avós…

    Só pensando alto! :)

    :*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Falando em parentescos…

    A filha deste casal só tem um casal de avós…

    Só pensando alto! :)

    :*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com Carla

    Falando em parentescos…

    A filha deste casal só tem um casal de avós…

    Só pensando alto! :)

    :*

  • MWill

    Queria saber como tudo isso começou ?

    E eu tbm ja peguei uma irmã, só q no caso era a de um camarada meu msm!!!!^^

  • MWill

    Queria saber como tudo isso começou ?

    E eu tbm ja peguei uma irmã, só q no caso era a de um camarada meu msm!!!!^^

  • MWill

    Queria saber como tudo isso começou ?

    E eu tbm ja peguei uma irmã, só q no caso era a de um camarada meu msm!!!!^^

  • MWill

    Queria saber como tudo isso começou ?

    E eu tbm ja peguei uma irmã, só q no caso era a de um camarada meu msm!!!!^^

  • MWill

    Queria saber como tudo isso começou ?

    E eu tbm ja peguei uma irmã, só q no caso era a de um camarada meu msm!!!!^^

  • MWill

    Queria saber como tudo isso começou ?

    E eu tbm ja peguei uma irmã, só q no caso era a de um camarada meu msm!!!!^^

  • MWill

    Queria saber como tudo isso começou ?

    E eu tbm ja peguei uma irmã, só q no caso era a de um camarada meu msm!!!!^^

  • MWill

    Queria saber como tudo isso começou ?

    E eu tbm ja peguei uma irmã, só q no caso era a de um camarada meu msm!!!!^^

  • MWill

    Queria saber como tudo isso começou ?

    E eu tbm ja peguei uma irmã, só q no caso era a de um camarada meu msm!!!!^^

  • MWill

    Queria saber como tudo isso começou ?

    E eu tbm ja peguei uma irmã, só q no caso era a de um camarada meu msm!!!!^^

  • Milorde

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    Voltando o assunto. Bom, tenho minhas duvidas sobre essas tolerancias sexuais, seja entre mesmo sexo, seja entre parentes muito proximos. Fico imaginando se um dia isso pode ser aplicado para a zoofilia, a pedologia, a necrofilia. Falo isso pq o discurso usado poder ser o mesmo nestes casos citados.

    Quanto ao amor deles, nada mais pode ser citado e eu tb não irei julga-los, entretanto é complicado não só a geração, mas a educação de tais crianças, explicar isso tudo para elas devem ser dificeis, ainda mais por fugir de um padrão que é tabu na sociedade atual. Como o Dr. falou, eu não recomendaria outro filho.

  • Milorde

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    Voltando o assunto. Bom, tenho minhas duvidas sobre essas tolerancias sexuais, seja entre mesmo sexo, seja entre parentes muito proximos. Fico imaginando se um dia isso pode ser aplicado para a zoofilia, a pedologia, a necrofilia. Falo isso pq o discurso usado poder ser o mesmo nestes casos citados.

    Quanto ao amor deles, nada mais pode ser citado e eu tb não irei julga-los, entretanto é complicado não só a geração, mas a educação de tais crianças, explicar isso tudo para elas devem ser dificeis, ainda mais por fugir de um padrão que é tabu na sociedade atual. Como o Dr. falou, eu não recomendaria outro filho.

  • Milorde

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    Voltando o assunto. Bom, tenho minhas duvidas sobre essas tolerancias sexuais, seja entre mesmo sexo, seja entre parentes muito proximos. Fico imaginando se um dia isso pode ser aplicado para a zoofilia, a pedologia, a necrofilia. Falo isso pq o discurso usado poder ser o mesmo nestes casos citados.

    Quanto ao amor deles, nada mais pode ser citado e eu tb não irei julga-los, entretanto é complicado não só a geração, mas a educação de tais crianças, explicar isso tudo para elas devem ser dificeis, ainda mais por fugir de um padrão que é tabu na sociedade atual. Como o Dr. falou, eu não recomendaria outro filho.

  • Milorde

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    Voltando o assunto. Bom, tenho minhas duvidas sobre essas tolerancias sexuais, seja entre mesmo sexo, seja entre parentes muito proximos. Fico imaginando se um dia isso pode ser aplicado para a zoofilia, a pedologia, a necrofilia. Falo isso pq o discurso usado poder ser o mesmo nestes casos citados.

    Quanto ao amor deles, nada mais pode ser citado e eu tb não irei julga-los, entretanto é complicado não só a geração, mas a educação de tais crianças, explicar isso tudo para elas devem ser dificeis, ainda mais por fugir de um padrão que é tabu na sociedade atual. Como o Dr. falou, eu não recomendaria outro filho.

  • Milorde

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    Voltando o assunto. Bom, tenho minhas duvidas sobre essas tolerancias sexuais, seja entre mesmo sexo, seja entre parentes muito proximos. Fico imaginando se um dia isso pode ser aplicado para a zoofilia, a pedologia, a necrofilia. Falo isso pq o discurso usado poder ser o mesmo nestes casos citados.

    Quanto ao amor deles, nada mais pode ser citado e eu tb não irei julga-los, entretanto é complicado não só a geração, mas a educação de tais crianças, explicar isso tudo para elas devem ser dificeis, ainda mais por fugir de um padrão que é tabu na sociedade atual. Como o Dr. falou, eu não recomendaria outro filho.

  • Milorde

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    Voltando o assunto. Bom, tenho minhas duvidas sobre essas tolerancias sexuais, seja entre mesmo sexo, seja entre parentes muito proximos. Fico imaginando se um dia isso pode ser aplicado para a zoofilia, a pedologia, a necrofilia. Falo isso pq o discurso usado poder ser o mesmo nestes casos citados.

    Quanto ao amor deles, nada mais pode ser citado e eu tb não irei julga-los, entretanto é complicado não só a geração, mas a educação de tais crianças, explicar isso tudo para elas devem ser dificeis, ainda mais por fugir de um padrão que é tabu na sociedade atual. Como o Dr. falou, eu não recomendaria outro filho.

  • Milorde

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    Voltando o assunto. Bom, tenho minhas duvidas sobre essas tolerancias sexuais, seja entre mesmo sexo, seja entre parentes muito proximos. Fico imaginando se um dia isso pode ser aplicado para a zoofilia, a pedologia, a necrofilia. Falo isso pq o discurso usado poder ser o mesmo nestes casos citados.

    Quanto ao amor deles, nada mais pode ser citado e eu tb não irei julga-los, entretanto é complicado não só a geração, mas a educação de tais crianças, explicar isso tudo para elas devem ser dificeis, ainda mais por fugir de um padrão que é tabu na sociedade atual. Como o Dr. falou, eu não recomendaria outro filho.

  • Milorde

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    Voltando o assunto. Bom, tenho minhas duvidas sobre essas tolerancias sexuais, seja entre mesmo sexo, seja entre parentes muito proximos. Fico imaginando se um dia isso pode ser aplicado para a zoofilia, a pedologia, a necrofilia. Falo isso pq o discurso usado poder ser o mesmo nestes casos citados.

    Quanto ao amor deles, nada mais pode ser citado e eu tb não irei julga-los, entretanto é complicado não só a geração, mas a educação de tais crianças, explicar isso tudo para elas devem ser dificeis, ainda mais por fugir de um padrão que é tabu na sociedade atual. Como o Dr. falou, eu não recomendaria outro filho.

  • Milorde

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    Voltando o assunto. Bom, tenho minhas duvidas sobre essas tolerancias sexuais, seja entre mesmo sexo, seja entre parentes muito proximos. Fico imaginando se um dia isso pode ser aplicado para a zoofilia, a pedologia, a necrofilia. Falo isso pq o discurso usado poder ser o mesmo nestes casos citados.

    Quanto ao amor deles, nada mais pode ser citado e eu tb não irei julga-los, entretanto é complicado não só a geração, mas a educação de tais crianças, explicar isso tudo para elas devem ser dificeis, ainda mais por fugir de um padrão que é tabu na sociedade atual. Como o Dr. falou, eu não recomendaria outro filho.

  • Milorde

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    Voltando o assunto. Bom, tenho minhas duvidas sobre essas tolerancias sexuais, seja entre mesmo sexo, seja entre parentes muito proximos. Fico imaginando se um dia isso pode ser aplicado para a zoofilia, a pedologia, a necrofilia. Falo isso pq o discurso usado poder ser o mesmo nestes casos citados.

    Quanto ao amor deles, nada mais pode ser citado e eu tb não irei julga-los, entretanto é complicado não só a geração, mas a educação de tais crianças, explicar isso tudo para elas devem ser dificeis, ainda mais por fugir de um padrão que é tabu na sociedade atual. Como o Dr. falou, eu não recomendaria outro filho.

  • André

    Putz, deixem o cara viver a vida dele ué… Enquanto ele não prejudicar outra pessoa, qual o problema? E pelo que entendi, é justamente o que ele não quer. Trazer uma criança com “problemas” ou condenada à morte.
    Adoção nesse caso deve ser um processo extremamente complicado, mas será que não é opção?
    Abraço!

  • André

    Putz, deixem o cara viver a vida dele ué… Enquanto ele não prejudicar outra pessoa, qual o problema? E pelo que entendi, é justamente o que ele não quer. Trazer uma criança com “problemas” ou condenada à morte.
    Adoção nesse caso deve ser um processo extremamente complicado, mas será que não é opção?
    Abraço!

  • André

    Putz, deixem o cara viver a vida dele ué… Enquanto ele não prejudicar outra pessoa, qual o problema? E pelo que entendi, é justamente o que ele não quer. Trazer uma criança com “problemas” ou condenada à morte.
    Adoção nesse caso deve ser um processo extremamente complicado, mas será que não é opção?
    Abraço!

  • André

    Putz, deixem o cara viver a vida dele ué… Enquanto ele não prejudicar outra pessoa, qual o problema? E pelo que entendi, é justamente o que ele não quer. Trazer uma criança com “problemas” ou condenada à morte.
    Adoção nesse caso deve ser um processo extremamente complicado, mas será que não é opção?
    Abraço!

  • André

    Putz, deixem o cara viver a vida dele ué… Enquanto ele não prejudicar outra pessoa, qual o problema? E pelo que entendi, é justamente o que ele não quer. Trazer uma criança com “problemas” ou condenada à morte.
    Adoção nesse caso deve ser um processo extremamente complicado, mas será que não é opção?
    Abraço!

  • André

    Putz, deixem o cara viver a vida dele ué… Enquanto ele não prejudicar outra pessoa, qual o problema? E pelo que entendi, é justamente o que ele não quer. Trazer uma criança com “problemas” ou condenada à morte.
    Adoção nesse caso deve ser um processo extremamente complicado, mas será que não é opção?
    Abraço!

  • André

    Putz, deixem o cara viver a vida dele ué… Enquanto ele não prejudicar outra pessoa, qual o problema? E pelo que entendi, é justamente o que ele não quer. Trazer uma criança com “problemas” ou condenada à morte.
    Adoção nesse caso deve ser um processo extremamente complicado, mas será que não é opção?
    Abraço!

  • André

    Putz, deixem o cara viver a vida dele ué… Enquanto ele não prejudicar outra pessoa, qual o problema? E pelo que entendi, é justamente o que ele não quer. Trazer uma criança com “problemas” ou condenada à morte.
    Adoção nesse caso deve ser um processo extremamente complicado, mas será que não é opção?
    Abraço!

  • André

    Putz, deixem o cara viver a vida dele ué… Enquanto ele não prejudicar outra pessoa, qual o problema? E pelo que entendi, é justamente o que ele não quer. Trazer uma criança com “problemas” ou condenada à morte.
    Adoção nesse caso deve ser um processo extremamente complicado, mas será que não é opção?
    Abraço!

  • André

    Putz, deixem o cara viver a vida dele ué… Enquanto ele não prejudicar outra pessoa, qual o problema? E pelo que entendi, é justamente o que ele não quer. Trazer uma criança com “problemas” ou condenada à morte.
    Adoção nesse caso deve ser um processo extremamente complicado, mas será que não é opção?
    Abraço!

  • André

    Putz, deixem o cara viver a vida dele ué… Enquanto ele não prejudicar outra pessoa, qual o problema? E pelo que entendi, é justamente o que ele não quer. Trazer uma criança com “problemas” ou condenada à morte.
    Adoção nesse caso deve ser um processo extremamente complicado, mas será que não é opção?
    Abraço!

  • André

    Putz, deixem o cara viver a vida dele ué… Enquanto ele não prejudicar outra pessoa, qual o problema? E pelo que entendi, é justamente o que ele não quer. Trazer uma criança com “problemas” ou condenada à morte.
    Adoção nesse caso deve ser um processo extremamente complicado, mas será que não é opção?
    Abraço!

  • André

    Putz, deixem o cara viver a vida dele ué… Enquanto ele não prejudicar outra pessoa, qual o problema? E pelo que entendi, é justamente o que ele não quer. Trazer uma criança com “problemas” ou condenada à morte.
    Adoção nesse caso deve ser um processo extremamente complicado, mas será que não é opção?
    Abraço!

  • Mia

    Pedologia?
    Estudo do solo no seu ambiente natural? Haha
    Só dando um toque…

  • Mia

    Pedologia?
    Estudo do solo no seu ambiente natural? Haha
    Só dando um toque…

  • Mia

    Pedologia?
    Estudo do solo no seu ambiente natural? Haha
    Só dando um toque…

  • Mia

    Pedologia?
    Estudo do solo no seu ambiente natural? Haha
    Só dando um toque…

  • Mia

    Pedologia?
    Estudo do solo no seu ambiente natural? Haha
    Só dando um toque…

  • Mia

    Pedologia?
    Estudo do solo no seu ambiente natural? Haha
    Só dando um toque…

  • Mia

    Pedologia?
    Estudo do solo no seu ambiente natural? Haha
    Só dando um toque…

  • Mia

    Pedologia?
    Estudo do solo no seu ambiente natural? Haha
    Só dando um toque…

  • Mia

    Pedologia?
    Estudo do solo no seu ambiente natural? Haha
    Só dando um toque…

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Parabéns Maurício, eu já tava esperando uma pergunta desse porta há tempos!! Vc foi muito claro e bem explicado!!
    Ninguém tá aqui pra julgar ninguém!!
    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Parabéns Maurício, eu já tava esperando uma pergunta desse porta há tempos!! Vc foi muito claro e bem explicado!!
    Ninguém tá aqui pra julgar ninguém!!
    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Parabéns Maurício, eu já tava esperando uma pergunta desse porta há tempos!! Vc foi muito claro e bem explicado!!
    Ninguém tá aqui pra julgar ninguém!!
    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Parabéns Maurício, eu já tava esperando uma pergunta desse porta há tempos!! Vc foi muito claro e bem explicado!!
    Ninguém tá aqui pra julgar ninguém!!
    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Parabéns Maurício, eu já tava esperando uma pergunta desse porta há tempos!! Vc foi muito claro e bem explicado!!
    Ninguém tá aqui pra julgar ninguém!!
    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Parabéns Maurício, eu já tava esperando uma pergunta desse porta há tempos!! Vc foi muito claro e bem explicado!!
    Ninguém tá aqui pra julgar ninguém!!
    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Parabéns Maurício, eu já tava esperando uma pergunta desse porta há tempos!! Vc foi muito claro e bem explicado!!
    Ninguém tá aqui pra julgar ninguém!!
    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Parabéns Maurício, eu já tava esperando uma pergunta desse porta há tempos!! Vc foi muito claro e bem explicado!!
    Ninguém tá aqui pra julgar ninguém!!
    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com J@de

    Parabéns Maurício, eu já tava esperando uma pergunta desse porta há tempos!! Vc foi muito claro e bem explicado!!
    Ninguém tá aqui pra julgar ninguém!!
    Beijos!!

  • http://arielceres.host.sk/ Olocomeu

    Assim, incesto é uma coisa complicada.
    Mas creio que já estejam bem adultos para parar com isso. xD
    Só a vida que não fluiu como deveria. Mas td bem.
    Melhor adotar, não vale o risco de ter outro filho, que pode ficar doente. =/

  • http://arielceres.host.sk/ Olocomeu

    Assim, incesto é uma coisa complicada.
    Mas creio que já estejam bem adultos para parar com isso. xD
    Só a vida que não fluiu como deveria. Mas td bem.
    Melhor adotar, não vale o risco de ter outro filho, que pode ficar doente. =/

  • http://arielceres.host.sk/ Olocomeu

    Assim, incesto é uma coisa complicada.
    Mas creio que já estejam bem adultos para parar com isso. xD
    Só a vida que não fluiu como deveria. Mas td bem.
    Melhor adotar, não vale o risco de ter outro filho, que pode ficar doente. =/

  • http://arielceres.host.sk/ Olocomeu

    Assim, incesto é uma coisa complicada.
    Mas creio que já estejam bem adultos para parar com isso. xD
    Só a vida que não fluiu como deveria. Mas td bem.
    Melhor adotar, não vale o risco de ter outro filho, que pode ficar doente. =/

  • http://arielceres.host.sk Olocomeu

    Assim, incesto é uma coisa complicada.
    Mas creio que já estejam bem adultos para parar com isso. xD
    Só a vida que não fluiu como deveria. Mas td bem.
    Melhor adotar, não vale o risco de ter outro filho, que pode ficar doente. =/

  • Gutão

    “Arg!

    Esse papinho de “Deus na sua vida” me dá nos nervos.

    Hipocrisia do caralho…”

    AHHHHHHHHH! São um saco esses religiosos moralistas.

  • Gutão

    “Arg!

    Esse papinho de “Deus na sua vida” me dá nos nervos.

    Hipocrisia do caralho…”

    AHHHHHHHHH! São um saco esses religiosos moralistas.

  • Gutão

    “Arg!

    Esse papinho de “Deus na sua vida” me dá nos nervos.

    Hipocrisia do caralho…”

    AHHHHHHHHH! São um saco esses religiosos moralistas.

  • Gutão

    “Arg!

    Esse papinho de “Deus na sua vida” me dá nos nervos.

    Hipocrisia do caralho…”

    AHHHHHHHHH! São um saco esses religiosos moralistas.

  • Gutão

    “Arg!

    Esse papinho de “Deus na sua vida” me dá nos nervos.

    Hipocrisia do caralho…”

    AHHHHHHHHH! São um saco esses religiosos moralistas.

  • http://www.meuplano.com.br/ Marcel Souza

    Milorde comentou em 30.06.2008 às 10:52

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    E eu acho engraçado esses religiosos que acreditam em uma coisa maior…

    Se liberte bicho…

  • http://www.meuplano.com.br/ Marcel Souza

    Milorde comentou em 30.06.2008 às 10:52

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    E eu acho engraçado esses religiosos que acreditam em uma coisa maior…

    Se liberte bicho…

  • http://www.meuplano.com.br/ Marcel Souza

    Milorde comentou em 30.06.2008 às 10:52

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    E eu acho engraçado esses religiosos que acreditam em uma coisa maior…

    Se liberte bicho…

  • http://www.meuplano.com.br/ Marcel Souza

    Milorde comentou em 30.06.2008 às 10:52

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    E eu acho engraçado esses religiosos que acreditam em uma coisa maior…

    Se liberte bicho…

  • http://www.meuplano.com.br/ Marcel Souza

    Milorde comentou em 30.06.2008 às 10:52

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    E eu acho engraçado esses religiosos que acreditam em uma coisa maior…

    Se liberte bicho…

  • http://www.meuplano.com.br/ Marcel Souza

    Milorde comentou em 30.06.2008 às 10:52

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    E eu acho engraçado esses religiosos que acreditam em uma coisa maior…

    Se liberte bicho…

  • http://www.meuplano.com.br/ Marcel Souza

    Milorde comentou em 30.06.2008 às 10:52

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    E eu acho engraçado esses religiosos que acreditam em uma coisa maior…

    Se liberte bicho…

  • http://www.meuplano.com.br/ Marcel Souza

    Milorde comentou em 30.06.2008 às 10:52

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    E eu acho engraçado esses religiosos que acreditam em uma coisa maior…

    Se liberte bicho…

  • http://www.meuplano.com.br Marcel Souza

    Milorde comentou em 30.06.2008 às 10:52

    Acho engraçado essas pessoas céticas q não aceitam e não desejam aceitar a existencia de uma coisa Maior…

    E eu acho engraçado esses religiosos que acreditam em uma coisa maior…

    Se liberte bicho…

  • http://www.consecutivo.wordpress.com/ Marilia

    Lendo os coments eu os consigo pensar em uma serie limitada de coisas…

    1º deus ? certo cada um tem sua religiao e segue ela mas pq sera que todos os seguidores de um “deus” qualquer tem que usar este no meio de uma conversa, vcs nao tem opiniao propria independente de qual o senhor todo poderoso que vcs seguem nao?

    2º os riscos e o tabu deles ja foi quebrado ha muito tempo atras quando eles resolveram tomar a atitude que tomaram, se sao felizes, nao estao fazendo mal a ninguem, nao tem o que comentar sobre o relacionamento como casal deles

    3º sim o risco de uma crianca com problemas é grande e felizmente eles conseguiram uma sadia, melhor atitude agora é procurar outros meios de ter filhos

    4º diante dos fatores uma adoção é quase impossivel

    5º a resposta a pergunta do cara foi simplesmente fantastica !

  • http://www.consecutivo.wordpress.com/ Marilia

    Lendo os coments eu os consigo pensar em uma serie limitada de coisas…

    1º deus ? certo cada um tem sua religiao e segue ela mas pq sera que todos os seguidores de um “deus” qualquer tem que usar este no meio de uma conversa, vcs nao tem opiniao propria independente de qual o senhor todo poderoso que vcs seguem nao?

    2º os riscos e o tabu deles ja foi quebrado ha muito tempo atras quando eles resolveram tomar a atitude que tomaram, se sao felizes, nao estao fazendo mal a ninguem, nao tem o que comentar sobre o relacionamento como casal deles

    3º sim o risco de uma crianca com problemas é grande e felizmente eles conseguiram uma sadia, melhor atitude agora é procurar outros meios de ter filhos

    4º diante dos fatores uma adoção é quase impossivel

    5º a resposta a pergunta do cara foi simplesmente fantastica !

  • http://www.consecutivo.wordpress.com/ Marilia

    Lendo os coments eu os consigo pensar em uma serie limitada de coisas…

    1º deus ? certo cada um tem sua religiao e segue ela mas pq sera que todos os seguidores de um “deus” qualquer tem que usar este no meio de uma conversa, vcs nao tem opiniao propria independente de qual o senhor todo poderoso que vcs seguem nao?

    2º os riscos e o tabu deles ja foi quebrado ha muito tempo atras quando eles resolveram tomar a atitude que tomaram, se sao felizes, nao estao fazendo mal a ninguem, nao tem o que comentar sobre o relacionamento como casal deles

    3º sim o risco de uma crianca com problemas é grande e felizmente eles conseguiram uma sadia, melhor atitude agora é procurar outros meios de ter filhos

    4º diante dos fatores uma adoção é quase impossivel

    5º a resposta a pergunta do cara foi simplesmente fantastica !

  • http://www.consecutivo.wordpress.com/ Marilia

    Lendo os coments eu os consigo pensar em uma serie limitada de coisas…

    1º deus ? certo cada um tem sua religiao e segue ela mas pq sera que todos os seguidores de um “deus” qualquer tem que usar este no meio de uma conversa, vcs nao tem opiniao propria independente de qual o senhor todo poderoso que vcs seguem nao?

    2º os riscos e o tabu deles ja foi quebrado ha muito tempo atras quando eles resolveram tomar a atitude que tomaram, se sao felizes, nao estao fazendo mal a ninguem, nao tem o que comentar sobre o relacionamento como casal deles

    3º sim o risco de uma crianca com problemas é grande e felizmente eles conseguiram uma sadia, melhor atitude agora é procurar outros meios de ter filhos

    4º diante dos fatores uma adoção é quase impossivel

    5º a resposta a pergunta do cara foi simplesmente fantastica !

  • http://www.consecutivo.wordpress.com/ Marilia

    Lendo os coments eu os consigo pensar em uma serie limitada de coisas…

    1º deus ? certo cada um tem sua religiao e segue ela mas pq sera que todos os seguidores de um “deus” qualquer tem que usar este no meio de uma conversa, vcs nao tem opiniao propria independente de qual o senhor todo poderoso que vcs seguem nao?

    2º os riscos e o tabu deles ja foi quebrado ha muito tempo atras quando eles resolveram tomar a atitude que tomaram, se sao felizes, nao estao fazendo mal a ninguem, nao tem o que comentar sobre o relacionamento como casal deles

    3º sim o risco de uma crianca com problemas é grande e felizmente eles conseguiram uma sadia, melhor atitude agora é procurar outros meios de ter filhos

    4º diante dos fatores uma adoção é quase impossivel

    5º a resposta a pergunta do cara foi simplesmente fantastica !

  • http://www.consecutivo.wordpress.com/ Marilia

    Lendo os coments eu os consigo pensar em uma serie limitada de coisas…

    1º deus ? certo cada um tem sua religiao e segue ela mas pq sera que todos os seguidores de um “deus” qualquer tem que usar este no meio de uma conversa, vcs nao tem opiniao propria independente de qual o senhor todo poderoso que vcs seguem nao?

    2º os riscos e o tabu deles ja foi quebrado ha muito tempo atras quando eles resolveram tomar a atitude que tomaram, se sao felizes, nao estao fazendo mal a ninguem, nao tem o que comentar sobre o relacionamento como casal deles

    3º sim o risco de uma crianca com problemas é grande e felizmente eles conseguiram uma sadia, melhor atitude agora é procurar outros meios de ter filhos

    4º diante dos fatores uma adoção é quase impossivel

    5º a resposta a pergunta do cara foi simplesmente fantastica !

  • http://www.consecutivo.wordpress.com/ Marilia

    Lendo os coments eu os consigo pensar em uma serie limitada de coisas…

    1º deus ? certo cada um tem sua religiao e segue ela mas pq sera que todos os seguidores de um “deus” qualquer tem que usar este no meio de uma conversa, vcs nao tem opiniao propria independente de qual o senhor todo poderoso que vcs seguem nao?

    2º os riscos e o tabu deles ja foi quebrado ha muito tempo atras quando eles resolveram tomar a atitude que tomaram, se sao felizes, nao estao fazendo mal a ninguem, nao tem o que comentar sobre o relacionamento como casal deles

    3º sim o risco de uma crianca com problemas é grande e felizmente eles conseguiram uma sadia, melhor atitude agora é procurar outros meios de ter filhos

    4º diante dos fatores uma adoção é quase impossivel

    5º a resposta a pergunta do cara foi simplesmente fantastica !

  • http://www.consecutivo.wordpress.com/ Marilia

    Lendo os coments eu os consigo pensar em uma serie limitada de coisas…

    1º deus ? certo cada um tem sua religiao e segue ela mas pq sera que todos os seguidores de um “deus” qualquer tem que usar este no meio de uma conversa, vcs nao tem opiniao propria independente de qual o senhor todo poderoso que vcs seguem nao?

    2º os riscos e o tabu deles ja foi quebrado ha muito tempo atras quando eles resolveram tomar a atitude que tomaram, se sao felizes, nao estao fazendo mal a ninguem, nao tem o que comentar sobre o relacionamento como casal deles

    3º sim o risco de uma crianca com problemas é grande e felizmente eles conseguiram uma sadia, melhor atitude agora é procurar outros meios de ter filhos

    4º diante dos fatores uma adoção é quase impossivel

    5º a resposta a pergunta do cara foi simplesmente fantastica !

  • http://www.consecutivo.wordpress.com/ Marilia

    Lendo os coments eu os consigo pensar em uma serie limitada de coisas…

    1º deus ? certo cada um tem sua religiao e segue ela mas pq sera que todos os seguidores de um “deus” qualquer tem que usar este no meio de uma conversa, vcs nao tem opiniao propria independente de qual o senhor todo poderoso que vcs seguem nao?

    2º os riscos e o tabu deles ja foi quebrado ha muito tempo atras quando eles resolveram tomar a atitude que tomaram, se sao felizes, nao estao fazendo mal a ninguem, nao tem o que comentar sobre o relacionamento como casal deles

    3º sim o risco de uma crianca com problemas é grande e felizmente eles conseguiram uma sadia, melhor atitude agora é procurar outros meios de ter filhos

    4º diante dos fatores uma adoção é quase impossivel

    5º a resposta a pergunta do cara foi simplesmente fantastica !

  • http://www.consecutivo.wordpress.com/ Marilia

    Lendo os coments eu os consigo pensar em uma serie limitada de coisas…

    1º deus ? certo cada um tem sua religiao e segue ela mas pq sera que todos os seguidores de um “deus” qualquer tem que usar este no meio de uma conversa, vcs nao tem opiniao propria independente de qual o senhor todo poderoso que vcs seguem nao?

    2º os riscos e o tabu deles ja foi quebrado ha muito tempo atras quando eles resolveram tomar a atitude que tomaram, se sao felizes, nao estao fazendo mal a ninguem, nao tem o que comentar sobre o relacionamento como casal deles

    3º sim o risco de uma crianca com problemas é grande e felizmente eles conseguiram uma sadia, melhor atitude agora é procurar outros meios de ter filhos

    4º diante dos fatores uma adoção é quase impossivel

    5º a resposta a pergunta do cara foi simplesmente fantastica !

  • http://www.consecutivo.wordpress.com/ Marilia

    Lendo os coments eu os consigo pensar em uma serie limitada de coisas…

    1º deus ? certo cada um tem sua religiao e segue ela mas pq sera que todos os seguidores de um “deus” qualquer tem que usar este no meio de uma conversa, vcs nao tem opiniao propria independente de qual o senhor todo poderoso que vcs seguem nao?

    2º os riscos e o tabu deles ja foi quebrado ha muito tempo atras quando eles resolveram tomar a atitude que tomaram, se sao felizes, nao estao fazendo mal a ninguem, nao tem o que comentar sobre o relacionamento como casal deles

    3º sim o risco de uma crianca com problemas é grande e felizmente eles conseguiram uma sadia, melhor atitude agora é procurar outros meios de ter filhos

    4º diante dos fatores uma adoção é quase impossivel

    5º a resposta a pergunta do cara foi simplesmente fantastica !

  • http://www.consecutivo.wordpress.com Marilia

    Lendo os coments eu os consigo pensar em uma serie limitada de coisas…

    1º deus ? certo cada um tem sua religiao e segue ela mas pq sera que todos os seguidores de um “deus” qualquer tem que usar este no meio de uma conversa, vcs nao tem opiniao propria independente de qual o senhor todo poderoso que vcs seguem nao?

    2º os riscos e o tabu deles ja foi quebrado ha muito tempo atras quando eles resolveram tomar a atitude que tomaram, se sao felizes, nao estao fazendo mal a ninguem, nao tem o que comentar sobre o relacionamento como casal deles

    3º sim o risco de uma crianca com problemas é grande e felizmente eles conseguiram uma sadia, melhor atitude agora é procurar outros meios de ter filhos

    4º diante dos fatores uma adoção é quase impossivel

    5º a resposta a pergunta do cara foi simplesmente fantastica !

  • karla

    Meu Deusss…..
    o0
    .

  • karla

    Meu Deusss…..
    o0
    .

  • karla

    Meu Deusss…..
    o0
    .

  • karla

    Meu Deusss…..
    o0
    .

  • karla

    Meu Deusss…..
    o0
    .

  • karla

    Meu Deusss…..
    o0
    .

  • karla

    Meu Deusss…..
    o0
    .

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Eu aceito a existência de uma coisa maior : Um elefante é bem maior que eu, por exemplo, e eu acredito em elefantes !!!

    E meu caro primo Pedro Hecht, quem te falou que não saco nada de futebol americano ? Deixa a temporada começar ou chegar o Superbowl que eu mando um puta artigaço aqui… Pena que o meu Miami Dolphins tá um lixo, igual o Fluminense no campeonato brasileiro.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Eu aceito a existência de uma coisa maior : Um elefante é bem maior que eu, por exemplo, e eu acredito em elefantes !!!

    E meu caro primo Pedro Hecht, quem te falou que não saco nada de futebol americano ? Deixa a temporada começar ou chegar o Superbowl que eu mando um puta artigaço aqui… Pena que o meu Miami Dolphins tá um lixo, igual o Fluminense no campeonato brasileiro.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Eu aceito a existência de uma coisa maior : Um elefante é bem maior que eu, por exemplo, e eu acredito em elefantes !!!

    E meu caro primo Pedro Hecht, quem te falou que não saco nada de futebol americano ? Deixa a temporada começar ou chegar o Superbowl que eu mando um puta artigaço aqui… Pena que o meu Miami Dolphins tá um lixo, igual o Fluminense no campeonato brasileiro.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Eu aceito a existência de uma coisa maior : Um elefante é bem maior que eu, por exemplo, e eu acredito em elefantes !!!

    E meu caro primo Pedro Hecht, quem te falou que não saco nada de futebol americano ? Deixa a temporada começar ou chegar o Superbowl que eu mando um puta artigaço aqui… Pena que o meu Miami Dolphins tá um lixo, igual o Fluminense no campeonato brasileiro.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Eu aceito a existência de uma coisa maior : Um elefante é bem maior que eu, por exemplo, e eu acredito em elefantes !!!

    E meu caro primo Pedro Hecht, quem te falou que não saco nada de futebol americano ? Deixa a temporada começar ou chegar o Superbowl que eu mando um puta artigaço aqui… Pena que o meu Miami Dolphins tá um lixo, igual o Fluminense no campeonato brasileiro.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Eu aceito a existência de uma coisa maior : Um elefante é bem maior que eu, por exemplo, e eu acredito em elefantes !!!

    E meu caro primo Pedro Hecht, quem te falou que não saco nada de futebol americano ? Deixa a temporada começar ou chegar o Superbowl que eu mando um puta artigaço aqui… Pena que o meu Miami Dolphins tá um lixo, igual o Fluminense no campeonato brasileiro.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Eu aceito a existência de uma coisa maior : Um elefante é bem maior que eu, por exemplo, e eu acredito em elefantes !!!

    E meu caro primo Pedro Hecht, quem te falou que não saco nada de futebol americano ? Deixa a temporada começar ou chegar o Superbowl que eu mando um puta artigaço aqui… Pena que o meu Miami Dolphins tá um lixo, igual o Fluminense no campeonato brasileiro.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Eu aceito a existência de uma coisa maior : Um elefante é bem maior que eu, por exemplo, e eu acredito em elefantes !!!

    E meu caro primo Pedro Hecht, quem te falou que não saco nada de futebol americano ? Deixa a temporada começar ou chegar o Superbowl que eu mando um puta artigaço aqui… Pena que o meu Miami Dolphins tá um lixo, igual o Fluminense no campeonato brasileiro.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Eu aceito a existência de uma coisa maior : Um elefante é bem maior que eu, por exemplo, e eu acredito em elefantes !!!

    E meu caro primo Pedro Hecht, quem te falou que não saco nada de futebol americano ? Deixa a temporada começar ou chegar o Superbowl que eu mando um puta artigaço aqui… Pena que o meu Miami Dolphins tá um lixo, igual o Fluminense no campeonato brasileiro.

  • http://www.papodehomem.com.br Dr Health

    Eu aceito a existência de uma coisa maior : Um elefante é bem maior que eu, por exemplo, e eu acredito em elefantes !!!

    E meu caro primo Pedro Hecht, quem te falou que não saco nada de futebol americano ? Deixa a temporada começar ou chegar o Superbowl que eu mando um puta artigaço aqui… Pena que o meu Miami Dolphins tá um lixo, igual o Fluminense no campeonato brasileiro.

  • André

    Cacete, isso é mal de médicos, Dr. Health?

  • André

    Cacete, isso é mal de médicos, Dr. Health?

  • André

    Cacete, isso é mal de médicos, Dr. Health?

  • André

    Cacete, isso é mal de médicos, Dr. Health?

  • André

    Cacete, isso é mal de médicos, Dr. Health?

  • André

    Cacete, isso é mal de médicos, Dr. Health?

  • André

    Cacete, isso é mal de médicos, Dr. Health?

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    O que é mal de médicos ?

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    O que é mal de médicos ?

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    O que é mal de médicos ?

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    O que é mal de médicos ?

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    O que é mal de médicos ?

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    O que é mal de médicos ?

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    O que é mal de médicos ?

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    O que é mal de médicos ?

  • http://www.papodehomem.com.br Dr Health

    O que é mal de médicos ?

  • André

    Não acreditar em algo maior, que não seja um elefante…

    Como minha mulher é enfermeira, acabo conhecendo vários médicos, e cheguei a duas conclusões:
    1- Eles são gente como a gente…
    2- 90% ou mais são ateus.

  • André

    Não acreditar em algo maior, que não seja um elefante…

    Como minha mulher é enfermeira, acabo conhecendo vários médicos, e cheguei a duas conclusões:
    1- Eles são gente como a gente…
    2- 90% ou mais são ateus.

  • André

    Não acreditar em algo maior, que não seja um elefante…

    Como minha mulher é enfermeira, acabo conhecendo vários médicos, e cheguei a duas conclusões:
    1- Eles são gente como a gente…
    2- 90% ou mais são ateus.

  • André

    Não acreditar em algo maior, que não seja um elefante…

    Como minha mulher é enfermeira, acabo conhecendo vários médicos, e cheguei a duas conclusões:
    1- Eles são gente como a gente…
    2- 90% ou mais são ateus.

  • André

    Não acreditar em algo maior, que não seja um elefante…

    Como minha mulher é enfermeira, acabo conhecendo vários médicos, e cheguei a duas conclusões:
    1- Eles são gente como a gente…
    2- 90% ou mais são ateus.

  • André

    Não acreditar em algo maior, que não seja um elefante…

    Como minha mulher é enfermeira, acabo conhecendo vários médicos, e cheguei a duas conclusões:
    1- Eles são gente como a gente…
    2- 90% ou mais são ateus.

  • André

    Não acreditar em algo maior, que não seja um elefante…

    Como minha mulher é enfermeira, acabo conhecendo vários médicos, e cheguei a duas conclusões:
    1- Eles são gente como a gente…
    2- 90% ou mais são ateus.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Muito contato com raciocínio científico, eu diria. Acaba influenciando de uma forma ou outra.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Muito contato com raciocínio científico, eu diria. Acaba influenciando de uma forma ou outra.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Muito contato com raciocínio científico, eu diria. Acaba influenciando de uma forma ou outra.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Muito contato com raciocínio científico, eu diria. Acaba influenciando de uma forma ou outra.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Muito contato com raciocínio científico, eu diria. Acaba influenciando de uma forma ou outra.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Muito contato com raciocínio científico, eu diria. Acaba influenciando de uma forma ou outra.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Muito contato com raciocínio científico, eu diria. Acaba influenciando de uma forma ou outra.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Muito contato com raciocínio científico, eu diria. Acaba influenciando de uma forma ou outra.

  • http://www.papodehomem.com.br Dr Health

    Muito contato com raciocínio científico, eu diria. Acaba influenciando de uma forma ou outra.

  • Joe

    Se liberte bicho… acredite em algo maior ;)

  • Joe

    Se liberte bicho… acredite em algo maior ;)

  • Joe

    Se liberte bicho… acredite em algo maior ;)

  • Joe

    Se liberte bicho… acredite em algo maior ;)

  • Joe

    Se liberte bicho… acredite em algo maior ;)

  • Joe

    Se liberte bicho… acredite em algo maior ;)

  • Joe

    Se liberte bicho… acredite em algo maior ;)

  • Joe

    Se liberte bicho… acredite em algo maior ;)

  • Joe

    Se liberte bicho… acredite em algo maior ;)

  • http://www.condominios.comopiniao.com/ Marcelo Garrit

    O Drº já falou tudo a respeito disso, não vou nem me atrever a falar sobre o caso.

    Só um comentário de um comentário:

    @ Marília:

    Não é quase impossível adotar uma criança pelo fato deles serem irmãos, tenho um amigo que adotou uma menina linda com a mãe dele, óbviamente eles não viviam maritalmente mas não foi difícil. Os assistentes sociais hoje não levam mais em consideração os tabus impostos pela sociedade, o que importa é o bem estar da criança. Conheço alguns caso de homosexuais que também conseguiram adoção sem maiores problemas também.

  • http://www.condominios.comopiniao.com/ Marcelo Garrit

    O Drº já falou tudo a respeito disso, não vou nem me atrever a falar sobre o caso.

    Só um comentário de um comentário:

    @ Marília:

    Não é quase impossível adotar uma criança pelo fato deles serem irmãos, tenho um amigo que adotou uma menina linda com a mãe dele, óbviamente eles não viviam maritalmente mas não foi difícil. Os assistentes sociais hoje não levam mais em consideração os tabus impostos pela sociedade, o que importa é o bem estar da criança. Conheço alguns caso de homosexuais que também conseguiram adoção sem maiores problemas também.

  • http://www.condominios.comopiniao.com/ Marcelo Garrit

    O Drº já falou tudo a respeito disso, não vou nem me atrever a falar sobre o caso.

    Só um comentário de um comentário:

    @ Marília:

    Não é quase impossível adotar uma criança pelo fato deles serem irmãos, tenho um amigo que adotou uma menina linda com a mãe dele, óbviamente eles não viviam maritalmente mas não foi difícil. Os assistentes sociais hoje não levam mais em consideração os tabus impostos pela sociedade, o que importa é o bem estar da criança. Conheço alguns caso de homosexuais que também conseguiram adoção sem maiores problemas também.

  • http://www.condominios.comopiniao.com/ Marcelo Garrit

    O Drº já falou tudo a respeito disso, não vou nem me atrever a falar sobre o caso.

    Só um comentário de um comentário:

    @ Marília:

    Não é quase impossível adotar uma criança pelo fato deles serem irmãos, tenho um amigo que adotou uma menina linda com a mãe dele, óbviamente eles não viviam maritalmente mas não foi difícil. Os assistentes sociais hoje não levam mais em consideração os tabus impostos pela sociedade, o que importa é o bem estar da criança. Conheço alguns caso de homosexuais que também conseguiram adoção sem maiores problemas também.

  • http://www.condominios.comopiniao.com/ Marcelo Garrit

    O Drº já falou tudo a respeito disso, não vou nem me atrever a falar sobre o caso.

    Só um comentário de um comentário:

    @ Marília:

    Não é quase impossível adotar uma criança pelo fato deles serem irmãos, tenho um amigo que adotou uma menina linda com a mãe dele, óbviamente eles não viviam maritalmente mas não foi difícil. Os assistentes sociais hoje não levam mais em consideração os tabus impostos pela sociedade, o que importa é o bem estar da criança. Conheço alguns caso de homosexuais que também conseguiram adoção sem maiores problemas também.

  • http://www.condominios.comopiniao.com/ Marcelo Garrit

    O Drº já falou tudo a respeito disso, não vou nem me atrever a falar sobre o caso.

    Só um comentário de um comentário:

    @ Marília:

    Não é quase impossível adotar uma criança pelo fato deles serem irmãos, tenho um amigo que adotou uma menina linda com a mãe dele, óbviamente eles não viviam maritalmente mas não foi difícil. Os assistentes sociais hoje não levam mais em consideração os tabus impostos pela sociedade, o que importa é o bem estar da criança. Conheço alguns caso de homosexuais que também conseguiram adoção sem maiores problemas também.

  • http://www.condominios.comopiniao.com/ Marcelo Garrit

    O Drº já falou tudo a respeito disso, não vou nem me atrever a falar sobre o caso.

    Só um comentário de um comentário:

    @ Marília:

    Não é quase impossível adotar uma criança pelo fato deles serem irmãos, tenho um amigo que adotou uma menina linda com a mãe dele, óbviamente eles não viviam maritalmente mas não foi difícil. Os assistentes sociais hoje não levam mais em consideração os tabus impostos pela sociedade, o que importa é o bem estar da criança. Conheço alguns caso de homosexuais que também conseguiram adoção sem maiores problemas também.

  • http://www.condominios.comopiniao.com/ Marcelo Garrit

    O Drº já falou tudo a respeito disso, não vou nem me atrever a falar sobre o caso.

    Só um comentário de um comentário:

    @ Marília:

    Não é quase impossível adotar uma criança pelo fato deles serem irmãos, tenho um amigo que adotou uma menina linda com a mãe dele, óbviamente eles não viviam maritalmente mas não foi difícil. Os assistentes sociais hoje não levam mais em consideração os tabus impostos pela sociedade, o que importa é o bem estar da criança. Conheço alguns caso de homosexuais que também conseguiram adoção sem maiores problemas também.

  • http://www.condominios.comopiniao.com/ Marcelo Garrit

    O Drº já falou tudo a respeito disso, não vou nem me atrever a falar sobre o caso.

    Só um comentário de um comentário:

    @ Marília:

    Não é quase impossível adotar uma criança pelo fato deles serem irmãos, tenho um amigo que adotou uma menina linda com a mãe dele, óbviamente eles não viviam maritalmente mas não foi difícil. Os assistentes sociais hoje não levam mais em consideração os tabus impostos pela sociedade, o que importa é o bem estar da criança. Conheço alguns caso de homosexuais que também conseguiram adoção sem maiores problemas também.

  • http://www.condominios.comopiniao.com Marcelo Garrit

    O Drº já falou tudo a respeito disso, não vou nem me atrever a falar sobre o caso.

    Só um comentário de um comentário:

    @ Marília:

    Não é quase impossível adotar uma criança pelo fato deles serem irmãos, tenho um amigo que adotou uma menina linda com a mãe dele, óbviamente eles não viviam maritalmente mas não foi difícil. Os assistentes sociais hoje não levam mais em consideração os tabus impostos pela sociedade, o que importa é o bem estar da criança. Conheço alguns caso de homosexuais que também conseguiram adoção sem maiores problemas também.

  • Milorde

    Acreditar em Deus não é ser preso, ao contrario. Fora essa opinião no qual só foi uma resposta aos ceticos. Não citei nada de Deus no meu post como justificativa de nada. Mas sim. Eles deve explicar a relação deles, não a nós mas aos filhos deles, e eu não disse q isso deve proibi-los de ter outros e sim q seria complicado, pq mais q vcs não gostem é uma atitude fora do padrão sozial, e como sabem vivemos numa sociedade. Como falei em relação a eles nada posso dizer, mas aos filhos acho perigoso, por nascer doente, e dificil de conciliar e explicar tais coisas.

    Mia => Corrigindo pedologia = pedofilia

    Marcel => Tenho religião sim, mas não sou nenhum fanatico. Se vc não acredita “bicho”, não posso fazer nada.

    Dr. Heath => O fato de ser médico e trabalhar muito com a razão cientifica não o fazer ser cético, sou programador Web e trabalho diariamente com lógica computacional e nem por isso o faço. Acredito mais q seja questão de educação sua, acontece.

    Só penso uma coisa, venho lendo o PDH a um Mês, já li varias colunas e talz, e vejo gente q se diz aberta para coisas como homossexualismo, direitos da mulher, sexo e etc. Mas quando surge qualquer assunto q a resposta é contraria, sempre à uma repressão do pessoal. Isso não é uma boa forma de se mostrar sem preconceitos. Para ser um cara antenado, moderno e talz, eu tenho q aceitar e concordar com bebedeiras, libertinagem, ceticismo e etc? Para ser inteligente eu tenho a obrigação de não cometer sequer um erro de portugues? (não refiro só ao meu erro como o de outros que surgiram em outros posts).

    Só quero demonstrar as pessoas através do meu comentario q é dificil vc ir contra aquilo que é tachado e seguido a milenios, como o MC Black falou: Exige-se tempo para que se torne toleravel certas atitudes, nada vai ser da noite par ao dia. E sobre evolução moral, bom isso não existe, nossa moralidade é ciclica e tende de tempos em tempos. Li isso num livro chamado a História da Maldade, muito bom. Depois eu posto o nome do autor.

  • Milorde

    Acreditar em Deus não é ser preso, ao contrario. Fora essa opinião no qual só foi uma resposta aos ceticos. Não citei nada de Deus no meu post como justificativa de nada. Mas sim. Eles deve explicar a relação deles, não a nós mas aos filhos deles, e eu não disse q isso deve proibi-los de ter outros e sim q seria complicado, pq mais q vcs não gostem é uma atitude fora do padrão sozial, e como sabem vivemos numa sociedade. Como falei em relação a eles nada posso dizer, mas aos filhos acho perigoso, por nascer doente, e dificil de conciliar e explicar tais coisas.

    Mia => Corrigindo pedologia = pedofilia

    Marcel => Tenho religião sim, mas não sou nenhum fanatico. Se vc não acredita “bicho”, não posso fazer nada.

    Dr. Heath => O fato de ser médico e trabalhar muito com a razão cientifica não o fazer ser cético, sou programador Web e trabalho diariamente com lógica computacional e nem por isso o faço. Acredito mais q seja questão de educação sua, acontece.

    Só penso uma coisa, venho lendo o PDH a um Mês, já li varias colunas e talz, e vejo gente q se diz aberta para coisas como homossexualismo, direitos da mulher, sexo e etc. Mas quando surge qualquer assunto q a resposta é contraria, sempre à uma repressão do pessoal. Isso não é uma boa forma de se mostrar sem preconceitos. Para ser um cara antenado, moderno e talz, eu tenho q aceitar e concordar com bebedeiras, libertinagem, ceticismo e etc? Para ser inteligente eu tenho a obrigação de não cometer sequer um erro de portugues? (não refiro só ao meu erro como o de outros que surgiram em outros posts).

    Só quero demonstrar as pessoas através do meu comentario q é dificil vc ir contra aquilo que é tachado e seguido a milenios, como o MC Black falou: Exige-se tempo para que se torne toleravel certas atitudes, nada vai ser da noite par ao dia. E sobre evolução moral, bom isso não existe, nossa moralidade é ciclica e tende de tempos em tempos. Li isso num livro chamado a História da Maldade, muito bom. Depois eu posto o nome do autor.

  • Milorde

    Acreditar em Deus não é ser preso, ao contrario. Fora essa opinião no qual só foi uma resposta aos ceticos. Não citei nada de Deus no meu post como justificativa de nada. Mas sim. Eles deve explicar a relação deles, não a nós mas aos filhos deles, e eu não disse q isso deve proibi-los de ter outros e sim q seria complicado, pq mais q vcs não gostem é uma atitude fora do padrão sozial, e como sabem vivemos numa sociedade. Como falei em relação a eles nada posso dizer, mas aos filhos acho perigoso, por nascer doente, e dificil de conciliar e explicar tais coisas.

    Mia => Corrigindo pedologia = pedofilia

    Marcel => Tenho religião sim, mas não sou nenhum fanatico. Se vc não acredita “bicho”, não posso fazer nada.

    Dr. Heath => O fato de ser médico e trabalhar muito com a razão cientifica não o fazer ser cético, sou programador Web e trabalho diariamente com lógica computacional e nem por isso o faço. Acredito mais q seja questão de educação sua, acontece.

    Só penso uma coisa, venho lendo o PDH a um Mês, já li varias colunas e talz, e vejo gente q se diz aberta para coisas como homossexualismo, direitos da mulher, sexo e etc. Mas quando surge qualquer assunto q a resposta é contraria, sempre à uma repressão do pessoal. Isso não é uma boa forma de se mostrar sem preconceitos. Para ser um cara antenado, moderno e talz, eu tenho q aceitar e concordar com bebedeiras, libertinagem, ceticismo e etc? Para ser inteligente eu tenho a obrigação de não cometer sequer um erro de portugues? (não refiro só ao meu erro como o de outros que surgiram em outros posts).

    Só quero demonstrar as pessoas através do meu comentario q é dificil vc ir contra aquilo que é tachado e seguido a milenios, como o MC Black falou: Exige-se tempo para que se torne toleravel certas atitudes, nada vai ser da noite par ao dia. E sobre evolução moral, bom isso não existe, nossa moralidade é ciclica e tende de tempos em tempos. Li isso num livro chamado a História da Maldade, muito bom. Depois eu posto o nome do autor.

  • Milorde

    Acreditar em Deus não é ser preso, ao contrario. Fora essa opinião no qual só foi uma resposta aos ceticos. Não citei nada de Deus no meu post como justificativa de nada. Mas sim. Eles deve explicar a relação deles, não a nós mas aos filhos deles, e eu não disse q isso deve proibi-los de ter outros e sim q seria complicado, pq mais q vcs não gostem é uma atitude fora do padrão sozial, e como sabem vivemos numa sociedade. Como falei em relação a eles nada posso dizer, mas aos filhos acho perigoso, por nascer doente, e dificil de conciliar e explicar tais coisas.

    Mia => Corrigindo pedologia = pedofilia

    Marcel => Tenho religião sim, mas não sou nenhum fanatico. Se vc não acredita “bicho”, não posso fazer nada.

    Dr. Heath => O fato de ser médico e trabalhar muito com a razão cientifica não o fazer ser cético, sou programador Web e trabalho diariamente com lógica computacional e nem por isso o faço. Acredito mais q seja questão de educação sua, acontece.

    Só penso uma coisa, venho lendo o PDH a um Mês, já li varias colunas e talz, e vejo gente q se diz aberta para coisas como homossexualismo, direitos da mulher, sexo e etc. Mas quando surge qualquer assunto q a resposta é contraria, sempre à uma repressão do pessoal. Isso não é uma boa forma de se mostrar sem preconceitos. Para ser um cara antenado, moderno e talz, eu tenho q aceitar e concordar com bebedeiras, libertinagem, ceticismo e etc? Para ser inteligente eu tenho a obrigação de não cometer sequer um erro de portugues? (não refiro só ao meu erro como o de outros que surgiram em outros posts).

    Só quero demonstrar as pessoas através do meu comentario q é dificil vc ir contra aquilo que é tachado e seguido a milenios, como o MC Black falou: Exige-se tempo para que se torne toleravel certas atitudes, nada vai ser da noite par ao dia. E sobre evolução moral, bom isso não existe, nossa moralidade é ciclica e tende de tempos em tempos. Li isso num livro chamado a História da Maldade, muito bom. Depois eu posto o nome do autor.

  • Milorde

    Acreditar em Deus não é ser preso, ao contrario. Fora essa opinião no qual só foi uma resposta aos ceticos. Não citei nada de Deus no meu post como justificativa de nada. Mas sim. Eles deve explicar a relação deles, não a nós mas aos filhos deles, e eu não disse q isso deve proibi-los de ter outros e sim q seria complicado, pq mais q vcs não gostem é uma atitude fora do padrão sozial, e como sabem vivemos numa sociedade. Como falei em relação a eles nada posso dizer, mas aos filhos acho perigoso, por nascer doente, e dificil de conciliar e explicar tais coisas.

    Mia => Corrigindo pedologia = pedofilia

    Marcel => Tenho religião sim, mas não sou nenhum fanatico. Se vc não acredita “bicho”, não posso fazer nada.

    Dr. Heath => O fato de ser médico e trabalhar muito com a razão cientifica não o fazer ser cético, sou programador Web e trabalho diariamente com lógica computacional e nem por isso o faço. Acredito mais q seja questão de educação sua, acontece.

    Só penso uma coisa, venho lendo o PDH a um Mês, já li varias colunas e talz, e vejo gente q se diz aberta para coisas como homossexualismo, direitos da mulher, sexo e etc. Mas quando surge qualquer assunto q a resposta é contraria, sempre à uma repressão do pessoal. Isso não é uma boa forma de se mostrar sem preconceitos. Para ser um cara antenado, moderno e talz, eu tenho q aceitar e concordar com bebedeiras, libertinagem, ceticismo e etc? Para ser inteligente eu tenho a obrigação de não cometer sequer um erro de portugues? (não refiro só ao meu erro como o de outros que surgiram em outros posts).

    Só quero demonstrar as pessoas através do meu comentario q é dificil vc ir contra aquilo que é tachado e seguido a milenios, como o MC Black falou: Exige-se tempo para que se torne toleravel certas atitudes, nada vai ser da noite par ao dia. E sobre evolução moral, bom isso não existe, nossa moralidade é ciclica e tende de tempos em tempos. Li isso num livro chamado a História da Maldade, muito bom. Depois eu posto o nome do autor.

  • Milorde

    Acreditar em Deus não é ser preso, ao contrario. Fora essa opinião no qual só foi uma resposta aos ceticos. Não citei nada de Deus no meu post como justificativa de nada. Mas sim. Eles deve explicar a relação deles, não a nós mas aos filhos deles, e eu não disse q isso deve proibi-los de ter outros e sim q seria complicado, pq mais q vcs não gostem é uma atitude fora do padrão sozial, e como sabem vivemos numa sociedade. Como falei em relação a eles nada posso dizer, mas aos filhos acho perigoso, por nascer doente, e dificil de conciliar e explicar tais coisas.

    Mia => Corrigindo pedologia = pedofilia

    Marcel => Tenho religião sim, mas não sou nenhum fanatico. Se vc não acredita “bicho”, não posso fazer nada.

    Dr. Heath => O fato de ser médico e trabalhar muito com a razão cientifica não o fazer ser cético, sou programador Web e trabalho diariamente com lógica computacional e nem por isso o faço. Acredito mais q seja questão de educação sua, acontece.

    Só penso uma coisa, venho lendo o PDH a um Mês, já li varias colunas e talz, e vejo gente q se diz aberta para coisas como homossexualismo, direitos da mulher, sexo e etc. Mas quando surge qualquer assunto q a resposta é contraria, sempre à uma repressão do pessoal. Isso não é uma boa forma de se mostrar sem preconceitos. Para ser um cara antenado, moderno e talz, eu tenho q aceitar e concordar com bebedeiras, libertinagem, ceticismo e etc? Para ser inteligente eu tenho a obrigação de não cometer sequer um erro de portugues? (não refiro só ao meu erro como o de outros que surgiram em outros posts).

    Só quero demonstrar as pessoas através do meu comentario q é dificil vc ir contra aquilo que é tachado e seguido a milenios, como o MC Black falou: Exige-se tempo para que se torne toleravel certas atitudes, nada vai ser da noite par ao dia. E sobre evolução moral, bom isso não existe, nossa moralidade é ciclica e tende de tempos em tempos. Li isso num livro chamado a História da Maldade, muito bom. Depois eu posto o nome do autor.

  • Milorde

    Os erros de protuga passaram novamente, mas to postando pelo comments do próprio site e do trabalho. Meio compreensivel.

  • Milorde

    Os erros de protuga passaram novamente, mas to postando pelo comments do próprio site e do trabalho. Meio compreensivel.

  • Milorde

    Os erros de protuga passaram novamente, mas to postando pelo comments do próprio site e do trabalho. Meio compreensivel.

  • Milorde

    Os erros de protuga passaram novamente, mas to postando pelo comments do próprio site e do trabalho. Meio compreensivel.

  • Milorde

    Os erros de protuga passaram novamente, mas to postando pelo comments do próprio site e do trabalho. Meio compreensivel.

  • Milorde

    Os erros de protuga passaram novamente, mas to postando pelo comments do próprio site e do trabalho. Meio compreensivel.

  • Milorde

    Os erros de protuga passaram novamente, mas to postando pelo comments do próprio site e do trabalho. Meio compreensivel.

  • Milorde

    Os erros de protuga passaram novamente, mas to postando pelo comments do próprio site e do trabalho. Meio compreensivel.

  • Milorde

    Os erros de protuga passaram novamente, mas to postando pelo comments do próprio site e do trabalho. Meio compreensivel.

  • Milorde

    Os erros de protuga passaram novamente, mas to postando pelo comments do próprio site e do trabalho. Meio compreensivel.

  • http://rodrigosantiago.net/blog Rodrigo Santiago

    Bom, na questão do tabu do incesto, é de se pensar porque é proibido, quando surgiu essa proibição e etc.

    Fazendo uma pesquisa básica no oráculo, achei um texto que parece ser interessante, não o li por completo ainda.

    O título é “O tabu do incesto e os olhares de Freud e Levi-Strauss”, de Andrea Mello Pontes.

    O link do artigo:
    http://www.nead.unama.br/site/bibdigital/pdf/artigos_revistas/37.pdf

    E esse artigo da Superinteressante, para quem não tem tempo:
    http://super.abril.com.br/superarquivo/2003/conteudo_122851.shtml

  • http://rodrigosantiago.net/blog Rodrigo Santiago

    Bom, na questão do tabu do incesto, é de se pensar porque é proibido, quando surgiu essa proibição e etc.

    Fazendo uma pesquisa básica no oráculo, achei um texto que parece ser interessante, não o li por completo ainda.

    O título é “O tabu do incesto e os olhares de Freud e Levi-Strauss”, de Andrea Mello Pontes.

    O link do artigo:
    http://www.nead.unama.br/site/bibdigital/pdf/artigos_revistas/37.pdf

    E esse artigo da Superinteressante, para quem não tem tempo:
    http://super.abril.com.br/superarquivo/2003/conteudo_122851.shtml

  • http://rodrigosantiago.net/blog Rodrigo Santiago

    Bom, na questão do tabu do incesto, é de se pensar porque é proibido, quando surgiu essa proibição e etc.

    Fazendo uma pesquisa básica no oráculo, achei um texto que parece ser interessante, não o li por completo ainda.

    O título é “O tabu do incesto e os olhares de Freud e Levi-Strauss”, de Andrea Mello Pontes.

    O link do artigo:
    http://www.nead.unama.br/site/bibdigital/pdf/artigos_revistas/37.pdf

    E esse artigo da Superinteressante, para quem não tem tempo:
    http://super.abril.com.br/superarquivo/2003/conteudo_122851.shtml

  • http://rodrigosantiago.net/blog Rodrigo Santiago

    Bom, na questão do tabu do incesto, é de se pensar porque é proibido, quando surgiu essa proibição e etc.

    Fazendo uma pesquisa básica no oráculo, achei um texto que parece ser interessante, não o li por completo ainda.

    O título é “O tabu do incesto e os olhares de Freud e Levi-Strauss”, de Andrea Mello Pontes.

    O link do artigo:
    http://www.nead.unama.br/site/bibdigital/pdf/artigos_revistas/37.pdf

    E esse artigo da Superinteressante, para quem não tem tempo:
    http://super.abril.com.br/superarquivo/2003/conteudo_122851.shtml

  • http://rodrigosantiago.net/blog Rodrigo Santiago

    Bom, na questão do tabu do incesto, é de se pensar porque é proibido, quando surgiu essa proibição e etc.

    Fazendo uma pesquisa básica no oráculo, achei um texto que parece ser interessante, não o li por completo ainda.

    O título é “O tabu do incesto e os olhares de Freud e Levi-Strauss”, de Andrea Mello Pontes.

    O link do artigo:
    http://www.nead.unama.br/site/bibdigital/pdf/artigos_revistas/37.pdf

    E esse artigo da Superinteressante, para quem não tem tempo:
    http://super.abril.com.br/superarquivo/2003/conteudo_122851.shtml

  • http://rodrigosantiago.net/blog Rodrigo Santiago

    Bom, na questão do tabu do incesto, é de se pensar porque é proibido, quando surgiu essa proibição e etc.

    Fazendo uma pesquisa básica no oráculo, achei um texto que parece ser interessante, não o li por completo ainda.

    O título é “O tabu do incesto e os olhares de Freud e Levi-Strauss”, de Andrea Mello Pontes.

    O link do artigo:
    http://www.nead.unama.br/site/bibdigital/pdf/artigos_revistas/37.pdf

    E esse artigo da Superinteressante, para quem não tem tempo:
    http://super.abril.com.br/superarquivo/2003/conteudo_122851.shtml

  • http://rodrigosantiago.net/blog Rodrigo Santiago

    Bom, na questão do tabu do incesto, é de se pensar porque é proibido, quando surgiu essa proibição e etc.

    Fazendo uma pesquisa básica no oráculo, achei um texto que parece ser interessante, não o li por completo ainda.

    O título é “O tabu do incesto e os olhares de Freud e Levi-Strauss”, de Andrea Mello Pontes.

    O link do artigo:
    http://www.nead.unama.br/site/bibdigital/pdf/artigos_revistas/37.pdf

    E esse artigo da Superinteressante, para quem não tem tempo:
    http://super.abril.com.br/superarquivo/2003/conteudo_122851.shtml

  • http://rodrigosantiago.net/blog Rodrigo Santiago

    Bom, na questão do tabu do incesto, é de se pensar porque é proibido, quando surgiu essa proibição e etc.

    Fazendo uma pesquisa básica no oráculo, achei um texto que parece ser interessante, não o li por completo ainda.

    O título é “O tabu do incesto e os olhares de Freud e Levi-Strauss”, de Andrea Mello Pontes.

    O link do artigo:
    http://www.nead.unama.br/site/bibdigital/pdf/artigos_revistas/37.pdf

    E esse artigo da Superinteressante, para quem não tem tempo:
    http://super.abril.com.br/superarquivo/2003/conteudo_122851.shtml

  • http://rodrigosantiago.net/blog Rodrigo Santiago

    Bom, na questão do tabu do incesto, é de se pensar porque é proibido, quando surgiu essa proibição e etc.

    Fazendo uma pesquisa básica no oráculo, achei um texto que parece ser interessante, não o li por completo ainda.

    O título é “O tabu do incesto e os olhares de Freud e Levi-Strauss”, de Andrea Mello Pontes.

