Garoto de programa, uma opção profissional

Autor Anônimo

por
em às | Relatos, Sexo


Sou carioca, faço pós-graduação na UFF e trabalho como garoto de programa.

Você consegue imaginar seu próprio corpo nesse anúncio? Será que alguém iria ligar? Hein?

Você consegue imaginar seu próprio corpo nesse anúncio? Será que alguém iria ligar? Hein?

Corpo sarado não é necessário

Não tenho o estilo rato de academia ou tigrão pegador. Pelo contrário, sempre fui tímido. Não sou muito bonito, mas também não sou feio. Tenho meus apetrechos: as clientes elogiam minhas pernas, cílios, boca, nariz e orelha. E mãos, claro. Sei seduzir quando é preciso.

Para ser GP, não é requisito básico ser bonito e marombado, pois o gosto da clientela varia muito. Umas preferem corpos sarados, outras preferem o papo, e há aquelas que visam uma boa pegada. Mulher tem feeling para essas coisas.

E foi assim que entrei nessa vida, pelo feeling de uma mulher.

A iniciação de um garoto

Estava numa balada estilo clube das mulheres: bebida liberada para as damas e dança de gogo boys até certo horário, e depois vinham os caras de verdade.

Logo que entrei, uma mulher de cerca de 50 anos começou a me paquerar. Vamos chamá-la de Isadora. Correspondi no começo, mas me desinteressei. Ela não fazia o meu tipo, não era muito bonita. Ao seguir da noite, ela foi se aproximando. Quando me separei dos amigos para ir ao banheiro, ela me abordou. Dançamos, e ela me propôs ir para o apartamento dela. Não aceitei. Ela me ofereceu duzentos reais.

Fiquei assustado, mas o clima acabou me seduzindo, me excitando. Topei.

Saímos da balada e fomos para seu apartamento em Copacabana. Fizemos amor muito gostoso. Depois, eu a aconcheguei em meu ombro e ela começou a me contar sobre sua vida, angústias, desilusões, planos futuros. Isadora estava em processo de divórcio, havia sido traída. E eu, que sempre fui bom ouvinte, senti que naquele momento aquilo me ajudou muito.

No dia seguinte, acordamos, tomamos café da manhã e, logo depois, me vesti e disse que precisava ir. Ela me pagou e me pediu meu celular.

Foi tudo muito de repente. Num instante, estávamos numa balada no centro; pouco depois estávamos na cama dela.

De certa forma, criamos um vínculo. Ela me ligava esporadicamente e sempre me pagava. No começo, neguei, disse que pensava nela como amiga, mas Isadora insistiu. E dinheiro não se nega demais.

Com o tempo, foi me indicando para amigas, a maioria casada e na mesma faixa etária, entre 45 e 55 anos.

Quando dei por mim, já era um GP, com uma clientela fixa na zona sul do Rio.

Você conseguiria transar com uma mulher que se parece com sua mãe? Ou com sua avó?

Você conseguiria transar com uma mulher que se parece com sua mãe? Ou com sua avó?

Para onde envio meu currículo?

A maioria dos GPs que conheci, quase todos apresentados por Isadora, eram caras sarados. Somente eu e uns poucos eram medianos.

Não há uma regra clara para o cara que queira ser um GP.

Em primeiro lugar, é preciso gostar muito de mulher. Várias vezes você terá que satisfazer uma mulher que não lhe dá tesão e, não adianta, o negócio vai ter que subir.

Aí é que está o grande problema da maioria dos GPs. É difícil às vezes sentir tesão por uma mulher que tem o corpo da sua mãe. Por isso, muitos recorrem a remédios, às vezes em excesso, o que pode causar impotência ou riscos ainda mais sérios à saúde. Sem falar que muitos já tomam suplementos para manter o porte sarado, uma combinação que pode ser letal.

Outro problema: você terá de ser discreto e aprender a controlar os sentimentos. É muito difícil conciliar o trabalho com um relacionamento, principalmente se o cara for muito requisitado. As clientes em geral não têm uma flexibilidade grande e você tem que ir ao dia e horário em que é requisitado. Se mostrar indisponibilidade muitas vezes, é apagado da agenda.

Além disso, claro, a sociedade em si não vê esta profissão com bons olhos, então você não poderá sair por aí anunciando que é um GP.

Os ganhos podem ser altos e sedutores, mas já vi muitos caras chorarem, se desesperarem, afogarem as mágoas em porres homéricos. A maioria entra, curte e sai logo. É interessante como experiência, mas para seguir nessa vida é preciso ter culhões.

Um corno atrapalha muita gente

Em quatro anos de carreira, não encarei muitos perrengues.

Um dos mais comuns são clientes apaixonadas, ciumentas, possessivas. Já ouvi histórias de GPs que tiveram suas vidas infernizadas, perderam namoradas, um inferno. Mas não foi meu caso.

Para mim, o maior inimigo do GP é o corno.

Eu ia fazer um programa com uma cliente, e marcamos um jantar antes. Lógico, num lugar afastado de sua casa, pois era casada e não queria ser vista. Tudo estava ótimo, o jantar maravilhoso, o lugar discreto, as carícias rolando por debaixo da mesa, até que em certo momento ela gelou e disse “vamos embora”. Fiquei surpreso, mas obedeci.

Um dos clientes que acabara de chegar nos seguiu e chamou seu nome. Ela não olhou para trás, pegou o carro e acelerou. O desgraçado era amigo do marido.

Vinte minutos depois, no carro, o celular dela começou a tocar. Era o marido, ligando de São Paulo. Ela ficou desesperada: não atendeu, me deixou num ponto de ônibus e foi embora.

Dois dias depois, recebo uma ligação no celular, curta e grossa:

“Filho da puta, eu vou te matar!”

Felizmente, não passou disso. Nunca mais soube dele, nem dela. Mas até hoje tenho medo e evito os lugares que frequentamos juntos. Tive que trocar meu número de celular, o que me fez perder clientes.

Foi a pior situação que passei.

Meu Deus, fazei com que eu não seja corno, se eu for que o não sinta, se eu sentir que o não saiba, se eu souber que não acredite, se eu acreditar que não veja, se eu vir que me conforme… Amém!

Meu Deus, fazei com que eu não seja corno, se eu for que o não sinta, se eu sentir que o não saiba, se eu souber que não acredite, se eu acreditar que não veja, se eu vir que me conforme… Amém!

Quem contrata garotos de programa

A clientela dos GPs é bem diversa, mas posso destacar três grupos principais:

Casada carente ou viúva solitária

Essa é a clientela mais comum, na faixa etária de 30 a 60 anos. Algumas buscando sexo, outras conversa e carinho, dependendo do que está faltando no casamento. Mais propensas a se tornarem clientes fixas, comportam-se com muita discrição e, por isso, acabam optando por GPs mais velhos.

Chifruda

São as mulheres que foram corneadas e, agora, querem se vingar do marido e pagá-los na mesma moeda. A faixa etária é diversa. Este o grupo é o mais perigoso, pois para uma traição servir como vingança é preciso que ela seja descoberta. Resultado: muitas vezes, o telefone do garoto de programa pode acabar caindo no colo do marido.

Curiosa

São aquelas que leram em algum lugar ou têm uma amiga que experimentou e agora querem saber como é. Às vezes, incluem mulheres bem gostosas, mais atraídas por GPs sarados. Raramente se tornam clientes fixas, e acontece de se arrependem do programa. Esse grupo também inclui as mais taradas na cama. Com o GP, querem fazer tudo aquilo que o pudor ou a moral as impede de fazer com o marido, por medo de serem taxadas de putas.

Oi, sou homem, quero te contratar

Não são só as mulheres que buscam serviços de GPs.

Alguns homens querem ser comidos por outro homem. Por outro homem mesmo, nada de passivo ou ativo. Conheço poucos GPs que atendem esse tipo de cliente. Eu mesmo não atendo.

Outros caras têm fetiche em ver sua mulher ser comida por outro cara. Já fiz um programa assim, e não me agradou muito. No meio de tudo, o cara quis participar, me tocar, e não me senti bem. Ser assistido por outro cara também me deixou um pouco incomodado. Não recomendo, mas vai de cada um.

As clientes mulheres raramente pedem garotos de programa em casamento.

As clientes mulheres raramente pedem garotos de programa em casamento.

