3 bons vinhos em diferentes faixas de preço

Márcio Cunha

por
em às | Bebida, Listas


O Senhor dos Anéis – O Retorno do Rei

Foram 11 estatuetas no Oscar. Inclusive de Melhor Filme.
Frodo, Gandalf, Sam, Aragorn, Legolas, Gimli, Pippin e Merry estão te esperando.
Cinemax. Te dá o que você busca.
Acompanhe em cinemax.tv a programação completa.

Um vinho caro é melhor que outros mais baratos?

Todo mundo se pergunta isso antes de comprar uma garrafa. O mais divertido quando vamos à loja de vinhos, sem dúvida, é a caça às barganhas – tentar encontrar um vinho de qualidade superior por um bom preço. A grande verdade é que o preço e a qualidade estão relacionados, sim, mas não tanto quanto normalmente se imagina. E as barganhas existem, é só procurar.

Por trás do preço

Antes de simplesmente indicar 3 bons vinhos, vou tentar mostrar quanto custa para um vinho chegar na loja mais perto da nossa casa. Alguns itens são comuns a qualquer garrafa de vinho e representam os custos fixos: garrafa, rolha, cápsula e rótulo, que somados devem custar entre R$ 2,5 e R$ 5.

Em seguida, vem o primeiro grande custo variável: a uva. Depende se a vinícola tem produção própria, se compra de terceiros, se está longe da zona de produção e assim vai…. A qualidade da uva vai depender do cuidado que se teve com o vinhedo e da forma que foi feita a colheita e passa a ser também uma importantíssima variável na formação do preço por tonelada. Isso significa que o custo da uva por garrafa poderá variar entre R$ 0,80 e R$ 20.

Dica: após uma bela noite, escreva a data ou uma palavra na rolha e guarde num pote de vidro.

A próxima linha de custos é também variável, mas esta só se aplica a vinhos que passam por barris de carvalho para envelhecimento. Alguns produtores usam barris americanos, outros franceses, às vezes novos, outras vezes já usados anteriormente, tudo isso também faz diferença no preço. No final, este processo vai adicionar entre R$ 2,5 a R$ 5,5 no preço da sua garrafa de vinho.

Ok! Vamos parar e somar um pouco para não nos perdermos nas contas. Nesta fase da produção, a vinícola já investiu entre R$ 5,8 e R$ 30,50. Mas agora a garrafa de vinho tem que ir para a loja mais perto da nossa casa para que possamos comprá-la. Então vai entrar a margem de ganho dos importadores, distribuidores e varejistas, para não falar dos impostos…

No dia a dia, nos deparamos com uma série de vinhos com relação custo x qualidade bem duvidosa. Muitos produtores ficaram parados no tempo, não investiram em qualidade e agora tentam ganhar tempo contratando os melhores consultores para tentar conseguir uma pontuação melhor para seus vinhos (normalmente dada por famosos avaliadores internacionais).

Este talvez seja o principal fator a influenciar o preço do vinho para o consumidor. Há grandes vinhos por aí que custam uma fração de outros com grande pontuação, mas ainda não foram descobertos. Para os mais famosos os preços têm muito pouco a ver com aquela soma que fizemos no início (rolha, garrafa, uva, salários etc). O que distorce os preços é quando a demanda passa ser muito superior à oferta, mas ainda bem que ainda não há distorções para a maioria dos vinhos no mercado.

Somando as despesas e ainda colocando algum lucro legal para quem trabalha duro por aí, encontramos excelentes vinhos na faixa de R$ 25 a R$ 110. É dentro desta faixa que pretendo indicar 3 vinhos hoje.

R$ 35,00 – Andeluna Malbec, 2008

Anota aí para comprar hoje.

Produzido pela Andeluna, uma nova bodega argentina (2002) localizada no pé da Cordilheira dos Andes, a 1300 metros de altura, que conta com um consultor polêmico, mas de peso: Michel Rolland.