    O link do artigo:
    http://www.nead.unama.br/site/bibdigital/pdf/artigos_revistas/37.pdf

    E esse artigo da Superinteressante, para quem não tem tempo:
    http://super.abril.com.br/superarquivo/2003/conteudo_122851.shtml

  • Wilma Flinstone

    Aos fervorosos que manifestaram-se colocando Deus na frente:

    A frase SOMOS TODOS IRMÃOS não deriva de um incesto? Adão e Eva não tiveram 2 filhos do sexo masculino? (Caim e Abel). Caim não matou Abel? E aí? que mulher havia? A MÃE, que lhe deu filhos e filhas, que reproduziram-se entre si e com os pais. E a partir daí, fez-se a humanidade. Não foi isso que ensinaram no catecismo? então? O que há de chocante nisso? Naquela época podia, e agora não pode?
    Revejam seus conceitos…..se vocês acreditam no criacionismo, o incesto está na raiz dele, e em diversos casos posteriores!

    É estranho para nós? é. Os laços que desenvolvemos com irmãos não nos dá a visão de como eles são como HOMENS E MULHERES. É como tentar imaginar nossos pais tendo uma relação sexual: sabemos que houve, porque estamos aqui…mas não conseguimos “visualizar” o ato em si. Não conseguimos enxergar nossas mães como “devassas” na cama, e nossos pais falando obscenidades enquanto ela geme! É algo mais CULTURAL do que qualquer outra coisa.

    Já pensaram o quanto é comum o incesto no sertão nordestino? Quantos pais “defloram” a própria filha, para que a primeira vez dela não seja com um qualquer? Que o grande número de crimes “contra a honra” no sertão tem muito a ver com o ciúme DE HOMEM que o pai sente pela filha? Que muitas mulheres na casa dos 30 anos deixam de ter vida sexual depois que as meninas se tornam adolescentes? Esse povo não tem idéia do que seja genética, apenas de que o sexo é bom, e que as crianças podem nascer “doentes” como “castigo de Deus”.

    Também acho estranho irmãos que fazem sexo. Mas é só isso: ESTRANHO. Que bom que existe a mínima consciência de pelo menos um deles de que podem nascer filhos com algum tipo de deficiência, e o fez procurar uma ajuda minimamente séria.

    Mas, se está certo ou errado, eles já decidiram. E não precisaram da ajuda e nem do consentimento de ninguém.

    VIVA E DEIXE VIVER.
    Beijos a todos.

  • Wilma Flinstone

    Aos fervorosos que manifestaram-se colocando Deus na frente:

    A frase SOMOS TODOS IRMÃOS não deriva de um incesto? Adão e Eva não tiveram 2 filhos do sexo masculino? (Caim e Abel). Caim não matou Abel? E aí? que mulher havia? A MÃE, que lhe deu filhos e filhas, que reproduziram-se entre si e com os pais. E a partir daí, fez-se a humanidade. Não foi isso que ensinaram no catecismo? então? O que há de chocante nisso? Naquela época podia, e agora não pode?
    Revejam seus conceitos…..se vocês acreditam no criacionismo, o incesto está na raiz dele, e em diversos casos posteriores!

    É estranho para nós? é. Os laços que desenvolvemos com irmãos não nos dá a visão de como eles são como HOMENS E MULHERES. É como tentar imaginar nossos pais tendo uma relação sexual: sabemos que houve, porque estamos aqui…mas não conseguimos “visualizar” o ato em si. Não conseguimos enxergar nossas mães como “devassas” na cama, e nossos pais falando obscenidades enquanto ela geme! É algo mais CULTURAL do que qualquer outra coisa.

    Já pensaram o quanto é comum o incesto no sertão nordestino? Quantos pais “defloram” a própria filha, para que a primeira vez dela não seja com um qualquer? Que o grande número de crimes “contra a honra” no sertão tem muito a ver com o ciúme DE HOMEM que o pai sente pela filha? Que muitas mulheres na casa dos 30 anos deixam de ter vida sexual depois que as meninas se tornam adolescentes? Esse povo não tem idéia do que seja genética, apenas de que o sexo é bom, e que as crianças podem nascer “doentes” como “castigo de Deus”.

    Também acho estranho irmãos que fazem sexo. Mas é só isso: ESTRANHO. Que bom que existe a mínima consciência de pelo menos um deles de que podem nascer filhos com algum tipo de deficiência, e o fez procurar uma ajuda minimamente séria.

    Mas, se está certo ou errado, eles já decidiram. E não precisaram da ajuda e nem do consentimento de ninguém.

    VIVA E DEIXE VIVER.
    Beijos a todos.

  • Wilma Flinstone

    Aos fervorosos que manifestaram-se colocando Deus na frente:

    A frase SOMOS TODOS IRMÃOS não deriva de um incesto? Adão e Eva não tiveram 2 filhos do sexo masculino? (Caim e Abel). Caim não matou Abel? E aí? que mulher havia? A MÃE, que lhe deu filhos e filhas, que reproduziram-se entre si e com os pais. E a partir daí, fez-se a humanidade. Não foi isso que ensinaram no catecismo? então? O que há de chocante nisso? Naquela época podia, e agora não pode?
    Revejam seus conceitos…..se vocês acreditam no criacionismo, o incesto está na raiz dele, e em diversos casos posteriores!

    É estranho para nós? é. Os laços que desenvolvemos com irmãos não nos dá a visão de como eles são como HOMENS E MULHERES. É como tentar imaginar nossos pais tendo uma relação sexual: sabemos que houve, porque estamos aqui…mas não conseguimos “visualizar” o ato em si. Não conseguimos enxergar nossas mães como “devassas” na cama, e nossos pais falando obscenidades enquanto ela geme! É algo mais CULTURAL do que qualquer outra coisa.

    Já pensaram o quanto é comum o incesto no sertão nordestino? Quantos pais “defloram” a própria filha, para que a primeira vez dela não seja com um qualquer? Que o grande número de crimes “contra a honra” no sertão tem muito a ver com o ciúme DE HOMEM que o pai sente pela filha? Que muitas mulheres na casa dos 30 anos deixam de ter vida sexual depois que as meninas se tornam adolescentes? Esse povo não tem idéia do que seja genética, apenas de que o sexo é bom, e que as crianças podem nascer “doentes” como “castigo de Deus”.

    Também acho estranho irmãos que fazem sexo. Mas é só isso: ESTRANHO. Que bom que existe a mínima consciência de pelo menos um deles de que podem nascer filhos com algum tipo de deficiência, e o fez procurar uma ajuda minimamente séria.

    Mas, se está certo ou errado, eles já decidiram. E não precisaram da ajuda e nem do consentimento de ninguém.

    VIVA E DEIXE VIVER.
    Beijos a todos.

  • Wilma Flinstone

    Aos fervorosos que manifestaram-se colocando Deus na frente:

    A frase SOMOS TODOS IRMÃOS não deriva de um incesto? Adão e Eva não tiveram 2 filhos do sexo masculino? (Caim e Abel). Caim não matou Abel? E aí? que mulher havia? A MÃE, que lhe deu filhos e filhas, que reproduziram-se entre si e com os pais. E a partir daí, fez-se a humanidade. Não foi isso que ensinaram no catecismo? então? O que há de chocante nisso? Naquela época podia, e agora não pode?
    Revejam seus conceitos…..se vocês acreditam no criacionismo, o incesto está na raiz dele, e em diversos casos posteriores!

    É estranho para nós? é. Os laços que desenvolvemos com irmãos não nos dá a visão de como eles são como HOMENS E MULHERES. É como tentar imaginar nossos pais tendo uma relação sexual: sabemos que houve, porque estamos aqui…mas não conseguimos “visualizar” o ato em si. Não conseguimos enxergar nossas mães como “devassas” na cama, e nossos pais falando obscenidades enquanto ela geme! É algo mais CULTURAL do que qualquer outra coisa.

    Já pensaram o quanto é comum o incesto no sertão nordestino? Quantos pais “defloram” a própria filha, para que a primeira vez dela não seja com um qualquer? Que o grande número de crimes “contra a honra” no sertão tem muito a ver com o ciúme DE HOMEM que o pai sente pela filha? Que muitas mulheres na casa dos 30 anos deixam de ter vida sexual depois que as meninas se tornam adolescentes? Esse povo não tem idéia do que seja genética, apenas de que o sexo é bom, e que as crianças podem nascer “doentes” como “castigo de Deus”.

    Também acho estranho irmãos que fazem sexo. Mas é só isso: ESTRANHO. Que bom que existe a mínima consciência de pelo menos um deles de que podem nascer filhos com algum tipo de deficiência, e o fez procurar uma ajuda minimamente séria.

    Mas, se está certo ou errado, eles já decidiram. E não precisaram da ajuda e nem do consentimento de ninguém.

    VIVA E DEIXE VIVER.
    Beijos a todos.

  • Wilma Flinstone

    Aos fervorosos que manifestaram-se colocando Deus na frente:

    A frase SOMOS TODOS IRMÃOS não deriva de um incesto? Adão e Eva não tiveram 2 filhos do sexo masculino? (Caim e Abel). Caim não matou Abel? E aí? que mulher havia? A MÃE, que lhe deu filhos e filhas, que reproduziram-se entre si e com os pais. E a partir daí, fez-se a humanidade. Não foi isso que ensinaram no catecismo? então? O que há de chocante nisso? Naquela época podia, e agora não pode?
    Revejam seus conceitos…..se vocês acreditam no criacionismo, o incesto está na raiz dele, e em diversos casos posteriores!

    É estranho para nós? é. Os laços que desenvolvemos com irmãos não nos dá a visão de como eles são como HOMENS E MULHERES. É como tentar imaginar nossos pais tendo uma relação sexual: sabemos que houve, porque estamos aqui…mas não conseguimos “visualizar” o ato em si. Não conseguimos enxergar nossas mães como “devassas” na cama, e nossos pais falando obscenidades enquanto ela geme! É algo mais CULTURAL do que qualquer outra coisa.

    Já pensaram o quanto é comum o incesto no sertão nordestino? Quantos pais “defloram” a própria filha, para que a primeira vez dela não seja com um qualquer? Que o grande número de crimes “contra a honra” no sertão tem muito a ver com o ciúme DE HOMEM que o pai sente pela filha? Que muitas mulheres na casa dos 30 anos deixam de ter vida sexual depois que as meninas se tornam adolescentes? Esse povo não tem idéia do que seja genética, apenas de que o sexo é bom, e que as crianças podem nascer “doentes” como “castigo de Deus”.

    Também acho estranho irmãos que fazem sexo. Mas é só isso: ESTRANHO. Que bom que existe a mínima consciência de pelo menos um deles de que podem nascer filhos com algum tipo de deficiência, e o fez procurar uma ajuda minimamente séria.

    Mas, se está certo ou errado, eles já decidiram. E não precisaram da ajuda e nem do consentimento de ninguém.

    VIVA E DEIXE VIVER.
    Beijos a todos.

  • Wilma Flinstone

    Aos fervorosos que manifestaram-se colocando Deus na frente:

    A frase SOMOS TODOS IRMÃOS não deriva de um incesto? Adão e Eva não tiveram 2 filhos do sexo masculino? (Caim e Abel). Caim não matou Abel? E aí? que mulher havia? A MÃE, que lhe deu filhos e filhas, que reproduziram-se entre si e com os pais. E a partir daí, fez-se a humanidade. Não foi isso que ensinaram no catecismo? então? O que há de chocante nisso? Naquela época podia, e agora não pode?
    Revejam seus conceitos…..se vocês acreditam no criacionismo, o incesto está na raiz dele, e em diversos casos posteriores!

    É estranho para nós? é. Os laços que desenvolvemos com irmãos não nos dá a visão de como eles são como HOMENS E MULHERES. É como tentar imaginar nossos pais tendo uma relação sexual: sabemos que houve, porque estamos aqui…mas não conseguimos “visualizar” o ato em si. Não conseguimos enxergar nossas mães como “devassas” na cama, e nossos pais falando obscenidades enquanto ela geme! É algo mais CULTURAL do que qualquer outra coisa.

    Já pensaram o quanto é comum o incesto no sertão nordestino? Quantos pais “defloram” a própria filha, para que a primeira vez dela não seja com um qualquer? Que o grande número de crimes “contra a honra” no sertão tem muito a ver com o ciúme DE HOMEM que o pai sente pela filha? Que muitas mulheres na casa dos 30 anos deixam de ter vida sexual depois que as meninas se tornam adolescentes? Esse povo não tem idéia do que seja genética, apenas de que o sexo é bom, e que as crianças podem nascer “doentes” como “castigo de Deus”.

    Também acho estranho irmãos que fazem sexo. Mas é só isso: ESTRANHO. Que bom que existe a mínima consciência de pelo menos um deles de que podem nascer filhos com algum tipo de deficiência, e o fez procurar uma ajuda minimamente séria.

    Mas, se está certo ou errado, eles já decidiram. E não precisaram da ajuda e nem do consentimento de ninguém.

    VIVA E DEIXE VIVER.
    Beijos a todos.

  • Wilma Flinstone

    Aos fervorosos que manifestaram-se colocando Deus na frente:

    A frase SOMOS TODOS IRMÃOS não deriva de um incesto? Adão e Eva não tiveram 2 filhos do sexo masculino? (Caim e Abel). Caim não matou Abel? E aí? que mulher havia? A MÃE, que lhe deu filhos e filhas, que reproduziram-se entre si e com os pais. E a partir daí, fez-se a humanidade. Não foi isso que ensinaram no catecismo? então? O que há de chocante nisso? Naquela época podia, e agora não pode?
    Revejam seus conceitos…..se vocês acreditam no criacionismo, o incesto está na raiz dele, e em diversos casos posteriores!

    É estranho para nós? é. Os laços que desenvolvemos com irmãos não nos dá a visão de como eles são como HOMENS E MULHERES. É como tentar imaginar nossos pais tendo uma relação sexual: sabemos que houve, porque estamos aqui…mas não conseguimos “visualizar” o ato em si. Não conseguimos enxergar nossas mães como “devassas” na cama, e nossos pais falando obscenidades enquanto ela geme! É algo mais CULTURAL do que qualquer outra coisa.

    Já pensaram o quanto é comum o incesto no sertão nordestino? Quantos pais “defloram” a própria filha, para que a primeira vez dela não seja com um qualquer? Que o grande número de crimes “contra a honra” no sertão tem muito a ver com o ciúme DE HOMEM que o pai sente pela filha? Que muitas mulheres na casa dos 30 anos deixam de ter vida sexual depois que as meninas se tornam adolescentes? Esse povo não tem idéia do que seja genética, apenas de que o sexo é bom, e que as crianças podem nascer “doentes” como “castigo de Deus”.

    Também acho estranho irmãos que fazem sexo. Mas é só isso: ESTRANHO. Que bom que existe a mínima consciência de pelo menos um deles de que podem nascer filhos com algum tipo de deficiência, e o fez procurar uma ajuda minimamente séria.

    Mas, se está certo ou errado, eles já decidiram. E não precisaram da ajuda e nem do consentimento de ninguém.

    VIVA E DEIXE VIVER.
    Beijos a todos.

  • Wilma Flinstone

    Aos fervorosos que manifestaram-se colocando Deus na frente:

    A frase SOMOS TODOS IRMÃOS não deriva de um incesto? Adão e Eva não tiveram 2 filhos do sexo masculino? (Caim e Abel). Caim não matou Abel? E aí? que mulher havia? A MÃE, que lhe deu filhos e filhas, que reproduziram-se entre si e com os pais. E a partir daí, fez-se a humanidade. Não foi isso que ensinaram no catecismo? então? O que há de chocante nisso? Naquela época podia, e agora não pode?
    Revejam seus conceitos…..se vocês acreditam no criacionismo, o incesto está na raiz dele, e em diversos casos posteriores!

    É estranho para nós? é. Os laços que desenvolvemos com irmãos não nos dá a visão de como eles são como HOMENS E MULHERES. É como tentar imaginar nossos pais tendo uma relação sexual: sabemos que houve, porque estamos aqui…mas não conseguimos “visualizar” o ato em si. Não conseguimos enxergar nossas mães como “devassas” na cama, e nossos pais falando obscenidades enquanto ela geme! É algo mais CULTURAL do que qualquer outra coisa.

    Já pensaram o quanto é comum o incesto no sertão nordestino? Quantos pais “defloram” a própria filha, para que a primeira vez dela não seja com um qualquer? Que o grande número de crimes “contra a honra” no sertão tem muito a ver com o ciúme DE HOMEM que o pai sente pela filha? Que muitas mulheres na casa dos 30 anos deixam de ter vida sexual depois que as meninas se tornam adolescentes? Esse povo não tem idéia do que seja genética, apenas de que o sexo é bom, e que as crianças podem nascer “doentes” como “castigo de Deus”.

    Também acho estranho irmãos que fazem sexo. Mas é só isso: ESTRANHO. Que bom que existe a mínima consciência de pelo menos um deles de que podem nascer filhos com algum tipo de deficiência, e o fez procurar uma ajuda minimamente séria.

    Mas, se está certo ou errado, eles já decidiram. E não precisaram da ajuda e nem do consentimento de ninguém.

    VIVA E DEIXE VIVER.
    Beijos a todos.

  • Wilma Flinstone

    Aos fervorosos que manifestaram-se colocando Deus na frente:

    A frase SOMOS TODOS IRMÃOS não deriva de um incesto? Adão e Eva não tiveram 2 filhos do sexo masculino? (Caim e Abel). Caim não matou Abel? E aí? que mulher havia? A MÃE, que lhe deu filhos e filhas, que reproduziram-se entre si e com os pais. E a partir daí, fez-se a humanidade. Não foi isso que ensinaram no catecismo? então? O que há de chocante nisso? Naquela época podia, e agora não pode?
    Revejam seus conceitos…..se vocês acreditam no criacionismo, o incesto está na raiz dele, e em diversos casos posteriores!

    É estranho para nós? é. Os laços que desenvolvemos com irmãos não nos dá a visão de como eles são como HOMENS E MULHERES. É como tentar imaginar nossos pais tendo uma relação sexual: sabemos que houve, porque estamos aqui…mas não conseguimos “visualizar” o ato em si. Não conseguimos enxergar nossas mães como “devassas” na cama, e nossos pais falando obscenidades enquanto ela geme! É algo mais CULTURAL do que qualquer outra coisa.

    Já pensaram o quanto é comum o incesto no sertão nordestino? Quantos pais “defloram” a própria filha, para que a primeira vez dela não seja com um qualquer? Que o grande número de crimes “contra a honra” no sertão tem muito a ver com o ciúme DE HOMEM que o pai sente pela filha? Que muitas mulheres na casa dos 30 anos deixam de ter vida sexual depois que as meninas se tornam adolescentes? Esse povo não tem idéia do que seja genética, apenas de que o sexo é bom, e que as crianças podem nascer “doentes” como “castigo de Deus”.

    Também acho estranho irmãos que fazem sexo. Mas é só isso: ESTRANHO. Que bom que existe a mínima consciência de pelo menos um deles de que podem nascer filhos com algum tipo de deficiência, e o fez procurar uma ajuda minimamente séria.

    Mas, se está certo ou errado, eles já decidiram. E não precisaram da ajuda e nem do consentimento de ninguém.

    VIVA E DEIXE VIVER.
    Beijos a todos.

  • Sidnei Carlos

    É…
    @ Wilma Flinstone => Você me lembrou um amigo meu que não converso com ele há tempos… Ele dizia: “Cara… eu quero é sacanagem… não quero saber com quem… eu só quero sacanagem”

    Ahuahuahahu

    Será que ele comia a irmã dele ? ( Vou perguntar pra ele e posto a resposta aqui depois )

    E para o resto… Cada um sabe onde enfia a sua salsicha… e cada uma sabe se vai deixar a salsicha entrar ou não!

  • Sidnei Carlos

    É…
    @ Wilma Flinstone => Você me lembrou um amigo meu que não converso com ele há tempos… Ele dizia: “Cara… eu quero é sacanagem… não quero saber com quem… eu só quero sacanagem”

    Ahuahuahahu

    Será que ele comia a irmã dele ? ( Vou perguntar pra ele e posto a resposta aqui depois )

    E para o resto… Cada um sabe onde enfia a sua salsicha… e cada uma sabe se vai deixar a salsicha entrar ou não!

  • Sidnei Carlos

    É…
    @ Wilma Flinstone => Você me lembrou um amigo meu que não converso com ele há tempos… Ele dizia: “Cara… eu quero é sacanagem… não quero saber com quem… eu só quero sacanagem”

    Ahuahuahahu

    Será que ele comia a irmã dele ? ( Vou perguntar pra ele e posto a resposta aqui depois )

    E para o resto… Cada um sabe onde enfia a sua salsicha… e cada uma sabe se vai deixar a salsicha entrar ou não!

  • Sidnei Carlos

    É…
    @ Wilma Flinstone => Você me lembrou um amigo meu que não converso com ele há tempos… Ele dizia: “Cara… eu quero é sacanagem… não quero saber com quem… eu só quero sacanagem”

    Ahuahuahahu

    Será que ele comia a irmã dele ? ( Vou perguntar pra ele e posto a resposta aqui depois )

    E para o resto… Cada um sabe onde enfia a sua salsicha… e cada uma sabe se vai deixar a salsicha entrar ou não!

  • Sidnei Carlos

    É…
    @ Wilma Flinstone => Você me lembrou um amigo meu que não converso com ele há tempos… Ele dizia: “Cara… eu quero é sacanagem… não quero saber com quem… eu só quero sacanagem”

    Ahuahuahahu

    Será que ele comia a irmã dele ? ( Vou perguntar pra ele e posto a resposta aqui depois )

    E para o resto… Cada um sabe onde enfia a sua salsicha… e cada uma sabe se vai deixar a salsicha entrar ou não!

  • Sidnei Carlos

    É…
    @ Wilma Flinstone => Você me lembrou um amigo meu que não converso com ele há tempos… Ele dizia: “Cara… eu quero é sacanagem… não quero saber com quem… eu só quero sacanagem”

    Ahuahuahahu

    Será que ele comia a irmã dele ? ( Vou perguntar pra ele e posto a resposta aqui depois )

    E para o resto… Cada um sabe onde enfia a sua salsicha… e cada uma sabe se vai deixar a salsicha entrar ou não!

  • Sidnei Carlos

    É…
    @ Wilma Flinstone => Você me lembrou um amigo meu que não converso com ele há tempos… Ele dizia: “Cara… eu quero é sacanagem… não quero saber com quem… eu só quero sacanagem”

    Ahuahuahahu

    Será que ele comia a irmã dele ? ( Vou perguntar pra ele e posto a resposta aqui depois )

    E para o resto… Cada um sabe onde enfia a sua salsicha… e cada uma sabe se vai deixar a salsicha entrar ou não!

  • Sidnei Carlos

    É…
    @ Wilma Flinstone => Você me lembrou um amigo meu que não converso com ele há tempos… Ele dizia: “Cara… eu quero é sacanagem… não quero saber com quem… eu só quero sacanagem”

    Ahuahuahahu

    Será que ele comia a irmã dele ? ( Vou perguntar pra ele e posto a resposta aqui depois )

    E para o resto… Cada um sabe onde enfia a sua salsicha… e cada uma sabe se vai deixar a salsicha entrar ou não!

  • Sidnei Carlos

    É…
    @ Wilma Flinstone => Você me lembrou um amigo meu que não converso com ele há tempos… Ele dizia: “Cara… eu quero é sacanagem… não quero saber com quem… eu só quero sacanagem”

    Ahuahuahahu

    Será que ele comia a irmã dele ? ( Vou perguntar pra ele e posto a resposta aqui depois )

    E para o resto… Cada um sabe onde enfia a sua salsicha… e cada uma sabe se vai deixar a salsicha entrar ou não!

  • Milorde

    Wilma => Antes de tudo q vc disse, peço q se acalme e re-leia o q foi escrito. De minha parte nada estou a defender no ponto de vista do incesto, a aplicação da Biblia ou de Deus no caso, principalmente pq nem catolico sou e não tenho a biblia como meu livro sagrado.

    Falo de regras sociais q foram feitas e que são dificeis de se discutirem e aplicarem, assim como está sendo dificil falar do mesmo aki, no momento de explicar isso a uma criança quando a mesma sofrer de gozações na escola (ou vc acha q isso não ocorre?), sem falar do risco q tem dela nascer doente, q é exatamente o que a pessoa do artigo focou e é o q estou atentado a falar para q o mesmo, ao pedir conselho, tenha em mente ao gerar um filho (e ao q já gerou) com a sua irmã.

    Sobre Deus, como falei é somente uma critica aquelas pessoas ditas despreconceituosas q tem preconceito com quem acredita em Deus. Essa repressão q não deveria existir aki.

  • Milorde

    Wilma => Antes de tudo q vc disse, peço q se acalme e re-leia o q foi escrito. De minha parte nada estou a defender no ponto de vista do incesto, a aplicação da Biblia ou de Deus no caso, principalmente pq nem catolico sou e não tenho a biblia como meu livro sagrado.

    Falo de regras sociais q foram feitas e que são dificeis de se discutirem e aplicarem, assim como está sendo dificil falar do mesmo aki, no momento de explicar isso a uma criança quando a mesma sofrer de gozações na escola (ou vc acha q isso não ocorre?), sem falar do risco q tem dela nascer doente, q é exatamente o que a pessoa do artigo focou e é o q estou atentado a falar para q o mesmo, ao pedir conselho, tenha em mente ao gerar um filho (e ao q já gerou) com a sua irmã.

    Sobre Deus, como falei é somente uma critica aquelas pessoas ditas despreconceituosas q tem preconceito com quem acredita em Deus. Essa repressão q não deveria existir aki.

  • Milorde

    Wilma => Antes de tudo q vc disse, peço q se acalme e re-leia o q foi escrito. De minha parte nada estou a defender no ponto de vista do incesto, a aplicação da Biblia ou de Deus no caso, principalmente pq nem catolico sou e não tenho a biblia como meu livro sagrado.

    Falo de regras sociais q foram feitas e que são dificeis de se discutirem e aplicarem, assim como está sendo dificil falar do mesmo aki, no momento de explicar isso a uma criança quando a mesma sofrer de gozações na escola (ou vc acha q isso não ocorre?), sem falar do risco q tem dela nascer doente, q é exatamente o que a pessoa do artigo focou e é o q estou atentado a falar para q o mesmo, ao pedir conselho, tenha em mente ao gerar um filho (e ao q já gerou) com a sua irmã.

    Sobre Deus, como falei é somente uma critica aquelas pessoas ditas despreconceituosas q tem preconceito com quem acredita em Deus. Essa repressão q não deveria existir aki.

  • Milorde

    Wilma => Antes de tudo q vc disse, peço q se acalme e re-leia o q foi escrito. De minha parte nada estou a defender no ponto de vista do incesto, a aplicação da Biblia ou de Deus no caso, principalmente pq nem catolico sou e não tenho a biblia como meu livro sagrado.

    Falo de regras sociais q foram feitas e que são dificeis de se discutirem e aplicarem, assim como está sendo dificil falar do mesmo aki, no momento de explicar isso a uma criança quando a mesma sofrer de gozações na escola (ou vc acha q isso não ocorre?), sem falar do risco q tem dela nascer doente, q é exatamente o que a pessoa do artigo focou e é o q estou atentado a falar para q o mesmo, ao pedir conselho, tenha em mente ao gerar um filho (e ao q já gerou) com a sua irmã.

    Sobre Deus, como falei é somente uma critica aquelas pessoas ditas despreconceituosas q tem preconceito com quem acredita em Deus. Essa repressão q não deveria existir aki.

  • Milorde

    Wilma => Antes de tudo q vc disse, peço q se acalme e re-leia o q foi escrito. De minha parte nada estou a defender no ponto de vista do incesto, a aplicação da Biblia ou de Deus no caso, principalmente pq nem catolico sou e não tenho a biblia como meu livro sagrado.

    Falo de regras sociais q foram feitas e que são dificeis de se discutirem e aplicarem, assim como está sendo dificil falar do mesmo aki, no momento de explicar isso a uma criança quando a mesma sofrer de gozações na escola (ou vc acha q isso não ocorre?), sem falar do risco q tem dela nascer doente, q é exatamente o que a pessoa do artigo focou e é o q estou atentado a falar para q o mesmo, ao pedir conselho, tenha em mente ao gerar um filho (e ao q já gerou) com a sua irmã.

    Sobre Deus, como falei é somente uma critica aquelas pessoas ditas despreconceituosas q tem preconceito com quem acredita em Deus. Essa repressão q não deveria existir aki.

  • Milorde

    Wilma => Antes de tudo q vc disse, peço q se acalme e re-leia o q foi escrito. De minha parte nada estou a defender no ponto de vista do incesto, a aplicação da Biblia ou de Deus no caso, principalmente pq nem catolico sou e não tenho a biblia como meu livro sagrado.

    Falo de regras sociais q foram feitas e que são dificeis de se discutirem e aplicarem, assim como está sendo dificil falar do mesmo aki, no momento de explicar isso a uma criança quando a mesma sofrer de gozações na escola (ou vc acha q isso não ocorre?), sem falar do risco q tem dela nascer doente, q é exatamente o que a pessoa do artigo focou e é o q estou atentado a falar para q o mesmo, ao pedir conselho, tenha em mente ao gerar um filho (e ao q já gerou) com a sua irmã.

    Sobre Deus, como falei é somente uma critica aquelas pessoas ditas despreconceituosas q tem preconceito com quem acredita em Deus. Essa repressão q não deveria existir aki.

  • Milorde

    Wilma => Antes de tudo q vc disse, peço q se acalme e re-leia o q foi escrito. De minha parte nada estou a defender no ponto de vista do incesto, a aplicação da Biblia ou de Deus no caso, principalmente pq nem catolico sou e não tenho a biblia como meu livro sagrado.

    Falo de regras sociais q foram feitas e que são dificeis de se discutirem e aplicarem, assim como está sendo dificil falar do mesmo aki, no momento de explicar isso a uma criança quando a mesma sofrer de gozações na escola (ou vc acha q isso não ocorre?), sem falar do risco q tem dela nascer doente, q é exatamente o que a pessoa do artigo focou e é o q estou atentado a falar para q o mesmo, ao pedir conselho, tenha em mente ao gerar um filho (e ao q já gerou) com a sua irmã.

    Sobre Deus, como falei é somente uma critica aquelas pessoas ditas despreconceituosas q tem preconceito com quem acredita em Deus. Essa repressão q não deveria existir aki.

  • Milorde

    Wilma => Antes de tudo q vc disse, peço q se acalme e re-leia o q foi escrito. De minha parte nada estou a defender no ponto de vista do incesto, a aplicação da Biblia ou de Deus no caso, principalmente pq nem catolico sou e não tenho a biblia como meu livro sagrado.

    Falo de regras sociais q foram feitas e que são dificeis de se discutirem e aplicarem, assim como está sendo dificil falar do mesmo aki, no momento de explicar isso a uma criança quando a mesma sofrer de gozações na escola (ou vc acha q isso não ocorre?), sem falar do risco q tem dela nascer doente, q é exatamente o que a pessoa do artigo focou e é o q estou atentado a falar para q o mesmo, ao pedir conselho, tenha em mente ao gerar um filho (e ao q já gerou) com a sua irmã.

    Sobre Deus, como falei é somente uma critica aquelas pessoas ditas despreconceituosas q tem preconceito com quem acredita em Deus. Essa repressão q não deveria existir aki.

  • Daniel

    Tenso!

  • Daniel

    Tenso!

  • Daniel

    Tenso!

  • Daniel

    Tenso!

  • Daniel

    Tenso!

  • Daniel

    Tenso!

  • Daniel

    Tenso!

  • Daniel

    Tenso!

  • Wilma Flinstone

    @Milorde:
    Estou calma ,lindinho, estou calma…

    Não fiz meu comentário pensando SÓ nos teus posts, porque há mais pessoas que usaram um embasamento “talvez” teológico (acredito mais que seja DOGMÁTICO) para fazer seus posts. Usei o exemplo porque a maioria de nós, acredito eu, mesmo que não siga a religião Católica Apostólica Romana HOJE (podendo HOJE ser cristão, budista, espírita, etc.) foi batizada, crismada e fez 1a. comunhão na igreja católica, que ensina isso.

    Só coloquei os fatos que a igreja nos ensina…Como parte da “história”! Longe de mim julgar estes fatos!….

    E muito menos me considero apta a julgar as pessoas por terem preconceitos (ou não) com quem acredita em Deus! Albert Einstein tem uma frase que considero oportuníssima sobre isso: “OS HOMENS QUE CRÊEM NA CIÊNCIA NÃO SÃO MENOS CRÉDULOS DO QUE AQUELES QUE ACREDITAM EM DEUS SOB TODAS AS SUAS FORMAS”. A crença é a mesma. O “objeto” da crença é que muda. E isso é que faz as perspectivas serem diferentes…Cada um crê naquilo que corresponda suas expectativas!

    Mas, voltando ao assunto principal:
    Como eu tinha dito antes, acho isso ESTRANHO, APENAS. As regras sociais que seguimos apenas são reflexos da nossa cultura. Cada grupo culturalmente distinto tem padrôes sociais diferentes. Para nossa cultura, é aberrante um homem se CASAR com várias mulheres, mas fazemos “vista grossa” quando ele tem amantes….para algumas tribos africanas, ter amantes é uma aberração! O homem pode se casar com quantas mulheres quiser…desde que possa sustentá-las!
    Viu como cultura é algo subjetivo?

    As regras sociais que temos provavelmente vão “empurrar” este casal para algum lugar onde ninguém conheça a história de vida de ambos, e eles viverão como um casal que não será rejeitado pela sociedade. Não sabemos como foi feito o registro de nascimento da primeira criança, mas provavelmente foi feito em nome de apenas um dos dois. Se não houver documento comprobatório disso, não haverá gozações na escola. Ou você acha que isso é o tipo de coisa que criança sai gritando pela rua? Acha que a criança vai anunciar ao mundo inocentemente “papai e mamãe são irmãos!”???? Não acredito. Se alguma coisa já foi dita a essa criança a esse respeito, com certeza foi no intuito de “deixar esta estória dentro de casa”, porque MESMO ELES sabem que “romperam com a sociedade” quando resolveram ficar juntos.

    Quanto à questão consanguínea, continuo dizendo, achei legal o cara ter tido este tipo de preocupação, porque mostra que, em algum momento, houve a lucidez de imaginar que REALMENTE os filhos dessa união poderiam nascer com algum tipo de problema. Entre um casal, pensar em filhos é uma idéia concreta, em algum momento da vida. Ele já teve a consciência de que, se o primeiro foi normal, o segundo poderá não ser, mas queria saber de possibilidades reais disso acontecer. E nisso o Dr. Health foi muito legal, mostrando de forma ultra-didática, como em uma aula de biologia, as possibilidades do casal.
    Se eles vão ter outro(s)? Não sabemos. Mas eles já sabem do risco que correm, e isso foi o válido da questão toda.

    Milorde, não te condeno, nem te absolvo…Nossos pontos de vista refletem como pensamos…E você não é inferior nem superior a mim ou a ninguém! só é diferente!

    Desculpa ter escrito taaaanto…mulheres que falam muito, por consequência….escrevem muito!

    Beijos.

  • Wilma Flinstone

    @Milorde:
    Estou calma ,lindinho, estou calma…

    Não fiz meu comentário pensando SÓ nos teus posts, porque há mais pessoas que usaram um embasamento “talvez” teológico (acredito mais que seja DOGMÁTICO) para fazer seus posts. Usei o exemplo porque a maioria de nós, acredito eu, mesmo que não siga a religião Católica Apostólica Romana HOJE (podendo HOJE ser cristão, budista, espírita, etc.) foi batizada, crismada e fez 1a. comunhão na igreja católica, que ensina isso.

    Só coloquei os fatos que a igreja nos ensina…Como parte da “história”! Longe de mim julgar estes fatos!….

    E muito menos me considero apta a julgar as pessoas por terem preconceitos (ou não) com quem acredita em Deus! Albert Einstein tem uma frase que considero oportuníssima sobre isso: “OS HOMENS QUE CRÊEM NA CIÊNCIA NÃO SÃO MENOS CRÉDULOS DO QUE AQUELES QUE ACREDITAM EM DEUS SOB TODAS AS SUAS FORMAS”. A crença é a mesma. O “objeto” da crença é que muda. E isso é que faz as perspectivas serem diferentes…Cada um crê naquilo que corresponda suas expectativas!

    Mas, voltando ao assunto principal:
    Como eu tinha dito antes, acho isso ESTRANHO, APENAS. As regras sociais que seguimos apenas são reflexos da nossa cultura. Cada grupo culturalmente distinto tem padrôes sociais diferentes. Para nossa cultura, é aberrante um homem se CASAR com várias mulheres, mas fazemos “vista grossa” quando ele tem amantes….para algumas tribos africanas, ter amantes é uma aberração! O homem pode se casar com quantas mulheres quiser…desde que possa sustentá-las!
    Viu como cultura é algo subjetivo?

    As regras sociais que temos provavelmente vão “empurrar” este casal para algum lugar onde ninguém conheça a história de vida de ambos, e eles viverão como um casal que não será rejeitado pela sociedade. Não sabemos como foi feito o registro de nascimento da primeira criança, mas provavelmente foi feito em nome de apenas um dos dois. Se não houver documento comprobatório disso, não haverá gozações na escola. Ou você acha que isso é o tipo de coisa que criança sai gritando pela rua? Acha que a criança vai anunciar ao mundo inocentemente “papai e mamãe são irmãos!”???? Não acredito. Se alguma coisa já foi dita a essa criança a esse respeito, com certeza foi no intuito de “deixar esta estória dentro de casa”, porque MESMO ELES sabem que “romperam com a sociedade” quando resolveram ficar juntos.

    Quanto à questão consanguínea, continuo dizendo, achei legal o cara ter tido este tipo de preocupação, porque mostra que, em algum momento, houve a lucidez de imaginar que REALMENTE os filhos dessa união poderiam nascer com algum tipo de problema. Entre um casal, pensar em filhos é uma idéia concreta, em algum momento da vida. Ele já teve a consciência de que, se o primeiro foi normal, o segundo poderá não ser, mas queria saber de possibilidades reais disso acontecer. E nisso o Dr. Health foi muito legal, mostrando de forma ultra-didática, como em uma aula de biologia, as possibilidades do casal.
    Se eles vão ter outro(s)? Não sabemos. Mas eles já sabem do risco que correm, e isso foi o válido da questão toda.

    Milorde, não te condeno, nem te absolvo…Nossos pontos de vista refletem como pensamos…E você não é inferior nem superior a mim ou a ninguém! só é diferente!

    Desculpa ter escrito taaaanto…mulheres que falam muito, por consequência….escrevem muito!

    Beijos.

  • Wilma Flinstone

    @Milorde:
    Estou calma ,lindinho, estou calma…

    Não fiz meu comentário pensando SÓ nos teus posts, porque há mais pessoas que usaram um embasamento “talvez” teológico (acredito mais que seja DOGMÁTICO) para fazer seus posts. Usei o exemplo porque a maioria de nós, acredito eu, mesmo que não siga a religião Católica Apostólica Romana HOJE (podendo HOJE ser cristão, budista, espírita, etc.) foi batizada, crismada e fez 1a. comunhão na igreja católica, que ensina isso.

    Só coloquei os fatos que a igreja nos ensina…Como parte da “história”! Longe de mim julgar estes fatos!….

    E muito menos me considero apta a julgar as pessoas por terem preconceitos (ou não) com quem acredita em Deus! Albert Einstein tem uma frase que considero oportuníssima sobre isso: “OS HOMENS QUE CRÊEM NA CIÊNCIA NÃO SÃO MENOS CRÉDULOS DO QUE AQUELES QUE ACREDITAM EM DEUS SOB TODAS AS SUAS FORMAS”. A crença é a mesma. O “objeto” da crença é que muda. E isso é que faz as perspectivas serem diferentes…Cada um crê naquilo que corresponda suas expectativas!

    Mas, voltando ao assunto principal:
    Como eu tinha dito antes, acho isso ESTRANHO, APENAS. As regras sociais que seguimos apenas são reflexos da nossa cultura. Cada grupo culturalmente distinto tem padrôes sociais diferentes. Para nossa cultura, é aberrante um homem se CASAR com várias mulheres, mas fazemos “vista grossa” quando ele tem amantes….para algumas tribos africanas, ter amantes é uma aberração! O homem pode se casar com quantas mulheres quiser…desde que possa sustentá-las!
    Viu como cultura é algo subjetivo?

    As regras sociais que temos provavelmente vão “empurrar” este casal para algum lugar onde ninguém conheça a história de vida de ambos, e eles viverão como um casal que não será rejeitado pela sociedade. Não sabemos como foi feito o registro de nascimento da primeira criança, mas provavelmente foi feito em nome de apenas um dos dois. Se não houver documento comprobatório disso, não haverá gozações na escola. Ou você acha que isso é o tipo de coisa que criança sai gritando pela rua? Acha que a criança vai anunciar ao mundo inocentemente “papai e mamãe são irmãos!”???? Não acredito. Se alguma coisa já foi dita a essa criança a esse respeito, com certeza foi no intuito de “deixar esta estória dentro de casa”, porque MESMO ELES sabem que “romperam com a sociedade” quando resolveram ficar juntos.

    Quanto à questão consanguínea, continuo dizendo, achei legal o cara ter tido este tipo de preocupação, porque mostra que, em algum momento, houve a lucidez de imaginar que REALMENTE os filhos dessa união poderiam nascer com algum tipo de problema. Entre um casal, pensar em filhos é uma idéia concreta, em algum momento da vida. Ele já teve a consciência de que, se o primeiro foi normal, o segundo poderá não ser, mas queria saber de possibilidades reais disso acontecer. E nisso o Dr. Health foi muito legal, mostrando de forma ultra-didática, como em uma aula de biologia, as possibilidades do casal.
    Se eles vão ter outro(s)? Não sabemos. Mas eles já sabem do risco que correm, e isso foi o válido da questão toda.

    Milorde, não te condeno, nem te absolvo…Nossos pontos de vista refletem como pensamos…E você não é inferior nem superior a mim ou a ninguém! só é diferente!

    Desculpa ter escrito taaaanto…mulheres que falam muito, por consequência….escrevem muito!

    Beijos.

  • Wilma Flinstone

    @Milorde:
    Estou calma ,lindinho, estou calma…

    Não fiz meu comentário pensando SÓ nos teus posts, porque há mais pessoas que usaram um embasamento “talvez” teológico (acredito mais que seja DOGMÁTICO) para fazer seus posts. Usei o exemplo porque a maioria de nós, acredito eu, mesmo que não siga a religião Católica Apostólica Romana HOJE (podendo HOJE ser cristão, budista, espírita, etc.) foi batizada, crismada e fez 1a. comunhão na igreja católica, que ensina isso.

    Só coloquei os fatos que a igreja nos ensina…Como parte da “história”! Longe de mim julgar estes fatos!….

    E muito menos me considero apta a julgar as pessoas por terem preconceitos (ou não) com quem acredita em Deus! Albert Einstein tem uma frase que considero oportuníssima sobre isso: “OS HOMENS QUE CRÊEM NA CIÊNCIA NÃO SÃO MENOS CRÉDULOS DO QUE AQUELES QUE ACREDITAM EM DEUS SOB TODAS AS SUAS FORMAS”. A crença é a mesma. O “objeto” da crença é que muda. E isso é que faz as perspectivas serem diferentes…Cada um crê naquilo que corresponda suas expectativas!

    Mas, voltando ao assunto principal:
    Como eu tinha dito antes, acho isso ESTRANHO, APENAS. As regras sociais que seguimos apenas são reflexos da nossa cultura. Cada grupo culturalmente distinto tem padrôes sociais diferentes. Para nossa cultura, é aberrante um homem se CASAR com várias mulheres, mas fazemos “vista grossa” quando ele tem amantes….para algumas tribos africanas, ter amantes é uma aberração! O homem pode se casar com quantas mulheres quiser…desde que possa sustentá-las!
    Viu como cultura é algo subjetivo?

    As regras sociais que temos provavelmente vão “empurrar” este casal para algum lugar onde ninguém conheça a história de vida de ambos, e eles viverão como um casal que não será rejeitado pela sociedade. Não sabemos como foi feito o registro de nascimento da primeira criança, mas provavelmente foi feito em nome de apenas um dos dois. Se não houver documento comprobatório disso, não haverá gozações na escola. Ou você acha que isso é o tipo de coisa que criança sai gritando pela rua? Acha que a criança vai anunciar ao mundo inocentemente “papai e mamãe são irmãos!”???? Não acredito. Se alguma coisa já foi dita a essa criança a esse respeito, com certeza foi no intuito de “deixar esta estória dentro de casa”, porque MESMO ELES sabem que “romperam com a sociedade” quando resolveram ficar juntos.

    Quanto à questão consanguínea, continuo dizendo, achei legal o cara ter tido este tipo de preocupação, porque mostra que, em algum momento, houve a lucidez de imaginar que REALMENTE os filhos dessa união poderiam nascer com algum tipo de problema. Entre um casal, pensar em filhos é uma idéia concreta, em algum momento da vida. Ele já teve a consciência de que, se o primeiro foi normal, o segundo poderá não ser, mas queria saber de possibilidades reais disso acontecer. E nisso o Dr. Health foi muito legal, mostrando de forma ultra-didática, como em uma aula de biologia, as possibilidades do casal.
    Se eles vão ter outro(s)? Não sabemos. Mas eles já sabem do risco que correm, e isso foi o válido da questão toda.

    Milorde, não te condeno, nem te absolvo…Nossos pontos de vista refletem como pensamos…E você não é inferior nem superior a mim ou a ninguém! só é diferente!

    Desculpa ter escrito taaaanto…mulheres que falam muito, por consequência….escrevem muito!

    Beijos.

  • Wilma Flinstone

    @Milorde:
    Estou calma ,lindinho, estou calma…

    Não fiz meu comentário pensando SÓ nos teus posts, porque há mais pessoas que usaram um embasamento “talvez” teológico (acredito mais que seja DOGMÁTICO) para fazer seus posts. Usei o exemplo porque a maioria de nós, acredito eu, mesmo que não siga a religião Católica Apostólica Romana HOJE (podendo HOJE ser cristão, budista, espírita, etc.) foi batizada, crismada e fez 1a. comunhão na igreja católica, que ensina isso.

    Só coloquei os fatos que a igreja nos ensina…Como parte da “história”! Longe de mim julgar estes fatos!….

    E muito menos me considero apta a julgar as pessoas por terem preconceitos (ou não) com quem acredita em Deus! Albert Einstein tem uma frase que considero oportuníssima sobre isso: “OS HOMENS QUE CRÊEM NA CIÊNCIA NÃO SÃO MENOS CRÉDULOS DO QUE AQUELES QUE ACREDITAM EM DEUS SOB TODAS AS SUAS FORMAS”. A crença é a mesma. O “objeto” da crença é que muda. E isso é que faz as perspectivas serem diferentes…Cada um crê naquilo que corresponda suas expectativas!

    Mas, voltando ao assunto principal:
    Como eu tinha dito antes, acho isso ESTRANHO, APENAS. As regras sociais que seguimos apenas são reflexos da nossa cultura. Cada grupo culturalmente distinto tem padrôes sociais diferentes. Para nossa cultura, é aberrante um homem se CASAR com várias mulheres, mas fazemos “vista grossa” quando ele tem amantes….para algumas tribos africanas, ter amantes é uma aberração! O homem pode se casar com quantas mulheres quiser…desde que possa sustentá-las!
    Viu como cultura é algo subjetivo?

    As regras sociais que temos provavelmente vão “empurrar” este casal para algum lugar onde ninguém conheça a história de vida de ambos, e eles viverão como um casal que não será rejeitado pela sociedade. Não sabemos como foi feito o registro de nascimento da primeira criança, mas provavelmente foi feito em nome de apenas um dos dois. Se não houver documento comprobatório disso, não haverá gozações na escola. Ou você acha que isso é o tipo de coisa que criança sai gritando pela rua? Acha que a criança vai anunciar ao mundo inocentemente “papai e mamãe são irmãos!”???? Não acredito. Se alguma coisa já foi dita a essa criança a esse respeito, com certeza foi no intuito de “deixar esta estória dentro de casa”, porque MESMO ELES sabem que “romperam com a sociedade” quando resolveram ficar juntos.

    Quanto à questão consanguínea, continuo dizendo, achei legal o cara ter tido este tipo de preocupação, porque mostra que, em algum momento, houve a lucidez de imaginar que REALMENTE os filhos dessa união poderiam nascer com algum tipo de problema. Entre um casal, pensar em filhos é uma idéia concreta, em algum momento da vida. Ele já teve a consciência de que, se o primeiro foi normal, o segundo poderá não ser, mas queria saber de possibilidades reais disso acontecer. E nisso o Dr. Health foi muito legal, mostrando de forma ultra-didática, como em uma aula de biologia, as possibilidades do casal.
    Se eles vão ter outro(s)? Não sabemos. Mas eles já sabem do risco que correm, e isso foi o válido da questão toda.

    Milorde, não te condeno, nem te absolvo…Nossos pontos de vista refletem como pensamos…E você não é inferior nem superior a mim ou a ninguém! só é diferente!

    Desculpa ter escrito taaaanto…mulheres que falam muito, por consequência….escrevem muito!

    Beijos.

  • Wilma Flinstone

    @Milorde:
    Estou calma ,lindinho, estou calma…

    Não fiz meu comentário pensando SÓ nos teus posts, porque há mais pessoas que usaram um embasamento “talvez” teológico (acredito mais que seja DOGMÁTICO) para fazer seus posts. Usei o exemplo porque a maioria de nós, acredito eu, mesmo que não siga a religião Católica Apostólica Romana HOJE (podendo HOJE ser cristão, budista, espírita, etc.) foi batizada, crismada e fez 1a. comunhão na igreja católica, que ensina isso.

    Só coloquei os fatos que a igreja nos ensina…Como parte da “história”! Longe de mim julgar estes fatos!….

    E muito menos me considero apta a julgar as pessoas por terem preconceitos (ou não) com quem acredita em Deus! Albert Einstein tem uma frase que considero oportuníssima sobre isso: “OS HOMENS QUE CRÊEM NA CIÊNCIA NÃO SÃO MENOS CRÉDULOS DO QUE AQUELES QUE ACREDITAM EM DEUS SOB TODAS AS SUAS FORMAS”. A crença é a mesma. O “objeto” da crença é que muda. E isso é que faz as perspectivas serem diferentes…Cada um crê naquilo que corresponda suas expectativas!

    Mas, voltando ao assunto principal:
    Como eu tinha dito antes, acho isso ESTRANHO, APENAS. As regras sociais que seguimos apenas são reflexos da nossa cultura. Cada grupo culturalmente distinto tem padrôes sociais diferentes. Para nossa cultura, é aberrante um homem se CASAR com várias mulheres, mas fazemos “vista grossa” quando ele tem amantes….para algumas tribos africanas, ter amantes é uma aberração! O homem pode se casar com quantas mulheres quiser…desde que possa sustentá-las!
    Viu como cultura é algo subjetivo?

    As regras sociais que temos provavelmente vão “empurrar” este casal para algum lugar onde ninguém conheça a história de vida de ambos, e eles viverão como um casal que não será rejeitado pela sociedade. Não sabemos como foi feito o registro de nascimento da primeira criança, mas provavelmente foi feito em nome de apenas um dos dois. Se não houver documento comprobatório disso, não haverá gozações na escola. Ou você acha que isso é o tipo de coisa que criança sai gritando pela rua? Acha que a criança vai anunciar ao mundo inocentemente “papai e mamãe são irmãos!”???? Não acredito. Se alguma coisa já foi dita a essa criança a esse respeito, com certeza foi no intuito de “deixar esta estória dentro de casa”, porque MESMO ELES sabem que “romperam com a sociedade” quando resolveram ficar juntos.

    Quanto à questão consanguínea, continuo dizendo, achei legal o cara ter tido este tipo de preocupação, porque mostra que, em algum momento, houve a lucidez de imaginar que REALMENTE os filhos dessa união poderiam nascer com algum tipo de problema. Entre um casal, pensar em filhos é uma idéia concreta, em algum momento da vida. Ele já teve a consciência de que, se o primeiro foi normal, o segundo poderá não ser, mas queria saber de possibilidades reais disso acontecer. E nisso o Dr. Health foi muito legal, mostrando de forma ultra-didática, como em uma aula de biologia, as possibilidades do casal.
    Se eles vão ter outro(s)? Não sabemos. Mas eles já sabem do risco que correm, e isso foi o válido da questão toda.

    Milorde, não te condeno, nem te absolvo…Nossos pontos de vista refletem como pensamos…E você não é inferior nem superior a mim ou a ninguém! só é diferente!

    Desculpa ter escrito taaaanto…mulheres que falam muito, por consequência….escrevem muito!

    Beijos.

  • Wilma Flinstone

    @Milorde:
    Estou calma ,lindinho, estou calma…

    Não fiz meu comentário pensando SÓ nos teus posts, porque há mais pessoas que usaram um embasamento “talvez” teológico (acredito mais que seja DOGMÁTICO) para fazer seus posts. Usei o exemplo porque a maioria de nós, acredito eu, mesmo que não siga a religião Católica Apostólica Romana HOJE (podendo HOJE ser cristão, budista, espírita, etc.) foi batizada, crismada e fez 1a. comunhão na igreja católica, que ensina isso.

    Só coloquei os fatos que a igreja nos ensina…Como parte da “história”! Longe de mim julgar estes fatos!….

    E muito menos me considero apta a julgar as pessoas por terem preconceitos (ou não) com quem acredita em Deus! Albert Einstein tem uma frase que considero oportuníssima sobre isso: “OS HOMENS QUE CRÊEM NA CIÊNCIA NÃO SÃO MENOS CRÉDULOS DO QUE AQUELES QUE ACREDITAM EM DEUS SOB TODAS AS SUAS FORMAS”. A crença é a mesma. O “objeto” da crença é que muda. E isso é que faz as perspectivas serem diferentes…Cada um crê naquilo que corresponda suas expectativas!

    Mas, voltando ao assunto principal:
    Como eu tinha dito antes, acho isso ESTRANHO, APENAS. As regras sociais que seguimos apenas são reflexos da nossa cultura. Cada grupo culturalmente distinto tem padrôes sociais diferentes. Para nossa cultura, é aberrante um homem se CASAR com várias mulheres, mas fazemos “vista grossa” quando ele tem amantes….para algumas tribos africanas, ter amantes é uma aberração! O homem pode se casar com quantas mulheres quiser…desde que possa sustentá-las!
    Viu como cultura é algo subjetivo?

    As regras sociais que temos provavelmente vão “empurrar” este casal para algum lugar onde ninguém conheça a história de vida de ambos, e eles viverão como um casal que não será rejeitado pela sociedade. Não sabemos como foi feito o registro de nascimento da primeira criança, mas provavelmente foi feito em nome de apenas um dos dois. Se não houver documento comprobatório disso, não haverá gozações na escola. Ou você acha que isso é o tipo de coisa que criança sai gritando pela rua? Acha que a criança vai anunciar ao mundo inocentemente “papai e mamãe são irmãos!”???? Não acredito. Se alguma coisa já foi dita a essa criança a esse respeito, com certeza foi no intuito de “deixar esta estória dentro de casa”, porque MESMO ELES sabem que “romperam com a sociedade” quando resolveram ficar juntos.

    Quanto à questão consanguínea, continuo dizendo, achei legal o cara ter tido este tipo de preocupação, porque mostra que, em algum momento, houve a lucidez de imaginar que REALMENTE os filhos dessa união poderiam nascer com algum tipo de problema. Entre um casal, pensar em filhos é uma idéia concreta, em algum momento da vida. Ele já teve a consciência de que, se o primeiro foi normal, o segundo poderá não ser, mas queria saber de possibilidades reais disso acontecer. E nisso o Dr. Health foi muito legal, mostrando de forma ultra-didática, como em uma aula de biologia, as possibilidades do casal.
    Se eles vão ter outro(s)? Não sabemos. Mas eles já sabem do risco que correm, e isso foi o válido da questão toda.

    Milorde, não te condeno, nem te absolvo…Nossos pontos de vista refletem como pensamos…E você não é inferior nem superior a mim ou a ninguém! só é diferente!

    Desculpa ter escrito taaaanto…mulheres que falam muito, por consequência….escrevem muito!

    Beijos.

  • Wilma Flinstone

    @Milorde:
    Estou calma ,lindinho, estou calma…

    Não fiz meu comentário pensando SÓ nos teus posts, porque há mais pessoas que usaram um embasamento “talvez” teológico (acredito mais que seja DOGMÁTICO) para fazer seus posts. Usei o exemplo porque a maioria de nós, acredito eu, mesmo que não siga a religião Católica Apostólica Romana HOJE (podendo HOJE ser cristão, budista, espírita, etc.) foi batizada, crismada e fez 1a. comunhão na igreja católica, que ensina isso.

    Só coloquei os fatos que a igreja nos ensina…Como parte da “história”! Longe de mim julgar estes fatos!….

    E muito menos me considero apta a julgar as pessoas por terem preconceitos (ou não) com quem acredita em Deus! Albert Einstein tem uma frase que considero oportuníssima sobre isso: “OS HOMENS QUE CRÊEM NA CIÊNCIA NÃO SÃO MENOS CRÉDULOS DO QUE AQUELES QUE ACREDITAM EM DEUS SOB TODAS AS SUAS FORMAS”. A crença é a mesma. O “objeto” da crença é que muda. E isso é que faz as perspectivas serem diferentes…Cada um crê naquilo que corresponda suas expectativas!

    Mas, voltando ao assunto principal:
    Como eu tinha dito antes, acho isso ESTRANHO, APENAS. As regras sociais que seguimos apenas são reflexos da nossa cultura. Cada grupo culturalmente distinto tem padrôes sociais diferentes. Para nossa cultura, é aberrante um homem se CASAR com várias mulheres, mas fazemos “vista grossa” quando ele tem amantes….para algumas tribos africanas, ter amantes é uma aberração! O homem pode se casar com quantas mulheres quiser…desde que possa sustentá-las!
    Viu como cultura é algo subjetivo?

    As regras sociais que temos provavelmente vão “empurrar” este casal para algum lugar onde ninguém conheça a história de vida de ambos, e eles viverão como um casal que não será rejeitado pela sociedade. Não sabemos como foi feito o registro de nascimento da primeira criança, mas provavelmente foi feito em nome de apenas um dos dois. Se não houver documento comprobatório disso, não haverá gozações na escola. Ou você acha que isso é o tipo de coisa que criança sai gritando pela rua? Acha que a criança vai anunciar ao mundo inocentemente “papai e mamãe são irmãos!”???? Não acredito. Se alguma coisa já foi dita a essa criança a esse respeito, com certeza foi no intuito de “deixar esta estória dentro de casa”, porque MESMO ELES sabem que “romperam com a sociedade” quando resolveram ficar juntos.

    Quanto à questão consanguínea, continuo dizendo, achei legal o cara ter tido este tipo de preocupação, porque mostra que, em algum momento, houve a lucidez de imaginar que REALMENTE os filhos dessa união poderiam nascer com algum tipo de problema. Entre um casal, pensar em filhos é uma idéia concreta, em algum momento da vida. Ele já teve a consciência de que, se o primeiro foi normal, o segundo poderá não ser, mas queria saber de possibilidades reais disso acontecer. E nisso o Dr. Health foi muito legal, mostrando de forma ultra-didática, como em uma aula de biologia, as possibilidades do casal.
    Se eles vão ter outro(s)? Não sabemos. Mas eles já sabem do risco que correm, e isso foi o válido da questão toda.

    Milorde, não te condeno, nem te absolvo…Nossos pontos de vista refletem como pensamos…E você não é inferior nem superior a mim ou a ninguém! só é diferente!

    Desculpa ter escrito taaaanto…mulheres que falam muito, por consequência….escrevem muito!

    Beijos.

  • Wilma Flinstone

    @Milorde:
    Estou calma ,lindinho, estou calma…

    Não fiz meu comentário pensando SÓ nos teus posts, porque há mais pessoas que usaram um embasamento “talvez” teológico (acredito mais que seja DOGMÁTICO) para fazer seus posts. Usei o exemplo porque a maioria de nós, acredito eu, mesmo que não siga a religião Católica Apostólica Romana HOJE (podendo HOJE ser cristão, budista, espírita, etc.) foi batizada, crismada e fez 1a. comunhão na igreja católica, que ensina isso.

    Só coloquei os fatos que a igreja nos ensina…Como parte da “história”! Longe de mim julgar estes fatos!….

    E muito menos me considero apta a julgar as pessoas por terem preconceitos (ou não) com quem acredita em Deus! Albert Einstein tem uma frase que considero oportuníssima sobre isso: “OS HOMENS QUE CRÊEM NA CIÊNCIA NÃO SÃO MENOS CRÉDULOS DO QUE AQUELES QUE ACREDITAM EM DEUS SOB TODAS AS SUAS FORMAS”. A crença é a mesma. O “objeto” da crença é que muda. E isso é que faz as perspectivas serem diferentes…Cada um crê naquilo que corresponda suas expectativas!

    Mas, voltando ao assunto principal:
    Como eu tinha dito antes, acho isso ESTRANHO, APENAS. As regras sociais que seguimos apenas são reflexos da nossa cultura. Cada grupo culturalmente distinto tem padrôes sociais diferentes. Para nossa cultura, é aberrante um homem se CASAR com várias mulheres, mas fazemos “vista grossa” quando ele tem amantes….para algumas tribos africanas, ter amantes é uma aberração! O homem pode se casar com quantas mulheres quiser…desde que possa sustentá-las!
    Viu como cultura é algo subjetivo?

    As regras sociais que temos provavelmente vão “empurrar” este casal para algum lugar onde ninguém conheça a história de vida de ambos, e eles viverão como um casal que não será rejeitado pela sociedade. Não sabemos como foi feito o registro de nascimento da primeira criança, mas provavelmente foi feito em nome de apenas um dos dois. Se não houver documento comprobatório disso, não haverá gozações na escola. Ou você acha que isso é o tipo de coisa que criança sai gritando pela rua? Acha que a criança vai anunciar ao mundo inocentemente “papai e mamãe são irmãos!”???? Não acredito. Se alguma coisa já foi dita a essa criança a esse respeito, com certeza foi no intuito de “deixar esta estória dentro de casa”, porque MESMO ELES sabem que “romperam com a sociedade” quando resolveram ficar juntos.

    Quanto à questão consanguínea, continuo dizendo, achei legal o cara ter tido este tipo de preocupação, porque mostra que, em algum momento, houve a lucidez de imaginar que REALMENTE os filhos dessa união poderiam nascer com algum tipo de problema. Entre um casal, pensar em filhos é uma idéia concreta, em algum momento da vida. Ele já teve a consciência de que, se o primeiro foi normal, o segundo poderá não ser, mas queria saber de possibilidades reais disso acontecer. E nisso o Dr. Health foi muito legal, mostrando de forma ultra-didática, como em uma aula de biologia, as possibilidades do casal.
    Se eles vão ter outro(s)? Não sabemos. Mas eles já sabem do risco que correm, e isso foi o válido da questão toda.

    Milorde, não te condeno, nem te absolvo…Nossos pontos de vista refletem como pensamos…E você não é inferior nem superior a mim ou a ninguém! só é diferente!

    Desculpa ter escrito taaaanto…mulheres que falam muito, por consequência….escrevem muito!

    Beijos.

  • Sebastian

    Ah, poderia ser pior, ele querer ter filhos com a mãe.

    Ainda bem que meu nível de perversão não é tão alto ao ponto de pegar minha irmã.

    Mais idai né, quem paga as contas do cara não sou eu.

    Enquanto isso na sala de justiça…

  • Sebastian

    Ah, poderia ser pior, ele querer ter filhos com a mãe.

    Ainda bem que meu nível de perversão não é tão alto ao ponto de pegar minha irmã.

    Mais idai né, quem paga as contas do cara não sou eu.

    Enquanto isso na sala de justiça…

  • Sebastian

    Ah, poderia ser pior, ele querer ter filhos com a mãe.

    Ainda bem que meu nível de perversão não é tão alto ao ponto de pegar minha irmã.

    Mais idai né, quem paga as contas do cara não sou eu.

    Enquanto isso na sala de justiça…

  • Sebastian

    Ah, poderia ser pior, ele querer ter filhos com a mãe.

    Ainda bem que meu nível de perversão não é tão alto ao ponto de pegar minha irmã.

    Mais idai né, quem paga as contas do cara não sou eu.

    Enquanto isso na sala de justiça…

  • Sebastian

    Ah, poderia ser pior, ele querer ter filhos com a mãe.

    Ainda bem que meu nível de perversão não é tão alto ao ponto de pegar minha irmã.

    Mais idai né, quem paga as contas do cara não sou eu.

    Enquanto isso na sala de justiça…

  • Sebastian

    Ah, poderia ser pior, ele querer ter filhos com a mãe.

    Ainda bem que meu nível de perversão não é tão alto ao ponto de pegar minha irmã.

    Mais idai né, quem paga as contas do cara não sou eu.

    Enquanto isso na sala de justiça…

  • Sebastian

    Ah, poderia ser pior, ele querer ter filhos com a mãe.

    Ainda bem que meu nível de perversão não é tão alto ao ponto de pegar minha irmã.

    Mais idai né, quem paga as contas do cara não sou eu.

    Enquanto isso na sala de justiça…

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Ai gente: “não bota minha religião no meio que eu boto no meio da sua” nem rola!!

    Cada um com seu cada um!!

    E meu cunhado é médico e diácono da igreja católica!!

    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Ai gente: “não bota minha religião no meio que eu boto no meio da sua” nem rola!!

    Cada um com seu cada um!!

    E meu cunhado é médico e diácono da igreja católica!!