Alguém se habilita?

Atualmente, estou mais concentrado em terminar minha pós do que em meu “emprego alternativo” – embora este emprego muitas vezes sirva de válvula de escape para os estresses do dia a dia.

Além do mais, quem não gosta de se sentir desejado, de ter mulheres ligando para foder com ele (no bom sentido) e ainda por cima pagarem por isso? Para não falar nos jantares em lugares caros, passeios, etc.

Cultivei muitas amizades. Algumas clientes viraram amigas e, hoje em dia, estão até mais felizes em seus casamentos. Ser comidas direito acabou fazendo com que recuperassem sua auto-estima, se cuidassem mais, se amassem mais. E, naturalmente, isso fez com que seus maridos cornos passassem a olhá-las de outra maneira. Talvez devessem me agradecer por ter salvo seus casamentos e por meus bons serviços à comunidade.

Dentro em breve, pretendo pendurar as chuteiras, me relacionar com alguém, voltar a viver um pouco uma relação normal.

Então, meus caros, teremos uma vaga no mundo dos GPs, e a demanda é grande. Será que alguém se habilita?

Autor Anônimo

Identificação coletiva e anônima, usada por autores ou leitores PapodeHomem que querem escrever artigos ou contar suas histórias sem abrir mão do sigilo.


Outros artigos escritos por


SEPARAMOS MAIS TEXTOS PARA VOCÊ CONTINUAR LENDO




O texto acima não representa a opinião do PapodeHomem. Conheça a visão e a essência por trás do que fazemos. Queremos uma discussão de alto nível. Antes de comentar, leia nossas boas práticas. Caso deseje enviar um texto e se tornar um autor, venha por aqui.


  • Odliniv

    xi… não colou! o artigo é fantasioso demais! onde já se viu GP que não faz programa com homem? vai morrer de fome, certeza

    • Rodolfo Viana

      Dúvida ao Odliniv (que, apesar de soar jocosa, é uma pergunta séria): você fala com conhecimento de causa? Conhece GPs e todos eles fazem programa com homens? É tipo uma regra?

    • Mauricio

      Conhecimento de causa, é?

      Hmmmm….

      • thais346

        Eu tambem achei fake esse relato , conheço caras  GPS e eles raramente atendem mulher ,me disseram que 99% são clientes gays mesmo.

        Me convidaram pra ser , mas disseram que não tem jeito , você vai ter que fazer programas com homens , mesmo que seja pra ser apenas ativo.

        O próprio relato em si tem muita contradição.

        Na boa que mulher que foi traida pelo marido vai se vingar contratando um garoto de programa?

        Que tipo de vingança é essa?

        As mulheres hoje em dia são muito bem resolvidas pra procurar um garoto de programa , as poucas que procuram são aquelas totalmente frustradas e deprimidas.

        e gp que tem que seduzir as clientes ? isso é muito fake , se a mulher quer ser seduzida vai a uma boate , bar ,ou pub .

        O pior de tudo foi falar que pega mulheres bonitas e gostosas, mulher bonita e gostosa precisando de gp só porque o cara é sarado? Hahahaha 

        na boa fake total.

      • http://www.papodehomem.com.br/ Guilherme Nascimento Valadares

        Thais, você conhecer caras GPs significa que você conhece a maioria deles?

        Não seria um tanto arriscado presumir que conhecer alguns significa conhecer o comportamento de um grupo vasto?“As mulheres hoje em dia são muito bem resolvidas pra procurar um garoto de programa , as poucas que procuram são aquelas totalmente frustradas e deprimidas.”

        Não penso sequer ser possível definir algo como “as mulheres” ou “os homens” de hoje em dia. A multiplicidade de referenciais é imensa.A sua opinião é apenas isso, uma opinião. Ela não torna o relato mais ou menos autêntico. Mas pode se tornar um limitador bem grande em sua vida pensar que opiniões são certezas absolutas.

        “O pior de tudo foi falar que pega mulheres bonitas e gostosas, mulher bonita e gostosa precisando de gp só porque o cara é sarado? Hahahaha “

        Bom, presumo que você não tem tantas amigas bonitas ou gostosas. Ou caso tenha, a maioria possui um pensamento comum, podando passar a falsa sensação de que todas as mulheres bonitas e gostosas vivem de tal ou outro modo.

        //

        É interessante ver algumas pessoas manifestando dúvidas sobre o artigo.

        Nós, enquanto equipe editorial, temos total abertura para discutir isso com vocês publicamente. Não temos pretensão de publicar verdades absolutas. Somos exploradores.

      • curiosa

        vc bagunçou quando generalizou: “(…)as poucas que procuram são aquelas totalmente frustradas e deprimidas.” Eu sou muito bem resolvida na minha vida, muito curiosa e NOVA!! Tenho 20. E tendo vontade, ou surgindo a oportunidade, gostaria de contratar um GP para me satisfazer por 3 horas, por que não?? Eu vou estar pagando para ter prazer, com uma pessoa que se eu quiser não verei nunca mais, sem compromisso nenhum (o que deixa as coisas muito mais interessantes) kkkk’, sem contar que não vou escutar ‘semana que vem’ papos de ciclano e fulano “vc viu com quem ela saiu??” ou pior: “já peguei!” Tem alguns homens que adoram fazer isso, e eu perco totalmente o tesão com isso

        ..Eu queria muito poder partilhar com a discussão relatando uma história de um conhecido ou amigo GP, mas se eu tenho, não sei. Deixo aqui minha contribuição de que achei tardia o ingresso dos homens na profissão mais antiga do mundo, e que ainda acho muitooo escassa!! Eu concordo com algumas coisas ditas pelo autor,e na minha opinião o momento de prazer a dois deveria ser ‘sem frescuras’

      • Neto

        ” o momento de prazer a dois deveria ser ‘sem frescuras’” – quer namorar comigo???

    • Leonardo

      Achei bem verossímil esse caso de garoto de programa que não trabalha pra sobreviver e que se dá ao luxo de atender apenas mulheres a partir da indicação de uma cliente com muitos contatos. Tenho primo com amigos que já embarcaram temporariamente nessa, e não parece ser a coisa mais difícil do mundo pra um garotão que não tenha nada a perder e só queira tirar uma boa grana com as clientes que aparecem. Também já escreveram no próprio Papo de Homem mulheres que queriam trair ou estavam insatisfeitas com o companheiro, mas não estavam nem um pouco a fim de passar pelo processo da procura, conquista e quebra de expectativa ao arranjar um candidato, então contrataram garotos de programa até pela curiosidade de um profissional na arte.

    • Menino Gyn

      Nem, sempre eu mesmo sou Gp e sim faço programas com homens mulheres e todos oo estilos, mas ja vi muitos ganharem muita grana sem pegar homen!

  • Zoro

    Não sei se eu teria coragem ou culhão pra aguentar uma vida dessas. Mas é a sua opção de vida, você faz o que quiser com seu corpo. Não cabe a ninguém te julgar, ninguém paga tuas contas. Só que conhecendo a nossa sociedade como eu conheço, prevejo comentários preconceituosos contra você. Infelizmente.

    Mas achei bom o texto, explicou muita coisa. Pelo fato de GPs mulheres serem mais comuns, sabe-se muito mais sobre elas, sua rotina, seu modo de trabalhar, seus anseios, medos, etc. Já com GPs homens é diferente, quem ta de fora pouco ou nada sabe. E é curioso ver que encara-se com mais naturalidade uma mulher que faz programa do que um homem. Isso numa sociedade tão machista como a nossa é bem estranho, nunca tinha parado pra pensar nisso.

    Enfim, parabéns pelo texto.

  • http://www.facebook.com/profile.php?id=100000088922153 Wagner Menke

    Só não entrei nessa vida por me recusar a aceitar bitucas de cigarro semi-acesas como pagamento…

  • http://www.facebook.com/profile.php?id=100000104077969 Guilherme Casimiro

    Cara, é verdade que rola a “Crise do Pau de Borracha” ?

    Já ouvi falar nuns casos que o cara entrava em depressão por causa disso, se sentia um inutil, incapaz de ser um bom marido ou namorado. Isso é comum nesse meio?

    Belo texto, parabéns!

