Como escolher um bom tênis de corrida

Igor Oliveira

por
em às | Esportes, Guias, PdH Shots


Conheça mais o seu carro

Para nós, da Petrobras, a tecnologia fica ainda melhor quando fala com você.

Desvende os mitos de lubrificação, descubra o lubrificante certo para seu carro ou moto e tire suas dúvidas com a gente. Acesse o nosso site e descubra mais.

Lubrax. A mais alta tecnologia. Bem pertinho de você.

A corrida é um dos esportes mais praticados no Brasil. Em São Paulo e no Rio de Janeiro tem corridas de rua todo final de semana. Você provavelmente tem um amigo que corre e sente um pouco de “inveja” da vida saudável que ele leva e sempre quis começar a correr, seja por querer sair do sedentarismo ou simplesmente pelo seu “projeto verão”.

Qualquer pessoa pode correr, é só calçar um tênis e ir, mas para isso é importante saber qual o modelo mais adequado.

Antes de mais nada, quem quer começar a correr deve fazer os exames médicos. O principal é ir a um cardiologista e ver se você pode correr. Alberto Brandão já escreveu sobre alguns cuidados ao fazer atividade física.

Passado por toda burocracia, hora de escolher um bom tênis pra correr no parque.

1. Saiba o seu tipo de pisada

Hoje, com toda a tecnologia que nos é apresentada, existem vários tipos de tênis para os três tipos de pisada: Pronada, Neutra e Supinada.

pisada

Pisada Pronada: É quando o corredor tem a pisada pra “dentro”. Alguns modelos indicados são: Nike LunarGlide+ 5, Asics Gel Kayano, Mizuno Wave Nirvana.

Pisada Neutra: É a pisada normal de quem encosta toda a planta do pé de uma vez no chão sem torcer o tornozelo. Nike Pegasus, Asics Gel Cumulus 13, Mizuno Wave Creation, Asics GT 2160, Adidas Adios 2.0, Adidas Boston.

Pisada Supinada: É o “contrário” da pisada pronada, nesse tipo de pisada o corredor tem toda a parte externa do pé tocando o solo e raramente usa o dedão do pé como base para o próximo passo. Nike Vomero, Asics Gel-Nimbus, Adidas Supernova Glide.

algumas lojas no Rio e em São Paulo que fazem o teste. Provavelmente deve haver alguma na sua cidade também, é só procurar.

2. Vá a uma loja especializada

Nada de usar um tênis errado ou escolher algum simplesmente por ser barato. Lembre-se daquela velha máxima: “O barato pode sair caro”. Bons tênis de corrida aqui no Brasil custam entre R$300 e R$600.

Temos várias marcas no mercado que oferecem desde o tênis mais tecnológico até aquele mais simples que encaixa perfeitamente no seu pé. De qualquer forma, vale o lembrete: não é o preço que faz o tênis. É importante testar, pesquisar e escolher com inteligência.

3. Tipos de Tênis

Basicamente, existem tênis dos tipos: minimalistas, com amortecimento e tênis para corridas em trilha. Todos eles tem para as três pisadas.

Muita gente têm usado o tênis minimalista – quase não tem amortecimento, possui a borracha bem rente ao chão e dão a sensação de correr descalço. Entram nessa categoria os modelos Nike Free Run, Vibram FiveFingers, Adidas AdiPure e Asics Gel Blur 33, Saucony Kinvara.

nikefreerun

Nike Free Run, exemplo de tênis minimalista

Os tênis com amortecimento dependem muito da sua pisada e alguns modelos foram indicados acima, além deles podemos citar alguns mais leves como: Nike Flyknit, Asics Kinsei, Asics Tri Noosa, Adidas Boost.

Já o tênis para trilha tem vários modelos e depende do terreno em que se corre, alguns modelos indicados são: Nike Pegasus Trail, Adidas Response Trail, Asics Fuji.

4. Experimente, corra com o tênis

Quando você for à loja, experimente bem o tênis, veja se a loja tem uma esteira para que você possa correr com o tênis, se ele não aperta as extremidades do seu pé – lembre-se que ele vai lacear depois de um tempo, mas é importante não confiar demais.