    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Ai gente: “não bota minha religião no meio que eu boto no meio da sua” nem rola!!

    Cada um com seu cada um!!

    E meu cunhado é médico e diácono da igreja católica!!

    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Ai gente: “não bota minha religião no meio que eu boto no meio da sua” nem rola!!

    Cada um com seu cada um!!

    E meu cunhado é médico e diácono da igreja católica!!

    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Ai gente: “não bota minha religião no meio que eu boto no meio da sua” nem rola!!

    Cada um com seu cada um!!

    E meu cunhado é médico e diácono da igreja católica!!

    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Ai gente: “não bota minha religião no meio que eu boto no meio da sua” nem rola!!

    Cada um com seu cada um!!

    E meu cunhado é médico e diácono da igreja católica!!

    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Ai gente: “não bota minha religião no meio que eu boto no meio da sua” nem rola!!

    Cada um com seu cada um!!

    E meu cunhado é médico e diácono da igreja católica!!

    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Ai gente: “não bota minha religião no meio que eu boto no meio da sua” nem rola!!

    Cada um com seu cada um!!

    E meu cunhado é médico e diácono da igreja católica!!

    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Ai gente: “não bota minha religião no meio que eu boto no meio da sua” nem rola!!

    Cada um com seu cada um!!

    E meu cunhado é médico e diácono da igreja católica!!

    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Ai gente: “não bota minha religião no meio que eu boto no meio da sua” nem rola!!

    Cada um com seu cada um!!

    E meu cunhado é médico e diácono da igreja católica!!

    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    Ai gente: “não bota minha religião no meio que eu boto no meio da sua” nem rola!!

    Cada um com seu cada um!!

    E meu cunhado é médico e diácono da igreja católica!!

    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com J@de

    Ai gente: “não bota minha religião no meio que eu boto no meio da sua” nem rola!!

    Cada um com seu cada um!!

    E meu cunhado é médico e diácono da igreja católica!!

    Beijos!!

  • Wilma Flinstone

    É isso aí, Jade!

    Religião, time de futebol, escola de samba e marca de cerveja são assuntos sacrossantos! Não mexe nisso que dá briga! KKKKKK…
    Beijo.

  • Wilma Flinstone

    É isso aí, Jade!

    Religião, time de futebol, escola de samba e marca de cerveja são assuntos sacrossantos! Não mexe nisso que dá briga! KKKKKK…
    Beijo.

  • Wilma Flinstone

    É isso aí, Jade!

    Religião, time de futebol, escola de samba e marca de cerveja são assuntos sacrossantos! Não mexe nisso que dá briga! KKKKKK…
    Beijo.

  • Wilma Flinstone

    É isso aí, Jade!

    Religião, time de futebol, escola de samba e marca de cerveja são assuntos sacrossantos! Não mexe nisso que dá briga! KKKKKK…
    Beijo.

  • Wilma Flinstone

    É isso aí, Jade!

    Religião, time de futebol, escola de samba e marca de cerveja são assuntos sacrossantos! Não mexe nisso que dá briga! KKKKKK…
    Beijo.

  • Wilma Flinstone

    É isso aí, Jade!

    Religião, time de futebol, escola de samba e marca de cerveja são assuntos sacrossantos! Não mexe nisso que dá briga! KKKKKK…
    Beijo.

  • Wilma Flinstone

    É isso aí, Jade!

    Religião, time de futebol, escola de samba e marca de cerveja são assuntos sacrossantos! Não mexe nisso que dá briga! KKKKKK…
    Beijo.

  • Wilma Flinstone

    É isso aí, Jade!

    Religião, time de futebol, escola de samba e marca de cerveja são assuntos sacrossantos! Não mexe nisso que dá briga! KKKKKK…
    Beijo.

  • Wilma Flinstone

    É isso aí, Jade!

    Religião, time de futebol, escola de samba e marca de cerveja são assuntos sacrossantos! Não mexe nisso que dá briga! KKKKKK…
    Beijo.

  • Wilma Flinstone

    É isso aí, Jade!

    Religião, time de futebol, escola de samba e marca de cerveja são assuntos sacrossantos! Não mexe nisso que dá briga! KKKKKK…
    Beijo.

  • Wilma Flinstone

    É isso aí, Jade!

    Religião, time de futebol, escola de samba e marca de cerveja são assuntos sacrossantos! Não mexe nisso que dá briga! KKKKKK…
    Beijo.

  • Milorde

    Wilma, que bom q vc tá calminha. rs

    Só coloquei akilo q acredito ser um problema quando as pessoas quebram com regras antiquas da sociedade. Sei q ele deve ter ciencia, não sei q ele esconde isso bem, se a criança não sabe ou se não é do tipo q conta para amiguinhos, não sei. Como fali no primeiro post, não sou digno em nada de julgar tais pessoas, primeiro q não sou nenhum santo e por isso tento trabalhar a cada dia para ser um ser humano melhor, e segundo q não conheço a estoria do casal sem falar q mesmo assim não tenho nada haver com a intimidade de ambos.

    Mas penso, colocando o assunto de forma mais ampla, em certas atitudes que vejo nos post, num debate sádio, ao perceber um certo liberalismo com alguns tabus, sei q terá gente dizendo serem regras antigas, e sendo regras podem ser quebradas, outros colocaram que cada um faz o q der na telha q os outros não tem nada haver com isso, se não faz mal a ninguem. Mas essas regras existem para um bom convivio com a sociedade, e se quebramos elas temos ciencia q outras devem entrar no lugar para substituir, coisa q naturalmente acontece. Mas temo quando toleramos demais, vai acabar chegando momentos q essa naturalidade pode tender a permissidade, como falei sobre a necrofilia, zoofilia, pedofilia entre outros.

    Acho q são assuntos a se pensar.

    E vou repetir, falo de modo amplo do tema e não do casal que originou o mesmo.

    Não quero confusão.

    []‘s

  • Milorde

    Wilma, que bom q vc tá calminha. rs

    Só coloquei akilo q acredito ser um problema quando as pessoas quebram com regras antiquas da sociedade. Sei q ele deve ter ciencia, não sei q ele esconde isso bem, se a criança não sabe ou se não é do tipo q conta para amiguinhos, não sei. Como fali no primeiro post, não sou digno em nada de julgar tais pessoas, primeiro q não sou nenhum santo e por isso tento trabalhar a cada dia para ser um ser humano melhor, e segundo q não conheço a estoria do casal sem falar q mesmo assim não tenho nada haver com a intimidade de ambos.

    Mas penso, colocando o assunto de forma mais ampla, em certas atitudes que vejo nos post, num debate sádio, ao perceber um certo liberalismo com alguns tabus, sei q terá gente dizendo serem regras antigas, e sendo regras podem ser quebradas, outros colocaram que cada um faz o q der na telha q os outros não tem nada haver com isso, se não faz mal a ninguem. Mas essas regras existem para um bom convivio com a sociedade, e se quebramos elas temos ciencia q outras devem entrar no lugar para substituir, coisa q naturalmente acontece. Mas temo quando toleramos demais, vai acabar chegando momentos q essa naturalidade pode tender a permissidade, como falei sobre a necrofilia, zoofilia, pedofilia entre outros.

    Acho q são assuntos a se pensar.

    E vou repetir, falo de modo amplo do tema e não do casal que originou o mesmo.

    Não quero confusão.

    []‘s

  • Milorde

    Wilma, que bom q vc tá calminha. rs

    Só coloquei akilo q acredito ser um problema quando as pessoas quebram com regras antiquas da sociedade. Sei q ele deve ter ciencia, não sei q ele esconde isso bem, se a criança não sabe ou se não é do tipo q conta para amiguinhos, não sei. Como fali no primeiro post, não sou digno em nada de julgar tais pessoas, primeiro q não sou nenhum santo e por isso tento trabalhar a cada dia para ser um ser humano melhor, e segundo q não conheço a estoria do casal sem falar q mesmo assim não tenho nada haver com a intimidade de ambos.

    Mas penso, colocando o assunto de forma mais ampla, em certas atitudes que vejo nos post, num debate sádio, ao perceber um certo liberalismo com alguns tabus, sei q terá gente dizendo serem regras antigas, e sendo regras podem ser quebradas, outros colocaram que cada um faz o q der na telha q os outros não tem nada haver com isso, se não faz mal a ninguem. Mas essas regras existem para um bom convivio com a sociedade, e se quebramos elas temos ciencia q outras devem entrar no lugar para substituir, coisa q naturalmente acontece. Mas temo quando toleramos demais, vai acabar chegando momentos q essa naturalidade pode tender a permissidade, como falei sobre a necrofilia, zoofilia, pedofilia entre outros.

    Acho q são assuntos a se pensar.

    E vou repetir, falo de modo amplo do tema e não do casal que originou o mesmo.

    Não quero confusão.

    []‘s

  • Milorde

    Wilma, que bom q vc tá calminha. rs

    Só coloquei akilo q acredito ser um problema quando as pessoas quebram com regras antiquas da sociedade. Sei q ele deve ter ciencia, não sei q ele esconde isso bem, se a criança não sabe ou se não é do tipo q conta para amiguinhos, não sei. Como fali no primeiro post, não sou digno em nada de julgar tais pessoas, primeiro q não sou nenhum santo e por isso tento trabalhar a cada dia para ser um ser humano melhor, e segundo q não conheço a estoria do casal sem falar q mesmo assim não tenho nada haver com a intimidade de ambos.

    Mas penso, colocando o assunto de forma mais ampla, em certas atitudes que vejo nos post, num debate sádio, ao perceber um certo liberalismo com alguns tabus, sei q terá gente dizendo serem regras antigas, e sendo regras podem ser quebradas, outros colocaram que cada um faz o q der na telha q os outros não tem nada haver com isso, se não faz mal a ninguem. Mas essas regras existem para um bom convivio com a sociedade, e se quebramos elas temos ciencia q outras devem entrar no lugar para substituir, coisa q naturalmente acontece. Mas temo quando toleramos demais, vai acabar chegando momentos q essa naturalidade pode tender a permissidade, como falei sobre a necrofilia, zoofilia, pedofilia entre outros.

    Acho q são assuntos a se pensar.

    E vou repetir, falo de modo amplo do tema e não do casal que originou o mesmo.

    Não quero confusão.

    []‘s

  • Milorde

    Wilma, que bom q vc tá calminha. rs

    Só coloquei akilo q acredito ser um problema quando as pessoas quebram com regras antiquas da sociedade. Sei q ele deve ter ciencia, não sei q ele esconde isso bem, se a criança não sabe ou se não é do tipo q conta para amiguinhos, não sei. Como fali no primeiro post, não sou digno em nada de julgar tais pessoas, primeiro q não sou nenhum santo e por isso tento trabalhar a cada dia para ser um ser humano melhor, e segundo q não conheço a estoria do casal sem falar q mesmo assim não tenho nada haver com a intimidade de ambos.

    Mas penso, colocando o assunto de forma mais ampla, em certas atitudes que vejo nos post, num debate sádio, ao perceber um certo liberalismo com alguns tabus, sei q terá gente dizendo serem regras antigas, e sendo regras podem ser quebradas, outros colocaram que cada um faz o q der na telha q os outros não tem nada haver com isso, se não faz mal a ninguem. Mas essas regras existem para um bom convivio com a sociedade, e se quebramos elas temos ciencia q outras devem entrar no lugar para substituir, coisa q naturalmente acontece. Mas temo quando toleramos demais, vai acabar chegando momentos q essa naturalidade pode tender a permissidade, como falei sobre a necrofilia, zoofilia, pedofilia entre outros.

    Acho q são assuntos a se pensar.

    E vou repetir, falo de modo amplo do tema e não do casal que originou o mesmo.

    Não quero confusão.

    []‘s

  • Milorde

    Wilma, que bom q vc tá calminha. rs

    Só coloquei akilo q acredito ser um problema quando as pessoas quebram com regras antiquas da sociedade. Sei q ele deve ter ciencia, não sei q ele esconde isso bem, se a criança não sabe ou se não é do tipo q conta para amiguinhos, não sei. Como fali no primeiro post, não sou digno em nada de julgar tais pessoas, primeiro q não sou nenhum santo e por isso tento trabalhar a cada dia para ser um ser humano melhor, e segundo q não conheço a estoria do casal sem falar q mesmo assim não tenho nada haver com a intimidade de ambos.

    Mas penso, colocando o assunto de forma mais ampla, em certas atitudes que vejo nos post, num debate sádio, ao perceber um certo liberalismo com alguns tabus, sei q terá gente dizendo serem regras antigas, e sendo regras podem ser quebradas, outros colocaram que cada um faz o q der na telha q os outros não tem nada haver com isso, se não faz mal a ninguem. Mas essas regras existem para um bom convivio com a sociedade, e se quebramos elas temos ciencia q outras devem entrar no lugar para substituir, coisa q naturalmente acontece. Mas temo quando toleramos demais, vai acabar chegando momentos q essa naturalidade pode tender a permissidade, como falei sobre a necrofilia, zoofilia, pedofilia entre outros.

    Acho q são assuntos a se pensar.

    E vou repetir, falo de modo amplo do tema e não do casal que originou o mesmo.

    Não quero confusão.

    []‘s

  • Milorde

    Wilma, que bom q vc tá calminha. rs

    Só coloquei akilo q acredito ser um problema quando as pessoas quebram com regras antiquas da sociedade. Sei q ele deve ter ciencia, não sei q ele esconde isso bem, se a criança não sabe ou se não é do tipo q conta para amiguinhos, não sei. Como fali no primeiro post, não sou digno em nada de julgar tais pessoas, primeiro q não sou nenhum santo e por isso tento trabalhar a cada dia para ser um ser humano melhor, e segundo q não conheço a estoria do casal sem falar q mesmo assim não tenho nada haver com a intimidade de ambos.

    Mas penso, colocando o assunto de forma mais ampla, em certas atitudes que vejo nos post, num debate sádio, ao perceber um certo liberalismo com alguns tabus, sei q terá gente dizendo serem regras antigas, e sendo regras podem ser quebradas, outros colocaram que cada um faz o q der na telha q os outros não tem nada haver com isso, se não faz mal a ninguem. Mas essas regras existem para um bom convivio com a sociedade, e se quebramos elas temos ciencia q outras devem entrar no lugar para substituir, coisa q naturalmente acontece. Mas temo quando toleramos demais, vai acabar chegando momentos q essa naturalidade pode tender a permissidade, como falei sobre a necrofilia, zoofilia, pedofilia entre outros.

    Acho q são assuntos a se pensar.

    E vou repetir, falo de modo amplo do tema e não do casal que originou o mesmo.

    Não quero confusão.

    []‘s

  • Milorde

    Wilma, que bom q vc tá calminha. rs

    Só coloquei akilo q acredito ser um problema quando as pessoas quebram com regras antiquas da sociedade. Sei q ele deve ter ciencia, não sei q ele esconde isso bem, se a criança não sabe ou se não é do tipo q conta para amiguinhos, não sei. Como fali no primeiro post, não sou digno em nada de julgar tais pessoas, primeiro q não sou nenhum santo e por isso tento trabalhar a cada dia para ser um ser humano melhor, e segundo q não conheço a estoria do casal sem falar q mesmo assim não tenho nada haver com a intimidade de ambos.

    Mas penso, colocando o assunto de forma mais ampla, em certas atitudes que vejo nos post, num debate sádio, ao perceber um certo liberalismo com alguns tabus, sei q terá gente dizendo serem regras antigas, e sendo regras podem ser quebradas, outros colocaram que cada um faz o q der na telha q os outros não tem nada haver com isso, se não faz mal a ninguem. Mas essas regras existem para um bom convivio com a sociedade, e se quebramos elas temos ciencia q outras devem entrar no lugar para substituir, coisa q naturalmente acontece. Mas temo quando toleramos demais, vai acabar chegando momentos q essa naturalidade pode tender a permissidade, como falei sobre a necrofilia, zoofilia, pedofilia entre outros.

    Acho q são assuntos a se pensar.

    E vou repetir, falo de modo amplo do tema e não do casal que originou o mesmo.

    Não quero confusão.

    []‘s

  • Milorde

    Wilma, que bom q vc tá calminha. rs

    Só coloquei akilo q acredito ser um problema quando as pessoas quebram com regras antiquas da sociedade. Sei q ele deve ter ciencia, não sei q ele esconde isso bem, se a criança não sabe ou se não é do tipo q conta para amiguinhos, não sei. Como fali no primeiro post, não sou digno em nada de julgar tais pessoas, primeiro q não sou nenhum santo e por isso tento trabalhar a cada dia para ser um ser humano melhor, e segundo q não conheço a estoria do casal sem falar q mesmo assim não tenho nada haver com a intimidade de ambos.

    Mas penso, colocando o assunto de forma mais ampla, em certas atitudes que vejo nos post, num debate sádio, ao perceber um certo liberalismo com alguns tabus, sei q terá gente dizendo serem regras antigas, e sendo regras podem ser quebradas, outros colocaram que cada um faz o q der na telha q os outros não tem nada haver com isso, se não faz mal a ninguem. Mas essas regras existem para um bom convivio com a sociedade, e se quebramos elas temos ciencia q outras devem entrar no lugar para substituir, coisa q naturalmente acontece. Mas temo quando toleramos demais, vai acabar chegando momentos q essa naturalidade pode tender a permissidade, como falei sobre a necrofilia, zoofilia, pedofilia entre outros.

    Acho q são assuntos a se pensar.

    E vou repetir, falo de modo amplo do tema e não do casal que originou o mesmo.

    Não quero confusão.

    []‘s

  • Milorde

    Wilma, que bom q vc tá calminha. rs

    Só coloquei akilo q acredito ser um problema quando as pessoas quebram com regras antiquas da sociedade. Sei q ele deve ter ciencia, não sei q ele esconde isso bem, se a criança não sabe ou se não é do tipo q conta para amiguinhos, não sei. Como fali no primeiro post, não sou digno em nada de julgar tais pessoas, primeiro q não sou nenhum santo e por isso tento trabalhar a cada dia para ser um ser humano melhor, e segundo q não conheço a estoria do casal sem falar q mesmo assim não tenho nada haver com a intimidade de ambos.

    Mas penso, colocando o assunto de forma mais ampla, em certas atitudes que vejo nos post, num debate sádio, ao perceber um certo liberalismo com alguns tabus, sei q terá gente dizendo serem regras antigas, e sendo regras podem ser quebradas, outros colocaram que cada um faz o q der na telha q os outros não tem nada haver com isso, se não faz mal a ninguem. Mas essas regras existem para um bom convivio com a sociedade, e se quebramos elas temos ciencia q outras devem entrar no lugar para substituir, coisa q naturalmente acontece. Mas temo quando toleramos demais, vai acabar chegando momentos q essa naturalidade pode tender a permissidade, como falei sobre a necrofilia, zoofilia, pedofilia entre outros.

    Acho q são assuntos a se pensar.

    E vou repetir, falo de modo amplo do tema e não do casal que originou o mesmo.

    Não quero confusão.

    []‘s

  • Milorde

    Wilma, que bom q vc tá calminha. rs

    Só coloquei akilo q acredito ser um problema quando as pessoas quebram com regras antiquas da sociedade. Sei q ele deve ter ciencia, não sei q ele esconde isso bem, se a criança não sabe ou se não é do tipo q conta para amiguinhos, não sei. Como fali no primeiro post, não sou digno em nada de julgar tais pessoas, primeiro q não sou nenhum santo e por isso tento trabalhar a cada dia para ser um ser humano melhor, e segundo q não conheço a estoria do casal sem falar q mesmo assim não tenho nada haver com a intimidade de ambos.

    Mas penso, colocando o assunto de forma mais ampla, em certas atitudes que vejo nos post, num debate sádio, ao perceber um certo liberalismo com alguns tabus, sei q terá gente dizendo serem regras antigas, e sendo regras podem ser quebradas, outros colocaram que cada um faz o q der na telha q os outros não tem nada haver com isso, se não faz mal a ninguem. Mas essas regras existem para um bom convivio com a sociedade, e se quebramos elas temos ciencia q outras devem entrar no lugar para substituir, coisa q naturalmente acontece. Mas temo quando toleramos demais, vai acabar chegando momentos q essa naturalidade pode tender a permissidade, como falei sobre a necrofilia, zoofilia, pedofilia entre outros.

    Acho q são assuntos a se pensar.

    E vou repetir, falo de modo amplo do tema e não do casal que originou o mesmo.

    Não quero confusão.

    []‘s

  • Nat

    Tenho fé que as pessoas vão desistir de argumentos religiosos um dia xD

    Sobre sacanearem as crianças na escola: criança sacaneia uma a outra por qualquer coisa, não adianta. E se formos pensar só no fato de que a criança vai ser zoada porque os pais não estão “de acordo” com as regras sociais vigentes à época, ninguém muda.
    Ou você acha que os filhos de pais separados na década de 30 não foram sacaneados? Ou os filhos de homossexuais até hoje?
    Todas essas crianças tiveram problemas, mas sobreviveram, certo? O que vai fazer diferença na maneira como elas vão viver é o ambiente familiar em que elas vão estar inseridas. Se vai haver uma boa relação familiar entre os pais e as crianças, independente de “como são” esses pais.
    Sejam pais de uma relação incestuosa ou uma relação homoafetiva.

    Mas cara, sobre o segundo filho, cê não acha que é abusar da sorte demais não? :)

  • Nat

    Tenho fé que as pessoas vão desistir de argumentos religiosos um dia xD

    Sobre sacanearem as crianças na escola: criança sacaneia uma a outra por qualquer coisa, não adianta. E se formos pensar só no fato de que a criança vai ser zoada porque os pais não estão “de acordo” com as regras sociais vigentes à época, ninguém muda.
    Ou você acha que os filhos de pais separados na década de 30 não foram sacaneados? Ou os filhos de homossexuais até hoje?
    Todas essas crianças tiveram problemas, mas sobreviveram, certo? O que vai fazer diferença na maneira como elas vão viver é o ambiente familiar em que elas vão estar inseridas. Se vai haver uma boa relação familiar entre os pais e as crianças, independente de “como são” esses pais.
    Sejam pais de uma relação incestuosa ou uma relação homoafetiva.

    Mas cara, sobre o segundo filho, cê não acha que é abusar da sorte demais não? :)

  • Nat

    Tenho fé que as pessoas vão desistir de argumentos religiosos um dia xD

    Sobre sacanearem as crianças na escola: criança sacaneia uma a outra por qualquer coisa, não adianta. E se formos pensar só no fato de que a criança vai ser zoada porque os pais não estão “de acordo” com as regras sociais vigentes à época, ninguém muda.
    Ou você acha que os filhos de pais separados na década de 30 não foram sacaneados? Ou os filhos de homossexuais até hoje?
    Todas essas crianças tiveram problemas, mas sobreviveram, certo? O que vai fazer diferença na maneira como elas vão viver é o ambiente familiar em que elas vão estar inseridas. Se vai haver uma boa relação familiar entre os pais e as crianças, independente de “como são” esses pais.
    Sejam pais de uma relação incestuosa ou uma relação homoafetiva.

    Mas cara, sobre o segundo filho, cê não acha que é abusar da sorte demais não? :)

  • Nat

    Tenho fé que as pessoas vão desistir de argumentos religiosos um dia xD

    Sobre sacanearem as crianças na escola: criança sacaneia uma a outra por qualquer coisa, não adianta. E se formos pensar só no fato de que a criança vai ser zoada porque os pais não estão “de acordo” com as regras sociais vigentes à época, ninguém muda.
    Ou você acha que os filhos de pais separados na década de 30 não foram sacaneados? Ou os filhos de homossexuais até hoje?
    Todas essas crianças tiveram problemas, mas sobreviveram, certo? O que vai fazer diferença na maneira como elas vão viver é o ambiente familiar em que elas vão estar inseridas. Se vai haver uma boa relação familiar entre os pais e as crianças, independente de “como são” esses pais.
    Sejam pais de uma relação incestuosa ou uma relação homoafetiva.

    Mas cara, sobre o segundo filho, cê não acha que é abusar da sorte demais não? :)

  • Nat

    Tenho fé que as pessoas vão desistir de argumentos religiosos um dia xD

    Sobre sacanearem as crianças na escola: criança sacaneia uma a outra por qualquer coisa, não adianta. E se formos pensar só no fato de que a criança vai ser zoada porque os pais não estão “de acordo” com as regras sociais vigentes à época, ninguém muda.
    Ou você acha que os filhos de pais separados na década de 30 não foram sacaneados? Ou os filhos de homossexuais até hoje?
    Todas essas crianças tiveram problemas, mas sobreviveram, certo? O que vai fazer diferença na maneira como elas vão viver é o ambiente familiar em que elas vão estar inseridas. Se vai haver uma boa relação familiar entre os pais e as crianças, independente de “como são” esses pais.
    Sejam pais de uma relação incestuosa ou uma relação homoafetiva.

    Mas cara, sobre o segundo filho, cê não acha que é abusar da sorte demais não? :)

  • Nat

    Tenho fé que as pessoas vão desistir de argumentos religiosos um dia xD

    Sobre sacanearem as crianças na escola: criança sacaneia uma a outra por qualquer coisa, não adianta. E se formos pensar só no fato de que a criança vai ser zoada porque os pais não estão “de acordo” com as regras sociais vigentes à época, ninguém muda.
    Ou você acha que os filhos de pais separados na década de 30 não foram sacaneados? Ou os filhos de homossexuais até hoje?
    Todas essas crianças tiveram problemas, mas sobreviveram, certo? O que vai fazer diferença na maneira como elas vão viver é o ambiente familiar em que elas vão estar inseridas. Se vai haver uma boa relação familiar entre os pais e as crianças, independente de “como são” esses pais.
    Sejam pais de uma relação incestuosa ou uma relação homoafetiva.

    Mas cara, sobre o segundo filho, cê não acha que é abusar da sorte demais não? :)

  • Milorde

    Nat, sim sobreviveram, mas te pergunto como estam essa pessoas hj em dia? Acredito q esta dificuldade que se tem hj em se relacionar com outras pessoas de sexo oposto, advém desta quebra de regras no qual não se colocou outra no lugar, e até hj tentamos nos adequar num nivel inconsciente a este novo tipo de visão de familia.

    Quanto ao segundo, se existe uma conciencia de ter um risco grande de que o filho possa nascer com algum tipo de doença ou deficiencia, já é um grande impedimento de se tentar uma outra gravidez. Aconselho mesmo buscar o ato de adotar uma criança, quem sabe uma já crescida, estaria fazendo um grande bem.

  • Milorde

    Nat, sim sobreviveram, mas te pergunto como estam essa pessoas hj em dia? Acredito q esta dificuldade que se tem hj em se relacionar com outras pessoas de sexo oposto, advém desta quebra de regras no qual não se colocou outra no lugar, e até hj tentamos nos adequar num nivel inconsciente a este novo tipo de visão de familia.

    Quanto ao segundo, se existe uma conciencia de ter um risco grande de que o filho possa nascer com algum tipo de doença ou deficiencia, já é um grande impedimento de se tentar uma outra gravidez. Aconselho mesmo buscar o ato de adotar uma criança, quem sabe uma já crescida, estaria fazendo um grande bem.

  • Milorde

    Nat, sim sobreviveram, mas te pergunto como estam essa pessoas hj em dia? Acredito q esta dificuldade que se tem hj em se relacionar com outras pessoas de sexo oposto, advém desta quebra de regras no qual não se colocou outra no lugar, e até hj tentamos nos adequar num nivel inconsciente a este novo tipo de visão de familia.

    Quanto ao segundo, se existe uma conciencia de ter um risco grande de que o filho possa nascer com algum tipo de doença ou deficiencia, já é um grande impedimento de se tentar uma outra gravidez. Aconselho mesmo buscar o ato de adotar uma criança, quem sabe uma já crescida, estaria fazendo um grande bem.

  • Milorde

    Nat, sim sobreviveram, mas te pergunto como estam essa pessoas hj em dia? Acredito q esta dificuldade que se tem hj em se relacionar com outras pessoas de sexo oposto, advém desta quebra de regras no qual não se colocou outra no lugar, e até hj tentamos nos adequar num nivel inconsciente a este novo tipo de visão de familia.

    Quanto ao segundo, se existe uma conciencia de ter um risco grande de que o filho possa nascer com algum tipo de doença ou deficiencia, já é um grande impedimento de se tentar uma outra gravidez. Aconselho mesmo buscar o ato de adotar uma criança, quem sabe uma já crescida, estaria fazendo um grande bem.

  • Milorde

    Nat, sim sobreviveram, mas te pergunto como estam essa pessoas hj em dia? Acredito q esta dificuldade que se tem hj em se relacionar com outras pessoas de sexo oposto, advém desta quebra de regras no qual não se colocou outra no lugar, e até hj tentamos nos adequar num nivel inconsciente a este novo tipo de visão de familia.

    Quanto ao segundo, se existe uma conciencia de ter um risco grande de que o filho possa nascer com algum tipo de doença ou deficiencia, já é um grande impedimento de se tentar uma outra gravidez. Aconselho mesmo buscar o ato de adotar uma criança, quem sabe uma já crescida, estaria fazendo um grande bem.

  • Milorde

    Nat, sim sobreviveram, mas te pergunto como estam essa pessoas hj em dia? Acredito q esta dificuldade que se tem hj em se relacionar com outras pessoas de sexo oposto, advém desta quebra de regras no qual não se colocou outra no lugar, e até hj tentamos nos adequar num nivel inconsciente a este novo tipo de visão de familia.

    Quanto ao segundo, se existe uma conciencia de ter um risco grande de que o filho possa nascer com algum tipo de doença ou deficiencia, já é um grande impedimento de se tentar uma outra gravidez. Aconselho mesmo buscar o ato de adotar uma criança, quem sabe uma já crescida, estaria fazendo um grande bem.

  • Milorde

    Nat, sim sobreviveram, mas te pergunto como estam essa pessoas hj em dia? Acredito q esta dificuldade que se tem hj em se relacionar com outras pessoas de sexo oposto, advém desta quebra de regras no qual não se colocou outra no lugar, e até hj tentamos nos adequar num nivel inconsciente a este novo tipo de visão de familia.

    Quanto ao segundo, se existe uma conciencia de ter um risco grande de que o filho possa nascer com algum tipo de doença ou deficiencia, já é um grande impedimento de se tentar uma outra gravidez. Aconselho mesmo buscar o ato de adotar uma criança, quem sabe uma já crescida, estaria fazendo um grande bem.

  • Milorde

    Nat, sim sobreviveram, mas te pergunto como estam essa pessoas hj em dia? Acredito q esta dificuldade que se tem hj em se relacionar com outras pessoas de sexo oposto, advém desta quebra de regras no qual não se colocou outra no lugar, e até hj tentamos nos adequar num nivel inconsciente a este novo tipo de visão de familia.

    Quanto ao segundo, se existe uma conciencia de ter um risco grande de que o filho possa nascer com algum tipo de doença ou deficiencia, já é um grande impedimento de se tentar uma outra gravidez. Aconselho mesmo buscar o ato de adotar uma criança, quem sabe uma já crescida, estaria fazendo um grande bem.

  • Milorde

    Nat, sim sobreviveram, mas te pergunto como estam essa pessoas hj em dia? Acredito q esta dificuldade que se tem hj em se relacionar com outras pessoas de sexo oposto, advém desta quebra de regras no qual não se colocou outra no lugar, e até hj tentamos nos adequar num nivel inconsciente a este novo tipo de visão de familia.

    Quanto ao segundo, se existe uma conciencia de ter um risco grande de que o filho possa nascer com algum tipo de doença ou deficiencia, já é um grande impedimento de se tentar uma outra gravidez. Aconselho mesmo buscar o ato de adotar uma criança, quem sabe uma já crescida, estaria fazendo um grande bem.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Eu falei de adoção lá em cima e mais umas 2 pessoas também citaram. Mas aí parei pra pensar: os órgãos e profissionais competentes permitem adotar no caso de irmãos que vivem como marido e esposa? Alguém sabe alguma coisa sobre isso?
    Fiquei curiosa.

    Hasta
    o/

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Eu falei de adoção lá em cima e mais umas 2 pessoas também citaram. Mas aí parei pra pensar: os órgãos e profissionais competentes permitem adotar no caso de irmãos que vivem como marido e esposa? Alguém sabe alguma coisa sobre isso?
    Fiquei curiosa.

    Hasta
    o/

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Eu falei de adoção lá em cima e mais umas 2 pessoas também citaram. Mas aí parei pra pensar: os órgãos e profissionais competentes permitem adotar no caso de irmãos que vivem como marido e esposa? Alguém sabe alguma coisa sobre isso?
    Fiquei curiosa.

    Hasta
    o/

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Eu falei de adoção lá em cima e mais umas 2 pessoas também citaram. Mas aí parei pra pensar: os órgãos e profissionais competentes permitem adotar no caso de irmãos que vivem como marido e esposa? Alguém sabe alguma coisa sobre isso?
    Fiquei curiosa.

    Hasta
    o/

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Eu falei de adoção lá em cima e mais umas 2 pessoas também citaram. Mas aí parei pra pensar: os órgãos e profissionais competentes permitem adotar no caso de irmãos que vivem como marido e esposa? Alguém sabe alguma coisa sobre isso?
    Fiquei curiosa.

    Hasta
    o/

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Eu falei de adoção lá em cima e mais umas 2 pessoas também citaram. Mas aí parei pra pensar: os órgãos e profissionais competentes permitem adotar no caso de irmãos que vivem como marido e esposa? Alguém sabe alguma coisa sobre isso?
    Fiquei curiosa.

    Hasta
    o/

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Eu falei de adoção lá em cima e mais umas 2 pessoas também citaram. Mas aí parei pra pensar: os órgãos e profissionais competentes permitem adotar no caso de irmãos que vivem como marido e esposa? Alguém sabe alguma coisa sobre isso?
    Fiquei curiosa.

    Hasta
    o/

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Eu falei de adoção lá em cima e mais umas 2 pessoas também citaram. Mas aí parei pra pensar: os órgãos e profissionais competentes permitem adotar no caso de irmãos que vivem como marido e esposa? Alguém sabe alguma coisa sobre isso?
    Fiquei curiosa.

    Hasta
    o/

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Eu falei de adoção lá em cima e mais umas 2 pessoas também citaram. Mas aí parei pra pensar: os órgãos e profissionais competentes permitem adotar no caso de irmãos que vivem como marido e esposa? Alguém sabe alguma coisa sobre isso?
    Fiquei curiosa.

    Hasta
    o/

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Eu falei de adoção lá em cima e mais umas 2 pessoas também citaram. Mas aí parei pra pensar: os órgãos e profissionais competentes permitem adotar no caso de irmãos que vivem como marido e esposa? Alguém sabe alguma coisa sobre isso?
    Fiquei curiosa.

    Hasta
    o/

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com Carla

    Eu falei de adoção lá em cima e mais umas 2 pessoas também citaram. Mas aí parei pra pensar: os órgãos e profissionais competentes permitem adotar no caso de irmãos que vivem como marido e esposa? Alguém sabe alguma coisa sobre isso?
    Fiquei curiosa.

    Hasta
    o/

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Duvido que permitam. Mais por hipocrisia que qualquer outra coisa.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Duvido que permitam. Mais por hipocrisia que qualquer outra coisa.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Duvido que permitam. Mais por hipocrisia que qualquer outra coisa.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    Duvido que permitam. Mais por hipocrisia que qualquer outra coisa.

  • http://www.papodehomem.com.br Dr Health

    Duvido que permitam. Mais por hipocrisia que qualquer outra coisa.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Humm… também duvido.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Humm… também duvido.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Humm… também duvido.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Humm… também duvido.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Humm… também duvido.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Humm… também duvido.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Humm… também duvido.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Humm… também duvido.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Humm… também duvido.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Humm… também duvido.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com Carla

    Humm… também duvido.

  • Tiolu

    Muito obrigado,seus comentários foram de muita valia.Mostrei esses comentários a minha irmã e ela ficou mais consiente de nossos riscos, deixamos para lá o fato de arrumar outra criança.Vamos cuidar da Camile,ela é linda tem olhos azuis e cabelos castanos é uma cópia da mãe(minha irmã) não puxou quase nada de mim,quero enquanto viver dar todo carinho e respeito a lea,meu filho e minhas filhas do outro casamento sabem do fato de serem tios e irmãos da Camile,no inicio acharam estranho mas apaixonaram a tal ponto com ela que não sabem oque fazer para agradá-la.Ela é com certeza muuuuuuiiiiiito AMADA. É um anjinho em nossas vidas,Deus a colocou em nossas vidas para um dia termos uma resposta.Com certeza Deus sabe o porque isso aconteceu.

  • Tiolu

    Muito obrigado,seus comentários foram de muita valia.Mostrei esses comentários a minha irmã e ela ficou mais consiente de nossos riscos, deixamos para lá o fato de arrumar outra criança.Vamos cuidar da Camile,ela é linda tem olhos azuis e cabelos castanos é uma cópia da mãe(minha irmã) não puxou quase nada de mim,quero enquanto viver dar todo carinho e respeito a lea,meu filho e minhas filhas do outro casamento sabem do fato de serem tios e irmãos da Camile,no inicio acharam estranho mas apaixonaram a tal ponto com ela que não sabem oque fazer para agradá-la.Ela é com certeza muuuuuuiiiiiito AMADA. É um anjinho em nossas vidas,Deus a colocou em nossas vidas para um dia termos uma resposta.Com certeza Deus sabe o porque isso aconteceu.

  • Tiolu

    Muito obrigado,seus comentários foram de muita valia.Mostrei esses comentários a minha irmã e ela ficou mais consiente de nossos riscos, deixamos para lá o fato de arrumar outra criança.Vamos cuidar da Camile,ela é linda tem olhos azuis e cabelos castanos é uma cópia da mãe(minha irmã) não puxou quase nada de mim,quero enquanto viver dar todo carinho e respeito a lea,meu filho e minhas filhas do outro casamento sabem do fato de serem tios e irmãos da Camile,no inicio acharam estranho mas apaixonaram a tal ponto com ela que não sabem oque fazer para agradá-la.Ela é com certeza muuuuuuiiiiiito AMADA. É um anjinho em nossas vidas,Deus a colocou em nossas vidas para um dia termos uma resposta.Com certeza Deus sabe o porque isso aconteceu.

  • Tiolu

    Muito obrigado,seus comentários foram de muita valia.Mostrei esses comentários a minha irmã e ela ficou mais consiente de nossos riscos, deixamos para lá o fato de arrumar outra criança.Vamos cuidar da Camile,ela é linda tem olhos azuis e cabelos castanos é uma cópia da mãe(minha irmã) não puxou quase nada de mim,quero enquanto viver dar todo carinho e respeito a lea,meu filho e minhas filhas do outro casamento sabem do fato de serem tios e irmãos da Camile,no inicio acharam estranho mas apaixonaram a tal ponto com ela que não sabem oque fazer para agradá-la.Ela é com certeza muuuuuuiiiiiito AMADA. É um anjinho em nossas vidas,Deus a colocou em nossas vidas para um dia termos uma resposta.Com certeza Deus sabe o porque isso aconteceu.

  • Tiolu

    Muito obrigado,seus comentários foram de muita valia.Mostrei esses comentários a minha irmã e ela ficou mais consiente de nossos riscos, deixamos para lá o fato de arrumar outra criança.Vamos cuidar da Camile,ela é linda tem olhos azuis e cabelos castanos é uma cópia da mãe(minha irmã) não puxou quase nada de mim,quero enquanto viver dar todo carinho e respeito a lea,meu filho e minhas filhas do outro casamento sabem do fato de serem tios e irmãos da Camile,no inicio acharam estranho mas apaixonaram a tal ponto com ela que não sabem oque fazer para agradá-la.Ela é com certeza muuuuuuiiiiiito AMADA. É um anjinho em nossas vidas,Deus a colocou em nossas vidas para um dia termos uma resposta.Com certeza Deus sabe o porque isso aconteceu.

  • Tiolu

    Muito obrigado,seus comentários foram de muita valia.Mostrei esses comentários a minha irmã e ela ficou mais consiente de nossos riscos, deixamos para lá o fato de arrumar outra criança.Vamos cuidar da Camile,ela é linda tem olhos azuis e cabelos castanos é uma cópia da mãe(minha irmã) não puxou quase nada de mim,quero enquanto viver dar todo carinho e respeito a lea,meu filho e minhas filhas do outro casamento sabem do fato de serem tios e irmãos da Camile,no inicio acharam estranho mas apaixonaram a tal ponto com ela que não sabem oque fazer para agradá-la.Ela é com certeza muuuuuuiiiiiito AMADA. É um anjinho em nossas vidas,Deus a colocou em nossas vidas para um dia termos uma resposta.Com certeza Deus sabe o porque isso aconteceu.

  • Tiolu

    Muito obrigado,seus comentários foram de muita valia.Mostrei esses comentários a minha irmã e ela ficou mais consiente de nossos riscos, deixamos para lá o fato de arrumar outra criança.Vamos cuidar da Camile,ela é linda tem olhos azuis e cabelos castanos é uma cópia da mãe(minha irmã) não puxou quase nada de mim,quero enquanto viver dar todo carinho e respeito a lea,meu filho e minhas filhas do outro casamento sabem do fato de serem tios e irmãos da Camile,no inicio acharam estranho mas apaixonaram a tal ponto com ela que não sabem oque fazer para agradá-la.Ela é com certeza muuuuuuiiiiiito AMADA. É um anjinho em nossas vidas,Deus a colocou em nossas vidas para um dia termos uma resposta.Com certeza Deus sabe o porque isso aconteceu.

  • Tiolu

    Muito obrigado,seus comentários foram de muita valia.Mostrei esses comentários a minha irmã e ela ficou mais consiente de nossos riscos, deixamos para lá o fato de arrumar outra criança.Vamos cuidar da Camile,ela é linda tem olhos azuis e cabelos castanos é uma cópia da mãe(minha irmã) não puxou quase nada de mim,quero enquanto viver dar todo carinho e respeito a lea,meu filho e minhas filhas do outro casamento sabem do fato de serem tios e irmãos da Camile,no inicio acharam estranho mas apaixonaram a tal ponto com ela que não sabem oque fazer para agradá-la.Ela é com certeza muuuuuuiiiiiito AMADA. É um anjinho em nossas vidas,Deus a colocou em nossas vidas para um dia termos uma resposta.Com certeza Deus sabe o porque isso aconteceu.

  • Tiolu

    Muito obrigado,seus comentários foram de muita valia.Mostrei esses comentários a minha irmã e ela ficou mais consiente de nossos riscos, deixamos para lá o fato de arrumar outra criança.Vamos cuidar da Camile,ela é linda tem olhos azuis e cabelos castanos é uma cópia da mãe(minha irmã) não puxou quase nada de mim,quero enquanto viver dar todo carinho e respeito a lea,meu filho e minhas filhas do outro casamento sabem do fato de serem tios e irmãos da Camile,no inicio acharam estranho mas apaixonaram a tal ponto com ela que não sabem oque fazer para agradá-la.Ela é com certeza muuuuuuiiiiiito AMADA. É um anjinho em nossas vidas,Deus a colocou em nossas vidas para um dia termos uma resposta.Com certeza Deus sabe o porque isso aconteceu.

  • Fred

    Wilma, a historia de Adao e Eva nao e para ser levada ao pe da letra. Se vc quiser citar exemplos incestuosos na biblia vc vai encontrar, mas Adao e Eva nao entram nessa.

    Somos todos irmaos no sentido de respeitar e colaborar uns com os outros como irmaos. Essa e outra coisa q nunca foi dita para ser levada ao pe da letra.

    Se isso eh comum no Nordeste e uma pena, continua errado. A frequencia nao determina se e certo ou errado. O Nordeste ainda fica no Brasil e a cultura brasileira nao permite isso.

  • Fred

    Wilma, a historia de Adao e Eva nao e para ser levada ao pe da letra. Se vc quiser citar exemplos incestuosos na biblia vc vai encontrar, mas Adao e Eva nao entram nessa.

    Somos todos irmaos no sentido de respeitar e colaborar uns com os outros como irmaos. Essa e outra coisa q nunca foi dita para ser levada ao pe da letra.

    Se isso eh comum no Nordeste e uma pena, continua errado. A frequencia nao determina se e certo ou errado. O Nordeste ainda fica no Brasil e a cultura brasileira nao permite isso.

  • Fred

    Wilma, a historia de Adao e Eva nao e para ser levada ao pe da letra. Se vc quiser citar exemplos incestuosos na biblia vc vai encontrar, mas Adao e Eva nao entram nessa.

    Somos todos irmaos no sentido de respeitar e colaborar uns com os outros como irmaos. Essa e outra coisa q nunca foi dita para ser levada ao pe da letra.

    Se isso eh comum no Nordeste e uma pena, continua errado. A frequencia nao determina se e certo ou errado. O Nordeste ainda fica no Brasil e a cultura brasileira nao permite isso.

  • Fred

    Wilma, a historia de Adao e Eva nao e para ser levada ao pe da letra. Se vc quiser citar exemplos incestuosos na biblia vc vai encontrar, mas Adao e Eva nao entram nessa.

    Somos todos irmaos no sentido de respeitar e colaborar uns com os outros como irmaos. Essa e outra coisa q nunca foi dita para ser levada ao pe da letra.

    Se isso eh comum no Nordeste e uma pena, continua errado. A frequencia nao determina se e certo ou errado. O Nordeste ainda fica no Brasil e a cultura brasileira nao permite isso.

  • Fred

    Wilma, a historia de Adao e Eva nao e para ser levada ao pe da letra. Se vc quiser citar exemplos incestuosos na biblia vc vai encontrar, mas Adao e Eva nao entram nessa.

    Somos todos irmaos no sentido de respeitar e colaborar uns com os outros como irmaos. Essa e outra coisa q nunca foi dita para ser levada ao pe da letra.

    Se isso eh comum no Nordeste e uma pena, continua errado. A frequencia nao determina se e certo ou errado. O Nordeste ainda fica no Brasil e a cultura brasileira nao permite isso.

  • Fred

    Wilma, a historia de Adao e Eva nao e para ser levada ao pe da letra. Se vc quiser citar exemplos incestuosos na biblia vc vai encontrar, mas Adao e Eva nao entram nessa.

    Somos todos irmaos no sentido de respeitar e colaborar uns com os outros como irmaos. Essa e outra coisa q nunca foi dita para ser levada ao pe da letra.

    Se isso eh comum no Nordeste e uma pena, continua errado. A frequencia nao determina se e certo ou errado. O Nordeste ainda fica no Brasil e a cultura brasileira nao permite isso.

  • Fred

    Wilma, a historia de Adao e Eva nao e para ser levada ao pe da letra. Se vc quiser citar exemplos incestuosos na biblia vc vai encontrar, mas Adao e Eva nao entram nessa.

    Somos todos irmaos no sentido de respeitar e colaborar uns com os outros como irmaos. Essa e outra coisa q nunca foi dita para ser levada ao pe da letra.

    Se isso eh comum no Nordeste e uma pena, continua errado. A frequencia nao determina se e certo ou errado. O Nordeste ainda fica no Brasil e a cultura brasileira nao permite isso.

  • Fred

    Wilma, a historia de Adao e Eva nao e para ser levada ao pe da letra. Se vc quiser citar exemplos incestuosos na biblia vc vai encontrar, mas Adao e Eva nao entram nessa.

    Somos todos irmaos no sentido de respeitar e colaborar uns com os outros como irmaos. Essa e outra coisa q nunca foi dita para ser levada ao pe da letra.

    Se isso eh comum no Nordeste e uma pena, continua errado. A frequencia nao determina se e certo ou errado. O Nordeste ainda fica no Brasil e a cultura brasileira nao permite isso.

  • Milorde

    Tiolu, desejo a ti toda a benção do mundo cara!

  • Milorde

    Tiolu, desejo a ti toda a benção do mundo cara!

  • Milorde

    Tiolu, desejo a ti toda a benção do mundo cara!

  • Milorde

    Tiolu, desejo a ti toda a benção do mundo cara!

  • Milorde

    Tiolu, desejo a ti toda a benção do mundo cara!

  • Milorde

    Tiolu, desejo a ti toda a benção do mundo cara!

  • Milorde

    Tiolu, desejo a ti toda a benção do mundo cara!

  • Milorde

    Tiolu, desejo a ti toda a benção do mundo cara!

  • Anônimo

    Wilma

    Como bem disse o Fred, eu repito e acrescento: a grande maioria dos textos que constam na Bíblia (e até em outros livros sagrados) não foram escritos para serem interpretados literalmente, ao pé da letra. Quem o faz é ignorante.

    Agora, deixando religião de lado, eu acho uma tremenda aberração isso tudo, isso sim… depois a sociedade está doida do jeito que está, cheio de gente problemática, com problemas psicológicos, psicopatia, violência… e ninguém sabe o porquê. Todo mundo quer meter o seu “bedelho” de mudar as coisas como são, “revolucionar” a sociedade, sem pensar nas conseqüências para a geração seguinte…

    A sociedade tão criticada por muitos aqui foi criada pelos próprios homens para colocar um pouco de “ordem na casa”… imaginem o caos que seria o mundo tão cheio de gente e sem nenhuma “convenção” ou “regra de convivência” ou até mesmo, para muitos e em alguns casos, “tabus”. Tudo isso foi criado porque PRECISA existir, para o bem da CIVILIZAÇÃO.

    Bancar o revolucionário e o moderninho, contestando tudo o que existe simplesmente por contestar, definitivamente não é a minha. Por isso o mundo está essa zona que está… E o pior, é que as pessoas que defendem essas aberrações, de maneira extremamente contraditória usam argumentos retrógrados!! Querer justificar um incesto porque “no sertão nordestino é normal”???? (ironia mode on) Nooossa, que ótimo exemplo de modernidade e desenvolvimento é o sertão nordestino!! (ironia mode off). Façam-me o favor, viu!!!

    Resumindo… NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou pais, NÃO É normal ser homossexual, NÃO É normal essa violência gratuita na nossa sociedade atual, NÃO É normal tanta gente nesse mundo com problemas psicológicos sérios.

    Abraços a todos

  • Anônimo

    Wilma

    Como bem disse o Fred, eu repito e acrescento: a grande maioria dos textos que constam na Bíblia (e até em outros livros sagrados) não foram escritos para serem interpretados literalmente, ao pé da letra. Quem o faz é ignorante.

    Agora, deixando religião de lado, eu acho uma tremenda aberração isso tudo, isso sim… depois a sociedade está doida do jeito que está, cheio de gente problemática, com problemas psicológicos, psicopatia, violência… e ninguém sabe o porquê. Todo mundo quer meter o seu “bedelho” de mudar as coisas como são, “revolucionar” a sociedade, sem pensar nas conseqüências para a geração seguinte…

    A sociedade tão criticada por muitos aqui foi criada pelos próprios homens para colocar um pouco de “ordem na casa”… imaginem o caos que seria o mundo tão cheio de gente e sem nenhuma “convenção” ou “regra de convivência” ou até mesmo, para muitos e em alguns casos, “tabus”. Tudo isso foi criado porque PRECISA existir, para o bem da CIVILIZAÇÃO.

    Bancar o revolucionário e o moderninho, contestando tudo o que existe simplesmente por contestar, definitivamente não é a minha. Por isso o mundo está essa zona que está… E o pior, é que as pessoas que defendem essas aberrações, de maneira extremamente contraditória usam argumentos retrógrados!! Querer justificar um incesto porque “no sertão nordestino é normal”???? (ironia mode on) Nooossa, que ótimo exemplo de modernidade e desenvolvimento é o sertão nordestino!! (ironia mode off). Façam-me o favor, viu!!!

    Resumindo… NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou pais, NÃO É normal ser homossexual, NÃO É normal essa violência gratuita na nossa sociedade atual, NÃO É normal tanta gente nesse mundo com problemas psicológicos sérios.

    Abraços a todos

  • Anônimo

    Wilma

    Como bem disse o Fred, eu repito e acrescento: a grande maioria dos textos que constam na Bíblia (e até em outros livros sagrados) não foram escritos para serem interpretados literalmente, ao pé da letra. Quem o faz é ignorante.

    Agora, deixando religião de lado, eu acho uma tremenda aberração isso tudo, isso sim… depois a sociedade está doida do jeito que está, cheio de gente problemática, com problemas psicológicos, psicopatia, violência… e ninguém sabe o porquê. Todo mundo quer meter o seu “bedelho” de mudar as coisas como são, “revolucionar” a sociedade, sem pensar nas conseqüências para a geração seguinte…

    A sociedade tão criticada por muitos aqui foi criada pelos próprios homens para colocar um pouco de “ordem na casa”… imaginem o caos que seria o mundo tão cheio de gente e sem nenhuma “convenção” ou “regra de convivência” ou até mesmo, para muitos e em alguns casos, “tabus”. Tudo isso foi criado porque PRECISA existir, para o bem da CIVILIZAÇÃO.

    Bancar o revolucionário e o moderninho, contestando tudo o que existe simplesmente por contestar, definitivamente não é a minha. Por isso o mundo está essa zona que está… E o pior, é que as pessoas que defendem essas aberrações, de maneira extremamente contraditória usam argumentos retrógrados!! Querer justificar um incesto porque “no sertão nordestino é normal”???? (ironia mode on) Nooossa, que ótimo exemplo de modernidade e desenvolvimento é o sertão nordestino!! (ironia mode off). Façam-me o favor, viu!!!

    Resumindo… NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou pais, NÃO É normal ser homossexual, NÃO É normal essa violência gratuita na nossa sociedade atual, NÃO É normal tanta gente nesse mundo com problemas psicológicos sérios.

    Abraços a todos

  • Anônimo

    Wilma

    Como bem disse o Fred, eu repito e acrescento: a grande maioria dos textos que constam na Bíblia (e até em outros livros sagrados) não foram escritos para serem interpretados literalmente, ao pé da letra. Quem o faz é ignorante.

    Agora, deixando religião de lado, eu acho uma tremenda aberração isso tudo, isso sim… depois a sociedade está doida do jeito que está, cheio de gente problemática, com problemas psicológicos, psicopatia, violência… e ninguém sabe o porquê. Todo mundo quer meter o seu “bedelho” de mudar as coisas como são, “revolucionar” a sociedade, sem pensar nas conseqüências para a geração seguinte…

    A sociedade tão criticada por muitos aqui foi criada pelos próprios homens para colocar um pouco de “ordem na casa”… imaginem o caos que seria o mundo tão cheio de gente e sem nenhuma “convenção” ou “regra de convivência” ou até mesmo, para muitos e em alguns casos, “tabus”. Tudo isso foi criado porque PRECISA existir, para o bem da CIVILIZAÇÃO.

    Bancar o revolucionário e o moderninho, contestando tudo o que existe simplesmente por contestar, definitivamente não é a minha. Por isso o mundo está essa zona que está… E o pior, é que as pessoas que defendem essas aberrações, de maneira extremamente contraditória usam argumentos retrógrados!! Querer justificar um incesto porque “no sertão nordestino é normal”???? (ironia mode on) Nooossa, que ótimo exemplo de modernidade e desenvolvimento é o sertão nordestino!! (ironia mode off). Façam-me o favor, viu!!!

    Resumindo… NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou pais, NÃO É normal ser homossexual, NÃO É normal essa violência gratuita na nossa sociedade atual, NÃO É normal tanta gente nesse mundo com problemas psicológicos sérios.

    Abraços a todos

  • Anônimo

    Wilma

    Como bem disse o Fred, eu repito e acrescento: a grande maioria dos textos que constam na Bíblia (e até em outros livros sagrados) não foram escritos para serem interpretados literalmente, ao pé da letra. Quem o faz é ignorante.

    Agora, deixando religião de lado, eu acho uma tremenda aberração isso tudo, isso sim… depois a sociedade está doida do jeito que está, cheio de gente problemática, com problemas psicológicos, psicopatia, violência… e ninguém sabe o porquê. Todo mundo quer meter o seu “bedelho” de mudar as coisas como são, “revolucionar” a sociedade, sem pensar nas conseqüências para a geração seguinte…

    A sociedade tão criticada por muitos aqui foi criada pelos próprios homens para colocar um pouco de “ordem na casa”… imaginem o caos que seria o mundo tão cheio de gente e sem nenhuma “convenção” ou “regra de convivência” ou até mesmo, para muitos e em alguns casos, “tabus”. Tudo isso foi criado porque PRECISA existir, para o bem da CIVILIZAÇÃO.

    Bancar o revolucionário e o moderninho, contestando tudo o que existe simplesmente por contestar, definitivamente não é a minha. Por isso o mundo está essa zona que está… E o pior, é que as pessoas que defendem essas aberrações, de maneira extremamente contraditória usam argumentos retrógrados!! Querer justificar um incesto porque “no sertão nordestino é normal”???? (ironia mode on) Nooossa, que ótimo exemplo de modernidade e desenvolvimento é o sertão nordestino!! (ironia mode off). Façam-me o favor, viu!!!

    Resumindo… NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou pais, NÃO É normal ser homossexual, NÃO É normal essa violência gratuita na nossa sociedade atual, NÃO É normal tanta gente nesse mundo com problemas psicológicos sérios.

    Abraços a todos

  • Anônimo

    Wilma

    Como bem disse o Fred, eu repito e acrescento: a grande maioria dos textos que constam na Bíblia (e até em outros livros sagrados) não foram escritos para serem interpretados literalmente, ao pé da letra. Quem o faz é ignorante.

    Agora, deixando religião de lado, eu acho uma tremenda aberração isso tudo, isso sim… depois a sociedade está doida do jeito que está, cheio de gente problemática, com problemas psicológicos, psicopatia, violência… e ninguém sabe o porquê. Todo mundo quer meter o seu “bedelho” de mudar as coisas como são, “revolucionar” a sociedade, sem pensar nas conseqüências para a geração seguinte…

    A sociedade tão criticada por muitos aqui foi criada pelos próprios homens para colocar um pouco de “ordem na casa”… imaginem o caos que seria o mundo tão cheio de gente e sem nenhuma “convenção” ou “regra de convivência” ou até mesmo, para muitos e em alguns casos, “tabus”. Tudo isso foi criado porque PRECISA existir, para o bem da CIVILIZAÇÃO.

    Bancar o revolucionário e o moderninho, contestando tudo o que existe simplesmente por contestar, definitivamente não é a minha. Por isso o mundo está essa zona que está… E o pior, é que as pessoas que defendem essas aberrações, de maneira extremamente contraditória usam argumentos retrógrados!! Querer justificar um incesto porque “no sertão nordestino é normal”???? (ironia mode on) Nooossa, que ótimo exemplo de modernidade e desenvolvimento é o sertão nordestino!! (ironia mode off). Façam-me o favor, viu!!!

    Resumindo… NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou pais, NÃO É normal ser homossexual, NÃO É normal essa violência gratuita na nossa sociedade atual, NÃO É normal tanta gente nesse mundo com problemas psicológicos sérios.

    Abraços a todos

  • Anônimo

    Wilma

    Como bem disse o Fred, eu repito e acrescento: a grande maioria dos textos que constam na Bíblia (e até em outros livros sagrados) não foram escritos para serem interpretados literalmente, ao pé da letra. Quem o faz é ignorante.

    Agora, deixando religião de lado, eu acho uma tremenda aberração isso tudo, isso sim… depois a sociedade está doida do jeito que está, cheio de gente problemática, com problemas psicológicos, psicopatia, violência… e ninguém sabe o porquê. Todo mundo quer meter o seu “bedelho” de mudar as coisas como são, “revolucionar” a sociedade, sem pensar nas conseqüências para a geração seguinte…

    A sociedade tão criticada por muitos aqui foi criada pelos próprios homens para colocar um pouco de “ordem na casa”… imaginem o caos que seria o mundo tão cheio de gente e sem nenhuma “convenção” ou “regra de convivência” ou até mesmo, para muitos e em alguns casos, “tabus”. Tudo isso foi criado porque PRECISA existir, para o bem da CIVILIZAÇÃO.

    Bancar o revolucionário e o moderninho, contestando tudo o que existe simplesmente por contestar, definitivamente não é a minha. Por isso o mundo está essa zona que está… E o pior, é que as pessoas que defendem essas aberrações, de maneira extremamente contraditória usam argumentos retrógrados!! Querer justificar um incesto porque “no sertão nordestino é normal”???? (ironia mode on) Nooossa, que ótimo exemplo de modernidade e desenvolvimento é o sertão nordestino!! (ironia mode off). Façam-me o favor, viu!!!

    Resumindo… NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou pais, NÃO É normal ser homossexual, NÃO É normal essa violência gratuita na nossa sociedade atual, NÃO É normal tanta gente nesse mundo com problemas psicológicos sérios.

    Abraços a todos

  • Dr Health

    “Como bem disse o Fred, eu repito e acrescento: a grande maioria dos textos que constam na Bíblia (e até em outros livros sagrados) não foram escritos para serem interpretados literalmente, ao pé da letra. Quem o faz é ignorante.”

    O que mais tem por aí é crente fazendo isso. Aliás, interpretam literalmente o que LHES CONVÉM…

    Assim é mole.

  • Dr Health

    “Como bem disse o Fred, eu repito e acrescento: a grande maioria dos textos que constam na Bíblia (e até em outros livros sagrados) não foram escritos para serem interpretados literalmente, ao pé da letra. Quem o faz é ignorante.”

    O que mais tem por aí é crente fazendo isso. Aliás, interpretam literalmente o que LHES CONVÉM…

    Assim é mole.

  • Dr Health

    “Como bem disse o Fred, eu repito e acrescento: a grande maioria dos textos que constam na Bíblia (e até em outros livros sagrados) não foram escritos para serem interpretados literalmente, ao pé da letra. Quem o faz é ignorante.”

    O que mais tem por aí é crente fazendo isso. Aliás, interpretam literalmente o que LHES CONVÉM…

    Assim é mole.

  • Dr Health

    “Como bem disse o Fred, eu repito e acrescento: a grande maioria dos textos que constam na Bíblia (e até em outros livros sagrados) não foram escritos para serem interpretados literalmente, ao pé da letra. Quem o faz é ignorante.”

    O que mais tem por aí é crente fazendo isso. Aliás, interpretam literalmente o que LHES CONVÉM…

    Assim é mole.

  • Dr Health

    “Como bem disse o Fred, eu repito e acrescento: a grande maioria dos textos que constam na Bíblia (e até em outros livros sagrados) não foram escritos para serem interpretados literalmente, ao pé da letra. Quem o faz é ignorante.”

    O que mais tem por aí é crente fazendo isso. Aliás, interpretam literalmente o que LHES CONVÉM…

    Assim é mole.

  • Dr Health

    “Como bem disse o Fred, eu repito e acrescento: a grande maioria dos textos que constam na Bíblia (e até em outros livros sagrados) não foram escritos para serem interpretados literalmente, ao pé da letra. Quem o faz é ignorante.”

    O que mais tem por aí é crente fazendo isso. Aliás, interpretam literalmente o que LHES CONVÉM…

    Assim é mole.

  • Dr Health

    “Como bem disse o Fred, eu repito e acrescento: a grande maioria dos textos que constam na Bíblia (e até em outros livros sagrados) não foram escritos para serem interpretados literalmente, ao pé da letra. Quem o faz é ignorante.”

    O que mais tem por aí é crente fazendo isso. Aliás, interpretam literalmente o que LHES CONVÉM…

    Assim é mole.

  • Fred

    Completando o que disse o Dr Health, tem muito evangélico que leva a Bíblia ao pé da letra por ser muito ignorante.

    E tem muita gente que critica a Bíblia justamente por achar que ela deve ser levada ao pé da letra, como a nossa amiga Wilma fez.

  • Fred

    Completando o que disse o Dr Health, tem muito evangélico que leva a Bíblia ao pé da letra por ser muito ignorante.

    E tem muita gente que critica a Bíblia justamente por achar que ela deve ser levada ao pé da letra, como a nossa amiga Wilma fez.

  • Fred

    Completando o que disse o Dr Health, tem muito evangélico que leva a Bíblia ao pé da letra por ser muito ignorante.

    E tem muita gente que critica a Bíblia justamente por achar que ela deve ser levada ao pé da letra, como a nossa amiga Wilma fez.

  • Fred

    Completando o que disse o Dr Health, tem muito evangélico que leva a Bíblia ao pé da letra por ser muito ignorante.

    E tem muita gente que critica a Bíblia justamente por achar que ela deve ser levada ao pé da letra, como a nossa amiga Wilma fez.

  • Fred

    Completando o que disse o Dr Health, tem muito evangélico que leva a Bíblia ao pé da letra por ser muito ignorante.

    E tem muita gente que critica a Bíblia justamente por achar que ela deve ser levada ao pé da letra, como a nossa amiga Wilma fez.

  • Fred

    Completando o que disse o Dr Health, tem muito evangélico que leva a Bíblia ao pé da letra por ser muito ignorante.

    E tem muita gente que critica a Bíblia justamente por achar que ela deve ser levada ao pé da letra, como a nossa amiga Wilma fez.

  • Fred

    Completando o que disse o Dr Health, tem muito evangélico que leva a Bíblia ao pé da letra por ser muito ignorante.

    E tem muita gente que critica a Bíblia justamente por achar que ela deve ser levada ao pé da letra, como a nossa amiga Wilma fez.

  • Fred

    Completando o que disse o Dr Health, tem muito evangélico que leva a Bíblia ao pé da letra por ser muito ignorante.

    E tem muita gente que critica a Bíblia justamente por achar que ela deve ser levada ao pé da letra, como a nossa amiga Wilma fez.