  • Isa

    Interessante seu relato…pessoalmente não gosto da sua profissão, independente se for homem ou mulher, mas não julgo. Apenas me reservo ao direito de apoiar pois contraria maus princípios. Acho meio triste, meio tosco. Observei que, como outros garotos de programa, você acredita que entende tudo ou muito sobre mulheres e, na boa, aí que mora o problema. Essa história de que pretende sair e ter uma vida normal… acha mesmo possível? Por mais que sua namorada, esposa ou sei la quem nunca desconfie e mesmo que vc não passe por uma saia justa (do tipo cruzar com alguma ex cliente em um local quando estiver bancando o namorado/marido/pai de família realizado), a cada lugar que você entrar, vai sentir a adrenalina bombando com receio de que ocorra.Não conseguira agir naturalmente.Gastará uma boa parte da sua energia se policiando, calculando palavras, sorrisos e atitudes para parecer natural. Mas parecer natural é muito diferente de ser natural… e aí, você nunca consegue viver os momentos com plenitude, ainda que sua amada esteja sorrindo e feliz pra cacete. Pode parecer que estou falando isso pra te jogar pra baixo, cara, mas não é. Mulheres e homens são seres bem diferentes. Um mulher transa com um cara se ele for especial de mais ou, de menos. Não há meio termo. Em que categoria você acha que está na vida delas? Partindo deste princípio, parece óbvio e perfeitamente compreensível as distorções da sua pretensa compreensão do universo feminino. Por outro lado, te digo: se isso for bom pra você, continue, se arrisque na medida em que te beneficia. Quando quiser parar, pare. É válido experimentar de tudo, tentar. Apenas aconselho que procure terapia o quanto antes, se desejar ter uma vida próxima de algo que você mesmo entitula como normal.
    Ah, e a propósito? Vc namoraria uma prostituta? Juro que é só curiosidade – sarcasmo zero! Gostaria demais de saber como lidaria com isso! Bj e boa sorte!   

    • http://www.facebook.com/raffael.silvado Raffael Silvado

      Isa, não acho que a vida seja tão complicada assim, se fosse, alcoólatras nunca conseguiriam se recuperar e todas as pessoas com depressão cometeriam suicidio.
      As pessoas conseguem voltar de qualquer coisa, seja como for. Basta querer.

      PS. Nunca fui GP nem nada e por muito menos vivo policiando o jeito que eu trato minha namorada, minha familia e amigos. E isso é sempre pra poder fazer melhor.
      PS². Já considerei ser GP, acho maneiro.

  • Sessalie

    Acho que esse lance de 90% homem como cliente depende da situação, se teus pais te sustentam e tu esta nessa só pra se divertir, tu vai aceitar cliente homem? Agora se tu é GP pra sobreviver, ai o que caiu na rede é peixe.
    As mulheres sabem que GP é profissional nao vai querer grudar nela. Imagina uma mulher gostosa, ela está afim de sexo, se atira pra cima de um cara na balada, qual a chance do cara ser um mala grudento e ficar enchendo o saco dela o resto da vida? Sem contar todos aqueles problemas como de ela ficar marcada como puta e tal. Agora ligando pra um GP, ela sabe que vai ser uma foda bem dada e ponto final.Mesmo caso as mulheres casadas que sentem que algo falta no relacionamento, elas vao arriscar pegar qualquer um que pode grudar, fazer escandalos? Nao, vao pegar um GP que sabem da discrição dele.
    Quando tinha 18 anos tive a oportunidade, acabei nao indo. Nao me arrependo, mas nao deixaria escapar se tivesse outra.

  • Lucio Lucca

    É, talaricar a mulher alheia, não é legal…

  • http://www.estrategistas.com/ Paulo Roberto

    >” Raramente se tornam clientes fixas, e acontece de se arrependem do programa”Não seria se arrependerem?

  • http://www.facebook.com/raffael.silvado Raffael Silvado

    Você prefere pedir pizza eu fazer uma na sua casa?
    (e la vamos nós com as comparações com pizza)

    Parte da graça está justamente em pagar.
    Que mulher que não gostaria de ser a DONA de um homem, mesmo que por uma noite?

    • Marcus V.

      A maioria é dona sem pagar =P

    • http://www.facebook.com/raffael.silvado Raffael Silvado

      Tenho que discordar Marcus, não me vejo me submetendo tão facil assim as vontades de uma mulher por mais atraente que ela possa ser.

      Mulher não gosta de homem que não tem valor algum.

      • Luiz F.

        Algumas gostam sim. Alguns homens também gostam de mulheres sem valor, oras.

  • http://twitter.com/TabaCruzFilho Tabaquara Cruz Filho

    Se fosse pra atender só mulheres, eu toparia. Mas acho muito mais fácil uma vida comum do que isso ai. É verdade que pela coisa rolar na base do pagamento e na “entrega do produto” a gente pode separar a razão da necessidade sexual e do sentimento, mas pessoas são pessoas.

    Se o relato é fake ou não, eu não sei, mas se um dia eu tropeçar nessa vida eu terei o que dizer sobre o assunto. No momento eu to dando palpite que essa vida deve ser muito mais complicada do que aparece no texto, mas também não sei se é ruim ou boa.

  • Rafael Dorcel de Souza

    pois é eu estava pensando nisso, poderia ser mais realista esse texto…e também, já que é tão requisitado assim pelas mulheres, poderia teria alguma didática hehe, aliás, li esse texto pensando que ia ser assim, mas desapontei.

  • Aldo

    Achei o relato muito raso, parece fácil, meio mentiroso ou omisso. Não é assim..e outra, essa de ”eu não atendo esse tipo de público” tá bom. 
    Muitos gays têm dinheiro, ele nem sabe o que tá perdendo, se é de grana que ele precisa, o aqué desse ”tipo de gente” é alto, e afinal, qual é a diferença dele transar com uma velha de 70 anos e com um cara de 30, eu pensei que o dinheiro fosse mais importante, nesse caso.

    Outra ”Conheço poucos GPs que atendem esse tipo de cliente. Eu mesmo não atendo.”. Se eles não atenderem esse tipo de cliente (os homens gays), os boy passam fome ou não vão ter dinheiro pra comprar o tênis da moda.

    • Alice

      É assim, não, ô manézão. O lance é bem específico – há GPs exclusivamente para garotas e exclusivamente para garotos. É quase impossível achar quem atenda as duas clientelas. E sabe qual é a diferença? Se você é homem e pega uma mulher de 70 você é hétero. Se você é homem e pega um cara de 30, você é gay. As prostitutas também fazem suas distinções: as que são bissexuais ficam também com mulheres; outras não topam mulher de jeito nenhum. Aprende: todo mundo tem seu limite.

      • Aldo

        Queridinha, o dinheiro sempre fala mais alto. E vc esqueceu que os bissexuais HoMENs também ficam com outros homens. Inclusive os GPS,

        E MANEZÃO É O TEU PAI QUE TE COLOCOU NO MUNDO, IMBECIL.

      • Aldo

        Para Marcelly!! 

        Pois é, eu num tô nem aí se ela vai ficar com estria, tomara que ela espoque toda, fique tooda manchada!! Não preciso de mulher não, Graças a deus, elas não satisfazem os meus desejos!!Kiss!!

      • Alice

        Hey, baby, misógino, e ainda mané, como seus amigos mesmo devem ter falado pra você: BI, no mundo gay, é BIcha. ;) A despeito da piada, se você ler o que eu escrevi vai ver que eu NÃO disse que não existem GPs que pegam tanto homens quanto mulheres, eu disse… ah, vai ler lá.

      • Aldo

        Para Alice!!

        hahahahaha!! poderia ter sido melhor, keridinha, na sua resposta!

        smac!!

  • Rodolfo Viana

    Leia de novo meu questionamento. Ele foi sério.

    Imagino que algumas pessoas conheçam GPs e possam enriquecer a conversa aqui nos comentários com o que ouviu deles, com relatos, com opiniões… Se o cara acha fantasioso demais porque o autor do texto não sai com homens, meu questionamento é: de onde ele tirou essa opinião? Sair com homens é obrigatório para todo GP?

    Não se sinta doído.

  • Rodolfo Viana

    Indagações perfeitas, Dora.

  • http://www.facebook.com/raffael.silvado Raffael Silvado

    Acho que por mais que queiramos, é impossivel viver uma vida despreocupada e sem medos. Marcas acontecem e como você vai reagir depende da sua cabeça.
    É normal ter problemas quando temos que “cutucar” as nossas feridas, mas é bom hoje e sempre, lembrar que elas estão lá por um motivo e talvez até, sentir orgulho delas.