É um malbec, de médio corpo, com sabor bastante intenso. Apesar de ter 50% da produção passando 8 meses em barricas de carvalho, a sensação de madeira é bem sutil, em bom equilíbrio com a fruta. É uma boa bebida para o dia-a-dia e para não fazer feio com visitas inesperadas de última hora. E essa não é apenas a minha opinião

R$ 60,00 – Finca Antigua Reserva, 2002

Passa facilmente por um vinho de mais de R$ 100,00! Apesar de passar 18 meses em barricas de carvalho francês, este processo não adicionou tantos reais ao preço final… Ainda bem. É produzido pela famosa família Martinez Bujanda em uma região menos conhecida da Espanha (La Mancha).

É altamente indicado para impressionar o chefe, conquistar a namorada nova ou acompanhar um belo cordeiro no jantar.

R$ 110,00 – Quinta da Bacalhôa, 2001

Nesta faixa de preço, acho prudente não utilizar a expressão “boa relação custo x qualidade”. Este vinho vale exatamente o que custa. É muito bom! Veja a avaliação detalhada (visual, olfativa e gustativa) de meu amigo João Paulo.

Juntou na mesma garrafa as qualidades da safra de 2001, que foi acima da média, ao momento ideal de abrir a garrafa, que em minha opinião é já! O produtor diz que pode esperar de 10 a 15 anos dentro da garrafa.

Outras sugestões…

O que você costuma servir para sua mulher e amigos? Deixe sua dica nos comentários. Para ver a opinião de outros, acesse a comunidade WineTag.

Se nunca experimentou os vinhos acima, vá lá e depois volte aqui contando se a garrafa fez sucesso.

Márcio Cunha

Engenheiro e mestre em engenharia da computação. Bebe vinho pra caramba e criou a WineTag, junto com seus amigos, para realizar seu sonho de ver brasileiro gostando de vinho tanto quanto gosta de cerveja.


Outros artigos escritos por


SEPARAMOS MAIS TEXTOS PARA VOCÊ CONTINUAR LENDO




O texto acima não representa a opinião do PapodeHomem. Conheça a visão e a essência por trás do que fazemos. Queremos uma discussão de alto nível. Antes de comentar, leia nossas boas práticas. Caso deseje enviar um texto e se tornar um autor, venha por aqui.


  • Pingback: Tweets that mention 3 bons vinhos em diferentes faixas de preço | Papo de Homem – Lifestyle Magazine -- Topsy.com

  • http://twitter.com/FeldmanB Bruno Feldman

    Valeu as dicas, gosto muito de vinhos, certamente testarei esses…

    Recomendo o Avondale Syrah Gran Reserva 2005 da África do Sul na faixa dos 90 reais e o Concha y Toro Casillero del Diablo Carmenere ou Syrah que custa uns 35 reais (quem tem acesso a free shops da fronteira consegue por 6 dolares).

  • http://twitter.com/FeldmanB Bruno Feldman

    Valeu as dicas, gosto muito de vinhos, certamente testarei esses…

    Recomendo o Avondale Syrah Gran Reserva 2005 da África do Sul na faixa dos 90 reais e o Concha y Toro Casillero del Diablo Carmenere ou Syrah que custa uns 35 reais (quem tem acesso a free shops da fronteira consegue por 6 dolares).

  • Eleovan

    Bom dia Márcio, taí um assunto que me faz feliz, mas de que pouco entendo, ainda. Qual seria a diferença a qual se refere quanto a barris americanos e franceses, novos ou já usados?
    Finca Antigua 2002, impressiona o chefe e a ainda ajuda a conquistar a namorada nova? É, acho que é nesse que eu vou. Obrigado.

  • Jairoqueiroz

    Minha sugestão é o Concha e Toro Carmenere Reserva Especial, por aqui acho que deve estar na faixa dos R$ 25,00 a R$ 30,00, muito bom, com preço acessível. Um amigo costuma trazer direto do Chile, e acaba saindo uns R$ 10,00.

  • http://twitter.com/doorspaulo Paulo Figueiredo

    Eu como bom estudante pobre, ainda fico com os vinhos sangue de boi e similares…
    Sério, com 30 reais eu quase q passo a semana
    XD

  • Tulio Zuppo

    hahaha, eu compro é o Pergola, Chalise no maximo. MAS, sempre quis indicação de um bom vinho pra nao gastar dinheiro atoa…mas me falae Marcio Cunha, já bebeu esses que citei ?