  • Fred

    Completando o que disse o Dr Health, tem muito evangélico que leva a Bíblia ao pé da letra por ser muito ignorante.

    E tem muita gente que critica a Bíblia justamente por achar que ela deve ser levada ao pé da letra, como a nossa amiga Wilma fez.

  • Fred

    Completando o que disse o Dr Health, tem muito evangélico que leva a Bíblia ao pé da letra por ser muito ignorante.

    E tem muita gente que critica a Bíblia justamente por achar que ela deve ser levada ao pé da letra, como a nossa amiga Wilma fez.

  • Fred

    Completando o que disse o Dr Health, tem muito evangélico que leva a Bíblia ao pé da letra por ser muito ignorante.

    E tem muita gente que critica a Bíblia justamente por achar que ela deve ser levada ao pé da letra, como a nossa amiga Wilma fez.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Concordo com muita coisa que o anônimo disse.
    Aliás, como nordestina devo dizer que não é normal o incesto e os casamentos consaguíneos nem no litoral, nem no interior, nem na caatinga. Umas 3 gerações atrás era comum casamento entre primos por uma questão social: as famílias ficaram escassas por causa da imigração para o sudeste (tentativa de melhoria de vida). Pois é, o sertão nordestino não é nenhum exemplo de modernidade e desenvolvimento, como já foi ironizado.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Concordo com muita coisa que o anônimo disse.
    Aliás, como nordestina devo dizer que não é normal o incesto e os casamentos consaguíneos nem no litoral, nem no interior, nem na caatinga. Umas 3 gerações atrás era comum casamento entre primos por uma questão social: as famílias ficaram escassas por causa da imigração para o sudeste (tentativa de melhoria de vida). Pois é, o sertão nordestino não é nenhum exemplo de modernidade e desenvolvimento, como já foi ironizado.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Concordo com muita coisa que o anônimo disse.
    Aliás, como nordestina devo dizer que não é normal o incesto e os casamentos consaguíneos nem no litoral, nem no interior, nem na caatinga. Umas 3 gerações atrás era comum casamento entre primos por uma questão social: as famílias ficaram escassas por causa da imigração para o sudeste (tentativa de melhoria de vida). Pois é, o sertão nordestino não é nenhum exemplo de modernidade e desenvolvimento, como já foi ironizado.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Concordo com muita coisa que o anônimo disse.
    Aliás, como nordestina devo dizer que não é normal o incesto e os casamentos consaguíneos nem no litoral, nem no interior, nem na caatinga. Umas 3 gerações atrás era comum casamento entre primos por uma questão social: as famílias ficaram escassas por causa da imigração para o sudeste (tentativa de melhoria de vida). Pois é, o sertão nordestino não é nenhum exemplo de modernidade e desenvolvimento, como já foi ironizado.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Concordo com muita coisa que o anônimo disse.
    Aliás, como nordestina devo dizer que não é normal o incesto e os casamentos consaguíneos nem no litoral, nem no interior, nem na caatinga. Umas 3 gerações atrás era comum casamento entre primos por uma questão social: as famílias ficaram escassas por causa da imigração para o sudeste (tentativa de melhoria de vida). Pois é, o sertão nordestino não é nenhum exemplo de modernidade e desenvolvimento, como já foi ironizado.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Concordo com muita coisa que o anônimo disse.
    Aliás, como nordestina devo dizer que não é normal o incesto e os casamentos consaguíneos nem no litoral, nem no interior, nem na caatinga. Umas 3 gerações atrás era comum casamento entre primos por uma questão social: as famílias ficaram escassas por causa da imigração para o sudeste (tentativa de melhoria de vida). Pois é, o sertão nordestino não é nenhum exemplo de modernidade e desenvolvimento, como já foi ironizado.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Concordo com muita coisa que o anônimo disse.
    Aliás, como nordestina devo dizer que não é normal o incesto e os casamentos consaguíneos nem no litoral, nem no interior, nem na caatinga. Umas 3 gerações atrás era comum casamento entre primos por uma questão social: as famílias ficaram escassas por causa da imigração para o sudeste (tentativa de melhoria de vida). Pois é, o sertão nordestino não é nenhum exemplo de modernidade e desenvolvimento, como já foi ironizado.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com Carla

    Concordo com muita coisa que o anônimo disse.
    Aliás, como nordestina devo dizer que não é normal o incesto e os casamentos consaguíneos nem no litoral, nem no interior, nem na caatinga. Umas 3 gerações atrás era comum casamento entre primos por uma questão social: as famílias ficaram escassas por causa da imigração para o sudeste (tentativa de melhoria de vida). Pois é, o sertão nordestino não é nenhum exemplo de modernidade e desenvolvimento, como já foi ironizado.

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    Quem nunca sentiu tesão em algum parente que atire a primeira pedra.

    **nenhuma pedra atirada**

    Não me venham com essa de catolicismo e religiões derivadas, elas são muito hipócritas. A repreensão ao incesto, o fato de demonizarem a mulher, etc

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    Quem nunca sentiu tesão em algum parente que atire a primeira pedra.

    **nenhuma pedra atirada**

    Não me venham com essa de catolicismo e religiões derivadas, elas são muito hipócritas. A repreensão ao incesto, o fato de demonizarem a mulher, etc

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    Quem nunca sentiu tesão em algum parente que atire a primeira pedra.

    **nenhuma pedra atirada**

    Não me venham com essa de catolicismo e religiões derivadas, elas são muito hipócritas. A repreensão ao incesto, o fato de demonizarem a mulher, etc

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    Quem nunca sentiu tesão em algum parente que atire a primeira pedra.

    **nenhuma pedra atirada**

    Não me venham com essa de catolicismo e religiões derivadas, elas são muito hipócritas. A repreensão ao incesto, o fato de demonizarem a mulher, etc

  • http://underlineg.blogspot.com _g

    Quem nunca sentiu tesão em algum parente que atire a primeira pedra.

    **nenhuma pedra atirada**

    Não me venham com essa de catolicismo e religiões derivadas, elas são muito hipócritas. A repreensão ao incesto, o fato de demonizarem a mulher, etc

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    O que eu acho engraçado é o modo como se fala da Bíblia como se o próprio Deus a tivesse escrito, e não um ser humano, INSPIRADO por Ele. E apenas pelo fato de ter sido escrita por gente igual a mim, cabe interpretação e eu vou questionar.

    Mas, não falo de religião.

    Wilma, eu botei uma piada num outro post que eu adoro, e vou botar aqui de novo!!

    Um cliente novo entra num bar e querendo se enturmar, pede uma cerveja e diz: – É… se essa CPI for séria…
    E o dono do bar:
    - Moço, no meu bar não se fala sobre política, só dá confusão!!
    - Tudo bem, tá certo!! Mas e o Fluminense ganha do LDU??
    - Moço, no meu bar não se fala sobre futebol também não…
    - É, tem razão! Mas é que na igreja que eu frequento…
    - No meu bar não se fala de religião!!
    - Ah tá bem… e de sexo, pode falar?
    - Ah de sexo é claro!
    - Então vai tomar no cu!!

    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    O que eu acho engraçado é o modo como se fala da Bíblia como se o próprio Deus a tivesse escrito, e não um ser humano, INSPIRADO por Ele. E apenas pelo fato de ter sido escrita por gente igual a mim, cabe interpretação e eu vou questionar.

    Mas, não falo de religião.

    Wilma, eu botei uma piada num outro post que eu adoro, e vou botar aqui de novo!!

    Um cliente novo entra num bar e querendo se enturmar, pede uma cerveja e diz: – É… se essa CPI for séria…
    E o dono do bar:
    - Moço, no meu bar não se fala sobre política, só dá confusão!!
    - Tudo bem, tá certo!! Mas e o Fluminense ganha do LDU??
    - Moço, no meu bar não se fala sobre futebol também não…
    - É, tem razão! Mas é que na igreja que eu frequento…
    - No meu bar não se fala de religião!!
    - Ah tá bem… e de sexo, pode falar?
    - Ah de sexo é claro!
    - Então vai tomar no cu!!

    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    O que eu acho engraçado é o modo como se fala da Bíblia como se o próprio Deus a tivesse escrito, e não um ser humano, INSPIRADO por Ele. E apenas pelo fato de ter sido escrita por gente igual a mim, cabe interpretação e eu vou questionar.

    Mas, não falo de religião.

    Wilma, eu botei uma piada num outro post que eu adoro, e vou botar aqui de novo!!

    Um cliente novo entra num bar e querendo se enturmar, pede uma cerveja e diz: – É… se essa CPI for séria…
    E o dono do bar:
    - Moço, no meu bar não se fala sobre política, só dá confusão!!
    - Tudo bem, tá certo!! Mas e o Fluminense ganha do LDU??
    - Moço, no meu bar não se fala sobre futebol também não…
    - É, tem razão! Mas é que na igreja que eu frequento…
    - No meu bar não se fala de religião!!
    - Ah tá bem… e de sexo, pode falar?
    - Ah de sexo é claro!
    - Então vai tomar no cu!!

    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    O que eu acho engraçado é o modo como se fala da Bíblia como se o próprio Deus a tivesse escrito, e não um ser humano, INSPIRADO por Ele. E apenas pelo fato de ter sido escrita por gente igual a mim, cabe interpretação e eu vou questionar.

    Mas, não falo de religião.

    Wilma, eu botei uma piada num outro post que eu adoro, e vou botar aqui de novo!!

    Um cliente novo entra num bar e querendo se enturmar, pede uma cerveja e diz: – É… se essa CPI for séria…
    E o dono do bar:
    - Moço, no meu bar não se fala sobre política, só dá confusão!!
    - Tudo bem, tá certo!! Mas e o Fluminense ganha do LDU??
    - Moço, no meu bar não se fala sobre futebol também não…
    - É, tem razão! Mas é que na igreja que eu frequento…
    - No meu bar não se fala de religião!!
    - Ah tá bem… e de sexo, pode falar?
    - Ah de sexo é claro!
    - Então vai tomar no cu!!

    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    O que eu acho engraçado é o modo como se fala da Bíblia como se o próprio Deus a tivesse escrito, e não um ser humano, INSPIRADO por Ele. E apenas pelo fato de ter sido escrita por gente igual a mim, cabe interpretação e eu vou questionar.

    Mas, não falo de religião.

    Wilma, eu botei uma piada num outro post que eu adoro, e vou botar aqui de novo!!

    Um cliente novo entra num bar e querendo se enturmar, pede uma cerveja e diz: – É… se essa CPI for séria…
    E o dono do bar:
    - Moço, no meu bar não se fala sobre política, só dá confusão!!
    - Tudo bem, tá certo!! Mas e o Fluminense ganha do LDU??
    - Moço, no meu bar não se fala sobre futebol também não…
    - É, tem razão! Mas é que na igreja que eu frequento…
    - No meu bar não se fala de religião!!
    - Ah tá bem… e de sexo, pode falar?
    - Ah de sexo é claro!
    - Então vai tomar no cu!!

    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    O que eu acho engraçado é o modo como se fala da Bíblia como se o próprio Deus a tivesse escrito, e não um ser humano, INSPIRADO por Ele. E apenas pelo fato de ter sido escrita por gente igual a mim, cabe interpretação e eu vou questionar.

    Mas, não falo de religião.

    Wilma, eu botei uma piada num outro post que eu adoro, e vou botar aqui de novo!!

    Um cliente novo entra num bar e querendo se enturmar, pede uma cerveja e diz: – É… se essa CPI for séria…
    E o dono do bar:
    - Moço, no meu bar não se fala sobre política, só dá confusão!!
    - Tudo bem, tá certo!! Mas e o Fluminense ganha do LDU??
    - Moço, no meu bar não se fala sobre futebol também não…
    - É, tem razão! Mas é que na igreja que eu frequento…
    - No meu bar não se fala de religião!!
    - Ah tá bem… e de sexo, pode falar?
    - Ah de sexo é claro!
    - Então vai tomar no cu!!

    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com/ J@de

    O que eu acho engraçado é o modo como se fala da Bíblia como se o próprio Deus a tivesse escrito, e não um ser humano, INSPIRADO por Ele. E apenas pelo fato de ter sido escrita por gente igual a mim, cabe interpretação e eu vou questionar.

    Mas, não falo de religião.

    Wilma, eu botei uma piada num outro post que eu adoro, e vou botar aqui de novo!!

    Um cliente novo entra num bar e querendo se enturmar, pede uma cerveja e diz: – É… se essa CPI for séria…
    E o dono do bar:
    - Moço, no meu bar não se fala sobre política, só dá confusão!!
    - Tudo bem, tá certo!! Mas e o Fluminense ganha do LDU??
    - Moço, no meu bar não se fala sobre futebol também não…
    - É, tem razão! Mas é que na igreja que eu frequento…
    - No meu bar não se fala de religião!!
    - Ah tá bem… e de sexo, pode falar?
    - Ah de sexo é claro!
    - Então vai tomar no cu!!

    Beijos!!

  • http://verdeolhardejade.blogspot.com J@de

    O que eu acho engraçado é o modo como se fala da Bíblia como se o próprio Deus a tivesse escrito, e não um ser humano, INSPIRADO por Ele. E apenas pelo fato de ter sido escrita por gente igual a mim, cabe interpretação e eu vou questionar.

    Mas, não falo de religião.

    Wilma, eu botei uma piada num outro post que eu adoro, e vou botar aqui de novo!!

    Um cliente novo entra num bar e querendo se enturmar, pede uma cerveja e diz: – É… se essa CPI for séria…
    E o dono do bar:
    - Moço, no meu bar não se fala sobre política, só dá confusão!!
    - Tudo bem, tá certo!! Mas e o Fluminense ganha do LDU??
    - Moço, no meu bar não se fala sobre futebol também não…
    - É, tem razão! Mas é que na igreja que eu frequento…
    - No meu bar não se fala de religião!!
    - Ah tá bem… e de sexo, pode falar?
    - Ah de sexo é claro!
    - Então vai tomar no cu!!

    Beijos!!

  • Milorde

    G, a onde vc quer q eu taque a pedra, hein?

    Falo q sou uma excesão sim. Tenho uma prima hj q está aos 15 anos, e é uma menina muito bonita, mas nem por isso senti ou sinto tesão por ela. Trato-a e sempre a tratarei como uma irmã, pq é este o laço que criei com meus primos, irmãos, amigos e etc. Não acho correto, para mim, que pessoas de laço de parentesco tão proximos sejam visto como oportunidades de prazer, não encaixa psicologicamente, geneticamente por causar desastre ao ter uma chance grande de obter uma criança doente, sem falar q socialmente é muito confuso de entender e compreender. Além de existe muitas mulheres no mundo no qual possa eu ter um relacionamento, sem problema algum. Agora entenda o fato, eu estou aplicando isso a MIM. EU atuo desta forma. Caso um terceiro busque conselhos a mim sobre o assunto eu vou dizer o q EU acredito. Segue se quiser.

    Além disso pensar não é fazer, se fosse assim só existiria um ser humano na face da Terra, pq o restante mataria um aos outros. Ou vc nunca pensou em matar alguém?

    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.

    Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outros.

  • Milorde

    G, a onde vc quer q eu taque a pedra, hein?

    Falo q sou uma excesão sim. Tenho uma prima hj q está aos 15 anos, e é uma menina muito bonita, mas nem por isso senti ou sinto tesão por ela. Trato-a e sempre a tratarei como uma irmã, pq é este o laço que criei com meus primos, irmãos, amigos e etc. Não acho correto, para mim, que pessoas de laço de parentesco tão proximos sejam visto como oportunidades de prazer, não encaixa psicologicamente, geneticamente por causar desastre ao ter uma chance grande de obter uma criança doente, sem falar q socialmente é muito confuso de entender e compreender. Além de existe muitas mulheres no mundo no qual possa eu ter um relacionamento, sem problema algum. Agora entenda o fato, eu estou aplicando isso a MIM. EU atuo desta forma. Caso um terceiro busque conselhos a mim sobre o assunto eu vou dizer o q EU acredito. Segue se quiser.

    Além disso pensar não é fazer, se fosse assim só existiria um ser humano na face da Terra, pq o restante mataria um aos outros. Ou vc nunca pensou em matar alguém?

    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.

    Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outros.

  • Milorde

    G, a onde vc quer q eu taque a pedra, hein?

    Falo q sou uma excesão sim. Tenho uma prima hj q está aos 15 anos, e é uma menina muito bonita, mas nem por isso senti ou sinto tesão por ela. Trato-a e sempre a tratarei como uma irmã, pq é este o laço que criei com meus primos, irmãos, amigos e etc. Não acho correto, para mim, que pessoas de laço de parentesco tão proximos sejam visto como oportunidades de prazer, não encaixa psicologicamente, geneticamente por causar desastre ao ter uma chance grande de obter uma criança doente, sem falar q socialmente é muito confuso de entender e compreender. Além de existe muitas mulheres no mundo no qual possa eu ter um relacionamento, sem problema algum. Agora entenda o fato, eu estou aplicando isso a MIM. EU atuo desta forma. Caso um terceiro busque conselhos a mim sobre o assunto eu vou dizer o q EU acredito. Segue se quiser.

    Além disso pensar não é fazer, se fosse assim só existiria um ser humano na face da Terra, pq o restante mataria um aos outros. Ou vc nunca pensou em matar alguém?

    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.

    Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outros.

  • Milorde

    G, a onde vc quer q eu taque a pedra, hein?

    Falo q sou uma excesão sim. Tenho uma prima hj q está aos 15 anos, e é uma menina muito bonita, mas nem por isso senti ou sinto tesão por ela. Trato-a e sempre a tratarei como uma irmã, pq é este o laço que criei com meus primos, irmãos, amigos e etc. Não acho correto, para mim, que pessoas de laço de parentesco tão proximos sejam visto como oportunidades de prazer, não encaixa psicologicamente, geneticamente por causar desastre ao ter uma chance grande de obter uma criança doente, sem falar q socialmente é muito confuso de entender e compreender. Além de existe muitas mulheres no mundo no qual possa eu ter um relacionamento, sem problema algum. Agora entenda o fato, eu estou aplicando isso a MIM. EU atuo desta forma. Caso um terceiro busque conselhos a mim sobre o assunto eu vou dizer o q EU acredito. Segue se quiser.

    Além disso pensar não é fazer, se fosse assim só existiria um ser humano na face da Terra, pq o restante mataria um aos outros. Ou vc nunca pensou em matar alguém?

    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.

    Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outros.

  • Milorde

    G, a onde vc quer q eu taque a pedra, hein?

    Falo q sou uma excesão sim. Tenho uma prima hj q está aos 15 anos, e é uma menina muito bonita, mas nem por isso senti ou sinto tesão por ela. Trato-a e sempre a tratarei como uma irmã, pq é este o laço que criei com meus primos, irmãos, amigos e etc. Não acho correto, para mim, que pessoas de laço de parentesco tão proximos sejam visto como oportunidades de prazer, não encaixa psicologicamente, geneticamente por causar desastre ao ter uma chance grande de obter uma criança doente, sem falar q socialmente é muito confuso de entender e compreender. Além de existe muitas mulheres no mundo no qual possa eu ter um relacionamento, sem problema algum. Agora entenda o fato, eu estou aplicando isso a MIM. EU atuo desta forma. Caso um terceiro busque conselhos a mim sobre o assunto eu vou dizer o q EU acredito. Segue se quiser.

    Além disso pensar não é fazer, se fosse assim só existiria um ser humano na face da Terra, pq o restante mataria um aos outros. Ou vc nunca pensou em matar alguém?

    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.

    Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outros.

  • Milorde

    G, a onde vc quer q eu taque a pedra, hein?

    Falo q sou uma excesão sim. Tenho uma prima hj q está aos 15 anos, e é uma menina muito bonita, mas nem por isso senti ou sinto tesão por ela. Trato-a e sempre a tratarei como uma irmã, pq é este o laço que criei com meus primos, irmãos, amigos e etc. Não acho correto, para mim, que pessoas de laço de parentesco tão proximos sejam visto como oportunidades de prazer, não encaixa psicologicamente, geneticamente por causar desastre ao ter uma chance grande de obter uma criança doente, sem falar q socialmente é muito confuso de entender e compreender. Além de existe muitas mulheres no mundo no qual possa eu ter um relacionamento, sem problema algum. Agora entenda o fato, eu estou aplicando isso a MIM. EU atuo desta forma. Caso um terceiro busque conselhos a mim sobre o assunto eu vou dizer o q EU acredito. Segue se quiser.

    Além disso pensar não é fazer, se fosse assim só existiria um ser humano na face da Terra, pq o restante mataria um aos outros. Ou vc nunca pensou em matar alguém?

    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.

    Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outros.

  • Milorde

    G, a onde vc quer q eu taque a pedra, hein?

    Falo q sou uma excesão sim. Tenho uma prima hj q está aos 15 anos, e é uma menina muito bonita, mas nem por isso senti ou sinto tesão por ela. Trato-a e sempre a tratarei como uma irmã, pq é este o laço que criei com meus primos, irmãos, amigos e etc. Não acho correto, para mim, que pessoas de laço de parentesco tão proximos sejam visto como oportunidades de prazer, não encaixa psicologicamente, geneticamente por causar desastre ao ter uma chance grande de obter uma criança doente, sem falar q socialmente é muito confuso de entender e compreender. Além de existe muitas mulheres no mundo no qual possa eu ter um relacionamento, sem problema algum. Agora entenda o fato, eu estou aplicando isso a MIM. EU atuo desta forma. Caso um terceiro busque conselhos a mim sobre o assunto eu vou dizer o q EU acredito. Segue se quiser.

    Além disso pensar não é fazer, se fosse assim só existiria um ser humano na face da Terra, pq o restante mataria um aos outros. Ou vc nunca pensou em matar alguém?

    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.

    Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outros.

  • Milorde

    G, a onde vc quer q eu taque a pedra, hein?

    Falo q sou uma excesão sim. Tenho uma prima hj q está aos 15 anos, e é uma menina muito bonita, mas nem por isso senti ou sinto tesão por ela. Trato-a e sempre a tratarei como uma irmã, pq é este o laço que criei com meus primos, irmãos, amigos e etc. Não acho correto, para mim, que pessoas de laço de parentesco tão proximos sejam visto como oportunidades de prazer, não encaixa psicologicamente, geneticamente por causar desastre ao ter uma chance grande de obter uma criança doente, sem falar q socialmente é muito confuso de entender e compreender. Além de existe muitas mulheres no mundo no qual possa eu ter um relacionamento, sem problema algum. Agora entenda o fato, eu estou aplicando isso a MIM. EU atuo desta forma. Caso um terceiro busque conselhos a mim sobre o assunto eu vou dizer o q EU acredito. Segue se quiser.

    Além disso pensar não é fazer, se fosse assim só existiria um ser humano na face da Terra, pq o restante mataria um aos outros. Ou vc nunca pensou em matar alguém?

    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.

    Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outros.

  • Milorde

    G, a onde vc quer q eu taque a pedra, hein?

    Falo q sou uma excesão sim. Tenho uma prima hj q está aos 15 anos, e é uma menina muito bonita, mas nem por isso senti ou sinto tesão por ela. Trato-a e sempre a tratarei como uma irmã, pq é este o laço que criei com meus primos, irmãos, amigos e etc. Não acho correto, para mim, que pessoas de laço de parentesco tão proximos sejam visto como oportunidades de prazer, não encaixa psicologicamente, geneticamente por causar desastre ao ter uma chance grande de obter uma criança doente, sem falar q socialmente é muito confuso de entender e compreender. Além de existe muitas mulheres no mundo no qual possa eu ter um relacionamento, sem problema algum. Agora entenda o fato, eu estou aplicando isso a MIM. EU atuo desta forma. Caso um terceiro busque conselhos a mim sobre o assunto eu vou dizer o q EU acredito. Segue se quiser.

    Além disso pensar não é fazer, se fosse assim só existiria um ser humano na face da Terra, pq o restante mataria um aos outros. Ou vc nunca pensou em matar alguém?

    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.

    Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outros.

  • Pseudonimo Y

    O fato do Pai que comeu a filha por anos e teve 7 filhos entao é fichinha neh!!!!!

    Pqp, isso pra mim é nojento…. repuguinante!

    de boa to fora….

  • Pseudonimo Y

    O fato do Pai que comeu a filha por anos e teve 7 filhos entao é fichinha neh!!!!!

    Pqp, isso pra mim é nojento…. repuguinante!

    de boa to fora….

  • Pseudonimo Y

    O fato do Pai que comeu a filha por anos e teve 7 filhos entao é fichinha neh!!!!!

    Pqp, isso pra mim é nojento…. repuguinante!

    de boa to fora….

  • Pseudonimo Y

    O fato do Pai que comeu a filha por anos e teve 7 filhos entao é fichinha neh!!!!!

    Pqp, isso pra mim é nojento…. repuguinante!

    de boa to fora….

  • Pseudonimo Y

    O fato do Pai que comeu a filha por anos e teve 7 filhos entao é fichinha neh!!!!!

    Pqp, isso pra mim é nojento…. repuguinante!

    de boa to fora….

  • Pseudonimo Y

    O fato do Pai que comeu a filha por anos e teve 7 filhos entao é fichinha neh!!!!!

    Pqp, isso pra mim é nojento…. repuguinante!

    de boa to fora….

  • Pseudonimo Y

    O fato do Pai que comeu a filha por anos e teve 7 filhos entao é fichinha neh!!!!!

    Pqp, isso pra mim é nojento…. repuguinante!

    de boa to fora….

  • Pseudonimo Y

    O fato do Pai que comeu a filha por anos e teve 7 filhos entao é fichinha neh!!!!!

    Pqp, isso pra mim é nojento…. repuguinante!

    de boa to fora….

  • Pseudonimo Y

    Muito bom… gosto de Opniões que se expressam bem sem agradir os outros e o mais que interessa mesmo é ser verdadeiro.

    Abssss

    MILORD

    Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outros.

  • Pseudonimo Y

    Muito bom… gosto de Opniões que se expressam bem sem agradir os outros e o mais que interessa mesmo é ser verdadeiro.

    Abssss

    MILORD

    Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outros.

  • Pseudonimo Y

    Muito bom… gosto de Opniões que se expressam bem sem agradir os outros e o mais que interessa mesmo é ser verdadeiro.

    Abssss

    MILORD

    Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outros.

  • Pseudonimo Y

    Muito bom… gosto de Opniões que se expressam bem sem agradir os outros e o mais que interessa mesmo é ser verdadeiro.

    Abssss

    MILORD

    Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outros.

  • Pseudonimo Y

    Muito bom… gosto de Opniões que se expressam bem sem agradir os outros e o mais que interessa mesmo é ser verdadeiro.

    Abssss

    MILORD

    Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outros.

  • Pseudonimo Y

    Muito bom… gosto de Opniões que se expressam bem sem agradir os outros e o mais que interessa mesmo é ser verdadeiro.

    Abssss

    MILORD

    Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outros.

  • Pseudonimo Y

    Muito bom… gosto de Opniões que se expressam bem sem agradir os outros e o mais que interessa mesmo é ser verdadeiro.

    Abssss

    MILORD

    Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outros.

  • Pseudonimo Y

    Muito bom… gosto de Opniões que se expressam bem sem agradir os outros e o mais que interessa mesmo é ser verdadeiro.

    Abssss

    MILORD

    Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outros.

  • Pseudonimo Y

    Muito bom… gosto de Opniões que se expressam bem sem agradir os outros e o mais que interessa mesmo é ser verdadeiro.

    Abssss

    MILORD

    Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outros.

  • Anônimo

    Corrigindo:

    NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou pais – leia-se: NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou COM OS pais… tinha ficado ambíguo.

    Carla: Preciso ressaltar que meu comentário não teve nenhuma carga de preconceito contra o nordeste ou contra o sertão nordestino, apenas usei o exemplo dado pela Wilma. Aliás, inclusive esqueci de ressaltar que também serve como exemplo de argumento retrógrado o que o próprio Dr. Health deu no artigo, com relação à Europa Medieval. Só pra esclarecer: quando digo “argumento retrógrado” me refiro ao fato de usar como exemplo civilizações antigas e/ou pouco desenvolvidas (como tribos africanas, indígenas, épocas medievais, etc.)

    _g: Eu também taco a pedra. Onde você prefere que eu acerte? (Boa, Milorde)

    PS: Aproveito para destacar que em momento algum usei argumentos religiosos em meu comentário, apenas respondi a algo equivocado que a Wilma escreveu. Logo, confrades, não esqueçamos de não mudar o foco do post! Não estamos discutindo religião por aqui! rs

    PS2: Apesar de eu ser completamente contra, como já explicitei, quero parabenizar o Dr. Health pela seriedade e comprometimento científico da resposta.

  • Anônimo

    Corrigindo:

    NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou pais – leia-se: NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou COM OS pais… tinha ficado ambíguo.

    Carla: Preciso ressaltar que meu comentário não teve nenhuma carga de preconceito contra o nordeste ou contra o sertão nordestino, apenas usei o exemplo dado pela Wilma. Aliás, inclusive esqueci de ressaltar que também serve como exemplo de argumento retrógrado o que o próprio Dr. Health deu no artigo, com relação à Europa Medieval. Só pra esclarecer: quando digo “argumento retrógrado” me refiro ao fato de usar como exemplo civilizações antigas e/ou pouco desenvolvidas (como tribos africanas, indígenas, épocas medievais, etc.)

    _g: Eu também taco a pedra. Onde você prefere que eu acerte? (Boa, Milorde)

    PS: Aproveito para destacar que em momento algum usei argumentos religiosos em meu comentário, apenas respondi a algo equivocado que a Wilma escreveu. Logo, confrades, não esqueçamos de não mudar o foco do post! Não estamos discutindo religião por aqui! rs

    PS2: Apesar de eu ser completamente contra, como já explicitei, quero parabenizar o Dr. Health pela seriedade e comprometimento científico da resposta.

  • Anônimo

    Corrigindo:

    NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou pais – leia-se: NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou COM OS pais… tinha ficado ambíguo.

    Carla: Preciso ressaltar que meu comentário não teve nenhuma carga de preconceito contra o nordeste ou contra o sertão nordestino, apenas usei o exemplo dado pela Wilma. Aliás, inclusive esqueci de ressaltar que também serve como exemplo de argumento retrógrado o que o próprio Dr. Health deu no artigo, com relação à Europa Medieval. Só pra esclarecer: quando digo “argumento retrógrado” me refiro ao fato de usar como exemplo civilizações antigas e/ou pouco desenvolvidas (como tribos africanas, indígenas, épocas medievais, etc.)

    _g: Eu também taco a pedra. Onde você prefere que eu acerte? (Boa, Milorde)

    PS: Aproveito para destacar que em momento algum usei argumentos religiosos em meu comentário, apenas respondi a algo equivocado que a Wilma escreveu. Logo, confrades, não esqueçamos de não mudar o foco do post! Não estamos discutindo religião por aqui! rs

    PS2: Apesar de eu ser completamente contra, como já explicitei, quero parabenizar o Dr. Health pela seriedade e comprometimento científico da resposta.

  • Anônimo

    Corrigindo:

    NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou pais – leia-se: NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou COM OS pais… tinha ficado ambíguo.

    Carla: Preciso ressaltar que meu comentário não teve nenhuma carga de preconceito contra o nordeste ou contra o sertão nordestino, apenas usei o exemplo dado pela Wilma. Aliás, inclusive esqueci de ressaltar que também serve como exemplo de argumento retrógrado o que o próprio Dr. Health deu no artigo, com relação à Europa Medieval. Só pra esclarecer: quando digo “argumento retrógrado” me refiro ao fato de usar como exemplo civilizações antigas e/ou pouco desenvolvidas (como tribos africanas, indígenas, épocas medievais, etc.)

    _g: Eu também taco a pedra. Onde você prefere que eu acerte? (Boa, Milorde)

    PS: Aproveito para destacar que em momento algum usei argumentos religiosos em meu comentário, apenas respondi a algo equivocado que a Wilma escreveu. Logo, confrades, não esqueçamos de não mudar o foco do post! Não estamos discutindo religião por aqui! rs

    PS2: Apesar de eu ser completamente contra, como já explicitei, quero parabenizar o Dr. Health pela seriedade e comprometimento científico da resposta.

  • Anônimo

    Corrigindo:

    NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou pais – leia-se: NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou COM OS pais… tinha ficado ambíguo.

    Carla: Preciso ressaltar que meu comentário não teve nenhuma carga de preconceito contra o nordeste ou contra o sertão nordestino, apenas usei o exemplo dado pela Wilma. Aliás, inclusive esqueci de ressaltar que também serve como exemplo de argumento retrógrado o que o próprio Dr. Health deu no artigo, com relação à Europa Medieval. Só pra esclarecer: quando digo “argumento retrógrado” me refiro ao fato de usar como exemplo civilizações antigas e/ou pouco desenvolvidas (como tribos africanas, indígenas, épocas medievais, etc.)

    _g: Eu também taco a pedra. Onde você prefere que eu acerte? (Boa, Milorde)

    PS: Aproveito para destacar que em momento algum usei argumentos religiosos em meu comentário, apenas respondi a algo equivocado que a Wilma escreveu. Logo, confrades, não esqueçamos de não mudar o foco do post! Não estamos discutindo religião por aqui! rs

    PS2: Apesar de eu ser completamente contra, como já explicitei, quero parabenizar o Dr. Health pela seriedade e comprometimento científico da resposta.

  • Anônimo

    Corrigindo:

    NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou pais – leia-se: NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou COM OS pais… tinha ficado ambíguo.

    Carla: Preciso ressaltar que meu comentário não teve nenhuma carga de preconceito contra o nordeste ou contra o sertão nordestino, apenas usei o exemplo dado pela Wilma. Aliás, inclusive esqueci de ressaltar que também serve como exemplo de argumento retrógrado o que o próprio Dr. Health deu no artigo, com relação à Europa Medieval. Só pra esclarecer: quando digo “argumento retrógrado” me refiro ao fato de usar como exemplo civilizações antigas e/ou pouco desenvolvidas (como tribos africanas, indígenas, épocas medievais, etc.)

    _g: Eu também taco a pedra. Onde você prefere que eu acerte? (Boa, Milorde)

    PS: Aproveito para destacar que em momento algum usei argumentos religiosos em meu comentário, apenas respondi a algo equivocado que a Wilma escreveu. Logo, confrades, não esqueçamos de não mudar o foco do post! Não estamos discutindo religião por aqui! rs

    PS2: Apesar de eu ser completamente contra, como já explicitei, quero parabenizar o Dr. Health pela seriedade e comprometimento científico da resposta.

  • Anônimo

    Corrigindo:

    NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou pais – leia-se: NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou COM OS pais… tinha ficado ambíguo.

    Carla: Preciso ressaltar que meu comentário não teve nenhuma carga de preconceito contra o nordeste ou contra o sertão nordestino, apenas usei o exemplo dado pela Wilma. Aliás, inclusive esqueci de ressaltar que também serve como exemplo de argumento retrógrado o que o próprio Dr. Health deu no artigo, com relação à Europa Medieval. Só pra esclarecer: quando digo “argumento retrógrado” me refiro ao fato de usar como exemplo civilizações antigas e/ou pouco desenvolvidas (como tribos africanas, indígenas, épocas medievais, etc.)

    _g: Eu também taco a pedra. Onde você prefere que eu acerte? (Boa, Milorde)

    PS: Aproveito para destacar que em momento algum usei argumentos religiosos em meu comentário, apenas respondi a algo equivocado que a Wilma escreveu. Logo, confrades, não esqueçamos de não mudar o foco do post! Não estamos discutindo religião por aqui! rs

    PS2: Apesar de eu ser completamente contra, como já explicitei, quero parabenizar o Dr. Health pela seriedade e comprometimento científico da resposta.

  • Anônimo

    Corrigindo:

    NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou pais – leia-se: NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou COM OS pais… tinha ficado ambíguo.

    Carla: Preciso ressaltar que meu comentário não teve nenhuma carga de preconceito contra o nordeste ou contra o sertão nordestino, apenas usei o exemplo dado pela Wilma. Aliás, inclusive esqueci de ressaltar que também serve como exemplo de argumento retrógrado o que o próprio Dr. Health deu no artigo, com relação à Europa Medieval. Só pra esclarecer: quando digo “argumento retrógrado” me refiro ao fato de usar como exemplo civilizações antigas e/ou pouco desenvolvidas (como tribos africanas, indígenas, épocas medievais, etc.)

    _g: Eu também taco a pedra. Onde você prefere que eu acerte? (Boa, Milorde)

    PS: Aproveito para destacar que em momento algum usei argumentos religiosos em meu comentário, apenas respondi a algo equivocado que a Wilma escreveu. Logo, confrades, não esqueçamos de não mudar o foco do post! Não estamos discutindo religião por aqui! rs

    PS2: Apesar de eu ser completamente contra, como já explicitei, quero parabenizar o Dr. Health pela seriedade e comprometimento científico da resposta.

  • Anônimo

    Corrigindo:

    NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou pais – leia-se: NÃO É normal relacionamento sexual entre irmãos ou COM OS pais… tinha ficado ambíguo.

    Carla: Preciso ressaltar que meu comentário não teve nenhuma carga de preconceito contra o nordeste ou contra o sertão nordestino, apenas usei o exemplo dado pela Wilma. Aliás, inclusive esqueci de ressaltar que também serve como exemplo de argumento retrógrado o que o próprio Dr. Health deu no artigo, com relação à Europa Medieval. Só pra esclarecer: quando digo “argumento retrógrado” me refiro ao fato de usar como exemplo civilizações antigas e/ou pouco desenvolvidas (como tribos africanas, indígenas, épocas medievais, etc.)

    _g: Eu também taco a pedra. Onde você prefere que eu acerte? (Boa, Milorde)

    PS: Aproveito para destacar que em momento algum usei argumentos religiosos em meu comentário, apenas respondi a algo equivocado que a Wilma escreveu. Logo, confrades, não esqueçamos de não mudar o foco do post! Não estamos discutindo religião por aqui! rs

    PS2: Apesar de eu ser completamente contra, como já explicitei, quero parabenizar o Dr. Health pela seriedade e comprometimento científico da resposta.

  • mrv

    Complicado… cada um com seus valores, eu não concordo.

  • mrv

    Complicado… cada um com seus valores, eu não concordo.

  • mrv

    Complicado… cada um com seus valores, eu não concordo.

  • mrv

    Complicado… cada um com seus valores, eu não concordo.

  • mrv

    Complicado… cada um com seus valores, eu não concordo.

  • mrv

    Complicado… cada um com seus valores, eu não concordo.

  • mrv

    Complicado… cada um com seus valores, eu não concordo.

  • mrv

    Complicado… cada um com seus valores, eu não concordo.

  • mrv

    Complicado… cada um com seus valores, eu não concordo.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Não me senti discriminada, nem me ofendi. Quanto a não ser moderno nem desenvolvido eu concordo. É a realidade.
    Aqui tem muitos municípios pobres, miseráveis. As capitais se salvam, por motivos óbvios.
    Apenas justifiquei e informei porque no nordeste brasileiro ocorria casamento consaguineo. Mas está longe de ser comum ou normal.

    o/

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Não me senti discriminada, nem me ofendi. Quanto a não ser moderno nem desenvolvido eu concordo. É a realidade.
    Aqui tem muitos municípios pobres, miseráveis. As capitais se salvam, por motivos óbvios.
    Apenas justifiquei e informei porque no nordeste brasileiro ocorria casamento consaguineo. Mas está longe de ser comum ou normal.

    o/

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Não me senti discriminada, nem me ofendi. Quanto a não ser moderno nem desenvolvido eu concordo. É a realidade.
    Aqui tem muitos municípios pobres, miseráveis. As capitais se salvam, por motivos óbvios.
    Apenas justifiquei e informei porque no nordeste brasileiro ocorria casamento consaguineo. Mas está longe de ser comum ou normal.

    o/

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Não me senti discriminada, nem me ofendi. Quanto a não ser moderno nem desenvolvido eu concordo. É a realidade.
    Aqui tem muitos municípios pobres, miseráveis. As capitais se salvam, por motivos óbvios.
    Apenas justifiquei e informei porque no nordeste brasileiro ocorria casamento consaguineo. Mas está longe de ser comum ou normal.

    o/

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Não me senti discriminada, nem me ofendi. Quanto a não ser moderno nem desenvolvido eu concordo. É a realidade.
    Aqui tem muitos municípios pobres, miseráveis. As capitais se salvam, por motivos óbvios.
    Apenas justifiquei e informei porque no nordeste brasileiro ocorria casamento consaguineo. Mas está longe de ser comum ou normal.

    o/

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Não me senti discriminada, nem me ofendi. Quanto a não ser moderno nem desenvolvido eu concordo. É a realidade.
    Aqui tem muitos municípios pobres, miseráveis. As capitais se salvam, por motivos óbvios.
    Apenas justifiquei e informei porque no nordeste brasileiro ocorria casamento consaguineo. Mas está longe de ser comum ou normal.

    o/

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com Carla

    Não me senti discriminada, nem me ofendi. Quanto a não ser moderno nem desenvolvido eu concordo. É a realidade.
    Aqui tem muitos municípios pobres, miseráveis. As capitais se salvam, por motivos óbvios.
    Apenas justifiquei e informei porque no nordeste brasileiro ocorria casamento consaguineo. Mas está longe de ser comum ou normal.

    o/

  • Milorde

    Como falei estou colocando o assunto de modo amplo.

    Fico imaginando, antigamente o homossexualismo era um tabu algo proibido pela sociedade, hj muitas pessoas tentam dá como algo normal, no caso agora estam tentando colocar o Incesto como algo valido, ao argumentar a favor dele (o incesto). Penso será q daki algum tempo a Pedofilia se tornaria algo normal.

    Posso até usar um argumento q li num post aki no PDH q justificava o homossexualismo dizendo q a Grecia, berço de todo o conhecimento ocidental, era em sua maioria tolerante ao homossexual, mas esqueceu q eles tb eram tolerantes a pedofilia, onde jovens de 10 a 17 anos era iniciados (sexualmente e passivamente) por seus mentores. Justificaria a pedofilia ser algo valido?

  • Milorde

    Como falei estou colocando o assunto de modo amplo.

    Fico imaginando, antigamente o homossexualismo era um tabu algo proibido pela sociedade, hj muitas pessoas tentam dá como algo normal, no caso agora estam tentando colocar o Incesto como algo valido, ao argumentar a favor dele (o incesto). Penso será q daki algum tempo a Pedofilia se tornaria algo normal.

    Posso até usar um argumento q li num post aki no PDH q justificava o homossexualismo dizendo q a Grecia, berço de todo o conhecimento ocidental, era em sua maioria tolerante ao homossexual, mas esqueceu q eles tb eram tolerantes a pedofilia, onde jovens de 10 a 17 anos era iniciados (sexualmente e passivamente) por seus mentores. Justificaria a pedofilia ser algo valido?

  • Milorde

    Como falei estou colocando o assunto de modo amplo.

    Fico imaginando, antigamente o homossexualismo era um tabu algo proibido pela sociedade, hj muitas pessoas tentam dá como algo normal, no caso agora estam tentando colocar o Incesto como algo valido, ao argumentar a favor dele (o incesto). Penso será q daki algum tempo a Pedofilia se tornaria algo normal.

    Posso até usar um argumento q li num post aki no PDH q justificava o homossexualismo dizendo q a Grecia, berço de todo o conhecimento ocidental, era em sua maioria tolerante ao homossexual, mas esqueceu q eles tb eram tolerantes a pedofilia, onde jovens de 10 a 17 anos era iniciados (sexualmente e passivamente) por seus mentores. Justificaria a pedofilia ser algo valido?

  • Milorde

    Como falei estou colocando o assunto de modo amplo.

    Fico imaginando, antigamente o homossexualismo era um tabu algo proibido pela sociedade, hj muitas pessoas tentam dá como algo normal, no caso agora estam tentando colocar o Incesto como algo valido, ao argumentar a favor dele (o incesto). Penso será q daki algum tempo a Pedofilia se tornaria algo normal.

    Posso até usar um argumento q li num post aki no PDH q justificava o homossexualismo dizendo q a Grecia, berço de todo o conhecimento ocidental, era em sua maioria tolerante ao homossexual, mas esqueceu q eles tb eram tolerantes a pedofilia, onde jovens de 10 a 17 anos era iniciados (sexualmente e passivamente) por seus mentores. Justificaria a pedofilia ser algo valido?

  • Milorde

    Como falei estou colocando o assunto de modo amplo.

    Fico imaginando, antigamente o homossexualismo era um tabu algo proibido pela sociedade, hj muitas pessoas tentam dá como algo normal, no caso agora estam tentando colocar o Incesto como algo valido, ao argumentar a favor dele (o incesto). Penso será q daki algum tempo a Pedofilia se tornaria algo normal.

    Posso até usar um argumento q li num post aki no PDH q justificava o homossexualismo dizendo q a Grecia, berço de todo o conhecimento ocidental, era em sua maioria tolerante ao homossexual, mas esqueceu q eles tb eram tolerantes a pedofilia, onde jovens de 10 a 17 anos era iniciados (sexualmente e passivamente) por seus mentores. Justificaria a pedofilia ser algo valido?

  • Milorde

    Como falei estou colocando o assunto de modo amplo.

    Fico imaginando, antigamente o homossexualismo era um tabu algo proibido pela sociedade, hj muitas pessoas tentam dá como algo normal, no caso agora estam tentando colocar o Incesto como algo valido, ao argumentar a favor dele (o incesto). Penso será q daki algum tempo a Pedofilia se tornaria algo normal.

    Posso até usar um argumento q li num post aki no PDH q justificava o homossexualismo dizendo q a Grecia, berço de todo o conhecimento ocidental, era em sua maioria tolerante ao homossexual, mas esqueceu q eles tb eram tolerantes a pedofilia, onde jovens de 10 a 17 anos era iniciados (sexualmente e passivamente) por seus mentores. Justificaria a pedofilia ser algo valido?

  • Milorde

    Como falei estou colocando o assunto de modo amplo.

    Fico imaginando, antigamente o homossexualismo era um tabu algo proibido pela sociedade, hj muitas pessoas tentam dá como algo normal, no caso agora estam tentando colocar o Incesto como algo valido, ao argumentar a favor dele (o incesto). Penso será q daki algum tempo a Pedofilia se tornaria algo normal.

    Posso até usar um argumento q li num post aki no PDH q justificava o homossexualismo dizendo q a Grecia, berço de todo o conhecimento ocidental, era em sua maioria tolerante ao homossexual, mas esqueceu q eles tb eram tolerantes a pedofilia, onde jovens de 10 a 17 anos era iniciados (sexualmente e passivamente) por seus mentores. Justificaria a pedofilia ser algo valido?

  • Roberta

    Preguiiiiiiiiiiiça de ler todos os comentários. Ultilamente ando muito preguiçosa. Enfim…

    Eu ñ acho errado eles ficarem juntos. Se eles se amam (ai, o amor!), é isso q importa. Tem tanta mulher casada por puro interesse, ou pq foi obrigada. Isso é legal? Não! Então se os irmãos se amam, se desejam, ñ têm motivo pra ñ ficarem juntos.

    Existe o risco de uma criança dessa relação nascer com problemas? Claro! Mas isso cabe ao casal decidir. E se a mulher ñ ligar de ter um filho com deficiência? Todos corremos esse risco. O risco deles é maior, tá, mas e aí? Tenho certeza que a criança será criada com muito mais carinho do que muita criança por aí.

    O fato é que ele conseguiu a resposta que queria, e o Dr está de parabéns! Post fantástico!!! Saudade da bicha louca do meu prof de biologia, do ensino médio. O Setor B de Biologia (genética) era minha matéria predileta.

    Acho que a adoção é uma opção a se pensar.

    Só ñ consigo entender como é que dois irmãos foram se envolver. Tenho 2 irmãos mais velhos, e ñ consigo imaginar nada com eles. Nem mesmo com os meus primos. Mas cada um é cada um, né?

    VIVA E DEIXE VIVER [2]
    desde q ñ mexa comigo, claro
    hahahahahahahaha

  • Roberta

    Preguiiiiiiiiiiiça de ler todos os comentários. Ultilamente ando muito preguiçosa. Enfim…

    Eu ñ acho errado eles ficarem juntos. Se eles se amam (ai, o amor!), é isso q importa. Tem tanta mulher casada por puro interesse, ou pq foi obrigada. Isso é legal? Não! Então se os irmãos se amam, se desejam, ñ têm motivo pra ñ ficarem juntos.

    Existe o risco de uma criança dessa relação nascer com problemas? Claro! Mas isso cabe ao casal decidir. E se a mulher ñ ligar de ter um filho com deficiência? Todos corremos esse risco. O risco deles é maior, tá, mas e aí? Tenho certeza que a criança será criada com muito mais carinho do que muita criança por aí.

    O fato é que ele conseguiu a resposta que queria, e o Dr está de parabéns! Post fantástico!!! Saudade da bicha louca do meu prof de biologia, do ensino médio. O Setor B de Biologia (genética) era minha matéria predileta.

    Acho que a adoção é uma opção a se pensar.

    Só ñ consigo entender como é que dois irmãos foram se envolver. Tenho 2 irmãos mais velhos, e ñ consigo imaginar nada com eles. Nem mesmo com os meus primos. Mas cada um é cada um, né?

    VIVA E DEIXE VIVER [2]
    desde q ñ mexa comigo, claro
    hahahahahahahaha

  • Roberta

    Preguiiiiiiiiiiiça de ler todos os comentários. Ultilamente ando muito preguiçosa. Enfim…

    Eu ñ acho errado eles ficarem juntos. Se eles se amam (ai, o amor!), é isso q importa. Tem tanta mulher casada por puro interesse, ou pq foi obrigada. Isso é legal? Não! Então se os irmãos se amam, se desejam, ñ têm motivo pra ñ ficarem juntos.

    Existe o risco de uma criança dessa relação nascer com problemas? Claro! Mas isso cabe ao casal decidir. E se a mulher ñ ligar de ter um filho com deficiência? Todos corremos esse risco. O risco deles é maior, tá, mas e aí? Tenho certeza que a criança será criada com muito mais carinho do que muita criança por aí.

    O fato é que ele conseguiu a resposta que queria, e o Dr está de parabéns! Post fantástico!!! Saudade da bicha louca do meu prof de biologia, do ensino médio. O Setor B de Biologia (genética) era minha matéria predileta.

    Acho que a adoção é uma opção a se pensar.

    Só ñ consigo entender como é que dois irmãos foram se envolver. Tenho 2 irmãos mais velhos, e ñ consigo imaginar nada com eles. Nem mesmo com os meus primos. Mas cada um é cada um, né?

    VIVA E DEIXE VIVER [2]
    desde q ñ mexa comigo, claro
    hahahahahahahaha

  • Roberta

    Preguiiiiiiiiiiiça de ler todos os comentários. Ultilamente ando muito preguiçosa. Enfim…

    Eu ñ acho errado eles ficarem juntos. Se eles se amam (ai, o amor!), é isso q importa. Tem tanta mulher casada por puro interesse, ou pq foi obrigada. Isso é legal? Não! Então se os irmãos se amam, se desejam, ñ têm motivo pra ñ ficarem juntos.

    Existe o risco de uma criança dessa relação nascer com problemas? Claro! Mas isso cabe ao casal decidir. E se a mulher ñ ligar de ter um filho com deficiência? Todos corremos esse risco. O risco deles é maior, tá, mas e aí? Tenho certeza que a criança será criada com muito mais carinho do que muita criança por aí.

    O fato é que ele conseguiu a resposta que queria, e o Dr está de parabéns! Post fantástico!!! Saudade da bicha louca do meu prof de biologia, do ensino médio. O Setor B de Biologia (genética) era minha matéria predileta.

    Acho que a adoção é uma opção a se pensar.

    Só ñ consigo entender como é que dois irmãos foram se envolver. Tenho 2 irmãos mais velhos, e ñ consigo imaginar nada com eles. Nem mesmo com os meus primos. Mas cada um é cada um, né?

    VIVA E DEIXE VIVER [2]
    desde q ñ mexa comigo, claro
    hahahahahahahaha

  • Roberta

    Preguiiiiiiiiiiiça de ler todos os comentários. Ultilamente ando muito preguiçosa. Enfim…

    Eu ñ acho errado eles ficarem juntos. Se eles se amam (ai, o amor!), é isso q importa. Tem tanta mulher casada por puro interesse, ou pq foi obrigada. Isso é legal? Não! Então se os irmãos se amam, se desejam, ñ têm motivo pra ñ ficarem juntos.

    Existe o risco de uma criança dessa relação nascer com problemas? Claro! Mas isso cabe ao casal decidir. E se a mulher ñ ligar de ter um filho com deficiência? Todos corremos esse risco. O risco deles é maior, tá, mas e aí? Tenho certeza que a criança será criada com muito mais carinho do que muita criança por aí.

    O fato é que ele conseguiu a resposta que queria, e o Dr está de parabéns! Post fantástico!!! Saudade da bicha louca do meu prof de biologia, do ensino médio. O Setor B de Biologia (genética) era minha matéria predileta.

    Acho que a adoção é uma opção a se pensar.

    Só ñ consigo entender como é que dois irmãos foram se envolver. Tenho 2 irmãos mais velhos, e ñ consigo imaginar nada com eles. Nem mesmo com os meus primos. Mas cada um é cada um, né?

    VIVA E DEIXE VIVER [2]
    desde q ñ mexa comigo, claro
    hahahahahahahaha

  • Roberta

    Preguiiiiiiiiiiiça de ler todos os comentários. Ultilamente ando muito preguiçosa. Enfim…

    Eu ñ acho errado eles ficarem juntos. Se eles se amam (ai, o amor!), é isso q importa. Tem tanta mulher casada por puro interesse, ou pq foi obrigada. Isso é legal? Não! Então se os irmãos se amam, se desejam, ñ têm motivo pra ñ ficarem juntos.

    Existe o risco de uma criança dessa relação nascer com problemas? Claro! Mas isso cabe ao casal decidir. E se a mulher ñ ligar de ter um filho com deficiência? Todos corremos esse risco. O risco deles é maior, tá, mas e aí? Tenho certeza que a criança será criada com muito mais carinho do que muita criança por aí.

    O fato é que ele conseguiu a resposta que queria, e o Dr está de parabéns! Post fantástico!!! Saudade da bicha louca do meu prof de biologia, do ensino médio. O Setor B de Biologia (genética) era minha matéria predileta.

    Acho que a adoção é uma opção a se pensar.

    Só ñ consigo entender como é que dois irmãos foram se envolver. Tenho 2 irmãos mais velhos, e ñ consigo imaginar nada com eles. Nem mesmo com os meus primos. Mas cada um é cada um, né?

    VIVA E DEIXE VIVER [2]
    desde q ñ mexa comigo, claro
    hahahahahahahaha

  • MC Black

    Putz, tanta mulher no mundo e o cara foi pegar justo a irmã? Foda. Agora, já que teve coragem de cometer incesto, tenha coragem também pra aguentar o peso do mundo nas costas. Porque em nossa sociedade, incesto nunca (ou pelo menos nos próximos 200 anos) será aceito como prática normal.

    Mude-se para um lugar onde ninguém saiba da sua vida e mantenha esse segredo à sete chaves. Ou leve a oposição na esportiva. Só não incentive seus filhos a trilharem o mesmo caminho que o de vocês.

  • MC Black

    Putz, tanta mulher no mundo e o cara foi pegar justo a irmã? Foda. Agora, já que teve coragem de cometer incesto, tenha coragem também pra aguentar o peso do mundo nas costas. Porque em nossa sociedade, incesto nunca (ou pelo menos nos próximos 200 anos) será aceito como prática normal.

    Mude-se para um lugar onde ninguém saiba da sua vida e mantenha esse segredo à sete chaves. Ou leve a oposição na esportiva. Só não incentive seus filhos a trilharem o mesmo caminho que o de vocês.

  • MC Black

    Putz, tanta mulher no mundo e o cara foi pegar justo a irmã? Foda. Agora, já que teve coragem de cometer incesto, tenha coragem também pra aguentar o peso do mundo nas costas. Porque em nossa sociedade, incesto nunca (ou pelo menos nos próximos 200 anos) será aceito como prática normal.

    Mude-se para um lugar onde ninguém saiba da sua vida e mantenha esse segredo à sete chaves. Ou leve a oposição na esportiva. Só não incentive seus filhos a trilharem o mesmo caminho que o de vocês.

  • MC Black

    Putz, tanta mulher no mundo e o cara foi pegar justo a irmã? Foda. Agora, já que teve coragem de cometer incesto, tenha coragem também pra aguentar o peso do mundo nas costas. Porque em nossa sociedade, incesto nunca (ou pelo menos nos próximos 200 anos) será aceito como prática normal.

    Mude-se para um lugar onde ninguém saiba da sua vida e mantenha esse segredo à sete chaves. Ou leve a oposição na esportiva. Só não incentive seus filhos a trilharem o mesmo caminho que o de vocês.

  • MC Black

    Putz, tanta mulher no mundo e o cara foi pegar justo a irmã? Foda. Agora, já que teve coragem de cometer incesto, tenha coragem também pra aguentar o peso do mundo nas costas. Porque em nossa sociedade, incesto nunca (ou pelo menos nos próximos 200 anos) será aceito como prática normal.

    Mude-se para um lugar onde ninguém saiba da sua vida e mantenha esse segredo à sete chaves. Ou leve a oposição na esportiva. Só não incentive seus filhos a trilharem o mesmo caminho que o de vocês.

  • MC Black

    Putz, tanta mulher no mundo e o cara foi pegar justo a irmã? Foda. Agora, já que teve coragem de cometer incesto, tenha coragem também pra aguentar o peso do mundo nas costas. Porque em nossa sociedade, incesto nunca (ou pelo menos nos próximos 200 anos) será aceito como prática normal.

    Mude-se para um lugar onde ninguém saiba da sua vida e mantenha esse segredo à sete chaves. Ou leve a oposição na esportiva. Só não incentive seus filhos a trilharem o mesmo caminho que o de vocês.

  • MC Black

    Putz, tanta mulher no mundo e o cara foi pegar justo a irmã? Foda. Agora, já que teve coragem de cometer incesto, tenha coragem também pra aguentar o peso do mundo nas costas. Porque em nossa sociedade, incesto nunca (ou pelo menos nos próximos 200 anos) será aceito como prática normal.

    Mude-se para um lugar onde ninguém saiba da sua vida e mantenha esse segredo à sete chaves. Ou leve a oposição na esportiva. Só não incentive seus filhos a trilharem o mesmo caminho que o de vocês.

  • MC Black

    Agora pensando no lado humano da coisa, parabéns pela sua filha. Não há benção (alegria) maior na vida de um pai do que ver seus filhos crescendo com saúde.

    Essa criança no futuro, pode mudar a vida de muita gente.

  • MC Black

    Agora pensando no lado humano da coisa, parabéns pela sua filha. Não há benção (alegria) maior na vida de um pai do que ver seus filhos crescendo com saúde.

    Essa criança no futuro, pode mudar a vida de muita gente.

  • MC Black

    Agora pensando no lado humano da coisa, parabéns pela sua filha. Não há benção (alegria) maior na vida de um pai do que ver seus filhos crescendo com saúde.

    Essa criança no futuro, pode mudar a vida de muita gente.

  • MC Black

    Agora pensando no lado humano da coisa, parabéns pela sua filha. Não há benção (alegria) maior na vida de um pai do que ver seus filhos crescendo com saúde.

    Essa criança no futuro, pode mudar a vida de muita gente.

  • MC Black

    Agora pensando no lado humano da coisa, parabéns pela sua filha. Não há benção (alegria) maior na vida de um pai do que ver seus filhos crescendo com saúde.

    Essa criança no futuro, pode mudar a vida de muita gente.

  • Roberta

    Concordo c/ o MC Black.

  • Roberta

    Concordo c/ o MC Black.

  • Roberta

    Concordo c/ o MC Black.

  • Roberta

    Concordo c/ o MC Black.

  • Anônimo

    Milorde, excelente comentário, mais uma vez. Apoiadíssimo.

  • Anônimo

    Milorde, excelente comentário, mais uma vez. Apoiadíssimo.

  • Anônimo

    Milorde, excelente comentário, mais uma vez. Apoiadíssimo.

  • Anônimo

    Milorde, excelente comentário, mais uma vez. Apoiadíssimo.

  • Dr Health

    Agradeço à minha profissão a forma menos tendenciosa que tenho de observar os fatos. Benevolência e tolerância me tornaram um cara melhor.

    Se assim não fosse, eu não teria consertado a quantidade de bandidos que já consertei (Ué, que eu posso fazer, já consertei um monte de bandido mesmo, deixei os bichinhos novinhos em folha para voltarem a assaltar. A culpa não é minha se a Justiça é falha).

    Errado, imoral ou não, não cabe a mim julgar.

    E mais uma vez, sobre a comparação “evolutiva” da aceitação do homossexualismo e da pedofilia, é totalmente incabido e o exemplo chega a ser esdrúxulo. O motivo é puramente JURÍDICO : No homossexualismo, existe a manifestação de vontades de duas pessoas MAIORES de idade. Por motivo análogo, a lei não criminaliza o incesto,apenas impede o casamento entre eles.

    No caso da pedofilia, uma das partes envolvidas é menor, e fiquem tranquilos que a maioridade nunca vai cair para menos de 16 anos. Partindo-se da premissa que um menor não possui capacidade jurídica, a pedofilia continuará sendo crime Ad eternum. E abaixo de 14 anos, há um artigo do Código Penal que estipula a violência presumida, agravando a pena.

    (Saudades da faculdade de Direito (parei no 4o período))

    • Erik Podolco

      …só pra lembrar…é “ad aeternum”…desculpe, mas conclui o curso.

  • Dr Health

    Agradeço à minha profissão a forma menos tendenciosa que tenho de observar os fatos. Benevolência e tolerância me tornaram um cara melhor.

    Se assim não fosse, eu não teria consertado a quantidade de bandidos que já consertei (Ué, que eu posso fazer, já consertei um monte de bandido mesmo, deixei os bichinhos novinhos em folha para voltarem a assaltar. A culpa não é minha se a Justiça é falha).

    Errado, imoral ou não, não cabe a mim julgar.

    E mais uma vez, sobre a comparação “evolutiva” da aceitação do homossexualismo e da pedofilia, é totalmente incabido e o exemplo chega a ser esdrúxulo. O motivo é puramente JURÍDICO : No homossexualismo, existe a manifestação de vontades de duas pessoas MAIORES de idade. Por motivo análogo, a lei não criminaliza o incesto,apenas impede o casamento entre eles.

    No caso da pedofilia, uma das partes envolvidas é menor, e fiquem tranquilos que a maioridade nunca vai cair para menos de 16 anos. Partindo-se da premissa que um menor não possui capacidade jurídica, a pedofilia continuará sendo crime Ad eternum. E abaixo de 14 anos, há um artigo do Código Penal que estipula a violência presumida, agravando a pena.

    (Saudades da faculdade de Direito (parei no 4o período))

  • Dr Health

    Agradeço à minha profissão a forma menos tendenciosa que tenho de observar os fatos. Benevolência e tolerância me tornaram um cara melhor.

    Se assim não fosse, eu não teria consertado a quantidade de bandidos que já consertei (Ué, que eu posso fazer, já consertei um monte de bandido mesmo, deixei os bichinhos novinhos em folha para voltarem a assaltar. A culpa não é minha se a Justiça é falha).

    Errado, imoral ou não, não cabe a mim julgar.

    E mais uma vez, sobre a comparação “evolutiva” da aceitação do homossexualismo e da pedofilia, é totalmente incabido e o exemplo chega a ser esdrúxulo. O motivo é puramente JURÍDICO : No homossexualismo, existe a manifestação de vontades de duas pessoas MAIORES de idade. Por motivo análogo, a lei não criminaliza o incesto,apenas impede o casamento entre eles.

    No caso da pedofilia, uma das partes envolvidas é menor, e fiquem tranquilos que a maioridade nunca vai cair para menos de 16 anos. Partindo-se da premissa que um menor não possui capacidade jurídica, a pedofilia continuará sendo crime Ad eternum. E abaixo de 14 anos, há um artigo do Código Penal que estipula a violência presumida, agravando a pena.

    (Saudades da faculdade de Direito (parei no 4o período))

  • Dr Health

    Agradeço à minha profissão a forma menos tendenciosa que tenho de observar os fatos. Benevolência e tolerância me tornaram um cara melhor.

    Se assim não fosse, eu não teria consertado a quantidade de bandidos que já consertei (Ué, que eu posso fazer, já consertei um monte de bandido mesmo, deixei os bichinhos novinhos em folha para voltarem a assaltar. A culpa não é minha se a Justiça é falha).

    Errado, imoral ou não, não cabe a mim julgar.

    E mais uma vez, sobre a comparação “evolutiva” da aceitação do homossexualismo e da pedofilia, é totalmente incabido e o exemplo chega a ser esdrúxulo. O motivo é puramente JURÍDICO : No homossexualismo, existe a manifestação de vontades de duas pessoas MAIORES de idade. Por motivo análogo, a lei não criminaliza o incesto,apenas impede o casamento entre eles.

    No caso da pedofilia, uma das partes envolvidas é menor, e fiquem tranquilos que a maioridade nunca vai cair para menos de 16 anos. Partindo-se da premissa que um menor não possui capacidade jurídica, a pedofilia continuará sendo crime Ad eternum. E abaixo de 14 anos, há um artigo do Código Penal que estipula a violência presumida, agravando a pena.