    Pense na metade cheia do copo, se ele está ciente que uma hora ele vai ter que “pendurar as chuteiras” é um sinal que ele SABE que não pode misturar as duas vidas.
    Se ele der sorte ele vai poder usar a experiencia dele para o bem.

    Agora vamos avaliar a palavra “normal” por um instante. Não existe um “normal” comum que todos compartilham, somente isso já invalida a expressão “viver uma vida normal”.
    Como ele vai tratar as mulheres dai pra frente depende da moral dele.

    http://www.youtube.com/watch?v=LK91Ut7jJIM

  • Alice

    Puxa, o texto é bem escrito, bem arranjado – começo, meio e fim. Em nenhum momento pensei que fosse fake. Até porque bate com o que eu conheço do universo: pelo que já pesquisei. E já contratei um GP, também. Foi ótimo. Certamente, em algum momento, vou contratar de novo. Passa seu telefone!

    • http://www.papodehomem.com.br/ Guilherme Nascimento Valadares

      Obrigado por compartilhar um comentário coerente e autêntico conosco, Alice.

      opa, autêntico pode não ser

      esqueci que a polícia dos *verdadeiros* GPs tá solta por aqui

      :P

      • Alice

        Pois é, né? Mas, como diz a Dona Edith: Vou fazer o quê? Vou matar? Não! Vou educar!
        ;)

      • Lolasky Phoenyx

        Se o leitor achou o texto estranho, fantasioso ou fraco é um absurdo inadimissível.
        Se diz que contratou UM garoto de programa (e acreditou no que ele disse) e gostou do texto, é coerente.
        Muito bem Guilherme, parcial e coerente.

        Eu já pesquisei bastante (inclusive em sites de anuncios de GPs) e assisti documentários sobre o assunto e são raros os GPs que não atendem homens (mas existem e são realmente os mais bombados e bonitos), porém são relativamente comuns os que atendem só sendo ativos.
        E a questão de existirem mulheres bonitas que contratam este tipo de serviço pode ser até verdade, mas se já não é muito comum mulheres de maneira geral fazerem isso, é mais improvável ainda que uma mulher bonita faça.

        E eu concordo com a Marcelle Araky, alguns posts acima, que diz que o
        relato parece um conto erótico, inclusive os próprios “defeitos”,
        estrategicamente revelados para trazer realidade à descrição.O texto pode não ser mentiroso, mas é fantasioso. Se este garoto consegue ganhar dinheiro desta forma, sorte a dele, mas mostrar isso como uma realidade comum dos michês para fazer brilhar os olhos dos leitores menos afortunados é “mentir pra se enturmar”. De qualquer forma não deixa de ser uma lição sobre networking.

      • Alice

        Ôpa! Antes disse que tinha pesquisado (aliás, pesquiso sempre, não saio falando por aí sem conhecimento de causa) – essa parte você não leu? By the way: eu sou uma mulher bonita.

      • http://www.papodehomem.com.br/ Guilherme Nascimento Valadares

        “Se o leitor achou o texto estranho, fantasioso ou fraco é um absurdo inadimissível.”
        Onde foi dito isso, Lolasky?

        Internet não tem tom de voz nem linguagem corporal. Por via das dúvidas, melhor levarmos sempre em conta os ruídos naturais do meio.

      • Giovani Braulio

        Oi! Tenho 18 anos não tenho o corpo sarado mas não sou gordo, e queria faze alguns programas. Como você poderia me ajudar? Moro no RIo de Janeiro.

    • http://www.facebook.com/people/Rosana-Rogeri/100000284466237 Rosana Rogeri

       Até que enfim alguma mulher lúcida pediu o telefone do cara…
      Qual é o contato mesmo?

      • jeomar

        o meu e 61 92799873 vc vai gostar

    • gih

      rsrsrs…Quero o tel de um tbm.

      • lobeboy

        então tai(98)82207834

  • http://www.papodehomem.com.br/ Guilherme Nascimento Valadares

    “Sinto um corporativismo por parte deste blog.”

    O que exatamente quer dizer com essa frase? Quanto mais claro for, maiores as chances da discussão seguir em uma direção produtiva.

    Como complemento, adianto que o PapodeHomem não é blog: 

    http://papodehomem.com.br/bem-vindos-ao-portal-papo-de-homem/

    http://papodehomem.com.br/o-que-e-o-papodehomem/

  • http://www.papodehomem.com.br/ Guilherme Nascimento Valadares

    Estudo relâmpago de lógicaM/b>

    PARTE I

    1. o Vitor viu e/ou ouviu poucas histórias sobre o universo dos GPs
    2. baseado nessas poucas informações, ele tem *certeza* de que o artigo é incorreto.

    Pouca informação sobre um vasto universo significa que essa informação, ainda que limitada, há de ser verdadeira.

    duh

    PARTE II

    “é irreal uma mulher gostosa ter escassez de sexo”

    Talvez mulheres gostosas/atraentes se cansem de serem vistas e tratadas somente como “gostosas que conseguem rola a qualquer momento”. Talvez elas passem por experiências tão ruins quanto qualquer outro ser humano e criem bloqueios emocionais. Talvez elas se cansem de comer zé ruelas e queiram simplesmente ter bom sexo sem aguentar joguinhos idiotas ou baboseiras. Afinal, sentem tanto tesão quanto qualquer homem.

    Talvez existam 1001 outras razões além do seu comentário, Vitor.

    Hora de expandir as lentes do seu óculos, o mundo é bem maior do que parece.

    • Alice

      Oh, yeah, baby.

    • http://www.facebook.com/raffael.silvado Raffael Silvado

      Pois é. E como um homem, o Vitor deveria saber que tem gente que simplesmente sente tesão em pagar por sexo, não é tão dificil aceitar isso!

  • Aldo

    A questão não é nem de ser obrigatório, o cara transar com outros homens, e nem por necessidade, é por sobrevivência. A maioria dos ”clientes” que contratam os gps(homens e mulheres) são homens independentemente da sexualidade. As mulheres geralmente ligam para os acompanhantes, esses sim, ela contratam. Não que seja raro mulher contratar prostituo, existe e muito, mas não é comum. Uma hora ele vai ter que precisar do dinheiro e aí ele vai ter que decidir com quem o corpo dele servirá para produto e o sexo como serviço. Ele vai ter que tá preparado para tudo. Tá na chuva é pra se molhar. A não ser que ele queira ficar a míngua, e isso seria demais para um garoto de programa, porque quanto mais se têm, mais se quer ter.

    Se fosse um conto erótico, parabenizaria o autor, mas faltou um relato sério, verdadeiro, humano, ele precisaria ter  falado da violência, das drogas, boa-noite cinderela, dos medos, da consciência pesada, da doenças (DST`S), do preconceito(dele próprio) e outras coisas que permeia a vida de um verdadeiro garoto de programa.

    FUii!! 

    • http://www.facebook.com/raffael.silvado Raffael Silvado

      Cara…. ele não quer sair com homem e PRONTO.

      nada do que disser vai mudar isso. Lembre-se que o mundo é bem grandinho e tem GP pra todo mundo. Deixa o cara decidir se ele precisa MUITO de dinheiro ou não.
      Vc não sabe da conta dele no banco, então para de ser um PÉLA SACO.

      • Aldo

        Olha aqui, é a segunda vez que eu sou xingado nesse portal, eu não sou um péla saco, me respeite, rapaz.

        Eu apenas dei a mimha opinião!!, porque eu conheço alguém que já fez programa. e se vc não aceitou-a, pelo menos respeite-me.

        Não vou te chamar péla saco, por que nem sei o que é isso, então fique pra vc, deve ser mais cômodo pra vc em ser um deles.

    • http://www.facebook.com/people/Henrique-Werneck/100002259454038 Henrique Werneck

      Concordo com o Raffael. O cara não sai com homem. Ponto. O cara também não sente peso na consciência (não sei se não sente, mas o texto leva a entender que não). O mundo é feito de escolhas. Minhas, suas, do papa e de qualquer outra pessoa com ou sem consciência das consequencias de suas ações.