Link Youtube | Teste da pisada na esteira

5. Cheque o preço no exterior

Assim como vários outros produtos, você pode importar os tênis. Em geral, eles saem bem mais baratos – chegam a custar menos de 50% do valor daqui – mas lembre-se que haverá impostos e o frete.

De qualquer forma, antes de sair por aí comprando qualquer tênis, veja se não teria o mesmo modelo tem em alguma loja, experimente e considere a possibilidade de comprar fora. Pode ser que você poupe uma boa grana.

6. Corra

Com o inverno tudo fica mais difícil. A cama fica mais quentinha, o sol mais frio e a vontade de correr vai embora até para quem já corre há algum tempo. Presumo que todos tem alguma atividade e não podem correr ao meio-dia – no inverno é um horário bom.

Aproveite para procurar uma academia. Se você gosta de acordar cedo, algumas abrem às 5 da manhã, assim você pode correr e ir para o serviço. Você se sente motivado e o trabalho rende mais. Ou se preferir, vá ao final do dia, você chegará cansado da academia e dormirá como um anjo. Mas, claro, nada se iguala a sair ao ar livre, ir a um parque ou à praia e apreciar a paisagem enquanto corre.

Quando você começa a correr, é difícil não se apaixonar. Você fica completamente viciado, conhece pessoas, pode convidar seus amigos a correr também, alguns toparão – pode ir na fé que isso acontece, sempre tem um amigo que tinha vergonha de correr sozinho, mas que se anima com companhia.

O primeiro passo – para muitos outros – só depende de você, portanto, vá correr agora.

Além de ter uma vida saudável, eu tenho o desejo de fazer uma maratona. Essa busca por novos desafios é algo que me traz bastante motivação. É meio inexplicável isso, correndo a gente acaba procurando por desafios maiores, mas a maratona é o mais chamativo deles. Começar a treinar com um objetivo em foco sempre faz com que outros venham junto.

Pra você que já corre há algum tempo, o que te motiva a correr? Como incentivar os seus amigos a correr?

Igor Oliveira

Graduando em Matemática pela Universidade Federal de Itajubá-MG. Futuro maratonista, adepto das corridas de rua e do futebol bem jogado. Estagiário no Dinheirama e dono no Radiocorsa e no Dicas iOS.


Outros artigos escritos por


SEPARAMOS MAIS TEXTOS PARA VOCÊ CONTINUAR LENDO




O texto acima não representa a opinião do PapodeHomem. Conheça a visão e a essência por trás do que fazemos. Queremos uma discussão de alto nível. Antes de comentar, leia nossas boas práticas. Caso deseje enviar um texto e se tornar um autor, venha por aqui.


  • Vinicius Rodrigues

    Muito interessante essa parte da pisada! Vou levar em consideração isso quando for trocar o tênis porque sinto umas dores nos pés às vezes quando corro. Legal o artigo!

    • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

      Vinicius, você pode estar usando o tenis errado, veja isso o quanto antes pois isso pode acarretar numa lesão no joelho, quadril e “derivados” melhor trocar o tenis agora do que uma cirurgia pra reconstituir ligamentos depois e horas e horas de fisioterapia

  • eduardo caldato

    Muito bom o texto. Para quem tiver interesse em descobrir sua pisada, o site da Mizuno, tem um teste interativo muito bom.

    http://www.myprecisionfit.com/test/welcome?lang=pt_BR&noAnswerSelected=&noMobile=

    • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

      @eduardocaldato:disqus eu não conhecia esse site e só ontem tive tempo de fazer o teste, é bem interativo e vale a pena fazer para saber o tipo de pisada, obrigado pela dica

  • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

    Ah, pra quem quiser saber, vou correr a meia maratona do Rio amanhã (7/julho) e quem for fazer a prova, na entrega dos kits estão fazendo o teste da pisada

    • Daniel dos Santos

      É, Cambota, abandona esse trem de curso superior e vai correr profissionalmente!

      • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

        Hahahahaha não é fácil não :)

      • Rodrigo Moreira

        Igor, tudo bom !
        Estava correndo com um Lunarglid 3 a alguns meses ( faço 10km em 45 minutos com ele ) ontem fiz minha primeira corrida com o Lunarglid 4, porém esse esquentou muito meu pé e em pouco tempo. Lá pelo KM 4 meu pé já estava fervendo, quanto que com o Lunarglid 3 só sentia alguma coisa depois do 9km. Vc tem alguma explicação para isso ?
        Obrigado,

      • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

        Olá @disqus_ve1pS3KngJ:disqus tudo bem?