  • cristianobasso

    Principalmente se o chefe for 'a' chefe hahaha….

  • http://www.winetag.com.br Marcio

    Tulio, essas marcas de vinhos que comenta produzem muitos vinhos suaves, ou seja, com resíduo de açúcar.. Não me agradam muito, mas vá em frente se é o que você gosta!

  • http://www.winetag.com.br Marcio

    Eleovan,
    A diferença começa no preço! O carvalho francês é bem mais caro que o americano.. Além de diferenças no modo de produção dos 2 tipos, a principal é a qualidade do carvalho francês, que tem um crescimento linear, o que o torna um pouco mais poroso que o americano, com isso, o vinho tem um pouquinho mais de contato com o oxigênio além dos aromas e taninos deste tipo de carvalho serem melhor absorvidos pelo vinho enquanto é utilizado (quanto mais usado, menos aromas e taninos passam para o vinho).
    Normalmente o carvalho americano é mais utilizado em vinhos jovens e o francês para os vinhos de mais complexidade que dá para quardar por mais tempo.
    Um abraço!

  • http://www.temperini.com.br/cv.html Evandro Temperini

    Mario, tudo bom?

    Sou vidrado por vinhos (principalmente seus rótulos hehe) e gostaria muito de aprender mais sobre eles. Mas meu gosto é mais “puxado pro doce”. Tá, gosto de vinho de pobre mesmo :P e muita gente que conheço também.

    Saberia indicar algum vinho que eu possa experimentar na linha de um Góes, um Sangue de Boi ou até um Chapinha… mas que talvez seja de melhor qualidade? O preço nem é tanto o problema (mesmo porque não bebo todo dia), é mais o medo de pagar caro em algo que não conheço e chegar em casa e jogar tudo no ralo :D

    Não vale dizer: “vai tomar suco de uva” heheh

    PS: Naveguei pelo WineTag, parabens pela dedicação.

  • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

    Já tomei também, Jairo. Concha y Toro é bem famoso. Eu gosto.

  • http://www.winetag.com.br Marcio

    Fala Evandro, tudo beleza?

    Dá uma olhada neste vinho (Quinta do Rio Grande da Vinícola Garibaldi) é bem deste jeito que você procura, é bom e não é caro: http://www.winetag.com.br/vinhos/vinho.cfm?vinh

    Fica outra dica. Procure por vinhos de sobremesa e vinhos do porto doces, você vai gostar muito já que teu paladar é mais para este tipo de vinhos.

    Neste link, você pode usar uns filtros e verificar alguns já avaliados por usuários do site – http://www.winetag.com.br/degustando/ – busque por “branco doce”, “porto”

    Qualquer dúvida, é só falar!

    Abraços

  • http://www.winetag.com.br Marcio

    Fala Evandro, tudo beleza?

    Dá uma olhada neste vinho (Quinta do Rio Grande da Vinícola Garibaldi) é bem deste jeito que você procura, é bom e não é caro: http://www.winetag.com.br/vinhos/vinho.cfm?vinh

    Fica outra dica. Procure por vinhos de sobremesa e vinhos do porto doces, você vai gostar muito já que teu paladar é mais para este tipo de vinhos.

    Neste link, você pode usar uns filtros e verificar alguns já avaliados por usuários do site – http://www.winetag.com.br/degustando/ – busque por “branco doce”, “porto”

    Qualquer dúvida, é só falar!

    Abraços

  • waldemirmarques

    caro marcio, sou uma das exceções procuradas (gosto de vinho pra caramba) prefiro os cabernet e merlot (concha Y toro e gato negro – chilenos). Faço uma comparação com vinho e cerveja q o pessoal adora, pois comparo ambos a um relacionamento amoroso: cerveja é tesão (dá e passa) no outro dia vc tá procurando outra. vinho é paixão, violenta, rubra e fervente que faz vc buscar cada vez mais a mesma pq deixa marcas profundas. tomar um vinho é como degustar o néctar dos deuses do olympo, não se deve ter pressa ou querer tomar tudo na primeira vez, sorve-se aos poucos, aproveitando os aromas, os sabores e a companhia. espero mais posts a respeito. Wine tag é excelente pra quem quer saber algo a respeito.