      “… ele precisaria ter  falado da violência, das drogas, boa-noite cinderela, dos medos, da consciência pesada, da doenças (DST`S), do preconceito(dele próprio) e outras coisas que permeia a vida de um verdadeiro garoto de programa.”O cara não citou drogas e não entrou em detalhes específicos de como rola o programa (por exemplo, falando como se protege das doenças).E SE ele passa de fato fome porque não quer comer outros homens. Quer um exemplo mais “social”? Um engenheiro mecânico (que já é de certa forma uma área específica) pode escolher se vai trabalhar na área industrial, automotiva, projetista, naval, aeronáutica e por aí vai. Podemos escolher sempre o que queremos. Faltou algo no texto? Ele escolheu não escrever sobre, esqueceu, sei lá! Ele não come homens? Quer comer você, no lugar dele? Cara, vida é isso. Escolhas e consequencias. E cada um com as suas.

      • Aldo

        Eu posso te comer, eu cobro caro, mas faço tudo, oral, anal, felação, cunete, s&m (se vc permitir).
        só que querido, eu cobro caro, mas se vc têm dinheiro não importa, é que eu tô precisando de um chapéu novo e um óculos escuro, sabe!!?

        Beijinho!!

      • èrica

        ESTE FOI O RELATO MAIS MENTIROSO QUE JÁ LI. TUDO PELO IBOPE.

  • http://www.facebook.com/vitor.reisc Vitor Reis

    É impressionante como de uma hora para outra todos viraram especialistas em prostituição, como o mundo de GP funciona(sem nem mesmo ser, porque conhecer alguem que faz isso é algo, fazer isso é outro), o pensamento de todos da profissão e o sofrimento. Eu tinha ideias de como funcionava, mas não posso falar se o relato é falso ou verdadeiro ou se ele deixou de falar disso ou daquilo se eu não vivencio o dia-a-dia de GP. Incrivel como com uma conversa e 10 minutos de Google as pessoas viram Doutores nos mais variados assuntos hoje em dia, né?

    • Humilde leitor

      E ainda tem o cara que não tem nada pra falar e escreve uma asneira qq só pra polemizar, ou levanta uma questão filosófica sobre algum dos comentários só pela incapacidade de não dizer nada. Haja paciência com os peritos e doutores da razão que aqui habitam.

  • http://www.estrategistas.com/ Paulo Roberto

    Obrigado por indicar meu erro, afinal de contas errar é normal e indicar os erros dos outros não é ofensa.

    • http://tenholaminhasduvidas.blogspot.com/ Marcelle Araky

      foi exatamente a mensagem que quis passar! rs bjo ;)

  • http://www.facebook.com/jhonathaconection Jhonatha Conection

    O mais interessante é a Intolerância da sociedade em achar que o GP deve por tabela sair com homens, deve ser o “escape” pra sociedade. Se um cara tá com um problema chama o GP, se a mulher tá com problemas chama o GP, se o gay tá com problemas chama o GP, se a lésbica tá com problemas chama o GP.
    O fato de decidir levar uma vida assim não conta que deve seguir todos os “padrões” em que se querem, o cara é seu próprio patrão e agente. Ele mesmo pode impor oque quer, e até onde quer ir. Ele só faz programas com mulheres, e é uma opção dele, nada mais que isso. Ele tá disposto a isso e se limita tão somente a tal situação. Agora a sociedade vai ficar pressionando que é inaceitável ou oque é aceitável na vida de um GP?
    E digo mais tem muito cara que vira GP não tanto pelo dinheiro, mas pela curiosidade pela vontade de ser desejado e ainda receber algo pelo sexo, não que o dinheiro tenha o valor maior, mas a situação total dá um tesão. (Eu não nego que rola uma curiosidade). Mas vai de cada um, alguns se entregam, outros guardam suas fantasias pra si próprio.

  • http://www.myspace.com/bluesy_marcos Matsuura Junichiro

    De uma certa forma essa última afirmação faz sentido. Um GP vai se preocupar mais com certos detalhes, que, na cabeça de um baladeiro qualquer, vão passar despercebidos.

    Um GP dificilmente vai se esquecer da camisinha, não só por causa da AIDS, mas também, óbvio, por não querer estragar a diversão de ninguém. Vocês sabem, gravidez indesejada.

    Um baladeiro qualquer, simplesmente, vai encher o rabo de álcool, vai transar com a primeira que encontrar, não vai lembrar da camisinha, e o resultado, vocês já sabem.

  • Elder

    comentadores inteligentes???????…já teve algum?…me fala o texto ai

    • http://www.papodehomem.com.br/ Guilherme Nascimento Valadares

      Temos mais de 3000 textos e quase 500.000 comentários.

      Alguns bastante fracos. Outros de se orgulhar. Esse contraste é a proposta.

      Bom passeio por nosso tesouro, Elder: http://papodehomem.com.br/tesouro/

  • Isa

    Com certeza, Pedro. Vou amadurecer a idéia e engrossar o caldo. Procurar uma forma objetiva sem ser superficial e envio para análise do Papo de Homem. Quem sabe dá pra publicar, né? Fiquei curiosa sobre a sua opinião. Concorda comigo? Tem opinião formada a respeito ou apenas curiosidade? Bj.

  • http://www.facebook.com/verossimil Erico Verissimo

    É a posição mais coerente possível prum texto como o publicado. Estão confundindo “fake”, talvez por culpa da (mais que necessária) edição do texto original, com “glamurizado”, que era o que rolava com os relatos da hoje popstar Bruna Surfistóide, dourando pílulas e enfeitando pavões em certa medida.

  • Hugo Cardoso

    “Com o GP, querem fazer tudo aquilo que o pudor ou a moral as impede de fazer com o marido, por medo de serem taxadas de putas.”

    Maridos, vcs estão fazendo tudo errado.

    • gih

      Concordo!

  • Bruno Palhares

    Salve amigos! G|osto muito do site de vcs! Mas preciso expressar minha opnião.

    Trabalhei como gp durante 3 anos, fiz tb algumas pontas em ladies club no centro do Rio. Fui desse meio e sei muito bem como funciona. Por experiência tanto minha como de relatos vindo de amigos ou conhecidos q tb são do meio, sei q esse texto é fake. Cito duas pontas q evidencia isso:

    - Mulher gostosa pagando para ser comida. (só existe se for com o marido olhando e msm assim não é das tops)

    - Não ser sarado (Se vc não curte homem e está fora de forma, vai morrer de fome com certeza)

    • http://www.papodehomem.com.br/ Guilherme Nascimento Valadares

      Fala, Bruno, tudo certo?

      Primeiro, obrigado por compartilhar sua opinião conosco, cara. Em especial sendo alguém que viveu a experiência.

      Abrindo o papo, digo que nós editores não temos como afirmar 101% que o cara é/foi GP. Oras, ninguém foi lá acompanhar a vida dele, ver uma mulher pagando o cara. Sempre temos uma boa conversa antes, para checar fatos/fontes e acreditamos, na medida do bom senso.

      Avançando, os termos “gostosa” e “sarado” são subjetivos.

      Por ex, uma gostosa pra mim pode ser uma mais ou menos pra outro cara. A minha visão de sarado pode ser chamado de mediano pra outro.

      Não dá pra saber.

      Se estiver afim de compartilhar mais conosco, faça contato com nosso time editorial pelo posts@papodehomem.com.br .

      Teremos maior prazer em acrescentar novos pontos de vista a discussão.

      Grande abraço,

      • LEANDRO

        Engraçado, como o povo não aceita o sexo natural. Escreve-se um artigo falando a favor da pedofilia na Grécia Antiga e acho que até a polícia seria chamada para prender o administrador deste site. Vejo pelos comentários. Eu fui michê durante nove anos (parei porque passei em um concurso público; e a cidade onde estou morando é pequena). Posso afirmar que existe sim de tudo: michês exclusivamente heterossexuais e que são muito procurados por mulheres lindas; gays metidos; drogados; estudante que não tem o que fazer, entre outros tipos. Posso também afirmar que o rapaz pega gatas, pois eu, que sou homossexual, fui procurado, muitas vezes, por mulheres lindas. Mas elas queriam um homem bonito, e eu sou franzino (o corpo, mesmo não sendo sarado, conta muito; dote também). É isso, não é fake não galera, é verdade mesmo. E outra coisa, não pega mau pra homem hétero fuder com mulher; pega mau pra mim, que sou viado, mesmo a gente sendo másculo. Macho que é macho não tem problema com essas coisas não, desde que só faça com mulheres. E pica só sobe se sentir tesão. A maioria dos caras héteros faz por dinheiro e por prazer também; diferentemente da maioria das garotas de programa, que só faz mais pela grana mesmo, e mau gozam; é uma ou outra que goza nos programas, depende do cliente com quem elas estiverem.