        Então, são vários fatores que podem influenciar na sua dúvida. Foi a primeira vez que você usou o Lunarglide 4? Como estava o clima no dia? Quente/Seco? Qual tipo de meia você usa?

        Realmente os Lunarglide são mais quentes mesmo, na composição deles há muita borracha e pano por conta do amortecimento, se comparado com outros tenis da Nike como os Flyknit Racer/Trainer/Free e o Zoom Streak.

      • Rodrigo Moreira

        Então, sou de SP usei ontem o tênis e o clima estava bem quente mesmo. Foi a primeira vez que usei ele, pois eu vinha correndo com o Lunarglid 3 e sempre com os mesmos tipos de meias, de algodão e pretas. Vou fazer mais um teste, mas acredito que não deveria ter tanta diferença entre um modelo e outro, ou sim ?
        Quanto a correr sem meia, estou pensando em fazer uma experiência, vc já testou ?
        abraço.

      • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

        @disqus_ve1pS3KngJ:disqus desculpa pela demora em responder.

        Agora que entrou o verão, recomendo usar roupas mais frias e claras, assim não se sofre com o calor.

        Sobre os modelos de tenis, como falei, houve uma grande mudança entre o lunarglide 3 e lunarglide 4.

        Eu não sou muito fã de correr sem meias, eu sofro com bolhas, só para fazer um adendo aqui, a Nike desenvolveu umas meias que é o melhor investimento que já fiz, são as meias Anti-Blister (vendem na Netshoes e custam uns 30 reais). Eu só corro sem meias quando eu uso os Nike Free.

        Abraços

      • Rodrigo Moreira

        Valeu Igor.
        abraços

  • José

    Uma dica para a galera notar qual o tipo de pisada é observar qual região da sola do tênis gasta primeiro. Descobri minha pisada supinada assim.

  • Guilherme

    Não lembro se foi aqui no PdH que vi este link, mas vale o replay caso tenha sido.

    ” There will be a day when you can no longer do this. Today is NOT that day.
    Some day I will be too old to get out of a chair or out of bed. But my mind will still be racing, pray God”

    http://www.quora.com/Marathons/Why-do-you-want-to-run-a-marathon/answer/Rick-Bruno-1?srid=XVvc&share=1

    Gostaria da opinião do pessoal que corre sobre os tênis minimalistas. Tenho uma experiência boa em treino de rua e há algum tempo andei estudando – e até adquiri – o Vibram para correr.
    Não tive tantas dores articulares (joelho,tornozelo) que estava tendo com os tênis usuais mas senti um pouco a região lombar. Não vi relatos de outros corredores sobre isso. Alguém mais já fez o teste?

    PS: O texto ficou ligeiramente puxado para a Nike, merecia um banner ali embaixo. Na categoria minimalista o Vibram Fivefingers foi o pioneiro.

    • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

      Poxa Guilherme, essa não foi a intenção. Só coloquei a foto do tenis da Nike pois por onde se passa tem fotos desses tenis (Nike Free) e são super bem avaliados, já os Vibram Fivefingers não são tãããão conhecidos como os das marcas famosas (Asics, Adidas, Mizuno, etc)

    • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

      Agora sobre os tênis minimalistas, eu usei eles pra fazer um fortalecimento na panturrilha e músculos da coxa, dizem os estudos que são os principais efeitos dos tênis minimalistas é fazer o fortalecimento da musculatura, eu nunca tive a oportunidade de usar esse da Vibram, e conheço poucas pessoas que usam. Eu cheguei a fazer uma são silvestre com um tênis minimalista, mas já vi pessoas fazerem maratonas com eles, acho que o mais importante de um tênis é ele se adaptar ao seu pé (e não o contrário como muita gente pensa) se você se sente confortável e bem usando o tênis X, use ele.