    • Auriene Maria

      adorei a comparação…e a justificativa…muito bom

  • waldemirmarques

    caro marcio, sou uma das exceções procuradas (gosto de vinho pra caramba) prefiro os cabernet e merlot (concha Y toro e gato negro – chilenos). Faço uma comparação com vinho e cerveja q o pessoal adora, pois comparo ambos a um relacionamento amoroso: cerveja é tesão (dá e passa) no outro dia vc tá procurando outra. vinho é paixão, violenta, rubra e fervente que faz vc buscar cada vez mais a mesma pq deixa marcas profundas. tomar um vinho é como degustar o néctar dos deuses do olympo, não se deve ter pressa ou querer tomar tudo na primeira vez, sorve-se aos poucos, aproveitando os aromas, os sabores e a companhia. espero mais posts a respeito. Wine tag é excelente pra quem quer saber algo a respeito.

  • http://twitter.com/dscorzoni Danilo Scorzoni Ré

    Gosto de tomar o chileno Santa Helena, tem preço acessível e acho a qualidade razoável, apesar de não entender nada sobre vinhos… hehehe. Vou acessar o WineTag para aprender mais.

    • Trovao

      Ainda no quesito sugestões… gato negro, cabernet sauvingnon é muito bom, apesar de achá-lo meio aguado, tem bom teor de álcool (meia garrafa já dá pra esquentar as orelhas) …
      Armando Peterlongo memórias, safra 2008 é maravilhoso, e pode ser tomado, inclusive, por quem tem preferência pelos “doces”… apesar de, como bom cabernet sauvignon, ser seco … a indicação é que percebi que a galera liga mais doçura a baixo tamino… e secura ao alto …
      Só que esse Peterlongo … acho que passa até na lei seca, toma uma garrafa todinha e neca!
      Se juntasse o sabor do Peterlongo com o teor alcoólico do gato negro seria o vinho..

  • http://www.winetag.com.br Marcio

    Excelente comparação!! ; )

  • Sirvitor

    Cara como escolher um vinho?

  • Mcampos99

    Procure pelos vinhos da vinícola Durigan… vai atender exatamente as suas expectativas

  • Bruno Cavalcanti

    Òtimo post, ótimas dicas.

    Mas o hábito faz o homem e na minha época de estudante eu bebia o velho e bom Dom Bosco. Viciei :)

    Abraços.

  • http://www.winetag.com.br Marcio

    Sirvitor,

    Acredito que a melhor forma de escolher um vinho seja baseado na opinião de outras pessoas que já tenham provado, por isso criamos a WineTag, lá você pode fazer exatamente isso. Gostou de um vinho que bebeu, dá uma nota boa pra ele, não gostou? Dá uma nota ruim e assim vai! Acessa lá depois.

  • Gabriel Bernardo

    Aqui em Porto Alegre, se não fores comprar vinho em enotecas, a melhor opção é o Zaffari ou Bourbon mesmo. Entre os rótulos mais acessíveis para o cotidiano (pra quem bebe todos os dias hehe) fico com a Reserva da Concha y Toro ou os da Vinha Tarapacá.

  • Maira_Matos

    Fui para a Alemanha em 2007, não tinha gosto pór vinhos, só pelo doce mesmo. Depois que cheguei lá, meu amigo sempre me chamava para experimentar um de um lugar diferente: África do sul, Califórnia, Baden-Würtenberg (Alemanha), França, Espanha, etc etc. Viciei

    E lá dava para beber estes vinhos, que eram relativamente bons, a partir de 4 euros. Claro que nada muito especial, mas coisas boas.

    Aqui fico até triste de ter que gastar pelo menos 35 R$.

    Mas fico mais triste mesmo do meu namorado não gostar de vinho. Noites românticas regadas a vinho bom, nem pensar. :(

    Obrigada pelas dicas!

    • bob

      Vem tomar vinho comigo???? rrssrsrs…..

  • http://www.temperini.com.br/cv.html Evandro Temperini

    Valeu pelas dicas Marcio. Experimentarei esses que me indicou e pesquisarei mais a respeito ;)
    []s

    • Patricio

      Sugiro Naturalle da Casa Valduga, e bem suave.