  • http://www.papodehomem.com.br/ Guilherme Nascimento Valadares

    O que é ter caráter, Marcelle?

    Quando se tem caráter é possível perdê-lo?

    Há situações em que temos caráter e outras em que não? Isso nos torna possuídores de meio caráter ou de nenhum caráter?

    É possível recuperar o caráter perdido?

    ps.: sempre que vejo alguém falando em “caráter”, meu senso aranha dispara. é uma palavra bem bonita e forte, tipo um porrete. boa de se usar em discussões morais. e bem desconhecida – em profundidade – para a maioria de nós.

    • http://tenholaminhasduvidas.blogspot.com/ Marcelle Gália

      Penso que a lealdade está intimamente ligada ao caráter, Guilherme.
      Quem dissimula em um terreno onde deveria haver a máxima cumplicidade, tem sérias chances de não ser lá grande pessoa em suas amplas relações. Falhas de caráter todo mundo tem, não é uma questão de perdê-lo. Quando o erro se torna uma constante, o indivíduo se mostra desprovido de consciência, logo, é pouco provável que tenha caráter. O arrependimento de um flagrante é nulo. Não se recupera o que nunca foi de sua posse.
      Acredito também que ausência de caráter seja o resultado de uma equação que envolve covardia, 
      oportunidade e impunidade (se você me perguntar as proporções, realmente não saberei responder).

  • http://donluidi.wordpress.com/ don luidi

    Bem, um tempo atrás tive uma transa remunerada (quem sabe eu conte ela aqui). Mas não levo jeito para a profissão, sou lazarento de feio e nada sedutor (rs).

    Concordo com a Dora, o autor deveria expor também o lado ‘negro’ da coisa, tipo brochar, coisas inusitadas que as(os) clientes pedem, etc…

    Esporadicamente creio que teria coragem de arrecadar um extra, mas, o duro vai ser achar alguma corajosa que tope (rs).

  • http://danillonunes.net/ Danillo Nunes

    Talvez a moça fosse um avião! (tum dum tsss)

    • http://tenholaminhasduvidas.blogspot.com/ Marcelle Gália

      piada devidamente feita qd o pouso ocorreu, Danillo ;)

  • http://www.facebook.com/joir.eduardo Joir Eduardo

     A pica é do cara e ele mete em quem ele quiser que estiver disposto a pagá-lo por isso. Se o cara não curte fazer programa com homens é a escolha dele, mermão. Se ele não quer, não quis e acabou! Até parece que para ser GP a condição sine qua non é pegar homens também. Namoral, ‘tou fudido com essa lógica capenga e horrenda.
     
     Quanto ao comentário dele que a sociedade não aprova a “profissão GP”: olha, nem mesmo outras são aprovadas, mas são requisitadas tanto quanto ou mais que as aprovadas. A lógica é interessante: filme pornô pode, mas GP não. Qual a diferença? Sinceramente, qual é A diferença?

     Eu, tranquilamente, pegaria algumas mulheres que estivesse dispostas a recompensar minha performance. Como a profissão é uma opção profissional, não dependo disso, eu escolheria as clientes.

     Aliás, TUDO na vida se paga um preço, nem sempre é em moeda, mas haverá um preço SIM a ser pago. Muitos(as) se prostituem de graça no trabalho, na vida, na família. etc.

  • André

    Independente da veracidade do texto, das preferencias sexuais abordadas nos comentários e dos valores morais que são extremamente particulares, o que ocorre é que historicamente as profissões foram ou são dominadas por homens (as pesquisas no mercado de trabalho provam as diferenças de cargos, salários, etc…). As únicas profissões em as mulheres ainda dominam com margem muito significativa são: Prostituta e Doméstica (não estou sendo pejorativo). Homens estão mais dispostos a pagar por sexo do que mulheres. Elas tem mais oportunidades (ofertas) de conseguir sexo sem pagar por isso. Se existem mais prostitutas é pelo fato de existirem mais homens dispostos a pagar pelo serviço. Dizem que a prostituição é a profissão mais antiga…podemos estar observando uma mudança de mercado mas ainda duvido que daqui alguns anos existirão mais “prostitutos”. Podemos imaginar a discussão de um texto: “Empregado Doméstico, Uma Opção Profissional”. É um exemplo simplificado da visão ortodoxa: Lei da Oferta da Procura. Recomendo os livros Superfreakonomics e Womenomics. 

  • Abc

    Ja pensei seriamente em entrar nessa, talvez nao tenha entrado por falta de oportunidade. Venho de familia com boas condiçoes, e me mudei para fazer meu mestrado e minha situação financeira nao está boa, sei que com minhas graduações estarei ganhando muito bem daqui a 2 anos, entretanto no momento ta complicado. Porem acho que ainda me falta coragem, espero que continue faltando…

  • Rafaela Moraes

    Sou mulher e me valorizo o suficiente a ponto de ter um único parceiro por toda a minha vida.
    Mas confesso que se eu fosse homem, acredito que não teria problemas em fazer sexo por dinheiro.Sei lá, certamente faria de graça, seria o pegador da turma, então… porque não receber por isso?Gostei muito da descrição dos tipos de clientes, e sinceramente acredito que exista GP exclusivamente heterossexual. 

  • Nelson

    É uma pena. Lamento muito por aqueles cuja extensão do universo tenha como limites a ponta do próprio  nariz. Gente o universo é mais vasto do que parece. Sexo não tem sexo, ou seja, não necessariamente anda colado ao gênero a que o indivíduo pertença. 

  • Nelson

    Boa Bianca adorei! E aonde fica o complexo de édipo dessa gente. Gosto não se discute e muitos falam como se não fossem chegar aos setenta ou mais…..

  • Fábio

    Se eu fosse bem dotado, acho que arriscaria, algo do tipo, mas como não sou…

  • Lilianrufino

    Independente do texto ser verdadeiro ou não, e das opiniões serem machistas ou não, perceberam que quem postou o texto não se manifestou nem como anônimo, pra tirar as duvidas dos que realmente tinham algo relevante a perguntar?

  • Morena Carioca

    Sou mulher, jovem, bonita, com nivel superior e bem sucedida, ja fui casada e não tenho filhos, moro em um bairro nobre do Rio de Janeiro, e o meu ex marido não fazia sexo oral de jeito nenhum, muito menos anal, por motivos religiosos, e por puro machismo, achando que com a esposa não se pode fazer estas coisas, e quando insinuei que tinha curiosidade fui tratada como uma puta, e ele não falou comigo direito por quase um mês, achando que eu estava com outro, e eu não estava, mais estava louca de vontade de dar o meu cuzinho e de sentir um sexo oral só pra saber como era, porque me casei virgem, e não fazia a menor idéia de como era isso, mais não queria estragar meu casamento, e nem ter problemas, então resolvi contratar um GP, que matou a minha curiosidade, e pela primeira vez traí o meu marido e foi muito bom, fiz tudo que tinha direito e muito mais, depois disso tentei conversar com meu marido de novo pra ver se ele mudava de idéia e comia meu cuzinho, que foi uma coisa que adorei fazer, mais não deu certo, então me separei e hoje em dia sou super amiga do GP que contratei, mais não saio mais com ele, e me sinto muito bem com isso e sou feliz sexualmente, e tenho a liberdade de fazer sexo como gosto sem pudores ou medo, e recomendo a todas as mulheres que tenham curiosidade a esperimentarem pelo menos uma vez, pra mim deu certo e foi ótimo, realmente ajudou muito.

  • Herculesbermanelli

    kkkk monte de mentiras, ele contou o sonho dele . o meu sonho o sonho de todos os gps.. mais a realidade è outra rsrsrsr infelizmente !!  

  • Drursds

    tá tudo off, papo furadíssimo…
    qq/ motoboy, recadeiro, aula partic/ de info, etc, dá money mais q/ sexo qq/ masculino.

  • Carlosddos

    Acredito q isso tudo q vc escreveu no seu texto e muito iluzorio alias garoto ou garota de programa nao despensa clientes por causa do sexo.