    (Saudades da faculdade de Direito (parei no 4o período))

  • Anônimo

    Dr. Health

    Acho que quando o Milorde fez esse paralelo do incesto com a homossexualidade, pedofilia, etc. ele não se referia aos aspectos jurídicos da coisa não, e sim à aceitabilidade social, somente.

    Abraço!

  • Anônimo

    Dr. Health

    Acho que quando o Milorde fez esse paralelo do incesto com a homossexualidade, pedofilia, etc. ele não se referia aos aspectos jurídicos da coisa não, e sim à aceitabilidade social, somente.

    Abraço!

  • Anônimo

    Dr. Health

    Acho que quando o Milorde fez esse paralelo do incesto com a homossexualidade, pedofilia, etc. ele não se referia aos aspectos jurídicos da coisa não, e sim à aceitabilidade social, somente.

    Abraço!

  • Anônimo

    Dr. Health

    Acho que quando o Milorde fez esse paralelo do incesto com a homossexualidade, pedofilia, etc. ele não se referia aos aspectos jurídicos da coisa não, e sim à aceitabilidade social, somente.

    Abraço!

  • Milorde

    Dr. Health, infelizmente tenho q discordar totalmente de vc. Meu exemplo não é nada esdruxulo e incabivel, ao contrario é totalmente valido se pensarmos q o q vc chama de motivo juridico ser exatamente um conjunto de regras estabelecidos por um grupo (politicos) e aceito por uma sociedade. O que as regras que citamos morais e eticas no qual proibem o homossexuais, se encaixam na mesma coisa, tendo como diferença o tempo no qual elas foram criadas. Sendo regras, da mesma forma q umas estam sendo quebradas, as outras tb podem ser. Hj vc pode achar um absurdo e uma impossibilidade de o código penal aceitar q uma criança faça sexo com um adulto ou outra criança (e sabemos q isso acontece e muito), mas se fomos ver que a dois séculos atrás o adulterio era crime e cometido de punição se ocorrido, e a população da epoca acharia uma bsurdo e até esdruxulo, o q de fato hj é feito.

    Hj vc pode acreditar q é Ad Eternum, assim como no seculo 18 a escravidão era Ad Eternum. Assim como o adulterio era Ad Eternum no seculo 18, assim como o proprio casamento era Ad Eternum no inicio do seculo 20. Quem pode garantir q será daki a dois séculos? É só questão de ponto de vista, ainda mais com mundo de hj em dia. Na epoca de meus pais uma criança de 13 anos brincava de boneca, soltava pipa, corria pelas ruas. Hj elas jogam jogos viloentos, saem para balada, dança musica pornografica e até beijam bocas de pessoas do mesmo sexo só para experimentar.

    Baseado nisso não acho nada esdruxulo meu exemplo de possivel acontecimento no futuro.

  • Milorde

    Dr. Health, infelizmente tenho q discordar totalmente de vc. Meu exemplo não é nada esdruxulo e incabivel, ao contrario é totalmente valido se pensarmos q o q vc chama de motivo juridico ser exatamente um conjunto de regras estabelecidos por um grupo (politicos) e aceito por uma sociedade. O que as regras que citamos morais e eticas no qual proibem o homossexuais, se encaixam na mesma coisa, tendo como diferença o tempo no qual elas foram criadas. Sendo regras, da mesma forma q umas estam sendo quebradas, as outras tb podem ser. Hj vc pode achar um absurdo e uma impossibilidade de o código penal aceitar q uma criança faça sexo com um adulto ou outra criança (e sabemos q isso acontece e muito), mas se fomos ver que a dois séculos atrás o adulterio era crime e cometido de punição se ocorrido, e a população da epoca acharia uma bsurdo e até esdruxulo, o q de fato hj é feito.

    Hj vc pode acreditar q é Ad Eternum, assim como no seculo 18 a escravidão era Ad Eternum. Assim como o adulterio era Ad Eternum no seculo 18, assim como o proprio casamento era Ad Eternum no inicio do seculo 20. Quem pode garantir q será daki a dois séculos? É só questão de ponto de vista, ainda mais com mundo de hj em dia. Na epoca de meus pais uma criança de 13 anos brincava de boneca, soltava pipa, corria pelas ruas. Hj elas jogam jogos viloentos, saem para balada, dança musica pornografica e até beijam bocas de pessoas do mesmo sexo só para experimentar.

    Baseado nisso não acho nada esdruxulo meu exemplo de possivel acontecimento no futuro.

  • Milorde

    Dr. Health, infelizmente tenho q discordar totalmente de vc. Meu exemplo não é nada esdruxulo e incabivel, ao contrario é totalmente valido se pensarmos q o q vc chama de motivo juridico ser exatamente um conjunto de regras estabelecidos por um grupo (politicos) e aceito por uma sociedade. O que as regras que citamos morais e eticas no qual proibem o homossexuais, se encaixam na mesma coisa, tendo como diferença o tempo no qual elas foram criadas. Sendo regras, da mesma forma q umas estam sendo quebradas, as outras tb podem ser. Hj vc pode achar um absurdo e uma impossibilidade de o código penal aceitar q uma criança faça sexo com um adulto ou outra criança (e sabemos q isso acontece e muito), mas se fomos ver que a dois séculos atrás o adulterio era crime e cometido de punição se ocorrido, e a população da epoca acharia uma bsurdo e até esdruxulo, o q de fato hj é feito.

    Hj vc pode acreditar q é Ad Eternum, assim como no seculo 18 a escravidão era Ad Eternum. Assim como o adulterio era Ad Eternum no seculo 18, assim como o proprio casamento era Ad Eternum no inicio do seculo 20. Quem pode garantir q será daki a dois séculos? É só questão de ponto de vista, ainda mais com mundo de hj em dia. Na epoca de meus pais uma criança de 13 anos brincava de boneca, soltava pipa, corria pelas ruas. Hj elas jogam jogos viloentos, saem para balada, dança musica pornografica e até beijam bocas de pessoas do mesmo sexo só para experimentar.

    Baseado nisso não acho nada esdruxulo meu exemplo de possivel acontecimento no futuro.

  • Milorde

    Dr. Health, infelizmente tenho q discordar totalmente de vc. Meu exemplo não é nada esdruxulo e incabivel, ao contrario é totalmente valido se pensarmos q o q vc chama de motivo juridico ser exatamente um conjunto de regras estabelecidos por um grupo (politicos) e aceito por uma sociedade. O que as regras que citamos morais e eticas no qual proibem o homossexuais, se encaixam na mesma coisa, tendo como diferença o tempo no qual elas foram criadas. Sendo regras, da mesma forma q umas estam sendo quebradas, as outras tb podem ser. Hj vc pode achar um absurdo e uma impossibilidade de o código penal aceitar q uma criança faça sexo com um adulto ou outra criança (e sabemos q isso acontece e muito), mas se fomos ver que a dois séculos atrás o adulterio era crime e cometido de punição se ocorrido, e a população da epoca acharia uma bsurdo e até esdruxulo, o q de fato hj é feito.

    Hj vc pode acreditar q é Ad Eternum, assim como no seculo 18 a escravidão era Ad Eternum. Assim como o adulterio era Ad Eternum no seculo 18, assim como o proprio casamento era Ad Eternum no inicio do seculo 20. Quem pode garantir q será daki a dois séculos? É só questão de ponto de vista, ainda mais com mundo de hj em dia. Na epoca de meus pais uma criança de 13 anos brincava de boneca, soltava pipa, corria pelas ruas. Hj elas jogam jogos viloentos, saem para balada, dança musica pornografica e até beijam bocas de pessoas do mesmo sexo só para experimentar.

    Baseado nisso não acho nada esdruxulo meu exemplo de possivel acontecimento no futuro.

  • Milorde

    Dr. Health, infelizmente tenho q discordar totalmente de vc. Meu exemplo não é nada esdruxulo e incabivel, ao contrario é totalmente valido se pensarmos q o q vc chama de motivo juridico ser exatamente um conjunto de regras estabelecidos por um grupo (politicos) e aceito por uma sociedade. O que as regras que citamos morais e eticas no qual proibem o homossexuais, se encaixam na mesma coisa, tendo como diferença o tempo no qual elas foram criadas. Sendo regras, da mesma forma q umas estam sendo quebradas, as outras tb podem ser. Hj vc pode achar um absurdo e uma impossibilidade de o código penal aceitar q uma criança faça sexo com um adulto ou outra criança (e sabemos q isso acontece e muito), mas se fomos ver que a dois séculos atrás o adulterio era crime e cometido de punição se ocorrido, e a população da epoca acharia uma bsurdo e até esdruxulo, o q de fato hj é feito.

    Hj vc pode acreditar q é Ad Eternum, assim como no seculo 18 a escravidão era Ad Eternum. Assim como o adulterio era Ad Eternum no seculo 18, assim como o proprio casamento era Ad Eternum no inicio do seculo 20. Quem pode garantir q será daki a dois séculos? É só questão de ponto de vista, ainda mais com mundo de hj em dia. Na epoca de meus pais uma criança de 13 anos brincava de boneca, soltava pipa, corria pelas ruas. Hj elas jogam jogos viloentos, saem para balada, dança musica pornografica e até beijam bocas de pessoas do mesmo sexo só para experimentar.

    Baseado nisso não acho nada esdruxulo meu exemplo de possivel acontecimento no futuro.

  • Ava.

    ei dotorzinho..de mer…..da….quando q tu iras nos dar uma resposta sobre nossa perguntas de coluna?????????????????????????
    colega….que deprimente..tu fica dando atênção para essas coisinhas…sem valor…e não respondes oque deveria!!!!quanta bestialidade!!!!quanta incuria!!!!!!vai de novo pra ponte q partiuuuuuuuu!!!!!!!idiota!!!!!!!!

  • Ava.

    ei dotorzinho..de mer…..da….quando q tu iras nos dar uma resposta sobre nossa perguntas de coluna?????????????????????????
    colega….que deprimente..tu fica dando atênção para essas coisinhas…sem valor…e não respondes oque deveria!!!!quanta bestialidade!!!!quanta incuria!!!!!!vai de novo pra ponte q partiuuuuuuuu!!!!!!!idiota!!!!!!!!

  • Ava.

    ei dotorzinho..de mer…..da….quando q tu iras nos dar uma resposta sobre nossa perguntas de coluna?????????????????????????
    colega….que deprimente..tu fica dando atênção para essas coisinhas…sem valor…e não respondes oque deveria!!!!quanta bestialidade!!!!quanta incuria!!!!!!vai de novo pra ponte q partiuuuuuuuu!!!!!!!idiota!!!!!!!!

  • Ava.

    ei dotorzinho..de mer…..da….quando q tu iras nos dar uma resposta sobre nossa perguntas de coluna?????????????????????????
    colega….que deprimente..tu fica dando atênção para essas coisinhas…sem valor…e não respondes oque deveria!!!!quanta bestialidade!!!!quanta incuria!!!!!!vai de novo pra ponte q partiuuuuuuuu!!!!!!!idiota!!!!!!!!

  • Ava.

    ei dotorzinho..de mer…..da….quando q tu iras nos dar uma resposta sobre nossa perguntas de coluna?????????????????????????
    colega….que deprimente..tu fica dando atênção para essas coisinhas…sem valor…e não respondes oque deveria!!!!quanta bestialidade!!!!quanta incuria!!!!!!vai de novo pra ponte q partiuuuuuuuu!!!!!!!idiota!!!!!!!!

  • Roberta

    Quer q ele vá te buscar, Ava?

  • Roberta

    Quer q ele vá te buscar, Ava?

  • Roberta

    Quer q ele vá te buscar, Ava?

  • Roberta

    Quer q ele vá te buscar, Ava?

  • Roberta

    Quer q ele vá te buscar, Ava?

  • Roberta

    Quer q ele vá te buscar, Ava?

  • Wilma Flintstone

    @Fred, querido, (este nome é bastante comum a mim, rsrsrs….)

    [I]“Somos todos irmaos no sentido de respeitar e colaborar uns com os outros como irmaos. Essa e outra coisa q nunca foi dita para ser levada ao pe da letra.”[I]

    A bíblia inteira é um livro “aberto” a interpretações das mais diversas formas, não é mesmo? Não foi à toa que Jesus falava ao povo por meio de parábolas…se você contextualiza um problema, ele fica mais fácil de ser resolvido… Mas, de qualquer forma, já que havia uma grande possibilidade de que o “relato histórico” que foi me passado (não falei ainda em nenhum momento de minhas convicções religiosas…só estou interpretando como história “escolar” mesmo, desde o começo….) não ser verdadeiro, como você suscitou, preferi então perguntar a um bacharel de Teologia (obs.: Espírita) e a um professor de Filosofia sobre o sentido da FRASE “somos todos irmãos”, e suas origens. E AMBOS explicaram que a origem do termo vem do fato do incesto ocorrido entre mãe e filhos. Que, teoricamente, descenderíamos MESMO todos nós de uma mesma família original. Como NÃO sou criacionista, e sou CONVICTA em não sê-lo, ambos acharam a pergunta “peculiar” vindo de mim. E para esclarecer uma última dúvida minha, sim, eles ensinam desta forma aos seus alunos, INCLUSIVE NO NÍVEL SUPERIOR. Não sou eu que estou falando, é a “história” que é contada através dos tempos. Até porque aprendi exatamente igual a você qual o sentido da frase “Somos todos irmãos”, da forma exata que descreveu.

    Mas não precisa acreditar em mim, se não quiser. Pesquise, e tire tuas conclusões. Terei prazer em lê-lo. Todo conhecimento é bem-vindo! É por isso que nunca saí do meio acadêmico…

    Quanto ao NE do Brasil, estive lá no sertão há pouco tempo(meses), trabalhando, e fiquei 45 dias. Fui a uma pequena localidade do interior do Ceará, chamada Jardim, a Codó, no Maranhão, e dei uma “passada” pelo Piauí. Visitei muitas casas. Ouvi muita gente. E, talvez pela penúria, SIM, eles tem valores culturais distorcidos dos nossos. As comunidades relataram alguns casos de incesto (quando o assunto não era nem esse…mas quando se encontra quem os escute, a fofoca rola…), e a forma deles encararem o fato era algo como “fazer o quê, né dona? Cabeça vazia é oficina do capeta…”. Porém não se colocaram como quem fizesse algo errado, mas como “vítimas dos fatos”, da situação que se encontravam.

    Continuo dizendo: Não condeno nem absolvo. Não me considero apta a julgá-los.
    Beijo.

  • Wilma Flintstone

    @Fred, querido, (este nome é bastante comum a mim, rsrsrs….)

    [I]“Somos todos irmaos no sentido de respeitar e colaborar uns com os outros como irmaos. Essa e outra coisa q nunca foi dita para ser levada ao pe da letra.”[I]

    A bíblia inteira é um livro “aberto” a interpretações das mais diversas formas, não é mesmo? Não foi à toa que Jesus falava ao povo por meio de parábolas…se você contextualiza um problema, ele fica mais fácil de ser resolvido… Mas, de qualquer forma, já que havia uma grande possibilidade de que o “relato histórico” que foi me passado (não falei ainda em nenhum momento de minhas convicções religiosas…só estou interpretando como história “escolar” mesmo, desde o começo….) não ser verdadeiro, como você suscitou, preferi então perguntar a um bacharel de Teologia (obs.: Espírita) e a um professor de Filosofia sobre o sentido da FRASE “somos todos irmãos”, e suas origens. E AMBOS explicaram que a origem do termo vem do fato do incesto ocorrido entre mãe e filhos. Que, teoricamente, descenderíamos MESMO todos nós de uma mesma família original. Como NÃO sou criacionista, e sou CONVICTA em não sê-lo, ambos acharam a pergunta “peculiar” vindo de mim. E para esclarecer uma última dúvida minha, sim, eles ensinam desta forma aos seus alunos, INCLUSIVE NO NÍVEL SUPERIOR. Não sou eu que estou falando, é a “história” que é contada através dos tempos. Até porque aprendi exatamente igual a você qual o sentido da frase “Somos todos irmãos”, da forma exata que descreveu.

    Mas não precisa acreditar em mim, se não quiser. Pesquise, e tire tuas conclusões. Terei prazer em lê-lo. Todo conhecimento é bem-vindo! É por isso que nunca saí do meio acadêmico…

    Quanto ao NE do Brasil, estive lá no sertão há pouco tempo(meses), trabalhando, e fiquei 45 dias. Fui a uma pequena localidade do interior do Ceará, chamada Jardim, a Codó, no Maranhão, e dei uma “passada” pelo Piauí. Visitei muitas casas. Ouvi muita gente. E, talvez pela penúria, SIM, eles tem valores culturais distorcidos dos nossos. As comunidades relataram alguns casos de incesto (quando o assunto não era nem esse…mas quando se encontra quem os escute, a fofoca rola…), e a forma deles encararem o fato era algo como “fazer o quê, né dona? Cabeça vazia é oficina do capeta…”. Porém não se colocaram como quem fizesse algo errado, mas como “vítimas dos fatos”, da situação que se encontravam.

    Continuo dizendo: Não condeno nem absolvo. Não me considero apta a julgá-los.
    Beijo.

  • Wilma Flintstone

    @Fred, querido, (este nome é bastante comum a mim, rsrsrs….)

    [I]“Somos todos irmaos no sentido de respeitar e colaborar uns com os outros como irmaos. Essa e outra coisa q nunca foi dita para ser levada ao pe da letra.”[I]

    A bíblia inteira é um livro “aberto” a interpretações das mais diversas formas, não é mesmo? Não foi à toa que Jesus falava ao povo por meio de parábolas…se você contextualiza um problema, ele fica mais fácil de ser resolvido… Mas, de qualquer forma, já que havia uma grande possibilidade de que o “relato histórico” que foi me passado (não falei ainda em nenhum momento de minhas convicções religiosas…só estou interpretando como história “escolar” mesmo, desde o começo….) não ser verdadeiro, como você suscitou, preferi então perguntar a um bacharel de Teologia (obs.: Espírita) e a um professor de Filosofia sobre o sentido da FRASE “somos todos irmãos”, e suas origens. E AMBOS explicaram que a origem do termo vem do fato do incesto ocorrido entre mãe e filhos. Que, teoricamente, descenderíamos MESMO todos nós de uma mesma família original. Como NÃO sou criacionista, e sou CONVICTA em não sê-lo, ambos acharam a pergunta “peculiar” vindo de mim. E para esclarecer uma última dúvida minha, sim, eles ensinam desta forma aos seus alunos, INCLUSIVE NO NÍVEL SUPERIOR. Não sou eu que estou falando, é a “história” que é contada através dos tempos. Até porque aprendi exatamente igual a você qual o sentido da frase “Somos todos irmãos”, da forma exata que descreveu.

    Mas não precisa acreditar em mim, se não quiser. Pesquise, e tire tuas conclusões. Terei prazer em lê-lo. Todo conhecimento é bem-vindo! É por isso que nunca saí do meio acadêmico…

    Quanto ao NE do Brasil, estive lá no sertão há pouco tempo(meses), trabalhando, e fiquei 45 dias. Fui a uma pequena localidade do interior do Ceará, chamada Jardim, a Codó, no Maranhão, e dei uma “passada” pelo Piauí. Visitei muitas casas. Ouvi muita gente. E, talvez pela penúria, SIM, eles tem valores culturais distorcidos dos nossos. As comunidades relataram alguns casos de incesto (quando o assunto não era nem esse…mas quando se encontra quem os escute, a fofoca rola…), e a forma deles encararem o fato era algo como “fazer o quê, né dona? Cabeça vazia é oficina do capeta…”. Porém não se colocaram como quem fizesse algo errado, mas como “vítimas dos fatos”, da situação que se encontravam.

    Continuo dizendo: Não condeno nem absolvo. Não me considero apta a julgá-los.
    Beijo.

  • Wilma Flintstone

    @Fred, querido, (este nome é bastante comum a mim, rsrsrs….)

    [I]“Somos todos irmaos no sentido de respeitar e colaborar uns com os outros como irmaos. Essa e outra coisa q nunca foi dita para ser levada ao pe da letra.”[I]

    A bíblia inteira é um livro “aberto” a interpretações das mais diversas formas, não é mesmo? Não foi à toa que Jesus falava ao povo por meio de parábolas…se você contextualiza um problema, ele fica mais fácil de ser resolvido… Mas, de qualquer forma, já que havia uma grande possibilidade de que o “relato histórico” que foi me passado (não falei ainda em nenhum momento de minhas convicções religiosas…só estou interpretando como história “escolar” mesmo, desde o começo….) não ser verdadeiro, como você suscitou, preferi então perguntar a um bacharel de Teologia (obs.: Espírita) e a um professor de Filosofia sobre o sentido da FRASE “somos todos irmãos”, e suas origens. E AMBOS explicaram que a origem do termo vem do fato do incesto ocorrido entre mãe e filhos. Que, teoricamente, descenderíamos MESMO todos nós de uma mesma família original. Como NÃO sou criacionista, e sou CONVICTA em não sê-lo, ambos acharam a pergunta “peculiar” vindo de mim. E para esclarecer uma última dúvida minha, sim, eles ensinam desta forma aos seus alunos, INCLUSIVE NO NÍVEL SUPERIOR. Não sou eu que estou falando, é a “história” que é contada através dos tempos. Até porque aprendi exatamente igual a você qual o sentido da frase “Somos todos irmãos”, da forma exata que descreveu.

    Mas não precisa acreditar em mim, se não quiser. Pesquise, e tire tuas conclusões. Terei prazer em lê-lo. Todo conhecimento é bem-vindo! É por isso que nunca saí do meio acadêmico…

    Quanto ao NE do Brasil, estive lá no sertão há pouco tempo(meses), trabalhando, e fiquei 45 dias. Fui a uma pequena localidade do interior do Ceará, chamada Jardim, a Codó, no Maranhão, e dei uma “passada” pelo Piauí. Visitei muitas casas. Ouvi muita gente. E, talvez pela penúria, SIM, eles tem valores culturais distorcidos dos nossos. As comunidades relataram alguns casos de incesto (quando o assunto não era nem esse…mas quando se encontra quem os escute, a fofoca rola…), e a forma deles encararem o fato era algo como “fazer o quê, né dona? Cabeça vazia é oficina do capeta…”. Porém não se colocaram como quem fizesse algo errado, mas como “vítimas dos fatos”, da situação que se encontravam.

    Continuo dizendo: Não condeno nem absolvo. Não me considero apta a julgá-los.
    Beijo.

  • Wilma Flintstone

    @Fred, querido, (este nome é bastante comum a mim, rsrsrs….)

    [I]“Somos todos irmaos no sentido de respeitar e colaborar uns com os outros como irmaos. Essa e outra coisa q nunca foi dita para ser levada ao pe da letra.”[I]

    A bíblia inteira é um livro “aberto” a interpretações das mais diversas formas, não é mesmo? Não foi à toa que Jesus falava ao povo por meio de parábolas…se você contextualiza um problema, ele fica mais fácil de ser resolvido… Mas, de qualquer forma, já que havia uma grande possibilidade de que o “relato histórico” que foi me passado (não falei ainda em nenhum momento de minhas convicções religiosas…só estou interpretando como história “escolar” mesmo, desde o começo….) não ser verdadeiro, como você suscitou, preferi então perguntar a um bacharel de Teologia (obs.: Espírita) e a um professor de Filosofia sobre o sentido da FRASE “somos todos irmãos”, e suas origens. E AMBOS explicaram que a origem do termo vem do fato do incesto ocorrido entre mãe e filhos. Que, teoricamente, descenderíamos MESMO todos nós de uma mesma família original. Como NÃO sou criacionista, e sou CONVICTA em não sê-lo, ambos acharam a pergunta “peculiar” vindo de mim. E para esclarecer uma última dúvida minha, sim, eles ensinam desta forma aos seus alunos, INCLUSIVE NO NÍVEL SUPERIOR. Não sou eu que estou falando, é a “história” que é contada através dos tempos. Até porque aprendi exatamente igual a você qual o sentido da frase “Somos todos irmãos”, da forma exata que descreveu.

    Mas não precisa acreditar em mim, se não quiser. Pesquise, e tire tuas conclusões. Terei prazer em lê-lo. Todo conhecimento é bem-vindo! É por isso que nunca saí do meio acadêmico…

    Quanto ao NE do Brasil, estive lá no sertão há pouco tempo(meses), trabalhando, e fiquei 45 dias. Fui a uma pequena localidade do interior do Ceará, chamada Jardim, a Codó, no Maranhão, e dei uma “passada” pelo Piauí. Visitei muitas casas. Ouvi muita gente. E, talvez pela penúria, SIM, eles tem valores culturais distorcidos dos nossos. As comunidades relataram alguns casos de incesto (quando o assunto não era nem esse…mas quando se encontra quem os escute, a fofoca rola…), e a forma deles encararem o fato era algo como “fazer o quê, né dona? Cabeça vazia é oficina do capeta…”. Porém não se colocaram como quem fizesse algo errado, mas como “vítimas dos fatos”, da situação que se encontravam.

    Continuo dizendo: Não condeno nem absolvo. Não me considero apta a julgá-los.
    Beijo.

  • Milorde

    Anonimo: no post anterior realmente eu estava fazendo um comparativo da aceitabilidade social, e só, não estou comparando condenabilidade e sim aceitabilidade.

    Mas aproveitei, a resposta do Dr., para colocar na mesa q regras são regras e podem ser quebradas, independente se são formalizadas ou não, e de acordo com a historia isso acontece em varias ocasiões. E devido o liberalismo presente hj, um assunto tão intoleravel como a Pedofilia hj em dia pode ser toleravel no futuro.

    Ava: Agressividade leva a nada. E independente do q vc disse, assuntos assim são sim muito importantes. Assuntos dessa relevancia, discutidos amigavelmente podem levar a boa convivencia com os outros se chegamos num denominador comum.

    Uma errata: “Hj vc pode acreditar q é Ad Eternum, assim como no seculo 18 a escravidão era Ad Eternum. Assim como o adulterio era Ad Eternum no seculo 19, assim como o proprio casamento era Ad Eternum no inicio do seculo 20.”

  • Milorde

    Anonimo: no post anterior realmente eu estava fazendo um comparativo da aceitabilidade social, e só, não estou comparando condenabilidade e sim aceitabilidade.

    Mas aproveitei, a resposta do Dr., para colocar na mesa q regras são regras e podem ser quebradas, independente se são formalizadas ou não, e de acordo com a historia isso acontece em varias ocasiões. E devido o liberalismo presente hj, um assunto tão intoleravel como a Pedofilia hj em dia pode ser toleravel no futuro.

    Ava: Agressividade leva a nada. E independente do q vc disse, assuntos assim são sim muito importantes. Assuntos dessa relevancia, discutidos amigavelmente podem levar a boa convivencia com os outros se chegamos num denominador comum.

    Uma errata: “Hj vc pode acreditar q é Ad Eternum, assim como no seculo 18 a escravidão era Ad Eternum. Assim como o adulterio era Ad Eternum no seculo 19, assim como o proprio casamento era Ad Eternum no inicio do seculo 20.”

  • Milorde

    Anonimo: no post anterior realmente eu estava fazendo um comparativo da aceitabilidade social, e só, não estou comparando condenabilidade e sim aceitabilidade.

    Mas aproveitei, a resposta do Dr., para colocar na mesa q regras são regras e podem ser quebradas, independente se são formalizadas ou não, e de acordo com a historia isso acontece em varias ocasiões. E devido o liberalismo presente hj, um assunto tão intoleravel como a Pedofilia hj em dia pode ser toleravel no futuro.

    Ava: Agressividade leva a nada. E independente do q vc disse, assuntos assim são sim muito importantes. Assuntos dessa relevancia, discutidos amigavelmente podem levar a boa convivencia com os outros se chegamos num denominador comum.

    Uma errata: “Hj vc pode acreditar q é Ad Eternum, assim como no seculo 18 a escravidão era Ad Eternum. Assim como o adulterio era Ad Eternum no seculo 19, assim como o proprio casamento era Ad Eternum no inicio do seculo 20.”

  • Milorde

    Anonimo: no post anterior realmente eu estava fazendo um comparativo da aceitabilidade social, e só, não estou comparando condenabilidade e sim aceitabilidade.

    Mas aproveitei, a resposta do Dr., para colocar na mesa q regras são regras e podem ser quebradas, independente se são formalizadas ou não, e de acordo com a historia isso acontece em varias ocasiões. E devido o liberalismo presente hj, um assunto tão intoleravel como a Pedofilia hj em dia pode ser toleravel no futuro.

    Ava: Agressividade leva a nada. E independente do q vc disse, assuntos assim são sim muito importantes. Assuntos dessa relevancia, discutidos amigavelmente podem levar a boa convivencia com os outros se chegamos num denominador comum.

    Uma errata: “Hj vc pode acreditar q é Ad Eternum, assim como no seculo 18 a escravidão era Ad Eternum. Assim como o adulterio era Ad Eternum no seculo 19, assim como o proprio casamento era Ad Eternum no inicio do seculo 20.”

  • Milorde

    Anonimo: no post anterior realmente eu estava fazendo um comparativo da aceitabilidade social, e só, não estou comparando condenabilidade e sim aceitabilidade.

    Mas aproveitei, a resposta do Dr., para colocar na mesa q regras são regras e podem ser quebradas, independente se são formalizadas ou não, e de acordo com a historia isso acontece em varias ocasiões. E devido o liberalismo presente hj, um assunto tão intoleravel como a Pedofilia hj em dia pode ser toleravel no futuro.

    Ava: Agressividade leva a nada. E independente do q vc disse, assuntos assim são sim muito importantes. Assuntos dessa relevancia, discutidos amigavelmente podem levar a boa convivencia com os outros se chegamos num denominador comum.

    Uma errata: “Hj vc pode acreditar q é Ad Eternum, assim como no seculo 18 a escravidão era Ad Eternum. Assim como o adulterio era Ad Eternum no seculo 19, assim como o proprio casamento era Ad Eternum no inicio do seculo 20.”

  • Wilma Flintstone

    @Anônimo,
    Obrigado pelo “ignorante”. Considero-me ignóbia para muitas coisas na vida. E tenho hombridade para assumir isso, sem me considerar “dona da verdade”, afinal, quem acha que sabe tudo, na verdade, não sabe nada… concorda?
    Quanto à postulação religiosa, por favor, leia o comentário que fiz para Fred às 16:14.

    Concordo com você quanto ao fato de que a sociedade cria “regras de convivência” para melhor coexistirmos. Isso é uma premissa básica de qualquer sociedade…e até entre VEGETAIS isso acontece HOJE, enquanto “conversamos”, e não num passado remoto. Não é uma condição humana….mas uma condição de SOBREVIVÊNCIA. Mas cada cultura possui a regra de convivência que melhor lhe apetece! Mesmo que esta regra seja ditada pelas “leis da natureza”. O que pode ser barbárie para mim, pode ser trivial para você. E nenhum de nós dois estará necessariamente certo! Tudo vai depender da cultura em que estamos inseridos! Mesmo dentro do Brasil, os regionalismos mostram isso. A lei que nos rege é a mesma…mas a “adaptação” que cada região faz da MESMA lei leva a interpretações diferentes, a “modus operandi” diferentes!

    Quanto a “bancar a revolucionária moderninha”….bom, interprete minhas palavras como quiser! Não sou dona da verdade, muito menos da SUA verdade….Mas como CIVILIZAÇÃO, estamos em constante revolução, em mudança o tempo todo…e sou feliz por isso! Quem muda para melhor, cresce de alguma forma. E EVOLUI. Mas diga o que quiser, afinal de contas, somos parte de um país democrático….aliás, falando em democracia, se não fossemos “revolucionários moderninhos”, nem direito de expressarmos aqui nós teríamos, porque a ditadura não deixaria! Estou falando de política, porque afinal de contas, ela influencia toda uma “linha de pensamento” cultural, não é mesmo? Se você não pudesse falar o que pensa, para quê “formaríamos uma opinião”?

    E quanto ao teu “padrão de normalidade”, quanto a incesto, homossexualidade, etc…Não te questiono por isso. São TEUS padrões, e se você convive bem com eles, que bom para você! Fico feliz com isso. Mas tenho os MEUS, com convicção. Não deixo de te respeitar. APENAS não concordo. E gostaria de ser respeitada por isso.

    Beijos.

  • Wilma Flintstone

    @Anônimo,
    Obrigado pelo “ignorante”. Considero-me ignóbia para muitas coisas na vida. E tenho hombridade para assumir isso, sem me considerar “dona da verdade”, afinal, quem acha que sabe tudo, na verdade, não sabe nada… concorda?
    Quanto à postulação religiosa, por favor, leia o comentário que fiz para Fred às 16:14.

    Concordo com você quanto ao fato de que a sociedade cria “regras de convivência” para melhor coexistirmos. Isso é uma premissa básica de qualquer sociedade…e até entre VEGETAIS isso acontece HOJE, enquanto “conversamos”, e não num passado remoto. Não é uma condição humana….mas uma condição de SOBREVIVÊNCIA. Mas cada cultura possui a regra de convivência que melhor lhe apetece! Mesmo que esta regra seja ditada pelas “leis da natureza”. O que pode ser barbárie para mim, pode ser trivial para você. E nenhum de nós dois estará necessariamente certo! Tudo vai depender da cultura em que estamos inseridos! Mesmo dentro do Brasil, os regionalismos mostram isso. A lei que nos rege é a mesma…mas a “adaptação” que cada região faz da MESMA lei leva a interpretações diferentes, a “modus operandi” diferentes!

    Quanto a “bancar a revolucionária moderninha”….bom, interprete minhas palavras como quiser! Não sou dona da verdade, muito menos da SUA verdade….Mas como CIVILIZAÇÃO, estamos em constante revolução, em mudança o tempo todo…e sou feliz por isso! Quem muda para melhor, cresce de alguma forma. E EVOLUI. Mas diga o que quiser, afinal de contas, somos parte de um país democrático….aliás, falando em democracia, se não fossemos “revolucionários moderninhos”, nem direito de expressarmos aqui nós teríamos, porque a ditadura não deixaria! Estou falando de política, porque afinal de contas, ela influencia toda uma “linha de pensamento” cultural, não é mesmo? Se você não pudesse falar o que pensa, para quê “formaríamos uma opinião”?

    E quanto ao teu “padrão de normalidade”, quanto a incesto, homossexualidade, etc…Não te questiono por isso. São TEUS padrões, e se você convive bem com eles, que bom para você! Fico feliz com isso. Mas tenho os MEUS, com convicção. Não deixo de te respeitar. APENAS não concordo. E gostaria de ser respeitada por isso.

    Beijos.

  • Wilma Flintstone

    @Anônimo,
    Obrigado pelo “ignorante”. Considero-me ignóbia para muitas coisas na vida. E tenho hombridade para assumir isso, sem me considerar “dona da verdade”, afinal, quem acha que sabe tudo, na verdade, não sabe nada… concorda?
    Quanto à postulação religiosa, por favor, leia o comentário que fiz para Fred às 16:14.

    Concordo com você quanto ao fato de que a sociedade cria “regras de convivência” para melhor coexistirmos. Isso é uma premissa básica de qualquer sociedade…e até entre VEGETAIS isso acontece HOJE, enquanto “conversamos”, e não num passado remoto. Não é uma condição humana….mas uma condição de SOBREVIVÊNCIA. Mas cada cultura possui a regra de convivência que melhor lhe apetece! Mesmo que esta regra seja ditada pelas “leis da natureza”. O que pode ser barbárie para mim, pode ser trivial para você. E nenhum de nós dois estará necessariamente certo! Tudo vai depender da cultura em que estamos inseridos! Mesmo dentro do Brasil, os regionalismos mostram isso. A lei que nos rege é a mesma…mas a “adaptação” que cada região faz da MESMA lei leva a interpretações diferentes, a “modus operandi” diferentes!

    Quanto a “bancar a revolucionária moderninha”….bom, interprete minhas palavras como quiser! Não sou dona da verdade, muito menos da SUA verdade….Mas como CIVILIZAÇÃO, estamos em constante revolução, em mudança o tempo todo…e sou feliz por isso! Quem muda para melhor, cresce de alguma forma. E EVOLUI. Mas diga o que quiser, afinal de contas, somos parte de um país democrático….aliás, falando em democracia, se não fossemos “revolucionários moderninhos”, nem direito de expressarmos aqui nós teríamos, porque a ditadura não deixaria! Estou falando de política, porque afinal de contas, ela influencia toda uma “linha de pensamento” cultural, não é mesmo? Se você não pudesse falar o que pensa, para quê “formaríamos uma opinião”?

    E quanto ao teu “padrão de normalidade”, quanto a incesto, homossexualidade, etc…Não te questiono por isso. São TEUS padrões, e se você convive bem com eles, que bom para você! Fico feliz com isso. Mas tenho os MEUS, com convicção. Não deixo de te respeitar. APENAS não concordo. E gostaria de ser respeitada por isso.

    Beijos.

  • Wilma Flintstone

    @Anônimo,
    Obrigado pelo “ignorante”. Considero-me ignóbia para muitas coisas na vida. E tenho hombridade para assumir isso, sem me considerar “dona da verdade”, afinal, quem acha que sabe tudo, na verdade, não sabe nada… concorda?
    Quanto à postulação religiosa, por favor, leia o comentário que fiz para Fred às 16:14.

    Concordo com você quanto ao fato de que a sociedade cria “regras de convivência” para melhor coexistirmos. Isso é uma premissa básica de qualquer sociedade…e até entre VEGETAIS isso acontece HOJE, enquanto “conversamos”, e não num passado remoto. Não é uma condição humana….mas uma condição de SOBREVIVÊNCIA. Mas cada cultura possui a regra de convivência que melhor lhe apetece! Mesmo que esta regra seja ditada pelas “leis da natureza”. O que pode ser barbárie para mim, pode ser trivial para você. E nenhum de nós dois estará necessariamente certo! Tudo vai depender da cultura em que estamos inseridos! Mesmo dentro do Brasil, os regionalismos mostram isso. A lei que nos rege é a mesma…mas a “adaptação” que cada região faz da MESMA lei leva a interpretações diferentes, a “modus operandi” diferentes!

    Quanto a “bancar a revolucionária moderninha”….bom, interprete minhas palavras como quiser! Não sou dona da verdade, muito menos da SUA verdade….Mas como CIVILIZAÇÃO, estamos em constante revolução, em mudança o tempo todo…e sou feliz por isso! Quem muda para melhor, cresce de alguma forma. E EVOLUI. Mas diga o que quiser, afinal de contas, somos parte de um país democrático….aliás, falando em democracia, se não fossemos “revolucionários moderninhos”, nem direito de expressarmos aqui nós teríamos, porque a ditadura não deixaria! Estou falando de política, porque afinal de contas, ela influencia toda uma “linha de pensamento” cultural, não é mesmo? Se você não pudesse falar o que pensa, para quê “formaríamos uma opinião”?

    E quanto ao teu “padrão de normalidade”, quanto a incesto, homossexualidade, etc…Não te questiono por isso. São TEUS padrões, e se você convive bem com eles, que bom para você! Fico feliz com isso. Mas tenho os MEUS, com convicção. Não deixo de te respeitar. APENAS não concordo. E gostaria de ser respeitada por isso.

    Beijos.

  • Wilma Flintstone

    @Anônimo,
    Obrigado pelo “ignorante”. Considero-me ignóbia para muitas coisas na vida. E tenho hombridade para assumir isso, sem me considerar “dona da verdade”, afinal, quem acha que sabe tudo, na verdade, não sabe nada… concorda?
    Quanto à postulação religiosa, por favor, leia o comentário que fiz para Fred às 16:14.

    Concordo com você quanto ao fato de que a sociedade cria “regras de convivência” para melhor coexistirmos. Isso é uma premissa básica de qualquer sociedade…e até entre VEGETAIS isso acontece HOJE, enquanto “conversamos”, e não num passado remoto. Não é uma condição humana….mas uma condição de SOBREVIVÊNCIA. Mas cada cultura possui a regra de convivência que melhor lhe apetece! Mesmo que esta regra seja ditada pelas “leis da natureza”. O que pode ser barbárie para mim, pode ser trivial para você. E nenhum de nós dois estará necessariamente certo! Tudo vai depender da cultura em que estamos inseridos! Mesmo dentro do Brasil, os regionalismos mostram isso. A lei que nos rege é a mesma…mas a “adaptação” que cada região faz da MESMA lei leva a interpretações diferentes, a “modus operandi” diferentes!

    Quanto a “bancar a revolucionária moderninha”….bom, interprete minhas palavras como quiser! Não sou dona da verdade, muito menos da SUA verdade….Mas como CIVILIZAÇÃO, estamos em constante revolução, em mudança o tempo todo…e sou feliz por isso! Quem muda para melhor, cresce de alguma forma. E EVOLUI. Mas diga o que quiser, afinal de contas, somos parte de um país democrático….aliás, falando em democracia, se não fossemos “revolucionários moderninhos”, nem direito de expressarmos aqui nós teríamos, porque a ditadura não deixaria! Estou falando de política, porque afinal de contas, ela influencia toda uma “linha de pensamento” cultural, não é mesmo? Se você não pudesse falar o que pensa, para quê “formaríamos uma opinião”?

    E quanto ao teu “padrão de normalidade”, quanto a incesto, homossexualidade, etc…Não te questiono por isso. São TEUS padrões, e se você convive bem com eles, que bom para você! Fico feliz com isso. Mas tenho os MEUS, com convicção. Não deixo de te respeitar. APENAS não concordo. E gostaria de ser respeitada por isso.

    Beijos.

  • Wilma Flintstone

    @Anônimo,
    Obrigado pelo “ignorante”. Considero-me ignóbia para muitas coisas na vida. E tenho hombridade para assumir isso, sem me considerar “dona da verdade”, afinal, quem acha que sabe tudo, na verdade, não sabe nada… concorda?
    Quanto à postulação religiosa, por favor, leia o comentário que fiz para Fred às 16:14.

    Concordo com você quanto ao fato de que a sociedade cria “regras de convivência” para melhor coexistirmos. Isso é uma premissa básica de qualquer sociedade…e até entre VEGETAIS isso acontece HOJE, enquanto “conversamos”, e não num passado remoto. Não é uma condição humana….mas uma condição de SOBREVIVÊNCIA. Mas cada cultura possui a regra de convivência que melhor lhe apetece! Mesmo que esta regra seja ditada pelas “leis da natureza”. O que pode ser barbárie para mim, pode ser trivial para você. E nenhum de nós dois estará necessariamente certo! Tudo vai depender da cultura em que estamos inseridos! Mesmo dentro do Brasil, os regionalismos mostram isso. A lei que nos rege é a mesma…mas a “adaptação” que cada região faz da MESMA lei leva a interpretações diferentes, a “modus operandi” diferentes!

    Quanto a “bancar a revolucionária moderninha”….bom, interprete minhas palavras como quiser! Não sou dona da verdade, muito menos da SUA verdade….Mas como CIVILIZAÇÃO, estamos em constante revolução, em mudança o tempo todo…e sou feliz por isso! Quem muda para melhor, cresce de alguma forma. E EVOLUI. Mas diga o que quiser, afinal de contas, somos parte de um país democrático….aliás, falando em democracia, se não fossemos “revolucionários moderninhos”, nem direito de expressarmos aqui nós teríamos, porque a ditadura não deixaria! Estou falando de política, porque afinal de contas, ela influencia toda uma “linha de pensamento” cultural, não é mesmo? Se você não pudesse falar o que pensa, para quê “formaríamos uma opinião”?

    E quanto ao teu “padrão de normalidade”, quanto a incesto, homossexualidade, etc…Não te questiono por isso. São TEUS padrões, e se você convive bem com eles, que bom para você! Fico feliz com isso. Mas tenho os MEUS, com convicção. Não deixo de te respeitar. APENAS não concordo. E gostaria de ser respeitada por isso.

    Beijos.

  • Gustavo Wylde

    Não falei que esse papo de “Deus na sua vida” era uma hipocrisia do caralho?

    o cara comer a irmã dele pra “Ava’ era o fim do mundo.

    Mas difamar o Doutor Health usando palavras xulas é normal e aceito né Ava?

    Tenho pena de pessoas como você, com o cérebro menor do que de um ave.

    É por isso que eu digo, é melhor confiar num cético do que em um crente, pois o cético acredita no que há provas, evidências.

    E o crente…bom, pra esse, “no ** dos outros é refresco…

  • Gustavo Wylde

    Não falei que esse papo de “Deus na sua vida” era uma hipocrisia do caralho?

    o cara comer a irmã dele pra “Ava’ era o fim do mundo.

    Mas difamar o Doutor Health usando palavras xulas é normal e aceito né Ava?

    Tenho pena de pessoas como você, com o cérebro menor do que de um ave.

    É por isso que eu digo, é melhor confiar num cético do que em um crente, pois o cético acredita no que há provas, evidências.

    E o crente…bom, pra esse, “no ** dos outros é refresco…

  • Gustavo Wylde

    Não falei que esse papo de “Deus na sua vida” era uma hipocrisia do caralho?

    o cara comer a irmã dele pra “Ava’ era o fim do mundo.

    Mas difamar o Doutor Health usando palavras xulas é normal e aceito né Ava?

    Tenho pena de pessoas como você, com o cérebro menor do que de um ave.

    É por isso que eu digo, é melhor confiar num cético do que em um crente, pois o cético acredita no que há provas, evidências.

    E o crente…bom, pra esse, “no ** dos outros é refresco…

  • Gustavo Wylde

    Não falei que esse papo de “Deus na sua vida” era uma hipocrisia do caralho?

    o cara comer a irmã dele pra “Ava’ era o fim do mundo.

    Mas difamar o Doutor Health usando palavras xulas é normal e aceito né Ava?

    Tenho pena de pessoas como você, com o cérebro menor do que de um ave.

    É por isso que eu digo, é melhor confiar num cético do que em um crente, pois o cético acredita no que há provas, evidências.

    E o crente…bom, pra esse, “no ** dos outros é refresco…

  • Gustavo Wylde

    Não falei que esse papo de “Deus na sua vida” era uma hipocrisia do caralho?

    o cara comer a irmã dele pra “Ava’ era o fim do mundo.

    Mas difamar o Doutor Health usando palavras xulas é normal e aceito né Ava?

    Tenho pena de pessoas como você, com o cérebro menor do que de um ave.

    É por isso que eu digo, é melhor confiar num cético do que em um crente, pois o cético acredita no que há provas, evidências.

    E o crente…bom, pra esse, “no ** dos outros é refresco…

  • Milorde

    Gustavo, se vc leu os posts acima, vai ver uma colocação interessante da Wilma, que irei reproduzir abaixo:

    “E muito menos me considero apta a julgar as pessoas por terem preconceitos (ou não) com quem acredita em Deus! Albert Einstein tem uma frase que considero oportuníssima sobre isso: “OS HOMENS QUE CRÊEM NA CIÊNCIA NÃO SÃO MENOS CRÉDULOS DO QUE AQUELES QUE ACREDITAM EM DEUS SOB TODAS AS SUAS FORMAS”. A crença é a mesma. O “objeto” da crença é que muda. E isso é que faz as perspectivas serem diferentes…Cada um crê naquilo que corresponda suas expectativas!”

    Isso por si só derruba seu argumento, já q quem crê, crê em alguma coisa, independete de ser Deus ou provas Florences. Florences digo pq a existencia de Deus até hj não pode ser provada ser negativa, e existem entusiasmas da Fisica quantica q dizem serem capazes de provar q ele realmente existe, e infelizmente isto não se aplica a dna, impressão digital e etc.

    Outra, vc acaba de derrubar a sua propria motivação. Pois dizer que uma pessoa de Acredita em Deus não é confiavel por causa da atitude de uma só, é um grande ato de descriminação e preconceito, o mesmo seria julgar alguem por cometer incesto ou ser homossexual.

  • Milorde

    Gustavo, se vc leu os posts acima, vai ver uma colocação interessante da Wilma, que irei reproduzir abaixo:

    “E muito menos me considero apta a julgar as pessoas por terem preconceitos (ou não) com quem acredita em Deus! Albert Einstein tem uma frase que considero oportuníssima sobre isso: “OS HOMENS QUE CRÊEM NA CIÊNCIA NÃO SÃO MENOS CRÉDULOS DO QUE AQUELES QUE ACREDITAM EM DEUS SOB TODAS AS SUAS FORMAS”. A crença é a mesma. O “objeto” da crença é que muda. E isso é que faz as perspectivas serem diferentes…Cada um crê naquilo que corresponda suas expectativas!”

    Isso por si só derruba seu argumento, já q quem crê, crê em alguma coisa, independete de ser Deus ou provas Florences. Florences digo pq a existencia de Deus até hj não pode ser provada ser negativa, e existem entusiasmas da Fisica quantica q dizem serem capazes de provar q ele realmente existe, e infelizmente isto não se aplica a dna, impressão digital e etc.

    Outra, vc acaba de derrubar a sua propria motivação. Pois dizer que uma pessoa de Acredita em Deus não é confiavel por causa da atitude de uma só, é um grande ato de descriminação e preconceito, o mesmo seria julgar alguem por cometer incesto ou ser homossexual.

  • Milorde

    Gustavo, se vc leu os posts acima, vai ver uma colocação interessante da Wilma, que irei reproduzir abaixo:

    “E muito menos me considero apta a julgar as pessoas por terem preconceitos (ou não) com quem acredita em Deus! Albert Einstein tem uma frase que considero oportuníssima sobre isso: “OS HOMENS QUE CRÊEM NA CIÊNCIA NÃO SÃO MENOS CRÉDULOS DO QUE AQUELES QUE ACREDITAM EM DEUS SOB TODAS AS SUAS FORMAS”. A crença é a mesma. O “objeto” da crença é que muda. E isso é que faz as perspectivas serem diferentes…Cada um crê naquilo que corresponda suas expectativas!”

    Isso por si só derruba seu argumento, já q quem crê, crê em alguma coisa, independete de ser Deus ou provas Florences. Florences digo pq a existencia de Deus até hj não pode ser provada ser negativa, e existem entusiasmas da Fisica quantica q dizem serem capazes de provar q ele realmente existe, e infelizmente isto não se aplica a dna, impressão digital e etc.

    Outra, vc acaba de derrubar a sua propria motivação. Pois dizer que uma pessoa de Acredita em Deus não é confiavel por causa da atitude de uma só, é um grande ato de descriminação e preconceito, o mesmo seria julgar alguem por cometer incesto ou ser homossexual.

  • Milorde

    Gustavo, se vc leu os posts acima, vai ver uma colocação interessante da Wilma, que irei reproduzir abaixo:

    “E muito menos me considero apta a julgar as pessoas por terem preconceitos (ou não) com quem acredita em Deus! Albert Einstein tem uma frase que considero oportuníssima sobre isso: “OS HOMENS QUE CRÊEM NA CIÊNCIA NÃO SÃO MENOS CRÉDULOS DO QUE AQUELES QUE ACREDITAM EM DEUS SOB TODAS AS SUAS FORMAS”. A crença é a mesma. O “objeto” da crença é que muda. E isso é que faz as perspectivas serem diferentes…Cada um crê naquilo que corresponda suas expectativas!”

    Isso por si só derruba seu argumento, já q quem crê, crê em alguma coisa, independete de ser Deus ou provas Florences. Florences digo pq a existencia de Deus até hj não pode ser provada ser negativa, e existem entusiasmas da Fisica quantica q dizem serem capazes de provar q ele realmente existe, e infelizmente isto não se aplica a dna, impressão digital e etc.

    Outra, vc acaba de derrubar a sua propria motivação. Pois dizer que uma pessoa de Acredita em Deus não é confiavel por causa da atitude de uma só, é um grande ato de descriminação e preconceito, o mesmo seria julgar alguem por cometer incesto ou ser homossexual.

  • Milorde

    Gustavo, se vc leu os posts acima, vai ver uma colocação interessante da Wilma, que irei reproduzir abaixo:

    “E muito menos me considero apta a julgar as pessoas por terem preconceitos (ou não) com quem acredita em Deus! Albert Einstein tem uma frase que considero oportuníssima sobre isso: “OS HOMENS QUE CRÊEM NA CIÊNCIA NÃO SÃO MENOS CRÉDULOS DO QUE AQUELES QUE ACREDITAM EM DEUS SOB TODAS AS SUAS FORMAS”. A crença é a mesma. O “objeto” da crença é que muda. E isso é que faz as perspectivas serem diferentes…Cada um crê naquilo que corresponda suas expectativas!”

    Isso por si só derruba seu argumento, já q quem crê, crê em alguma coisa, independete de ser Deus ou provas Florences. Florences digo pq a existencia de Deus até hj não pode ser provada ser negativa, e existem entusiasmas da Fisica quantica q dizem serem capazes de provar q ele realmente existe, e infelizmente isto não se aplica a dna, impressão digital e etc.

    Outra, vc acaba de derrubar a sua propria motivação. Pois dizer que uma pessoa de Acredita em Deus não é confiavel por causa da atitude de uma só, é um grande ato de descriminação e preconceito, o mesmo seria julgar alguem por cometer incesto ou ser homossexual.

  • Milorde

    Gustavo, se vc leu os posts acima, vai ver uma colocação interessante da Wilma, que irei reproduzir abaixo:

    “E muito menos me considero apta a julgar as pessoas por terem preconceitos (ou não) com quem acredita em Deus! Albert Einstein tem uma frase que considero oportuníssima sobre isso: “OS HOMENS QUE CRÊEM NA CIÊNCIA NÃO SÃO MENOS CRÉDULOS DO QUE AQUELES QUE ACREDITAM EM DEUS SOB TODAS AS SUAS FORMAS”. A crença é a mesma. O “objeto” da crença é que muda. E isso é que faz as perspectivas serem diferentes…Cada um crê naquilo que corresponda suas expectativas!”

    Isso por si só derruba seu argumento, já q quem crê, crê em alguma coisa, independete de ser Deus ou provas Florences. Florences digo pq a existencia de Deus até hj não pode ser provada ser negativa, e existem entusiasmas da Fisica quantica q dizem serem capazes de provar q ele realmente existe, e infelizmente isto não se aplica a dna, impressão digital e etc.

    Outra, vc acaba de derrubar a sua propria motivação. Pois dizer que uma pessoa de Acredita em Deus não é confiavel por causa da atitude de uma só, é um grande ato de descriminação e preconceito, o mesmo seria julgar alguem por cometer incesto ou ser homossexual.

  • Milorde

    Gustavo, se vc leu os posts acima, vai ver uma colocação interessante da Wilma, que irei reproduzir abaixo:

    “E muito menos me considero apta a julgar as pessoas por terem preconceitos (ou não) com quem acredita em Deus! Albert Einstein tem uma frase que considero oportuníssima sobre isso: “OS HOMENS QUE CRÊEM NA CIÊNCIA NÃO SÃO MENOS CRÉDULOS DO QUE AQUELES QUE ACREDITAM EM DEUS SOB TODAS AS SUAS FORMAS”. A crença é a mesma. O “objeto” da crença é que muda. E isso é que faz as perspectivas serem diferentes…Cada um crê naquilo que corresponda suas expectativas!”

    Isso por si só derruba seu argumento, já q quem crê, crê em alguma coisa, independete de ser Deus ou provas Florences. Florences digo pq a existencia de Deus até hj não pode ser provada ser negativa, e existem entusiasmas da Fisica quantica q dizem serem capazes de provar q ele realmente existe, e infelizmente isto não se aplica a dna, impressão digital e etc.

    Outra, vc acaba de derrubar a sua propria motivação. Pois dizer que uma pessoa de Acredita em Deus não é confiavel por causa da atitude de uma só, é um grande ato de descriminação e preconceito, o mesmo seria julgar alguem por cometer incesto ou ser homossexual.

  • Wilma Flintstone

    @Carla,
    “Concordo com muita coisa que o anônimo disse.
    Aliás, como nordestina devo dizer que não é normal o incesto e os casamentos consaguíneos nem no litoral, nem no interior, nem na caatinga. Umas 3 gerações atrás era comum casamento entre primos por uma questão social: as famílias ficaram escassas por causa da imigração para o sudeste (tentativa de melhoria de vida). Pois é, o sertão nordestino não é nenhum exemplo de modernidade e desenvolvimento, como já foi ironizado.”

    Não me referi ao fato de “ser normal” ou não, mas ao fato de ser “uma opção considerável” na cabeça das pessoas que conheci (algo que, para a maioria de nós, nem chega a ser!). É aquilo: eles sabem que não é “moralmente aceito”? Sabem. Todos sabemos. Mas ficava aquela pergunta no vácuo, presente, mas sem ser dita: “e daí????”
    Se isso é fruto das condições de vida deles, não sei. É provável. Até porque eu não estava ali para saber sobre isso…as pessoas contam sobre suas vidas informalmente, então sai muita coisa…Mas quem deve saber estatisticamente sobre isso são os párocos das cidadezinhas, que efetivamente “convivem e batizam” estas pessoas. Acredito eu que ELES SIM convivem com grandes “dilemas morais” no dia-a-dia…não seus fiéis!
    E creia, ainda acontece. Mesmo que o “êxodo” tenha diminuído, acontece. Se é porque “a cultura se modificou mediante a necessidade”, não sei. Mas acontece.

    Quanto à ironia, não me pronuncio sobre o que não penso ou escrevo.

    Beijo.

  • Wilma Flintstone

    @Carla,
    “Concordo com muita coisa que o anônimo disse.
    Aliás, como nordestina devo dizer que não é normal o incesto e os casamentos consaguíneos nem no litoral, nem no interior, nem na caatinga. Umas 3 gerações atrás era comum casamento entre primos por uma questão social: as famílias ficaram escassas por causa da imigração para o sudeste (tentativa de melhoria de vida). Pois é, o sertão nordestino não é nenhum exemplo de modernidade e desenvolvimento, como já foi ironizado.”

    Não me referi ao fato de “ser normal” ou não, mas ao fato de ser “uma opção considerável” na cabeça das pessoas que conheci (algo que, para a maioria de nós, nem chega a ser!). É aquilo: eles sabem que não é “moralmente aceito”? Sabem. Todos sabemos. Mas ficava aquela pergunta no vácuo, presente, mas sem ser dita: “e daí????”
    Se isso é fruto das condições de vida deles, não sei. É provável. Até porque eu não estava ali para saber sobre isso…as pessoas contam sobre suas vidas informalmente, então sai muita coisa…Mas quem deve saber estatisticamente sobre isso são os párocos das cidadezinhas, que efetivamente “convivem e batizam” estas pessoas. Acredito eu que ELES SIM convivem com grandes “dilemas morais” no dia-a-dia…não seus fiéis!
    E creia, ainda acontece. Mesmo que o “êxodo” tenha diminuído, acontece. Se é porque “a cultura se modificou mediante a necessidade”, não sei. Mas acontece.

    Quanto à ironia, não me pronuncio sobre o que não penso ou escrevo.

    Beijo.

  • Wilma Flintstone

    @Carla,
    “Concordo com muita coisa que o anônimo disse.
    Aliás, como nordestina devo dizer que não é normal o incesto e os casamentos consaguíneos nem no litoral, nem no interior, nem na caatinga. Umas 3 gerações atrás era comum casamento entre primos por uma questão social: as famílias ficaram escassas por causa da imigração para o sudeste (tentativa de melhoria de vida). Pois é, o sertão nordestino não é nenhum exemplo de modernidade e desenvolvimento, como já foi ironizado.”

    Não me referi ao fato de “ser normal” ou não, mas ao fato de ser “uma opção considerável” na cabeça das pessoas que conheci (algo que, para a maioria de nós, nem chega a ser!). É aquilo: eles sabem que não é “moralmente aceito”? Sabem. Todos sabemos. Mas ficava aquela pergunta no vácuo, presente, mas sem ser dita: “e daí????”
    Se isso é fruto das condições de vida deles, não sei. É provável. Até porque eu não estava ali para saber sobre isso…as pessoas contam sobre suas vidas informalmente, então sai muita coisa…Mas quem deve saber estatisticamente sobre isso são os párocos das cidadezinhas, que efetivamente “convivem e batizam” estas pessoas. Acredito eu que ELES SIM convivem com grandes “dilemas morais” no dia-a-dia…não seus fiéis!
    E creia, ainda acontece. Mesmo que o “êxodo” tenha diminuído, acontece. Se é porque “a cultura se modificou mediante a necessidade”, não sei. Mas acontece.

    Quanto à ironia, não me pronuncio sobre o que não penso ou escrevo.

    Beijo.

  • Wilma Flintstone

    @Carla,
    “Concordo com muita coisa que o anônimo disse.
    Aliás, como nordestina devo dizer que não é normal o incesto e os casamentos consaguíneos nem no litoral, nem no interior, nem na caatinga. Umas 3 gerações atrás era comum casamento entre primos por uma questão social: as famílias ficaram escassas por causa da imigração para o sudeste (tentativa de melhoria de vida). Pois é, o sertão nordestino não é nenhum exemplo de modernidade e desenvolvimento, como já foi ironizado.”

    Não me referi ao fato de “ser normal” ou não, mas ao fato de ser “uma opção considerável” na cabeça das pessoas que conheci (algo que, para a maioria de nós, nem chega a ser!). É aquilo: eles sabem que não é “moralmente aceito”? Sabem. Todos sabemos. Mas ficava aquela pergunta no vácuo, presente, mas sem ser dita: “e daí????”
    Se isso é fruto das condições de vida deles, não sei. É provável. Até porque eu não estava ali para saber sobre isso…as pessoas contam sobre suas vidas informalmente, então sai muita coisa…Mas quem deve saber estatisticamente sobre isso são os párocos das cidadezinhas, que efetivamente “convivem e batizam” estas pessoas. Acredito eu que ELES SIM convivem com grandes “dilemas morais” no dia-a-dia…não seus fiéis!
    E creia, ainda acontece. Mesmo que o “êxodo” tenha diminuído, acontece. Se é porque “a cultura se modificou mediante a necessidade”, não sei. Mas acontece.

    Quanto à ironia, não me pronuncio sobre o que não penso ou escrevo.

    Beijo.

  • Wilma Flintstone

    @Carla,
    “Concordo com muita coisa que o anônimo disse.
    Aliás, como nordestina devo dizer que não é normal o incesto e os casamentos consaguíneos nem no litoral, nem no interior, nem na caatinga. Umas 3 gerações atrás era comum casamento entre primos por uma questão social: as famílias ficaram escassas por causa da imigração para o sudeste (tentativa de melhoria de vida). Pois é, o sertão nordestino não é nenhum exemplo de modernidade e desenvolvimento, como já foi ironizado.”

    Não me referi ao fato de “ser normal” ou não, mas ao fato de ser “uma opção considerável” na cabeça das pessoas que conheci (algo que, para a maioria de nós, nem chega a ser!). É aquilo: eles sabem que não é “moralmente aceito”? Sabem. Todos sabemos. Mas ficava aquela pergunta no vácuo, presente, mas sem ser dita: “e daí????”
    Se isso é fruto das condições de vida deles, não sei. É provável. Até porque eu não estava ali para saber sobre isso…as pessoas contam sobre suas vidas informalmente, então sai muita coisa…Mas quem deve saber estatisticamente sobre isso são os párocos das cidadezinhas, que efetivamente “convivem e batizam” estas pessoas. Acredito eu que ELES SIM convivem com grandes “dilemas morais” no dia-a-dia…não seus fiéis!
    E creia, ainda acontece. Mesmo que o “êxodo” tenha diminuído, acontece. Se é porque “a cultura se modificou mediante a necessidade”, não sei. Mas acontece.

    Quanto à ironia, não me pronuncio sobre o que não penso ou escrevo.

    Beijo.

  • Wilma Flintstone

    @Carla,
    “Concordo com muita coisa que o anônimo disse.
    Aliás, como nordestina devo dizer que não é normal o incesto e os casamentos consaguíneos nem no litoral, nem no interior, nem na caatinga. Umas 3 gerações atrás era comum casamento entre primos por uma questão social: as famílias ficaram escassas por causa da imigração para o sudeste (tentativa de melhoria de vida). Pois é, o sertão nordestino não é nenhum exemplo de modernidade e desenvolvimento, como já foi ironizado.”

    Não me referi ao fato de “ser normal” ou não, mas ao fato de ser “uma opção considerável” na cabeça das pessoas que conheci (algo que, para a maioria de nós, nem chega a ser!). É aquilo: eles sabem que não é “moralmente aceito”? Sabem. Todos sabemos. Mas ficava aquela pergunta no vácuo, presente, mas sem ser dita: “e daí????”
    Se isso é fruto das condições de vida deles, não sei. É provável. Até porque eu não estava ali para saber sobre isso…as pessoas contam sobre suas vidas informalmente, então sai muita coisa…Mas quem deve saber estatisticamente sobre isso são os párocos das cidadezinhas, que efetivamente “convivem e batizam” estas pessoas. Acredito eu que ELES SIM convivem com grandes “dilemas morais” no dia-a-dia…não seus fiéis!
    E creia, ainda acontece. Mesmo que o “êxodo” tenha diminuído, acontece. Se é porque “a cultura se modificou mediante a necessidade”, não sei. Mas acontece.

    Quanto à ironia, não me pronuncio sobre o que não penso ou escrevo.

    Beijo.

  • Wilma Flintstone

    @Carla,
    “Concordo com muita coisa que o anônimo disse.
    Aliás, como nordestina devo dizer que não é normal o incesto e os casamentos consaguíneos nem no litoral, nem no interior, nem na caatinga. Umas 3 gerações atrás era comum casamento entre primos por uma questão social: as famílias ficaram escassas por causa da imigração para o sudeste (tentativa de melhoria de vida). Pois é, o sertão nordestino não é nenhum exemplo de modernidade e desenvolvimento, como já foi ironizado.”