  • http://twitter.com/_pitombera Danilo Pitombeira

    Como o Gitti pediu, rsrs
    Bom em minha Região conhecida como Vale do São Francisco. uma exportadora famosa de vinhos
    nacional e internacional… No sertão de PE,BA
    Cidades como Juazeiro-BA, Casa Nova-BA ( grande exportadora ), Lagoa Grande -PE (Grande exportadora ).

    Temo inúmeros, mas meus preferidos são o Suave, eu acho, os mais doces.

    temos os
    Garziera – Lagoa Grande – PE ( http://www.vinhogarziera.com.br/ )
    Rio Sol – Lagoa Grande – PE ( do mesmo grupo da Garziera, achei este blog que fez uma visita a vinícola em Lagoa Grande [ http://ojantarestaservido.blogspot.com/2010/06/... ] ).

    Terra Nova – Casa Nova – BA ( http://colheitadevinhos.blogspot.com/2007/11/te… ) este link é do SECO, não curto muito, mas ele é muito gostoso, principalmente com carne. Um carneiro na brasa é mt bom, como é de costome comer por aqui. Há e para comer também temos a Kafta, é tipo um kibe(mistura de carne) mas sendo de carneiro e bode. Muito gostoso e como petísco fica show.

    fica ai minha dica. abraço a todos.

  • Gustavo

    Gostei do site, dá pra ter uma noção melhor do que comprar.
    Vinhos bons e baratos são os da escohuela gascon!

  • http://nao2nao1.com.br/ Gustavo Gitti

    Bom saber, Danilo, bom saber, vou ver se acho um desses por aqui esse fds.

  • http://www.winetag.com.br Marcio

    Gustavo, estes são uma boa pedida mesmo! Já provei também!

  • http://twitter.com/RafaAllegretti Rafael Allegretti

    Eu conheço o Adeluna Malbec, é realmente muito bom… e com o preço muito em conta, os outros eu irei testar.
    adorei a matéria, abraços.

  • larissacampanholi

    Bom, achei que não teria nada pra partilhar, mas fui me lembrando, lembrando… e tenho algumas indicações (todas acessíveis) que talvez valham à pena:

    Dos doces e baratinhos, o Santo Expedito (Serra Gaúcha) Alguém conhece?

    Já provei muitos frisantes, mas sou tão desligada nos rótulos… Me lembro do frisante “Lambrusco Linda Dona”, mto gostoso!

    E os licorosos tbm me agradam muito, já que são mais adocicados e encorpados.

    Recomendo um licoroso que fez história pra mim, o “Dom Izidro” (tem rosé, tinto e branco). Esse é nota 10!

    Tem tbm o Canônico rosado licoroso, da Salton. É o vinho dos padres, da missa mesmo e segue regras de produção do Vaticano. O teor alcoolico é alto. Tem facilmente nos mercados e é bem gostoso!
    Não sei se cometo um “pecado” – em termos de “enologia”, claro hehe – mas meto logo umas pedras de gelo nele!

    é isso! valeu pelas indicações!

  • Bizareli

    Boas dicas. Já vi o Andeluna no mercado e vou procurar.
    Valeu, Marcio!

  • Pering

    esse vinho andeluna malbec é um seco ou tinto?

  • http://www.facebook.com/people/Andre-Barbosa/1312440514 André Barbosa

    Olá, Márcio;

    Eu e minha namorada adoramos noites regadas a vinho. Embora conheçamos pouco, temos grande interesse pelo assunto. Preferimos os meio-secos, e normalmente tomamos Gato Negro, Santa Helena e Marcus James; das uvas Cabernet Sauvignon ou Merlot, as mais suaves que conhecemos.

    Qual a sua opinião sobre essas marcas?

    Alguma sugestão de uva suave como as sugeridas? (Já experimentamos uma outra de que gostamos, acho que era Pinottage. E também Carmenere, mas levamos um susto com essa, muuuuuito seca ao paladar).

    Alguma sugestão de marca nessa faixa de preço (até R$ 25,00)?

    Abraços!

  • Eduardovi77

    algumas vinicolas adicionam taninos p adicionar a seus vinhos…
    http://www.scielo.br/pdf/cr/v40n1/a435cr2043.pdf

  • http://twitter.com/jccoutobrasil JC Couto

    Excelente a dica do Andeluna Malbec, 2008. Esse vinho é um verdadeiro achado !!! Também recomendo !