  • Leonardo

    Curti essa Fanfic da vida real, por experiência propria logo de cara nota-se o fantástico grau de fantasia deste post.

  • CarolFort

    Gostei do Blog! Eu me encaixo nas “chifrudas”, fiquei com um GP em Fortal e recomendo. Tudo comecou porque descobri que meu marido me traia com prostitutas pagas e gratuitas ( putinhas q dao sem cobrar). Dai procurei na net um GP que so saisse com mulheres e me encontrei com ele em uma tarde durante a folga do trabalho. Foi muito bom. Ainda saio com ele quando meu marido viaja, pois tenho muitas transas em haver, heheheheheh.

  • Anônimo

    Há algum tempo atrás, tinha interesse em arriscar minha vida nesse rumo, minha vida sempre foi parada e tediosa, e sempre fui noob no amor, minha timidez e falta de inspiração e atitude contribuíram pra isso, mas quando o garoto vira homem, a situação muda, estudos são estudos, e trabalho hoje não tenho muito saco, queria algo mais intenso, mais radical, com certeza, não sou o primeiro nem o último a pensar assim, mas esperei mais e tive sorte, pois achei alguém que me dá tudo o que preciso, sigo firme nos estudos, e não preciso apelar atenção e carinho com prostituição.

    Se você quer carinho, não se iluda com isso, espera, porque a pessoa certa vem sempre na hora certa ;) #fikadika

  • Bianca

    Nada a ver pra vcs que são homens, pura invejaaaa rsrsrs……………

  • thalison

    eu quero ser um gp meu imail entrem em contato thalison.especial17@hotmail.com

  • Geovany

    Alguma mulher afim de contratar meus serviços, entrar em contato comigo pelo email geovanygatinho@hotmail.com

  • iandara venancio

    035-9705-3482 liguem e confiram se estiver afim de sexo
    e masturbaçao ohhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh

  • dannyely

    lindo gostoso

  • http://www.facebook.com/dhonata.alves.3517 Dhonata Alves

    oi min xamo dhonnata alves qualquer coisa so mim ligar pra min conheser melhor 6293234528

  • http://www.facebook.com/dhonata.alves.3517 Dhonata Alves

    oi so garoto min liga quer falarei sobre minha caraciteristicas 6293234528

  • flor

    adorei

  • http://www.facebook.com/karlos.eduardo.9883 Karlos Eduardo

    Pra vc mulher,que se sente só,carente,mal amada que seu marido não da mais muita bola depois do casamento ou seja que não te dá mais carinho,atenção,amor,prazer ou simplesmente não gosta mais de sair com vc ou até andar de mãos dadas ou vc mulher que busca aventura ,que tem vontade e curiosidade para trair saber como é de verdade e deixar acontecer,que busca sigilo ou vc que já curte aventuras no seu casamento sem seu marido saber ou seu marido também sabendo ou até vc mulher que gosta de um acompanhante que faz tudo,que já conhece como funciona…..
    Meu nome é KARLOS EDUARDO FERREIRA e é um prazer!!!!
    Sou acompanhante mais um acompanhante que faz como vc quer,com amor,com selvageria,com delicadeza,com força,fantasias e muito mais….
    Estou sempre disponível para vocês,para atende-la onde melhor se sentir,fazendas,motéis,hotéis,cidades vizinhas onde você desejar realizar suas fantasias,até mesmo em suas casas;não tenho limites de dias vc é q
    uem manda e sou eu que obedeço,quero que saia ao seu gosto minhas lindas…..
    Sou moreno claro(pardo)
    Olhos:castanhos claros
    Cabelo:pretos
    Lábios:grossos
    Altura:1,73
    Peso:80 kg
    Físico:nem magro e nem gordo (forte)
    Idade:25 anos
    Não fumo,bebo regularmente,não uso nenhum tipo de droga(nunca usei,nem cigarro),adoro baladas e tudo de bom que a vida pode oferecer….
    Email:kaduferreira12@hotmail.c…
    Facebook: http://www.facebook.com/karlos
    Fotos e telephones só por email ou facebook
    ESPERO QUE TENHA GOSTADO DO MEU PERFIL,TE AGUARDO LINDA…..
    Sou todo seu por quantas noites vc desejar,mas vc deve estar se perguntando mais é muito caro não?não,não é;tudo e converssado e acertado antes deu partir para seus serviços….

    SIGILO TOTAL ATENDO EM QUALQUER REGIÃO PRICIPALMENTE NO GO,TO,MG E SP….

  • Menino disposto

    estou querendo participar,alguem me contate por favor

  • Menino disposto
  • crisiane

    minha bucea a pegando fogo cade um gososo para come

  • leo

    Bom Dora,’e o seguinte trabalho como GP a aproximadamente uns 2 anos meu trampo e o seguinte pego quem for faco o quer for nessesario so nao topo uso de drogas, milhares de vezes vui oferecidos, ate msm so como companhia mas numca topei, bom meu nome e Danilo tenho 22 anos tenho uma esposa maravilhosa tenho uma filha limda de 2 anos que gracas a Deus numca faltou nada ja trabalhei na area militar por tempo obrigatorio aqui msm na regiao de sampa, cmoo avia dito antes tabalho a uns 6 semetres tive chance no ramo atravez de um amigo que hoje e desde de q conheco sempre foi um bom camarada como pessoa ele sabe da minha situacao prescisao e ele msm trabalhando comigo na epoca me propos me passo toda riotina e tal’s confeco q num acreditava mas era minha unica chance ou arrumar um trampo ter que acorda cedo todos dia sair com marmita e ser esculachado pelos os patrao… num era bem minha cara nem tirar de quem tem, confeco pessei nisso varias veses mas pensava mais na minha mulher que na epoca ainda nem estava gravida .. esse foi o ramo no comeco me decepsionei de mais fica ate constrangido mas como todo profissional nao importa trabalho temos que colocar como prescisao hoje mais caliente e maduro no que atuo sei o que faco levo tudo apenas como minha vida profissional estou cursando minha facul de direito e logo que termina meu curso inserarei essa area de trabalho pois isso nao e vida que se leva a vida toda uma hora vai ter que sair dessa que fique bem claro por meta por plano estou aqui so para planejar a esqueci de sitar que minha esposa nao sabe que trabalho de GP avia dito que trabalho de seguranca ela numca foi contra minha conversa pois quando a conheci ainda era milito e sempre fui um cara muito transparente exeto nesse novo periodo de trabalho como numca..

    • natan

      oie leo vc ter namorado quer fica com comigo
      pago 50 reis

      • loveboy

        quer prazer de verdade ligue(98)82207834

    • Vivi

      Uhul, salve o português! Beijo, lindão!

      • Ana

        Isso porque disse que está cursando Direito! ;)

  • valesa

    o coisa besta

  • Ronaldo Souza

    Eu quero ser um GP, como faço?

  • Luiz Felipe

    Quer saber…tudo isso é papo furado. Quem se prostitui por grana também nao vale nada e quem paga vale menos ainda. Tem outra, os comentarios do GP são o velho clichê do “..um dia eu paro”, “..tenho outros objetivos”, dá conselhos sobre não usar isso e aquilo, descreve perfis de clientes como se fosse um psicologo etc. Cara? quem entra nesse tipo de vida e de putaria ja era.

  • Alex Silva

    Ola,meu nome é Alex
    Tenho 27 anos e gostaria muito de ser garoto de programa,ja tive alguma experiência com mulheres,inclusive com duas,sou ativo e também ja transei com homens passivos,estou começando agora.Estou precisando muito de dinheiro.Se vc souber de alguma agencia q está precisando de garoto de programa por favor entre em contato comigo,estou morando no Paraná agora.Sou moreno,alto,1;78,78 kg.
    (44)34233799
    (49)99472954

  • Camille Prêto

    Queridos!
    Estou fazendo uma pesquisa para a faculdade abordando exatamente esse assunto, a vida de garotos de programas.
    Existe algum e-mail para que eu posso entrar em contato com o Garoto do texto relacionado acima? Gostaria de se possível, fazer algumas perguntas sobre esse estilo de vida e entender mais.
    Ficarei eternamente grata se puderem me ajudar =)
    Obrigada!!
    Beijos!