      • Thiago

        maratonistas usam tênis minimalista em provas por causa do peso ser bem inferior aos tênis de treino (maior amortecimento), assim tem menor desgaste físico em provas de longa duração

      • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

        @disqus_sW5TWPK8It:disqus eu corro com um Lunarglide, ele pesa cerca de 230g os minimalistas são entre 180-200g, acho que pelo desgaste físico não é, será? (posso estar mentindo também, é só uma opinião minha)

    • Rafael Melo

      Olá Guilherme, eu corro há não muito tempo com minimalistas, e depois de iniciar com eles não consegui mais voltar aos tênis “convencionais”. Não tive nenhuma lesão, meu passe melhorou e obtive outros beneficios. Antes de colocar um minimalista eu fiquei em torno de uns dois meses realizando treinos descalço e educativos prestando sempre muita atenção em como meu pé descia ao solo. Posteriormente correndo descalço somente e somente depois fui para um minimalista. Pelo que estudei quando me interessei pelo modelo, e conversando com alguns conhecedores no assunto, percebi que o minimalista não é só calçar e sair correndo, mas temos que sim nos adaptar e voltarmos à pisada que perdemos devido ao uso dos tênis com amortecimento em excesso. Utilizo hoje somente calçados drop zero, dentre os quais o vibram five fingers e um xodó recente que é o levitas, da mizuno. Discordo também na enfase do nike free nessa matéria até porque ele é um hibrido, já que o drop não é tão baixo assim e o tênis não é tão flexivel também e também uma correção. Minimalistas não existem nos modelos conforme pisada: neutra, pronada e supinada, sendo que isso pouco importa quando se corre com esse tipo de tênis. Outro ponto importante é sobre o marketing nos tênis, pois agora recentes estudos botam por água abaixo o lance de você ter que utilizar tênis conforme sua pisada, divulgando que os tênis ditos para pisada neutra não aumentam lesões em atletas de pisada supinada ou pronada. E sigo o pensamento de que preço por tênis nada tem a ver com menor índice de lesões.

  • Douglas L

    Oriento a não utilizar tênis com amortecimento, pois há estudos recentes que comprovam a ação não benéfica do mesmo.

    E para aqueles que já utilizam os tênis com amortecedores, que comecem a fazer uma ação de diminuição do amortecedor aos poucos até que se chegue ao tipo ‘minimalista’.

    Vocês já pararam pra observar que os melhores tênis estão sendo mais ‘minimalistas’ e com menos amortecedores? Isso é decorrente dos estudos que comentei acima.

    Infelizmente não estou conseguindo achar o artigo publicado numa das melhores revistas internacionais de pesquisa científica em saúde.

    • Thiago

      esses estudos relatam o beneficio de tênis minimalistas por forçarem o atleta a ter uma melhor postura da pisada, mas provavelmente não relatam os malefícios causados pelo impacto continuo sem um bom amortecimento, o ideal é justamente o contrario que recomenda, começar com o minimalista para corrigir a pisada e após o costume, passar para o tênis com melhor amortecimento

  • Nélio Oliveira

    Há INFINITOS tênis de R$ 150,00 mais do que adequados à prática de caminhadas/corridas por pessoas “normais”. Não há a menor necessidade de gastar mais de, vá lá, R$ 200,00 num tênis pra isso.

    É a mesma coisa de querer comprar um daqueles maiôs que foram banidos dos jogos olímpicos pra fazer hidroginástica com os velhinhos na ACM…

    • Thiago

      em caso de pratica de corrida ou caminhadas diarias acima de 4km é bom usar um tênis melhor, a longo prazo esse tênis de R$ 150 acaba com sua juntas qdo se faz exercícios mais puxados, outro grande erro que vejo é usar tênis com amortecimento que use bolhas de ar e não revezar o calçado, o uso diario causa a deformação da bolha, ao final da semana se não tiver o revesamento já não tem metade da eficiencia

      • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

        Concordo com tudo que o @disqus_sW5TWPK8It:disqus disse.

        Assim como existem tenis de 50 reais que servem para caminhar, mas não servem para correr. É preferível gastar um pouco mais em um tênis melhor do que comprar os “duvidosos” – isso vale pra tudo na vida-

      • Nélio Oliveira

        Eu tenho dois Nike e um Adidas, todos custaram menos de R$ 150,00, sendo que um dos Nike custou incríveis R$ 129,00.

        Como não pretendo ser o Usain Bolt nem qualquer queniano fundista filé de borboleta, meus tênis me atendem bem demais.

      • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

        @NelioOliveira:disqus quais são os modelos dos teus tenis? só por curiosidade

      • Nélio Oliveira

        Dei uma olhada nos meus pedidos na Netshoes, e o de R$ 129,00 é o Nike Resistance, e na verdade custou R$ 139,90 (há dois anos e meio). O outro Nike é o Free 5.0 V4, que custou R$ 199,00 (na mesma compra).

        O Adidas não comprei na Netshoes, então vou ficar te devendo.

      • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

        Entendi, são bons tênis, mas no meu caso por exemplo o único que iria servir para alguns treinos seria o Free 5.0 para fazer um fortalecimento melhor dos pés e dos músculos da perna, pra mim que não sou profissional, mas não sou amador também já não existe mais tênis barato :/

      • Nélio Oliveira

        Olha só este tênis: http://www.netshoes.com.br/produto/004-8343-010-34

        R$ 99,00 por um tênis que atenderia 99% das mulheres que têm o hábito de caminhar ou mesmo de uma corridinha leve.

        Precisa mesmo de um Asics de R$ 400,00 pra caminhar ou trotar?

      • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

        @NelioOliveira:disqus , gostaria de fazer um adendo.

        O preço original do tênis é R$269. Considerei apenas os preços cheios do tênis, pois se for contar em “promoções” semanas atras uma loja do varejo estava vendendo o Nike LunarGlide+ 4 (que pra mim é o melhor tênis pra corrida longa) por apenas R$ 199, quando o seu preço é entre R$ 450 – R$ 500.

        Agora sobre esse tênis, ele atenderia sim boa parte das mulheres, esse sistema de amortecimento “Lunarlon” na parte traseira do tênis é a mesma utilizada pela Nike nos modelos top dela como o Flyknit Lunar+ 1, o LunarGlide, LunarEclipse entre outros.

      • Nélio Oliveira

        Você falar em preço “original” do tênis me lembra o vendedor do último sofá que eu comprei, que me disse “aproveita pra levar, porque de R$ 3.000,00 ele está por R$ 1.500,00!“. Aí eu disse “pôxa, você perdeu a chance de me dizer que ele estava por R$ 6.000,00 e aumentar o meu desconto…“.

        Preço “original” é uma ficção mercadológica, simples assim…

      • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

        Hahahaha tive que rir, mas pior que acaba sendo verdade mesmo. Só que os preços são meio tabelados em todos os lugares do mundo, aqui no Brasil por exemplo custam entre (R$350-500) daí vai a escolha do modelo, assim como na europa os preços também são tabelados (£60-100) e no EUA também (US$80-140), então quando se tem uma “promoção” é bom aproveitar, do caso que citei acima do LunarGlide, era um modelo feminino e ia até o tamanho 40 só, se eu calcasse 40, compraria sem problemas, pena que eu calço 43 :/

    • Charles Henrique

      A principal diferença é a durabilidade. Um tênis de 150 reais terá eficiência de amortecimento em torno de uns 200km. Depois disso o tênis continua bonitinho, mas praticamente sem sua função de amortecimento nas corridas. Modelos mais caros são feitos de materiais mais duráveis. Um tênis na faixa de 500 reais tem eficiência entre 500 e 600km.

      • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

        Isso @charles_henrique:disqus o Asics Nimbus por exemplo tem eficiência de até 800km, de acordo com o instituto DataAmigosCorredores rs, estou usando o LunarGlide da Nike e ele já está com quase 400km rodados, creio que aguentará mais 1 mês de treinos + corridas, Já o meu outro, o Zoom Streak, tá com 150km +- esse vejo que não irá durar muito, talvez só até os 300km

  • Thiago

    não recomendaria o tênis minimalista a não ser que fosse usado apenas em provas ou competição, a falta de amortecimento estressa muito as juntas, o mesmo problema que ocorre quando se pratica corrida descalços, tem os benefícios decorrentes de se melhorar a pisada, mas depois que vc já tem o hábito, a postura, deve passar para um tênis com bom amortecimento, os joelhos agradecem