    Não me referi ao fato de “ser normal” ou não, mas ao fato de ser “uma opção considerável” na cabeça das pessoas que conheci (algo que, para a maioria de nós, nem chega a ser!). É aquilo: eles sabem que não é “moralmente aceito”? Sabem. Todos sabemos. Mas ficava aquela pergunta no vácuo, presente, mas sem ser dita: “e daí????”
    Se isso é fruto das condições de vida deles, não sei. É provável. Até porque eu não estava ali para saber sobre isso…as pessoas contam sobre suas vidas informalmente, então sai muita coisa…Mas quem deve saber estatisticamente sobre isso são os párocos das cidadezinhas, que efetivamente “convivem e batizam” estas pessoas. Acredito eu que ELES SIM convivem com grandes “dilemas morais” no dia-a-dia…não seus fiéis!
    E creia, ainda acontece. Mesmo que o “êxodo” tenha diminuído, acontece. Se é porque “a cultura se modificou mediante a necessidade”, não sei. Mas acontece.

    Quanto à ironia, não me pronuncio sobre o que não penso ou escrevo.

    Beijo.

  • Dr Health

    Juridicamente falando é absurdo sim, Milorde.

    Uma criança de 13 anos (exemplo) NUNCA terá capacidade civil. Nem que a sociedade queira. Por que ? Nem que a sociedade queira ela atingira a maturidade necessária para tal. Para isso seria necessária uma revolução genética-fenotípica-darwiniana imensa. Chance zero.

    E Ava, eu tô rindo da sua cara, HAHAHAHAHA, gargalhando,aliás. Agora não vou responder SÓ DE SACANAGEM… Fique nas trevas da inguinorança.

    Sifu ! Tomou no toba. Senta e chora.

  • Dr Health

    Juridicamente falando é absurdo sim, Milorde.

    Uma criança de 13 anos (exemplo) NUNCA terá capacidade civil. Nem que a sociedade queira. Por que ? Nem que a sociedade queira ela atingira a maturidade necessária para tal. Para isso seria necessária uma revolução genética-fenotípica-darwiniana imensa. Chance zero.

    E Ava, eu tô rindo da sua cara, HAHAHAHAHA, gargalhando,aliás. Agora não vou responder SÓ DE SACANAGEM… Fique nas trevas da inguinorança.

    Sifu ! Tomou no toba. Senta e chora.

  • Dr Health

    Juridicamente falando é absurdo sim, Milorde.

    Uma criança de 13 anos (exemplo) NUNCA terá capacidade civil. Nem que a sociedade queira. Por que ? Nem que a sociedade queira ela atingira a maturidade necessária para tal. Para isso seria necessária uma revolução genética-fenotípica-darwiniana imensa. Chance zero.

    E Ava, eu tô rindo da sua cara, HAHAHAHAHA, gargalhando,aliás. Agora não vou responder SÓ DE SACANAGEM… Fique nas trevas da inguinorança.

    Sifu ! Tomou no toba. Senta e chora.

  • Dr Health

    Juridicamente falando é absurdo sim, Milorde.

    Uma criança de 13 anos (exemplo) NUNCA terá capacidade civil. Nem que a sociedade queira. Por que ? Nem que a sociedade queira ela atingira a maturidade necessária para tal. Para isso seria necessária uma revolução genética-fenotípica-darwiniana imensa. Chance zero.

    E Ava, eu tô rindo da sua cara, HAHAHAHAHA, gargalhando,aliás. Agora não vou responder SÓ DE SACANAGEM… Fique nas trevas da inguinorança.

    Sifu ! Tomou no toba. Senta e chora.

  • Dr Health

    Juridicamente falando é absurdo sim, Milorde.

    Uma criança de 13 anos (exemplo) NUNCA terá capacidade civil. Nem que a sociedade queira. Por que ? Nem que a sociedade queira ela atingira a maturidade necessária para tal. Para isso seria necessária uma revolução genética-fenotípica-darwiniana imensa. Chance zero.

    E Ava, eu tô rindo da sua cara, HAHAHAHAHA, gargalhando,aliás. Agora não vou responder SÓ DE SACANAGEM… Fique nas trevas da inguinorança.

    Sifu ! Tomou no toba. Senta e chora.

  • Dr Health

    Juridicamente falando é absurdo sim, Milorde.

    Uma criança de 13 anos (exemplo) NUNCA terá capacidade civil. Nem que a sociedade queira. Por que ? Nem que a sociedade queira ela atingira a maturidade necessária para tal. Para isso seria necessária uma revolução genética-fenotípica-darwiniana imensa. Chance zero.

    E Ava, eu tô rindo da sua cara, HAHAHAHAHA, gargalhando,aliás. Agora não vou responder SÓ DE SACANAGEM… Fique nas trevas da inguinorança.

    Sifu ! Tomou no toba. Senta e chora.

  • Dr Health

    Juridicamente falando é absurdo sim, Milorde.

    Uma criança de 13 anos (exemplo) NUNCA terá capacidade civil. Nem que a sociedade queira. Por que ? Nem que a sociedade queira ela atingira a maturidade necessária para tal. Para isso seria necessária uma revolução genética-fenotípica-darwiniana imensa. Chance zero.

    E Ava, eu tô rindo da sua cara, HAHAHAHAHA, gargalhando,aliás. Agora não vou responder SÓ DE SACANAGEM… Fique nas trevas da inguinorança.

    Sifu ! Tomou no toba. Senta e chora.

  • Wilma Flintstone

    @Carla,
    “Concordo com muita coisa que o anônimo disse.
    Aliás, como nordestina devo dizer que não é normal o incesto e os casamentos consaguíneos nem no litoral, nem no interior, nem na caatinga. Umas 3 gerações atrás era comum casamento entre primos por uma questão social: as famílias ficaram escassas por causa da imigração para o sudeste (tentativa de melhoria de vida). Pois é, o sertão nordestino não é nenhum exemplo de modernidade e desenvolvimento, como já foi ironizado.”

    Não me referi ao fato de “ser normal” ou não, mas ao fato de ser “uma opção considerável” na cabeça das pessoas que conheci (algo que, para a maioria de nós, nem chega a ser!). É aquilo: eles sabem que não é “moralmente aceito”? Sabem. Todos sabemos. Mas ficava aquela pergunta no vácuo, presente, mas sem ser dita: “e daí????”
    Se isso é fruto das condições de vida deles, não sei. É provável. Até porque eu não estava ali para saber sobre isso…as pessoas contam sobre suas vidas informalmente, então sai muita coisa…Mas quem deve saber estatisticamente sobre isso são os párocos das cidadezinhas, que efetivamente “convivem e batizam” estas pessoas. Acredito eu que ELES SIM convivem com grandes “dilemas morais” no dia-a-dia…não seus fiéis!
    E creia, ainda acontece. Mesmo que o “êxodo” tenha diminuído, acontece. Se é porque “a cultura se modificou mediante a necessidade”, não sei. Mas acontece.

    Quanto à ironia, não me pronuncio sobre o que não penso ou escrevo.

    Beijo.

  • Dr Health

    Juridicamente falando é absurdo sim, Milorde.

    Uma criança de 13 anos (exemplo) NUNCA terá capacidade civil. Nem que a sociedade queira. Por que ? Nem que a sociedade queira ela atingira a maturidade necessária para tal. Para isso seria necessária uma revolução genética-fenotípica-darwiniana imensa. Chance zero.

    E Ava, eu tô rindo da sua cara, HAHAHAHAHA, gargalhando,aliás. Agora não vou responder SÓ DE SACANAGEM… Fique nas trevas da inguinorança.

    Sifu ! Tomou no toba. Senta e chora.

  • Milorde

    Wilma, Não querendo ater a discussão de vc com o Anonimo, mas querendo comentar de uma opinião que vc expressou, junto ao seu interesse academico:

    “Mas como CIVILIZAÇÃO, estamos em constante revolução, em mudança o tempo todo…e sou feliz por isso! Quem muda para melhor, cresce de alguma forma. E EVOLUI.”

    Pois bem. Já falei que tenho um livro chamado a História da maldade, ele conta um estudo q fizeram neste campo socio-politico-moral da civilização humana ao longo dos tempos e ele afirma uma coisa. Q o ser humano não evolui moralmente, diferente da tecnologia q segue uma linha evolutiva, a moral e etica humana é presa a ciclos de Puritanismo e Libertinagem, e a cada rodada que este ciclo faz, mas ele afunda em preceitos libertinos. Essa luta que muitos chamam de modernidade, já foi antigamente moderno tb, e quando se estabeleceu era moderno lutar pelos valores da familia, o puritanismo tb. E assim vai.

  • Milorde

    Wilma, Não querendo ater a discussão de vc com o Anonimo, mas querendo comentar de uma opinião que vc expressou, junto ao seu interesse academico:

    “Mas como CIVILIZAÇÃO, estamos em constante revolução, em mudança o tempo todo…e sou feliz por isso! Quem muda para melhor, cresce de alguma forma. E EVOLUI.”

    Pois bem. Já falei que tenho um livro chamado a História da maldade, ele conta um estudo q fizeram neste campo socio-politico-moral da civilização humana ao longo dos tempos e ele afirma uma coisa. Q o ser humano não evolui moralmente, diferente da tecnologia q segue uma linha evolutiva, a moral e etica humana é presa a ciclos de Puritanismo e Libertinagem, e a cada rodada que este ciclo faz, mas ele afunda em preceitos libertinos. Essa luta que muitos chamam de modernidade, já foi antigamente moderno tb, e quando se estabeleceu era moderno lutar pelos valores da familia, o puritanismo tb. E assim vai.

  • Milorde

    Wilma, Não querendo ater a discussão de vc com o Anonimo, mas querendo comentar de uma opinião que vc expressou, junto ao seu interesse academico:

    “Mas como CIVILIZAÇÃO, estamos em constante revolução, em mudança o tempo todo…e sou feliz por isso! Quem muda para melhor, cresce de alguma forma. E EVOLUI.”

    Pois bem. Já falei que tenho um livro chamado a História da maldade, ele conta um estudo q fizeram neste campo socio-politico-moral da civilização humana ao longo dos tempos e ele afirma uma coisa. Q o ser humano não evolui moralmente, diferente da tecnologia q segue uma linha evolutiva, a moral e etica humana é presa a ciclos de Puritanismo e Libertinagem, e a cada rodada que este ciclo faz, mas ele afunda em preceitos libertinos. Essa luta que muitos chamam de modernidade, já foi antigamente moderno tb, e quando se estabeleceu era moderno lutar pelos valores da familia, o puritanismo tb. E assim vai.

  • Wilma Flintstone

    @Jade,
    Foi exatamente da tua piada que me lembrei, menina! rsrsrs…

    Beijos!

  • Wilma Flintstone

    @Jade,
    Foi exatamente da tua piada que me lembrei, menina! rsrsrs…

    Beijos!

  • Wilma Flintstone

    @Jade,
    Foi exatamente da tua piada que me lembrei, menina! rsrsrs…

    Beijos!

  • Gustavo Wylde

    Milorde mudou seu discurso?

    Não era você que achava engraçado, uma pessoa não aceitar, e não desejar que exista um ser superior?

    Agora faz parte do time, “to na minha e respeito, toda e qualquer opinião alheia” só porque é mais bonito e correto?

    No geral nenhuma pessoa é confiável, e com as crentes essa porcentagem aumenta consideravelmente.

    O pensamento dessa gente é “vou conquistar o lote da minha familia no céu, com luz água encanada e onibus pro centro, o resto que se exploda”

    Já leu as idéias de Epícuro? É possível ser correto, ter honra e viver feliz sem ter um deus.

    “Deus deseja prevenir o mal, mas não é capaz? Então não é onipotente. É capaz, mas não deseja? Então é malevolente. É capaz e deseja? Então por que o mal existe? Não é capaz e nem deseja? Então por que lhe chamamos Deus?” Epicuro

    Não me venha com essa conversinha mole não.

    Vá plantar batatas!

  • Gustavo Wylde

    Milorde mudou seu discurso?

    Não era você que achava engraçado, uma pessoa não aceitar, e não desejar que exista um ser superior?

    Agora faz parte do time, “to na minha e respeito, toda e qualquer opinião alheia” só porque é mais bonito e correto?

    No geral nenhuma pessoa é confiável, e com as crentes essa porcentagem aumenta consideravelmente.

    O pensamento dessa gente é “vou conquistar o lote da minha familia no céu, com luz água encanada e onibus pro centro, o resto que se exploda”

    Já leu as idéias de Epícuro? É possível ser correto, ter honra e viver feliz sem ter um deus.

    “Deus deseja prevenir o mal, mas não é capaz? Então não é onipotente. É capaz, mas não deseja? Então é malevolente. É capaz e deseja? Então por que o mal existe? Não é capaz e nem deseja? Então por que lhe chamamos Deus?” Epicuro

    Não me venha com essa conversinha mole não.

    Vá plantar batatas!

  • Gustavo Wylde

    Milorde mudou seu discurso?

    Não era você que achava engraçado, uma pessoa não aceitar, e não desejar que exista um ser superior?

    Agora faz parte do time, “to na minha e respeito, toda e qualquer opinião alheia” só porque é mais bonito e correto?

    No geral nenhuma pessoa é confiável, e com as crentes essa porcentagem aumenta consideravelmente.

    O pensamento dessa gente é “vou conquistar o lote da minha familia no céu, com luz água encanada e onibus pro centro, o resto que se exploda”

    Já leu as idéias de Epícuro? É possível ser correto, ter honra e viver feliz sem ter um deus.

    “Deus deseja prevenir o mal, mas não é capaz? Então não é onipotente. É capaz, mas não deseja? Então é malevolente. É capaz e deseja? Então por que o mal existe? Não é capaz e nem deseja? Então por que lhe chamamos Deus?” Epicuro

    Não me venha com essa conversinha mole não.

    Vá plantar batatas!

  • Wilma Flintstone

    @Milorde,

    E que conclusão chegamos disso?
    Que somos permissivos? Puritanos? Que o cultural influencia nossa vida individual, ou o indivíduo que molda a cultura de onde está inserido? Ou não é nada disso, e eu viajei?

    (já anotei o nome do livro, e vou procurar na biblioteca da universidade. Não sei se conseguirei lê-lo, mas tentarei, prometo).
    beijo.

  • Wilma Flintstone

    @Milorde,

    E que conclusão chegamos disso?
    Que somos permissivos? Puritanos? Que o cultural influencia nossa vida individual, ou o indivíduo que molda a cultura de onde está inserido? Ou não é nada disso, e eu viajei?

    (já anotei o nome do livro, e vou procurar na biblioteca da universidade. Não sei se conseguirei lê-lo, mas tentarei, prometo).
    beijo.

  • Wilma Flintstone

    @Milorde,

    E que conclusão chegamos disso?
    Que somos permissivos? Puritanos? Que o cultural influencia nossa vida individual, ou o indivíduo que molda a cultura de onde está inserido? Ou não é nada disso, e eu viajei?

    (já anotei o nome do livro, e vou procurar na biblioteca da universidade. Não sei se conseguirei lê-lo, mas tentarei, prometo).
    beijo.

  • Milorde

    Dr. não acredito no nunca, posso aceitar o fato de agora isso não ocorrer, mas não sou capaz de dizer q isso num futuro seja inviavel, ainda mais com exemplos a toda vista.

    Na era Antiga, como falei, as crianças gregas e romanas eram iniciadas sexualmente pelos seus mentores, e era aceito pela lei (ninguem era punido por tal ato).

    Na era Medieval, as garotas de 13 a 15 anos eram casadas com homens as vezes com o dobro de sua idade, uma garota de 18 anos era velha demais para casar.

    No seculo XX, um cantor famoso teve autorização de casar com a filha de seu primo de 13 anos (Quem nunca viu o filme biografio de Jerry Lee Lewis?)

    E sinceramente, se a onda de hendonismo continuar, não acho que daki há 100 ou 200 anos, isso não possa ser permitido.

    Quanto há “revolução genética-fenotípica-darwiniana imensa”, a pesquisa genetica anda avançando a cada dia, celulas troncos, manipulação de DNA, melhoramento genetico. Será q a chance realmente é zero?

    Dr. na boa, quero realmente está errado, o senhor certo e q isso nunca aconteça. Mas tenho meus receios.

  • Milorde

    Dr. não acredito no nunca, posso aceitar o fato de agora isso não ocorrer, mas não sou capaz de dizer q isso num futuro seja inviavel, ainda mais com exemplos a toda vista.

    Na era Antiga, como falei, as crianças gregas e romanas eram iniciadas sexualmente pelos seus mentores, e era aceito pela lei (ninguem era punido por tal ato).

    Na era Medieval, as garotas de 13 a 15 anos eram casadas com homens as vezes com o dobro de sua idade, uma garota de 18 anos era velha demais para casar.

    No seculo XX, um cantor famoso teve autorização de casar com a filha de seu primo de 13 anos (Quem nunca viu o filme biografio de Jerry Lee Lewis?)

    E sinceramente, se a onda de hendonismo continuar, não acho que daki há 100 ou 200 anos, isso não possa ser permitido.

    Quanto há “revolução genética-fenotípica-darwiniana imensa”, a pesquisa genetica anda avançando a cada dia, celulas troncos, manipulação de DNA, melhoramento genetico. Será q a chance realmente é zero?

    Dr. na boa, quero realmente está errado, o senhor certo e q isso nunca aconteça. Mas tenho meus receios.

  • Milorde

    Dr. não acredito no nunca, posso aceitar o fato de agora isso não ocorrer, mas não sou capaz de dizer q isso num futuro seja inviavel, ainda mais com exemplos a toda vista.

    Na era Antiga, como falei, as crianças gregas e romanas eram iniciadas sexualmente pelos seus mentores, e era aceito pela lei (ninguem era punido por tal ato).

    Na era Medieval, as garotas de 13 a 15 anos eram casadas com homens as vezes com o dobro de sua idade, uma garota de 18 anos era velha demais para casar.

    No seculo XX, um cantor famoso teve autorização de casar com a filha de seu primo de 13 anos (Quem nunca viu o filme biografio de Jerry Lee Lewis?)

    E sinceramente, se a onda de hendonismo continuar, não acho que daki há 100 ou 200 anos, isso não possa ser permitido.

    Quanto há “revolução genética-fenotípica-darwiniana imensa”, a pesquisa genetica anda avançando a cada dia, celulas troncos, manipulação de DNA, melhoramento genetico. Será q a chance realmente é zero?

    Dr. na boa, quero realmente está errado, o senhor certo e q isso nunca aconteça. Mas tenho meus receios.

  • Dr Health

    Se serve de consolo, Milorde, vc não estará vivo para ver tais fatos.

  • Dr Health

    Se serve de consolo, Milorde, vc não estará vivo para ver tais fatos.

  • Dr Health

    Se serve de consolo, Milorde, vc não estará vivo para ver tais fatos.

  • Dr Health

    Se serve de consolo, Milorde, vc não estará vivo para ver tais fatos.

  • Milorde

    Gustavo Wylde

    Milorde mudou seu discurso? Não era você que achava engraçado, uma pessoa não aceitar, e não desejar que exista um ser superior?

    - Não, não mudei, e ainda acho engraçado. Não, não desejo q exista, ele existe sim. Mas isso é a MINHA opinião. O q estou a conversar aki é sobre um assunto sem utilizar argumentos religiosos q a grnade maioria hj não entende e nem buscar entender (e falo dos dois lados)

    Agora faz parte do time, “to na minha e respeito, toda e qualquer opinião alheia” só porque é mais bonito e correto?

    - Não faço parte de time nenhum. Só acredito q não devo impor minhas verdade goela abaixo dos outros. E como falei não sou santo e não respeito quem derespeita os outros. Se é correto e bonito, pq não, tem q ser feio e errado para valer de alguma coisa. Por favor me poupe!

    Já leu as idéias de Epícuro? É possível ser correto, ter honra e viver feliz sem ter um deus.

    “Deus deseja prevenir o mal, mas não é capaz? Então não é onipotente. É capaz, mas não deseja? Então é malevolente. É capaz e deseja? Então por que o mal existe? Não é capaz e nem deseja? Então por que lhe chamamos Deus?” Epicuro

    - Não, não li, posso até buscar a ler. Mas pelo trecho q vc citou, ele deixou de considerar varios ramos filosoficos, principalmente akeles que tratam de Deus. Se le-se entenderia pq o Mal existe, e o mundo é como é.

    Não me venha com essa conversinha mole não.
    Vá plantar batatas!

    - Não sou estudante de agricultura e nem trabalho no campo para ter conhecimento de como se planta batata. Se tem duvidas disso busque no Google.

  • Milorde

    Gustavo Wylde

    Milorde mudou seu discurso? Não era você que achava engraçado, uma pessoa não aceitar, e não desejar que exista um ser superior?

    - Não, não mudei, e ainda acho engraçado. Não, não desejo q exista, ele existe sim. Mas isso é a MINHA opinião. O q estou a conversar aki é sobre um assunto sem utilizar argumentos religiosos q a grnade maioria hj não entende e nem buscar entender (e falo dos dois lados)

    Agora faz parte do time, “to na minha e respeito, toda e qualquer opinião alheia” só porque é mais bonito e correto?

    - Não faço parte de time nenhum. Só acredito q não devo impor minhas verdade goela abaixo dos outros. E como falei não sou santo e não respeito quem derespeita os outros. Se é correto e bonito, pq não, tem q ser feio e errado para valer de alguma coisa. Por favor me poupe!

    Já leu as idéias de Epícuro? É possível ser correto, ter honra e viver feliz sem ter um deus.

    “Deus deseja prevenir o mal, mas não é capaz? Então não é onipotente. É capaz, mas não deseja? Então é malevolente. É capaz e deseja? Então por que o mal existe? Não é capaz e nem deseja? Então por que lhe chamamos Deus?” Epicuro

    - Não, não li, posso até buscar a ler. Mas pelo trecho q vc citou, ele deixou de considerar varios ramos filosoficos, principalmente akeles que tratam de Deus. Se le-se entenderia pq o Mal existe, e o mundo é como é.

    Não me venha com essa conversinha mole não.
    Vá plantar batatas!

    - Não sou estudante de agricultura e nem trabalho no campo para ter conhecimento de como se planta batata. Se tem duvidas disso busque no Google.

  • Milorde

    Gustavo Wylde

    Milorde mudou seu discurso? Não era você que achava engraçado, uma pessoa não aceitar, e não desejar que exista um ser superior?

    - Não, não mudei, e ainda acho engraçado. Não, não desejo q exista, ele existe sim. Mas isso é a MINHA opinião. O q estou a conversar aki é sobre um assunto sem utilizar argumentos religiosos q a grnade maioria hj não entende e nem buscar entender (e falo dos dois lados)

    Agora faz parte do time, “to na minha e respeito, toda e qualquer opinião alheia” só porque é mais bonito e correto?

    - Não faço parte de time nenhum. Só acredito q não devo impor minhas verdade goela abaixo dos outros. E como falei não sou santo e não respeito quem derespeita os outros. Se é correto e bonito, pq não, tem q ser feio e errado para valer de alguma coisa. Por favor me poupe!

    Já leu as idéias de Epícuro? É possível ser correto, ter honra e viver feliz sem ter um deus.

    “Deus deseja prevenir o mal, mas não é capaz? Então não é onipotente. É capaz, mas não deseja? Então é malevolente. É capaz e deseja? Então por que o mal existe? Não é capaz e nem deseja? Então por que lhe chamamos Deus?” Epicuro

    - Não, não li, posso até buscar a ler. Mas pelo trecho q vc citou, ele deixou de considerar varios ramos filosoficos, principalmente akeles que tratam de Deus. Se le-se entenderia pq o Mal existe, e o mundo é como é.

    Não me venha com essa conversinha mole não.
    Vá plantar batatas!

    - Não sou estudante de agricultura e nem trabalho no campo para ter conhecimento de como se planta batata. Se tem duvidas disso busque no Google.

  • Milorde

    Gustavo Wylde

    Milorde mudou seu discurso? Não era você que achava engraçado, uma pessoa não aceitar, e não desejar que exista um ser superior?

    - Não, não mudei, e ainda acho engraçado. Não, não desejo q exista, ele existe sim. Mas isso é a MINHA opinião. O q estou a conversar aki é sobre um assunto sem utilizar argumentos religiosos q a grnade maioria hj não entende e nem buscar entender (e falo dos dois lados)

    Agora faz parte do time, “to na minha e respeito, toda e qualquer opinião alheia” só porque é mais bonito e correto?

    - Não faço parte de time nenhum. Só acredito q não devo impor minhas verdade goela abaixo dos outros. E como falei não sou santo e não respeito quem derespeita os outros. Se é correto e bonito, pq não, tem q ser feio e errado para valer de alguma coisa. Por favor me poupe!

    Já leu as idéias de Epícuro? É possível ser correto, ter honra e viver feliz sem ter um deus.

    “Deus deseja prevenir o mal, mas não é capaz? Então não é onipotente. É capaz, mas não deseja? Então é malevolente. É capaz e deseja? Então por que o mal existe? Não é capaz e nem deseja? Então por que lhe chamamos Deus?” Epicuro

    - Não, não li, posso até buscar a ler. Mas pelo trecho q vc citou, ele deixou de considerar varios ramos filosoficos, principalmente akeles que tratam de Deus. Se le-se entenderia pq o Mal existe, e o mundo é como é.

    Não me venha com essa conversinha mole não.
    Vá plantar batatas!

    - Não sou estudante de agricultura e nem trabalho no campo para ter conhecimento de como se planta batata. Se tem duvidas disso busque no Google.

  • Milorde

    Gustavo Wylde

    Milorde mudou seu discurso? Não era você que achava engraçado, uma pessoa não aceitar, e não desejar que exista um ser superior?

    - Não, não mudei, e ainda acho engraçado. Não, não desejo q exista, ele existe sim. Mas isso é a MINHA opinião. O q estou a conversar aki é sobre um assunto sem utilizar argumentos religiosos q a grnade maioria hj não entende e nem buscar entender (e falo dos dois lados)

    Agora faz parte do time, “to na minha e respeito, toda e qualquer opinião alheia” só porque é mais bonito e correto?

    - Não faço parte de time nenhum. Só acredito q não devo impor minhas verdade goela abaixo dos outros. E como falei não sou santo e não respeito quem derespeita os outros. Se é correto e bonito, pq não, tem q ser feio e errado para valer de alguma coisa. Por favor me poupe!

    Já leu as idéias de Epícuro? É possível ser correto, ter honra e viver feliz sem ter um deus.

    “Deus deseja prevenir o mal, mas não é capaz? Então não é onipotente. É capaz, mas não deseja? Então é malevolente. É capaz e deseja? Então por que o mal existe? Não é capaz e nem deseja? Então por que lhe chamamos Deus?” Epicuro

    - Não, não li, posso até buscar a ler. Mas pelo trecho q vc citou, ele deixou de considerar varios ramos filosoficos, principalmente akeles que tratam de Deus. Se le-se entenderia pq o Mal existe, e o mundo é como é.

    Não me venha com essa conversinha mole não.
    Vá plantar batatas!

    - Não sou estudante de agricultura e nem trabalho no campo para ter conhecimento de como se planta batata. Se tem duvidas disso busque no Google.

  • Milorde

    Wilma: Pelo q entendi no momento entramos numa fase de que tudo é permitido (de acordo com o livro e o q observo hj em dia). Mas como funciona a dinamica no momento não teria como te explicar. A noite, quando chegar em casa vou buscar o autor e postar aki. Ae vc pode até buscar na web, talvez vc ache.

    Dr. Heath: De certa forma vc tem razão, como individuo não teria o pq temer de tais coisas. Mas vendo a civilização humana de forma ampla, me preocupo com a forma q a humanidade conduz e como pode isso afetar nossos descendentes. Coloque isso desta forma, exemplo pratico. Se nossos antepassados tivessem a preocupação de não poluir de forma tão drástica nosso ambiente, hj não teriamos que temer o desmatamento, o aquecimento global, derretimento de calotas polares, a extinção da fauna e flora, aumento do nivel do mar e por ai vai.

  • Milorde

    Wilma: Pelo q entendi no momento entramos numa fase de que tudo é permitido (de acordo com o livro e o q observo hj em dia). Mas como funciona a dinamica no momento não teria como te explicar. A noite, quando chegar em casa vou buscar o autor e postar aki. Ae vc pode até buscar na web, talvez vc ache.

    Dr. Heath: De certa forma vc tem razão, como individuo não teria o pq temer de tais coisas. Mas vendo a civilização humana de forma ampla, me preocupo com a forma q a humanidade conduz e como pode isso afetar nossos descendentes. Coloque isso desta forma, exemplo pratico. Se nossos antepassados tivessem a preocupação de não poluir de forma tão drástica nosso ambiente, hj não teriamos que temer o desmatamento, o aquecimento global, derretimento de calotas polares, a extinção da fauna e flora, aumento do nivel do mar e por ai vai.

  • Milorde

    Wilma: Pelo q entendi no momento entramos numa fase de que tudo é permitido (de acordo com o livro e o q observo hj em dia). Mas como funciona a dinamica no momento não teria como te explicar. A noite, quando chegar em casa vou buscar o autor e postar aki. Ae vc pode até buscar na web, talvez vc ache.

    Dr. Heath: De certa forma vc tem razão, como individuo não teria o pq temer de tais coisas. Mas vendo a civilização humana de forma ampla, me preocupo com a forma q a humanidade conduz e como pode isso afetar nossos descendentes. Coloque isso desta forma, exemplo pratico. Se nossos antepassados tivessem a preocupação de não poluir de forma tão drástica nosso ambiente, hj não teriamos que temer o desmatamento, o aquecimento global, derretimento de calotas polares, a extinção da fauna e flora, aumento do nivel do mar e por ai vai.

  • Milorde

    Wilma: Pelo q entendi no momento entramos numa fase de que tudo é permitido (de acordo com o livro e o q observo hj em dia). Mas como funciona a dinamica no momento não teria como te explicar. A noite, quando chegar em casa vou buscar o autor e postar aki. Ae vc pode até buscar na web, talvez vc ache.

    Dr. Heath: De certa forma vc tem razão, como individuo não teria o pq temer de tais coisas. Mas vendo a civilização humana de forma ampla, me preocupo com a forma q a humanidade conduz e como pode isso afetar nossos descendentes. Coloque isso desta forma, exemplo pratico. Se nossos antepassados tivessem a preocupação de não poluir de forma tão drástica nosso ambiente, hj não teriamos que temer o desmatamento, o aquecimento global, derretimento de calotas polares, a extinção da fauna e flora, aumento do nivel do mar e por ai vai.

  • Milorde

    Wilma: Pelo q entendi no momento entramos numa fase de que tudo é permitido (de acordo com o livro e o q observo hj em dia). Mas como funciona a dinamica no momento não teria como te explicar. A noite, quando chegar em casa vou buscar o autor e postar aki. Ae vc pode até buscar na web, talvez vc ache.

    Dr. Heath: De certa forma vc tem razão, como individuo não teria o pq temer de tais coisas. Mas vendo a civilização humana de forma ampla, me preocupo com a forma q a humanidade conduz e como pode isso afetar nossos descendentes. Coloque isso desta forma, exemplo pratico. Se nossos antepassados tivessem a preocupação de não poluir de forma tão drástica nosso ambiente, hj não teriamos que temer o desmatamento, o aquecimento global, derretimento de calotas polares, a extinção da fauna e flora, aumento do nivel do mar e por ai vai.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Wilma, sugiro que você releia novamente o que escrevi e veja a forma como comentei e o cuidado que tive em ser idônea.
    Não retaliei nada do que vc disse, aliás não li todos os comentários. Dentre os que li, o anônimo falou algumas coisas que concordo. Ele ironizou o sertão nordestino e eu entendi a forma como ele colocou, tanto que esclareci a ele que não me senti ofendida. Ao contrário, concordei.
    Quanto ao cerne da discussão, manifestei minha opinião. Não é verdade absoluta (aliás sempre digo isso quando as discussões do PdH esquentam, rs). Continuo achando que casamentos consaguíneos não são comuns aqui e em lugar nenhum. Acontecem, claro e forneci uma evidência política/econômica/cultural que justifica uma maior frequência numa determinada época aqui no nordeste.
    Não levanto bandeiras regionalistas, feministas, sexuais, apenas manifesto minhas opiniões e sempre respeito as de outrem, mesmo que eu não concorde.
    É difícil se fazer entender completamente via web, vc não nota expressões, tom de voz e às vezes interpreta o que o outro fala da maneira como vc se sente.
    Espero que tenha entendido! :)
    :*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Wilma, sugiro que você releia novamente o que escrevi e veja a forma como comentei e o cuidado que tive em ser idônea.
    Não retaliei nada do que vc disse, aliás não li todos os comentários. Dentre os que li, o anônimo falou algumas coisas que concordo. Ele ironizou o sertão nordestino e eu entendi a forma como ele colocou, tanto que esclareci a ele que não me senti ofendida. Ao contrário, concordei.
    Quanto ao cerne da discussão, manifestei minha opinião. Não é verdade absoluta (aliás sempre digo isso quando as discussões do PdH esquentam, rs). Continuo achando que casamentos consaguíneos não são comuns aqui e em lugar nenhum. Acontecem, claro e forneci uma evidência política/econômica/cultural que justifica uma maior frequência numa determinada época aqui no nordeste.
    Não levanto bandeiras regionalistas, feministas, sexuais, apenas manifesto minhas opiniões e sempre respeito as de outrem, mesmo que eu não concorde.
    É difícil se fazer entender completamente via web, vc não nota expressões, tom de voz e às vezes interpreta o que o outro fala da maneira como vc se sente.
    Espero que tenha entendido! :)
    :*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Wilma, sugiro que você releia novamente o que escrevi e veja a forma como comentei e o cuidado que tive em ser idônea.
    Não retaliei nada do que vc disse, aliás não li todos os comentários. Dentre os que li, o anônimo falou algumas coisas que concordo. Ele ironizou o sertão nordestino e eu entendi a forma como ele colocou, tanto que esclareci a ele que não me senti ofendida. Ao contrário, concordei.
    Quanto ao cerne da discussão, manifestei minha opinião. Não é verdade absoluta (aliás sempre digo isso quando as discussões do PdH esquentam, rs). Continuo achando que casamentos consaguíneos não são comuns aqui e em lugar nenhum. Acontecem, claro e forneci uma evidência política/econômica/cultural que justifica uma maior frequência numa determinada época aqui no nordeste.
    Não levanto bandeiras regionalistas, feministas, sexuais, apenas manifesto minhas opiniões e sempre respeito as de outrem, mesmo que eu não concorde.
    É difícil se fazer entender completamente via web, vc não nota expressões, tom de voz e às vezes interpreta o que o outro fala da maneira como vc se sente.
    Espero que tenha entendido! :)
    :*

    • Heitor

      Tenho 39 anos… tenho uma irmã …. somos gemeos e ela é mais velha… por ter nascido primeiro acho que sempre manipulou as circunstancias… ou ela ao contrario de mim…. sempre soube expor melhor aquilo que queria….
      O fato é que desde criança… eu e minha irmã tomavamos banho juntos… sob a supervisão de minha mãe…. sempre que era hora de dar banho nas crianças…. talvez por conveniencia… era mais facil dar banho logo em duas de uma única vez….
      Lembro me que um dia Laura perguntou sobre as diferença entre nós dois… por que o menino tinha pi-pi… e a menina não tinha… e a resposta de minha mãe foi…. porque quando os meninos crescem…. eles pôe o pi-pi dentro da vagina das meninas….
      Esse foi o gatilho que me disparou para a sexualidade… certo dia…. tomando banho com a Laura…. eu tive uma ereção…. eu tinha 8 ou 9 anos…. minha mãe ficou mexendo no meu pênis… e a Laura olhando…. depois daquilo…. quando ficavamos sozinhos em casa começanos a nos tocar sexualmente….a nos masturbar ….
      Quando começaram a nascer os pelos pubianos… comecei a ficar com vergonha… mas ela me provocava e eu acabava cedendo….
      Só fomos ter uma relação mesmo… aos 14 anos…. ela já era uma moça formada… até então só nos masturbavamos juntos … nem sexo oral nada…
      Aos 14 anos…. com a primeira penetração…. vieram tambem os problemas…. a gente dormia no mesmo quarto…. e um dia minha mãe nos viu dormindo na mesma cama….
      Achei que meu mundo iria acabar…. decidimos naquela noite que nunca mais fariamos aquilo de novo… pois tinhamos a consciencia…. naquele momento que era errado….
      Mas para nossa surpresa no dia seguinte… nossa mãe não disse nada !! e no dia seginte tambem não…. e fingiu que nada estava acontecendo…. só uma coisa mudou para sempre….
      Nós temos outra irmã… 4 anos mais velha que a gente…. quando ela saía com o namorado… minha mãe recomendava…. “Juízo voces dois hein! “ …. ela passou a dizer o mesmo pra gente… quando ficavamos em casa… ou quando saíamos juntos…. minha mãe sabia o que rolava entre a gente…
      Aos 17…. veio a primeira separação…. eu fui pra São Carlos … pra faculdade… e ela para Alfenas MG….
      Decidimos seguir nossas vidas… seremos sempre especial um para o outro… porem somente irmãos…. arranjei uma namorada….e estava levando a minha vida na boa… quando Laura me liga e diz que estava namorando…. Putz!!! Tive uma crise…. Liguei de novo pra ela e falei um montão….. ela me disse: “ Como voce acha que eu me senti quando voce arrumou a Rose ???…”
      Eu estava namorando a Rose já a uns seis meses…. quando a Laura e o Toni namorado dela vieram até São Carlos me visitar…. estavamos na Casa onde eu morava com mais 3 amigos… resolvemos fazer um churrasco…. decidiram a maioria que quem iria ao mercado fazer as compras seria eu e a Laura….
      Saimos para ir ao mercado…. voltamos 3 horas depois… a Laura com os cabelos lavado ainda molhado…. depois disso… ela sempre me ligava de Alfenas só pra dizer que precisava ir “ Ao Mercado “ comigo pra fazer compras….
      O meu relacionamento com a Rose durou pouco tempo e já na formatura havia acabado….
      Voltei para minha cidade…. não fui mais para a casa dos meus pais…. minha mãe havia falecido…. e meu pai nunca suspeitou de nada…. minha irmã mais velha… há! Essa desconfia !… mas nunca teve a prova concreta… por sermos gemeos…essa é a desculpa que temos para sermos…ligados….confidentes… companheiros….
      Quando meu pai faceceu… a Laura veio morar comigo…
      Comprei um apartamento com dois quartos…. mobiliamos com duas camas…. e a Laura até hoje mora comigo…. só que todos que vem nos visitar… nos pergunta … Por que no meu quarto tem uma cama de casal ?
      Esse…. é o nosso segredo !
      Se quiserem me escrever segue abaixo meu E-mail
      edipo-electra@hotmail.com

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Wilma, sugiro que você releia novamente o que escrevi e veja a forma como comentei e o cuidado que tive em ser idônea.
    Não retaliei nada do que vc disse, aliás não li todos os comentários. Dentre os que li, o anônimo falou algumas coisas que concordo. Ele ironizou o sertão nordestino e eu entendi a forma como ele colocou, tanto que esclareci a ele que não me senti ofendida. Ao contrário, concordei.
    Quanto ao cerne da discussão, manifestei minha opinião. Não é verdade absoluta (aliás sempre digo isso quando as discussões do PdH esquentam, rs). Continuo achando que casamentos consaguíneos não são comuns aqui e em lugar nenhum. Acontecem, claro e forneci uma evidência política/econômica/cultural que justifica uma maior frequência numa determinada época aqui no nordeste.
    Não levanto bandeiras regionalistas, feministas, sexuais, apenas manifesto minhas opiniões e sempre respeito as de outrem, mesmo que eu não concorde.
    É difícil se fazer entender completamente via web, vc não nota expressões, tom de voz e às vezes interpreta o que o outro fala da maneira como vc se sente.
    Espero que tenha entendido! :)
    :*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Wilma, sugiro que você releia novamente o que escrevi e veja a forma como comentei e o cuidado que tive em ser idônea.
    Não retaliei nada do que vc disse, aliás não li todos os comentários. Dentre os que li, o anônimo falou algumas coisas que concordo. Ele ironizou o sertão nordestino e eu entendi a forma como ele colocou, tanto que esclareci a ele que não me senti ofendida. Ao contrário, concordei.
    Quanto ao cerne da discussão, manifestei minha opinião. Não é verdade absoluta (aliás sempre digo isso quando as discussões do PdH esquentam, rs). Continuo achando que casamentos consaguíneos não são comuns aqui e em lugar nenhum. Acontecem, claro e forneci uma evidência política/econômica/cultural que justifica uma maior frequência numa determinada época aqui no nordeste.
    Não levanto bandeiras regionalistas, feministas, sexuais, apenas manifesto minhas opiniões e sempre respeito as de outrem, mesmo que eu não concorde.
    É difícil se fazer entender completamente via web, vc não nota expressões, tom de voz e às vezes interpreta o que o outro fala da maneira como vc se sente.
    Espero que tenha entendido! :)
    :*

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com Carla

    Wilma, sugiro que você releia novamente o que escrevi e veja a forma como comentei e o cuidado que tive em ser idônea.
    Não retaliei nada do que vc disse, aliás não li todos os comentários. Dentre os que li, o anônimo falou algumas coisas que concordo. Ele ironizou o sertão nordestino e eu entendi a forma como ele colocou, tanto que esclareci a ele que não me senti ofendida. Ao contrário, concordei.
    Quanto ao cerne da discussão, manifestei minha opinião. Não é verdade absoluta (aliás sempre digo isso quando as discussões do PdH esquentam, rs). Continuo achando que casamentos consaguíneos não são comuns aqui e em lugar nenhum. Acontecem, claro e forneci uma evidência política/econômica/cultural que justifica uma maior frequência numa determinada época aqui no nordeste.
    Não levanto bandeiras regionalistas, feministas, sexuais, apenas manifesto minhas opiniões e sempre respeito as de outrem, mesmo que eu não concorde.
    É difícil se fazer entender completamente via web, vc não nota expressões, tom de voz e às vezes interpreta o que o outro fala da maneira como vc se sente.
    Espero que tenha entendido! :)
    :*

  • MC Black

    Valeu o apoio Roberta,

    Acho que temos que ponderar todos os aspectos da situação. Moralmente, o que o cara fez é errado. Ponto. Daqui a 200 anos, pode ser que não, que seja comum. Mas por enquanto, ainda é errado. Ele deve encarar isso de frente. Todas as pessoas “a frente de seu tempo” enfrentaram críticas. Faz parte.

    Mas humanamente falando, o cara é pai de um anjinho e chefe de família. E quanto a isso, o cara é abençoado.

    Uma coisa não anula a outra. O fato de ele ser abençoado, não apaga o seu erro. E o erro dele, não diminui em nada a benção de ter filhos saudáveis.

    Não condeno o cara à fogueira, afinal ele é adulto e vacinado, mas também não apóio, como boa parte do pessoal aqui fez.

  • MC Black

    Valeu o apoio Roberta,

    Acho que temos que ponderar todos os aspectos da situação. Moralmente, o que o cara fez é errado. Ponto. Daqui a 200 anos, pode ser que não, que seja comum. Mas por enquanto, ainda é errado. Ele deve encarar isso de frente. Todas as pessoas “a frente de seu tempo” enfrentaram críticas. Faz parte.

    Mas humanamente falando, o cara é pai de um anjinho e chefe de família. E quanto a isso, o cara é abençoado.

    Uma coisa não anula a outra. O fato de ele ser abençoado, não apaga o seu erro. E o erro dele, não diminui em nada a benção de ter filhos saudáveis.

    Não condeno o cara à fogueira, afinal ele é adulto e vacinado, mas também não apóio, como boa parte do pessoal aqui fez.

  • MC Black

    Valeu o apoio Roberta,

    Acho que temos que ponderar todos os aspectos da situação. Moralmente, o que o cara fez é errado. Ponto. Daqui a 200 anos, pode ser que não, que seja comum. Mas por enquanto, ainda é errado. Ele deve encarar isso de frente. Todas as pessoas “a frente de seu tempo” enfrentaram críticas. Faz parte.

    Mas humanamente falando, o cara é pai de um anjinho e chefe de família. E quanto a isso, o cara é abençoado.

    Uma coisa não anula a outra. O fato de ele ser abençoado, não apaga o seu erro. E o erro dele, não diminui em nada a benção de ter filhos saudáveis.

    Não condeno o cara à fogueira, afinal ele é adulto e vacinado, mas também não apóio, como boa parte do pessoal aqui fez.

  • MC Black

    Valeu o apoio Roberta,

    Acho que temos que ponderar todos os aspectos da situação. Moralmente, o que o cara fez é errado. Ponto. Daqui a 200 anos, pode ser que não, que seja comum. Mas por enquanto, ainda é errado. Ele deve encarar isso de frente. Todas as pessoas “a frente de seu tempo” enfrentaram críticas. Faz parte.

    Mas humanamente falando, o cara é pai de um anjinho e chefe de família. E quanto a isso, o cara é abençoado.

    Uma coisa não anula a outra. O fato de ele ser abençoado, não apaga o seu erro. E o erro dele, não diminui em nada a benção de ter filhos saudáveis.

    Não condeno o cara à fogueira, afinal ele é adulto e vacinado, mas também não apóio, como boa parte do pessoal aqui fez.

  • MC Black

    Valeu o apoio Roberta,

    Acho que temos que ponderar todos os aspectos da situação. Moralmente, o que o cara fez é errado. Ponto. Daqui a 200 anos, pode ser que não, que seja comum. Mas por enquanto, ainda é errado. Ele deve encarar isso de frente. Todas as pessoas “a frente de seu tempo” enfrentaram críticas. Faz parte.

    Mas humanamente falando, o cara é pai de um anjinho e chefe de família. E quanto a isso, o cara é abençoado.

    Uma coisa não anula a outra. O fato de ele ser abençoado, não apaga o seu erro. E o erro dele, não diminui em nada a benção de ter filhos saudáveis.

    Não condeno o cara à fogueira, afinal ele é adulto e vacinado, mas também não apóio, como boa parte do pessoal aqui fez.

  • Wilma Flintstone

    @ TODOS:

    Já repararam que toda vez que a porrada come, é por causa de religião?

    Se o tema é homossexualismo, a porrada come por causa da religião;
    Se o tema é incesto, a porrada come, por causa de religião;
    Se o tema é aborto, a porrada come, por causa de religião….

    Eu hein!
    Parece que toda vez que o assunto tem a ver com sexo PARALELAMENTE (ou seja, quando não é tão direto quanto o artigo do Gustavo Gitti), as pessoas automaticamente fazem uma “blindagem” que naturalmente acaba sendo guarnecida por princípios que levam à religião como “base moral”.

    E todo mundo acaba falando as mesmas coisas, muitas e muitas vezes, como que se “auto-afirmasse” na repetição, ou como se fosse possível, “quebrar a blindagem” do outro!

    Caaaalma, gente!
    Discutir é saudável! Expor os pontos de vista é bom, e REFLETIR sobre pontos de vista diferentes é preciso….mas não transformemos nossos pontos de vista em muralhas…mas sim em portas abertas!

    no fundo, me PARECE que a religião, afinal de contas, é maior formadora de pensamentos (contra ou a favor) do que a própria cultura que nos diferencia dos demais animais.

    Realmente, ACHO que somos muito estranhos. Concordem vocês, ou não.

    Beijos.

  • Wilma Flintstone

    @ TODOS:

    Já repararam que toda vez que a porrada come, é por causa de religião?

    Se o tema é homossexualismo, a porrada come por causa da religião;
    Se o tema é incesto, a porrada come, por causa de religião;
    Se o tema é aborto, a porrada come, por causa de religião….

    Eu hein!
    Parece que toda vez que o assunto tem a ver com sexo PARALELAMENTE (ou seja, quando não é tão direto quanto o artigo do Gustavo Gitti), as pessoas automaticamente fazem uma “blindagem” que naturalmente acaba sendo guarnecida por princípios que levam à religião como “base moral”.

    E todo mundo acaba falando as mesmas coisas, muitas e muitas vezes, como que se “auto-afirmasse” na repetição, ou como se fosse possível, “quebrar a blindagem” do outro!

    Caaaalma, gente!
    Discutir é saudável! Expor os pontos de vista é bom, e REFLETIR sobre pontos de vista diferentes é preciso….mas não transformemos nossos pontos de vista em muralhas…mas sim em portas abertas!

    no fundo, me PARECE que a religião, afinal de contas, é maior formadora de pensamentos (contra ou a favor) do que a própria cultura que nos diferencia dos demais animais.

    Realmente, ACHO que somos muito estranhos. Concordem vocês, ou não.

    Beijos.

  • Wilma Flintstone

    @ TODOS:

    Já repararam que toda vez que a porrada come, é por causa de religião?

    Se o tema é homossexualismo, a porrada come por causa da religião;
    Se o tema é incesto, a porrada come, por causa de religião;
    Se o tema é aborto, a porrada come, por causa de religião….

    Eu hein!
    Parece que toda vez que o assunto tem a ver com sexo PARALELAMENTE (ou seja, quando não é tão direto quanto o artigo do Gustavo Gitti), as pessoas automaticamente fazem uma “blindagem” que naturalmente acaba sendo guarnecida por princípios que levam à religião como “base moral”.

    E todo mundo acaba falando as mesmas coisas, muitas e muitas vezes, como que se “auto-afirmasse” na repetição, ou como se fosse possível, “quebrar a blindagem” do outro!

    Caaaalma, gente!
    Discutir é saudável! Expor os pontos de vista é bom, e REFLETIR sobre pontos de vista diferentes é preciso….mas não transformemos nossos pontos de vista em muralhas…mas sim em portas abertas!

    no fundo, me PARECE que a religião, afinal de contas, é maior formadora de pensamentos (contra ou a favor) do que a própria cultura que nos diferencia dos demais animais.

    Realmente, ACHO que somos muito estranhos. Concordem vocês, ou não.

    Beijos.

  • Wilma Flintstone

    @ TODOS:

    Já repararam que toda vez que a porrada come, é por causa de religião?

    Se o tema é homossexualismo, a porrada come por causa da religião;
    Se o tema é incesto, a porrada come, por causa de religião;
    Se o tema é aborto, a porrada come, por causa de religião….

    Eu hein!
    Parece que toda vez que o assunto tem a ver com sexo PARALELAMENTE (ou seja, quando não é tão direto quanto o artigo do Gustavo Gitti), as pessoas automaticamente fazem uma “blindagem” que naturalmente acaba sendo guarnecida por princípios que levam à religião como “base moral”.

    E todo mundo acaba falando as mesmas coisas, muitas e muitas vezes, como que se “auto-afirmasse” na repetição, ou como se fosse possível, “quebrar a blindagem” do outro!

    Caaaalma, gente!
    Discutir é saudável! Expor os pontos de vista é bom, e REFLETIR sobre pontos de vista diferentes é preciso….mas não transformemos nossos pontos de vista em muralhas…mas sim em portas abertas!

    no fundo, me PARECE que a religião, afinal de contas, é maior formadora de pensamentos (contra ou a favor) do que a própria cultura que nos diferencia dos demais animais.

    Realmente, ACHO que somos muito estranhos. Concordem vocês, ou não.

    Beijos.

  • MC Black

    Valeu o apoio Roberta,

    Acho que temos que ponderar todos os aspectos da situação. Moralmente, o que o cara fez é errado. Ponto. Daqui a 200 anos, pode ser que não, que seja comum. Mas por enquanto, ainda é errado. Ele deve encarar isso de frente. Todas as pessoas “a frente de seu tempo” enfrentaram críticas. Faz parte.

    Mas humanamente falando, o cara é pai de um anjinho e chefe de família. E quanto a isso, o cara é abençoado.

    Uma coisa não anula a outra. O fato de ele ser abençoado, não apaga o seu erro. E o erro dele, não diminui em nada a benção de ter filhos saudáveis.

    Não condeno o cara à fogueira, afinal ele é adulto e vacinado, mas também não apóio, como boa parte do pessoal aqui fez.

  • Wilma Flintstone

    @ TODOS:

    Já repararam que toda vez que a porrada come, é por causa de religião?

    Se o tema é homossexualismo, a porrada come por causa da religião;
    Se o tema é incesto, a porrada come, por causa de religião;
    Se o tema é aborto, a porrada come, por causa de religião….

    Eu hein!
    Parece que toda vez que o assunto tem a ver com sexo PARALELAMENTE (ou seja, quando não é tão direto quanto o artigo do Gustavo Gitti), as pessoas automaticamente fazem uma “blindagem” que naturalmente acaba sendo guarnecida por princípios que levam à religião como “base moral”.

    E todo mundo acaba falando as mesmas coisas, muitas e muitas vezes, como que se “auto-afirmasse” na repetição, ou como se fosse possível, “quebrar a blindagem” do outro!

    Caaaalma, gente!
    Discutir é saudável! Expor os pontos de vista é bom, e REFLETIR sobre pontos de vista diferentes é preciso….mas não transformemos nossos pontos de vista em muralhas…mas sim em portas abertas!

    no fundo, me PARECE que a religião, afinal de contas, é maior formadora de pensamentos (contra ou a favor) do que a própria cultura que nos diferencia dos demais animais.

    Realmente, ACHO que somos muito estranhos. Concordem vocês, ou não.

    Beijos.

  • Wilma Flintstone

    @ Carla,
    aff…
    Não vi retaliação no teu comentário! Não me considerei atingida nem por você nem por ninguém!!!! Eu tinha entendido desde o primeiro post!!!!

    caaaalma….só estava “comentando o comentário”! tanto que também deixei claro que não tenho a menor idéia do porquê deles fazerem isto!!! Só disse o que os velhos falaram (e velhinhos adoram falar…)!!!!!

    Também não acho comum. Também não acho normal. REPITO: ACHO ESTRANHO!!!!! ME CAUSA ESTRANHEZA!!!! Não apóio e nem condeno….ACHO ESTRANHO!!!! Sei que EU não faria. ponto! Mas não julgo quem faz. Poooonto!!!
    affff…..

    E também não levanto nenhuma bandeira, muito menos a da moral….e digo isso com o “viva e deixe viver”!

    Realmente, é difícil se fazer entender via Web…..mas relaxa, lindinha! fica assim não….se “cara a cara” às vezes, o bicho pega, só escrevendo então….

    Beijo.

  • Wilma Flintstone

    @ Carla,
    aff…
    Não vi retaliação no teu comentário! Não me considerei atingida nem por você nem por ninguém!!!! Eu tinha entendido desde o primeiro post!!!!

    caaaalma….só estava “comentando o comentário”! tanto que também deixei claro que não tenho a menor idéia do porquê deles fazerem isto!!! Só disse o que os velhos falaram (e velhinhos adoram falar…)!!!!!

    Também não acho comum. Também não acho normal. REPITO: ACHO ESTRANHO!!!!! ME CAUSA ESTRANHEZA!!!! Não apóio e nem condeno….ACHO ESTRANHO!!!! Sei que EU não faria. ponto! Mas não julgo quem faz. Poooonto!!!
    affff…..

    E também não levanto nenhuma bandeira, muito menos a da moral….e digo isso com o “viva e deixe viver”!

    Realmente, é difícil se fazer entender via Web…..mas relaxa, lindinha! fica assim não….se “cara a cara” às vezes, o bicho pega, só escrevendo então….

    Beijo.

  • Wilma Flintstone

    @ Carla,
    aff…
    Não vi retaliação no teu comentário! Não me considerei atingida nem por você nem por ninguém!!!! Eu tinha entendido desde o primeiro post!!!!

    caaaalma….só estava “comentando o comentário”! tanto que também deixei claro que não tenho a menor idéia do porquê deles fazerem isto!!! Só disse o que os velhos falaram (e velhinhos adoram falar…)!!!!!

    Também não acho comum. Também não acho normal. REPITO: ACHO ESTRANHO!!!!! ME CAUSA ESTRANHEZA!!!! Não apóio e nem condeno….ACHO ESTRANHO!!!! Sei que EU não faria. ponto! Mas não julgo quem faz. Poooonto!!!
    affff…..

    E também não levanto nenhuma bandeira, muito menos a da moral….e digo isso com o “viva e deixe viver”!

    Realmente, é difícil se fazer entender via Web…..mas relaxa, lindinha! fica assim não….se “cara a cara” às vezes, o bicho pega, só escrevendo então….

    Beijo.

  • Wilma Flintstone

    @ Carla,
    aff…
    Não vi retaliação no teu comentário! Não me considerei atingida nem por você nem por ninguém!!!! Eu tinha entendido desde o primeiro post!!!!

    caaaalma….só estava “comentando o comentário”! tanto que também deixei claro que não tenho a menor idéia do porquê deles fazerem isto!!! Só disse o que os velhos falaram (e velhinhos adoram falar…)!!!!!

    Também não acho comum. Também não acho normal. REPITO: ACHO ESTRANHO!!!!! ME CAUSA ESTRANHEZA!!!! Não apóio e nem condeno….ACHO ESTRANHO!!!! Sei que EU não faria. ponto! Mas não julgo quem faz. Poooonto!!!
    affff…..

    E também não levanto nenhuma bandeira, muito menos a da moral….e digo isso com o “viva e deixe viver”!

    Realmente, é difícil se fazer entender via Web…..mas relaxa, lindinha! fica assim não….se “cara a cara” às vezes, o bicho pega, só escrevendo então….

    Beijo.

  • Wilma Flintstone

    @ Carla,
    aff…
    Não vi retaliação no teu comentário! Não me considerei atingida nem por você nem por ninguém!!!! Eu tinha entendido desde o primeiro post!!!!

    caaaalma….só estava “comentando o comentário”! tanto que também deixei claro que não tenho a menor idéia do porquê deles fazerem isto!!! Só disse o que os velhos falaram (e velhinhos adoram falar…)!!!!!

    Também não acho comum. Também não acho normal. REPITO: ACHO ESTRANHO!!!!! ME CAUSA ESTRANHEZA!!!! Não apóio e nem condeno….ACHO ESTRANHO!!!! Sei que EU não faria. ponto! Mas não julgo quem faz. Poooonto!!!
    affff…..

    E também não levanto nenhuma bandeira, muito menos a da moral….e digo isso com o “viva e deixe viver”!

    Realmente, é difícil se fazer entender via Web…..mas relaxa, lindinha! fica assim não….se “cara a cara” às vezes, o bicho pega, só escrevendo então….

    Beijo.

  • Irene Mara

    Eu não tenho religião, mas acredito em Deus, e considero a bíblia um livro sagrado…cheio de sabedorias……incesto está ligado a consanguinidade em primeiro lugar, então que loucura ou melhor que irresponsabilidade querer colocar uma criança inocente no mundo, com grande risco de jogar em cima dela, todo o fardo dessa sacanagem…..e por outro lado, família é família, se ” Fulanos não conseguem tirar sexo da cabeça nem com a família…é porque muita coisa está errado.. só falta daqui a pouco, começarem a pensar que é normal também transar com a filha……

  • Irene Mara

    Eu não tenho religião, mas acredito em Deus, e considero a bíblia um livro sagrado…cheio de sabedorias……incesto está ligado a consanguinidade em primeiro lugar, então que loucura ou melhor que irresponsabilidade querer colocar uma criança inocente no mundo, com grande risco de jogar em cima dela, todo o fardo dessa sacanagem…..e por outro lado, família é família, se ” Fulanos não conseguem tirar sexo da cabeça nem com a família…é porque muita coisa está errado.. só falta daqui a pouco, começarem a pensar que é normal também transar com a filha……

  • Irene Mara

    Eu não tenho religião, mas acredito em Deus, e considero a bíblia um livro sagrado…cheio de sabedorias……incesto está ligado a consanguinidade em primeiro lugar, então que loucura ou melhor que irresponsabilidade querer colocar uma criança inocente no mundo, com grande risco de jogar em cima dela, todo o fardo dessa sacanagem…..e por outro lado, família é família, se ” Fulanos não conseguem tirar sexo da cabeça nem com a família…é porque muita coisa está errado.. só falta daqui a pouco, começarem a pensar que é normal também transar com a filha……

  • Irene Mara

    Eu não tenho religião, mas acredito em Deus, e considero a bíblia um livro sagrado…cheio de sabedorias……incesto está ligado a consanguinidade em primeiro lugar, então que loucura ou melhor que irresponsabilidade querer colocar uma criança inocente no mundo, com grande risco de jogar em cima dela, todo o fardo dessa sacanagem…..e por outro lado, família é família, se ” Fulanos não conseguem tirar sexo da cabeça nem com a família…é porque muita coisa está errado.. só falta daqui a pouco, começarem a pensar que é normal também transar com a filha……

  • Irene Mara

    Eu não tenho religião, mas acredito em Deus, e considero a bíblia um livro sagrado…cheio de sabedorias……incesto está ligado a consanguinidade em primeiro lugar, então que loucura ou melhor que irresponsabilidade querer colocar uma criança inocente no mundo, com grande risco de jogar em cima dela, todo o fardo dessa sacanagem…..e por outro lado, família é família, se ” Fulanos não conseguem tirar sexo da cabeça nem com a família…é porque muita coisa está errado.. só falta daqui a pouco, começarem a pensar que é normal também transar com a filha……

  • Irene Mara

    Eu não tenho religião, mas acredito em Deus, e considero a bíblia um livro sagrado…cheio de sabedorias……incesto está ligado a consanguinidade em primeiro lugar, então que loucura ou melhor que irresponsabilidade querer colocar uma criança inocente no mundo, com grande risco de jogar em cima dela, todo o fardo dessa sacanagem…..e por outro lado, família é família, se ” Fulanos não conseguem tirar sexo da cabeça nem com a família…é porque muita coisa está errado.. só falta daqui a pouco, começarem a pensar que é normal também transar com a filha……

  • Kaou

    Milorde.
    Eu, realmente, espero que as evoluções Fenotipicas darwinianas não evoluam tanto de forma que minhas filhas ou netas voltem a casar com 13 anos. E Dr. Heath está certo, juridicamente jamais se admitiria que uma criança com 13 anos lançasse mao de capaidades que estão muito aquém de sua compreensao social. Mas, é claro o mundo muda e os robos surgem….

  • Kaou

    Milorde.
    Eu, realmente, espero que as evoluções Fenotipicas darwinianas não evoluam tanto de forma que minhas filhas ou netas voltem a casar com 13 anos. E Dr. Heath está certo, juridicamente jamais se admitiria que uma criança com 13 anos lançasse mao de capaidades que estão muito aquém de sua compreensao social. Mas, é claro o mundo muda e os robos surgem….

  • Kaou

    Milorde.
    Eu, realmente, espero que as evoluções Fenotipicas darwinianas não evoluam tanto de forma que minhas filhas ou netas voltem a casar com 13 anos. E Dr. Heath está certo, juridicamente jamais se admitiria que uma criança com 13 anos lançasse mao de capaidades que estão muito aquém de sua compreensao social. Mas, é claro o mundo muda e os robos surgem….

  • Kaou

    Milorde.
    Eu, realmente, espero que as evoluções Fenotipicas darwinianas não evoluam tanto de forma que minhas filhas ou netas voltem a casar com 13 anos. E Dr. Heath está certo, juridicamente jamais se admitiria que uma criança com 13 anos lançasse mao de capaidades que estão muito aquém de sua compreensao social. Mas, é claro o mundo muda e os robos surgem….

  • Kaou

    Milorde.
    Eu, realmente, espero que as evoluções Fenotipicas darwinianas não evoluam tanto de forma que minhas filhas ou netas voltem a casar com 13 anos. E Dr. Heath está certo, juridicamente jamais se admitiria que uma criança com 13 anos lançasse mao de capaidades que estão muito aquém de sua compreensao social. Mas, é claro o mundo muda e os robos surgem….

  • Kaou

    Milorde.
    Eu, realmente, espero que as evoluções Fenotipicas darwinianas não evoluam tanto de forma que minhas filhas ou netas voltem a casar com 13 anos. E Dr. Heath está certo, juridicamente jamais se admitiria que uma criança com 13 anos lançasse mao de capaidades que estão muito aquém de sua compreensao social. Mas, é claro o mundo muda e os robos surgem….

  • Kaou

    Milorde.
    Eu, realmente, espero que as evoluções Fenotipicas darwinianas não evoluam tanto de forma que minhas filhas ou netas voltem a casar com 13 anos. E Dr. Heath está certo, juridicamente jamais se admitiria que uma criança com 13 anos lançasse mao de capaidades que estão muito aquém de sua compreensao social. Mas, é claro o mundo muda e os robos surgem….

  • Kaou

    Milorde.
    Eu, realmente, espero que as evoluções Fenotipicas darwinianas não evoluam tanto de forma que minhas filhas ou netas voltem a casar com 13 anos. E Dr. Heath está certo, juridicamente jamais se admitiria que uma criança com 13 anos lançasse mao de capaidades que estão muito aquém de sua compreensao social. Mas, é claro o mundo muda e os robos surgem….

  • Guido

    Pô, sou obrigado a deixar comentário.

    Olha, já tem tempo que eu freqüento este site, e pra ser bem sincero, dou muita risada.

    Mas, na boa, @Guilherme Valadares: tem muita intolerância religiosa aqui! E tem também muito fanatismo.

    De um lado, gente de fé querendo defender a qualquer preço sua crença; de outro, gente cética e intolerante com a fé alheia.

    Tá faltando bom senso, num tá não?