  • Luíza

    Pelo contrário, gosto de homem sensual, que saiba seduzir. Que saiba que o corpo masculino também é belo, que não acredite que em seu corpo o que vale é apenas o pênis. “Virilidade” pode ser expressada de várias maneiras, e eu e muitas outras definitivamente não gostamos de brucutus – não acredito que estes possuam classe. Homens que não conhecem os próprios sentimentos e ressalvas para mim são tão atraentes quando uma pedra.

    Gosto quando procuram me satisfazer (coisa que grande parte dos homens não gosta ou não faz; muitos acreditam que os próprios gostos são também os gostos femininos – e acreditam que todas as mulheres gostam das mesmas coisas, como você mesmo colocou – o que está erradíssimo) e que me veja como igual. Sim, pois muitos homens acreditam que o terreno do sexo é dele e pronto. Também não gosto de ser taxada de “x” por nada, assim com nenhum homem gostaria de ser. Homens não são putos por fazerem “x”, por que eu tenho que ser “puta”? Apenas porque eu saí contigo, por que achas que devo fazer tudo o que você pede?
    E antes de mais nada, não me acho grande coisa também, mas sempre procuro oferecer o mesmo que recebo.

    Se existem mais mulheres com perfil parecido com o meu (e eu acredito que existem aos MONTES), podemos aí ter mais um motivo de cada vez mais mulhreres procurarem GPs.

  • Luíza

    As mulheres cada vez mais se excitam absurdamente apenas com imagens… não sabia que isso é condicionamento socio-cultural?
    Assim como muitos índios e homens de outras culturas convivem com mulheres nuas diariamente e não sentem tesão ALGUM, em uma sociedade onde o corpo é sexualizado a pessoa aprende a sentir. Isso é algo aprendido.
    O que acontece é que as mulheres estão cada vez mais “aprendendo” a sentir tesão na beleza masculina e muitas hoje em dia já sentem tanto quando o “homem comum”. Os homens também, estão cada vez mais atentos com a própria beleza. Espera um pouquinho e verás que tudo estará igual entre ambos.

  • Luiz F.

    Cara, as mulheres que disseram essas coisas são sexistas mesmo. Mulheres que não acreditam que o corpo masculino tem alguma beleza (ou não tanto quanto o feminino); que não acreditam que mulheres podem sentir tanto tesão quanto o homem e etc. Tudo isso é machismo/sexismo impregnado tanto em homens quanto em mulheres. Mas se você for verificar, muitas mulheres diseram o contrário.
    E sim, a nossa sociedade sexualiza muito mais o corpo feminino (justamente por ser comandada ainda por homens heterossexuais – que gostam apenas de mulheres, oras) e assim o corpo feminino ainda tem mais procura. Do mesmo modo, a sexualidade feminina ainda está longe de ser liberada realmente, portanto a beleza do corpo masculino ainda não é tão explorada. Quando é, isso acontece mais em vertentes gays. Mas as mulheres estão começando sim a perceber o corpo masculino, assim como o próprio homem o está. Me diga quantos homens você não conhece que não ligam para o próprio corpo (digo, não acreditam que devam dar alguma importância para a própria beleza, ou ainda que não acreditam que seu corpo pode ter algo de belo)? Quantos homens ridicularizam o próprio corpo como algo plano e sem graça? Pois é, a coisa vem de ambas as partes.

    Mulherzinhas podem dar pitaco, afinal homenzinhos também podem. Podemos encontrar pessoas de ambos os sexos com idéias totalmente diferentes.
    Você não soa como uma pessoa ignorante de tudo, mas vejo que consegue enxergar apenas parte do todo. Seu ódio pelas mulheres não pode ser justificado por nada, nem mesmo se você acredita que recebe ódio delas de volta. Grande hipocrisia querer ter seu ego e valor intacto rebaixando o outro, não cola rapaz.

  • Gama

    Quero ser GP, curto muito transar com homens eu 38 anos moreno claro malhado 178 alt 78 k sou de sao Paulo msn gamaroberto2013@gmail.com

  • Ju

    LEO, como se protege do sexo oral com as mulheres?

  • Carlos Delaviega

    no momento eu posso ser o GP, pois tem muita gente que sempre pergunta se faço programa assim que voltar pra SP eu irei entrar nesse mescado!
    más não sei onde e que lugar!!!
    PRECISO DE CLIENTES MULHERES!!!
    ;-)

  • Carlos Delaviega

    no momento eu posso ser o GP, pois tem muita gente que sempre pergunta se faço programa assim que voltar pra SP eu irei entrar nesse mescado!
    más não sei onde e que lugar!!!
    PRECISO DE CLIENTES MULHERES!!!

  • jeomar

    oi gata eu sou um GPs se quiser mata a curiosidade esse e meu yskyper. jeomar-j-lima@hotmail.com

  • A. Santos

    como eu faço pra entrar…?

  • novinho

    eu to quererndo, tem alguem afim ai? liguem 03591769812 é tim.

  • RUAN

    Já fiz alguens programs com outros caras, achei bom e diferente voce fazer sexo por dinheiro e por prazer e totalmente diferente, nao sou profissional mais garanto e um dinheiro muito facil de se ganhar.se alguem tiver afim de me conhecer so ligar (41) 95215240.

  • pablo

    tenho curiosidade nessa area de GP, mais isso de fazer fio terra nunca! isso é coisa de viado.

  • Diana

    Adorei a história. Será que eles funcionam com mulher feia e gorda? Tenho 28 anos e sou assim, mas sou virgem. Acho que vou desencanar e procurar logo um GP de preferencia que não seja pauzudo. Assim minha xana não aguenta kkkkkk
    Melhor procurar um GP já que vai fazer gostosinho do que dar pra esses caras que fingem que te ama pra depois te abandonar sem mais nem menos. Pelo menos com um GP é mais objetivo e profissional e ainda vai ter mais respeito pela gente

    • jeomar

      oi gatinha posso te agudar eu ja tirei umas virgendade acho que vc vai gostar rsbjs
      Subject: Re: New comment posted on Garoto de programa, uma opção profissional

  • anderson

    Oi gatas !!!
    Meu nome é Anderson
    Tenho 23 anos
    Tenho 65 kg
    Minha altura 1,76
    Sou moreno
    Adoro mulheres e fasso bem gostoso
    Sou de Sao Paulo Capital
    Meu numero : 98305-8840

  • negrogato

    olá sou david tenho 32 anossou garoto de programa a pouco tempo moro em curitiba parana sou negro 1,80 de altura olhos castanhos corpo medio nao sou musculoso mas gosto de sexo caso alguma mulher se interece por meus serviços ai esta meu email negrogato3323@gmail.com

  • HEROS

    Porquê será que todos garotos de programa dizem que não ficam com homens? Puro mito! basta lhes oferecer 5 rs a mais e ele libera o rabo!

  • Felipe Barros

    Gostaria da ajuda de alguém… Tenho 20 anos, não sou sarado nem malhado porem também não gordo, 1,74, bonito e gostaria de fazer alguns programas…
    ficaria feliz se alguém pudesse me ajudar pelo menos dizendo como começo, e onde ?

    Grato

  • Thabata Carlos

    Já que você quis copiar e colar um trecho e fazer sua interpretação, também acho válido ler o que foi escrito antes do seu trecho postado.

    “Ser comidas direito acabou fazendo com que recuperassem sua auto-estima, se cuidassem mais, se amassem mais. E, naturalmente, isso fez com que seus maridos cornos passassem a olhá-las de outra maneira.”

    O lance de salvar o casamento não está relacionado a caráter como você disse, a questão mencionada pelo GP vai além do simples fator comum de trair. A mulher passou a se sentir desejada, e por consequência o marido passou a valoriza-la. E como num passe de mágica o casal passou a se ver com outros olhos.

  • Ígor Andrade

    Achei muito bacana eu no momento pretendo entrar para este ramo estou começando faculdade e as vezes é muito extresse penso em uma forma alternativa, seu depoimento me ajudou bastante eu não sei ainda como fazer a clientela aqui na minha cidade e talzs mas penso que vai dar tudo certo!

  • Jefferson

    958394569 jovem sarado 23 anos

  • Henrryky

    meu número é 0800 3131 2014

Papo de homem recomenda

Assine o Papo de homem

Curta o PdH no Facebook
  • 5533 artigos
  • 661567 comentários
  • leitores online