  • http://www.winetag.com.br Marcio

    Pering,

    O Andeluna Malbec é um vinho tinto e seco – seco quer dizer que não sobra açúcar depois da fermentação. Mas acredite, é bom pra caramba! Abraços.

  • Marcio

    Fala Andre, beleza? Nesta faixa de preço me lebro de 2 bons achados: Norton DOC Malbec e o Morande Reserva Carmenere, não são tão leves, eles tem médio corpo, mas com equilibrio muito bom, vcs vão gostar! Veja mais: http://www.winetag.com.br/vinhos/vinho.cfm?vinh… ou http://www.winetag.com.br/vinhos/vinho.cfm?vinh

    Em relação às uvas mais leves, procure por Pinot Noir, Gamay e Zinfandel.
    Depois me conta!

  • http://twitter.com/felipesalum Felipe Salum

    Uma pergunta de um leigo no assunto de vinhos, o nome do vinho eh o mesmo em todos os paises ? Procurei os 3 vinhos recomendados aqui em Miami e nao achei pra comprar.

  • http://www.winetag.com.br Marcio

    Bom dia Felipe, vai depender se tem alguma empresa ai em Miami que importa estes vinhos. O primeiro é argentino, o segundo espanhol e o terceiro portugues.

    Estarei em Miami na semana que vem por coincidencia. Trocamos umas idéias depois sobre as barganhas daí!

  • http://www.facebook.com/fabioromabr Fabio Roma

    Eu recomendo fortemente um vinho argentino chamado Amancaya. corte de 2 uvas (50%cabernet e 50% malbec), é de longe a melhor barganha que eu conheço, ele custa algo como 10 dolares, no Brasil não deve passar dos R$60,00.

  • http://twitter.com/felipesalum Felipe Salum

    Putz soh vi agora seu comentario, veio pra miami ? conhece algum lugar bom aqui pra comprar vinho ? eu passo de carro por varios mas pra ser sincero nunca parei em nenhum :)

  • Pingback: O que fazer com uma carta de vinhos na mão? | Papo de Homem – Lifestyle Magazine

  • Rodirog

    Olá,
    mto bom o texto, este blog e o winetag…
    Gostaria de sugestões de bons vinhos na faixa de 20 a 25… Gosto de tinto seco e costumo tomar o Santa Helena, Gato Negro e Concha & Toro.. Se tiver alguma sugestão… !!!!

  • biblioteconomia ufes

    neste momento estou muito puto da vida.
    acabei de chegar do mercado com uma porcaria de vinho que se não desabafar agora acho que vou ter um ataque cardíaco. vamos à história:
    antes de começar quero deixar claro que não sou nenhum especialista em vinhos e nem tenho paladar tão apurado, pois meus modestos recursos não me proporcionaram apreciar um vinho de mais de 40 paus a garrafa.
    pois bem, ao verificar a prateleira do mercado que estive hoje de manhã, vi que não havia nenhum vinho ao qual eu estava mais ou menos acostumado (santa helena, concha y toro, e por aí vai), então dentre as opções disponiveis me simpatizei com uma garrafa cujo rótulo está escrito: peterlongo ARMANDO MEMÓRIA cabernet sauvignon safra 2009 que me custou R$ 17,78.
    não era de se esperar grandes coisas por esse preço, mas ao abrir a garrafa e deitar o vinho na taça já achei estranho a cor do vinho. estava mais rubro do que os já citados.
    ao saborar o primeiro gole dessa porcaria pude perceber que esse vinho não tem nada de cabernet, acho que a uva cabernet passou a uns 10.000 km longe.
    o pior de tudo é que não tem nada de fino neste vinho, o produtor deve ter no máximo comprado o vinho country wine (de R$ 7,00) e simplesmento trocado o rótulo.
    vai uma dica essa empresa peterlongo é uma bela duma sacana e é por isso que os vinho chilenos e argentinos estão fazendo a festa no mercado brasileiro. pois nem o minimo respeito a peterlongo tem pelos brasileiros.