    Bom lembrar que vivemos num país onde impera a liberdade de crença, garantida pela própria Constituição (art. 5º, VI).

    Então, galera, “deixa disso” de querer impor crenças e costumes aos outros; do mesmo modo, “deixa disso” de tocar pedra no povo que tem alguma fé.

    Acho que essa dica vai tornar a leitura dos post’s do site mais leve.

    Abs a todos – independemente de religião.

    GUIDO (católico-apostólio-romano-ROXO)

  • Guido

    Pô, sou obrigado a deixar comentário.

    Olha, já tem tempo que eu freqüento este site, e pra ser bem sincero, dou muita risada.

    Mas, na boa, @Guilherme Valadares: tem muita intolerância religiosa aqui! E tem também muito fanatismo.

    De um lado, gente de fé querendo defender a qualquer preço sua crença; de outro, gente cética e intolerante com a fé alheia.

    Tá faltando bom senso, num tá não?

    Bom lembrar que vivemos num país onde impera a liberdade de crença, garantida pela própria Constituição (art. 5º, VI).

    Então, galera, “deixa disso” de querer impor crenças e costumes aos outros; do mesmo modo, “deixa disso” de tocar pedra no povo que tem alguma fé.

    Acho que essa dica vai tornar a leitura dos post’s do site mais leve.

    Abs a todos – independemente de religião.

    GUIDO (católico-apostólio-romano-ROXO)

  • Guido

    Pô, sou obrigado a deixar comentário.

    Olha, já tem tempo que eu freqüento este site, e pra ser bem sincero, dou muita risada.

    Mas, na boa, @Guilherme Valadares: tem muita intolerância religiosa aqui! E tem também muito fanatismo.

    De um lado, gente de fé querendo defender a qualquer preço sua crença; de outro, gente cética e intolerante com a fé alheia.

    Tá faltando bom senso, num tá não?

    Bom lembrar que vivemos num país onde impera a liberdade de crença, garantida pela própria Constituição (art. 5º, VI).

    Então, galera, “deixa disso” de querer impor crenças e costumes aos outros; do mesmo modo, “deixa disso” de tocar pedra no povo que tem alguma fé.

    Acho que essa dica vai tornar a leitura dos post’s do site mais leve.

    Abs a todos – independemente de religião.

    GUIDO (católico-apostólio-romano-ROXO)

  • Guido

    Pô, sou obrigado a deixar comentário.

    Olha, já tem tempo que eu freqüento este site, e pra ser bem sincero, dou muita risada.

    Mas, na boa, @Guilherme Valadares: tem muita intolerância religiosa aqui! E tem também muito fanatismo.

    De um lado, gente de fé querendo defender a qualquer preço sua crença; de outro, gente cética e intolerante com a fé alheia.

    Tá faltando bom senso, num tá não?

    Bom lembrar que vivemos num país onde impera a liberdade de crença, garantida pela própria Constituição (art. 5º, VI).

    Então, galera, “deixa disso” de querer impor crenças e costumes aos outros; do mesmo modo, “deixa disso” de tocar pedra no povo que tem alguma fé.

    Acho que essa dica vai tornar a leitura dos post’s do site mais leve.

    Abs a todos – independemente de religião.

    GUIDO (católico-apostólio-romano-ROXO)

  • Guido

    Pô, sou obrigado a deixar comentário.

    Olha, já tem tempo que eu freqüento este site, e pra ser bem sincero, dou muita risada.

    Mas, na boa, @Guilherme Valadares: tem muita intolerância religiosa aqui! E tem também muito fanatismo.

    De um lado, gente de fé querendo defender a qualquer preço sua crença; de outro, gente cética e intolerante com a fé alheia.

    Tá faltando bom senso, num tá não?

    Bom lembrar que vivemos num país onde impera a liberdade de crença, garantida pela própria Constituição (art. 5º, VI).

    Então, galera, “deixa disso” de querer impor crenças e costumes aos outros; do mesmo modo, “deixa disso” de tocar pedra no povo que tem alguma fé.

    Acho que essa dica vai tornar a leitura dos post’s do site mais leve.

    Abs a todos – independemente de religião.

    GUIDO (católico-apostólio-romano-ROXO)

  • Guido

    Pô, sou obrigado a deixar comentário.

    Olha, já tem tempo que eu freqüento este site, e pra ser bem sincero, dou muita risada.

    Mas, na boa, @Guilherme Valadares: tem muita intolerância religiosa aqui! E tem também muito fanatismo.

    De um lado, gente de fé querendo defender a qualquer preço sua crença; de outro, gente cética e intolerante com a fé alheia.

    Tá faltando bom senso, num tá não?

    Bom lembrar que vivemos num país onde impera a liberdade de crença, garantida pela própria Constituição (art. 5º, VI).

    Então, galera, “deixa disso” de querer impor crenças e costumes aos outros; do mesmo modo, “deixa disso” de tocar pedra no povo que tem alguma fé.

    Acho que essa dica vai tornar a leitura dos post’s do site mais leve.

    Abs a todos – independemente de religião.

    GUIDO (católico-apostólio-romano-ROXO)

  • Guido

    Pô, sou obrigado a deixar comentário.

    Olha, já tem tempo que eu freqüento este site, e pra ser bem sincero, dou muita risada.

    Mas, na boa, @Guilherme Valadares: tem muita intolerância religiosa aqui! E tem também muito fanatismo.

    De um lado, gente de fé querendo defender a qualquer preço sua crença; de outro, gente cética e intolerante com a fé alheia.

    Tá faltando bom senso, num tá não?

    Bom lembrar que vivemos num país onde impera a liberdade de crença, garantida pela própria Constituição (art. 5º, VI).

    Então, galera, “deixa disso” de querer impor crenças e costumes aos outros; do mesmo modo, “deixa disso” de tocar pedra no povo que tem alguma fé.

    Acho que essa dica vai tornar a leitura dos post’s do site mais leve.

    Abs a todos – independemente de religião.

    GUIDO (católico-apostólio-romano-ROXO)

  • Guido

    Pô, sou obrigado a deixar comentário.

    Olha, já tem tempo que eu freqüento este site, e pra ser bem sincero, dou muita risada.

    Mas, na boa, @Guilherme Valadares: tem muita intolerância religiosa aqui! E tem também muito fanatismo.

    De um lado, gente de fé querendo defender a qualquer preço sua crença; de outro, gente cética e intolerante com a fé alheia.

    Tá faltando bom senso, num tá não?

    Bom lembrar que vivemos num país onde impera a liberdade de crença, garantida pela própria Constituição (art. 5º, VI).

    Então, galera, “deixa disso” de querer impor crenças e costumes aos outros; do mesmo modo, “deixa disso” de tocar pedra no povo que tem alguma fé.

    Acho que essa dica vai tornar a leitura dos post’s do site mais leve.

    Abs a todos – independemente de religião.

    GUIDO (católico-apostólio-romano-ROXO)

  • Guido

    … ops: “independentemente”. Perdoem pelo erro.

  • Guido

    … ops: “independentemente”. Perdoem pelo erro.

  • Guido

    … ops: “independentemente”. Perdoem pelo erro.

  • Guido

    … ops: “independentemente”. Perdoem pelo erro.

  • Guido

    … ops: “independentemente”. Perdoem pelo erro.

  • Milorde

    Ae galera voltei

    Wilma: Como prometi vou te passar o livro, o nome na verdade é A Assustadora História da Maldade, autor Oliver Thomson, editora Pretígio Editorial. É um livro verde com uma ilustração de uma batalha, tem até uns carinhas de armadura dourada.

    Sobre a porrada que comentaste, bem acho q ambos os lados se armam, e cada um tenta impor suas opiniões de forma agressiva. De um lado os fervorosos religiosos e do outro os fervorosos liberais.

    Irene: Discordo de vc desta frase sua:”então que loucura ou melhor que irresponsabilidade querer colocar uma criança inocente no mundo, com grande risco de jogar em cima dela, todo o fardo dessa sacanagem”. Sacanagem para mim é algo feito por motivos superficiais, egoismo, prepotencia e outras emoções e sentimentos negativos. No caso apresentado, sinto um tom de carinho e amor nas palavras ditas, como o MC Black falou, não diminuo o erro por ele ter uma criança abençoada, mas fico feliz q tenha sido feito com base no amor e não o julgo por isso. Mas concordo quando fala do peso que está criança carregará quando tomar conciencia da vida em sociedade. Isto é algo proibido, visto com aberração(por diversos motivos), e realmente será um fardo a se carregar. Mas cada um tem seu destino, seu proposito.

    Guido: Em parte de meus comentarios. Argumento não com costumes impostos por mim, mas com costumes imposto pela propria sociedade através de uma tradição milenar. E nem uso argumentos religiosos ou espirituais, pq sei q não haverá compreensão na teoria. Por isso estou aplicando tudo do q entendo de sociedade, convivio, regras morais e eticas comum no meio. Mas como uma forma de refletir, pois apesar de colocar minhas opiniões e convicções, não imponho a ninguem seguir.

    Kaou: Bom, nem precisa evoluir assim, pq uma criança de 13 anos pode ficar gravida desde q ela já tenha mestruado alguma vez(creio assim sendo sinal do inicio fertil dela) apesar de q acredito q o Dr. dirá ser uma gravidez de risco. Casar, ao meu ver, seria o de menos. Apesar q preferiria q eles brincassem e agissem mais como crianças do q da forma q agem, desejam acelerar demais o tempo sem adquirir a sabedoria para aproveita-lo

  • Milorde

    Ae galera voltei

    Wilma: Como prometi vou te passar o livro, o nome na verdade é A Assustadora História da Maldade, autor Oliver Thomson, editora Pretígio Editorial. É um livro verde com uma ilustração de uma batalha, tem até uns carinhas de armadura dourada.

    Sobre a porrada que comentaste, bem acho q ambos os lados se armam, e cada um tenta impor suas opiniões de forma agressiva. De um lado os fervorosos religiosos e do outro os fervorosos liberais.

    Irene: Discordo de vc desta frase sua:”então que loucura ou melhor que irresponsabilidade querer colocar uma criança inocente no mundo, com grande risco de jogar em cima dela, todo o fardo dessa sacanagem”. Sacanagem para mim é algo feito por motivos superficiais, egoismo, prepotencia e outras emoções e sentimentos negativos. No caso apresentado, sinto um tom de carinho e amor nas palavras ditas, como o MC Black falou, não diminuo o erro por ele ter uma criança abençoada, mas fico feliz q tenha sido feito com base no amor e não o julgo por isso. Mas concordo quando fala do peso que está criança carregará quando tomar conciencia da vida em sociedade. Isto é algo proibido, visto com aberração(por diversos motivos), e realmente será um fardo a se carregar. Mas cada um tem seu destino, seu proposito.

    Guido: Em parte de meus comentarios. Argumento não com costumes impostos por mim, mas com costumes imposto pela propria sociedade através de uma tradição milenar. E nem uso argumentos religiosos ou espirituais, pq sei q não haverá compreensão na teoria. Por isso estou aplicando tudo do q entendo de sociedade, convivio, regras morais e eticas comum no meio. Mas como uma forma de refletir, pois apesar de colocar minhas opiniões e convicções, não imponho a ninguem seguir.

    Kaou: Bom, nem precisa evoluir assim, pq uma criança de 13 anos pode ficar gravida desde q ela já tenha mestruado alguma vez(creio assim sendo sinal do inicio fertil dela) apesar de q acredito q o Dr. dirá ser uma gravidez de risco. Casar, ao meu ver, seria o de menos. Apesar q preferiria q eles brincassem e agissem mais como crianças do q da forma q agem, desejam acelerar demais o tempo sem adquirir a sabedoria para aproveita-lo

  • Milorde

    Ae galera voltei

    Wilma: Como prometi vou te passar o livro, o nome na verdade é A Assustadora História da Maldade, autor Oliver Thomson, editora Pretígio Editorial. É um livro verde com uma ilustração de uma batalha, tem até uns carinhas de armadura dourada.

    Sobre a porrada que comentaste, bem acho q ambos os lados se armam, e cada um tenta impor suas opiniões de forma agressiva. De um lado os fervorosos religiosos e do outro os fervorosos liberais.

    Irene: Discordo de vc desta frase sua:”então que loucura ou melhor que irresponsabilidade querer colocar uma criança inocente no mundo, com grande risco de jogar em cima dela, todo o fardo dessa sacanagem”. Sacanagem para mim é algo feito por motivos superficiais, egoismo, prepotencia e outras emoções e sentimentos negativos. No caso apresentado, sinto um tom de carinho e amor nas palavras ditas, como o MC Black falou, não diminuo o erro por ele ter uma criança abençoada, mas fico feliz q tenha sido feito com base no amor e não o julgo por isso. Mas concordo quando fala do peso que está criança carregará quando tomar conciencia da vida em sociedade. Isto é algo proibido, visto com aberração(por diversos motivos), e realmente será um fardo a se carregar. Mas cada um tem seu destino, seu proposito.

    Guido: Em parte de meus comentarios. Argumento não com costumes impostos por mim, mas com costumes imposto pela propria sociedade através de uma tradição milenar. E nem uso argumentos religiosos ou espirituais, pq sei q não haverá compreensão na teoria. Por isso estou aplicando tudo do q entendo de sociedade, convivio, regras morais e eticas comum no meio. Mas como uma forma de refletir, pois apesar de colocar minhas opiniões e convicções, não imponho a ninguem seguir.

    Kaou: Bom, nem precisa evoluir assim, pq uma criança de 13 anos pode ficar gravida desde q ela já tenha mestruado alguma vez(creio assim sendo sinal do inicio fertil dela) apesar de q acredito q o Dr. dirá ser uma gravidez de risco. Casar, ao meu ver, seria o de menos. Apesar q preferiria q eles brincassem e agissem mais como crianças do q da forma q agem, desejam acelerar demais o tempo sem adquirir a sabedoria para aproveita-lo

  • Milorde

    Ae galera voltei

    Wilma: Como prometi vou te passar o livro, o nome na verdade é A Assustadora História da Maldade, autor Oliver Thomson, editora Pretígio Editorial. É um livro verde com uma ilustração de uma batalha, tem até uns carinhas de armadura dourada.

    Sobre a porrada que comentaste, bem acho q ambos os lados se armam, e cada um tenta impor suas opiniões de forma agressiva. De um lado os fervorosos religiosos e do outro os fervorosos liberais.

    Irene: Discordo de vc desta frase sua:”então que loucura ou melhor que irresponsabilidade querer colocar uma criança inocente no mundo, com grande risco de jogar em cima dela, todo o fardo dessa sacanagem”. Sacanagem para mim é algo feito por motivos superficiais, egoismo, prepotencia e outras emoções e sentimentos negativos. No caso apresentado, sinto um tom de carinho e amor nas palavras ditas, como o MC Black falou, não diminuo o erro por ele ter uma criança abençoada, mas fico feliz q tenha sido feito com base no amor e não o julgo por isso. Mas concordo quando fala do peso que está criança carregará quando tomar conciencia da vida em sociedade. Isto é algo proibido, visto com aberração(por diversos motivos), e realmente será um fardo a se carregar. Mas cada um tem seu destino, seu proposito.

    Guido: Em parte de meus comentarios. Argumento não com costumes impostos por mim, mas com costumes imposto pela propria sociedade através de uma tradição milenar. E nem uso argumentos religiosos ou espirituais, pq sei q não haverá compreensão na teoria. Por isso estou aplicando tudo do q entendo de sociedade, convivio, regras morais e eticas comum no meio. Mas como uma forma de refletir, pois apesar de colocar minhas opiniões e convicções, não imponho a ninguem seguir.

    Kaou: Bom, nem precisa evoluir assim, pq uma criança de 13 anos pode ficar gravida desde q ela já tenha mestruado alguma vez(creio assim sendo sinal do inicio fertil dela) apesar de q acredito q o Dr. dirá ser uma gravidez de risco. Casar, ao meu ver, seria o de menos. Apesar q preferiria q eles brincassem e agissem mais como crianças do q da forma q agem, desejam acelerar demais o tempo sem adquirir a sabedoria para aproveita-lo

  • Milorde

    Ae galera voltei

    Wilma: Como prometi vou te passar o livro, o nome na verdade é A Assustadora História da Maldade, autor Oliver Thomson, editora Pretígio Editorial. É um livro verde com uma ilustração de uma batalha, tem até uns carinhas de armadura dourada.

    Sobre a porrada que comentaste, bem acho q ambos os lados se armam, e cada um tenta impor suas opiniões de forma agressiva. De um lado os fervorosos religiosos e do outro os fervorosos liberais.

    Irene: Discordo de vc desta frase sua:”então que loucura ou melhor que irresponsabilidade querer colocar uma criança inocente no mundo, com grande risco de jogar em cima dela, todo o fardo dessa sacanagem”. Sacanagem para mim é algo feito por motivos superficiais, egoismo, prepotencia e outras emoções e sentimentos negativos. No caso apresentado, sinto um tom de carinho e amor nas palavras ditas, como o MC Black falou, não diminuo o erro por ele ter uma criança abençoada, mas fico feliz q tenha sido feito com base no amor e não o julgo por isso. Mas concordo quando fala do peso que está criança carregará quando tomar conciencia da vida em sociedade. Isto é algo proibido, visto com aberração(por diversos motivos), e realmente será um fardo a se carregar. Mas cada um tem seu destino, seu proposito.

    Guido: Em parte de meus comentarios. Argumento não com costumes impostos por mim, mas com costumes imposto pela propria sociedade através de uma tradição milenar. E nem uso argumentos religiosos ou espirituais, pq sei q não haverá compreensão na teoria. Por isso estou aplicando tudo do q entendo de sociedade, convivio, regras morais e eticas comum no meio. Mas como uma forma de refletir, pois apesar de colocar minhas opiniões e convicções, não imponho a ninguem seguir.

    Kaou: Bom, nem precisa evoluir assim, pq uma criança de 13 anos pode ficar gravida desde q ela já tenha mestruado alguma vez(creio assim sendo sinal do inicio fertil dela) apesar de q acredito q o Dr. dirá ser uma gravidez de risco. Casar, ao meu ver, seria o de menos. Apesar q preferiria q eles brincassem e agissem mais como crianças do q da forma q agem, desejam acelerar demais o tempo sem adquirir a sabedoria para aproveita-lo

  • Milorde

    Ae galera voltei

    Wilma: Como prometi vou te passar o livro, o nome na verdade é A Assustadora História da Maldade, autor Oliver Thomson, editora Pretígio Editorial. É um livro verde com uma ilustração de uma batalha, tem até uns carinhas de armadura dourada.

    Sobre a porrada que comentaste, bem acho q ambos os lados se armam, e cada um tenta impor suas opiniões de forma agressiva. De um lado os fervorosos religiosos e do outro os fervorosos liberais.

    Irene: Discordo de vc desta frase sua:”então que loucura ou melhor que irresponsabilidade querer colocar uma criança inocente no mundo, com grande risco de jogar em cima dela, todo o fardo dessa sacanagem”. Sacanagem para mim é algo feito por motivos superficiais, egoismo, prepotencia e outras emoções e sentimentos negativos. No caso apresentado, sinto um tom de carinho e amor nas palavras ditas, como o MC Black falou, não diminuo o erro por ele ter uma criança abençoada, mas fico feliz q tenha sido feito com base no amor e não o julgo por isso. Mas concordo quando fala do peso que está criança carregará quando tomar conciencia da vida em sociedade. Isto é algo proibido, visto com aberração(por diversos motivos), e realmente será um fardo a se carregar. Mas cada um tem seu destino, seu proposito.

    Guido: Em parte de meus comentarios. Argumento não com costumes impostos por mim, mas com costumes imposto pela propria sociedade através de uma tradição milenar. E nem uso argumentos religiosos ou espirituais, pq sei q não haverá compreensão na teoria. Por isso estou aplicando tudo do q entendo de sociedade, convivio, regras morais e eticas comum no meio. Mas como uma forma de refletir, pois apesar de colocar minhas opiniões e convicções, não imponho a ninguem seguir.

    Kaou: Bom, nem precisa evoluir assim, pq uma criança de 13 anos pode ficar gravida desde q ela já tenha mestruado alguma vez(creio assim sendo sinal do inicio fertil dela) apesar de q acredito q o Dr. dirá ser uma gravidez de risco. Casar, ao meu ver, seria o de menos. Apesar q preferiria q eles brincassem e agissem mais como crianças do q da forma q agem, desejam acelerar demais o tempo sem adquirir a sabedoria para aproveita-lo

  • Milorde

    Ae galera voltei

    Wilma: Como prometi vou te passar o livro, o nome na verdade é A Assustadora História da Maldade, autor Oliver Thomson, editora Pretígio Editorial. É um livro verde com uma ilustração de uma batalha, tem até uns carinhas de armadura dourada.

    Sobre a porrada que comentaste, bem acho q ambos os lados se armam, e cada um tenta impor suas opiniões de forma agressiva. De um lado os fervorosos religiosos e do outro os fervorosos liberais.

    Irene: Discordo de vc desta frase sua:”então que loucura ou melhor que irresponsabilidade querer colocar uma criança inocente no mundo, com grande risco de jogar em cima dela, todo o fardo dessa sacanagem”. Sacanagem para mim é algo feito por motivos superficiais, egoismo, prepotencia e outras emoções e sentimentos negativos. No caso apresentado, sinto um tom de carinho e amor nas palavras ditas, como o MC Black falou, não diminuo o erro por ele ter uma criança abençoada, mas fico feliz q tenha sido feito com base no amor e não o julgo por isso. Mas concordo quando fala do peso que está criança carregará quando tomar conciencia da vida em sociedade. Isto é algo proibido, visto com aberração(por diversos motivos), e realmente será um fardo a se carregar. Mas cada um tem seu destino, seu proposito.

    Guido: Em parte de meus comentarios. Argumento não com costumes impostos por mim, mas com costumes imposto pela propria sociedade através de uma tradição milenar. E nem uso argumentos religiosos ou espirituais, pq sei q não haverá compreensão na teoria. Por isso estou aplicando tudo do q entendo de sociedade, convivio, regras morais e eticas comum no meio. Mas como uma forma de refletir, pois apesar de colocar minhas opiniões e convicções, não imponho a ninguem seguir.

    Kaou: Bom, nem precisa evoluir assim, pq uma criança de 13 anos pode ficar gravida desde q ela já tenha mestruado alguma vez(creio assim sendo sinal do inicio fertil dela) apesar de q acredito q o Dr. dirá ser uma gravidez de risco. Casar, ao meu ver, seria o de menos. Apesar q preferiria q eles brincassem e agissem mais como crianças do q da forma q agem, desejam acelerar demais o tempo sem adquirir a sabedoria para aproveita-lo

  • Milorde

    Ae galera voltei

    Wilma: Como prometi vou te passar o livro, o nome na verdade é A Assustadora História da Maldade, autor Oliver Thomson, editora Pretígio Editorial. É um livro verde com uma ilustração de uma batalha, tem até uns carinhas de armadura dourada.

    Sobre a porrada que comentaste, bem acho q ambos os lados se armam, e cada um tenta impor suas opiniões de forma agressiva. De um lado os fervorosos religiosos e do outro os fervorosos liberais.

    Irene: Discordo de vc desta frase sua:”então que loucura ou melhor que irresponsabilidade querer colocar uma criança inocente no mundo, com grande risco de jogar em cima dela, todo o fardo dessa sacanagem”. Sacanagem para mim é algo feito por motivos superficiais, egoismo, prepotencia e outras emoções e sentimentos negativos. No caso apresentado, sinto um tom de carinho e amor nas palavras ditas, como o MC Black falou, não diminuo o erro por ele ter uma criança abençoada, mas fico feliz q tenha sido feito com base no amor e não o julgo por isso. Mas concordo quando fala do peso que está criança carregará quando tomar conciencia da vida em sociedade. Isto é algo proibido, visto com aberração(por diversos motivos), e realmente será um fardo a se carregar. Mas cada um tem seu destino, seu proposito.

    Guido: Em parte de meus comentarios. Argumento não com costumes impostos por mim, mas com costumes imposto pela propria sociedade através de uma tradição milenar. E nem uso argumentos religiosos ou espirituais, pq sei q não haverá compreensão na teoria. Por isso estou aplicando tudo do q entendo de sociedade, convivio, regras morais e eticas comum no meio. Mas como uma forma de refletir, pois apesar de colocar minhas opiniões e convicções, não imponho a ninguem seguir.

    Kaou: Bom, nem precisa evoluir assim, pq uma criança de 13 anos pode ficar gravida desde q ela já tenha mestruado alguma vez(creio assim sendo sinal do inicio fertil dela) apesar de q acredito q o Dr. dirá ser uma gravidez de risco. Casar, ao meu ver, seria o de menos. Apesar q preferiria q eles brincassem e agissem mais como crianças do q da forma q agem, desejam acelerar demais o tempo sem adquirir a sabedoria para aproveita-lo

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    “G, a onde vc quer q eu taque a pedra, hein?”
    -na sua cabeça, de preferência.

    Sério, eu duvido, e muito, que você NUNCA tenha tido NEM MESMO UM SONHO ERÓTICO com nenhum parente seu.

    “Falo q sou uma excesão sim. Tenho uma prima hj q está aos 15 anos, e é uma menina muito bonita, mas nem por isso senti ou sinto tesão por ela. Trato-a e sempre a tratarei como uma irmã, pq é este o laço que criei com meus primos, irmãos, amigos e etc. Não acho correto, para mim, que pessoas de laço de parentesco tão proximos sejam visto como oportunidades de prazer, não encaixa psicologicamente, geneticamente por causar desastre ao ter uma chance grande de obter uma criança doente, sem falar q socialmente é muito confuso de entender e compreender. Além de existe muitas mulheres no mundo no qual possa eu ter um relacionamento, sem problema algum. Agora entenda o fato, eu estou aplicando isso a MIM. EU atuo desta forma. Caso um terceiro busque conselhos a mim sobre o assunto eu vou dizer o q EU acredito. Segue se quiser.”

    Você trata suas amigas como alguém que não se deve sentir tesão? Parabéns.

    Suas parentes ou amigas não precisam ser vistos como necessidade de prazer, podem ser vistos simplesmente como objetos aptos a realizar um instinto natural inerte a qualquer ser humano.

    “Além disso pensar não é fazer, se fosse assim só existiria um ser humano na face da Terra, pq o restante mataria um aos outros. Ou vc nunca pensou em matar alguém?”

    Já, muita gente, religiosos inclusos.
    Não o fi-lo pq é a solução fácil demais. Pra que matar quando se pode forçar tal incomodo a se matar? Muito mais divertido.

    E você pensou ou sentiu tesão ou não? Eu disse que vocês são hipócritas por repreender o fato do cara sentir tesão na irmã, não por ele ter comido de fato ela.
    Todo mundo já sentiu tesão, afirmo. E o primeiro que jogar a pedra vai receber meteorito de volta.

    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.
    Pois é, e o catoliscismo/cristianismo/umbandismo foi feito por gente hipócrita.
    Os dois primeiros pq os romanos precisavam lucrar com a religião de alguma forma, então endeusaram um carinha qualquer e botaram a mulher como o ser mais demoníaco da face da terra: ela que comeu a maça e acarretou na queda da humanidade, ela quem se deixou seduzir pela cobra e o caralho [cobra, caralho, got it?].

    Já notaram que apenas as religiões modernas que reprimem as mulheres, enquanto as antigas [tipo, pré-cristianismo] as exaltam?
    Enfins, isso não vem ao caso agora. O que vem é: quem nunca sentiu tesão? E não adianta vir com essa de “eu evitei pensar em parentes próximos como fonte de prazer”, o tesão é antes de tudo, um necessidade natural [devidamente reprimida pela igreja, se bem me lembro].

    “Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outro”
    -Fazer o bem e sofrer pra tanto, né? Pelo menos enquanto “civil”, pq se você for padre, poderá recebre todo o ouro que o banco do vaticano estiver disposto a dar para sua santa causa. Se você for padre, pode dormir em todo o luxo que seus fiéis puderem sustentar, dentro do seu tempo adornado por ouro, prata e bronze.

    Outra coisa: todos esses valores morais podem ser aprendidos pelo pai, nem que seja na base da surra. Ou do tio. Ou do vizinho, ou por alguém inteligente ou alguém com tendência a filosofar.
    Não precisamos de religião para tanto.

    Eu me tornei uma pessoa melhor, e admito que foi por causa das religiões. Só de ver a hipocrisia, politicagem e jogo de interesses nos autos escalões sacrais me fizeram ter nojo de tal raça.

    Mas diz aí, aonde eu disse que deus estava errado? Disse que a religião em si é hipócrita, presta bem atenção no que eu escrevi e EVITE PUXAR ASSUNTO DESNECESSÁRIO PRA CONVERSA, CARALHO

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    “G, a onde vc quer q eu taque a pedra, hein?”
    -na sua cabeça, de preferência.

    Sério, eu duvido, e muito, que você NUNCA tenha tido NEM MESMO UM SONHO ERÓTICO com nenhum parente seu.

    “Falo q sou uma excesão sim. Tenho uma prima hj q está aos 15 anos, e é uma menina muito bonita, mas nem por isso senti ou sinto tesão por ela. Trato-a e sempre a tratarei como uma irmã, pq é este o laço que criei com meus primos, irmãos, amigos e etc. Não acho correto, para mim, que pessoas de laço de parentesco tão proximos sejam visto como oportunidades de prazer, não encaixa psicologicamente, geneticamente por causar desastre ao ter uma chance grande de obter uma criança doente, sem falar q socialmente é muito confuso de entender e compreender. Além de existe muitas mulheres no mundo no qual possa eu ter um relacionamento, sem problema algum. Agora entenda o fato, eu estou aplicando isso a MIM. EU atuo desta forma. Caso um terceiro busque conselhos a mim sobre o assunto eu vou dizer o q EU acredito. Segue se quiser.”

    Você trata suas amigas como alguém que não se deve sentir tesão? Parabéns.

    Suas parentes ou amigas não precisam ser vistos como necessidade de prazer, podem ser vistos simplesmente como objetos aptos a realizar um instinto natural inerte a qualquer ser humano.

    “Além disso pensar não é fazer, se fosse assim só existiria um ser humano na face da Terra, pq o restante mataria um aos outros. Ou vc nunca pensou em matar alguém?”

    Já, muita gente, religiosos inclusos.
    Não o fi-lo pq é a solução fácil demais. Pra que matar quando se pode forçar tal incomodo a se matar? Muito mais divertido.

    E você pensou ou sentiu tesão ou não? Eu disse que vocês são hipócritas por repreender o fato do cara sentir tesão na irmã, não por ele ter comido de fato ela.
    Todo mundo já sentiu tesão, afirmo. E o primeiro que jogar a pedra vai receber meteorito de volta.

    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.
    Pois é, e o catoliscismo/cristianismo/umbandismo foi feito por gente hipócrita.
    Os dois primeiros pq os romanos precisavam lucrar com a religião de alguma forma, então endeusaram um carinha qualquer e botaram a mulher como o ser mais demoníaco da face da terra: ela que comeu a maça e acarretou na queda da humanidade, ela quem se deixou seduzir pela cobra e o caralho [cobra, caralho, got it?].

    Já notaram que apenas as religiões modernas que reprimem as mulheres, enquanto as antigas [tipo, pré-cristianismo] as exaltam?
    Enfins, isso não vem ao caso agora. O que vem é: quem nunca sentiu tesão? E não adianta vir com essa de “eu evitei pensar em parentes próximos como fonte de prazer”, o tesão é antes de tudo, um necessidade natural [devidamente reprimida pela igreja, se bem me lembro].

    “Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outro”
    -Fazer o bem e sofrer pra tanto, né? Pelo menos enquanto “civil”, pq se você for padre, poderá recebre todo o ouro que o banco do vaticano estiver disposto a dar para sua santa causa. Se você for padre, pode dormir em todo o luxo que seus fiéis puderem sustentar, dentro do seu tempo adornado por ouro, prata e bronze.

    Outra coisa: todos esses valores morais podem ser aprendidos pelo pai, nem que seja na base da surra. Ou do tio. Ou do vizinho, ou por alguém inteligente ou alguém com tendência a filosofar.
    Não precisamos de religião para tanto.

    Eu me tornei uma pessoa melhor, e admito que foi por causa das religiões. Só de ver a hipocrisia, politicagem e jogo de interesses nos autos escalões sacrais me fizeram ter nojo de tal raça.

    Mas diz aí, aonde eu disse que deus estava errado? Disse que a religião em si é hipócrita, presta bem atenção no que eu escrevi e EVITE PUXAR ASSUNTO DESNECESSÁRIO PRA CONVERSA, CARALHO

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    “G, a onde vc quer q eu taque a pedra, hein?”
    -na sua cabeça, de preferência.

    Sério, eu duvido, e muito, que você NUNCA tenha tido NEM MESMO UM SONHO ERÓTICO com nenhum parente seu.

    “Falo q sou uma excesão sim. Tenho uma prima hj q está aos 15 anos, e é uma menina muito bonita, mas nem por isso senti ou sinto tesão por ela. Trato-a e sempre a tratarei como uma irmã, pq é este o laço que criei com meus primos, irmãos, amigos e etc. Não acho correto, para mim, que pessoas de laço de parentesco tão proximos sejam visto como oportunidades de prazer, não encaixa psicologicamente, geneticamente por causar desastre ao ter uma chance grande de obter uma criança doente, sem falar q socialmente é muito confuso de entender e compreender. Além de existe muitas mulheres no mundo no qual possa eu ter um relacionamento, sem problema algum. Agora entenda o fato, eu estou aplicando isso a MIM. EU atuo desta forma. Caso um terceiro busque conselhos a mim sobre o assunto eu vou dizer o q EU acredito. Segue se quiser.”

    Você trata suas amigas como alguém que não se deve sentir tesão? Parabéns.

    Suas parentes ou amigas não precisam ser vistos como necessidade de prazer, podem ser vistos simplesmente como objetos aptos a realizar um instinto natural inerte a qualquer ser humano.

    “Além disso pensar não é fazer, se fosse assim só existiria um ser humano na face da Terra, pq o restante mataria um aos outros. Ou vc nunca pensou em matar alguém?”

    Já, muita gente, religiosos inclusos.
    Não o fi-lo pq é a solução fácil demais. Pra que matar quando se pode forçar tal incomodo a se matar? Muito mais divertido.

    E você pensou ou sentiu tesão ou não? Eu disse que vocês são hipócritas por repreender o fato do cara sentir tesão na irmã, não por ele ter comido de fato ela.
    Todo mundo já sentiu tesão, afirmo. E o primeiro que jogar a pedra vai receber meteorito de volta.

    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.
    Pois é, e o catoliscismo/cristianismo/umbandismo foi feito por gente hipócrita.
    Os dois primeiros pq os romanos precisavam lucrar com a religião de alguma forma, então endeusaram um carinha qualquer e botaram a mulher como o ser mais demoníaco da face da terra: ela que comeu a maça e acarretou na queda da humanidade, ela quem se deixou seduzir pela cobra e o caralho [cobra, caralho, got it?].

    Já notaram que apenas as religiões modernas que reprimem as mulheres, enquanto as antigas [tipo, pré-cristianismo] as exaltam?
    Enfins, isso não vem ao caso agora. O que vem é: quem nunca sentiu tesão? E não adianta vir com essa de “eu evitei pensar em parentes próximos como fonte de prazer”, o tesão é antes de tudo, um necessidade natural [devidamente reprimida pela igreja, se bem me lembro].

    “Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outro”
    -Fazer o bem e sofrer pra tanto, né? Pelo menos enquanto “civil”, pq se você for padre, poderá recebre todo o ouro que o banco do vaticano estiver disposto a dar para sua santa causa. Se você for padre, pode dormir em todo o luxo que seus fiéis puderem sustentar, dentro do seu tempo adornado por ouro, prata e bronze.

    Outra coisa: todos esses valores morais podem ser aprendidos pelo pai, nem que seja na base da surra. Ou do tio. Ou do vizinho, ou por alguém inteligente ou alguém com tendência a filosofar.
    Não precisamos de religião para tanto.

    Eu me tornei uma pessoa melhor, e admito que foi por causa das religiões. Só de ver a hipocrisia, politicagem e jogo de interesses nos autos escalões sacrais me fizeram ter nojo de tal raça.

    Mas diz aí, aonde eu disse que deus estava errado? Disse que a religião em si é hipócrita, presta bem atenção no que eu escrevi e EVITE PUXAR ASSUNTO DESNECESSÁRIO PRA CONVERSA, CARALHO

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    “G, a onde vc quer q eu taque a pedra, hein?”
    -na sua cabeça, de preferência.

    Sério, eu duvido, e muito, que você NUNCA tenha tido NEM MESMO UM SONHO ERÓTICO com nenhum parente seu.

    “Falo q sou uma excesão sim. Tenho uma prima hj q está aos 15 anos, e é uma menina muito bonita, mas nem por isso senti ou sinto tesão por ela. Trato-a e sempre a tratarei como uma irmã, pq é este o laço que criei com meus primos, irmãos, amigos e etc. Não acho correto, para mim, que pessoas de laço de parentesco tão proximos sejam visto como oportunidades de prazer, não encaixa psicologicamente, geneticamente por causar desastre ao ter uma chance grande de obter uma criança doente, sem falar q socialmente é muito confuso de entender e compreender. Além de existe muitas mulheres no mundo no qual possa eu ter um relacionamento, sem problema algum. Agora entenda o fato, eu estou aplicando isso a MIM. EU atuo desta forma. Caso um terceiro busque conselhos a mim sobre o assunto eu vou dizer o q EU acredito. Segue se quiser.”

    Você trata suas amigas como alguém que não se deve sentir tesão? Parabéns.

    Suas parentes ou amigas não precisam ser vistos como necessidade de prazer, podem ser vistos simplesmente como objetos aptos a realizar um instinto natural inerte a qualquer ser humano.

    “Além disso pensar não é fazer, se fosse assim só existiria um ser humano na face da Terra, pq o restante mataria um aos outros. Ou vc nunca pensou em matar alguém?”

    Já, muita gente, religiosos inclusos.
    Não o fi-lo pq é a solução fácil demais. Pra que matar quando se pode forçar tal incomodo a se matar? Muito mais divertido.

    E você pensou ou sentiu tesão ou não? Eu disse que vocês são hipócritas por repreender o fato do cara sentir tesão na irmã, não por ele ter comido de fato ela.
    Todo mundo já sentiu tesão, afirmo. E o primeiro que jogar a pedra vai receber meteorito de volta.

    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.
    Pois é, e o catoliscismo/cristianismo/umbandismo foi feito por gente hipócrita.
    Os dois primeiros pq os romanos precisavam lucrar com a religião de alguma forma, então endeusaram um carinha qualquer e botaram a mulher como o ser mais demoníaco da face da terra: ela que comeu a maça e acarretou na queda da humanidade, ela quem se deixou seduzir pela cobra e o caralho [cobra, caralho, got it?].

    Já notaram que apenas as religiões modernas que reprimem as mulheres, enquanto as antigas [tipo, pré-cristianismo] as exaltam?
    Enfins, isso não vem ao caso agora. O que vem é: quem nunca sentiu tesão? E não adianta vir com essa de “eu evitei pensar em parentes próximos como fonte de prazer”, o tesão é antes de tudo, um necessidade natural [devidamente reprimida pela igreja, se bem me lembro].

    “Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outro”
    -Fazer o bem e sofrer pra tanto, né? Pelo menos enquanto “civil”, pq se você for padre, poderá recebre todo o ouro que o banco do vaticano estiver disposto a dar para sua santa causa. Se você for padre, pode dormir em todo o luxo que seus fiéis puderem sustentar, dentro do seu tempo adornado por ouro, prata e bronze.

    Outra coisa: todos esses valores morais podem ser aprendidos pelo pai, nem que seja na base da surra. Ou do tio. Ou do vizinho, ou por alguém inteligente ou alguém com tendência a filosofar.
    Não precisamos de religião para tanto.

    Eu me tornei uma pessoa melhor, e admito que foi por causa das religiões. Só de ver a hipocrisia, politicagem e jogo de interesses nos autos escalões sacrais me fizeram ter nojo de tal raça.

    Mas diz aí, aonde eu disse que deus estava errado? Disse que a religião em si é hipócrita, presta bem atenção no que eu escrevi e EVITE PUXAR ASSUNTO DESNECESSÁRIO PRA CONVERSA, CARALHO

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    “G, a onde vc quer q eu taque a pedra, hein?”
    -na sua cabeça, de preferência.

    Sério, eu duvido, e muito, que você NUNCA tenha tido NEM MESMO UM SONHO ERÓTICO com nenhum parente seu.

    “Falo q sou uma excesão sim. Tenho uma prima hj q está aos 15 anos, e é uma menina muito bonita, mas nem por isso senti ou sinto tesão por ela. Trato-a e sempre a tratarei como uma irmã, pq é este o laço que criei com meus primos, irmãos, amigos e etc. Não acho correto, para mim, que pessoas de laço de parentesco tão proximos sejam visto como oportunidades de prazer, não encaixa psicologicamente, geneticamente por causar desastre ao ter uma chance grande de obter uma criança doente, sem falar q socialmente é muito confuso de entender e compreender. Além de existe muitas mulheres no mundo no qual possa eu ter um relacionamento, sem problema algum. Agora entenda o fato, eu estou aplicando isso a MIM. EU atuo desta forma. Caso um terceiro busque conselhos a mim sobre o assunto eu vou dizer o q EU acredito. Segue se quiser.”

    Você trata suas amigas como alguém que não se deve sentir tesão? Parabéns.

    Suas parentes ou amigas não precisam ser vistos como necessidade de prazer, podem ser vistos simplesmente como objetos aptos a realizar um instinto natural inerte a qualquer ser humano.

    “Além disso pensar não é fazer, se fosse assim só existiria um ser humano na face da Terra, pq o restante mataria um aos outros. Ou vc nunca pensou em matar alguém?”

    Já, muita gente, religiosos inclusos.
    Não o fi-lo pq é a solução fácil demais. Pra que matar quando se pode forçar tal incomodo a se matar? Muito mais divertido.

    E você pensou ou sentiu tesão ou não? Eu disse que vocês são hipócritas por repreender o fato do cara sentir tesão na irmã, não por ele ter comido de fato ela.
    Todo mundo já sentiu tesão, afirmo. E o primeiro que jogar a pedra vai receber meteorito de volta.

    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.
    Pois é, e o catoliscismo/cristianismo/umbandismo foi feito por gente hipócrita.
    Os dois primeiros pq os romanos precisavam lucrar com a religião de alguma forma, então endeusaram um carinha qualquer e botaram a mulher como o ser mais demoníaco da face da terra: ela que comeu a maça e acarretou na queda da humanidade, ela quem se deixou seduzir pela cobra e o caralho [cobra, caralho, got it?].

    Já notaram que apenas as religiões modernas que reprimem as mulheres, enquanto as antigas [tipo, pré-cristianismo] as exaltam?
    Enfins, isso não vem ao caso agora. O que vem é: quem nunca sentiu tesão? E não adianta vir com essa de “eu evitei pensar em parentes próximos como fonte de prazer”, o tesão é antes de tudo, um necessidade natural [devidamente reprimida pela igreja, se bem me lembro].

    “Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outro”
    -Fazer o bem e sofrer pra tanto, né? Pelo menos enquanto “civil”, pq se você for padre, poderá recebre todo o ouro que o banco do vaticano estiver disposto a dar para sua santa causa. Se você for padre, pode dormir em todo o luxo que seus fiéis puderem sustentar, dentro do seu tempo adornado por ouro, prata e bronze.

    Outra coisa: todos esses valores morais podem ser aprendidos pelo pai, nem que seja na base da surra. Ou do tio. Ou do vizinho, ou por alguém inteligente ou alguém com tendência a filosofar.
    Não precisamos de religião para tanto.

    Eu me tornei uma pessoa melhor, e admito que foi por causa das religiões. Só de ver a hipocrisia, politicagem e jogo de interesses nos autos escalões sacrais me fizeram ter nojo de tal raça.

    Mas diz aí, aonde eu disse que deus estava errado? Disse que a religião em si é hipócrita, presta bem atenção no que eu escrevi e EVITE PUXAR ASSUNTO DESNECESSÁRIO PRA CONVERSA, CARALHO

  • http://underlineg.blogspot.com _g

    “G, a onde vc quer q eu taque a pedra, hein?”
    -na sua cabeça, de preferência.

    Sério, eu duvido, e muito, que você NUNCA tenha tido NEM MESMO UM SONHO ERÓTICO com nenhum parente seu.

    “Falo q sou uma excesão sim. Tenho uma prima hj q está aos 15 anos, e é uma menina muito bonita, mas nem por isso senti ou sinto tesão por ela. Trato-a e sempre a tratarei como uma irmã, pq é este o laço que criei com meus primos, irmãos, amigos e etc. Não acho correto, para mim, que pessoas de laço de parentesco tão proximos sejam visto como oportunidades de prazer, não encaixa psicologicamente, geneticamente por causar desastre ao ter uma chance grande de obter uma criança doente, sem falar q socialmente é muito confuso de entender e compreender. Além de existe muitas mulheres no mundo no qual possa eu ter um relacionamento, sem problema algum. Agora entenda o fato, eu estou aplicando isso a MIM. EU atuo desta forma. Caso um terceiro busque conselhos a mim sobre o assunto eu vou dizer o q EU acredito. Segue se quiser.”

    Você trata suas amigas como alguém que não se deve sentir tesão? Parabéns.

    Suas parentes ou amigas não precisam ser vistos como necessidade de prazer, podem ser vistos simplesmente como objetos aptos a realizar um instinto natural inerte a qualquer ser humano.

    “Além disso pensar não é fazer, se fosse assim só existiria um ser humano na face da Terra, pq o restante mataria um aos outros. Ou vc nunca pensou em matar alguém?”

    Já, muita gente, religiosos inclusos.
    Não o fi-lo pq é a solução fácil demais. Pra que matar quando se pode forçar tal incomodo a se matar? Muito mais divertido.

    E você pensou ou sentiu tesão ou não? Eu disse que vocês são hipócritas por repreender o fato do cara sentir tesão na irmã, não por ele ter comido de fato ela.
    Todo mundo já sentiu tesão, afirmo. E o primeiro que jogar a pedra vai receber meteorito de volta.

    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.
    Pois é, e o catoliscismo/cristianismo/umbandismo foi feito por gente hipócrita.
    Os dois primeiros pq os romanos precisavam lucrar com a religião de alguma forma, então endeusaram um carinha qualquer e botaram a mulher como o ser mais demoníaco da face da terra: ela que comeu a maça e acarretou na queda da humanidade, ela quem se deixou seduzir pela cobra e o caralho [cobra, caralho, got it?].

    Já notaram que apenas as religiões modernas que reprimem as mulheres, enquanto as antigas [tipo, pré-cristianismo] as exaltam?
    Enfins, isso não vem ao caso agora. O que vem é: quem nunca sentiu tesão? E não adianta vir com essa de “eu evitei pensar em parentes próximos como fonte de prazer”, o tesão é antes de tudo, um necessidade natural [devidamente reprimida pela igreja, se bem me lembro].

    “Não discuto sobre qual Deus é o verdadeiro Deus, se é Rá, Odin, Zeus, Jeová ou quem criou o que, mas sim o fato da religião levar a crença de que fazer o BEM é um ato humanitário, que o objetivo do seu nascimento não é simplesmente ganhar dinheiro (algo q também foi criado pelo homem e hj muita gente o persegue de forma violenta como se fosse um Deus) e sim ser uma pessoa melhor. É essa parte que devemos nos ater. E é essa parte principal q é feita nossa filosofia, estilo de vida, etica profissional, bom senso, bom convivio entre outro”
    -Fazer o bem e sofrer pra tanto, né? Pelo menos enquanto “civil”, pq se você for padre, poderá recebre todo o ouro que o banco do vaticano estiver disposto a dar para sua santa causa. Se você for padre, pode dormir em todo o luxo que seus fiéis puderem sustentar, dentro do seu tempo adornado por ouro, prata e bronze.

    Outra coisa: todos esses valores morais podem ser aprendidos pelo pai, nem que seja na base da surra. Ou do tio. Ou do vizinho, ou por alguém inteligente ou alguém com tendência a filosofar.
    Não precisamos de religião para tanto.

    Eu me tornei uma pessoa melhor, e admito que foi por causa das religiões. Só de ver a hipocrisia, politicagem e jogo de interesses nos autos escalões sacrais me fizeram ter nojo de tal raça.

    Mas diz aí, aonde eu disse que deus estava errado? Disse que a religião em si é hipócrita, presta bem atenção no que eu escrevi e EVITE PUXAR ASSUNTO DESNECESSÁRIO PRA CONVERSA, CARALHO

  • Fred

    A discussao perdeu o rumo, so quero comentar mais umas coisas.

    Um argumento nao e automaticamente nulo por ser basear em algo religioso.

    E defender tudo quanto e absurdo dizendo nao ser preconceituoso e outra loucura.

    Tem muita gente aqui confundindo opiniao, conceitos e valores com preconceito.

  • Fred

    A discussao perdeu o rumo, so quero comentar mais umas coisas.

    Um argumento nao e automaticamente nulo por ser basear em algo religioso.

    E defender tudo quanto e absurdo dizendo nao ser preconceituoso e outra loucura.

    Tem muita gente aqui confundindo opiniao, conceitos e valores com preconceito.

  • Fred

    A discussao perdeu o rumo, so quero comentar mais umas coisas.

    Um argumento nao e automaticamente nulo por ser basear em algo religioso.

    E defender tudo quanto e absurdo dizendo nao ser preconceituoso e outra loucura.

    Tem muita gente aqui confundindo opiniao, conceitos e valores com preconceito.

  • Fred

    A discussao perdeu o rumo, so quero comentar mais umas coisas.

    Um argumento nao e automaticamente nulo por ser basear em algo religioso.

    E defender tudo quanto e absurdo dizendo nao ser preconceituoso e outra loucura.

    Tem muita gente aqui confundindo opiniao, conceitos e valores com preconceito.

  • Fred

    A discussao perdeu o rumo, so quero comentar mais umas coisas.

    Um argumento nao e automaticamente nulo por ser basear em algo religioso.

    E defender tudo quanto e absurdo dizendo nao ser preconceituoso e outra loucura.

    Tem muita gente aqui confundindo opiniao, conceitos e valores com preconceito.

  • Fred

    A discussao perdeu o rumo, so quero comentar mais umas coisas.

    Um argumento nao e automaticamente nulo por ser basear em algo religioso.

    E defender tudo quanto e absurdo dizendo nao ser preconceituoso e outra loucura.

    Tem muita gente aqui confundindo opiniao, conceitos e valores com preconceito.

  • Fred

    A discussao perdeu o rumo, so quero comentar mais umas coisas.

    Um argumento nao e automaticamente nulo por ser basear em algo religioso.

    E defender tudo quanto e absurdo dizendo nao ser preconceituoso e outra loucura.

    Tem muita gente aqui confundindo opiniao, conceitos e valores com preconceito.

  • Fred

    A discussao perdeu o rumo, so quero comentar mais umas coisas.

    Um argumento nao e automaticamente nulo por ser basear em algo religioso.

    E defender tudo quanto e absurdo dizendo nao ser preconceituoso e outra loucura.

    Tem muita gente aqui confundindo opiniao, conceitos e valores com preconceito.

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Se vc escreveu “caaaalma….” e mas “relaxa, lindinha”, então não entendeu o que escrevi.
    ‘Xá pra lá! :)

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Se vc escreveu “caaaalma….” e mas “relaxa, lindinha”, então não entendeu o que escrevi.
    ‘Xá pra lá! :)

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Se vc escreveu “caaaalma….” e mas “relaxa, lindinha”, então não entendeu o que escrevi.
    ‘Xá pra lá! :)

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Se vc escreveu “caaaalma….” e mas “relaxa, lindinha”, então não entendeu o que escrevi.
    ‘Xá pra lá! :)

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    Se vc escreveu “caaaalma….” e mas “relaxa, lindinha”, então não entendeu o que escrevi.
    ‘Xá pra lá! :)

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com Carla

    Se vc escreveu “caaaalma….” e mas “relaxa, lindinha”, então não entendeu o que escrevi.
    ‘Xá pra lá! :)

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    aquele ‘mas’ alí, ó, não existe. ;)

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    aquele ‘mas’ alí, ó, não existe. ;)

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    aquele ‘mas’ alí, ó, não existe. ;)

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    aquele ‘mas’ alí, ó, não existe. ;)

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com/ Carla

    aquele ‘mas’ alí, ó, não existe. ;)

  • http://paralembrarouesquecer.blogspot.com Carla

    aquele ‘mas’ alí, ó, não existe. ;)

  • Gustavo Alencastro

    Ava.
    comentou em 01.07.2008 às 15:20
    ei dotorzinho..de mer…..da….quando q tu iras nos dar uma resposta sobre nossa perguntas de coluna?????????????????????????
    colega….que deprimente..tu fica dando atênção para essas coisinhas…sem valor…e não respondes oque deveria!!!!quanta bestialidade!!!!quanta incuria!!!!!!vai de novo pra ponte q partiuuuuuuuu!!!!!!!idiota!!!!!!!!

    Nossa que ira dessa mulher, qual é Ava Gardner tá stressada, vai pagar uma consulta e não enche o saco!

  • Gustavo Alencastro

    Ava.
    comentou em 01.07.2008 às 15:20
    ei dotorzinho..de mer…..da….quando q tu iras nos dar uma resposta sobre nossa perguntas de coluna?????????????????????????
    colega….que deprimente..tu fica dando atênção para essas coisinhas…sem valor…e não respondes oque deveria!!!!quanta bestialidade!!!!quanta incuria!!!!!!vai de novo pra ponte q partiuuuuuuuu!!!!!!!idiota!!!!!!!!

    Nossa que ira dessa mulher, qual é Ava Gardner tá stressada, vai pagar uma consulta e não enche o saco!

  • Gustavo Alencastro

    Ava.
    comentou em 01.07.2008 às 15:20
    ei dotorzinho..de mer…..da….quando q tu iras nos dar uma resposta sobre nossa perguntas de coluna?????????????????????????
    colega….que deprimente..tu fica dando atênção para essas coisinhas…sem valor…e não respondes oque deveria!!!!quanta bestialidade!!!!quanta incuria!!!!!!vai de novo pra ponte q partiuuuuuuuu!!!!!!!idiota!!!!!!!!

    Nossa que ira dessa mulher, qual é Ava Gardner tá stressada, vai pagar uma consulta e não enche o saco!

  • Gustavo Alencastro

    Ava.
    comentou em 01.07.2008 às 15:20
    ei dotorzinho..de mer…..da….quando q tu iras nos dar uma resposta sobre nossa perguntas de coluna?????????????????????????
    colega….que deprimente..tu fica dando atênção para essas coisinhas…sem valor…e não respondes oque deveria!!!!quanta bestialidade!!!!quanta incuria!!!!!!vai de novo pra ponte q partiuuuuuuuu!!!!!!!idiota!!!!!!!!

    Nossa que ira dessa mulher, qual é Ava Gardner tá stressada, vai pagar uma consulta e não enche o saco!

  • Gustavo Alencastro

    Ava.
    comentou em 01.07.2008 às 15:20
    ei dotorzinho..de mer…..da….quando q tu iras nos dar uma resposta sobre nossa perguntas de coluna?????????????????????????
    colega….que deprimente..tu fica dando atênção para essas coisinhas…sem valor…e não respondes oque deveria!!!!quanta bestialidade!!!!quanta incuria!!!!!!vai de novo pra ponte q partiuuuuuuuu!!!!!!!idiota!!!!!!!!

    Nossa que ira dessa mulher, qual é Ava Gardner tá stressada, vai pagar uma consulta e não enche o saco!

  • Gustavo Alencastro

    Ava.
    comentou em 01.07.2008 às 15:20
    ei dotorzinho..de mer…..da….quando q tu iras nos dar uma resposta sobre nossa perguntas de coluna?????????????????????????
    colega….que deprimente..tu fica dando atênção para essas coisinhas…sem valor…e não respondes oque deveria!!!!quanta bestialidade!!!!quanta incuria!!!!!!vai de novo pra ponte q partiuuuuuuuu!!!!!!!idiota!!!!!!!!

    Nossa que ira dessa mulher, qual é Ava Gardner tá stressada, vai pagar uma consulta e não enche o saco!

  • Gustavo Alencastro

    Ava.
    comentou em 01.07.2008 às 15:20
    ei dotorzinho..de mer…..da….quando q tu iras nos dar uma resposta sobre nossa perguntas de coluna?????????????????????????
    colega….que deprimente..tu fica dando atênção para essas coisinhas…sem valor…e não respondes oque deveria!!!!quanta bestialidade!!!!quanta incuria!!!!!!vai de novo pra ponte q partiuuuuuuuu!!!!!!!idiota!!!!!!!!

    Nossa que ira dessa mulher, qual é Ava Gardner tá stressada, vai pagar uma consulta e não enche o saco!

  • Gustavo Alencastro

    “quanta bestialidade” me lembrou do nome do primeiro disco do Sepultura (split LP com a banda Overdose) – Bestial Devastation (1985)

  • Gustavo Alencastro

    “quanta bestialidade” me lembrou do nome do primeiro disco do Sepultura (split LP com a banda Overdose) – Bestial Devastation (1985)

  • Gustavo Alencastro

    “quanta bestialidade” me lembrou do nome do primeiro disco do Sepultura (split LP com a banda Overdose) – Bestial Devastation (1985)

  • Gustavo Alencastro

    “quanta bestialidade” me lembrou do nome do primeiro disco do Sepultura (split LP com a banda Overdose) – Bestial Devastation (1985)

  • Gustavo Alencastro

    “quanta bestialidade” me lembrou do nome do primeiro disco do Sepultura (split LP com a banda Overdose) – Bestial Devastation (1985)

  • Gustavo Alencastro

    “quanta bestialidade” me lembrou do nome do primeiro disco do Sepultura (split LP com a banda Overdose) – Bestial Devastation (1985)

  • Gustavo Alencastro

    “quanta bestialidade” me lembrou do nome do primeiro disco do Sepultura (split LP com a banda Overdose) – Bestial Devastation (1985)

  • Gustavo Alencastro

    “quanta bestialidade” me lembrou do nome do primeiro disco do Sepultura (split LP com a banda Overdose) – Bestial Devastation (1985)

  • Gustavo Alencastro

    “quanta bestialidade” me lembrou do nome do primeiro disco do Sepultura (split LP com a banda Overdose) – Bestial Devastation (1985)

  • Milorde

    E depois é o religioso, ou um cara que segue uma filosofia q é o fanatico estupido.

    Cara, nem preciso tacar pedra em vc, tu mesmo se apedreja sozinho, azar o seu se vc sente tesão na tua irmã, prima, mãe ou se sentiu vontade de dá para o seu pai, irmão, tio ou diabo a quatro. E por outro lado problema teu se vc não acredita em mim. Se não está satisfeito com a conversa, cai fora. Vai se juntar com sua familia hedonica.

    Pra mim, sua filosofizinha é inválida se agem de forma agressiva, atacando sem senso qualquer argumento q vai contra o seu, sua atitude nada é difere do tipo de pessoa q vc reclama. E não vai ser me xingando q adiantará alguma coisa.

    Só para completar, definição retirada da Wikipedia:

    “A hipocrisia é o ato de fingir ter crenças, virtudes e sentimentos que a pessoa na verdade não possui. A palavra deriva do latim hypocrisis e do grego hupokrisis ambos significando representar ou fingir.

    Um exemplo clássico de ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”

    Resumindo: Crença não se limita a religião em sim em acreditar em algo, no seu caso acredita q ser liberal extremista é a melhor coisa e liberar qualquer ato valido, mesmo q vá contra a opinião da grande maioria. Segundo, sua atitude é totalmente compativel coma segunda frase: “Ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”
    Vc combate a parte de religiosos q tem preconceitos desmedidos, utilizando a mesma armas q eles: O PRECONCEITO. De forma tão fanatica e ferrenha q utiliza de palavras zulas, agressivas e ofensivas, por ser incapaz de manter um argumento forte que comprove seu credo. O q o torna no final UM HIPOCRITA tb.

  • Milorde

    E depois é o religioso, ou um cara que segue uma filosofia q é o fanatico estupido.

    Cara, nem preciso tacar pedra em vc, tu mesmo se apedreja sozinho, azar o seu se vc sente tesão na tua irmã, prima, mãe ou se sentiu vontade de dá para o seu pai, irmão, tio ou diabo a quatro. E por outro lado problema teu se vc não acredita em mim. Se não está satisfeito com a conversa, cai fora. Vai se juntar com sua familia hedonica.

    Pra mim, sua filosofizinha é inválida se agem de forma agressiva, atacando sem senso qualquer argumento q vai contra o seu, sua atitude nada é difere do tipo de pessoa q vc reclama. E não vai ser me xingando q adiantará alguma coisa.

    Só para completar, definição retirada da Wikipedia:

    “A hipocrisia é o ato de fingir ter crenças, virtudes e sentimentos que a pessoa na verdade não possui. A palavra deriva do latim hypocrisis e do grego hupokrisis ambos significando representar ou fingir.

    Um exemplo clássico de ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”

    Resumindo: Crença não se limita a religião em sim em acreditar em algo, no seu caso acredita q ser liberal extremista é a melhor coisa e liberar qualquer ato valido, mesmo q vá contra a opinião da grande maioria. Segundo, sua atitude é totalmente compativel coma segunda frase: “Ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”
    Vc combate a parte de religiosos q tem preconceitos desmedidos, utilizando a mesma armas q eles: O PRECONCEITO. De forma tão fanatica e ferrenha q utiliza de palavras zulas, agressivas e ofensivas, por ser incapaz de manter um argumento forte que comprove seu credo. O q o torna no final UM HIPOCRITA tb.

  • Milorde

    E depois é o religioso, ou um cara que segue uma filosofia q é o fanatico estupido.

    Cara, nem preciso tacar pedra em vc, tu mesmo se apedreja sozinho, azar o seu se vc sente tesão na tua irmã, prima, mãe ou se sentiu vontade de dá para o seu pai, irmão, tio ou diabo a quatro. E por outro lado problema teu se vc não acredita em mim. Se não está satisfeito com a conversa, cai fora. Vai se juntar com sua familia hedonica.

    Pra mim, sua filosofizinha é inválida se agem de forma agressiva, atacando sem senso qualquer argumento q vai contra o seu, sua atitude nada é difere do tipo de pessoa q vc reclama. E não vai ser me xingando q adiantará alguma coisa.

    Só para completar, definição retirada da Wikipedia:

    “A hipocrisia é o ato de fingir ter crenças, virtudes e sentimentos que a pessoa na verdade não possui. A palavra deriva do latim hypocrisis e do grego hupokrisis ambos significando representar ou fingir.

    Um exemplo clássico de ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”

    Resumindo: Crença não se limita a religião em sim em acreditar em algo, no seu caso acredita q ser liberal extremista é a melhor coisa e liberar qualquer ato valido, mesmo q vá contra a opinião da grande maioria. Segundo, sua atitude é totalmente compativel coma segunda frase: “Ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”
    Vc combate a parte de religiosos q tem preconceitos desmedidos, utilizando a mesma armas q eles: O PRECONCEITO. De forma tão fanatica e ferrenha q utiliza de palavras zulas, agressivas e ofensivas, por ser incapaz de manter um argumento forte que comprove seu credo. O q o torna no final UM HIPOCRITA tb.

  • Milorde

    E depois é o religioso, ou um cara que segue uma filosofia q é o fanatico estupido.

    Cara, nem preciso tacar pedra em vc, tu mesmo se apedreja sozinho, azar o seu se vc sente tesão na tua irmã, prima, mãe ou se sentiu vontade de dá para o seu pai, irmão, tio ou diabo a quatro. E por outro lado problema teu se vc não acredita em mim. Se não está satisfeito com a conversa, cai fora. Vai se juntar com sua familia hedonica.

    Pra mim, sua filosofizinha é inválida se agem de forma agressiva, atacando sem senso qualquer argumento q vai contra o seu, sua atitude nada é difere do tipo de pessoa q vc reclama. E não vai ser me xingando q adiantará alguma coisa.

    Só para completar, definição retirada da Wikipedia:

    “A hipocrisia é o ato de fingir ter crenças, virtudes e sentimentos que a pessoa na verdade não possui. A palavra deriva do latim hypocrisis e do grego hupokrisis ambos significando representar ou fingir.

    Um exemplo clássico de ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”

    Resumindo: Crença não se limita a religião em sim em acreditar em algo, no seu caso acredita q ser liberal extremista é a melhor coisa e liberar qualquer ato valido, mesmo q vá contra a opinião da grande maioria. Segundo, sua atitude é totalmente compativel coma segunda frase: “Ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”
    Vc combate a parte de religiosos q tem preconceitos desmedidos, utilizando a mesma armas q eles: O PRECONCEITO. De forma tão fanatica e ferrenha q utiliza de palavras zulas, agressivas e ofensivas, por ser incapaz de manter um argumento forte que comprove seu credo. O q o torna no final UM HIPOCRITA tb.

  • Milorde

    E depois é o religioso, ou um cara que segue uma filosofia q é o fanatico estupido.

    Cara, nem preciso tacar pedra em vc, tu mesmo se apedreja sozinho, azar o seu se vc sente tesão na tua irmã, prima, mãe ou se sentiu vontade de dá para o seu pai, irmão, tio ou diabo a quatro. E por outro lado problema teu se vc não acredita em mim. Se não está satisfeito com a conversa, cai fora. Vai se juntar com sua familia hedonica.