    • Rafael Melo

      Correndo corretamente no método barefoot você utiliza de seu próprio corpo como amortecimento, assim não necessitando do amortecimento dos tênis convencionais que se encontram sobretudo no calcanhar. O debate sobre lesões causadas por quem corre descalço ou com amortecimento ainda está em pauta, mas é nítido o déficit de lesões após se adaptar com a corrida natural. Ao utilizar um tênis convencional você terá como ponto de impacto o calcanhar ( que naturalmente não foi feito para absorver impactos) devido ao drop que estes tênis possuem, assim de nada adianta saber correr com minimalistas ou descalço para melhorar a pisada se quando você utilizar um convencional ela não se manterá. Recomendar minimalistas em provas acho bem complexo, ainda mais quando não habituada com o tipo de tênis e a pisada necessária para não se machucar, pois se a pessoa entra com o calcanhar primeiramente no solo, correndo em uma prova com um minimalista e utilizando todos os esforços e possivelmente um maior percentual de impacto, ai sim joelhos pra que te quero.

  • Marcelo Barbosa

    que jabá é esse?!
    ñ tem nenhum da reebok??

    • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

      @disqus_AgGgHvdIDz:disqus creio que não é nenhum jabá, citei várias marcas como Nike, Adidas, Saucony, Vibraam, Asics.. foram poucos modelos que citei justamente para evitar o “jabá” se fosse jabá eu poderia escolher apenas uma marca e falar sobre ela.

      Caso você não saiba, eu citei a Reebok indiretamente, pois a Adidas é dona da Reebok: http://www.guardian.co.uk/business/2013/mar/07/adidas-reebok-write-off

      Eu poderia ter falado de outras três marcas que pra mim são excelentes mas quase não vendem no Brasil, apenas importando: K-Swiss, Brooks e Newton, quem corre com essas duas marcas são triatletas de ponta, mas como o foco é o mercado brasileiro, preferi nem citar essas marcas. Sinto que errei apenas em não citar algum tênis da Puma, fiz isso por nunca ter usado essa marca, todos os tênis que citei no texto já tive a oportunidade de usar (exceto o Vibraam)

      • Marcelo Barbosa

        comprei o vibram esses dias!
        comprei aquele que tava na promoção no netshoes, e ainda ñ usei, pq sou idiota, (tô c/ vergona), rs
        mas criarei coragem e usarei na empresa! é que vi o povo na rua usando, e uns troxas td olhando e rindo!
        valew

      • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

        Hahahaha relaxa, pode usar, aqui na minha cidade tem um grandalhão que usa, e ele é um cara importante na cidade, é muito estranho ver-lo usando o Vibraam

      • Marcelo Barbosa

        ñ sei se vc se liga em simpsons, mas no domingo passado, na fox, passou um episodio de descolados em springfields, e eles mostraram pro homer que usavam o vibram!

      • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

        Vou procurar pra ver, você sabe o episódio?

      • Marcelo Barbosa

        é o 7º episodio da 24º temporada…eu achei o link de um online…qqer coisa deleta daqui, se der chabu pra pro PH, ok!
        http://www.filmesonlinegratis.net/vh/?id=m20rj5wisuof

  • http://dicasios.blogspot.com/ Igor Oliveira

    Para quem quiser ler um artigo sobre as forças que se aplicam em um tênis com sola minimalista e com amortecimento (em espanhol): http://www.labolsadelcorredor.com/efecto-drop-de-la-zapatilla-sobre-el-pie/

    E aqui um estudo sueco falando que o que importa é a “idade” do tênis é mais importante do que o tipo de pisada: http://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/ciencia-e-saude/2013/06/23/interna_ciencia_saude,372898/tempo-de-uso-do-tenis-e-mais-importante-que-pisada-para-evitar-lesoes.shtml

  • Joy Morgana

    Amo esportes aeróbicos, caminhar, fazer um cooper e depois partir pra corrida… ciclismo tbém é uma das paixões… então estava na procura de um tênis ideal para dar início ao meu treinamento… e encontrei este Blog com todas ou quase todas informações necessárias, sou de Porto Alegre, e ainda não sei se existe este Texte feito nas esteiras, mas vou descobrir, parabéns pelas informações, virei fã…

Papo de homem recomenda

Assine o Papo de homem

Curta o PdH no Facebook
  • 5414 artigos
  • 655864 comentários
  • leitores online