    • trovao

      Não tenho procuração da Peterlongo, tão pouco ganho para defendê-los, mas … Antes de tudo, você tem certeza que o pessoal do mercado acondicionou bem a garrafa antes que esta chegasse até você? Visitei a vinícula em novembro deste ano, comprei algumas garrafas, inclusive deste mesmo que você está a reclamar, provei na ocasião, não achei nada disso que você falou, contudo pode-se alegar tratar-se do famoso “pega besta”, afinal de contas não tomei uma garrafa, apenas degustei…
      Porém Provei este vinho, safra 2008, e achei maravilhoso, exceto pela ausência de álcool, achei fraquinho demais… gato negro é bem mais forte…
      O que estranho é que, por lá, ninguém menciona a safra de 2008 e sim a 2009 como tendo sido muito boa, só superada pela 2002 … informação corroborada, inclusive, pela concorrência (Miolo no caso, onde também visitei) …
      De repente sua garrafa avinagrou e, por isso, o seu vinho foi tão desprezível…
      Ainda sobre o seu post…
      Não sou um enólogo, tão pouco expert, apenas uma apreciador ocasional, mas, mesmo assim … tenho a impressão que estar MAIS ESCURO, que os outros, só pode evidenciar UM PROBLEMA … se for dos outros …
      Mas, de qualquer sorte, como afirmado acima, não sou nenhum expert… é apenas uma opinião, menos ainda, um palpite..

  • muller

    gente estou para adquirir umas garrafas de vinho em leilao e gostaria os saber os preços de algumas marcas, alguem sabe me informar onde possoi consultar os preços de algumas marcas

  • http://www.facebook.com/malu.gramaca Malu Gramaca

    Fui comprar vinhos, escolhi vários, os mais caros em um hipermercado em zona nobre, TUDO isto pensando no Resveratrol substância favorável à saúde, ação anticancerígena e preventiva de doenças cardiocirculatórias, decorrente de sua potente ação antioxidante, isto é, neutralizadora de Radicais Livres… Experimentei todos, NÃO gostei de
    nenhum. Vou comprar os citados nessa matéria. Vinho tinto em pequena dosagem
    faz muito bem à saúde.

    • http://www.facebook.com/malu.gramaca Malu Gramaca

      Boa Matéria!

    • trovao

      Se é exclusivamente para ação anticancerígena sugiro comer mais couve flor e como prevenção de doenças cardiocirculatórias o azeite é muito bom … e pode abusar dos dois que não tem álcool … Apesar que um vinhozinho… pra quem aprecia é uma delícia….
      Sugestão… depende também do vinho que você está tomando, aqui a coisa complica … muitos vinhos são excelentes … mas requerem harmonização… é tipo você não gosta do vinho … e acha queijo tal com gosto forte, mas consumindo-os harmonicamente os dois ficam excelentes …
      Agora apreciar vinhos é uma arte … harmonizar é ?

  • Papaleguas

    Uma excelente dica para o que busca é um vinho nacional do Paraná chamado Crevelin (tinto suave). Pela que descreveu, foi feito para você. Custa pouco menos de R$20,00.

  • Charles Randor

    Olá Márcio, blz?! Cara, como já tem um bom tempinho da publicação, só 04 anos, haah não sei se vai me responder, mas vamos lá.

    Não
    tenho costume de beber vinhos, as vezes nas festas da minha tia, sempre
    regada a vinhos secos e espumantes, fora isso não tenho o costume de
    beber, apesar de ter vontade de conhecer mais e partinhar alguns bons
    rótulos, mas me falta companhia, os amigos não bebem, outros só tomam
    vódka e por aí vai, enfim, estou com namorada nova, ela gosta de vinho
    porém gosta de doce, meio fresca, gosta de docinho mesmo e só bebe o
    Pergola.

    Gostaria de alguma indicação de um bom vinho suave, nesta
    linha mais doce mesmo, não precisa ser tão barato quanto o Pergola, da
    para me aventurar ne alguns rótulos de R$ 60,00 ou mais sem problemas.

    Obrigado!

Papo de homem recomenda

Assine o Papo de homem

Curta o PdH no Facebook
  • 5523 artigos
  • 660995 comentários
  • leitores online