    Pra mim, sua filosofizinha é inválida se agem de forma agressiva, atacando sem senso qualquer argumento q vai contra o seu, sua atitude nada é difere do tipo de pessoa q vc reclama. E não vai ser me xingando q adiantará alguma coisa.

    Só para completar, definição retirada da Wikipedia:

    “A hipocrisia é o ato de fingir ter crenças, virtudes e sentimentos que a pessoa na verdade não possui. A palavra deriva do latim hypocrisis e do grego hupokrisis ambos significando representar ou fingir.

    Um exemplo clássico de ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”

    Resumindo: Crença não se limita a religião em sim em acreditar em algo, no seu caso acredita q ser liberal extremista é a melhor coisa e liberar qualquer ato valido, mesmo q vá contra a opinião da grande maioria. Segundo, sua atitude é totalmente compativel coma segunda frase: “Ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”
    Vc combate a parte de religiosos q tem preconceitos desmedidos, utilizando a mesma armas q eles: O PRECONCEITO. De forma tão fanatica e ferrenha q utiliza de palavras zulas, agressivas e ofensivas, por ser incapaz de manter um argumento forte que comprove seu credo. O q o torna no final UM HIPOCRITA tb.

  • Milorde

    E depois é o religioso, ou um cara que segue uma filosofia q é o fanatico estupido.

    Cara, nem preciso tacar pedra em vc, tu mesmo se apedreja sozinho, azar o seu se vc sente tesão na tua irmã, prima, mãe ou se sentiu vontade de dá para o seu pai, irmão, tio ou diabo a quatro. E por outro lado problema teu se vc não acredita em mim. Se não está satisfeito com a conversa, cai fora. Vai se juntar com sua familia hedonica.

    Pra mim, sua filosofizinha é inválida se agem de forma agressiva, atacando sem senso qualquer argumento q vai contra o seu, sua atitude nada é difere do tipo de pessoa q vc reclama. E não vai ser me xingando q adiantará alguma coisa.

    Só para completar, definição retirada da Wikipedia:

    “A hipocrisia é o ato de fingir ter crenças, virtudes e sentimentos que a pessoa na verdade não possui. A palavra deriva do latim hypocrisis e do grego hupokrisis ambos significando representar ou fingir.

    Um exemplo clássico de ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”

    Resumindo: Crença não se limita a religião em sim em acreditar em algo, no seu caso acredita q ser liberal extremista é a melhor coisa e liberar qualquer ato valido, mesmo q vá contra a opinião da grande maioria. Segundo, sua atitude é totalmente compativel coma segunda frase: “Ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”
    Vc combate a parte de religiosos q tem preconceitos desmedidos, utilizando a mesma armas q eles: O PRECONCEITO. De forma tão fanatica e ferrenha q utiliza de palavras zulas, agressivas e ofensivas, por ser incapaz de manter um argumento forte que comprove seu credo. O q o torna no final UM HIPOCRITA tb.

  • Milorde

    E depois é o religioso, ou um cara que segue uma filosofia q é o fanatico estupido.

    Cara, nem preciso tacar pedra em vc, tu mesmo se apedreja sozinho, azar o seu se vc sente tesão na tua irmã, prima, mãe ou se sentiu vontade de dá para o seu pai, irmão, tio ou diabo a quatro. E por outro lado problema teu se vc não acredita em mim. Se não está satisfeito com a conversa, cai fora. Vai se juntar com sua familia hedonica.

    Pra mim, sua filosofizinha é inválida se agem de forma agressiva, atacando sem senso qualquer argumento q vai contra o seu, sua atitude nada é difere do tipo de pessoa q vc reclama. E não vai ser me xingando q adiantará alguma coisa.

    Só para completar, definição retirada da Wikipedia:

    “A hipocrisia é o ato de fingir ter crenças, virtudes e sentimentos que a pessoa na verdade não possui. A palavra deriva do latim hypocrisis e do grego hupokrisis ambos significando representar ou fingir.

    Um exemplo clássico de ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”

    Resumindo: Crença não se limita a religião em sim em acreditar em algo, no seu caso acredita q ser liberal extremista é a melhor coisa e liberar qualquer ato valido, mesmo q vá contra a opinião da grande maioria. Segundo, sua atitude é totalmente compativel coma segunda frase: “Ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”
    Vc combate a parte de religiosos q tem preconceitos desmedidos, utilizando a mesma armas q eles: O PRECONCEITO. De forma tão fanatica e ferrenha q utiliza de palavras zulas, agressivas e ofensivas, por ser incapaz de manter um argumento forte que comprove seu credo. O q o torna no final UM HIPOCRITA tb.

  • Milorde

    E depois é o religioso, ou um cara que segue uma filosofia q é o fanatico estupido.

    Cara, nem preciso tacar pedra em vc, tu mesmo se apedreja sozinho, azar o seu se vc sente tesão na tua irmã, prima, mãe ou se sentiu vontade de dá para o seu pai, irmão, tio ou diabo a quatro. E por outro lado problema teu se vc não acredita em mim. Se não está satisfeito com a conversa, cai fora. Vai se juntar com sua familia hedonica.

    Pra mim, sua filosofizinha é inválida se agem de forma agressiva, atacando sem senso qualquer argumento q vai contra o seu, sua atitude nada é difere do tipo de pessoa q vc reclama. E não vai ser me xingando q adiantará alguma coisa.

    Só para completar, definição retirada da Wikipedia:

    “A hipocrisia é o ato de fingir ter crenças, virtudes e sentimentos que a pessoa na verdade não possui. A palavra deriva do latim hypocrisis e do grego hupokrisis ambos significando representar ou fingir.

    Um exemplo clássico de ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”

    Resumindo: Crença não se limita a religião em sim em acreditar em algo, no seu caso acredita q ser liberal extremista é a melhor coisa e liberar qualquer ato valido, mesmo q vá contra a opinião da grande maioria. Segundo, sua atitude é totalmente compativel coma segunda frase: “Ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”
    Vc combate a parte de religiosos q tem preconceitos desmedidos, utilizando a mesma armas q eles: O PRECONCEITO. De forma tão fanatica e ferrenha q utiliza de palavras zulas, agressivas e ofensivas, por ser incapaz de manter um argumento forte que comprove seu credo. O q o torna no final UM HIPOCRITA tb.

  • Milorde

    E depois é o religioso, ou um cara que segue uma filosofia q é o fanatico estupido.

    Cara, nem preciso tacar pedra em vc, tu mesmo se apedreja sozinho, azar o seu se vc sente tesão na tua irmã, prima, mãe ou se sentiu vontade de dá para o seu pai, irmão, tio ou diabo a quatro. E por outro lado problema teu se vc não acredita em mim. Se não está satisfeito com a conversa, cai fora. Vai se juntar com sua familia hedonica.

    Pra mim, sua filosofizinha é inválida se agem de forma agressiva, atacando sem senso qualquer argumento q vai contra o seu, sua atitude nada é difere do tipo de pessoa q vc reclama. E não vai ser me xingando q adiantará alguma coisa.

    Só para completar, definição retirada da Wikipedia:

    “A hipocrisia é o ato de fingir ter crenças, virtudes e sentimentos que a pessoa na verdade não possui. A palavra deriva do latim hypocrisis e do grego hupokrisis ambos significando representar ou fingir.

    Um exemplo clássico de ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”

    Resumindo: Crença não se limita a religião em sim em acreditar em algo, no seu caso acredita q ser liberal extremista é a melhor coisa e liberar qualquer ato valido, mesmo q vá contra a opinião da grande maioria. Segundo, sua atitude é totalmente compativel coma segunda frase: “Ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”
    Vc combate a parte de religiosos q tem preconceitos desmedidos, utilizando a mesma armas q eles: O PRECONCEITO. De forma tão fanatica e ferrenha q utiliza de palavras zulas, agressivas e ofensivas, por ser incapaz de manter um argumento forte que comprove seu credo. O q o torna no final UM HIPOCRITA tb.

  • Milorde

    E depois é o religioso, ou um cara que segue uma filosofia q é o fanatico estupido.

    Cara, nem preciso tacar pedra em vc, tu mesmo se apedreja sozinho, azar o seu se vc sente tesão na tua irmã, prima, mãe ou se sentiu vontade de dá para o seu pai, irmão, tio ou diabo a quatro. E por outro lado problema teu se vc não acredita em mim. Se não está satisfeito com a conversa, cai fora. Vai se juntar com sua familia hedonica.

    Pra mim, sua filosofizinha é inválida se agem de forma agressiva, atacando sem senso qualquer argumento q vai contra o seu, sua atitude nada é difere do tipo de pessoa q vc reclama. E não vai ser me xingando q adiantará alguma coisa.

    Só para completar, definição retirada da Wikipedia:

    “A hipocrisia é o ato de fingir ter crenças, virtudes e sentimentos que a pessoa na verdade não possui. A palavra deriva do latim hypocrisis e do grego hupokrisis ambos significando representar ou fingir.

    Um exemplo clássico de ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”

    Resumindo: Crença não se limita a religião em sim em acreditar em algo, no seu caso acredita q ser liberal extremista é a melhor coisa e liberar qualquer ato valido, mesmo q vá contra a opinião da grande maioria. Segundo, sua atitude é totalmente compativel coma segunda frase: “Ato hipócrita é denunciar alguém por realizar alguma ação enquanto realiza a mesma ação.”
    Vc combate a parte de religiosos q tem preconceitos desmedidos, utilizando a mesma armas q eles: O PRECONCEITO. De forma tão fanatica e ferrenha q utiliza de palavras zulas, agressivas e ofensivas, por ser incapaz de manter um argumento forte que comprove seu credo. O q o torna no final UM HIPOCRITA tb.

  • Milorde

    Errata:

    familia hedonica = familia hedonista
    filosofizinha = filosofiazinha
    sua atitude nada é difere do tipo = sua atitude nada se difere do tipo
    Crença não se limita a religião em sim =Crença não se limita a religião em si
    compativel coma =compativel com a
    palavras zulas = palavras xulas

  • Milorde

    Errata:

    familia hedonica = familia hedonista
    filosofizinha = filosofiazinha
    sua atitude nada é difere do tipo = sua atitude nada se difere do tipo
    Crença não se limita a religião em sim =Crença não se limita a religião em si
    compativel coma =compativel com a
    palavras zulas = palavras xulas

  • Milorde

    Errata:

    familia hedonica = familia hedonista
    filosofizinha = filosofiazinha
    sua atitude nada é difere do tipo = sua atitude nada se difere do tipo
    Crença não se limita a religião em sim =Crença não se limita a religião em si
    compativel coma =compativel com a
    palavras zulas = palavras xulas

  • Milorde

    Errata:

    familia hedonica = familia hedonista
    filosofizinha = filosofiazinha
    sua atitude nada é difere do tipo = sua atitude nada se difere do tipo
    Crença não se limita a religião em sim =Crença não se limita a religião em si
    compativel coma =compativel com a
    palavras zulas = palavras xulas

  • Milorde

    Errata:

    familia hedonica = familia hedonista
    filosofizinha = filosofiazinha
    sua atitude nada é difere do tipo = sua atitude nada se difere do tipo
    Crença não se limita a religião em sim =Crença não se limita a religião em si
    compativel coma =compativel com a
    palavras zulas = palavras xulas

  • Milorde

    Errata:

    familia hedonica = familia hedonista
    filosofizinha = filosofiazinha
    sua atitude nada é difere do tipo = sua atitude nada se difere do tipo
    Crença não se limita a religião em sim =Crença não se limita a religião em si
    compativel coma =compativel com a
    palavras zulas = palavras xulas

  • Irene Mara

    Milorde – Quando usei a palavra irresponsabilidade, estava me referindo: aos problemas físicos e sociais que uma criança poderá ter. Já que ele teve a felicidade de ter uma criança sadia, não devia mais abusar da sorte…….e Sacanagem foi o termo mais apropriado para essa relação, pois não é aprovada nem por Deus e nem pela sociedade, porque senão o termo FAMÍLIA não teria razão de ser… Agora me fala…quem não consegue respeitar a sua própria família, vai respeitar quem? Nem tudo que desejo me convém, e se somos seres RACIONAIS…é justamente para não sair por aí, fazendo tudo que der nas IDÉIAS…..rsrsrs
    Um abraço

  • Irene Mara

    Milorde – Quando usei a palavra irresponsabilidade, estava me referindo: aos problemas físicos e sociais que uma criança poderá ter. Já que ele teve a felicidade de ter uma criança sadia, não devia mais abusar da sorte…….e Sacanagem foi o termo mais apropriado para essa relação, pois não é aprovada nem por Deus e nem pela sociedade, porque senão o termo FAMÍLIA não teria razão de ser… Agora me fala…quem não consegue respeitar a sua própria família, vai respeitar quem? Nem tudo que desejo me convém, e se somos seres RACIONAIS…é justamente para não sair por aí, fazendo tudo que der nas IDÉIAS…..rsrsrs
    Um abraço

  • Irene Mara

    Milorde – Quando usei a palavra irresponsabilidade, estava me referindo: aos problemas físicos e sociais que uma criança poderá ter. Já que ele teve a felicidade de ter uma criança sadia, não devia mais abusar da sorte…….e Sacanagem foi o termo mais apropriado para essa relação, pois não é aprovada nem por Deus e nem pela sociedade, porque senão o termo FAMÍLIA não teria razão de ser… Agora me fala…quem não consegue respeitar a sua própria família, vai respeitar quem? Nem tudo que desejo me convém, e se somos seres RACIONAIS…é justamente para não sair por aí, fazendo tudo que der nas IDÉIAS…..rsrsrs
    Um abraço

  • Irene Mara

    Milorde – Quando usei a palavra irresponsabilidade, estava me referindo: aos problemas físicos e sociais que uma criança poderá ter. Já que ele teve a felicidade de ter uma criança sadia, não devia mais abusar da sorte…….e Sacanagem foi o termo mais apropriado para essa relação, pois não é aprovada nem por Deus e nem pela sociedade, porque senão o termo FAMÍLIA não teria razão de ser… Agora me fala…quem não consegue respeitar a sua própria família, vai respeitar quem? Nem tudo que desejo me convém, e se somos seres RACIONAIS…é justamente para não sair por aí, fazendo tudo que der nas IDÉIAS…..rsrsrs
    Um abraço

  • Irene Mara

    Milorde – Quando usei a palavra irresponsabilidade, estava me referindo: aos problemas físicos e sociais que uma criança poderá ter. Já que ele teve a felicidade de ter uma criança sadia, não devia mais abusar da sorte…….e Sacanagem foi o termo mais apropriado para essa relação, pois não é aprovada nem por Deus e nem pela sociedade, porque senão o termo FAMÍLIA não teria razão de ser… Agora me fala…quem não consegue respeitar a sua própria família, vai respeitar quem? Nem tudo que desejo me convém, e se somos seres RACIONAIS…é justamente para não sair por aí, fazendo tudo que der nas IDÉIAS…..rsrsrs
    Um abraço

  • Irene Mara

    Milorde – Quando usei a palavra irresponsabilidade, estava me referindo: aos problemas físicos e sociais que uma criança poderá ter. Já que ele teve a felicidade de ter uma criança sadia, não devia mais abusar da sorte…….e Sacanagem foi o termo mais apropriado para essa relação, pois não é aprovada nem por Deus e nem pela sociedade, porque senão o termo FAMÍLIA não teria razão de ser… Agora me fala…quem não consegue respeitar a sua própria família, vai respeitar quem? Nem tudo que desejo me convém, e se somos seres RACIONAIS…é justamente para não sair por aí, fazendo tudo que der nas IDÉIAS…..rsrsrs
    Um abraço

  • Irene Mara

    Milorde – Quando usei a palavra irresponsabilidade, estava me referindo: aos problemas físicos e sociais que uma criança poderá ter. Já que ele teve a felicidade de ter uma criança sadia, não devia mais abusar da sorte…….e Sacanagem foi o termo mais apropriado para essa relação, pois não é aprovada nem por Deus e nem pela sociedade, porque senão o termo FAMÍLIA não teria razão de ser… Agora me fala…quem não consegue respeitar a sua própria família, vai respeitar quem? Nem tudo que desejo me convém, e se somos seres RACIONAIS…é justamente para não sair por aí, fazendo tudo que der nas IDÉIAS…..rsrsrs
    Um abraço

  • Irene Mara

    Milorde – Quando usei a palavra irresponsabilidade, estava me referindo: aos problemas físicos e sociais que uma criança poderá ter. Já que ele teve a felicidade de ter uma criança sadia, não devia mais abusar da sorte…….e Sacanagem foi o termo mais apropriado para essa relação, pois não é aprovada nem por Deus e nem pela sociedade, porque senão o termo FAMÍLIA não teria razão de ser… Agora me fala…quem não consegue respeitar a sua própria família, vai respeitar quem? Nem tudo que desejo me convém, e se somos seres RACIONAIS…é justamente para não sair por aí, fazendo tudo que der nas IDÉIAS…..rsrsrs
    Um abraço

  • Irene Mara

    Milorde – Quando usei a palavra irresponsabilidade, estava me referindo: aos problemas físicos e sociais que uma criança poderá ter. Já que ele teve a felicidade de ter uma criança sadia, não devia mais abusar da sorte…….e Sacanagem foi o termo mais apropriado para essa relação, pois não é aprovada nem por Deus e nem pela sociedade, porque senão o termo FAMÍLIA não teria razão de ser… Agora me fala…quem não consegue respeitar a sua própria família, vai respeitar quem? Nem tudo que desejo me convém, e se somos seres RACIONAIS…é justamente para não sair por aí, fazendo tudo que der nas IDÉIAS…..rsrsrs
    Um abraço

  • http://www.fotolog.com.br/kyoshi15 Guilherme

    Acredito que o casal de irmãos deve procurar um médico… e procurar se preparar pra algo que poderá acontecer mas se a mulher realmente insistir, programe-se pra tudo!

    E claro sejam felizes ^-^

  • http://www.fotolog.com.br/kyoshi15 Guilherme

    Acredito que o casal de irmãos deve procurar um médico… e procurar se preparar pra algo que poderá acontecer mas se a mulher realmente insistir, programe-se pra tudo!

    E claro sejam felizes ^-^

  • http://www.fotolog.com.br/kyoshi15 Guilherme

    Acredito que o casal de irmãos deve procurar um médico… e procurar se preparar pra algo que poderá acontecer mas se a mulher realmente insistir, programe-se pra tudo!

    E claro sejam felizes ^-^

  • http://www.fotolog.com.br/kyoshi15 Guilherme

    Acredito que o casal de irmãos deve procurar um médico… e procurar se preparar pra algo que poderá acontecer mas se a mulher realmente insistir, programe-se pra tudo!

    E claro sejam felizes ^-^

  • http://www.fotolog.com.br/kyoshi15 Guilherme

    Acredito que o casal de irmãos deve procurar um médico… e procurar se preparar pra algo que poderá acontecer mas se a mulher realmente insistir, programe-se pra tudo!

    E claro sejam felizes ^-^

  • http://www.fotolog.com.br/kyoshi15 Guilherme

    Acredito que o casal de irmãos deve procurar um médico… e procurar se preparar pra algo que poderá acontecer mas se a mulher realmente insistir, programe-se pra tudo!

    E claro sejam felizes ^-^

  • http://www.fotolog.com.br/kyoshi15 Guilherme

    Acredito que o casal de irmãos deve procurar um médico… e procurar se preparar pra algo que poderá acontecer mas se a mulher realmente insistir, programe-se pra tudo!

    E claro sejam felizes ^-^

  • http://www.fotolog.com.br/kyoshi15 Guilherme

    Acredito que o casal de irmãos deve procurar um médico… e procurar se preparar pra algo que poderá acontecer mas se a mulher realmente insistir, programe-se pra tudo!

    E claro sejam felizes ^-^

  • Milorde

    Irene Mara: Eu entendi exatamente o que vc quiz dizer, vc q naum entendeu o q eu disse sobre a colocação da palavra Sacanagem.

    “Nem tudo que desejo me convém, e se somos seres RACIONAIS…é justamente para não sair por aí, fazendo tudo que der nas IDÉIAS…..rsrsrs”
    Me explica o pq da risadinha no final desta frase, naum entendi.

  • Milorde

    Irene Mara: Eu entendi exatamente o que vc quiz dizer, vc q naum entendeu o q eu disse sobre a colocação da palavra Sacanagem.

    “Nem tudo que desejo me convém, e se somos seres RACIONAIS…é justamente para não sair por aí, fazendo tudo que der nas IDÉIAS…..rsrsrs”
    Me explica o pq da risadinha no final desta frase, naum entendi.

  • Milorde

    Irene Mara: Eu entendi exatamente o que vc quiz dizer, vc q naum entendeu o q eu disse sobre a colocação da palavra Sacanagem.

    “Nem tudo que desejo me convém, e se somos seres RACIONAIS…é justamente para não sair por aí, fazendo tudo que der nas IDÉIAS…..rsrsrs”
    Me explica o pq da risadinha no final desta frase, naum entendi.

  • Milorde

    Irene Mara: Eu entendi exatamente o que vc quiz dizer, vc q naum entendeu o q eu disse sobre a colocação da palavra Sacanagem.

    “Nem tudo que desejo me convém, e se somos seres RACIONAIS…é justamente para não sair por aí, fazendo tudo que der nas IDÉIAS…..rsrsrs”
    Me explica o pq da risadinha no final desta frase, naum entendi.

  • Milorde

    Irene Mara: Eu entendi exatamente o que vc quiz dizer, vc q naum entendeu o q eu disse sobre a colocação da palavra Sacanagem.

    “Nem tudo que desejo me convém, e se somos seres RACIONAIS…é justamente para não sair por aí, fazendo tudo que der nas IDÉIAS…..rsrsrs”
    Me explica o pq da risadinha no final desta frase, naum entendi.

  • Milorde

    Irene Mara: Eu entendi exatamente o que vc quiz dizer, vc q naum entendeu o q eu disse sobre a colocação da palavra Sacanagem.

    “Nem tudo que desejo me convém, e se somos seres RACIONAIS…é justamente para não sair por aí, fazendo tudo que der nas IDÉIAS…..rsrsrs”
    Me explica o pq da risadinha no final desta frase, naum entendi.

  • Milorde

    Irene Mara: Eu entendi exatamente o que vc quiz dizer, vc q naum entendeu o q eu disse sobre a colocação da palavra Sacanagem.

    “Nem tudo que desejo me convém, e se somos seres RACIONAIS…é justamente para não sair por aí, fazendo tudo que der nas IDÉIAS…..rsrsrs”
    Me explica o pq da risadinha no final desta frase, naum entendi.

  • Milorde

    Irene Mara: Eu entendi exatamente o que vc quiz dizer, vc q naum entendeu o q eu disse sobre a colocação da palavra Sacanagem.

    “Nem tudo que desejo me convém, e se somos seres RACIONAIS…é justamente para não sair por aí, fazendo tudo que der nas IDÉIAS…..rsrsrs”
    Me explica o pq da risadinha no final desta frase, naum entendi.

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    Tá, milorde, mas você ainda não me respondeu aonde você viu eu colocar que deus era hipócrita no meu primeiro post.

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    Tá, milorde, mas você ainda não me respondeu aonde você viu eu colocar que deus era hipócrita no meu primeiro post.

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    Tá, milorde, mas você ainda não me respondeu aonde você viu eu colocar que deus era hipócrita no meu primeiro post.

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    Tá, milorde, mas você ainda não me respondeu aonde você viu eu colocar que deus era hipócrita no meu primeiro post.

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    Tá, milorde, mas você ainda não me respondeu aonde você viu eu colocar que deus era hipócrita no meu primeiro post.

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    Tá, milorde, mas você ainda não me respondeu aonde você viu eu colocar que deus era hipócrita no meu primeiro post.

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    Tá, milorde, mas você ainda não me respondeu aonde você viu eu colocar que deus era hipócrita no meu primeiro post.

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    Tá, milorde, mas você ainda não me respondeu aonde você viu eu colocar que deus era hipócrita no meu primeiro post.

  • http://underlineg.blogspot.com _g

    Tá, milorde, mas você ainda não me respondeu aonde você viu eu colocar que deus era hipócrita no meu primeiro post.

  • Milorde

    _g: Não vi em nenhum lugar q eu tenha postado falando q Deus é hipocrita no seu primeiro post ou no meu cometario perante ele.

    Vc fala:
    Não me venham com essa de catolicismo e religiões derivadas, elas são muito hipócritas. A repreensão ao incesto, o fato de demonizarem a mulher, etc.

    E eu respondi:
    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.

    O q eu quiz dizer com isso, q a hipocrisia não é um ato causado pela crença religiosa em si, e sim pelas pessoas q a seguem. Agora isso pode ser adotado para qualquer sistema teorico-pratico. Um advogado pode ser hipocrita caso ele não consiga seguir a etica da profissão dele e mesmo assim ele julgar outros colegas de trabalho por não faze-lo tb. Isso seriam pessoas que conhecemos ter “dois pesos e duas medidas”. Do tipo, se os outros fazem são idiotas, safados, ladrões e etc. Mas se eles fazem tem sempre um motivo muito justo para tal.

  • Milorde

    _g: Não vi em nenhum lugar q eu tenha postado falando q Deus é hipocrita no seu primeiro post ou no meu cometario perante ele.

    Vc fala:
    Não me venham com essa de catolicismo e religiões derivadas, elas são muito hipócritas. A repreensão ao incesto, o fato de demonizarem a mulher, etc.

    E eu respondi:
    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.

    O q eu quiz dizer com isso, q a hipocrisia não é um ato causado pela crença religiosa em si, e sim pelas pessoas q a seguem. Agora isso pode ser adotado para qualquer sistema teorico-pratico. Um advogado pode ser hipocrita caso ele não consiga seguir a etica da profissão dele e mesmo assim ele julgar outros colegas de trabalho por não faze-lo tb. Isso seriam pessoas que conhecemos ter “dois pesos e duas medidas”. Do tipo, se os outros fazem são idiotas, safados, ladrões e etc. Mas se eles fazem tem sempre um motivo muito justo para tal.

  • Milorde

    _g: Não vi em nenhum lugar q eu tenha postado falando q Deus é hipocrita no seu primeiro post ou no meu cometario perante ele.

    Vc fala:
    Não me venham com essa de catolicismo e religiões derivadas, elas são muito hipócritas. A repreensão ao incesto, o fato de demonizarem a mulher, etc.

    E eu respondi:
    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.

    O q eu quiz dizer com isso, q a hipocrisia não é um ato causado pela crença religiosa em si, e sim pelas pessoas q a seguem. Agora isso pode ser adotado para qualquer sistema teorico-pratico. Um advogado pode ser hipocrita caso ele não consiga seguir a etica da profissão dele e mesmo assim ele julgar outros colegas de trabalho por não faze-lo tb. Isso seriam pessoas que conhecemos ter “dois pesos e duas medidas”. Do tipo, se os outros fazem são idiotas, safados, ladrões e etc. Mas se eles fazem tem sempre um motivo muito justo para tal.

  • Milorde

    _g: Não vi em nenhum lugar q eu tenha postado falando q Deus é hipocrita no seu primeiro post ou no meu cometario perante ele.

    Vc fala:
    Não me venham com essa de catolicismo e religiões derivadas, elas são muito hipócritas. A repreensão ao incesto, o fato de demonizarem a mulher, etc.

    E eu respondi:
    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.

    O q eu quiz dizer com isso, q a hipocrisia não é um ato causado pela crença religiosa em si, e sim pelas pessoas q a seguem. Agora isso pode ser adotado para qualquer sistema teorico-pratico. Um advogado pode ser hipocrita caso ele não consiga seguir a etica da profissão dele e mesmo assim ele julgar outros colegas de trabalho por não faze-lo tb. Isso seriam pessoas que conhecemos ter “dois pesos e duas medidas”. Do tipo, se os outros fazem são idiotas, safados, ladrões e etc. Mas se eles fazem tem sempre um motivo muito justo para tal.

  • Milorde

    _g: Não vi em nenhum lugar q eu tenha postado falando q Deus é hipocrita no seu primeiro post ou no meu cometario perante ele.

    Vc fala:
    Não me venham com essa de catolicismo e religiões derivadas, elas são muito hipócritas. A repreensão ao incesto, o fato de demonizarem a mulher, etc.

    E eu respondi:
    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.

    O q eu quiz dizer com isso, q a hipocrisia não é um ato causado pela crença religiosa em si, e sim pelas pessoas q a seguem. Agora isso pode ser adotado para qualquer sistema teorico-pratico. Um advogado pode ser hipocrita caso ele não consiga seguir a etica da profissão dele e mesmo assim ele julgar outros colegas de trabalho por não faze-lo tb. Isso seriam pessoas que conhecemos ter “dois pesos e duas medidas”. Do tipo, se os outros fazem são idiotas, safados, ladrões e etc. Mas se eles fazem tem sempre um motivo muito justo para tal.

  • Milorde

    _g: Não vi em nenhum lugar q eu tenha postado falando q Deus é hipocrita no seu primeiro post ou no meu cometario perante ele.

    Vc fala:
    Não me venham com essa de catolicismo e religiões derivadas, elas são muito hipócritas. A repreensão ao incesto, o fato de demonizarem a mulher, etc.

    E eu respondi:
    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.

    O q eu quiz dizer com isso, q a hipocrisia não é um ato causado pela crença religiosa em si, e sim pelas pessoas q a seguem. Agora isso pode ser adotado para qualquer sistema teorico-pratico. Um advogado pode ser hipocrita caso ele não consiga seguir a etica da profissão dele e mesmo assim ele julgar outros colegas de trabalho por não faze-lo tb. Isso seriam pessoas que conhecemos ter “dois pesos e duas medidas”. Do tipo, se os outros fazem são idiotas, safados, ladrões e etc. Mas se eles fazem tem sempre um motivo muito justo para tal.

  • Milorde

    _g: Não vi em nenhum lugar q eu tenha postado falando q Deus é hipocrita no seu primeiro post ou no meu cometario perante ele.

    Vc fala:
    Não me venham com essa de catolicismo e religiões derivadas, elas são muito hipócritas. A repreensão ao incesto, o fato de demonizarem a mulher, etc.

    E eu respondi:
    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.

    O q eu quiz dizer com isso, q a hipocrisia não é um ato causado pela crença religiosa em si, e sim pelas pessoas q a seguem. Agora isso pode ser adotado para qualquer sistema teorico-pratico. Um advogado pode ser hipocrita caso ele não consiga seguir a etica da profissão dele e mesmo assim ele julgar outros colegas de trabalho por não faze-lo tb. Isso seriam pessoas que conhecemos ter “dois pesos e duas medidas”. Do tipo, se os outros fazem são idiotas, safados, ladrões e etc. Mas se eles fazem tem sempre um motivo muito justo para tal.

  • Milorde

    _g: Não vi em nenhum lugar q eu tenha postado falando q Deus é hipocrita no seu primeiro post ou no meu cometario perante ele.

    Vc fala:
    Não me venham com essa de catolicismo e religiões derivadas, elas são muito hipócritas. A repreensão ao incesto, o fato de demonizarem a mulher, etc.

    E eu respondi:
    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.

    O q eu quiz dizer com isso, q a hipocrisia não é um ato causado pela crença religiosa em si, e sim pelas pessoas q a seguem. Agora isso pode ser adotado para qualquer sistema teorico-pratico. Um advogado pode ser hipocrita caso ele não consiga seguir a etica da profissão dele e mesmo assim ele julgar outros colegas de trabalho por não faze-lo tb. Isso seriam pessoas que conhecemos ter “dois pesos e duas medidas”. Do tipo, se os outros fazem são idiotas, safados, ladrões e etc. Mas se eles fazem tem sempre um motivo muito justo para tal.

  • Milorde

    _g: Não vi em nenhum lugar q eu tenha postado falando q Deus é hipocrita no seu primeiro post ou no meu cometario perante ele.

    Vc fala:
    Não me venham com essa de catolicismo e religiões derivadas, elas são muito hipócritas. A repreensão ao incesto, o fato de demonizarem a mulher, etc.

    E eu respondi:
    Sobre a religião, me desculpe, mas ela não é hipocrita. Hipocrita são as pessoas e não as crenças. Os ateus, agnosticos entre outros não fogem de serem hipocritas.

    O q eu quiz dizer com isso, q a hipocrisia não é um ato causado pela crença religiosa em si, e sim pelas pessoas q a seguem. Agora isso pode ser adotado para qualquer sistema teorico-pratico. Um advogado pode ser hipocrita caso ele não consiga seguir a etica da profissão dele e mesmo assim ele julgar outros colegas de trabalho por não faze-lo tb. Isso seriam pessoas que conhecemos ter “dois pesos e duas medidas”. Do tipo, se os outros fazem são idiotas, safados, ladrões e etc. Mas se eles fazem tem sempre um motivo muito justo para tal.

  • Milorde

    Agora _g. Antes de vc afirmar algo e usar como argumento, procure fazer uma pesquisa, por exemplo:

    “Os dois primeiros(catoliscismo/cristianismo) pq os romanos precisavam lucrar com a religião de alguma forma, então endeusaram um carinha qualquer e botaram a mulher como o ser mais demoníaco da face da terra: ela que comeu a maça e acarretou na queda da humanidade, ela quem se deixou seduzir pela cobra e o caralho”

    Quando vc fala de Império, precisa se até a motivações que nada tem haver com as crenças. A razão principal que os Romanos tiveram para utilizar o Cristianismo (que foi extremamente percebido por eles) como religião, era a notoria ascendencia dele entre as pessoas e como meio de manipulação da massa, exercendo assim obediencia ao governo vigente. Mas antes q vc diga “não falei”, a religião foi só uma ferramente que na epoca era muito forte, e não a cabeça atuante, tais manipulações existem ainda hj utilizando outras formas q não a religião, o q demonstrar isso ser inerente não dos credos e sim das pessoas.

    Sobre a demonização da mulher, vc se engana. A mulher no Imperio Romano, e na propria Grecia antiga, era considerada cidadão de segunda categoria, inferior aos homens, e era exatamente por isso q o homossexualismo era tão permitido, já q o prazer deveria ser obtido com pessoas de mesma posição e não com alguem inferior, deixando somente este ato para a reprodução. O Cristianismo antigo não tratava a mulher como demonio, existem varios exemplos como Maria, mãe de jesus, Madalena e etc.
    Além do mais o cristianismo não é a unica nem a maior religião do mundo, o hinduismo é uma religião tb, assim como o druidismo e a religião celta que davam o papel da mulher como ser criador, a terra a ser fertilizada pelo Deus para que o ciclo da vida possa continuar.
    Sobre Adão, Eva, Serpente e a Maçã, alguem já falou q isso nem deve ser interpretado ao pé da letra, é uma estoria simbolica q explica o inicio da humanidade. Assim como na mitologia grega, o Nada e o Vazio se unem e geraram o mundo e os primeiros deuses, não tem como vc achar q o Nada (ou o Vazio) ficou gravido e demorou 9 meses de gestação. E fora isso, um pequeno detalhe, onde vc leu na biblia q o fruto proibido era a maçã?

    O Problema não é o credo religioso propriamente dito, e sim o homem querer seguir coisas simplesmente pq tem preguiça de pensar e assim procura pacotes prontos no qual não pode seguir completamente e para esconder isso dos outros tenta inflamar a mesma coisa nas outras pessoas. Isso dentro da religião, dentro do liberalismo, dentro da ciencia, profissão, vida e etc.

  • Milorde

    Agora _g. Antes de vc afirmar algo e usar como argumento, procure fazer uma pesquisa, por exemplo:

    “Os dois primeiros(catoliscismo/cristianismo) pq os romanos precisavam lucrar com a religião de alguma forma, então endeusaram um carinha qualquer e botaram a mulher como o ser mais demoníaco da face da terra: ela que comeu a maça e acarretou na queda da humanidade, ela quem se deixou seduzir pela cobra e o caralho”

    Quando vc fala de Império, precisa se até a motivações que nada tem haver com as crenças. A razão principal que os Romanos tiveram para utilizar o Cristianismo (que foi extremamente percebido por eles) como religião, era a notoria ascendencia dele entre as pessoas e como meio de manipulação da massa, exercendo assim obediencia ao governo vigente. Mas antes q vc diga “não falei”, a religião foi só uma ferramente que na epoca era muito forte, e não a cabeça atuante, tais manipulações existem ainda hj utilizando outras formas q não a religião, o q demonstrar isso ser inerente não dos credos e sim das pessoas.

    Sobre a demonização da mulher, vc se engana. A mulher no Imperio Romano, e na propria Grecia antiga, era considerada cidadão de segunda categoria, inferior aos homens, e era exatamente por isso q o homossexualismo era tão permitido, já q o prazer deveria ser obtido com pessoas de mesma posição e não com alguem inferior, deixando somente este ato para a reprodução. O Cristianismo antigo não tratava a mulher como demonio, existem varios exemplos como Maria, mãe de jesus, Madalena e etc.
    Além do mais o cristianismo não é a unica nem a maior religião do mundo, o hinduismo é uma religião tb, assim como o druidismo e a religião celta que davam o papel da mulher como ser criador, a terra a ser fertilizada pelo Deus para que o ciclo da vida possa continuar.
    Sobre Adão, Eva, Serpente e a Maçã, alguem já falou q isso nem deve ser interpretado ao pé da letra, é uma estoria simbolica q explica o inicio da humanidade. Assim como na mitologia grega, o Nada e o Vazio se unem e geraram o mundo e os primeiros deuses, não tem como vc achar q o Nada (ou o Vazio) ficou gravido e demorou 9 meses de gestação. E fora isso, um pequeno detalhe, onde vc leu na biblia q o fruto proibido era a maçã?

    O Problema não é o credo religioso propriamente dito, e sim o homem querer seguir coisas simplesmente pq tem preguiça de pensar e assim procura pacotes prontos no qual não pode seguir completamente e para esconder isso dos outros tenta inflamar a mesma coisa nas outras pessoas. Isso dentro da religião, dentro do liberalismo, dentro da ciencia, profissão, vida e etc.

  • Milorde

    Agora _g. Antes de vc afirmar algo e usar como argumento, procure fazer uma pesquisa, por exemplo:

    “Os dois primeiros(catoliscismo/cristianismo) pq os romanos precisavam lucrar com a religião de alguma forma, então endeusaram um carinha qualquer e botaram a mulher como o ser mais demoníaco da face da terra: ela que comeu a maça e acarretou na queda da humanidade, ela quem se deixou seduzir pela cobra e o caralho”

    Quando vc fala de Império, precisa se até a motivações que nada tem haver com as crenças. A razão principal que os Romanos tiveram para utilizar o Cristianismo (que foi extremamente percebido por eles) como religião, era a notoria ascendencia dele entre as pessoas e como meio de manipulação da massa, exercendo assim obediencia ao governo vigente. Mas antes q vc diga “não falei”, a religião foi só uma ferramente que na epoca era muito forte, e não a cabeça atuante, tais manipulações existem ainda hj utilizando outras formas q não a religião, o q demonstrar isso ser inerente não dos credos e sim das pessoas.

    Sobre a demonização da mulher, vc se engana. A mulher no Imperio Romano, e na propria Grecia antiga, era considerada cidadão de segunda categoria, inferior aos homens, e era exatamente por isso q o homossexualismo era tão permitido, já q o prazer deveria ser obtido com pessoas de mesma posição e não com alguem inferior, deixando somente este ato para a reprodução. O Cristianismo antigo não tratava a mulher como demonio, existem varios exemplos como Maria, mãe de jesus, Madalena e etc.
    Além do mais o cristianismo não é a unica nem a maior religião do mundo, o hinduismo é uma religião tb, assim como o druidismo e a religião celta que davam o papel da mulher como ser criador, a terra a ser fertilizada pelo Deus para que o ciclo da vida possa continuar.
    Sobre Adão, Eva, Serpente e a Maçã, alguem já falou q isso nem deve ser interpretado ao pé da letra, é uma estoria simbolica q explica o inicio da humanidade. Assim como na mitologia grega, o Nada e o Vazio se unem e geraram o mundo e os primeiros deuses, não tem como vc achar q o Nada (ou o Vazio) ficou gravido e demorou 9 meses de gestação. E fora isso, um pequeno detalhe, onde vc leu na biblia q o fruto proibido era a maçã?

    O Problema não é o credo religioso propriamente dito, e sim o homem querer seguir coisas simplesmente pq tem preguiça de pensar e assim procura pacotes prontos no qual não pode seguir completamente e para esconder isso dos outros tenta inflamar a mesma coisa nas outras pessoas. Isso dentro da religião, dentro do liberalismo, dentro da ciencia, profissão, vida e etc.

  • Milorde

    Agora _g. Antes de vc afirmar algo e usar como argumento, procure fazer uma pesquisa, por exemplo:

    “Os dois primeiros(catoliscismo/cristianismo) pq os romanos precisavam lucrar com a religião de alguma forma, então endeusaram um carinha qualquer e botaram a mulher como o ser mais demoníaco da face da terra: ela que comeu a maça e acarretou na queda da humanidade, ela quem se deixou seduzir pela cobra e o caralho”

    Quando vc fala de Império, precisa se até a motivações que nada tem haver com as crenças. A razão principal que os Romanos tiveram para utilizar o Cristianismo (que foi extremamente percebido por eles) como religião, era a notoria ascendencia dele entre as pessoas e como meio de manipulação da massa, exercendo assim obediencia ao governo vigente. Mas antes q vc diga “não falei”, a religião foi só uma ferramente que na epoca era muito forte, e não a cabeça atuante, tais manipulações existem ainda hj utilizando outras formas q não a religião, o q demonstrar isso ser inerente não dos credos e sim das pessoas.

    Sobre a demonização da mulher, vc se engana. A mulher no Imperio Romano, e na propria Grecia antiga, era considerada cidadão de segunda categoria, inferior aos homens, e era exatamente por isso q o homossexualismo era tão permitido, já q o prazer deveria ser obtido com pessoas de mesma posição e não com alguem inferior, deixando somente este ato para a reprodução. O Cristianismo antigo não tratava a mulher como demonio, existem varios exemplos como Maria, mãe de jesus, Madalena e etc.
    Além do mais o cristianismo não é a unica nem a maior religião do mundo, o hinduismo é uma religião tb, assim como o druidismo e a religião celta que davam o papel da mulher como ser criador, a terra a ser fertilizada pelo Deus para que o ciclo da vida possa continuar.
    Sobre Adão, Eva, Serpente e a Maçã, alguem já falou q isso nem deve ser interpretado ao pé da letra, é uma estoria simbolica q explica o inicio da humanidade. Assim como na mitologia grega, o Nada e o Vazio se unem e geraram o mundo e os primeiros deuses, não tem como vc achar q o Nada (ou o Vazio) ficou gravido e demorou 9 meses de gestação. E fora isso, um pequeno detalhe, onde vc leu na biblia q o fruto proibido era a maçã?

    O Problema não é o credo religioso propriamente dito, e sim o homem querer seguir coisas simplesmente pq tem preguiça de pensar e assim procura pacotes prontos no qual não pode seguir completamente e para esconder isso dos outros tenta inflamar a mesma coisa nas outras pessoas. Isso dentro da religião, dentro do liberalismo, dentro da ciencia, profissão, vida e etc.

  • Milorde

    Agora _g. Antes de vc afirmar algo e usar como argumento, procure fazer uma pesquisa, por exemplo:

    “Os dois primeiros(catoliscismo/cristianismo) pq os romanos precisavam lucrar com a religião de alguma forma, então endeusaram um carinha qualquer e botaram a mulher como o ser mais demoníaco da face da terra: ela que comeu a maça e acarretou na queda da humanidade, ela quem se deixou seduzir pela cobra e o caralho”

    Quando vc fala de Império, precisa se até a motivações que nada tem haver com as crenças. A razão principal que os Romanos tiveram para utilizar o Cristianismo (que foi extremamente percebido por eles) como religião, era a notoria ascendencia dele entre as pessoas e como meio de manipulação da massa, exercendo assim obediencia ao governo vigente. Mas antes q vc diga “não falei”, a religião foi só uma ferramente que na epoca era muito forte, e não a cabeça atuante, tais manipulações existem ainda hj utilizando outras formas q não a religião, o q demonstrar isso ser inerente não dos credos e sim das pessoas.

    Sobre a demonização da mulher, vc se engana. A mulher no Imperio Romano, e na propria Grecia antiga, era considerada cidadão de segunda categoria, inferior aos homens, e era exatamente por isso q o homossexualismo era tão permitido, já q o prazer deveria ser obtido com pessoas de mesma posição e não com alguem inferior, deixando somente este ato para a reprodução. O Cristianismo antigo não tratava a mulher como demonio, existem varios exemplos como Maria, mãe de jesus, Madalena e etc.
    Além do mais o cristianismo não é a unica nem a maior religião do mundo, o hinduismo é uma religião tb, assim como o druidismo e a religião celta que davam o papel da mulher como ser criador, a terra a ser fertilizada pelo Deus para que o ciclo da vida possa continuar.
    Sobre Adão, Eva, Serpente e a Maçã, alguem já falou q isso nem deve ser interpretado ao pé da letra, é uma estoria simbolica q explica o inicio da humanidade. Assim como na mitologia grega, o Nada e o Vazio se unem e geraram o mundo e os primeiros deuses, não tem como vc achar q o Nada (ou o Vazio) ficou gravido e demorou 9 meses de gestação. E fora isso, um pequeno detalhe, onde vc leu na biblia q o fruto proibido era a maçã?

    O Problema não é o credo religioso propriamente dito, e sim o homem querer seguir coisas simplesmente pq tem preguiça de pensar e assim procura pacotes prontos no qual não pode seguir completamente e para esconder isso dos outros tenta inflamar a mesma coisa nas outras pessoas. Isso dentro da religião, dentro do liberalismo, dentro da ciencia, profissão, vida e etc.

  • Milorde

    Agora _g. Antes de vc afirmar algo e usar como argumento, procure fazer uma pesquisa, por exemplo:

    “Os dois primeiros(catoliscismo/cristianismo) pq os romanos precisavam lucrar com a religião de alguma forma, então endeusaram um carinha qualquer e botaram a mulher como o ser mais demoníaco da face da terra: ela que comeu a maça e acarretou na queda da humanidade, ela quem se deixou seduzir pela cobra e o caralho”

    Quando vc fala de Império, precisa se até a motivações que nada tem haver com as crenças. A razão principal que os Romanos tiveram para utilizar o Cristianismo (que foi extremamente percebido por eles) como religião, era a notoria ascendencia dele entre as pessoas e como meio de manipulação da massa, exercendo assim obediencia ao governo vigente. Mas antes q vc diga “não falei”, a religião foi só uma ferramente que na epoca era muito forte, e não a cabeça atuante, tais manipulações existem ainda hj utilizando outras formas q não a religião, o q demonstrar isso ser inerente não dos credos e sim das pessoas.

    Sobre a demonização da mulher, vc se engana. A mulher no Imperio Romano, e na propria Grecia antiga, era considerada cidadão de segunda categoria, inferior aos homens, e era exatamente por isso q o homossexualismo era tão permitido, já q o prazer deveria ser obtido com pessoas de mesma posição e não com alguem inferior, deixando somente este ato para a reprodução. O Cristianismo antigo não tratava a mulher como demonio, existem varios exemplos como Maria, mãe de jesus, Madalena e etc.
    Além do mais o cristianismo não é a unica nem a maior religião do mundo, o hinduismo é uma religião tb, assim como o druidismo e a religião celta que davam o papel da mulher como ser criador, a terra a ser fertilizada pelo Deus para que o ciclo da vida possa continuar.
    Sobre Adão, Eva, Serpente e a Maçã, alguem já falou q isso nem deve ser interpretado ao pé da letra, é uma estoria simbolica q explica o inicio da humanidade. Assim como na mitologia grega, o Nada e o Vazio se unem e geraram o mundo e os primeiros deuses, não tem como vc achar q o Nada (ou o Vazio) ficou gravido e demorou 9 meses de gestação. E fora isso, um pequeno detalhe, onde vc leu na biblia q o fruto proibido era a maçã?

    O Problema não é o credo religioso propriamente dito, e sim o homem querer seguir coisas simplesmente pq tem preguiça de pensar e assim procura pacotes prontos no qual não pode seguir completamente e para esconder isso dos outros tenta inflamar a mesma coisa nas outras pessoas. Isso dentro da religião, dentro do liberalismo, dentro da ciencia, profissão, vida e etc.

  • Milorde

    Agora _g. Antes de vc afirmar algo e usar como argumento, procure fazer uma pesquisa, por exemplo:

    “Os dois primeiros(catoliscismo/cristianismo) pq os romanos precisavam lucrar com a religião de alguma forma, então endeusaram um carinha qualquer e botaram a mulher como o ser mais demoníaco da face da terra: ela que comeu a maça e acarretou na queda da humanidade, ela quem se deixou seduzir pela cobra e o caralho”

    Quando vc fala de Império, precisa se até a motivações que nada tem haver com as crenças. A razão principal que os Romanos tiveram para utilizar o Cristianismo (que foi extremamente percebido por eles) como religião, era a notoria ascendencia dele entre as pessoas e como meio de manipulação da massa, exercendo assim obediencia ao governo vigente. Mas antes q vc diga “não falei”, a religião foi só uma ferramente que na epoca era muito forte, e não a cabeça atuante, tais manipulações existem ainda hj utilizando outras formas q não a religião, o q demonstrar isso ser inerente não dos credos e sim das pessoas.

    Sobre a demonização da mulher, vc se engana. A mulher no Imperio Romano, e na propria Grecia antiga, era considerada cidadão de segunda categoria, inferior aos homens, e era exatamente por isso q o homossexualismo era tão permitido, já q o prazer deveria ser obtido com pessoas de mesma posição e não com alguem inferior, deixando somente este ato para a reprodução. O Cristianismo antigo não tratava a mulher como demonio, existem varios exemplos como Maria, mãe de jesus, Madalena e etc.
    Além do mais o cristianismo não é a unica nem a maior religião do mundo, o hinduismo é uma religião tb, assim como o druidismo e a religião celta que davam o papel da mulher como ser criador, a terra a ser fertilizada pelo Deus para que o ciclo da vida possa continuar.
    Sobre Adão, Eva, Serpente e a Maçã, alguem já falou q isso nem deve ser interpretado ao pé da letra, é uma estoria simbolica q explica o inicio da humanidade. Assim como na mitologia grega, o Nada e o Vazio se unem e geraram o mundo e os primeiros deuses, não tem como vc achar q o Nada (ou o Vazio) ficou gravido e demorou 9 meses de gestação. E fora isso, um pequeno detalhe, onde vc leu na biblia q o fruto proibido era a maçã?

    O Problema não é o credo religioso propriamente dito, e sim o homem querer seguir coisas simplesmente pq tem preguiça de pensar e assim procura pacotes prontos no qual não pode seguir completamente e para esconder isso dos outros tenta inflamar a mesma coisa nas outras pessoas. Isso dentro da religião, dentro do liberalismo, dentro da ciencia, profissão, vida e etc.

  • Milorde

    Agora _g. Antes de vc afirmar algo e usar como argumento, procure fazer uma pesquisa, por exemplo:

    “Os dois primeiros(catoliscismo/cristianismo) pq os romanos precisavam lucrar com a religião de alguma forma, então endeusaram um carinha qualquer e botaram a mulher como o ser mais demoníaco da face da terra: ela que comeu a maça e acarretou na queda da humanidade, ela quem se deixou seduzir pela cobra e o caralho”

    Quando vc fala de Império, precisa se até a motivações que nada tem haver com as crenças. A razão principal que os Romanos tiveram para utilizar o Cristianismo (que foi extremamente percebido por eles) como religião, era a notoria ascendencia dele entre as pessoas e como meio de manipulação da massa, exercendo assim obediencia ao governo vigente. Mas antes q vc diga “não falei”, a religião foi só uma ferramente que na epoca era muito forte, e não a cabeça atuante, tais manipulações existem ainda hj utilizando outras formas q não a religião, o q demonstrar isso ser inerente não dos credos e sim das pessoas.

    Sobre a demonização da mulher, vc se engana. A mulher no Imperio Romano, e na propria Grecia antiga, era considerada cidadão de segunda categoria, inferior aos homens, e era exatamente por isso q o homossexualismo era tão permitido, já q o prazer deveria ser obtido com pessoas de mesma posição e não com alguem inferior, deixando somente este ato para a reprodução. O Cristianismo antigo não tratava a mulher como demonio, existem varios exemplos como Maria, mãe de jesus, Madalena e etc.
    Além do mais o cristianismo não é a unica nem a maior religião do mundo, o hinduismo é uma religião tb, assim como o druidismo e a religião celta que davam o papel da mulher como ser criador, a terra a ser fertilizada pelo Deus para que o ciclo da vida possa continuar.
    Sobre Adão, Eva, Serpente e a Maçã, alguem já falou q isso nem deve ser interpretado ao pé da letra, é uma estoria simbolica q explica o inicio da humanidade. Assim como na mitologia grega, o Nada e o Vazio se unem e geraram o mundo e os primeiros deuses, não tem como vc achar q o Nada (ou o Vazio) ficou gravido e demorou 9 meses de gestação. E fora isso, um pequeno detalhe, onde vc leu na biblia q o fruto proibido era a maçã?

    O Problema não é o credo religioso propriamente dito, e sim o homem querer seguir coisas simplesmente pq tem preguiça de pensar e assim procura pacotes prontos no qual não pode seguir completamente e para esconder isso dos outros tenta inflamar a mesma coisa nas outras pessoas. Isso dentro da religião, dentro do liberalismo, dentro da ciencia, profissão, vida e etc.

  • Milorde

    Agora _g. Antes de vc afirmar algo e usar como argumento, procure fazer uma pesquisa, por exemplo:

    “Os dois primeiros(catoliscismo/cristianismo) pq os romanos precisavam lucrar com a religião de alguma forma, então endeusaram um carinha qualquer e botaram a mulher como o ser mais demoníaco da face da terra: ela que comeu a maça e acarretou na queda da humanidade, ela quem se deixou seduzir pela cobra e o caralho”

    Quando vc fala de Império, precisa se até a motivações que nada tem haver com as crenças. A razão principal que os Romanos tiveram para utilizar o Cristianismo (que foi extremamente percebido por eles) como religião, era a notoria ascendencia dele entre as pessoas e como meio de manipulação da massa, exercendo assim obediencia ao governo vigente. Mas antes q vc diga “não falei”, a religião foi só uma ferramente que na epoca era muito forte, e não a cabeça atuante, tais manipulações existem ainda hj utilizando outras formas q não a religião, o q demonstrar isso ser inerente não dos credos e sim das pessoas.

    Sobre a demonização da mulher, vc se engana. A mulher no Imperio Romano, e na propria Grecia antiga, era considerada cidadão de segunda categoria, inferior aos homens, e era exatamente por isso q o homossexualismo era tão permitido, já q o prazer deveria ser obtido com pessoas de mesma posição e não com alguem inferior, deixando somente este ato para a reprodução. O Cristianismo antigo não tratava a mulher como demonio, existem varios exemplos como Maria, mãe de jesus, Madalena e etc.
    Além do mais o cristianismo não é a unica nem a maior religião do mundo, o hinduismo é uma religião tb, assim como o druidismo e a religião celta que davam o papel da mulher como ser criador, a terra a ser fertilizada pelo Deus para que o ciclo da vida possa continuar.
    Sobre Adão, Eva, Serpente e a Maçã, alguem já falou q isso nem deve ser interpretado ao pé da letra, é uma estoria simbolica q explica o inicio da humanidade. Assim como na mitologia grega, o Nada e o Vazio se unem e geraram o mundo e os primeiros deuses, não tem como vc achar q o Nada (ou o Vazio) ficou gravido e demorou 9 meses de gestação. E fora isso, um pequeno detalhe, onde vc leu na biblia q o fruto proibido era a maçã?

    O Problema não é o credo religioso propriamente dito, e sim o homem querer seguir coisas simplesmente pq tem preguiça de pensar e assim procura pacotes prontos no qual não pode seguir completamente e para esconder isso dos outros tenta inflamar a mesma coisa nas outras pessoas. Isso dentro da religião, dentro do liberalismo, dentro da ciencia, profissão, vida e etc.

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    Ok, aonde diabos eu disse que deus era errado no meu primeiro post?

    **eu to sem tempo para postar uma resposta decente**

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    Ok, aonde diabos eu disse que deus era errado no meu primeiro post?

    **eu to sem tempo para postar uma resposta decente**

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    Ok, aonde diabos eu disse que deus era errado no meu primeiro post?

    **eu to sem tempo para postar uma resposta decente**

  • http://underlineg.blogspot.com/ _g

    Ok, aonde diabos eu disse que deus era errado no meu primeiro post?

    **eu to sem tempo para postar uma resposta decente**

  • http://underlineg.blogspot.com _g

    Ok, aonde diabos eu disse que deus era errado no meu primeiro post?

    **eu to sem tempo para postar uma resposta decente**

  • Milorde

    Acreditava ter te respondido isso lá em cima, mas vou colocar denovo já q não viu.

    Resposta: Em lugar nenhum.
    Pergunta: Onde eu disse algo q fizesse vc me questionar três vezes sobre a mesma coisa?

  • Milorde

    Acreditava ter te respondido isso lá em cima, mas vou colocar denovo já q não viu.

    Resposta: Em lugar nenhum.
    Pergunta: Onde eu disse algo q fizesse vc me questionar três vezes sobre a mesma coisa?

  • Milorde

    Acreditava ter te respondido isso lá em cima, mas vou colocar denovo já q não viu.

    Resposta: Em lugar nenhum.
    Pergunta: Onde eu disse algo q fizesse vc me questionar três vezes sobre a mesma coisa?

  • Milorde

    Acreditava ter te respondido isso lá em cima, mas vou colocar denovo já q não viu.

    Resposta: Em lugar nenhum.
    Pergunta: Onde eu disse algo q fizesse vc me questionar três vezes sobre a mesma coisa?

  • Milorde

    Acreditava ter te respondido isso lá em cima, mas vou colocar denovo já q não viu.

    Resposta: Em lugar nenhum.
    Pergunta: Onde eu disse algo q fizesse vc me questionar três vezes sobre a mesma coisa?

  • Milorde

    Acreditava ter te respondido isso lá em cima, mas vou colocar denovo já q não viu.

    Resposta: Em lugar nenhum.
    Pergunta: Onde eu disse algo q fizesse vc me questionar três vezes sobre a mesma coisa?

  • Milorde

    Acreditava ter te respondido isso lá em cima, mas vou colocar denovo já q não viu.

    Resposta: Em lugar nenhum.
    Pergunta: Onde eu disse algo q fizesse vc me questionar três vezes sobre a mesma coisa?

  • Milorde

    Acreditava ter te respondido isso lá em cima, mas vou colocar denovo já q não viu.

    Resposta: Em lugar nenhum.
    Pergunta: Onde eu disse algo q fizesse vc me questionar três vezes sobre a mesma coisa?

  • Milorde

    Acreditava ter te respondido isso lá em cima, mas vou colocar denovo já q não viu.

    Resposta: Em lugar nenhum.
    Pergunta: Onde eu disse algo q fizesse vc me questionar três vezes sobre a mesma coisa?

  • Ava.

    Tu vives disso es ROBERTA?POIS EU NÃO VIVO EM FUNÇÃO DE PAGINAS RIDICULAS!!!SE ESTAIS TÃO PREOCUPADAS VÀ PRA PONTE QUE PARTIU COM ESSES DOTORZINHO DE MERDA!!!E TODOS VCS Q DÃO CREDITOS A ESSE ……POUPO MEUS ADJETIVOS A ESSE INDIVIDUO.

    BJOS DE AVA.

  • Ava.

    Tu vives disso es ROBERTA?POIS EU NÃO VIVO EM FUNÇÃO DE PAGINAS RIDICULAS!!!SE ESTAIS TÃO PREOCUPADAS VÀ PRA PONTE QUE PARTIU COM ESSES DOTORZINHO DE MERDA!!!E TODOS VCS Q DÃO CREDITOS A ESSE ……POUPO MEUS ADJETIVOS A ESSE INDIVIDUO.

    BJOS DE AVA.

  • Ava.

    Tu vives disso es ROBERTA?POIS EU NÃO VIVO EM FUNÇÃO DE PAGINAS RIDICULAS!!!SE ESTAIS TÃO PREOCUPADAS VÀ PRA PONTE QUE PARTIU COM ESSES DOTORZINHO DE MERDA!!!E TODOS VCS Q DÃO CREDITOS A ESSE ……POUPO MEUS ADJETIVOS A ESSE INDIVIDUO.

    BJOS DE AVA.

  • Ava.

    Tu vives disso es ROBERTA?POIS EU NÃO VIVO EM FUNÇÃO DE PAGINAS RIDICULAS!!!SE ESTAIS TÃO PREOCUPADAS VÀ PRA PONTE QUE PARTIU COM ESSES DOTORZINHO DE MERDA!!!E TODOS VCS Q DÃO CREDITOS A ESSE ……POUPO MEUS ADJETIVOS A ESSE INDIVIDUO.

    BJOS DE AVA.

  • Ava.

    Tu vives disso es ROBERTA?POIS EU NÃO VIVO EM FUNÇÃO DE PAGINAS RIDICULAS!!!SE ESTAIS TÃO PREOCUPADAS VÀ PRA PONTE QUE PARTIU COM ESSES DOTORZINHO DE MERDA!!!E TODOS VCS Q DÃO CREDITOS A ESSE ……POUPO MEUS ADJETIVOS A ESSE INDIVIDUO.

    BJOS DE AVA.

  • Ava.

    Tu vives disso es ROBERTA?POIS EU NÃO VIVO EM FUNÇÃO DE PAGINAS RIDICULAS!!!SE ESTAIS TÃO PREOCUPADAS VÀ PRA PONTE QUE PARTIU COM ESSES DOTORZINHO DE MERDA!!!E TODOS VCS Q DÃO CREDITOS A ESSE ……POUPO MEUS ADJETIVOS A ESSE INDIVIDUO.

    BJOS DE AVA.

  • Ava.

    Tu vives disso es ROBERTA?POIS EU NÃO VIVO EM FUNÇÃO DE PAGINAS RIDICULAS!!!SE ESTAIS TÃO PREOCUPADAS VÀ PRA PONTE QUE PARTIU COM ESSES DOTORZINHO DE MERDA!!!E TODOS VCS Q DÃO CREDITOS A ESSE ……POUPO MEUS ADJETIVOS A ESSE INDIVIDUO.

    BJOS DE AVA.

  • Ava.

    Tu vives disso es ROBERTA?POIS EU NÃO VIVO EM FUNÇÃO DE PAGINAS RIDICULAS!!!SE ESTAIS TÃO PREOCUPADAS VÀ PRA PONTE QUE PARTIU COM ESSES DOTORZINHO DE MERDA!!!E TODOS VCS Q DÃO CREDITOS A ESSE ……POUPO MEUS ADJETIVOS A ESSE INDIVIDUO.

    BJOS DE AVA.

  • Fred

    Milorde
    Posso estar enganado, mas acho que o cristianismo e a maior religiao. Recentemente os muculmanos superaram o numero de catolicos, mas nao o de cristaos.

  • Fred

    Milorde
    Posso estar enganado, mas acho que o cristianismo e a maior religiao. Recentemente os muculmanos superaram o numero de catolicos, mas nao o de cristaos.

  • Fred

    Milorde
    Posso estar enganado, mas acho que o cristianismo e a maior religiao. Recentemente os muculmanos superaram o numero de catolicos, mas nao o de cristaos.

  • Fred

    Milorde
    Posso estar enganado, mas acho que o cristianismo e a maior religiao. Recentemente os muculmanos superaram o numero de catolicos, mas nao o de cristaos.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    OFFTOPIC TOTAL AQUI :

    EU EU EU, O FLUMINENSE SE F……..

    HGAHAHAHAHAHHAAHHAHAHAHAHAHAHAH

    LDU, PORRAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA !!!!

    LIBERTADORES É PRA TIME GRANDE !!!

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    OFFTOPIC TOTAL AQUI :

    EU EU EU, O FLUMINENSE SE F……..

    HGAHAHAHAHAHHAAHHAHAHAHAHAHAHAH

    LDU, PORRAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA !!!!

    LIBERTADORES É PRA TIME GRANDE !!!

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    OFFTOPIC TOTAL AQUI :

    EU EU EU, O FLUMINENSE SE F……..

    HGAHAHAHAHAHHAAHHAHAHAHAHAHAHAH

    LDU, PORRAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA !!!!

    LIBERTADORES É PRA TIME GRANDE !!!

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    OFFTOPIC TOTAL AQUI :

    EU EU EU, O FLUMINENSE SE F……..

    HGAHAHAHAHAHHAAHHAHAHAHAHAHAHAH

    LDU, PORRAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA !!!!

    LIBERTADORES É PRA TIME GRANDE !!!

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    OFFTOPIC TOTAL AQUI :

    EU EU EU, O FLUMINENSE SE F……..

    HGAHAHAHAHAHHAAHHAHAHAHAHAHAHAH

    LDU, PORRAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA !!!!

    LIBERTADORES É PRA TIME GRANDE !!!

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr Health

    OFFTOPIC TOTAL AQUI :

    EU EU EU, O FLUMINENSE SE F……..

    HGAHAHAHAHAHHAAHHAHAHAHAHAHAHAH

    LDU, PORRAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA !!!!

    LIBERTADORES É PRA TIME GRANDE !!!

  • http://www.papodehomem.com.br/ Dr H